COMPARATIVO DA TAXA DE TRANSFERÊNCIA
NO USO DOS PROTOCOLOS DE INTERNET:
IPv4 E IPv6
Autores: Wellintom Borges Gomes, Mateu...
INTRODUÇÃO
●
Souza (2009a, p. 19), “a informação armazenada é conhecimento
acumulado e pode ser consultado”;
●
Projeto ARP...
Protocolo IP
●
RFC 791 – IPv4;
●
Endereçamento:
– Cada interface deve ter um endereço IP único aplicado pelo
administrador...
Funcionamento do IPv4
4
Protocolo IP
●
RFC 2460 – IPv6;
●
Motivação da criação do IPv6;
– IPv4: 4x109
endereços;
– IPv6: 3,4x1038
endereços.
5
Funcionamento do IPv6
6
Datagrama
●
Sem garantia;
●
Serviço de melhor esforço;
●
Perterson e Davie (2004), entrega sem garantia e serviço não
conf...
Fragmentação
●
Divisão de um datagrama (rede/host x rede/host);
●
MTU – Maximum Transmission Unit;
●
Divisão pelos gateway...
Metodologia
●
Pesquisa experimental baseada em Gil (2010);
●
Comparação do tempo de transferência;
• Microsoft Windows 7 6...
RESULTADOS E DISCUSSÃO
●
Três experimentos.
●
IPv6 apresentou maior lentidão durante a transferência em relação
ao IPv4.
T...
Gráfico 01 – Tampo de transferência IPv4 e IPv6
11Fonte: Autores, 2014.
CONSIDERAÇÕES FINAIS
●
Funções do IPv4 e IPv6;
●
Esgotamento do IPv4 forçando a IEFT a fazer o IPv6
(TANENBAUM,2011);
●
Al...
REFERÊNCIAS
•
CEPTRO. A nova geração do protocolo internet. Disponível em <http://ipv6.br/>. Acesso em:
03 julho de 2014.
...
Obrigado!
14
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

3º SICT-SUL - Comparativo da taxa de transferência no uso dos protocolos de internet: IPv4 e IPv6

262 visualizações

Publicada em

Apresentação do artigo: Comparativo da taxa de transferência no uso dos protocolos de internet: IPv4 e IPv6 no 3º SICT-SUL

Publicada em: Dispositivos e hardware
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
262
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • O Projeto ARPA surgiu para ”. Desta forma, existe a necessidade de ter um sistema que consiga se conectar com diferentes meios de comunicação de qualquer parte do mundo.
  • Descrito na RFC 2460
  • A principal função do cabeçalho é armazenar dados como número da rede e numero de host de origem e de destino do datagrama.
     
  • 3º SICT-SUL - Comparativo da taxa de transferência no uso dos protocolos de internet: IPv4 e IPv6

    1. 1. COMPARATIVO DA TAXA DE TRANSFERÊNCIA NO USO DOS PROTOCOLOS DE INTERNET: IPv4 E IPv6 Autores: Wellintom Borges Gomes, Mateus Gonzaga Da Rosa, Tainan Valentim, Jackson Mallmann, Lucas Mellos Carlos
    2. 2. INTRODUÇÃO ● Souza (2009a, p. 19), “a informação armazenada é conhecimento acumulado e pode ser consultado”; ● Projeto ARPA (Advanced Research Projects Agency); ● Tecnologia existente desde 1975 (TANENBAUM, 2011). ● Objetivos: – Funcionamento IPv4 e IPv6. ● Justificativa: – Velocidade. 2
    3. 3. Protocolo IP ● RFC 791 – IPv4; ● Endereçamento: – Cada interface deve ter um endereço IP único aplicado pelo administrador da rede (SOUZA, 2009); – Endereçamento IPv4 possui um cabeçalho com o tamanho de 32 bits; – Endereçamento IPv6 possui um cabeçalho com o tamanho de 128 bits. ● Comunicação fim a fim. 3
    4. 4. Funcionamento do IPv4 4
    5. 5. Protocolo IP ● RFC 2460 – IPv6; ● Motivação da criação do IPv6; – IPv4: 4x109 endereços; – IPv6: 3,4x1038 endereços. 5
    6. 6. Funcionamento do IPv6 6
    7. 7. Datagrama ● Sem garantia; ● Serviço de melhor esforço; ● Perterson e Davie (2004), entrega sem garantia e serviço não confiável; ● “tipo de pacote que é enviado de uma maneira sem conexão” (PETERSON, DAVIE, 2004); ● Função do cabeçalho. – Ir a origem sem informações adicionais; – O datagrama possui um cabeçalho com uma parte fixa de 20 bytes. 7
    8. 8. Fragmentação ● Divisão de um datagrama (rede/host x rede/host); ● MTU – Maximum Transmission Unit; ● Divisão pelos gateways; ● Problemas da fragmentação (remontagem): – Identificação (campo Flag): 1. Número do pacote; 2. Número do fragmento. ● Fragmentação no IPv6; – Campo “Próximo cabeçalho”. 8
    9. 9. Metodologia ● Pesquisa experimental baseada em Gil (2010); ● Comparação do tempo de transferência; • Microsoft Windows 7 64 bits; • Microsoft Windows 8 64 bits; • Interferência; • Transferência de arquivos (2,3 GB; 1,3 GB; 71,2 MB); • Cronometragem. 9
    10. 10. RESULTADOS E DISCUSSÃO ● Três experimentos. ● IPv6 apresentou maior lentidão durante a transferência em relação ao IPv4. Tabela 01 – Transferência entre IPv4 e IPv6 10Fonte: Autores, 2014. Tamanho do Arquivo Velocidade de Transferência IPv4 Velocidade de Transferência IPv6 Tempo de Transferência IPv4 Tempo de Transferência IPv6 2,3GB 11,2 MB/s 11,4MB/s 03:32,51 03:35,19 1,23GB 11,2MB/s 11,4MB/s 01:52,72 01:54,46 71,2MB 11,2MB/s 11,4MB/s 00:06,95 00:06,75
    11. 11. Gráfico 01 – Tampo de transferência IPv4 e IPv6 11Fonte: Autores, 2014.
    12. 12. CONSIDERAÇÕES FINAIS ● Funções do IPv4 e IPv6; ● Esgotamento do IPv4 forçando a IEFT a fazer o IPv6 (TANENBAUM,2011); ● Alocação de IPs no IPv6; ● Velocidade de transferência; ● Estudos futuros. 12
    13. 13. REFERÊNCIAS • CEPTRO. A nova geração do protocolo internet. Disponível em <http://ipv6.br/>. Acesso em: 03 julho de 2014. • COMER, Douglas E. Redes de computadores e internet: abrange transmissão de dados, ligações inter-redes, web e aplicações. 4 ed. Porto Alegre: 2007 • DAVIE, Bruce S.; PETERSON, Larry L. Redes de computadores: uma abordagem de sistemas. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004. • GIL, Antonino C. Como elaborar projetos de pesquisa. 5 ed. São Paulo: Atlas, 2010. • RFC_791. Internet Protocol. Disponível em <http://www.ietf.org/rfc/rfc791.txt>. Acesso em: 10 mai. 2013. • RFC_2460. Internet Protocol – Version 6 (IPv6) Especification. www.ietf.org/rfc/rfc2460.txt • SOUZA, Lindeberg Barros de. TCP/IP & conectividade em redes: guia prático. 5. ed. rev. São Paulo: Érica, 2009. • SOUZA, Lindeberg Barros de. Redes de computadores: guia total. 1 ed. São Paulo: Érica, 2009. • TANENBAUM, Andrew S. Redes de computadores. 5ed. São Paulo: 2011. 13
    14. 14. Obrigado! 14

    ×