Sistemas de numeração romana

1.247 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.247
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sistemas de numeração romana

  1. 1. O SISTEMADE NUMERAÇÃO ROMANO
  2. 2. Os romanos usaram o alfabeto para representar números. Ainda hoje a numeração romana é conhecida e até usada.I II III IV V VI VII VIII IX X L C D M
  3. 3. Na verdade, os algarismos Romanos não são sinaisque sirvam para efectuar operações aritméticas, masabreviações destinadas a notificar e reter os números.E é por isso que os contadores Romanos (e oscalculadores Europeus da Idade Média depois deles)sempre apelaram para Ábacos de Fichas paraefectuar cálculos.
  4. 4. Como a maioria dos sistemas da Antiguidade, a numeração Romana foi regida, sobretudo, pelo princípio da adição: os seus algarismos (I=1, V=5, X=10, L=50, C=100, D=500 e M=1000)eram independentes uns dos outros. A sua justaposição implicava geralmente na soma dos valores correspondentes: CLXXXVII = 100 + 50 + 10 + 10 + 10 + 5 + 1 + 1 = 187 MDCXXVI = 1000 + 500 + 100 + 10 + 10 + 5 + 1 = 1626.
  5. 5. Os Romanos, contudo, complicaram o sistema introduzindo nele a regra segundo a qual qualquersinal numérico colocado à esquerda de um algarismode valor superior diminui-se dele. E assim os números 4, 9, 40, 400, por exemplo, foram frequentemente escritos sob as formas seguintes: IV = 5 – 1 IX = 10 – 1 XL = 50 – 10 CD = 500 - 100
  6. 6. Os Romanos foram um povo que, em poucos séculos, atingiu um níveltécnico muito alto, e conservou assim, curiosamente, durante toda a sua existência, um sistema inutilmente complicado e não operatório.

×