Mata Atlântica no Contexto da Sustentabilidade Os desafios e perspectivas para conservação da     biodiversidade no Bioma ...
Plantas                                                Aves          Anfíbios                                             ...
Diversidade étnica e cultural daAmérica Latina Pré e PósColombo – 15.000 anos deocupação humana
área original:1.306.421 km215% do território   brasileiro
CICLOS ECONÔMICOS EXTRATIVISMO VEGETAL CICLO DA CANA-DE-AÇÚCAR CICLO DO OURO CICLO DO CAFÉ CICLO DA EXPANSÃO URBANANOVO CI...
17 Estados                                            CE          FITOFISIONOMIA              km2                         ...
Domínio da Mata Atlântica                                                              CE        RN                       ...
Domínio da Mata AtlânticaRemanescentes Florestaisem 1990        7,6 %Remanescentes   > 100ha                   Remanescent...
As regiões mais ricas e ameaçadas do planeta                    Hotspots1 Andes Tropicais; 2 Sundaland (Indonésia); 3 Medi...
MARÇO 1999www.biota.org.br
Recursos investidos por instituição     35.000.000,00     30.000.000,00                                           USP     ...
PRODUTO                                   Intel/Linus Server                               Banco de Dados -               ...
PRODUTO  Banco de Dados Georeferenciados102.704 registros 11.820 espécies
PRODUTOPrograma BIOTA/FAPESP – Mapa das áreas prioritárias paraconservação e restauração da biodiversidade no Estado de   ...
PRODUTO  O mapa produzido pelo Programa BIOTA/FAPESP foiadotado pela Secretaria de Meio Ambiente para definição     de pol...
20                                                os s                                                    ,      ou       ...
Serviços Ecossistêmicos
RESTAURAÇÃO DA BIODIVERSIDADE         & SERVIÇOS ECOSSISTÊMICOS1986             1996
380 milhões de caixas  > US$ 3.5 bilhões
11 – 16% RemanescentesÁgua para 125 milhões   de habitantes
Extrativismo
PRODUTO        Criada em 2002www.bioprospecta.org.br
Obtenção de Fármaco por Extração e Purificação          diretamente de organismos                      Organismos vivos   ...
Processo combinado
VANTAGENS           Capacidade científica e                Reduzir o déficit na                         tecnológica       ...
USO SUSTENTÁVEL
DankeschönObrigado !!Thank you
Mata Atlântica no Contexto da Sustentabilidade - Carlos A. Joly
Mata Atlântica no Contexto da Sustentabilidade - Carlos A. Joly
Mata Atlântica no Contexto da Sustentabilidade - Carlos A. Joly
Mata Atlântica no Contexto da Sustentabilidade - Carlos A. Joly
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Mata Atlântica no Contexto da Sustentabilidade - Carlos A. Joly

718 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
718
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • c:/brito/prp/flwpre/competC&T.ppt 03/04/13 I am going to present you the Biota/Fapesp Program, a research program from São Paulo State, in Brasil, supported by FAPESP. Fapesp is a governmental foudation that supports academic research over the São Paulo State. On this program we are trying to study the biodiversity characterization, conservation and sustainable use.
  • c:/brito/prp/flwpre/competC&T.ppt 03/04/13
  • c:/brito/prp/flwpre/competC&T.ppt 03/04/13
  • c:/brito/prp/flwpre/competC&T.ppt 03/04/13
  • c:/brito/prp/flwpre/competC&T.ppt 03/04/13
  • c:/brito/prp/flwpre/competC&T.ppt 03/04/13
  • c:/brito/prp/flwpre/competC&T.ppt 03/04/13
  • Mata Atlântica no Contexto da Sustentabilidade - Carlos A. Joly

    1. 1. Mata Atlântica no Contexto da Sustentabilidade Os desafios e perspectivas para conservação da biodiversidade no Bioma Mata Atlântica Prof. Carlos A. JOLY Instituto de Biologia & Doutorado em Ambiente e Sociedade Coordenador Programa BIOTA/FAPESP Assessor Sênior para Biodiversidade Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação
    2. 2. Plantas Aves Anfíbios Mamíferos RepteisNúmero total de espécies e nível de endemismos na América Latina.
    3. 3. Diversidade étnica e cultural daAmérica Latina Pré e PósColombo – 15.000 anos deocupação humana
    4. 4. área original:1.306.421 km215% do território brasileiro
    5. 5. CICLOS ECONÔMICOS EXTRATIVISMO VEGETAL CICLO DA CANA-DE-AÇÚCAR CICLO DO OURO CICLO DO CAFÉ CICLO DA EXPANSÃO URBANANOVO CICLO DA CANA-DE-AÇÚCARCICLO DO PAPEL E DA CELULOSE
    6. 6. 17 Estados CE FITOFISIONOMIA km2 PI RN área original PB Ombrófila Mista 168.9163.409 Municípios PE AL Ombrófila Aberta 18.746 SE Ombrófila Densa 218.790 BA Estac. Semidecid. 486.500 GO Estac. Decidual 149.052 MG ES Form. Florestais 1.041.998 MS RJ Tensão Ecológica 157.747 SP PR Form. Pioneiras 41.105 DMA 1.306.421 SC RS
    7. 7. Domínio da Mata Atlântica CE RN PI PB PE ALÁrea original: SE1.306 mil km2 BA 125 milhõesGO DF MS de MG ES habitantes SP RJ PR Dominio SC RS 1:24.000.000 Instituto Socioambiental - ISA Fonte: Mapa de Vegetação do Brasil, IBGE , 1993
    8. 8. Domínio da Mata AtlânticaRemanescentes Florestaisem 1990 7,6 %Remanescentes > 100ha Remanescentes florestais 11 – 16% (Mata primária e secundária em estágio avançado de regeneração) Áreas não avaliadas 1:24.000.000 Instituto Socioambiental - ISA Fonte: Fundação SOS Mata Atlântica, Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais Sociedade Nordestina de Ecologia
    9. 9. As regiões mais ricas e ameaçadas do planeta Hotspots1 Andes Tropicais; 2 Sundaland (Indonésia); 3 Mediterrâneo4 Madagascar e Ilhas do Oceano Índico; 5 Mata Atlântica;6 Região da Indo-Birmânia; 7 Caribe; 8 Filipinas; 9 ProvínciaFlorística do Cabo; 10 Mesoamérica; 11 Cerrado; 12Sudoeste da Austrália
    10. 10. MARÇO 1999www.biota.org.br
    11. 11. Recursos investidos por instituição 35.000.000,00 30.000.000,00 USP 25.000.000,00 UNESP UNICAMP UNIV. PARTIC 20.000.000,00 SMAR$ EMBRAPA 15.000.000,00 SSAÚDE UFSCar SAGRICULTURA 10.000.000,00 5.000.000,00 0,00 1 TotalINVESTIMENTO DA Aplicados PROGRAMA de Recursos FAPESP NO pela FAPESP no Programa BIOTA/FAPESP de 1998 a 2008 BIOTA/FAPESP DE 1998-2011 R$ 82.310.218,75 R$ 122.838.367,64 ≈ US$ 53.000.000,00
    12. 12. PRODUTO Intel/Linus Server Banco de Dados - PostgreSQL Protocolos padronizados 172 grupos taxonômicos Alimentação de dados on line Acesso público a dados e mapas Interoperabilidade com outras iniciativas nacionaisSistema Integrado baseado em e internacionaissoftwares de código aberto
    13. 13. PRODUTO Banco de Dados Georeferenciados102.704 registros 11.820 espécies
    14. 14. PRODUTOPrograma BIOTA/FAPESP – Mapa das áreas prioritárias paraconservação e restauração da biodiversidade no Estado de São Paulo.
    15. 15. PRODUTO O mapa produzido pelo Programa BIOTA/FAPESP foiadotado pela Secretaria de Meio Ambiente para definição de políticas de conservação e restauração da biodiversidade
    16. 16. 20 os s , ou en eto m cr do os de ltad elo is, p e su , s ( o l s re há ai n te s leg ados SP en to ase APE tu ualm men ) b A/F A tr es IOT s luçõ a B in o pelo Programa BIOTA/FAPESP foi adotado no pelaO mapa produzido am resAgricultura para o zoneamento agroambiental do setorSecretaria da og r Pr sucroalcooleiro, proibindo a expansão de canaviais nas áreasindicadas como prioritárias para a conservação e/ou restauração da biodiversidade.
    17. 17. Serviços Ecossistêmicos
    18. 18. RESTAURAÇÃO DA BIODIVERSIDADE & SERVIÇOS ECOSSISTÊMICOS1986 1996
    19. 19. 380 milhões de caixas > US$ 3.5 bilhões
    20. 20. 11 – 16% RemanescentesÁgua para 125 milhões de habitantes
    21. 21. Extrativismo
    22. 22. PRODUTO Criada em 2002www.bioprospecta.org.br
    23. 23. Obtenção de Fármaco por Extração e Purificação diretamente de organismos Organismos vivos Organismos vivos (plantas, fungos, (plantas, fungos, animais, etc) animais, etc) Extratos Extratos purificados purificados Procedimentos Procedimentos analíticos e de analíticos e de purificação purificação Compostos Compostos Fármaco Fármaco isolados isolados Frações Frações
    24. 24. Processo combinado
    25. 25. VANTAGENS Capacidade científica e Reduzir o déficit na tecnológica balança comercial Escalonamento deGARGALOS produtos Testes pré-clínicos e Mudança de escala: da bancada (e.g. grama) para semi-industrial (e.g. Kilograma) + clínicos ESTRATÉGIAS Incentivar P,D&I Harmonizar Formar RH: Eng. de nas empresas Marcos Legais e Processos, de com parcerias Regulatórios Produção público-privadas (MP Acesso, (escalonamento), e privadas Prop. BPL, BPF, Gestão -privadas Intelectual, ANVISA)
    26. 26. USO SUSTENTÁVEL
    27. 27. DankeschönObrigado !!Thank you

    ×