O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Como encontrar uma agulha no palheiro de logs do PostgreSQL

341 visualizações

Publicada em

Palestra ministrada no PGBR2013 em Porto Velho, RO.

Publicada em: Software
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Como encontrar uma agulha no palheiro de logs do PostgreSQL

  1. 1. COMO ENCONTRAR UMA AGULHA NO PALHEIRO DE LOGS DO POSTGRESQL DICKSON S. GUEDES ,PGBR2013 - PORTO VELHO RO
  2. 2. VAMOS VER COMO TRANFORMAR ISTO… 2013-07-02 14:32:47.756 -0300,"postgres","postgres",6817,"[local]",51d30 ebe.1aa1,3,"idle",2013-07-02 14:32:46 BRT,,0,LOG,00000,"disconnection: s ession time: 0:00:01.258 user=postgres database=postgres host=[local]",, ,,,,,,,"psql" 2013-07-02 14:32:51.901 -0300,"sistema","banco",5263,"10.1.3.15:38337",5 1d2f128.148f,1,"SELECT",2013-07-02 12:26:32 BRT,53/1448601,0,LOG,00000," duration: 4445.476 ms execute <unnamed>: select l.cod_xpto, null, l.cod_ pre_xpto, l.cod_oper_xpto, l.dt_xpto, l.valor_xpto, null, c.cod_xpto, c. dv_cod_xpto, c.descricao, l.tipo from xpto l join plxpto p on (l.seq_xpt o = p.seq_xpto) join coxpto c on (p.xpto = c.seq_xpto) where c.cod_xpto = $1 and l.dt_xpto between $2 and $3 and l.cod_xpto = $4 and l.situacao IN ($5, $6, $7) union select d.cod_xpto, d.cod_de, d.cod_pre_xpto, l.cod _o_xpto, l.dt_xpto, null, d.valor_de, c.cod_xpto, c.dv_cod_xpto, c.descr icao,d.operacao from desdxpto d join xpto l on (d.cod_xpto = l.cod_xpto and d.cod_xpto= l.cod_xpto) join plxpto p on (d.seq_xpto = p.seq_xpto) j oin coxpto c on (p.xpto = c.seq_xpto) where c.cod_xpto = $8 and l.dt_xpt o between $9 and $10 and l.cod_xpto = $11 and l.situacao IN ($12, $13, $ 14) ","xpto: $1 = '1001001', $2 = '2013-05-01', $3 = '2013-06-25', $4 = '201', $5 = '287', $6 = '88', $7 = '200', $8 = '111001001', $9 = '2013-0 5-01', $10 = '2013-06-25', $11 = '13', $12 = '287', $13 = '208', $14 = ' 29'",,,,,,,,""
  3. 3. NISTO…
  4. 4. VAMOS FALAR SOBRE REGISTRO DE EVENTOS E POSTGRES
  5. 5. REGISTRO DE EVENTOS TAMBÉM É CONHECIDO COMO: LOG
  6. 6. QUAIS AS PEÇAS QUE COMPOEM UM EVENTO? Quando? Quem? Onde? O quê? Como? [debug]
  7. 7. VAMOS A UM EXERCÍCIO …
  8. 8. ISTO PARA VOCÊ É SUFICIENTE? caiu subiu estabilizou
  9. 9. E SE ADICIONARMOS MAIS UM DADO? a temperatura caiu a temperatura subiu a temperatura estabilizou
  10. 10. E MAIS UM … em SP a temperatura caiu em CE a temperatura subiu em RJ a temperatura estabilizou
  11. 11. E PARA FINALIZAR … ontem em SP a temperatura caiu hoje em CE a temperatura subiu semana passada em RJ a temperatura estabilizou
  12. 12. E SE OLHARMOS PARA ISTO?
  13. 13. REGISTRAR É IMPORTANTE!
  14. 14. MAS O QUÊ É IMPORTANTE SER REGISTRADO?
  15. 15. PRÁTICA: LOG DO POSTGRES
  16. 16. PRÁTICA: LOGSTASH
  17. 17. ENTRADA > PROCESSAMENTO > SAIDA
  18. 18. INPUT > FILTER > OUTPUT
  19. 19. LINKS http://logstash.net/docs/1.1.13/ pagina de panico
  20. 20. DEMONSTRANDO TUDO…
  21. 21. QUESTÕES? email/gtalk: guedes@guedesoft.net twitter: @guediz youtube: guediz github: guedes http://guedesoft.net http://www.timbira.com.br

×