Memórias

2.562 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.562
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
35
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
93
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Memórias

  1. 1. Curso CHR - Madureira Qualificação em Hardware Memórias
  2. 2. Definições <ul><li>Tecnicamente seria qualquer forma de armazenamento; </li></ul><ul><li>O termo é usado para armazenamento rápido/temporário; </li></ul><ul><li>Se a CPU tivesse que acessar continuamente ao HD, trabalharia muito lentamente; </li></ul><ul><li>Enquanto o computador está ligado, a CPU acessa constantemente a memória. </li></ul>
  3. 3. Tipos <ul><li>Memória Cache; </li></ul><ul><li>Memória ROM; </li></ul><ul><li>Memória RAM; </li></ul><ul><li>Memória Virtual; </li></ul><ul><li>Disco Rígido; </li></ul><ul><li>Armazenamento Removível. </li></ul>
  4. 4. Memória Cache <ul><li>A tecnologia de cache é o uso de uma memória mais rápida, porém menor, para acelerar uma mais lenta, porém maior; </li></ul><ul><li>Ao usarmos um cache, precisamos verificá-lo para ver se um determinado item está lá. Em caso afirmativo, essa ação é denominada acerto de cache ( cache hit ). Se negativo, denomina-se erro de cache ( cache miss ) e a CPU precisa esperar o tempo de ida e volta à memória maior e mais lenta; </li></ul><ul><li>É possível ter múltiplas camadas de cache. </li></ul>
  5. 5. Memória ROM <ul><li>Read Only Memory - Memória Apenas de Leitura; </li></ul><ul><li>Usada para armazenar dados não voláteis, que devem permanecer imutáveis, mesmo sem energia; </li></ul><ul><li>Tipicamente abriga os programas da BIOS e de Auto-Teste ( POST ); </li></ul><ul><li>É a memória onde se abrigam os firmwares ; </li></ul><ul><li>Alguns tipos de ROM podem ser alteradas por meio de aplicação de carga elétrica em pinos de controle: São chamadas de EPROM ( Erasable and Programmable ROM – ROM Programável e Apagável). </li></ul>
  6. 6. Memória RAM <ul><li>Random Access Memory – Memória de Acesso Aleatório; </li></ul><ul><li>Pode ser dinâmica ( DRAM ) ou estática ( SRAM ); </li></ul><ul><li>SRAM é muito rápida, mas cara (usada em cache), é composta por interruptores liga/desliga e portanto, “relembra” seu estado enaqunto houver energia; </li></ul><ul><li>DRAM é mais lenta, porém barata (memória principal), é composta de capacitores e, portanto deve ser refrescada (“ refresh ”) periódico ( milisegundos ). </li></ul>
  7. 7. Memória DRAM: Tipos <ul><li>FPM ( Fast Page Mode ): RAM de modo de paginação rápida – Tipo original de DRAM; </li></ul><ul><li>EDO ( Extended Data Output ): RAM de saída estendida – Evolução da FPM; </li></ul><ul><li>ECC ( Error Correcting Code ): RAM com código de correção de erro – Uma EDO estendida, projetada para servidores; </li></ul><ul><li>SDRAM ( Synchronous Dynamic RAM ): DRAM Síncrona – Padrão básico atual, de alta performance. Os tipos DDR , DDR2 e DDR3 são extensões suas multiplicando a largura de banda. </li></ul>
  8. 8. Memória DRAM: Tipos (cont.)‏ <ul><li>RDRAM ( Rambus DRAM ) – Fabricada pela Rambus , utiliza um barramento próprio ( canal Rambus ), de alta velocidade; </li></ul><ul><li>CMOS RAM – Usada para manter dados em pequena quantidade (Ex.: config. da BIOS ). Precisa de alimentação constante, de baixa tensão e corrente (bateria da placa-mãe); </li></ul><ul><li>VRAM ( Video RAM ) – DRAM Multiporta para Vídeo. Permite acesso simultâneo da CPU e GPU . Cara, por vezes é substituída por SGRAM . </li></ul><ul><li>SGRAM ( Synchronous Graphic RAM)‏ </li></ul>
  9. 9. Memória RAM (Forma)‏ <ul><li>DIP ( Dual Inline Package )‏ </li></ul><ul><li>Encapsulamento em linha dupla </li></ul>
  10. 10. Memória RAM (Forma)‏ <ul><li>SIMM ( single in-line memory module )‏ </li></ul><ul><li>Módulo de Memória Simples em Linha </li></ul><ul><li>SIMM – 30 (8 bits e 30 terminais); </li></ul><ul><li>SIMM – 72 (32 bits e 72 terminais)‏ </li></ul>
  11. 11. Memória RAM (Forma)‏ <ul><li>DIMM (dual in-line memory module )‏ </li></ul><ul><li>Módulo de Memória Duplo em Linha </li></ul><ul><li>Tem 168 ou 184 pinos e normalmente usa circuitos SDRAM; </li></ul><ul><li>São classificados de acordo com a freqüência de operação máxima: PC66 (até 66 MHz), PC100 (até 100 MHz). No caso das DDR-DIMM, a classificação é pela taxa de transferência teórica: PC3200 (até 3200 MB/seg)‏ </li></ul><ul><li>Notebooks costumam usar uma variante chamada SODIMM ( small outline DIMM ); </li></ul>
  12. 12. Memória RAM (Forma)‏
  13. 13. Memória Virtual <ul><li>É a utilização de uma área do HD (um ou mais arquivos) para simular memória de trabalho (RAM); </li></ul><ul><li>Funciona na prática, como um cache, mantendo no disco, dados no formato e disposição que normalmente ocupariam na memória; </li></ul><ul><li>É mais lento que o acesso à memória, mas mais rápido do que requisitar novamente os dados armazenados em arquivo. </li></ul>
  14. 14. Memória: Quanto Precisamos? <ul><li>Qual o Sistema Operacional? </li></ul><ul><li>No ambiente Windows cliente, fragmentação de memória é comum; </li></ul><ul><li>Nos ambientes Unix (incluindo Mac OS ) ou Linux , fragmentação de memória é menos comum; </li></ul><ul><li>O Sistema Windows utiliza potencialmente mais memória para seus sistemas que um sistema Unix / Linux . </li></ul>
  15. 15. Memória: Quanto Precisamos? <ul><li>Qual o uso? E programas? </li></ul><ul><li>Ferramentas de Escritório gastam menos memória que Ferramentas Multimídia ; </li></ul><ul><li>Navegação na Internet , pode gastar muita memória, caso se acesse sites Multimídia ; </li></ul><ul><li>Dica: O plugin Adobe Flash , altamente utilizado pode causar grande uso de memória e processamento em certas situações. </li></ul>
  16. 16. Memória: Quanto Precisamos? <ul><li>Quanto mais, melhor </li></ul><ul><li>Memória nunca é demais; </li></ul><ul><li>Sempre que possível, aumentar a memória. </li></ul>

×