Estudos análise mario_massashi

140 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Estudos análise mario_massashi

  1. 1. Análise de Estudos CONCENTRAÇÃO NO CONSUMO DE MADEIRA E ESTRUTURA DE MERCADO DO SETOR MOVELEIRO DO MUNICÍPIO DE UBÁ/MG MEDIDA DA DESIGUALDADE DO MERCADO INTERNACIONAL DE COMPENSADO
  2. 2. Objetivo O objetivo deste estudo foi analisar o grau de concentração no consumo de madeira e identificar o tipo de mercado do setor moveleiro do município de Ubá/MG. Objetivo Caracterizar o mercado internacional de compensado, considerando a concentração de países no período de 1998 e 2002.
  3. 3. Índices Empregados e Resultados  Razão de concentração: Concentração moderadamente baixa (IV - Baixamoderada As 8 maiores fábricas participando entre 45 a 70% do consumo de madeira no segmento e as 4 maiores entre 35 a 50%.)  Índice de Herfindahl-Hirschman: Os setor moveleiro de Ubá caracteriza-se como um exemplo de mercado altamente competitivo ;  Coeficiente de entropia de Theil: Há a tendência da igualdade de participação no setor moveleiro de Ubá/MG;  Índice de Gini: Há uma concentração absoluta de mercado no consumo de madeira. Índices Empregados e Resultados •Coeficiente de Gini: Muito forte à absoluta (0,901 – 1,000)
  4. 4. Fonte de Dados Os dados básicos considerados neste estudo, ou seja, volumes de madeira consumidos pelas fábricas de móveis, foram obtidos do estudo de Abreu (2000) que realizou um levantamento estratificado por meio de aplicação de questionários, amostrando 60 fábricas (29,6% do total). Fonte de Dados Food and Agriculture Organization of the United Nations (FAO) , com os valores em milhares de dólares. Média de 115 países exportadores de compensados de 1998 a 2002
  5. 5.   Conclusões O consumo se mostrou moderadamente baixo e que o grupo de indústrias apresenta características oligopolística, isto é, as grandes empresas determinam as políticas de preço impedindo uma maior participação das pequenas e médias empresas. Uma maior integração das pequenas e médias empresas, aproveitando as recentes mudanças no mercado, garantiria uma maior representatividade destas no mercado. O conhecimento do mercado aliado a políticas estratégicas assertivas, pautadas em um desenvolvimento sustentável também são fatores determinantes para o sucesso destas empresas.
  6. 6.   CONCLUSÕES A concentração de mercado apresentou-se alta para os três anos observados e a desigualdade mostrou-se no seu nível mais elevados sendo de muito forte à absoluta. Esses resultados pressupõem uma acirramento das barreiras de entrada e maior dificuldade de implementar ações mercadológicas por parte da maioria das nações participantes deste mercado. Uma alternativa seria o estudo sistemático do mercado internacional dos produtos da madeira para gerar informações adequadas e precisas que subsidiem a elaboração de estratégias comerciais tornando as empresas brasileiras mais competitivas.
  7. 7.   CONCLUSÕES A concentração de mercado apresentou-se alta para os três anos observados e a desigualdade mostrou-se no seu nível mais elevados sendo de muito forte à absoluta. Esses resultados pressupõem uma acirramento das barreiras de entrada e maior dificuldade de implementar ações mercadológicas por parte da maioria das nações participantes deste mercado. Uma alternativa seria o estudo sistemático do mercado internacional dos produtos da madeira para gerar informações adequadas e precisas que subsidiem a elaboração de estratégias comerciais tornando as empresas brasileiras mais competitivas.

×