Instrumentos

e

Técnicas

de

Atuação

Profissional

A realidade social é complexa, heterogênea e os impactos de qualquer...
a)
Qual
é
o
instrumental
técnico
da
minha
prática?
Os instrumentais técnico-operativos que estamos utilizadando em nossas ...
alcançado , assim o usuário torne-se um cidadão consciente e conhecedor de seus próprios
direitos, e então possa usufrui –...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Trabalho instrumentaloooooooooooooooppppppppppppppp

855 visualizações

Publicada em

instrumental-serviço social

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
855
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho instrumentaloooooooooooooooppppppppppppppp

  1. 1. Instrumentos e Técnicas de Atuação Profissional A realidade social é complexa, heterogênea e os impactos de qualquer intervenção dependem de fatores que são externos a quem quer que seja – inclusive ao Serviço Social,ter essa compreensão é muito importante utilizados pelo Assistente Social em sua prática,para localizarmos o lugar ocupado pelos instrumentos de trabalho,Se são os objetivos profissionais que definem os instrumentos e técnicas de intervenção conclui-se que essas metodologias não estão prontas e acabadas,objetivos profissionais são instrumentos e técnicas de intervenção, já as metodologias de ação,são construídos a partir de uma reflexão teórica, ética e política e um método de investigação ,ambas são necessárias em qualquer processo racional de intervenção, elas são construídas a partir das finalidades estabelecidas no planejamento da ação realizado pelo Assistente Social.podendo identificar a estreita relação entre as competências teórico-metodológica, ético-política e técnico-operativa.Primeiro, ele define “para quê fazer”, para depois se definir “como fazer”.é o objetivo do trabalho, suas atribuições e competências que definem a forma como o Assistente Social deverá utilizá-los, para saber,como fazer intervenção as diferentes expressões da “questão social”, o Assistente Social,quando estabelece uma interação face a face, estabelece também uma relação social com o outro ser humano, esse possui expectativas quanto às intervenções que serão realizadas pelo profissional ou seja além de observar também é observado.Por isso, trata-se de uma observação participante .dessa forma, não se trata de uma observação fria, ou como querem alguns, “neutra”, em que o profissional pensa estar em uma posição de não-envolvimento com a situação.podemos afirmar que trata-se de uma observação participante,onde o profissional, além de observar, interage com o outro,com o entrevistado e participa ativamente do processo de observação. Na sociedade de hoje,podemos observar que é exigido do profissional do serviço social, a competência de acompanhar o dinamismo da realidade em que atua, obtendo respostas às contradições desta sociedade,que está sempre em constante transformação , sempre desvelando o que está posto no real aparente, levando em consideração processo histórico e contextual de superação . Sendo assim, o atual cenário exige do profissional uma visão mais ampla e crítica desta realidade, buscando compreender os processos de mudanças sociais e assim, visando identificar novas possibilidades de intervenção profissional para obter melhores resultados em sua intervenção.podemos dizer que Várias combinações entre eles podem ser descritas, pois arealidade da prática profissional é muito mais dinâmica , rica e complexa do que qualquer tentativa de classificação dos instrumentos de trabalho,podemos citar exemplos de instrumentos de trabalho diretos, que fazem parte do cotidiano do assistente social que são muito importantes para atuação e valorização do profissional, temos a entrevista individual,e grupal,dinâmica em grupo,visita domiciliar,diário de campo,atas de reunião,livros de registro,relatório social ,parecer social etc... Segundo Iamamoto (um dos maiores desafios que o assistente social vive no presente é desenvolver sua capacidade de decifrar a realidade e construir propostas de trabalho criativos e capazes de preserva e efetivar direitos a parti das demandas emergentes no cotidiano Correlacionando as perguntas do presente trabalho, chegamos as seguintes respostas:
  2. 2. a) Qual é o instrumental técnico da minha prática? Os instrumentais técnico-operativos que estamos utilizadando em nossas práticas são: conversas informais, documentação, reunião, observação, entrevistas, fichas de cadastro, encaminhamentos, , acompanhamento ,relatórios e visitas domiciliares . b) Que relação estou estabelecendo entre a teoria e a prática, discurso e atuação? A relação teoria e prática esta em perfeita conciliação.até o presente momento, e todo conteúdo apreendido em sala de aula esta sendo de grande aproveito em nossas práticas profissionais. c) Quais as limitações que estou encontrando? chegamos à conclusão em equipe ,que a maior limitação encontrada até o momento,infelizmente ainda é o mercado de trabalho com relação aos novos profissionais da área Elaboramos as seguintes perguntas, e entrevistamos três assistentes sociais. 1 – Quais instrumentos são utilizados com frequência? Resposta: Todo o aparato instrumental é de grande utilidade, todos são utilizados com frequencia. Os mais usados são: ,entrevistas,documentação,conversas informais, observação,reunião, registros,encaminhamentos,fichas de cadastro,relatórios, acompanhamento social, e visitas domiciliares. 2 – Qual o critério são usados para esse instrumento? Resposta: Conforme a necessidade da intervenção é que determina quais os instrumentos serão utilizados para tal prática 3 – Em relação ao usuário, qual a aceitação dele ao uso deste instrumento? Resposta: No modo geral, todos aceitam o uso de todo instrumental técnico tranquilamente que um profissional precisa utilizar, para intervir em sua causa. 4 – O que esses instrumentos contribuem para a melhor execução prática? Resposta: Contribuem para um melhor entendimento da realidade social da comunidade, e da família que necessita de uma intervenção. 5 – Qual a relação prática e teoria na aplicação deste instrumento no ambito profissional? Resposta: Tudo que foi apresentado em sala de aula ou seja na teoria, é utilizado ao longo de uma intervenção na prática. 6 – Com o uso deste instrumento, qual o resultado esperado em curto, médio e longo prazo? Resposta: Buscando sempre em primeiro momento conhecer a realidade apresentada, e depois apresentar uma intervenção eficaz, de modo que a longo prazo o objetivo seja
  3. 3. alcançado , assim o usuário torne-se um cidadão consciente e conhecedor de seus próprios direitos, e então possa usufrui – los ,como direito de cidadão. 7 – É orientado ao usuário de que as diretrizes do serviço social pontuam uma abordagem não caritativa e assistencialista? Resposta: Sim, sempre. Porem muitas vezes o usuário espere uma prática caritativa, creio que devido ao longo tempo e sua história que esta profissão assim ficou conhecida. 8 - Em sua experiência profissional, como você avalia o instrumental utilizado no dia a dia de sua atuação profissional? Resposta: Como sendo de grande utilidade. Sem eles, seria praticamente impossível intervir na realidade de uma família e uma comunidade. 9 – Como é feita a avaliação de atendimento a longo prazo? Resposta: Essa avaliação é feita quando o usuário consegue estar inserido, orientado e protagonista de seus direitos, tornando-se então um cidadão consciente e respeitado 10 – Qual seu maior desafio profissional no seu campo de atuação? Resposta: Observo que vencer a marca da prática caritativa,assistencialista, ainda é o maior obstáculo da nossa profissão Conclusão: Ao elaborar esse trabalho e travar conhecimento prático em campo de estágio, juntamente com profissionais supervisores , percebemos que a utilização de instrumental adequado é de muita importância para nossa atuação em campo, o conhecimento de diversos instrumentos, nos permite uma atuação mais dinâmica,completa , positiva, e eficaz dos resultados desejados, já que permite que tenhamos a opção de qual ferramenta utilizar de acordo com as demandas e problemáticas que venham a fazer parte do quotidiano profissional.

×