DMAE - Departamento Municipal de Água e Esgotos – POA/RSApresentação:                                      Co-autor:Elton ...
A experiência de um serviço públicode saneamento brasileiro com o uso de rádio frequência para leitura de      seus medido...
Sobre Porto AlegreLocaliza-se junto ao     Capital do estado maislago Guaíba, a 2.027km   meridional do Brasil - ode Brasí...
Sobre o DMAE
Sobre o DMAE• Criado em 15 de  dezembro de 1961  – Captação, tratamento    e distribuição de água    para 100% da    popul...
Sobre o DMAE• A água em números (Fonte: SIGDMAE – JUNHO/2011)  – Extensão da rede distribuidora de água: 3.864.249,87 m  –...
O projeto piloto       1ª etapa: Parceria DMAE-Itron• Período: dezembro/2008 à abril/2009;• Condomínio popular com mais de...
1ª Etapa: Projeto-piloto                              148                           Economias
Detalhes das instalações
Detalhes das instalações
Detalhes das instalações• Em novembro de 2009, ossensores foram instaladosnas 112 bancas do MercadoPúblico;• Objetivo: Pra...
A leitura por radiofrequência2ª etapa: A implantação do sistema• Período: novembro/2009 à junho/2010;• Objetivo: Instalaçã...
A leitura por radiofrequência2ª etapa: A implantação do sistema• Aquisição por licitação de 2.500 medidores com  sensores ...
A leitura por rádio-frequência 2ª etapa: Fases da implantação• Configuração dos sensores de RF  (MIU – Meter interface uni...
A leitura por rádio-frequência2ª etapa: Equipamentos utilizados• Medidores unijatos• Sensores de RF (MIU  – Meter interfac...
A leitura por rádio-frequência2ª etapa: Equipamentos utilizados• Coletores de dados  (Hand held terminal);
A leitura por radiofrequência2ª etapa: Equipamentos utilizados• Laptop/microcomputa  dor para os softwares  de gestão das ...
A leitura por radiofrequência        2ª etapa: Leituras mensaisIniciada em 15/03/2010 no condomínio popular(área: 220 x 28...
2ª Etapa: Implantação daleitura por radiofrequência    Implantação da leitura por RF                                      ...
2ª Etapa: Implantação da leitura por radiofrequência     Implantação da leitura por RF     23 Blocos residenciais        0...
2ª Etapa: Implantação da leitura por radiofrequência     Implantação da leitura por RF     23 Blocos residenciais        0...
2ª Etapa: Implantação da leitura por radiofrequência     Implantação da leitura por RF     23 Blocos residenciais        0...
A leitura por radiofrequência3ª etapa: Integração com o Sistema de         Faturamento (dez/2011)• Software de gestão das ...
A leitura por radiofrequência3ª etapa: Integração com o Sistema de         Faturamento (dez/2011)
A leitura por radiofrequência            Conclusões - I• Agilidade na leitura:      (1 x 2h*) x (5 x 6h**);               ...
A leitura por radiofrequência                Conclusões - II O sucesso destas experiências permitiu que  se projete um to...
A leitura por radiofrequência            O problema Como      universalizar  o      uso  da radiofrequência     para   lei...
A leitura por radiofrequência          Recomendação Embora o DMAE tenha contornado o problema,     entendemos       que  ...
Obrigado pela atenção!        Contatos:                               Porto Alegre, 26/09/2011     Eng. Elton J. Melloemel...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

LEITURA DE MEDIDORES DE ÁGUA POR RADIOFREQUÊNCIA - A EXPERIÊNCIA BEM SUCEDIDA DE UM SERVIÇO PÚBLICO DE SANEAMENTO

1.499 visualizações

Publicada em

O processo de individualização da medição da água de um condomínio popular com mais de 1.000 economias na cidade de Porto Alegre, cuja gestão da medição - instalação, manutenção e leitura dos hidrômetros, emissão da conta, fiscalização e corte - é por força de lei municipal de responsabilidade do Departamento Municipal de Água e Esgotos – DMAE, oportunizou que se implantasse a leitura dos medidores por radiofrequência – RF.
A decisão de utilizar medição remota baseou-se na certeza de que os resultados positivos esperados da individualização seriam alcançados, em especial a redução da inadimplência e o uso racional da água pelos moradores. De fato, isto ocorreu e possibilitou, consequentemente, a aceleração da política de individualização de condomínios de baixa renda pelo Departamento, exigindo cada vez mais infra-estrutura e mão-de-obra para dar conta do incremento dos novos pontos de leitura, o que não poderia se constituir em um obstáculo.
Assim, visando à adoção da leitura à distância dos medidores como um dos procedimentos de leitura do Departamento e com o objetivo de avaliar o sistema de leitura remota sob os aspectos técnicos - vantagens e desvantagens do uso de sistema de telemetria por RF - e comerciais - confiabilidade, praticidade, economicidade, etc. – o DMAE de Porto Alegre deu o seu primeiro passo para a utilização da telemetria em escala comercial.
O detalhamento dos passos seguidos e os cuidados observados para a incorporação desta nova tecnologia de medição da água por um serviço público de saneamento, assim como os resultados já alcançados estão apresentados neste trabalho.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.499
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
18
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
28
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

LEITURA DE MEDIDORES DE ÁGUA POR RADIOFREQUÊNCIA - A EXPERIÊNCIA BEM SUCEDIDA DE UM SERVIÇO PÚBLICO DE SANEAMENTO

  1. 1. DMAE - Departamento Municipal de Água e Esgotos – POA/RSApresentação: Co-autor:Elton J. Mello Maturino Rabello Jr.Engenheiro Mecânico Engenheiro CivilLaboratório de Hidrômetros Seção de MediçãoPorto Alegre, 26 de setembro de 2011
  2. 2. A experiência de um serviço públicode saneamento brasileiro com o uso de rádio frequência para leitura de seus medidores de água *** Departamento Municipal de Água e Esgotos – Porto Alegre/Brasil
  3. 3. Sobre Porto AlegreLocaliza-se junto ao Capital do estado maislago Guaíba, a 2.027km meridional do Brasil - ode Brasília Rio Grande do Sul Em 2001, 2002, 2003, 2005 e 2010 foi sede do Fórum Social Mundial e será uma das 12População; 1.365.036 cidades-sede da Copahab. (censo IBGE/2010) do Mundo de 2014
  4. 4. Sobre o DMAE
  5. 5. Sobre o DMAE• Criado em 15 de dezembro de 1961 – Captação, tratamento e distribuição de água para 100% da população de Porto Alegre – Coleta (85%) e tratamento (27%→77%) do esgoto sanitário
  6. 6. Sobre o DMAE• A água em números (Fonte: SIGDMAE – JUNHO/2011) – Extensão da rede distribuidora de água: 3.864.249,87 m – Nº de ligações: 277.341 / Economias: 614.426 – Índice de Hidrometração: 97,47% – Índice de Perdas de Água: 23,29% – ETAs: 7 / EBABs: 8 / EBATs: 92 – Reservatórios: 99 – Preço do m³ da água: R$ 2,21 / US$ 1,23 (até 20 m³/mês)
  7. 7. O projeto piloto 1ª etapa: Parceria DMAE-Itron• Período: dezembro/2008 à abril/2009;• Condomínio popular com mais de 1.000 economias; – Individualização em fase final de implantação;• Objetivos – Técnico: Avaliar as vantagens e desvantagens do uso de sistema de telemetria por RF; – Comercial: Avaliar a confiabilidade, praticidade, economicidade, etc. do sistema, visando a aplicação em todo o condomínio.
  8. 8. 1ª Etapa: Projeto-piloto 148 Economias
  9. 9. Detalhes das instalações
  10. 10. Detalhes das instalações
  11. 11. Detalhes das instalações• Em novembro de 2009, ossensores foram instaladosnas 112 bancas do MercadoPúblico;• Objetivo: Praticar todas asetapas da leitura por RF;• Resultado: Permanece atéos dias atuais. E continuará!
  12. 12. A leitura por radiofrequência2ª etapa: A implantação do sistema• Período: novembro/2009 à junho/2010;• Objetivo: Instalação e leitura de 1.236 conjuntos (medidor/sensor) de RF no condomínio do projeto-piloto.
  13. 13. A leitura por radiofrequência2ª etapa: A implantação do sistema• Aquisição por licitação de 2.500 medidores com sensores de RF (características principais): – Módulo de Comunicação e Leitura Remota que pode estar acoplado (fixado) ou ser integrado ao medidor; – Possuir homologação pela agência reguladora - ANATEL para uso interno e externo em área privativa; – Transdução de medição do tipo indutivo ou por pulso seco; – Grau de proteção IP68; – Alimentado por baterias com tempo de vida de 10 anos, no mínimo, para uma leitura mensal; – Distância de comunicação em campo aberto igual ou superior a 500 metros; – Permitir leituras nos modos walk-by, drive-by e através de rede fixa com concentrador.
  14. 14. A leitura por rádio-frequência 2ª etapa: Fases da implantação• Configuração dos sensores de RF (MIU – Meter interface unit);• Importação da base de dados do sistema de faturamento;• Programação da rota e das sub-rotas de leitura;• Instalação e leitura.
  15. 15. A leitura por rádio-frequência2ª etapa: Equipamentos utilizados• Medidores unijatos• Sensores de RF (MIU – Meter interface unit);
  16. 16. A leitura por rádio-frequência2ª etapa: Equipamentos utilizados• Coletores de dados (Hand held terminal);
  17. 17. A leitura por radiofrequência2ª etapa: Equipamentos utilizados• Laptop/microcomputa dor para os softwares de gestão das medições.
  18. 18. A leitura por radiofrequência 2ª etapa: Leituras mensaisIniciada em 15/03/2010 no condomínio popular(área: 220 x 280 m) constituído por: • 23 Blocos residenciais (extensão: 80 e 92 m) • 01 Bloco Comercial • 48/64 economias (apartamentos) por bloco • 1.236 medidores individuais • 6 medidores principais (masters)
  19. 19. 2ª Etapa: Implantação daleitura por radiofrequência Implantação da leitura por RF 148 Economias Projeto- piloto
  20. 20. 2ª Etapa: Implantação da leitura por radiofrequência Implantação da leitura por RF 23 Blocos residenciais 01 Bloco Comercial 48/64 economias por bloco1.236 medidores individuais 6 medidores principais Leitura
  21. 21. 2ª Etapa: Implantação da leitura por radiofrequência Implantação da leitura por RF 23 Blocos residenciais 01 Bloco Comercial 48/64 economias por bloco1.236 medidores individuais 6 medidores principais
  22. 22. 2ª Etapa: Implantação da leitura por radiofrequência Implantação da leitura por RF 23 Blocos residenciais 01 Bloco Comercial 48/64 economias por bloco1.236 medidores individuais 6 medidores principaisLeitura
  23. 23. A leitura por radiofrequência3ª etapa: Integração com o Sistema de Faturamento (dez/2011)• Software de gestão das leituras da solução de telemetria – Para uso na implantação e manutenções / Técnico;• Aplicativo para exportação / importação dos dados de leitura do Sistema de Faturamento do DMAE diretamente para / dos coletores – Uso para leitura mensal / Comercial;
  24. 24. A leitura por radiofrequência3ª etapa: Integração com o Sistema de Faturamento (dez/2011)
  25. 25. A leitura por radiofrequência Conclusões - I• Agilidade na leitura: (1 x 2h*) x (5 x 6h**); * Tempo alcançado com a última versão do aplicativo• Confiabilidade dos dados: ** Com emissão e entrega simultânea da conta • Erros de leitura: 1,79% - 4.744 leit/mês (2010);• Informações adicionais agregam valor à leitura (vazamentos): • Confirmação de leitura: 2,07% - 5.504 re-leit/mês;• Auxilia no combate à fraude (inversão);• Soluciona o problema da acessibilidade ao medidor para a leitura mensal.
  26. 26. A leitura por radiofrequência Conclusões - II O sucesso destas experiências permitiu que se projete um total de 4.000 pontos de medição a serem cobertos, após a homologação do aplicativo Dmae_Emulink:  Incluindo novos condomínios que estão sendo construídos com financiamento federal pelo Programa “Habitação Popular – Entidades – Minha Casa, Minha Vida”;  E, também, galerias comerciais espalhadas pela cidade cuja localização do medidor no interior dos estabelecimentos é um complicador para o ato de leitura.
  27. 27. A leitura por radiofrequência O problema Como universalizar o uso da radiofrequência para leitura dos medidores observando a Lei nº 8666/93? 1. Estabelecendo nichos/regiões para uso do sistema de determinado fabricante; 2. Tornando a transferência de dados entre o Sistema de Faturamento e o Sistema de Telemetria independente da solução empregada.
  28. 28. A leitura por radiofrequência Recomendação Embora o DMAE tenha contornado o problema, entendemos que o estabelecimento de padrões de comunicação para garantir a interoperacionalidade dos equipamentos de fabricantes diferentes, facilitará e dará segurança no processo de implantação em larga escala da medição inteligente pelo setor água.
  29. 29. Obrigado pela atenção! Contatos: Porto Alegre, 26/09/2011 Eng. Elton J. Melloemello@dmae.prefpoa.com.br Eng. Maturino Rabello Jrmaturino@dmae.prefpoa.com.br

×