A PALAVRA DO PRESIDENTEAno 19 • Número 28 • Maio 2013Comemorações dos 39 anos de Abril- Entrega dos Galardões da Freguesia...
Edição • Junta de Freguesia de Fafe Sede • Praça Mártires do Fascismo, 26 - 4820-146 FAFE Telefone: 253 590 399 Fax: 253 4...
3
4NAS PASSADEIRAS DÊ PRIORIDADE AOS PEÕES… Com a inauguração das acessibilidades para todosno parque de lazer de Pardelhas,...
5RECORDANDO…..1Com a beneficiação da Rua Dr. José SummavielleSoares, entrada por Antime, da Rua dosCombatentes da Grande G...
6Suplemento que integra o Boletim Informativo de Maio de 2013SUPLEMENTO1Proposta- Considerando que o aumento da atual cris...
72Proposta- Considerando a atual crise económicaimposta por uma austeridade sem limites,através do programa deste governo,...
8Condolências para Hugo ChávezExmos. Senhores,De acordo com o deliberado na reunião da Junta deFreguesia de Fafe de 07/03/...
9AJunta de Freguesia de Fafe reunida em 6 de dezembrode 2012 deliberou solicitar à Câmara Municipal de Fafe,que até porque...
10CONTINUAMOS A TRABALHAR!Parque de Lazer de Pardelhas (início do corredorverde)Churrasqueira do Parque de Lazer da Fábric...
11... e as coletividades da freguesia sempre presentesARCORancho Folclórico de FafeGrupo NunÁlvares Restauradores da Granj...
A JUNTA DE FREGUESIA DE FAFE APOIA A CULTURA E O DESPORTOREISADASOs cantares de reis levaram este ano à sede da Juntade Fr...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

BOLETIM DA JUNTA DE FREGUESIA DE FAFE

1.141 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.141
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
666
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

BOLETIM DA JUNTA DE FREGUESIA DE FAFE

  1. 1. A PALAVRA DO PRESIDENTEAno 19 • Número 28 • Maio 2013Comemorações dos 39 anos de Abril- Entrega dos Galardões da Freguesia de Fafe3.º Encontro Nacionalde Freguesias - CoimbraPág. 5Pág. 11• Comemorações do 25 de Abril• Parque da Praça Mártires do Fascismo “às Moscas”• Condolências para Hugo Chavez• Andam a “roubar” as ruas de Fafe• Reisadas• Vitela à Moda de FafeEstamos praticamente no final do atual mandato daJunta de Freguesia de Fafe comigo na presidência, quepor decreto governamental, termina no próximo mêsde outubro, contrariando com esta deliberação avontadepopular.Fecha-se assim este ciclo da minha vida politica àfrente dos destinos da mais numerosa freguesia doconcelho de Fafe. Por conseguinte, quero nestemomento comunicar a todos os presentes e aosfafenses em geral que agradeço a todos as “maioriasmedonhas” que sempre presentearam nas urnas asequipas que apresentei ao longo dos sucessivosmandatos ao eleitorado fafense, não porque aspedíssemos, mas porque talvez as merecêssemos. Naseleiçõeso povoésoberano!Hoje estou aqui nesta cerimónia para provar que ademocracia foi uma conquista inalienável de abril etambém para vos provar que só é possível ser-sedemocrata quando se tem a plena consciência dotrabalho de equipa, contrariando a política cen-tralizadade“umhomemsó”.A Junta de Freguesiade Fafe colaborou nas4ªs Jornadas Literá-rias de Fafe.Apesar da“coincidência” da re-ceção aos BrasileirosTorna-Viagem-Baileda Época e as bar-raquinhas das Asso-ciações, com as come-morações do 25 de abril levado a efeito pela Junta deFreguesia de Fafe, conseguimos ter a sala “Manoel deOliveira” bem composta, para a entrega dos GalardõesdaFreguesia.4 Jornadas Literárias de Fafeas
  2. 2. Edição • Junta de Freguesia de Fafe Sede • Praça Mártires do Fascismo, 26 - 4820-146 FAFE Telefone: 253 590 399 Fax: 253 495 135 E-mail: geral@jf-fafe.ptRedacção e Coordenação • José Mário Ribeiro Silva e Rui Dias Tiragem • 9.000 Exemplares Composição e Impressão • Graficamares, Lda. - Tel. 253 992 7352O grandioso trabalho desenvolvido poresta autarquia nas zonas periféricas dacidade, incluindo o trabalho a nívelcultural e desportivo, ao longo dosvários mandatos foi possível graças àsmagníficas equipas que formaram oexecutivo da Junta de Freguesia de Fafe,incluindo os seus funcionários. Hojeestão comigo nesta fabulosa equipa,formada pelo Filipe, pelo Pedro, pelaDores, pelo Rui e por todos os elementos da Assembleiade Freguesia, aqui representados pelo Albino. Quero emnome deles agradecer a todos os outros elementos quecomigotrabalharamnoutros mandatos.O progresso da nossa terra a nível social, cultural,desportivo e político em geral, só foi possível porqueFafe tem das melhores instituições/coletividades,mulheresehomensdestepaís.Assim, aqui e agora quero agradecer a todas as insti-tuições/coletividades, representadas pelos homenagea-dos nesta cerimónia, o apoio e a colaboração que sempreprestaram, mais diretamente à Freguesia de Fafe: àCOOPFAFE, aos Leões do Ferro, aos Restauradores daGranja, à ARCO (Santo Ovídio), ao Pardelhas, aos AsesS. Jorge, ao NunÁlvares, aos funcionários da junta e àCâmaraMunicipaldeFafe.O meu especial agradecimento à Ana Luísa (Dra.) que aoleme da COOPFAFE, sempre colaborou com aFreguesia de Fafe a nível social, a ultrapassar asdificuldades próprias de um conjunto habitacional comoa Cumieira, conseguindo ajudar a combater o insucessoescolar, preferindo as dificuldades do trabalho solidáriocom os mais desfavorecidos, ao conforto elitista dealgumas instituições, também apoiadas pela SegurançaSocial.Ao Rodrigues que esteve desde a primeira hora narestauração dos Leões do Ferro, colaborando com afreguesia de Fafe no desenvolvimento da Fábrica doFerro na construção do parque de lazer, ajudou adinamizar a construção da sede social dos Leões doFerro, etc., colaborando direta e indiretamente, naconstrução de praticamente todo o património dacoletividade, incluindo a aquisição de carrinhas e naconquistadamedalhadeourodeFreguesiadeFafe.Ao Alcides que ajudou a desenvolver a freguesia na zonada Granja, aumentando o património dos Restau-radores, beneficiando a sede, construção do complexodesportivo, conquista da medalha de ouro da freguesia deFafe, etc. O Alcides teve a particularidade de impor nasociedade fafense o gosto pelos jogos radicais e foidurante os seus mandatos que em 2001 criou a secção depedestrianismo, que hoje atua e ajuda diversas freguesiasdo nosso concelho.Ao Ricardo que teve o seu papel principal, através da suainfluência, na união geracional entre os mais novos e osmais velhos, ultrapassando os conflitos de gerações, queuniu em torno da ARCO, apesar de se manteremdistintos, o grupo cultural e recreativo com a co-munidadecatólicadeS. Ovídio.Ao Serafim que ajudou a rentabilizar o campo de futeboldesta autarquia em Pardelhas, tornando a sua utilizaçãomais humana e democrática. O Serafim “guardião” doparque de lazer de Pardelhas, sempre colaborou na sualimpeza e conservação, mantendo-o sempre limpo easseado.Ao Álvaro que se distinguiu pela sua coragem de “antesquebrar que torcer”, porque conseguiu conduzir os Asesde S. Jorge, levando o parque desportivo para junto dasua área de influência no Monte de S. Jorge, ajudando aultrapassar vários obstáculos, desde a fundação até aolimite do seu mandato à frente da direção da coletividadequesempredefendeucomseriedadeemuitadignidade.Ao Orlando Alves que devido ao seu espírito semprejovem, alegre e criativo conseguiu impor na cidade, nopaís e além fronteiras o prestígio do NunÁlvares, umacoletividade que hoje é o orgulho de todos os fafenses. Oeterno ator que também é hoje o símbolo do teatroamadordeFafe.Ao Ricardo que na qualidade de trabalhador daautarquia exerce a sua profissão com distinção, impondoo conceito de um verdadeiro funcionário público aoserviço dos cidadãos, através do seu zeloso trabalho emproldacomunidadefafense.Ao Parcídio Summavielle (Dr.), ex-presidente daCâmara Municipal, símbolo e referência de váriasgerações de autarcas, que desbravou o concelho de Fafe,impondo na prática a revolução dos cravos de abril,através do desenvolvimento sustentado da nossa terra.Durante os sucessivos mandatos de ParcídioSummavielle as freguesias assinalaram a conquista dastransferências de verbas e competências, incluindo oslicenciamentos de obras que faziam de Fafe o únicoconcelho do país com essa descentralização. Parte dolegado que nos foi deixado pelo Dr. Parcídio “o maior emais dinâmico presidente de sempre”, foi-nosentretanto retirado pelo atual executivo camarário. Apropósito do caracter e das muitas amizades que o Dr.Parcídio Summavielle angariou ao longo da sua vidacomo político na defesa pelas causas e pelos valores dosideais da revolução de Abril, deixo-vos aqui paramemória presente e futura a mensagem do Dr. MárioSoares (vertodooprocesso nositedestaautarquia).Fafe, 26/04/2013
  3. 3. 3
  4. 4. 4NAS PASSADEIRAS DÊ PRIORIDADE AOS PEÕES… Com a inauguração das acessibilidades para todosno parque de lazer de Pardelhas, realizada no passadodia 25 de abril, pelas 14 horas, Ficou assim fechadomais um ciclo das obras de beneficiação de todas aszonas periféricas e mais carenciadas da cidade. Durantea parte da manhã realizou-se no campo de futebol dePardelhas, um jogo de futebol de solteiros contracasados.Hoje, a cidade de Fafe, pode orgulhar-se de ter umparque de lazer para todos, dos melhores do paísneste género, que inclui o acesso às pessoas demobilidade reduzida, corredor ribeirinho, campo de... no Parque de Lazer de Pardelhasfutebol com bar, bal-neários públicos comfraldário, parque in-fantil, campo de petan-ca/malha, solários,equipamentos geriátri-cos, parque de meren-daseaindaoiníciodocorredorverdedeFafe.Este pacto que “assinei” com a cidade, para a construçãodos parques de lazer da Fábrica do Ferro, do Sol Poente,dePardelhaseS. Ovídio,ficouassimcumprido.… Na homenagem aos grupos e às personalidadesfafenses que mais se distinguiram ao longo dos váriosmandatos colaborando com a sua junta de freguesia, nadefesa dos interesses da população fafense, nas diversasáreasdeintervençãodestaautarquia:-Obras-Escolar-Açãosocial-Cultura-DesportoP.S. - Foi convidado para este evento o presidente daAssociaçãoSalvador, oqualdeclinouonosso convite....naSalaManoeldeOliveiraAMedalha de Ouro da Freguesia de Fafe, atribuída ao Dr. Parcídio Summaviellemereceufelicitaçãodoex-PresidentedaRepública,Dr.MárioSoares.Exmo.SenhorPresidentedaJuntadeFreguesiadeFafe“CaroPresidenteVenho, em nome do Dr. Mário Soares, agradecer o convite que lhe fez para asComemorações do 25 deAbril e entrega do Medalha de Ouro da Freguesia ao Dr.ParcídioSummaviellenopróximodia26deAbril.Infelizmente, como lhe transmitimos por telefone, o Dr. Mário Soares não vaipoder estar presente na Cerimónia, em virtude de se encontrar ainda emconvalescença de uma grave doença, como o Senhor Presidente temconhecimento.Deseja o Dr. Mário Soares os maiores êxitos para as Comemorações e felicita aJunta de Freguesia pela atribuição da Medalha de Ouro ao seu Amigo de longadata,ParcídioSummavielleelhetransmitaum abraçodeparabéns.Osita Eleutério”Comemorações do 25 de Abril...ENTREGA DE GALARDÕES
  5. 5. 5RECORDANDO…..1Com a beneficiação da Rua Dr. José SummavielleSoares, entrada por Antime, da Rua dosCombatentes da Grande Guerra, da Rua ViscondeMoreira de Rei e depois a Rua da Ponte do Ranha,obra de melhoramento, a iniciar a 1 de Junho docorrente, chegará finalmente ao fim a “Ope-ração Charme”, solicitada por esta autarquia àCâmara Municipal de Fafe em 2003, através donosso ofícioOF/618/2003.“A Junta de Freguesia de Fafe vem através dopresente e atendendo à realização no nosso País,no próximo ano, do evento desportivo EURO2004, o qual irá trazer de visita à nossa cidademuitos apaixonados do desporto rei e seusfamiliares, em virtude da proximidade de Fafecom a vizinha cidade de Guimarães, a qual é umadas cidades anfitriãs do referido evento fute-bolístico, vimos pedir uma intervenção comurgência, visando a beneficiação e embele-zamento das entradas da cidade que muitodignificaria a nossa cidade junto daqueles quenos visitam, o mais tardar até ao fim do mês deMaiode2004.”“Mais vale tarde do que nunca…”CIDADE COM “CHARME”A Junta de Freguesia de Fafe reunida em 6 dedezembro de 2012 deliberou solicitar à CâmaraMunicipal de Fafe que na impossibilidade técnicade isentar totalmente o estacionamento na cidadeem certos períodos do ano, mesmo em tempo decrise, delibere tornar gratuitos o parque da PraçaMártires do Fascismo, o parque subterrâneo daBiblioteca Municipal e outros, durante osperíodos noturnos, a partir das 19 horas, fins desemana e feriados, de forma a dar o seu contributopara uma maior animação da cidade, visandotrazer para o centro urbano mais população,criando uma maior dinamização e revitalizaçãodo comércio e industria de restauração ouhotelarialocal.Parque da Praça Mártiresdo Fascismo “Às moscas”Na defesa e representação das FREGUESIAS POR-TUGUESAS, a ANAFRE deitou mãos a todas os ins-trumentos possíveis, próprios de uma luta civilizada epacífica, para despertar no legislador o bom senso dosprudentes, a coerência dos inteligentes e a humana sensi-bilidadedos decisores.Do outro lado, do Governo, sempre a teimosa indi-ferença,adéspotadecisão,ainflexívelconvicção.Foi escolhida, para lugar do Encontro, a cidade deCoimbra onde, a 20 de abril, os Eleitos de Freguesia,conscientes e preocupados, foram especialmente refletirsobreoteordasLeispublicadas:- Lei 22/2012, de 30 de outubro (ReorganizaçãoAdministrativaTerritorialAutárquica);- Lei 11-A/2013, de 28 de janeiro (ReorganizaçãoAdministrativa do Território das Freguesias, vulgoLeidoMapa).A Freguesia de Fafe representada pelo Presidente eTesoureiro da Junta, José Mário e Pedro Moniz,respetivamente, esteve lá para cumprir até ao fim, comdignidade e coragem, contra tudo e contra todos,principalmente contra alguns governantes, presi-dente(s) de câmara, etc., na luta pela defesa dasfreguesias.A Delegação Distrital de Braga da ANAFRE, na suareunião realizada no passado dia 11 de maio, deliberoupor unanimidade aprovar um voto de agradecimento àUniversidade do Minho, na pessoa do Dr. Cândido deOliveira, pelo trabalho realizado na legislação dareformaadministrativa,emproldasjuntasdefreguesia.3º ENCONTRO NACIONALDE FREGUESIAS - COIMBRA20/04/2013Distribuição de Pins pelas escolas“Campanha Pirilampo Mágico 2013”A Junta de Freguesia distribuiugratuitamente pelos alunos dasescolas e pré-escolas públicas eprivadas da cidade pins da campanhapirilampo mágico 2013, realizadapela CERCIFAF. A Junta tem comoobjectivo ajudar esta Instituição fafensee contribuir também para reforçar alembrança das comemorações do Dia Mundial da Criançaedos seus direitos.Também oferecemos uma esferográfica de duas corescom a campanha “Não Fume pela sua e pela nossasaúde”, tambémpelasaúdedasuacarteira.DÊ PREFERÊNCIA AOS PRODUTOS DA NOSSA TERRA
  6. 6. 6Suplemento que integra o Boletim Informativo de Maio de 2013SUPLEMENTO1Proposta- Considerando que o aumento da atual criseeconómica e política provocou também oaumento indiscriminado da criminalidade,sendo o roubo no interior das casas e dosveículos automóveis os mais destacados;- Considerando que atualmente o comerciolocal da cidade, devido a esta crise, está apassar por bastantes dificuldades, por nãopoderem fazer concorrência às grandessuperfícies, que têm parques de estacio-namento gratuitos, que torna estas super-fícies comerciais mais cómodas para osmunícipes fazerem as suas compras do “diaa dia”, principalmente as compras de Natal eoutras festas que se realizam ao longo doano: Carnaval, Páscoa, Feiras Francas, Sra.deAntime, etc.;- Considerando que principalmente o parquede estacionamento da Praça Mártires doFascismo está “às moscas” a partir das 19horas, bem como todo o dia de domingo,feriados, etc.;- Considerando que os automobilistasreclamam por vigilância mais apertada naszonas de estacionamento não pagas noparque da cidade, por temerem seremvítimas dos “amigos do alheio”;- Considerando ainda a necessidade domunicípio ajudar a promover o comérciolocal, contribuindo também no combate àcrise, equilibrando a concorrência deste setor,com os meios de estacionamento que temos,ao dispor de todos os fafenses;Proponho:1 - Que a Junta de Freguesia de Fafe hojereunida delibere solicitar à Câmara Municipalde Fafe que na impossibilidade técnica deisentar totalmente o estacionamento nacidade em certos períodos do ano, mesmo emtempo de crise, delibere tornar gratuitos oparque da Praça Mártires do Fascismo, oparque subterrâneo da Biblioteca Municipal eoutros, durante os períodos noturnos, a partirdas 19 horas, fins de semana e feriados, deforma a dar o seu contributo para uma maioranimação da cidade, visando trazer para ocentro urbano mais população, criando umamaior dinamização e revitalização docomércio e industria de restauração ouhotelaria local;2 - Que da presente deliberação seja dadoconhecimento ao Sr. Presidente daAssembleia Municipal de Fafe, ao Sr.Presidente da Assembleia de Freguesia deFafe, à Associação Empresarial de Fafe,Cabeceiras de Basto e Celorico de Basto, àComunicação Social Local e Regional e aindadeverá ser publicada no site da Internet destaAutarquia.Fafe, 06 de dezembro de 2012O Presidente da Junta de Freguesia,(JOSÉ MÁRIO RIBEIRO SILVA)Parque da Praça Mártiresdo Fascismo “Às moscas”
  7. 7. 72Proposta- Considerando a atual crise económicaimposta por uma austeridade sem limites,através do programa deste governo, que temcomo lema “o custe o que custar”, que fezaumentar a criminalidade, incluindo o roubo ahabitações com ataques físicos violentospraticados indiscriminadamente a idososindefesos e ao comércio local, indústria,serviços públicos, etc., criando um espírito deinsegurança, principalmente na populaçãoque reside nas periferias da cidade, logo, emruas menos iluminadas;- Considerando que a iluminação pública foireduzida em mais de 30% da sua rede, parapoupança de energia. Para além dasinjustiças criadas, porque a poupançasomente foi praticada por uma parte dapopulação residente em zonas periféricas dacidade, verificou-se que passado mais de umano a rotatividade prevista nunca foipraticada, por considerarem tecnicamentecara, a inversão de poupança para outros“candeeiros” de iluminação pública atual-mente ligados;- Considerando que existe hoje a possi-bilidade técnica de continuar a reduzir oconsumo energético através da instalaçãode redutores que garantem as lâmpadasligadas em todos os “ pontos de luz “atualmente existentes no Concelho e jáinstalados em alguns postes de transfor-mação (PTs) da cidade;- Considerando ainda que atualmente aCâmara Municipal de Fafe goza de boa saúdefinanceira, porque não deve nada a nenhumfornecedor como é do domínio público eporque a Edilidade Fafense pode agorabeneficiar todos os fafenses em “ pé deigualdade “, acabando com algumas injustiçaspraticadas com a poupança de energiaelétrica, sentida somente por uma parte dapopulação que também paga os seusimpostos e mais ainda, para ajudar acombater a criminalidade no nosso concelho;Proponho:1 - Que a Junta de Freguesia de Fafe hojereunida delibere solicitar à Câmara Municipalde Fafe a ligação total da iluminação públicano nosso Concelho, principalmente enquantoexistir o atual surto de criminalidade queatingiu drasticamente toda a comunidadefafense;2 - Que da presente deliberação seja dadoconhecimento ao Sr. Presidente daAssembleia Municipal de Fafe, ao Sr.Presidente da Assembleia de Freguesia deFafe, à Associação Empresarial de Fafe,Cabeceiras de Basto e Celorico de Basto, àComunicação Social Local e Regional e aindadeverá ser publicada no site da Internet destaAutarquia.Fafe, 06 de dezembro de 2012O Presidente da Junta de Freguesia,(JOSÉ MÁRIO RIBEIRO SILVA)Junta de Freguesia de Fafe querReligação de todasa iluminação pública
  8. 8. 8Condolências para Hugo ChávezExmos. Senhores,De acordo com o deliberado na reunião da Junta deFreguesia de Fafe de 07/03/2013, somos pelo presente aenviar a Vª. Exª., para vosso conhecimento, cópia do e-mailenviado ao Senhor Cônsul da Venezuela no Porto, para estetransmitir ao Governo da Venezuela, as nossas sincerascondolênciaspelamortedoPresidenteHugo Chávez.“Exmo.SenhorCônsul daVenezuelanoPorto,Nesta hora de dor e de luto para o povo Venezuelano, oPresidente da Junta de Freguesia de Fafe envia a Vª. Exª.,para transmitir ao governo da Venezuela, as nossassinceras condolências pela morte de um homem íntegro,revolucionário, com elevado prestígio no mundo, maisprincipalmente em toda a América Latina e que sempredefendeu as justas e nobre causas do seu povo, sempre emproldos mais oprimidos edesfavorecidos.Um homem bom, que usou o alto preço do petróleo aoserviço da sua pátria, transformando os lucros numa maisvalia para a sua nação, construindo escolas, centros desaúde, hospitais, todo o tipo de infra-estruturas, etc., dandoigualdade de oportunidades a todos no acesso à saúde,educação,habitaçãoealimentação(pão).Um amigo de Portugal e dos portugueses, ao introduzir noseu país a socialização das escolas, determinando que cadacriança pobre ou oriunda de famílias destruturadas tivesseacesso às novas tecnologias, através da oferta docomputador “Magalhães”, que adquiriu às empresasportuguesas.Um homem lutador, sincero e honesto, muito respeitadopelos seus adversários políticos, que ajudou a revolucionara América Latina e algumas consciências do mundoburguês e do capitalismo selvagem do planeta em quevivemos. Um defensor fervoroso da revoluçãoBolivarianaedosocialismodemocrático.Em suma, um homem que ficará para sempreregistado nos lugares cimeiros da história mundial,como um verdadeiro comandante do seu povo, que seencontra política e ideologicamente situado, alguresentreas memóriasdeCristo ede Che Guevara.”" "“Diz-lhes que não falarei nem que me matem” é umapeça baseada na cruel experiência de prisão do dirigentecomunista Carlos Costa, descendente de fafenses, queesteve 15 anos detido e foi um dos que fugiu com ÁlvaroCunhal do Forte de Peniche. Embora o manifesto políticoesteja obviamente presente não chega a ser umaabordagem panfletária. Ali, entre quatro paredes,simulam-se sobrevivências onde possam caber o amor, asaudade, os sonhos, a solidariedade e a capacidade delevar a resistência mental e física aos limites. MartaFreitas, sobrinha-neta de Carlos Costa, transpôs partedo seu universo familiar para o palco. Mas a peça foi maislonge e buscou novos questionamentos e sobressaltos.Por exemplo: como se conseguia ser mais livre e idealistaentre grades e agora estamos cada vez mais presos esilenciadosnos nossos quotidianos?Uma boa pergunta.O presidente da junta e outros democratas de abril, nopassado dia 24, pelas 21:30 horas, sem medos, trocaram osjantares do PS e do PC, pela peça de teatro baseada naprisão do dirigente comunista e fafense, Carlos Costa.Uma outra forma de comemorar o 25 de abril, ao lado deum fafense que expôs a sua vida aos perigos da bestafascista, que governou Portugal naditadura do “Estado Novo”, na luta pelaliberdadeepelosideaisdeAbril!... mais Abril25ABRILsempre!
  9. 9. 9AJunta de Freguesia de Fafe reunida em 6 de dezembrode 2012 deliberou solicitar à Câmara Municipal de Fafe,que até porque goza de boa saúde financeira, a ligaçãototal da iluminação pública no nosso Concelho, prin-cipalmente enquanto existir o atual surto de crimi-nalidade que atingiu drasticamente toda a comunidadefafense em particular e o país em geral. Assim, aEdilidade Fafense pode agora beneficiar todos osfafenses em “pé de igualdade”, acabando com algumasinjustiçaspraticadascom a poupança de energia elétrica,sentida somente por uma parte da população quetambém paga os seus impostos e mais ainda, para ajudaracombateracriminalidadenonosso concelho.Junta de Freguesia de Fafe querReligação de todaa iluminação públicaDesenganem-se aqueles que julgam que processando opresidente da junta de freguesia de Fafe nos vão fazerparar na defesa dos interesses coletivos da populaçãofafense, principalmente ao lado dos mais desfavo-recidos ou espoliados do património que também é detodos os fafenses. Vítimas de jogadas palacianas,misturadas com grande dose de politiquice pelo meio,onde convive bem a ganancia de alguns particularescom aqueles que por motivação política e para agradaraos “amiguinhos” de sempre, fecham os olhos àsilegalidades, à espera de arrecadar alguns votos naspróximas eleições autárquicas, como é o caso verificadoemtodoolugardePardelhas.Também integramos aqui a Rua do Alto de Pardelhas,RuadeS. Pedro,RuadaAldeia,RuadaLage,etc...2Andam a “roubar”as Ruas de FafeEntrou em circulação, a partir de 2 de maio de 2013 anovanotade5€- Pode continuar a utilizar as notas de 5€ da primeirasérie-Nãotemdetrocarquaisquernotas-As notasdeeuronuncaperdemo seuvalorNova nota de 5€“Ex.moSenhor Presidenteda JuntadeFreguesiadeFafe,O Grupo Desportivo e Cultural Leões do Ferro gostariaexporo seguinte:Sendo esta coletividade uma das mais dinâmicas da cidade,estando esta coletividade sempre atenta e pronta a ajudarnos problemas e necessidades das pessoas, gostaríamos desolicitar que releve a Vossa decisão de não continuar com oprojetodo parque delazer.Sabemos que essa freguesia está sempre pronta a ajudar ascoletividades e por isso gostaríamos de mostrar a nossavontade em levar até ao fim esse projeto, juntamente com aJunta.O espaço principalmente na época de verão, é frequentadopor vários grupos de crianças e também por famílias, e porisso gostaríamos de proporcionar aos visitantes, asmelhorescondições.Estamos certos, que podemos colocar um ponto final nosmal entendidos que outrora levaram a um mau estar entrenós, e pensarmos em retomar este projeto para o bem dacomunidadeedetodos os visitantesdaqueleespaço.Certos quepensará comapreçonestanossa proposta.Com os nossos mais respeitososcumprimentosAPresidenteGDC LeõesdoFerro”Junta aceita pedidodos Leões do Ferro
  10. 10. 10CONTINUAMOS A TRABALHAR!Parque de Lazer de Pardelhas (início do corredorverde)Churrasqueira do Parque de Lazer da Fábrica doFerro(emconstrução)-vernotícianapág.9Parque de Lazer do Sol Poente (instalação de maismesas) ficando com a capacidade de aproxima-damente200 lugaressentadosParque Infantil da Granja (estamos a proteger ascriançaseas árvores)... E A JUNTA QUE SEMPRE AS APOIASConservação e manutençãodos Parques de Lazer da Freguesia
  11. 11. 11... e as coletividades da freguesia sempre presentesARCORancho Folclórico de FafeGrupo NunÁlvares Restauradores da Granja AAPAEIFLeões do Ferro4 Jornadas Literárias de Fafeas
  12. 12. A JUNTA DE FREGUESIA DE FAFE APOIA A CULTURA E O DESPORTOREISADASOs cantares de reis levaram este ano à sede da Juntade Freguesia no passado dia 10 de Janeiro docorrente, pelas 21:30 horas o Grupo NunÁlvares eGrupo DesportivoLeõesdoFerro.No dia 21 de Janeiro, tivemos também o prazer dereceber as crianças do Infantário n.º1 da Santa Casada Misericórdia, que nos presentearam com o cantardos reisdaInstituição.De salientar que tradicionalmente a junta defreguesia abre as suas portas às instituições quegeralmente não participam nos cantares de reisrealizados no pavilhão multiusos e organizados todosos anospelaCM Fafe.Grupo Desportivo Leões do FerroGrupo NunÁlvaresInfantário n.º 1 Santa Casa MisericórdiaEsta autarquia foi convidada pela Naturfafe, para aapresentação da “Confraria da Vitela Assada à moda deFafe”, no final do mês passado. Poderá agora esta empresamunicipal, avançar para uma proposta apresentada pelaJunta de Freguesia de Fafe à Câmara Municipal de Fafe,através do nosso ofício OF/SR/718/2009, para arealização anual de um certame onde a “vitela assada àmoda de Fafe”, seja o centro de todas as atenções, tipo“feira das tasquinhas”, onde além da vitela assada, arrastetambém outros produtos gastronómicos locais, para umarefeição completa à moda de Fafe. Um certame comvários stands, durante vários dias, onde restaurantes deFafe, cumprindo as regras da “certificação”, apresen-tassem o prato, ou de um modo mais expresso, “sandes”,juntamente com outros stands de vinhos verdes locais,Vitela à moda de Fafe…padariaedoçarialocal,paraumarefeiçãomaiscompleta.Cremos que a realização de um evento assim, traria de factomais turistas à nossa cidade e a promoveria por este paísfora,comumprodutonosso ecomanossa marcadeFafe!O Vogal, Rui Dias

×