O Ferreiro

268 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
268
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Ferreiro

  1. 1. O FERREIROO FERREIRO
  2. 2. Havia umHavia umferreiro que ,ferreiro que ,após uma vidaapós uma vidade excessos,de excessos,resolveuresolveuconsagrar suaconsagrar suavida a Deus.vida a Deus.
  3. 3. Durante muitos anos trabalhouDurante muitos anos trabalhoucom afinco, praticou a caridade,com afinco, praticou a caridade,mas, apesar de toda suamas, apesar de toda suadedicação nada parecia dardedicação nada parecia darcerto na sua vida.certo na sua vida.
  4. 4. Muito peloMuito pelocontrário.contrário.Seus problemasSeus problemase dívidase dívidasacumulavam-seacumulavam-secada vez mais.cada vez mais.
  5. 5. Uma bela tarde, um amigo que oUma bela tarde, um amigo que ovisitara, e que se compadecia de suavisitara, e que se compadecia de suasituação difícil, comentou:situação difícil, comentou:
  6. 6. - É realmente- É realmenteestranho que,estranho que,justamente depoisjustamente depoisque você resolveu seque você resolveu setornar um homemtornar um homemtemente a Deus, suatemente a Deus, suavida começou avida começou apiorar.piorar.
  7. 7. Eu não desejoEu não desejoenfraquecer sua fé,enfraquecer sua fé,mas apesar de todamas apesar de todasua crença nosua crença nomundo espiritual,mundo espiritual,nada temnada temmelhorado.melhorado.
  8. 8. O ferreiro não respondeuO ferreiro não respondeuimediatamente.imediatamente.Ele já havia pensado nissoEle já havia pensado nissomuitas vezes, sem entender omuitas vezes, sem entender oque acontecia em sua vida.que acontecia em sua vida.Entretanto, como não queriaEntretanto, como não queriadeixar o amigo sem resposta,deixar o amigo sem resposta,encontrou uma explicação.encontrou uma explicação.
  9. 9. Eis que o ferreiroEis que o ferreirodisse:disse:- Eu recebo nesta- Eu recebo nestaoficina o aço aindaoficina o aço aindanão trabalhado enão trabalhado epreciso transformá-lopreciso transformá-loem espadas.em espadas.Você sabe como isto éVocê sabe como isto éfeito?feito?
  10. 10. -Primeiro eu aqueço a chapa de açoPrimeiro eu aqueço a chapa de açonum calor absurdo, até que fiquenum calor absurdo, até que fiquevermelha.vermelha.-Em seguida, sem qualquer piedade,Em seguida, sem qualquer piedade,eu pego o martelo mais pesado eeu pego o martelo mais pesado eaplico golpes até que a peça adquira aaplico golpes até que a peça adquira aforma desejada.forma desejada.
  11. 11. - Logo, ela é- Logo, ela émergulhada nummergulhada numbalde de águabalde de águafria e a oficinafria e a oficinainteira se encheinteira se enchecom o barulho docom o barulho dovapor.vapor.
  12. 12. -Tenho que repetir esseTenho que repetir esseprocesso até conseguir a espadaprocesso até conseguir a espadaperfeita;perfeita;-Uma vez apenas não éUma vez apenas não ésuficiente.suficiente.
  13. 13. O ferreiro deu uma longa pausa,O ferreiro deu uma longa pausa,pensou e continuou.pensou e continuou.- As vezes, o aço que chega até- As vezes, o aço que chega atéminhas mãos não consegueminhas mãos não consegueagüentar esse tratamento.agüentar esse tratamento.
  14. 14. O calor, as marteladas e a águaO calor, as marteladas e a águafria terminam por enchê-lo defria terminam por enchê-lo derachaduras.rachaduras.E eu sei que jamais seE eu sei que jamais setransformará numa boa lâminatransformará numa boa lâminade espada.de espada.
  15. 15. Então, euEntão, eusimplesmente osimplesmente ocoloco numcoloco nummonte de ferro-monte de ferro-velho que vocêvelho que vocêviu na entradaviu na entradade minhade minhaferraria.ferraria.
  16. 16. Mais uma pausa e o ferreiroMais uma pausa e o ferreiroconcluiu:concluiu:- Sei que Deus está me- Sei que Deus está mecolocando no fogo das aflições.colocando no fogo das aflições.
  17. 17. Tenho aceito asTenho aceito asmarteladas que amarteladas que avida me dá, e àsvida me dá, e àsvezes sinto-me tãovezes sinto-me tãofrio e insensívelfrio e insensívelcomo a água que fazcomo a água que fazsofrer o aço.sofrer o aço.
  18. 18. Mas a única coisa que peço é:Mas a única coisa que peço é:Meu Deus, não desista, até queMeu Deus, não desista, até queconsiga tomar a forma que o Senhorconsiga tomar a forma que o Senhorespera de mim.espera de mim.
  19. 19. Tente daTente damaneira quemaneira queachar melhor,achar melhor,pelo tempo quepelo tempo quequiser, masquiser, masjamais mejamais mecoloque nocoloque nomonte de ferro-monte de ferro-velho das almasvelho das almas
  20. 20. Deus quer fazer de você umaDeus quer fazer de você umapessoa melhor...pessoa melhor...Não se preocupe com asNão se preocupe com asmarteladas da vida, ou as provasmarteladas da vida, ou as provasde fogo a que é submetido.de fogo a que é submetido.Ele está trabalhando seu caráter.Ele está trabalhando seu caráter.
  21. 21. Ainda bem,Ainda bem,que Eleque Elenunca vainunca vaidesistir dedesistir denós !nós !Uma boaUma boasemana!semana!

×