SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
Baixar para ler offline
116 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL
Tel.: (14) 3456-1143 / 997241319tribunaregionalsp@gmail.com
Ano IV - Edição nº 114 www.tribunaregionalsp.com.brOriente/Pompeia, 16 a 28 fevereiro de 2015
CM
YK
R$ 1,50
Chuvas intensas destroem trabalho preventivo realizado em vicinais
Prefeitura mobiliza força tarefa para recuperar estradas danificadas pela chuva
Paradoxalmente, o esta-
do de São Paulo enfrenta
nos últimos tempos o que
já se pode chamar como a
pior seca da história, tive-
mos no ano passado diver-
sos municípios declarando
estado de calamidade pú-
blica devido problemas de
abastecimento e complica-
ções provenientes da estia-
gem. Municípios menores
como o de Oriente podem
sentir mais amenamente
os efeitos deste fenômeno
devido a maior facilidade
de abastecimento, porém o
principal fator que dificul-
ta a normalização de abas-
tecimento são as chuvas
torrenciais cada vez mais
frequentes. Em outras pa-
lavras, a frequência das
chuvas é cada vez menor
compensada pela quanti-
dade de água em cada chu-
va.
Para entender este fenô-
meno, nossa reportagem
procurou um técnico agrí-
cola de nossa cidade para
explicar a situação. “Para
se ter uma ideia da situação
climática que enfrentamos,
somente no final de sema-
na do carnaval tivemos a
quantidade de chuva es-
perada para o mês inteiro.
Cada vez mais as chuvas
estão vindo mais carrega-
das e em menor frequên-
cia e isto complica a situa-
ção do escoamento, o solo
não consegue absorver tan-
ta água de uma só vez, for-
mam-se então as enxurra-
das que escorrem para os
rios juntamente com a cap-
tação da enxurrada urbana.
Na cidade temos as ‘bocas
de lobo’ mas nas estradas
vicinais não temos, sen-
do assim, a chuva danifica
as estradas e enche os rios
que chegam a receber dez
vezes mais água do que
habitualmente”, explica o
profissional.
Segundo levantamen-
tos, o município de Orien-
te conta atualmente com
aproximadamente cento e
onze quilômetros de estra-
das vicinais. Com as chu-
vas torrenciais de feverei-
ro, o prefeito municipal
Carlos Eduardo Boldorini
Moris convocou uma for-
ça tarefa para manutenção
de estradas vicinais “Sem-
pre estivemos empenhados
e comprometidos com a
qualidade de nossas estra-
das vicinais, entendemos
que por elas escorrem nos-
sa produção agropecuária
e a serventia das mesmas
para locomoção da popula-
ção rural de nosso municí-
pio inclusive transporte es-
colar que fazemos. Nossas
estradas têm toda atenção
de nossa administração,
mais ainda nestes dias de
chuva quando a enxurra-
da prejudica as estradas”,
complementa o prefeito
Dado Moris.
Uma força tarefa foi
montada pela Prefeitura
Municipal e um mutirão de
recuperação nas estradas
vicinais está sendo reali-
zado, inclusive uma ponte
(na estrada do Jatobá) está
sendo restaurada depois de
ser danificada pela chuva.
Tal iniciativa só foi possí-
vel graças às conquistas re-
centes de maquinários para
tal finalidade, dentre elas
uma motoniveladora, pá
carregadeiras, caminhões
basculantes de grande por-
te, todos conquistados gra-
ças ao bom relacionamento
que a atual administração
vem desenvolvendo jun-
to ao Governo do Estado
de São Paulo e ao Gover-
no Federal. “Nossa cida-
de conquistou nos últimos
dois anos maquinários que
possibilitaram este tipo de
trabalho, em outras épo-
cas estaríamos à mercê de
terceiros que esgotariam
ainda mais os recursos do
município. Temos hoje,
graças à muito trabalho e
parceria, maquinários no-
vos e de grande porte para
cuidar de nossas vicinais.
Chuva é bênção, pode cho-
ver que depois a gente ar-
ruma as estradas”, conclui
o prefeito Dado Moris.
As intensas chuvas de
fevereiro levaram para os
rios todo trabalho realiza-
do na manutenção reali-
zada ainda no ano passado
quando todas as estradas
foram repassadas pelas
máquinas da prefeitura.
Em números, a média de
107 mm de chuva espera-
dos para o mês de feverei-
ro em Oriente já havia sido
alcançada já no meio do
mês, no carnaval.
Vado da Saúde propõe solução
alternativa no combate a dengue
Muitas vezes a pró-
pria natureza nos fornece
meio para combater doen-
ças e ganhar em bem-es-
tar e qualidade de vida.
Exemplo disso é a Croto-
lária junceia. Preocupa-
do com a saúde da popu-
lação por conta do avanço
da dengue em Oriente e
em toda região, o vereador
Edivaldo de Barros (PSD)
“Vado da Saúde” apresen-
tou na Câmara Municipal
uma indicação ao prefeito
Dado Moris, para incen-
tivar o plantio da planta.
A planta que ao florescer
nos quintais da cidade atrai
o inseto voador chamado
“libélula”, que é o grande
predador do mosquito “ae-
des aegypti”. A libélula se
alimenta dos ovos do mos-
quito que transmite a den-
gue e quando adulta, come
o próprio aedes. Trata-se
de uma solução alternativa
e natural para o controle da
dengue. A ideia do verea-
dor é que as mudas e ou as
sementes da planta sejam
distribuídas através da Se-
cretaria da Saúde da Pre-
feitura. Segundo “Vado da
Saúde”, o objetivo é cola-
borar com a administração
na luta pela saúde da popu-
lação de Oriente. Ele lem-
bra que as pessoas devem
estar atentas quanto as lar-
vas do mosquito aedes e
combater a dengue sem-
pre.
Mulheres terão evento
especial em OrienteEm celebração ao Dia Internacional da Mulher (8 de março), a Secretaria de Pro-
moção Social da Prefeitura, promove em Oriente, um evento todo especial para elas.
	 No dia 7, sábado, a partir das 9 horas, no Ginásio de Esportes Municipal, elas
terão dia de beleza, apresentações especiais, cuidados com a saúde, café da manhã, sor-
teio de brindes e muito mais.
Liberado o início das obras
das creches-escolas
O prefeito Oscar Ya-
suda foi até São Paulo
antes do carnaval e as-
sinou o termo de início
das obras das creches
-escolas no Núcleo Oc-
távio Lacombe e Portal
dos Pássaros.
Pag. 6
Deputado Reinaldo Alguz
reforça parceria com Pompeia
O prefeito Oscar Ya-
suda esteve junto com
o deputado estadual
Reinaldo Alguz (PV),
acompanhando a visita
do governador Geraldo
Alckmin na região, na
semana que antecedeu
o carnaval.
Pag. 6
216 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL
Apoio
José Rodolpho Moris
Cresce doação de órgãos no Brasil, mas
rejeição de famílias ainda é alta.
O Brasil registrou crescimento nas doações e trans-
plantes de órgãos em 2014, de acordo com levantamen-
to da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos
(ABTO) divulgado nesta segunda-feira (23). Foram
7.898 órgãos doados no ano passado, 3% a mais que em
2013.
A taxa de doadores também subiu de 13,5 por milhão
de pessoas para 14,2 por milhão, no entanto, ficou abai-
xo da meta proposta pela associação para 2014, que era
de 15 por milhão. Além disso, o índice está longe da al-
cançar o objetivo de 20 doadores por milhão pessoas até
2017.
O problema que dificulta a realização dos transplantes
é a falta de autorização da família para a cirurgia. Me-
dida pela chamada “taxa de negativa familiar”, o índice
em 2014 ficou em 46%, apenas 1% menor que em 2013.
É importante entender a doação de órgãos como um
papel da sociedade civil. Hoje você pode não estar pre-
cisando, mas no futuro, você pode ir para a fila de es-
pera. Esta reflexão serve para revermos a nossa posição
quanto a doação de órgãos.
Prédio da Câmara Municipal é ecologicamente corretoO presidente da Câ-
mara de Oriente, verea-
dor Daniel Moris, vem
promovendo uma im-
portante ação de respon-
sabilidade ambiental nas
dependências da Casa.
	 Trata-se de um
projeto ambiental que
consiste na implantação
de um sistema que cap-
ta, armazena e bombeia
a água das chuvas, pos-
sibilitando sua utilização
em descargas sanitárias
e irrigações de jardins,
entre outros serviços.
Hoje o prédio da Câ-
mara trabalha com a sus-
tentabilidade, pois já
conta com secadores de
mãos automáticos, eco-
nomizando papéis toa-
lhas.
Foi instalada também
a calçada ecológica de
frente a Casa das Leis,
visando a maior absor-
ção e infiltração de água
no solo. Todo o prédio
é equipado com lâmpa-
das fluorescentes com
sensores de movimento,
o que gera uma grande
economia.	
Até mesmo os moni-
tores de computadores
já foram trocados de tu-
bos para LCD e LED, o
que também é um gran-
de ganho na abstenção
de energia.
Na verdade, a Câma-
ra Municipal é hoje um
grande exemplo e divul-
gadora da necessidade
Adolescentes do Ação Jovem retornam às
atividades com programação especial e sorteio
Palestras, encontros e cursos são oferecidos através de parcerias
A presidente do Fundo
Municipal de Solidarieda-
de, Tati Pilon, esteve nesta
sexta-feira (20) participan-
do do retorno das ativida-
des do Ação Jovem da qual
dezenas de adolescentes
orientenses fazem parte.
“Somos muito felizes em
poder fazer esta parceria
que possibilita aos nossos
jovens uma melhor oportu-
nidade, o Ação Jovem tem
um pedacinho especial em
nossa programação e acre-
ditamos ser de grande ser-
ventia na promoção da in-
clusão social em nossa
cidade”, afirmou Tati Pi-
lon.
Para o Ação Jovem, o
quadro constatado nos dias
atuais não se define ape-
nas pela insuficiência de
renda, pois a pobreza não
é um fenômeno puramente
econômico. Ela se caracte-
riza pela falta de acesso às
riquezas socialmente pro-
duzidas e também pela fal-
ta de acesso à Educação, a
uma condição de vida sau-
dável, a participação nos
espaços de decisões cole-
tivas e aos diretos sociais
e humanos fundamentais a
todas as pessoas.
A Secretaria de Estado
de Desenvolvimento So-
cial - Seds busca, por meio
do Programa Ação Jovem,
somar esforços para a su-
peração da situação de ex-
clusão e vulnerabilidade
social pela qual se encon-
tra parcela da população
jovem do Estado de São
Paulo, criando oportunida-
de para aqueles que ainda
não concluíram a escolari-
dade básica.
O Programa Ação Jo-
vem estimula a conclu-
são da escolaridade bá-
sica, possibilitando aos
jovens beneficiários con-
tinuar o aprendizado para
seu desenvolvimento pes-
soal, para sua inserção no
mercado do trabalho e para
fomentar sua preparação
para o efetivo exercício da
cidadania.
Em Oriente, o retorno
das atividades se deu em
forma de encontro/palestra
com o jornalista estudante
de psicologia Sérgio Ca-
etano da Silva Junior que
proferiu uma palestra aos
jovens ali presentes. Em
sua palestra, Sérgio refor-
çou com os adolescentes
em uma contextualizada a
importância das escolhas
que são feitas durante este
período etário onde tantas
são as oportunidades, o pa-
lestrante também gozou
de alegorias e metáforas
para motivar os adolescen-
tes em suas tarefas do dia
à dia. “Foi um tempo mui-
to proveitoso que pudemos
passar junto dos adoles-
centes, é sempre bom esta
troca de experiências que
projetos como este possi-
bilitam”, acrescentou Tati
Pilon.
Além da programação
especial, foram sorteados
entre os participantes prê-
mios conquistados junto à
parcerias com comércios
da cidade. O objetivo do
Ação Jovem é promover a
inclusão social de jovens,
mediante a transferência
de renda como apoio fi-
nanceiro temporário para
estimular a conclusão da
escolaridade básica e a
oferta de atividades com-
plementares, com foco na
preparação para o mercado
de trabalho.
de atuar com responsa-
bilidade ambiental, pro-
movendo um modelo de
gestão baseado na sus-
tentabilidade, através da
criação de uma agenda,
seguindo e adaptando o
Programa A3P do Mi-
nistério do Meio Am-
biente.
	 As medidas ado-
tadas para a redução
dos impactos ambien-
tais (tanto no presente
quanto do futuro) tam-
bém geram economia
ao erário público. Por-
tanto, ao promover esse
tipo de trabalho, se ga-
nha em todas as áreas e
sentidos.
316 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL
Todas as sextas, idosas têm tarde de lazer
A Secretaria de Pro-
moção Social realiza to-
das as sextas-feiras uma
verdadeira tarde de lazer
com os idosos, num cli-
ma amistoso, de confra-
ternização, sempre com
muita alegria e anima-
ção.	
Os encontros aconte-
cem na sede do Proje-
to Dia a Dia Saudável e
contam com atividades
de recreação que levam a
satisfação e o sorriso para
cada idoso.
	 E claro, os ido-
sos adoram o momento e
aproveitam ao máximo, o
que resulta numa melho-
ra significativa na quali-
dade de vida de cada um
deles.
Aliás, o grande objeti-
vo dessas tardes de lazer
é valorizar o idoso, fazer
com que se sintam capa-
zes, felizes e com vonta-
de de fazer a diferença a
cada dia que passa.
As atividades da Câ-
mara Municipal de
Oriente foram retoma-
das de maneira oficial
no último dia 18 de fe-
vereiro, quando acon-
teceu a primeira sessão
ordinária de 2015.
De acordo com o pre-
sidente da Casa, verea-
dor Daniel Moris, os
vereadores já mostra-
ram serviço, eviden-
ciando que o ano será
de muito trabalho e em-
penho por uma Oriente
cada vez melhor.
Cada vereador tem
Câmara inicia 2015
mostrando muito trabalho
sua área principal de
atuação, como saúde,
esporte, educação, en-
fim, as necessidades
da população de uma
maneira geral e lutam
sempre por melhorias,
inovações, sempre pen-
sando no bem de todos.
A Câmara Municipal
atua sempre em parce-
ria com o prefeito Dado
Moris, bem como todas
as secretarias da Pre-
feitura Municipal, vi-
sando o bem-estar e a
qualidade de vida da
população.
Nas primeiras ses-
sões já foram apresen-
tados cinco projetos,
três moções, dois re-
querimentos e dezenas
de indicações, provan-
do que a Câmara está
disposta a contribuir
para uma boa adminis-
tração.
Força Sindical: MPs 664 e 665
Marília e Bauru pedem apoio a parlamentarem da região
O coordenador da
Força Sindical Regional
Marília e presidente do
Sindicato dos Metalúr-
gicos de Marília e Re-
gião Irton Siqueira Tor-
res; José Carlos de Paula
presidente da Força Sin-
dical Regional Bauru e
do sindicato dos Traba-
lhadores nas Industrias
de Fabricação do Álco-
ol, Químicas de Ipaussu
e Região e ainda Edson
Dias Bicalho, secreta-
rio geral da Federação
dos Químicos do Esta-
do de São Paulo e pre-
sidente do Sindicato dos
Trabalhadores Químicos
de Bauru e Região, es-
tiveram no ultimo sába-
do, dia 21 de fevereiro,
em Ourinhos, no escritó-
rio político do Deputa-
do Federal Capitão Au-
gusto.
Na oportunidade as li-
deranças sindicais foram
solicitar apoio do parla-
mentar, na hora da vota-
ção da MPs 664 e 665.
“Queremos sensibili-
zar os parlamentares de
Marília e Região a re-
jeitar a retirada de direi-
tos dos trabalhadores es-
tabelecida nas Medidas
Provisórias (MPs) 664 e
665, baixadas pela presi-
denta Dilma, no final do
ano, que alteram as re-
gras do seguro-desem-
prego, abono salarial,
seguro-defeso, pensão
por morte, auxílio-doen-
ça e auxílio-reclusão”,
declarou Irton Torres,
presidente da Força Sin-
dical Regional Marília.
Edson Dias Bicalho,
Secretario Geral da Fe-
deração dos Químicos
observa que o governo
fala em adequação das
medidas para corrigir
“distorções e fraudes’, e
que estas alterações não
retiram direitos dos tra-
balhadores. No entanto,
“as MPs retiram, sim,
direitos, e atingem uma
parcela importante da
sociedade. A crise está
aí e estamos sentindo o
problema do desempre-
go na pele”, ressalta.
“Queremos um Bra-
sil melhor para todos, e
cobramos coerência na
busca de um horizonte,
uma visão de futuro”,
destaca. A Força Sindi-
cal mantém a posição
de mobilizar os traba-
lhadores para pressionar
o governo a revogar as
MPs.
Durante o encontro
com deputado Capitão
Augusto, em Ourinhos,
também esteve presen-
te o presidente do sin-
dicato dos Trabalhado-
res Químicos de Marília
e o presidente do Sindi-
cato dos Eletricitários de
Ipaussu.
“Agradeço a visita de
todos vocês dirigentes
sindicais aqui em meu
escritório e aproveito
para dizer que tudo que
for necessário para de-
fender os direitos dos
trabalhadores vocês po-
dem contar comigo”,
lembrou o capitão. A
próxima reunião com
parlamentar deve ser
essa semana com Valter
Hiroshi, deputado Fede-
ral por Marília.
Escrito por Chico As-
sessoria e Comunicação
Sindical
Câmara define novos
membros das Comissões
Os vereadores
Vado e Salgadinho
pediram renúncia
de seus respectivos
cargos nas Comis-
sões Permanentes
da Câmara Munici-
pal e assim, o presi-
dente da Casa, vere-
ador Daniel Moris,
rapidamente no-
meou os seus subs-
titutos.
	 Ficou definido
que Nelson Horácio
será relator da Co-
missão de Justiça e
Redação, enquanto
que Osvaldo Alonge
assume a vice-presi-
dência da Comissão
de Finanças e Obras
Públicas.
	 Com as trocas,
as Comissões fica-
ram assim estabele-
cidas:
	COMISSÃO
DE JUSTIÇAE RE-
DAÇÃO
	Presidente:
Marcelo Costa Ru-
fino
	Vice-presi-
dente: Osvaldo
Alonge
	 Relator: Nel-
son Horácio Correa
	COMISSÃO
DE FINANÇAS E
OBRAS PÚBLI-
CAS
Presidente: Edson
Guimarães Bueno
Vice-presidente:
Osvaldo Alonge
Relator: Nelson
Horácio Correa
C O M I S S Ã O
DE EDUCAÇÃO,
SAÚDE E ASSIS-
TÊNCIA SOCIAL
Presidente: José
Rodolpho Moris
Vice-presidente:
Jair Teixeira Alves
Relator: Marcelo
Costa Rufino
O papel das co-
missões é muito im-
portante, pois elas
têm como objetivo
estudar os assun-
tos relacionados, fa-
zendo uma análise
completa, passan-
do por um exame, a
fim de que seja de-
ferido pareces.
416 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL
Câmara Municipal de Oriente
MOÇÃO DE CONGRATULAÇÃO Nº 01/2015. Do
Vereador Edivaldo de Barros, feita na sessão do último
dia 26/01/2015
Requeiro na forma regimental, após ouvido o doutor
plenário, apresentar esta Moção de Congratulação ao Sr.
Jose Pereira (Déda) que ao longo de sua carreira tem fei-
to pelo esporte de nosso município, em especial ao fu-
tebol. Quando em sua humilde pessoa como técnico de
futebol levou o consagrado e inesquecível time da Usina
Paredão a vários títulos regionais. Desde já peço aos no-
bres Edis desta casa que de seu apoio a esta Moção.
REQUERIMENTO Nº 01/2015. Do vereador Marce-
lo Costa Rufino, feita na sessão do último dia 18/02/2015
Requeiro, á Mesa, cumprida as formalidades regimen-
tais e ouvido o Plenário da Casa Legislativa, que envie
ofício ao Sr. Prefeito Municipal de oriente solicitando in-
formações sobre números e ação de enfrentamento do
avanço da dengue em nosso município. O avanço dos
casos de dengue no município de Oriente e cidades vizi-
nhas assusta e gera em toda população a sensação de vul-
nerabilidade da sua saúde. Sabemos que esta evolução
tem relação direta com a falta de ações do próprio cida-
dão, mas não se pode atribuir somente a ele a prolifera-
ção do Aedes Aegypti, mosquito transmissor da doença.
Cabe ao município, através de ações eficazes, campa-
nhas de esclarecimento e, principalmente, um enfrenta-
mento rápido da situação para garantir que o problema
não se alastre. Portanto, diante destes breves relatos e a
fim de levar a população informações que possam lhe
confortar, vimos REQUERER que se oficie ao Chefe do
Executivo para que, através do órgão competente, res-
ponda ás seguintes indagações: 1) Quantos foram os ca-
sos de dengue registrados pela Secretaria Municipal de
Saúde este ano? 2) Atualmente, em quanto tempo é obti-
do o diagnóstico de dengue no município? Da coleta do
sangue ao resultado do exame, quanto tempo demora? 3)
Neste período sem diagnóstico preciso o paciente corre
risco? 4) Estão sendo tomadas medidas, em caráter emer-
gencial, para o enfretamento ao combate a dengue? Se
sim, quais? Detalhar. O Vereador é o membro do Poder
legislativo do município. Nessa condição, ele desempe-
nha as tarefas de legislar, uma função fiscalizadora.
INDICAÇÃO Nº 01/2015. Do Vereador Osvaldo
Alonge, feita na sessão do último dia 09/02/2015
Indico ao exmo. Sr. Prefeito Carlos Eduardo Boldori-
ni Moris, que tome as devidas providências com a máxi-
ma urgência encaminhar um Projeto de Lei a esta Casa
Legislativa criando a OPERAÇÃO DELEGADA, que é
um convênio entre Estado e o Município com o objetivo
de permitir a utilização de Policiais Militares, em dias de
folga, no policiamento ostensivo e no apoio á Prefeitura
nas atividades de fiscalização que são de responsabili-
dade do Município. O policial usa farda, viatura e arma-
mento do Estado e trabalha em suas hora de folga e são
remunerados pelo Município.
INDICAÇÃO Nº 02/2015. Dos vereadores Osvaldo
Alonge e Marcelo Rufino, feita na sessão do último dia
18/02/2015
Indicamos ao Exmo. Sr. Prefeito Carlos Eduardo Bol-
dorini Moris, que tome as devidas providências com a
máxima urgência, encaminhar á Câmara Municipal de
Oriente SP, um Projeto de Lei criando o Plano de Carrei-
ra ao Funcionalismo Público Municipal.
INDICAÇÃO Nº 03/2015. Dos Vereadores Marcelo
Costa Rufino e Osvaldo Alonge, feita na sessão do últi-
mo dia 18/02/2015
Indicamos ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal Carlos
Eduardo Boldorini Moris, que envie um projeto de lei
a esta Casa Legislativa aumentando valor do Cartão-A-
limentação fornecido aos servidores públicos municipal
de Oriente para R$ 200,00 ( Duzentos reais ).
INDICAÇÃO Nº 04/2015. Dos Vereadores Marcelo
Costa Rufino e Osvaldo Alonge, feita na sessão do últi-
mo dia 18/02/2015
Indicamos ao Senhor Prefeito Municipal no sentido
de que tome as providências necessárias e cabíveis para
proceder estudos sobre a viabilidade de se conceder RE-
AJUSTE SALARIALACIMA DO ÍNDICE DA INFLA-
ÇÃO a todos os servidores municipal de Oriente.
INDICAÇÃO Nº 05/2015. Do Vereador Marcelo
Costa Rufino
Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal Carlos Eduar-
do Boldorini Moris, que interceda junto ao setor compe-
tente, para que a mesma providencie a MANUTENÇÃO
EM TODAS AS ESTRADAS RURAIS E PONTES no
município de Oriente.
INDICAÇÃO Nº 06/2015. Do vereador Nelson Ho-
racio Correia, feita na sessão do último dia 18/02/2015
De Acordo com o Regimento Interno desta Casa de
Leis do Município de Oriente São Paulo, indico ao Exmo.
Senhor Prefeito Carlos Eduardo Boldorini Moris, a pos-
sibilidade de instalar na Praça da Capela São Vicente no
Bairro Lucimar, padrão 220 V ( Bifásico), bem como a
substituição das Lâmpadas por de maior potência.
INDICAÇÃO Nº 07/2015. Do Vereador Osvaldo
Alonge, feita na sessão do último dia 23/02/2015
Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Carlos Eduardo Boldori-
ni Moris, que tome as devidas providências com a má-
xima urgência, ampliar os investimentos em iluminação
pública substituindo as lâmpadas de baixa potência por
lâmpadas de LED em todos os postes da cidade.
INDICAÇÃO Nº 08/2015. Do Vereador Osvaldo
Alonge, feita na sessão do último dia 23/02/2014
Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Carlos Eduardo Boldori-
ni Moris, que tome as devidas providências com a máxi-
ma urgência, construir uma Creche para os idosos.
INDICAÇÃO Nº 09/2015. Dos Vereadores Ser-
gio Mattar e Salgadinho, feita na sessão do último dia
23/02/2015
Indico ao Exmo. Senhor Prefeito Carlos Eduardo Bol-
dorini Moris que faça um projeto de pavimentação no
Bairro Parque das Árvores, se possível com urgência.
INDICAÇÃO Nº 10/2015. Dos Vereadores Marcelo
Rufino e Osvaldo Alonge, feita na sessão do último dia
23/02/2015
Indicamos ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal de Orien-
te Sr. Carlos Eduardo Boldorini Moris, que através do
departamento competente providencie com urgência a
Limpeza da Piscina Pública Desativada no terreno ao
lado do Clube dos Idosos (C.C.I).
INDICAÇÃO Nº 11/2015. Do Vereador Marcelo Ru-
fino, feita na sessão do último dia 23/02/2015
Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal Carlos Edu-
ardo Boldorini Moris, que interceda junto ao setor com-
petente, para que seja feito um estudo para melhorar o
ESCOAMENTO DA ÁGUA PLUVIAL na Rua Ângelo
Zola, próximo ao número 233.
INDICAÇÃO Nº 12/2015. Do Vereador Marcelo Ru-
fino, feita na sessão do último dia 23/02/2015
Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal Carlos Edu-
ardo Boldorini Moris, que interceda junto ao setor com-
petente, para que a mesma providencie a NOVA PAVI-
MENTAÇÃO ASFÀLTICA na Rua Prefeito João Ferraz
que da sentido a Fazenda Paredão, ao lado da linha férrea
no município de Oriente.
INDICAÇÃO Nº 13/2015. Do Vereador Marcelo
Costa Rufino, feita na sessão do último dia 23/02/2015
Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal Carlos Edu-
ardo Boldorini Moris, que interceda junto ao setor com-
petente, para que a mesma providencie a MANUTEN-
ÇÃO ASFÁLTICA na Avenida Azaleia no município de
Oriente.
REQUERIMENTO Nº 02/2015. Dos Vereadores
Osvaldo Alonge e Marcelo Rufino, feita na sessão do úl-
timo dia 23/02/2015
Requeiro á Mesa, após ouvido o plenário, que encami-
nhe ofício ao SR. Diretor do CDHU, na cidade de Marí-
lia SP, solicitando que envie a esta Casa Legislativa com
a máxima urgência, a lista dos suplentes do núcleo habi-
tacional que está sendo construído na cidade de Oriente
SP. Solicitando ainda, que nos informe qual foi o total de
recursos já utilizados na referida obra e quanto de recur-
sos o CDHU terá que repassar á Prefeitura Municipal de
Oriente SP para finalizar a obra. A solicitação em refe-
rência tem como objetivo buscar tais informações para
que esta Casa Legislativa exerça sua função fiscalizado-
ra.
MOÇÃO DE PARABENIZAÇÃO Nº 02/2015. As-
sinado por todos Vereadores , feita na sessão do último
dia 23/02/2015
Requeiro na forma regimental, a inserção em ata de
nossos trabalhos de uma Moção de Parabenização ao
Chefe do Cartório Eleitoral da 180° Zona Eleitoral de
Marilia SP, Sr. MARIO JORGE RODRIGUES DAFLON
Ata da Sessão do dia 18 de Fevereiro de 2015
Aos dezoito dias do mês de fevereiro do ano de
dois mil e quinze, na sala das Sessões “Nick Carter
Moris”, realizou-se SESSÃO ORDINÁRIA, com a
presença dos senhores vereadores; Edivaldo de Bar-
ros, Edson Guimarães Bueno, Jair Teixeira Alves,
José Rodolpho Moris, Marcelo Costa Rufino, Nelson
Horácio Correa, Osvaldo Alonge e Sérgio Ricardo
Marques Mattar. Verificando que o senhor vereador
presidente Daniel Henrique Moris não compareceu
na sessão, assumindo o vice-presidente Edson Gui-
marães Bueno e havendo o número legal a Presidên-
cia em nome de Deus deu por aberta a Sessão Ordi-
nária. Em seguida o vereador José Rodolpho Moris
fez a leitura de um texto Bíblico. Dando sequência
o Secretário Nelson Horácio Correa fez a leitura das
Atas do dia 15/12/2014 e do dia 26/01/2015, colo-
cadas em discussão, em votação foi aprovadas por
todos os vereadores. EXPEDIENTE DO EXECU-
TIVO Consta Oficio nº 017/2015 que encaminha
Projetos de Lei nº 02, 03, 04 e 05/2015, foram en-
caminhados para as comissões para os devidos pa-
receres. EXPEDIENTE DO LEGISLATIVO Cons-
ta Requerimento nº 01/2015 de autoria do vereador
Marcelo Costa Rufino, em discussão e votação foi
aprovado por todos os vereadores. Consta Moção de
Congratulação nº 01/2015 ao Sr. Jose Pereira (Déda)
de autoria do vereador Edivaldo de Barros, assinado
por todos os vereadores, em discussão e votação foi
aprovado por todos os vereadores. Consta Indicação
nº 01/2015 de autoria do vereador Osvaldo Alonge.
Constam Indicações nº 02, 03 e 04/2015 de auto-
ria dos vereadores Marcelo Costa Rufino e Osvaldo
Alonge. Consta Indicação nº 05/2015 de autoria do
vereador Marcelo Costa Rufino. Consta Indicação
nº 06/2015 de autoria do vereador Nelson Horácio
Correa. EXPEDIENTE DE DIVERSOS Nada cons-
ta. ORDEM DO DIA Nada consta. PRÓXIMA OR-
DEM DO DIA Nada consta. TEMA LIVRE usaram
da tribuna os vereadores; Osvaldo Alonge, Marcelo
Costa Rufino, Edivaldo de Barros, Jose Rodolpho
Moris e Sérgio Ricardo Marques Mattar. JUSTIFI-
CATIVA DE VOTO como nenhum vereador justifi-
cou o voto não havendo mais nada a tratar na presen-
te sessão a Presidência agradeceu a Deus considerou
encerrada e eu 1º Secretario lavrei a presente Ata
que será lida e discutida na próxima sessão.
EDSON GUIMARÃES BUENO	NELSO HORÁCIO CORREA
	 Vice-Presidente		 1º Secretário
Aos vinte e seis dias do mês de janeiro do ano de dois
mil e quinze, na sala das Sessões “Nick Carter Moris”,
realizou-se SESSÃO EXTRAORDINÁRIA, com a pre-
sença dos senhores vereadores; Daniel Henrique Moris,
Edivaldo de Barros, Edson Guimarães Bueno, Jair Tei-
xeira Alves, José Rodolpho Moris, Marcelo Costa Ru-
fino, Nelson Horácio Correa, Osvaldo Alonge e Sérgio
Ricardo Marques Mattar. Verificando o número legal a
Presidência em nome de Deus deu por aberta a Sessão
Extraordinária. Em seguida o vereador Edson Guimarães
Bueno fez a leitura de um texto Bíblico. Dando seqüên-
cia o Presidente passou para ORDEM DO DIA Cons-
ta Projeto de Lei do Executivo nº 01/2015 que autoriza
a Prefeitura Municipal de Oriente conceder auxílio e/ou
contribuições para entidades assistências, sem fins lucra-
tivos, colocado em discussão e votação foi aprovado por
todos os vereadores. Esgotado a Ordem do Dia para qual
foi convocada a Sessão Extraordinária, a Presidência em
nome de Deus considerou encerrada e eu primeiro se-
cretário lavrei a presente Ata que será lida e discutida na
próxima sessão.
DANIEL HENRIQUE MORIS NELSON HORÁCIO CORREA
	 Presidente			 1º Secretário
Ata da Sessão do dia 26 de Janeiro de 2015
516 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL
Ana Flávia 16/7 Roberto Silva 01/7 Leticia Nigri 03/07
Parabéns aos aniversariantes do mês!
Vinicius Battaglia 18/2 Paulo Neston 20/2 Paula Teles 18/2
Ana Coutinho 19/2 Dudu Scanavacca 22/2
João Francisco Felix
9/2
Luiz Camargo 20/2
o Vovô coruja Claudio
do Barracão com Seu
Netinho Pedro
Clouse de Neno e sua esposa Juliana com Seus Filhos
Paulo Borges e Nivia Ricardo Oliveira 25/2
Taia Rodrigues 19/2
Um Clouse da futura mamãe Erica com Adolfo ,
Brenda e Guto
Samanta , Edson Seu Filinho Luis Gustavo e
sua Afilhada Ana Julia
616 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL
Duarte Nogueira reitera trabalho conjunto com Pompeia
Pompeia é uma cidade
que tem um olhar especial
por parte do Governo do
estado de São Paulo, o que
lhe rende grandes conquis-
tas e muitas benfeitorias.
	 Esse olhar se tor-
nou especial graças a uma
sólida parceria que o pre-
feito Oscar Yasuda esta-
beleceu com o governador
Geraldo Alckmin e seus
secretários, como o secre-
tário de transporte e logís-
tica Duarte Nogueira.
	 Duarte foi eleito
ano passado deputado fe-
deral, teve centenas de vo-
tos em Pompeia e foi um
dos mais votados em todo
o estado de São Paulo.
	 Ele já esteve diver-
sas vezes em Pompeia e ao
encontrar com o prefeito
Oscar recentemente, rea-
firmou o seu compromis-
so com a população e em
especial na luta para reti-
rar a Rodovia Comandan-
te João Ribeiro de Barros
(SP-294) do perímetro ur-
bano do município.
	 Para o prefeito,
Duarte é um importante
aliado de Pompeia, “uma
pessoa sempre muito aten-
ciosa conosco e um políti-
co compromissado e que
já nos ajudou e continuará
ajudando”, destacou.
Liberado o início das obras
das creches-escolas
O prefeito Oscar Yasu-
da foi até São Paulo antes
do carnaval e assinou o ter-
mo de início das obras das
creches-escolas no Núcleo
Octávio Lacombe e Por-
tal dos Pássaros. Na sede
da Secretaria da Educação,
o prefeito comemorou es-
sas duas importantes con-
quistas para Pompeia, “está
tudo acertado, graças a
Deus já podemos começar
o todo o processo prático
para essas duas grandiosas
obras na nossa cidade”, ex-
plicou. As duas obras fica-
rão em cerca de R$3,1 mi-
lhões, numa parceria com
o deputado estadual Bar-
ros Munhoz e o governador
Geraldo Alckmin.
	 As creches-escolas
serão construídas no mais
alto padrão de qualidade
existente no Brasil, com
prédios amplos, bem es-
truturados e seguros. Além
disso, receberão equipa-
mentos e utensílios moder-
nos e que garantirão toda a
comodidade que as crian-
ças precisam no dia a dia.
“Em poucos dias já come-
çam os trabalhos de terra-
planagem e de preparação
dos terrenos para as obras”,
finalizou o prefeito Os-
car, que agradeceu, “deixo
aqui meu obrigado ao Bar-
ros Munhoz e para o gover-
nador Alckmin que sempre
estão nos ajudando e empe-
nhado em trazer o melhor
para Pompeia”, disse.
Deputado Reinaldo Alguz
reforça parceria com Pompeia
O prefeito Oscar Yasuda
esteve junto com o depu-
tado estadual Reinaldo Al-
guz (PV), acompanhando
a visita do governador Ge-
raldo Alckmin na região,
na semana que antecedeu
o carnaval.
Aproveitando a oportu-
nidade, Oscar conversou
com o parlamentar sobre
os serviços que o mesmo
tem prestado a Pompeia e
reforçou a parceria que já
rendeu inúmeras conquis-
tas. Alguz é um grande de-
fensor da região. Já trou-
xe diversos recursos para
Pompeia, como exemplo a
reforma e readequação do
Clube JK, rede de esgoto
do Distrito Industrial II e
III, revitalização das Pra-
ças e construção dos bol-
sões, entre outros como
ajuda a entidades assisten-
ciais do município. Para
o prefeito Oscar, é funda-
mental ter Alguz legislan-
do em prol de Pompeia e
região na Assembleia Le-
gislativa, “um amigo, par-
ceiro que está sempre nos
ouvindo e nos atendendo,
é uma verdadeira lideran-
ça política de nossa região,
ao lado do deputado fede-
ral Dr. Evandro Gussi”,
disse.
Guri Pompeia ainda tem vagas
para viola caipira e percussão
Para quem quer apren-
der a tocar um instru-
mento ainda dá tempo, o
Projeto Guri de Pompéia
está de volta neste ano e
com matrículas abertas
para os cursos de viola
caipira e percussão.
“Tivemos uma ade-
são muito grande entre
os alunos que querem
aprender a tocar violão,
por isso, as vagas já fo-
ram preenchidas, mas
ainda temos vagas em
outros dois instrumentos.
É importante que crian-
ças e jovens possam se
dedicar ao ensino de mú-
sica“, lembra Eloisa Cre-
mon, coordenadora do
Guri. As inscrições vão
até o dia 7 de março e de-
vem ser feitas nas depen-
dências no Projeto Tem-
po Útil, para devem estar
acompanhados de um
dos pais ou responsável
e apresentem o RG ou
certidão de nascimento,
comprovante de residên-
cia e de escolar. Garanta
sua vaga no Projeto Guri.
O polo em Pompéia fica
na Rua Moysés Ferreira
Martins, nº 50, e o horá-
rio de atendimento é das
13h às 17 horas. Telefo-
ne: 3405 2825.
Mais de 500 fizeram cadastro para transporte gratuito
Aproximadamente 500
pompeenses universitários
ou estudantes técnicos re-
alizaram o cadastro para o
transporte gratuito, no site
www.pompeia.sp.gov.br.
	 Segundo a Prefei-
tura, o número ainda é não
é considerado o ideal, em
comparação com anos an-
teriores, que o número de
cadastrados beirou os 700.
	 É importante frisar
para aqueles que estão via-
jando diariamente para es-
tudar e que não fizeram o
seu cadastro, que eles de-
vem providenciar o cadas-
tramento para evitar trans-
tornos como o de não ter
lugar de assento no ônibus.
	 Outra dica é que
mesmo aqueles que já são
veteranos e se cadastraram
em anos passados, devem
atualizar os seus dados, por
isso refazer o cadastro.
	 É simples, rápido,
fácil e totalmente gratuito.
Basta acessar o site www.
pompeia.sp.gov.br, clicar
no banner e preencher os
dados corretamente. Em
menos de cinco minutos
estará apto para viajar de
graça.
	 São os últimos dias
de prazo.
	 Este é o sétimo ano
consecutivo que a Prefei-
tura oferece o transporte
gratuito para todos os estu-
dantes que viajam para ci-
dades vizinhas como Marí-
lia, Tupã, entre outras.
716 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL
DENGUE - Prefeitura cobra
proprietários de terrenos baldios e sujos
A Prefeitura de Pom-
peia pede a colaboração
por parte dos proprietá-
rios de terrenos que es-
tão em condições ruins de
limpeza e conservação,
se tornando assim um po-
tencial criadouro do mos-
quito aedes agpity - proli-
ferador da dengue. A Lei
Municipal nº 1.964 de 05
de dezembro de 2001 es-
pecifica que a limpeza do
terreno, bem como a con-
servação dos passeios e
a construção dos muros
devem ser de responsa-
bilidade do proprietário.
Diariamente, a ouvidoria
da Prefeitura recebe liga-
ções, emails, com recla-
mações sobre terrenos su-
jos, com restos de obras,
construções abandonadas,
mato alto, entre outros,
por isso, mais uma vez,
pede a conscientização,
ainda mais em época de
chuva e muito calor, que
torna o ambiente perfeito
para o mosquito causador
da dengue. A Prefeitura
está identificando os pro-
prietários desses terrenos
e assim, cobrando uma
postura quanto a limpe-
za do mesmo. O plano faz
parte do combate e con-
tenção dos casos de den-
gue no município.
Lembrando que a ou-
vidoria da Prefeitura está
disponível para todo cida-
dão. O telefone para con-
tato é o (14) 3405-1500
ou (14) 3405-1701.
DEC realiza planejamento aos professores da rede municipal
Professores e ges-
tores da rede munici-
pal participaram nes-
ta semana de três dias
de planejamento es-
colar, destinado a or-
ganizar ações a serem
colocadas em prática
nas salas de aula.
Para auxiliar as es-
colas na preparação
para este momento,
a DEC (Divisão de
Educação e Cultura)
preparou uma capa-
citação destinada ao
ensino infantil e ou-
tra ao fundamental.
Na primeira o intuito
era treinar o cérebro
com a possibilidade
de deixá-lo mais ágil
às atividades cotidia-
nas e escolares. Aos
educadores do funda-
mental, dividiram-se
em suas sedes e cada
EMEF, com elaborou
atividades relaciona-
das ao cotidiano da
escola e suas peculia-
ridades.
“Esses subsídios
permitirão à nossa
equipe escolar, apli-
car e consolidar o
compromisso de con-
tinuar avançando
com a educação de
Pompéia”, citou a di-
rigente, Simone Sa-
vério.
Os resultados de
atividades como esta
são vistos em cada
turma e com as ava-
liações realizadas du-
rante o ano que com-
provam a qualidade
da educação da cida-
de, a exemplo da Pro-
va Brasil e SARESP.
Lançada a Campanha da Fraternidade 2015
Foi lançada oficialmen-
te no dia 23, em sessão
na Câmara Municipal, a
Campanha da Fraterni-
dade 2015, cujo tema é
“Igreja e a Sociedade” e
o lema “Eu vim para ser-
vir”.
	 Comandada pelo
presidente da Casa, Dr.
Carlos Rogério Barbosa,
a cerimônia contou com a
presença do prefeito Os-
car Yasuda e o Diácono
Diego Luis Carvalho, que
representou o Padre Már-
cio Rios.
	 Os fiéis lotaram o
Plenário da Câmara. Can-
taram e se emocionaram
com a oração e o Hino da
Campanha. Foi uma noite
realmente bastante espe-
cial.
	 No uso da palavra,
o Diácone Diego citou
que a comunidade cristã
deve estar mobilizada em
prol da sociedade, agindo
a favor dos irmãos, mas
também cobrando e cola-
borando com o poder pú-
blico.
	 Já o prefeito Oscar
comentou sobre o papel
fundamental que a Igre-
ja tem no desenvolvimen-
to social de uma cidade, e
enalteceu os trabalhos do
Padre Márcio Rios, em es-
pecial com a juventude.
CRAS abre vagas para o
Programa Ação JovemO CRAS (Centro de Refe-
rência de Assistência Social)
está recebendo inscrições
para o programa estadual
Ação Jovem, que tem tido
muita adesão e contribuído
com a formação de estudan-
tes de Pompéia. A iniciativa
do Estado tem por objetivo
promover a inclusão social
de jovens que estejam estu-
dando. O período de perma-
nência no programa é de um
ano podendo ser prorrogado
e a bolsa auxílio é de R$ 80.
Natália Morelli, coorde-
nadora do CRAS lembra que
os jovens que fazem parte
do programa tem a oportu-
nidade única de progredir no
aprendizado e em seu desen-
volvimento pessoal, além de
se preparar para o mercado
de trabalho
Para se cadastrar no Pro-
grama Ação Jovem é preci-
so procurar o CRAS funcio-
na na Arena de Esportes &
Eventos e pelo telefone 3452
2940 e atender os seguintes
requisitos:
• ter entre 15 e 24 anos e
onze meses;
• estar como o ensino fun-
damental e/ou médio incom-
pleto;
• ter renda “per capita” fa-
miliar mensal até meio salá-
rio-mínimo nacional;
• ser matriculado no ensi-
no regular de educação bási-
ca
816 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL
Professores da rede municipal de
Oriente passam por capacitaçãoEntre os dias 18 e 20
de fevereiro, os profes-
sores da rede munici-
pal de ensino de Orien-
te passaram por uma
importante capacita-
ção visando o ano leti-
vo que foi recentemen-
te iniciado.
	 Os profissionais
puderam alinhar seus
trabalhos, efetuar seus
devidos planejamentos
de aulas, participar de
palestras, dinâmicas e
outras atividades rela-
cionadas com a qualifi-
cação.	
	 Com mais de
400 alunos na rede mu-
nicipal, o prefeito Dado
Moris tem se preocu-
pado em oferecer uma
educação de primeira
para todos e para isso, a
capacitação dos docen-
tes é ponto essencial.
	 A secretária de
educação Ana Beatriz
Pedroso, comenta so-
bre a capacitação, “é
sempre bom nos reu-
nirmos e juntos reali-
zarmos nosso plane-
jamento, quanto mais
o nosso trabalho em
sala de aula estiver ali-
nhado, melhor será o
aprendizado de nossas
crianças”, disse.
	Ana Beatriz
completa, “temos or-
gulho de ser uma equi-
pe trabalha em conjun-
to e buscamos cada vez
mais nos alinharmos na
mesma visão”, finali-
zou.
Entenda quando um
cuidador de idosos é
necessário
Éprecisolevaremcontacomoestáaautonomia
do paciente antes de tomar essa decisão
Nos dias de hoje, é natural, termos ou conhecermos alguém
que tenha um idoso em casa e com a necessidade de um cui-
dador seja ele um familiar ou uma pessoa contratada para esta
finalidade.
No entanto, só o fato de ser idoso justifica a necessidade de
um cuidador? Não! É necessário observarmos outros aspec-
tos relacionados a segurança e bem estar desse idoso. O ideal
é a família estar próxima para identificar a real necessidade
de ajuda, como, por exemplo:
•	 É capaz de realizar sozinho as atividades de autocui-
dado (banho, vestir, ir ao banheiro) sem riscos?
•	 Ao andar pela casa há risco de falta de equilíbrio ou
quedas?
•	 A memória esta preservada para que ele monitore os
próprios remédios? Apresenta muitas falhas de adesão ao tra-
tamento?
•	 Consegue manter a rotina da casa?
•	 Alimentação está adequada? Existem alimentos ven-
cidos em casa?
Existem hoje dois tipos de cuidadores:
•	 Cuidador familiar, parente do idoso que cuida do fa-
miliar sem remuneração
•	 - Cuidador formal, pessoa contratada para o cuidado
mediante a remuneração.
Como escolher um bom cuidador
Com o aumento exponencial do número de idosos, houve
uma grande demanda por cuidadores nos últimos anos, sen-
do comum observamos nas residências de idosos a presença
de pessoas sem qualquer tipo de formação para o cuidado. O
envelhecimento é acompanhado de alterações físicas, psico-
lógicas e sociais que precisam de uma atenção especial e co-
nhecimento prévio para evitar repercussões negativas no ido-
so. Um exemplo é o cuidador que infantiliza o idoso, o que
habitualmente é muito mal recebido.
Atualmente, existem vários cursos de capacitação para for-
mação de cuidadores que visam a melhoria do cuidado pres-
tado. É fundamental o aprendizado de técnicas para a manu-
tenção e estimulação de autonomia e independência do idoso.
Desta forma, o cuidador deve tentar ao máximo apenas super-
visionar e/ou auxiliar estritamente dentro necessário, somente
nas atividades em que de fato o idoso necessite de ajuda. Não
se deve tentar ajudar ou até “acelerar” todas as atividades do
dia a dia, o que acabará tornando o idoso mais dependente.
Vale ressaltar que para ser cuidador não é necessário ser
um profissional da área da saúde, e sim ser capacitado para
este tipo de trabalho.
O envelhecimento não ocorre de forma igual para todos e
cada indivíduo tem necessidades muito específicas. O médico
e os profissionais de saúde que atendem o idoso devem orien-
tar as atividades para as quais o cuidador seria fundamental,
assim como treiná-los quantos as especificidades daquele in-
divíduo. As necessidades individuais e a estrutura de suporte
social disponível é que vai definir quem será o cuidador: fa-
miliar, cuidador contratado ou um profissional de saúde.
Em alguns casos, as Instituições de Longa Permanência
(Casa de Repouso) também podem ser uma opção. Elas ofe-
recem cuidado integral e amparo médico de urgência. Neste
caso, é fundamental conversar com o idoso sobre esta possi-
bilidade. Quando há mudança de ambiente, ambas as partes
tem que estar de acordo com a modificação para que seja be-
néfica.
Este artigo foi escrito com a colaboração de Juliana Mo-
rales (CREFITO 10.166), terapeuta ocupacional do Instituto
Longevità e especialista em gerontologia pela Universidade
Federal de São Paulo (Unifesp). Dr. Roberto Miranda GE-
RIATRA - CRM 64140/SP
Secretaria oferece cursos
gratuitos com vagas limitadas
A Secretaria de Promo-
ção Social da Prefeitura de
Oriente comuncica que es-
tão abertas vagas, porém
limitadas, para cursos pro-
fissionalizantes gratuitos.
	 O objetivo da Se-
cretaria ao oferecer os cur-
sos é dar a oportunidade
aos orientenses se capaci-
tar, aprender algo a mais e
ter a oportunidade de atra-
vés do conhecimento ad-
quirido, obter uma certa
geração de renda contri-
buindo no orçamento fa-
miliar.
	 Uma das novida-
des é o curso de ovos de
páscoa, que é um produ-
to muito procurado nessa
época, portanto uma gran-
de oportunidade.
	 Pintura, bordado,
crochê, são outros cursos
com vagas abertas.
	 É importante fri-
sar que a procura vem sen-
do muito grande, por isso
aqueles que tem interesse
devem procurar a Secreta-
ria de Promoção Social ra-
pidamente.
Um dos grandes feitos
do prefeito Dado Mo-
ris, foi limpar o nome
da Prefeitura de Oriente,
quitando as dívidas do
município, recuperando
a sua credibilidade.
Bem administrada, a
cidade hoje pode rece-
ber recursos estaduais e
federais, honra os paga-
mentos de fornecedores
e de servidores públi-
cos, enfim, a sua saúde
financeira se encontra
em ótimo estado.
O prefeito Dado co-
memora. Para ele, os
dois primeiros anos de
sua administração fo-
ram focados em recupe-
rar e reestruturar finan-
ceiramente a prefeitura,
que devia mais de R$2
milhões, bem como na
conquista de muitas ver-
bas, execução de mui-
tas obras, maquinários e
veículos antes nunca ti-
dos em oriente. Ao colo-
car a casa em ordem e as
contas em dia, o prefeito
Dado gera grandes ex-
pectativas ao afirmar em
entrevistas que o melhor
para Oriente ainda virá.
Ele mesmo desta-
cou que a segunda me-
tade de seu governo será
muito mais forte, inten-
so, com grandes obras e
conquistas a serem exe-
cutadas.
Com a Prefeitura bem
administrada, conse-
quentemente Oriente se
torna uma cidade pro-
gressista, com potencial
de crescimento e desen-
volvimento muito gran-
de, gerando qualidade
de vida para toda a po-
pulação.
Com boa administração, Oriente se
reergue e celebra saúde financeira

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

GAZETA DO SANTA CÂNDIDA, NOVEMBRO DE 2019
GAZETA DO SANTA CÂNDIDA, NOVEMBRO DE 2019GAZETA DO SANTA CÂNDIDA, NOVEMBRO DE 2019
GAZETA DO SANTA CÂNDIDA, NOVEMBRO DE 2019Adilson Moreira
 
Mobilização comunitária resulta em superação de problemas e acesso às tecnolo...
Mobilização comunitária resulta em superação de problemas e acesso às tecnolo...Mobilização comunitária resulta em superação de problemas e acesso às tecnolo...
Mobilização comunitária resulta em superação de problemas e acesso às tecnolo...FCVSA
 
Tecnologias Sociais Comunitárias - ONG Ambiente em Foco
Tecnologias Sociais Comunitárias - ONG Ambiente em FocoTecnologias Sociais Comunitárias - ONG Ambiente em Foco
Tecnologias Sociais Comunitárias - ONG Ambiente em FocoRicardo Zylbergeld
 
Jornal Cidade - Ano I - Nº 23
Jornal Cidade - Ano I - Nº 23Jornal Cidade - Ano I - Nº 23
Jornal Cidade - Ano I - Nº 23Jornal Cidade
 
São paulo falta de água ou de ação governamental
São paulo falta de água ou de ação governamentalSão paulo falta de água ou de ação governamental
São paulo falta de água ou de ação governamentalCIRINEU COSTA
 
Jornaldecristalina (16)
Jornaldecristalina (16)Jornaldecristalina (16)
Jornaldecristalina (16)Ivan Bispo
 
Água@SP: Mapeamento de propostas e iniciativas
Água@SP: Mapeamento de propostas e iniciativasÁgua@SP: Mapeamento de propostas e iniciativas
Água@SP: Mapeamento de propostas e iniciativasAguaSP
 
Morte dos Igarapés em Bom Jardim - MA
Morte dos Igarapés em Bom Jardim  - MAMorte dos Igarapés em Bom Jardim  - MA
Morte dos Igarapés em Bom Jardim - MAAdilson P Motta Motta
 

Mais procurados (14)

Informativo insp 67
Informativo insp   67Informativo insp   67
Informativo insp 67
 
GAZETA DO SANTA CÂNDIDA, NOVEMBRO DE 2019
GAZETA DO SANTA CÂNDIDA, NOVEMBRO DE 2019GAZETA DO SANTA CÂNDIDA, NOVEMBRO DE 2019
GAZETA DO SANTA CÂNDIDA, NOVEMBRO DE 2019
 
Informativo insp 20
Informativo insp   20Informativo insp   20
Informativo insp 20
 
Mobilização comunitária resulta em superação de problemas e acesso às tecnolo...
Mobilização comunitária resulta em superação de problemas e acesso às tecnolo...Mobilização comunitária resulta em superação de problemas e acesso às tecnolo...
Mobilização comunitária resulta em superação de problemas e acesso às tecnolo...
 
Informativo insp 63
Informativo insp   63Informativo insp   63
Informativo insp 63
 
Tecnologias Sociais Comunitárias - ONG Ambiente em Foco
Tecnologias Sociais Comunitárias - ONG Ambiente em FocoTecnologias Sociais Comunitárias - ONG Ambiente em Foco
Tecnologias Sociais Comunitárias - ONG Ambiente em Foco
 
Jornal Cidade - Ano I - Nº 23
Jornal Cidade - Ano I - Nº 23Jornal Cidade - Ano I - Nº 23
Jornal Cidade - Ano I - Nº 23
 
Guaianas 074
Guaianas 074Guaianas 074
Guaianas 074
 
São paulo falta de água ou de ação governamental
São paulo falta de água ou de ação governamentalSão paulo falta de água ou de ação governamental
São paulo falta de água ou de ação governamental
 
Jornaldecristalina (16)
Jornaldecristalina (16)Jornaldecristalina (16)
Jornaldecristalina (16)
 
Semeando vida
Semeando vidaSemeando vida
Semeando vida
 
Informativo 17
Informativo 17Informativo 17
Informativo 17
 
Água@SP: Mapeamento de propostas e iniciativas
Água@SP: Mapeamento de propostas e iniciativasÁgua@SP: Mapeamento de propostas e iniciativas
Água@SP: Mapeamento de propostas e iniciativas
 
Morte dos Igarapés em Bom Jardim - MA
Morte dos Igarapés em Bom Jardim  - MAMorte dos Igarapés em Bom Jardim  - MA
Morte dos Igarapés em Bom Jardim - MA
 

Destaque (17)

Giovani Medina LA VERDAD!
Giovani Medina LA VERDAD! Giovani Medina LA VERDAD!
Giovani Medina LA VERDAD!
 
¿Qué tiene Inés en el bolsillo?
¿Qué tiene Inés en el bolsillo?¿Qué tiene Inés en el bolsillo?
¿Qué tiene Inés en el bolsillo?
 
prueva de slideshara
prueva de slidesharaprueva de slideshara
prueva de slideshara
 
Calle 13
Calle 13Calle 13
Calle 13
 
Redes informaticas tic
Redes informaticas ticRedes informaticas tic
Redes informaticas tic
 
Seno_Coseno_102codigo6
Seno_Coseno_102codigo6Seno_Coseno_102codigo6
Seno_Coseno_102codigo6
 
Stahlbaupreis2010_Entsch.pdf
Stahlbaupreis2010_Entsch.pdfStahlbaupreis2010_Entsch.pdf
Stahlbaupreis2010_Entsch.pdf
 
RSS
RSSRSS
RSS
 
Clase inaugural
Clase inauguralClase inaugural
Clase inaugural
 
Voleibol por Giovanie Fernandez Lebron
Voleibol por Giovanie Fernandez Lebron Voleibol por Giovanie Fernandez Lebron
Voleibol por Giovanie Fernandez Lebron
 
Slideshare
SlideshareSlideshare
Slideshare
 
Ter um Mentor
Ter um MentorTer um Mentor
Ter um Mentor
 
Teaser_C63AMG_Coupé_BS_d.pdf
Teaser_C63AMG_Coupé_BS_d.pdfTeaser_C63AMG_Coupé_BS_d.pdf
Teaser_C63AMG_Coupé_BS_d.pdf
 
Alo_B_Gemeinden-mit-zkT_Geschlecht+Alter_ZehM_201008.pdf
Alo_B_Gemeinden-mit-zkT_Geschlecht+Alter_ZehM_201008.pdfAlo_B_Gemeinden-mit-zkT_Geschlecht+Alter_ZehM_201008.pdf
Alo_B_Gemeinden-mit-zkT_Geschlecht+Alter_ZehM_201008.pdf
 
186 Sozialbericht der Region Hannover Berichtsjahr 2009.pdf
186 Sozialbericht der Region Hannover Berichtsjahr 2009.pdf186 Sozialbericht der Region Hannover Berichtsjahr 2009.pdf
186 Sozialbericht der Region Hannover Berichtsjahr 2009.pdf
 
En el asia
En el asiaEn el asia
En el asia
 
954.pdf
954.pdf954.pdf
954.pdf
 

Semelhante a Jornal edição 114

Jornal opção 191 online
Jornal opção 191 onlineJornal opção 191 online
Jornal opção 191 onlineAlair Arruda
 
Jornal Paraná Notícias
Jornal Paraná NotíciasJornal Paraná Notícias
Jornal Paraná NotíciasEd Claudio Cruz
 
Diário Oficial de Guarujá5
Diário Oficial de Guarujá5Diário Oficial de Guarujá5
Diário Oficial de Guarujá5prefeituraguaruja
 
Jornal opção 171 ed online
Jornal opção 171 ed onlineJornal opção 171 ed online
Jornal opção 171 ed onlineAlair Arruda
 
Jornal 15 a 30 de setembro
Jornal 15 a 30 de setembroJornal 15 a 30 de setembro
Jornal 15 a 30 de setembroRoberto Cezar
 
Folha | Notícias Regionais | Edição 110
Folha | Notícias Regionais | Edição 110Folha | Notícias Regionais | Edição 110
Folha | Notícias Regionais | Edição 110flickboo
 
Jornal Cidade - Ano II - Nº 28
Jornal Cidade - Ano II - Nº 28Jornal Cidade - Ano II - Nº 28
Jornal Cidade - Ano II - Nº 28Jornal Cidade
 
Jornal Tribuna Regional Ed. 97
Jornal Tribuna Regional Ed. 97Jornal Tribuna Regional Ed. 97
Jornal Tribuna Regional Ed. 97Roberto Cezar
 
Aroeira201 - Edição Primeira quinzena de novembro de 2015 -
Aroeira201 - Edição Primeira quinzena de novembro de 2015 - Aroeira201 - Edição Primeira quinzena de novembro de 2015 -
Aroeira201 - Edição Primeira quinzena de novembro de 2015 - Amigo Jara jara
 

Semelhante a Jornal edição 114 (20)

Jornal opção 191 online
Jornal opção 191 onlineJornal opção 191 online
Jornal opção 191 online
 
Jornal Paraná Notícias
Jornal Paraná NotíciasJornal Paraná Notícias
Jornal Paraná Notícias
 
Diário Oficial de Guarujá5
Diário Oficial de Guarujá5Diário Oficial de Guarujá5
Diário Oficial de Guarujá5
 
Jornal opção 171 ed online
Jornal opção 171 ed onlineJornal opção 171 ed online
Jornal opção 171 ed online
 
Guaianas 077
Guaianas 077Guaianas 077
Guaianas 077
 
Guaianas 077
Guaianas 077Guaianas 077
Guaianas 077
 
Jornal 15 a 30 de setembro
Jornal 15 a 30 de setembroJornal 15 a 30 de setembro
Jornal 15 a 30 de setembro
 
Folha | Notícias Regionais | Edição 110
Folha | Notícias Regionais | Edição 110Folha | Notícias Regionais | Edição 110
Folha | Notícias Regionais | Edição 110
 
Informativo 29
Informativo 29Informativo 29
Informativo 29
 
Jornal Cidade - Ano II - Nº 28
Jornal Cidade - Ano II - Nº 28Jornal Cidade - Ano II - Nº 28
Jornal Cidade - Ano II - Nº 28
 
Jornal digital 4693_sex_19062015
Jornal digital 4693_sex_19062015Jornal digital 4693_sex_19062015
Jornal digital 4693_sex_19062015
 
jornal edição 115
jornal edição 115jornal edição 115
jornal edição 115
 
Jornal 115 site
Jornal 115 siteJornal 115 site
Jornal 115 site
 
jornal edição 115
jornal edição 115jornal edição 115
jornal edição 115
 
jornal edição 115
jornal edição 115jornal edição 115
jornal edição 115
 
Jornal Tribuna Regional Ed. 97
Jornal Tribuna Regional Ed. 97Jornal Tribuna Regional Ed. 97
Jornal Tribuna Regional Ed. 97
 
Jornal do Parque 01
Jornal do Parque 01Jornal do Parque 01
Jornal do Parque 01
 
Aroeira201 - Edição Primeira quinzena de novembro de 2015 -
Aroeira201 - Edição Primeira quinzena de novembro de 2015 - Aroeira201 - Edição Primeira quinzena de novembro de 2015 -
Aroeira201 - Edição Primeira quinzena de novembro de 2015 -
 
Infomativo 27
Infomativo 27Infomativo 27
Infomativo 27
 
8 geitos de mudar o mundo
8 geitos de mudar o mundo8 geitos de mudar o mundo
8 geitos de mudar o mundo
 

Último

Ação popular de Requião sobre Eletrobras
Ação popular de Requião sobre EletrobrasAção popular de Requião sobre Eletrobras
Ação popular de Requião sobre EletrobrasJoaquim de Carvalho
 
Diário Oficial publica convocação de 85 aprovados no concurso da Saúde e Cíce...
Diário Oficial publica convocação de 85 aprovados no concurso da Saúde e Cíce...Diário Oficial publica convocação de 85 aprovados no concurso da Saúde e Cíce...
Diário Oficial publica convocação de 85 aprovados no concurso da Saúde e Cíce...Maurílio Júnior
 
Perspectiva Durango: Eleições Manaus 2024
Perspectiva Durango: Eleições Manaus 2024Perspectiva Durango: Eleições Manaus 2024
Perspectiva Durango: Eleições Manaus 2024Durango Duarte
 
Anteprojeto de Lei------------------.pdf
Anteprojeto de Lei------------------.pdfAnteprojeto de Lei------------------.pdf
Anteprojeto de Lei------------------.pdfEditora 247
 
Invest Minas - Paper Excellence.. -.pdf
Invest Minas  - Paper Excellence.. -.pdfInvest Minas  - Paper Excellence.. -.pdf
Invest Minas - Paper Excellence.. -.pdfEditora 247
 
Novos trechos são liberados para banho após operação 'Praia Limpa', em João P...
Novos trechos são liberados para banho após operação 'Praia Limpa', em João P...Novos trechos são liberados para banho após operação 'Praia Limpa', em João P...
Novos trechos são liberados para banho após operação 'Praia Limpa', em João P...Maurílio Júnior
 

Último (6)

Ação popular de Requião sobre Eletrobras
Ação popular de Requião sobre EletrobrasAção popular de Requião sobre Eletrobras
Ação popular de Requião sobre Eletrobras
 
Diário Oficial publica convocação de 85 aprovados no concurso da Saúde e Cíce...
Diário Oficial publica convocação de 85 aprovados no concurso da Saúde e Cíce...Diário Oficial publica convocação de 85 aprovados no concurso da Saúde e Cíce...
Diário Oficial publica convocação de 85 aprovados no concurso da Saúde e Cíce...
 
Perspectiva Durango: Eleições Manaus 2024
Perspectiva Durango: Eleições Manaus 2024Perspectiva Durango: Eleições Manaus 2024
Perspectiva Durango: Eleições Manaus 2024
 
Anteprojeto de Lei------------------.pdf
Anteprojeto de Lei------------------.pdfAnteprojeto de Lei------------------.pdf
Anteprojeto de Lei------------------.pdf
 
Invest Minas - Paper Excellence.. -.pdf
Invest Minas  - Paper Excellence.. -.pdfInvest Minas  - Paper Excellence.. -.pdf
Invest Minas - Paper Excellence.. -.pdf
 
Novos trechos são liberados para banho após operação 'Praia Limpa', em João P...
Novos trechos são liberados para banho após operação 'Praia Limpa', em João P...Novos trechos são liberados para banho após operação 'Praia Limpa', em João P...
Novos trechos são liberados para banho após operação 'Praia Limpa', em João P...
 

Jornal edição 114

  • 1. 116 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL Tel.: (14) 3456-1143 / 997241319tribunaregionalsp@gmail.com Ano IV - Edição nº 114 www.tribunaregionalsp.com.brOriente/Pompeia, 16 a 28 fevereiro de 2015 CM YK R$ 1,50 Chuvas intensas destroem trabalho preventivo realizado em vicinais Prefeitura mobiliza força tarefa para recuperar estradas danificadas pela chuva Paradoxalmente, o esta- do de São Paulo enfrenta nos últimos tempos o que já se pode chamar como a pior seca da história, tive- mos no ano passado diver- sos municípios declarando estado de calamidade pú- blica devido problemas de abastecimento e complica- ções provenientes da estia- gem. Municípios menores como o de Oriente podem sentir mais amenamente os efeitos deste fenômeno devido a maior facilidade de abastecimento, porém o principal fator que dificul- ta a normalização de abas- tecimento são as chuvas torrenciais cada vez mais frequentes. Em outras pa- lavras, a frequência das chuvas é cada vez menor compensada pela quanti- dade de água em cada chu- va. Para entender este fenô- meno, nossa reportagem procurou um técnico agrí- cola de nossa cidade para explicar a situação. “Para se ter uma ideia da situação climática que enfrentamos, somente no final de sema- na do carnaval tivemos a quantidade de chuva es- perada para o mês inteiro. Cada vez mais as chuvas estão vindo mais carrega- das e em menor frequên- cia e isto complica a situa- ção do escoamento, o solo não consegue absorver tan- ta água de uma só vez, for- mam-se então as enxurra- das que escorrem para os rios juntamente com a cap- tação da enxurrada urbana. Na cidade temos as ‘bocas de lobo’ mas nas estradas vicinais não temos, sen- do assim, a chuva danifica as estradas e enche os rios que chegam a receber dez vezes mais água do que habitualmente”, explica o profissional. Segundo levantamen- tos, o município de Orien- te conta atualmente com aproximadamente cento e onze quilômetros de estra- das vicinais. Com as chu- vas torrenciais de feverei- ro, o prefeito municipal Carlos Eduardo Boldorini Moris convocou uma for- ça tarefa para manutenção de estradas vicinais “Sem- pre estivemos empenhados e comprometidos com a qualidade de nossas estra- das vicinais, entendemos que por elas escorrem nos- sa produção agropecuária e a serventia das mesmas para locomoção da popula- ção rural de nosso municí- pio inclusive transporte es- colar que fazemos. Nossas estradas têm toda atenção de nossa administração, mais ainda nestes dias de chuva quando a enxurra- da prejudica as estradas”, complementa o prefeito Dado Moris. Uma força tarefa foi montada pela Prefeitura Municipal e um mutirão de recuperação nas estradas vicinais está sendo reali- zado, inclusive uma ponte (na estrada do Jatobá) está sendo restaurada depois de ser danificada pela chuva. Tal iniciativa só foi possí- vel graças às conquistas re- centes de maquinários para tal finalidade, dentre elas uma motoniveladora, pá carregadeiras, caminhões basculantes de grande por- te, todos conquistados gra- ças ao bom relacionamento que a atual administração vem desenvolvendo jun- to ao Governo do Estado de São Paulo e ao Gover- no Federal. “Nossa cida- de conquistou nos últimos dois anos maquinários que possibilitaram este tipo de trabalho, em outras épo- cas estaríamos à mercê de terceiros que esgotariam ainda mais os recursos do município. Temos hoje, graças à muito trabalho e parceria, maquinários no- vos e de grande porte para cuidar de nossas vicinais. Chuva é bênção, pode cho- ver que depois a gente ar- ruma as estradas”, conclui o prefeito Dado Moris. As intensas chuvas de fevereiro levaram para os rios todo trabalho realiza- do na manutenção reali- zada ainda no ano passado quando todas as estradas foram repassadas pelas máquinas da prefeitura. Em números, a média de 107 mm de chuva espera- dos para o mês de feverei- ro em Oriente já havia sido alcançada já no meio do mês, no carnaval. Vado da Saúde propõe solução alternativa no combate a dengue Muitas vezes a pró- pria natureza nos fornece meio para combater doen- ças e ganhar em bem-es- tar e qualidade de vida. Exemplo disso é a Croto- lária junceia. Preocupa- do com a saúde da popu- lação por conta do avanço da dengue em Oriente e em toda região, o vereador Edivaldo de Barros (PSD) “Vado da Saúde” apresen- tou na Câmara Municipal uma indicação ao prefeito Dado Moris, para incen- tivar o plantio da planta. A planta que ao florescer nos quintais da cidade atrai o inseto voador chamado “libélula”, que é o grande predador do mosquito “ae- des aegypti”. A libélula se alimenta dos ovos do mos- quito que transmite a den- gue e quando adulta, come o próprio aedes. Trata-se de uma solução alternativa e natural para o controle da dengue. A ideia do verea- dor é que as mudas e ou as sementes da planta sejam distribuídas através da Se- cretaria da Saúde da Pre- feitura. Segundo “Vado da Saúde”, o objetivo é cola- borar com a administração na luta pela saúde da popu- lação de Oriente. Ele lem- bra que as pessoas devem estar atentas quanto as lar- vas do mosquito aedes e combater a dengue sem- pre. Mulheres terão evento especial em OrienteEm celebração ao Dia Internacional da Mulher (8 de março), a Secretaria de Pro- moção Social da Prefeitura, promove em Oriente, um evento todo especial para elas. No dia 7, sábado, a partir das 9 horas, no Ginásio de Esportes Municipal, elas terão dia de beleza, apresentações especiais, cuidados com a saúde, café da manhã, sor- teio de brindes e muito mais. Liberado o início das obras das creches-escolas O prefeito Oscar Ya- suda foi até São Paulo antes do carnaval e as- sinou o termo de início das obras das creches -escolas no Núcleo Oc- távio Lacombe e Portal dos Pássaros. Pag. 6 Deputado Reinaldo Alguz reforça parceria com Pompeia O prefeito Oscar Ya- suda esteve junto com o deputado estadual Reinaldo Alguz (PV), acompanhando a visita do governador Geraldo Alckmin na região, na semana que antecedeu o carnaval. Pag. 6
  • 2. 216 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL Apoio José Rodolpho Moris Cresce doação de órgãos no Brasil, mas rejeição de famílias ainda é alta. O Brasil registrou crescimento nas doações e trans- plantes de órgãos em 2014, de acordo com levantamen- to da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO) divulgado nesta segunda-feira (23). Foram 7.898 órgãos doados no ano passado, 3% a mais que em 2013. A taxa de doadores também subiu de 13,5 por milhão de pessoas para 14,2 por milhão, no entanto, ficou abai- xo da meta proposta pela associação para 2014, que era de 15 por milhão. Além disso, o índice está longe da al- cançar o objetivo de 20 doadores por milhão pessoas até 2017. O problema que dificulta a realização dos transplantes é a falta de autorização da família para a cirurgia. Me- dida pela chamada “taxa de negativa familiar”, o índice em 2014 ficou em 46%, apenas 1% menor que em 2013. É importante entender a doação de órgãos como um papel da sociedade civil. Hoje você pode não estar pre- cisando, mas no futuro, você pode ir para a fila de es- pera. Esta reflexão serve para revermos a nossa posição quanto a doação de órgãos. Prédio da Câmara Municipal é ecologicamente corretoO presidente da Câ- mara de Oriente, verea- dor Daniel Moris, vem promovendo uma im- portante ação de respon- sabilidade ambiental nas dependências da Casa. Trata-se de um projeto ambiental que consiste na implantação de um sistema que cap- ta, armazena e bombeia a água das chuvas, pos- sibilitando sua utilização em descargas sanitárias e irrigações de jardins, entre outros serviços. Hoje o prédio da Câ- mara trabalha com a sus- tentabilidade, pois já conta com secadores de mãos automáticos, eco- nomizando papéis toa- lhas. Foi instalada também a calçada ecológica de frente a Casa das Leis, visando a maior absor- ção e infiltração de água no solo. Todo o prédio é equipado com lâmpa- das fluorescentes com sensores de movimento, o que gera uma grande economia. Até mesmo os moni- tores de computadores já foram trocados de tu- bos para LCD e LED, o que também é um gran- de ganho na abstenção de energia. Na verdade, a Câma- ra Municipal é hoje um grande exemplo e divul- gadora da necessidade Adolescentes do Ação Jovem retornam às atividades com programação especial e sorteio Palestras, encontros e cursos são oferecidos através de parcerias A presidente do Fundo Municipal de Solidarieda- de, Tati Pilon, esteve nesta sexta-feira (20) participan- do do retorno das ativida- des do Ação Jovem da qual dezenas de adolescentes orientenses fazem parte. “Somos muito felizes em poder fazer esta parceria que possibilita aos nossos jovens uma melhor oportu- nidade, o Ação Jovem tem um pedacinho especial em nossa programação e acre- ditamos ser de grande ser- ventia na promoção da in- clusão social em nossa cidade”, afirmou Tati Pi- lon. Para o Ação Jovem, o quadro constatado nos dias atuais não se define ape- nas pela insuficiência de renda, pois a pobreza não é um fenômeno puramente econômico. Ela se caracte- riza pela falta de acesso às riquezas socialmente pro- duzidas e também pela fal- ta de acesso à Educação, a uma condição de vida sau- dável, a participação nos espaços de decisões cole- tivas e aos diretos sociais e humanos fundamentais a todas as pessoas. A Secretaria de Estado de Desenvolvimento So- cial - Seds busca, por meio do Programa Ação Jovem, somar esforços para a su- peração da situação de ex- clusão e vulnerabilidade social pela qual se encon- tra parcela da população jovem do Estado de São Paulo, criando oportunida- de para aqueles que ainda não concluíram a escolari- dade básica. O Programa Ação Jo- vem estimula a conclu- são da escolaridade bá- sica, possibilitando aos jovens beneficiários con- tinuar o aprendizado para seu desenvolvimento pes- soal, para sua inserção no mercado do trabalho e para fomentar sua preparação para o efetivo exercício da cidadania. Em Oriente, o retorno das atividades se deu em forma de encontro/palestra com o jornalista estudante de psicologia Sérgio Ca- etano da Silva Junior que proferiu uma palestra aos jovens ali presentes. Em sua palestra, Sérgio refor- çou com os adolescentes em uma contextualizada a importância das escolhas que são feitas durante este período etário onde tantas são as oportunidades, o pa- lestrante também gozou de alegorias e metáforas para motivar os adolescen- tes em suas tarefas do dia à dia. “Foi um tempo mui- to proveitoso que pudemos passar junto dos adoles- centes, é sempre bom esta troca de experiências que projetos como este possi- bilitam”, acrescentou Tati Pilon. Além da programação especial, foram sorteados entre os participantes prê- mios conquistados junto à parcerias com comércios da cidade. O objetivo do Ação Jovem é promover a inclusão social de jovens, mediante a transferência de renda como apoio fi- nanceiro temporário para estimular a conclusão da escolaridade básica e a oferta de atividades com- plementares, com foco na preparação para o mercado de trabalho. de atuar com responsa- bilidade ambiental, pro- movendo um modelo de gestão baseado na sus- tentabilidade, através da criação de uma agenda, seguindo e adaptando o Programa A3P do Mi- nistério do Meio Am- biente. As medidas ado- tadas para a redução dos impactos ambien- tais (tanto no presente quanto do futuro) tam- bém geram economia ao erário público. Por- tanto, ao promover esse tipo de trabalho, se ga- nha em todas as áreas e sentidos.
  • 3. 316 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL Todas as sextas, idosas têm tarde de lazer A Secretaria de Pro- moção Social realiza to- das as sextas-feiras uma verdadeira tarde de lazer com os idosos, num cli- ma amistoso, de confra- ternização, sempre com muita alegria e anima- ção. Os encontros aconte- cem na sede do Proje- to Dia a Dia Saudável e contam com atividades de recreação que levam a satisfação e o sorriso para cada idoso. E claro, os ido- sos adoram o momento e aproveitam ao máximo, o que resulta numa melho- ra significativa na quali- dade de vida de cada um deles. Aliás, o grande objeti- vo dessas tardes de lazer é valorizar o idoso, fazer com que se sintam capa- zes, felizes e com vonta- de de fazer a diferença a cada dia que passa. As atividades da Câ- mara Municipal de Oriente foram retoma- das de maneira oficial no último dia 18 de fe- vereiro, quando acon- teceu a primeira sessão ordinária de 2015. De acordo com o pre- sidente da Casa, verea- dor Daniel Moris, os vereadores já mostra- ram serviço, eviden- ciando que o ano será de muito trabalho e em- penho por uma Oriente cada vez melhor. Cada vereador tem Câmara inicia 2015 mostrando muito trabalho sua área principal de atuação, como saúde, esporte, educação, en- fim, as necessidades da população de uma maneira geral e lutam sempre por melhorias, inovações, sempre pen- sando no bem de todos. A Câmara Municipal atua sempre em parce- ria com o prefeito Dado Moris, bem como todas as secretarias da Pre- feitura Municipal, vi- sando o bem-estar e a qualidade de vida da população. Nas primeiras ses- sões já foram apresen- tados cinco projetos, três moções, dois re- querimentos e dezenas de indicações, provan- do que a Câmara está disposta a contribuir para uma boa adminis- tração. Força Sindical: MPs 664 e 665 Marília e Bauru pedem apoio a parlamentarem da região O coordenador da Força Sindical Regional Marília e presidente do Sindicato dos Metalúr- gicos de Marília e Re- gião Irton Siqueira Tor- res; José Carlos de Paula presidente da Força Sin- dical Regional Bauru e do sindicato dos Traba- lhadores nas Industrias de Fabricação do Álco- ol, Químicas de Ipaussu e Região e ainda Edson Dias Bicalho, secreta- rio geral da Federação dos Químicos do Esta- do de São Paulo e pre- sidente do Sindicato dos Trabalhadores Químicos de Bauru e Região, es- tiveram no ultimo sába- do, dia 21 de fevereiro, em Ourinhos, no escritó- rio político do Deputa- do Federal Capitão Au- gusto. Na oportunidade as li- deranças sindicais foram solicitar apoio do parla- mentar, na hora da vota- ção da MPs 664 e 665. “Queremos sensibili- zar os parlamentares de Marília e Região a re- jeitar a retirada de direi- tos dos trabalhadores es- tabelecida nas Medidas Provisórias (MPs) 664 e 665, baixadas pela presi- denta Dilma, no final do ano, que alteram as re- gras do seguro-desem- prego, abono salarial, seguro-defeso, pensão por morte, auxílio-doen- ça e auxílio-reclusão”, declarou Irton Torres, presidente da Força Sin- dical Regional Marília. Edson Dias Bicalho, Secretario Geral da Fe- deração dos Químicos observa que o governo fala em adequação das medidas para corrigir “distorções e fraudes’, e que estas alterações não retiram direitos dos tra- balhadores. No entanto, “as MPs retiram, sim, direitos, e atingem uma parcela importante da sociedade. A crise está aí e estamos sentindo o problema do desempre- go na pele”, ressalta. “Queremos um Bra- sil melhor para todos, e cobramos coerência na busca de um horizonte, uma visão de futuro”, destaca. A Força Sindi- cal mantém a posição de mobilizar os traba- lhadores para pressionar o governo a revogar as MPs. Durante o encontro com deputado Capitão Augusto, em Ourinhos, também esteve presen- te o presidente do sin- dicato dos Trabalhado- res Químicos de Marília e o presidente do Sindi- cato dos Eletricitários de Ipaussu. “Agradeço a visita de todos vocês dirigentes sindicais aqui em meu escritório e aproveito para dizer que tudo que for necessário para de- fender os direitos dos trabalhadores vocês po- dem contar comigo”, lembrou o capitão. A próxima reunião com parlamentar deve ser essa semana com Valter Hiroshi, deputado Fede- ral por Marília. Escrito por Chico As- sessoria e Comunicação Sindical Câmara define novos membros das Comissões Os vereadores Vado e Salgadinho pediram renúncia de seus respectivos cargos nas Comis- sões Permanentes da Câmara Munici- pal e assim, o presi- dente da Casa, vere- ador Daniel Moris, rapidamente no- meou os seus subs- titutos. Ficou definido que Nelson Horácio será relator da Co- missão de Justiça e Redação, enquanto que Osvaldo Alonge assume a vice-presi- dência da Comissão de Finanças e Obras Públicas. Com as trocas, as Comissões fica- ram assim estabele- cidas: COMISSÃO DE JUSTIÇAE RE- DAÇÃO Presidente: Marcelo Costa Ru- fino Vice-presi- dente: Osvaldo Alonge Relator: Nel- son Horácio Correa COMISSÃO DE FINANÇAS E OBRAS PÚBLI- CAS Presidente: Edson Guimarães Bueno Vice-presidente: Osvaldo Alonge Relator: Nelson Horácio Correa C O M I S S Ã O DE EDUCAÇÃO, SAÚDE E ASSIS- TÊNCIA SOCIAL Presidente: José Rodolpho Moris Vice-presidente: Jair Teixeira Alves Relator: Marcelo Costa Rufino O papel das co- missões é muito im- portante, pois elas têm como objetivo estudar os assun- tos relacionados, fa- zendo uma análise completa, passan- do por um exame, a fim de que seja de- ferido pareces.
  • 4. 416 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL Câmara Municipal de Oriente MOÇÃO DE CONGRATULAÇÃO Nº 01/2015. Do Vereador Edivaldo de Barros, feita na sessão do último dia 26/01/2015 Requeiro na forma regimental, após ouvido o doutor plenário, apresentar esta Moção de Congratulação ao Sr. Jose Pereira (Déda) que ao longo de sua carreira tem fei- to pelo esporte de nosso município, em especial ao fu- tebol. Quando em sua humilde pessoa como técnico de futebol levou o consagrado e inesquecível time da Usina Paredão a vários títulos regionais. Desde já peço aos no- bres Edis desta casa que de seu apoio a esta Moção. REQUERIMENTO Nº 01/2015. Do vereador Marce- lo Costa Rufino, feita na sessão do último dia 18/02/2015 Requeiro, á Mesa, cumprida as formalidades regimen- tais e ouvido o Plenário da Casa Legislativa, que envie ofício ao Sr. Prefeito Municipal de oriente solicitando in- formações sobre números e ação de enfrentamento do avanço da dengue em nosso município. O avanço dos casos de dengue no município de Oriente e cidades vizi- nhas assusta e gera em toda população a sensação de vul- nerabilidade da sua saúde. Sabemos que esta evolução tem relação direta com a falta de ações do próprio cida- dão, mas não se pode atribuir somente a ele a prolifera- ção do Aedes Aegypti, mosquito transmissor da doença. Cabe ao município, através de ações eficazes, campa- nhas de esclarecimento e, principalmente, um enfrenta- mento rápido da situação para garantir que o problema não se alastre. Portanto, diante destes breves relatos e a fim de levar a população informações que possam lhe confortar, vimos REQUERER que se oficie ao Chefe do Executivo para que, através do órgão competente, res- ponda ás seguintes indagações: 1) Quantos foram os ca- sos de dengue registrados pela Secretaria Municipal de Saúde este ano? 2) Atualmente, em quanto tempo é obti- do o diagnóstico de dengue no município? Da coleta do sangue ao resultado do exame, quanto tempo demora? 3) Neste período sem diagnóstico preciso o paciente corre risco? 4) Estão sendo tomadas medidas, em caráter emer- gencial, para o enfretamento ao combate a dengue? Se sim, quais? Detalhar. O Vereador é o membro do Poder legislativo do município. Nessa condição, ele desempe- nha as tarefas de legislar, uma função fiscalizadora. INDICAÇÃO Nº 01/2015. Do Vereador Osvaldo Alonge, feita na sessão do último dia 09/02/2015 Indico ao exmo. Sr. Prefeito Carlos Eduardo Boldori- ni Moris, que tome as devidas providências com a máxi- ma urgência encaminhar um Projeto de Lei a esta Casa Legislativa criando a OPERAÇÃO DELEGADA, que é um convênio entre Estado e o Município com o objetivo de permitir a utilização de Policiais Militares, em dias de folga, no policiamento ostensivo e no apoio á Prefeitura nas atividades de fiscalização que são de responsabili- dade do Município. O policial usa farda, viatura e arma- mento do Estado e trabalha em suas hora de folga e são remunerados pelo Município. INDICAÇÃO Nº 02/2015. Dos vereadores Osvaldo Alonge e Marcelo Rufino, feita na sessão do último dia 18/02/2015 Indicamos ao Exmo. Sr. Prefeito Carlos Eduardo Bol- dorini Moris, que tome as devidas providências com a máxima urgência, encaminhar á Câmara Municipal de Oriente SP, um Projeto de Lei criando o Plano de Carrei- ra ao Funcionalismo Público Municipal. INDICAÇÃO Nº 03/2015. Dos Vereadores Marcelo Costa Rufino e Osvaldo Alonge, feita na sessão do últi- mo dia 18/02/2015 Indicamos ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal Carlos Eduardo Boldorini Moris, que envie um projeto de lei a esta Casa Legislativa aumentando valor do Cartão-A- limentação fornecido aos servidores públicos municipal de Oriente para R$ 200,00 ( Duzentos reais ). INDICAÇÃO Nº 04/2015. Dos Vereadores Marcelo Costa Rufino e Osvaldo Alonge, feita na sessão do últi- mo dia 18/02/2015 Indicamos ao Senhor Prefeito Municipal no sentido de que tome as providências necessárias e cabíveis para proceder estudos sobre a viabilidade de se conceder RE- AJUSTE SALARIALACIMA DO ÍNDICE DA INFLA- ÇÃO a todos os servidores municipal de Oriente. INDICAÇÃO Nº 05/2015. Do Vereador Marcelo Costa Rufino Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal Carlos Eduar- do Boldorini Moris, que interceda junto ao setor compe- tente, para que a mesma providencie a MANUTENÇÃO EM TODAS AS ESTRADAS RURAIS E PONTES no município de Oriente. INDICAÇÃO Nº 06/2015. Do vereador Nelson Ho- racio Correia, feita na sessão do último dia 18/02/2015 De Acordo com o Regimento Interno desta Casa de Leis do Município de Oriente São Paulo, indico ao Exmo. Senhor Prefeito Carlos Eduardo Boldorini Moris, a pos- sibilidade de instalar na Praça da Capela São Vicente no Bairro Lucimar, padrão 220 V ( Bifásico), bem como a substituição das Lâmpadas por de maior potência. INDICAÇÃO Nº 07/2015. Do Vereador Osvaldo Alonge, feita na sessão do último dia 23/02/2015 Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Carlos Eduardo Boldori- ni Moris, que tome as devidas providências com a má- xima urgência, ampliar os investimentos em iluminação pública substituindo as lâmpadas de baixa potência por lâmpadas de LED em todos os postes da cidade. INDICAÇÃO Nº 08/2015. Do Vereador Osvaldo Alonge, feita na sessão do último dia 23/02/2014 Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Carlos Eduardo Boldori- ni Moris, que tome as devidas providências com a máxi- ma urgência, construir uma Creche para os idosos. INDICAÇÃO Nº 09/2015. Dos Vereadores Ser- gio Mattar e Salgadinho, feita na sessão do último dia 23/02/2015 Indico ao Exmo. Senhor Prefeito Carlos Eduardo Bol- dorini Moris que faça um projeto de pavimentação no Bairro Parque das Árvores, se possível com urgência. INDICAÇÃO Nº 10/2015. Dos Vereadores Marcelo Rufino e Osvaldo Alonge, feita na sessão do último dia 23/02/2015 Indicamos ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal de Orien- te Sr. Carlos Eduardo Boldorini Moris, que através do departamento competente providencie com urgência a Limpeza da Piscina Pública Desativada no terreno ao lado do Clube dos Idosos (C.C.I). INDICAÇÃO Nº 11/2015. Do Vereador Marcelo Ru- fino, feita na sessão do último dia 23/02/2015 Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal Carlos Edu- ardo Boldorini Moris, que interceda junto ao setor com- petente, para que seja feito um estudo para melhorar o ESCOAMENTO DA ÁGUA PLUVIAL na Rua Ângelo Zola, próximo ao número 233. INDICAÇÃO Nº 12/2015. Do Vereador Marcelo Ru- fino, feita na sessão do último dia 23/02/2015 Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal Carlos Edu- ardo Boldorini Moris, que interceda junto ao setor com- petente, para que a mesma providencie a NOVA PAVI- MENTAÇÃO ASFÀLTICA na Rua Prefeito João Ferraz que da sentido a Fazenda Paredão, ao lado da linha férrea no município de Oriente. INDICAÇÃO Nº 13/2015. Do Vereador Marcelo Costa Rufino, feita na sessão do último dia 23/02/2015 Indico ao Exmo. Sr. Prefeito Municipal Carlos Edu- ardo Boldorini Moris, que interceda junto ao setor com- petente, para que a mesma providencie a MANUTEN- ÇÃO ASFÁLTICA na Avenida Azaleia no município de Oriente. REQUERIMENTO Nº 02/2015. Dos Vereadores Osvaldo Alonge e Marcelo Rufino, feita na sessão do úl- timo dia 23/02/2015 Requeiro á Mesa, após ouvido o plenário, que encami- nhe ofício ao SR. Diretor do CDHU, na cidade de Marí- lia SP, solicitando que envie a esta Casa Legislativa com a máxima urgência, a lista dos suplentes do núcleo habi- tacional que está sendo construído na cidade de Oriente SP. Solicitando ainda, que nos informe qual foi o total de recursos já utilizados na referida obra e quanto de recur- sos o CDHU terá que repassar á Prefeitura Municipal de Oriente SP para finalizar a obra. A solicitação em refe- rência tem como objetivo buscar tais informações para que esta Casa Legislativa exerça sua função fiscalizado- ra. MOÇÃO DE PARABENIZAÇÃO Nº 02/2015. As- sinado por todos Vereadores , feita na sessão do último dia 23/02/2015 Requeiro na forma regimental, a inserção em ata de nossos trabalhos de uma Moção de Parabenização ao Chefe do Cartório Eleitoral da 180° Zona Eleitoral de Marilia SP, Sr. MARIO JORGE RODRIGUES DAFLON Ata da Sessão do dia 18 de Fevereiro de 2015 Aos dezoito dias do mês de fevereiro do ano de dois mil e quinze, na sala das Sessões “Nick Carter Moris”, realizou-se SESSÃO ORDINÁRIA, com a presença dos senhores vereadores; Edivaldo de Bar- ros, Edson Guimarães Bueno, Jair Teixeira Alves, José Rodolpho Moris, Marcelo Costa Rufino, Nelson Horácio Correa, Osvaldo Alonge e Sérgio Ricardo Marques Mattar. Verificando que o senhor vereador presidente Daniel Henrique Moris não compareceu na sessão, assumindo o vice-presidente Edson Gui- marães Bueno e havendo o número legal a Presidên- cia em nome de Deus deu por aberta a Sessão Ordi- nária. Em seguida o vereador José Rodolpho Moris fez a leitura de um texto Bíblico. Dando sequência o Secretário Nelson Horácio Correa fez a leitura das Atas do dia 15/12/2014 e do dia 26/01/2015, colo- cadas em discussão, em votação foi aprovadas por todos os vereadores. EXPEDIENTE DO EXECU- TIVO Consta Oficio nº 017/2015 que encaminha Projetos de Lei nº 02, 03, 04 e 05/2015, foram en- caminhados para as comissões para os devidos pa- receres. EXPEDIENTE DO LEGISLATIVO Cons- ta Requerimento nº 01/2015 de autoria do vereador Marcelo Costa Rufino, em discussão e votação foi aprovado por todos os vereadores. Consta Moção de Congratulação nº 01/2015 ao Sr. Jose Pereira (Déda) de autoria do vereador Edivaldo de Barros, assinado por todos os vereadores, em discussão e votação foi aprovado por todos os vereadores. Consta Indicação nº 01/2015 de autoria do vereador Osvaldo Alonge. Constam Indicações nº 02, 03 e 04/2015 de auto- ria dos vereadores Marcelo Costa Rufino e Osvaldo Alonge. Consta Indicação nº 05/2015 de autoria do vereador Marcelo Costa Rufino. Consta Indicação nº 06/2015 de autoria do vereador Nelson Horácio Correa. EXPEDIENTE DE DIVERSOS Nada cons- ta. ORDEM DO DIA Nada consta. PRÓXIMA OR- DEM DO DIA Nada consta. TEMA LIVRE usaram da tribuna os vereadores; Osvaldo Alonge, Marcelo Costa Rufino, Edivaldo de Barros, Jose Rodolpho Moris e Sérgio Ricardo Marques Mattar. JUSTIFI- CATIVA DE VOTO como nenhum vereador justifi- cou o voto não havendo mais nada a tratar na presen- te sessão a Presidência agradeceu a Deus considerou encerrada e eu 1º Secretario lavrei a presente Ata que será lida e discutida na próxima sessão. EDSON GUIMARÃES BUENO NELSO HORÁCIO CORREA Vice-Presidente 1º Secretário Aos vinte e seis dias do mês de janeiro do ano de dois mil e quinze, na sala das Sessões “Nick Carter Moris”, realizou-se SESSÃO EXTRAORDINÁRIA, com a pre- sença dos senhores vereadores; Daniel Henrique Moris, Edivaldo de Barros, Edson Guimarães Bueno, Jair Tei- xeira Alves, José Rodolpho Moris, Marcelo Costa Ru- fino, Nelson Horácio Correa, Osvaldo Alonge e Sérgio Ricardo Marques Mattar. Verificando o número legal a Presidência em nome de Deus deu por aberta a Sessão Extraordinária. Em seguida o vereador Edson Guimarães Bueno fez a leitura de um texto Bíblico. Dando seqüên- cia o Presidente passou para ORDEM DO DIA Cons- ta Projeto de Lei do Executivo nº 01/2015 que autoriza a Prefeitura Municipal de Oriente conceder auxílio e/ou contribuições para entidades assistências, sem fins lucra- tivos, colocado em discussão e votação foi aprovado por todos os vereadores. Esgotado a Ordem do Dia para qual foi convocada a Sessão Extraordinária, a Presidência em nome de Deus considerou encerrada e eu primeiro se- cretário lavrei a presente Ata que será lida e discutida na próxima sessão. DANIEL HENRIQUE MORIS NELSON HORÁCIO CORREA Presidente 1º Secretário Ata da Sessão do dia 26 de Janeiro de 2015
  • 5. 516 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL Ana Flávia 16/7 Roberto Silva 01/7 Leticia Nigri 03/07 Parabéns aos aniversariantes do mês! Vinicius Battaglia 18/2 Paulo Neston 20/2 Paula Teles 18/2 Ana Coutinho 19/2 Dudu Scanavacca 22/2 João Francisco Felix 9/2 Luiz Camargo 20/2 o Vovô coruja Claudio do Barracão com Seu Netinho Pedro Clouse de Neno e sua esposa Juliana com Seus Filhos Paulo Borges e Nivia Ricardo Oliveira 25/2 Taia Rodrigues 19/2 Um Clouse da futura mamãe Erica com Adolfo , Brenda e Guto Samanta , Edson Seu Filinho Luis Gustavo e sua Afilhada Ana Julia
  • 6. 616 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL Duarte Nogueira reitera trabalho conjunto com Pompeia Pompeia é uma cidade que tem um olhar especial por parte do Governo do estado de São Paulo, o que lhe rende grandes conquis- tas e muitas benfeitorias. Esse olhar se tor- nou especial graças a uma sólida parceria que o pre- feito Oscar Yasuda esta- beleceu com o governador Geraldo Alckmin e seus secretários, como o secre- tário de transporte e logís- tica Duarte Nogueira. Duarte foi eleito ano passado deputado fe- deral, teve centenas de vo- tos em Pompeia e foi um dos mais votados em todo o estado de São Paulo. Ele já esteve diver- sas vezes em Pompeia e ao encontrar com o prefeito Oscar recentemente, rea- firmou o seu compromis- so com a população e em especial na luta para reti- rar a Rodovia Comandan- te João Ribeiro de Barros (SP-294) do perímetro ur- bano do município. Para o prefeito, Duarte é um importante aliado de Pompeia, “uma pessoa sempre muito aten- ciosa conosco e um políti- co compromissado e que já nos ajudou e continuará ajudando”, destacou. Liberado o início das obras das creches-escolas O prefeito Oscar Yasu- da foi até São Paulo antes do carnaval e assinou o ter- mo de início das obras das creches-escolas no Núcleo Octávio Lacombe e Por- tal dos Pássaros. Na sede da Secretaria da Educação, o prefeito comemorou es- sas duas importantes con- quistas para Pompeia, “está tudo acertado, graças a Deus já podemos começar o todo o processo prático para essas duas grandiosas obras na nossa cidade”, ex- plicou. As duas obras fica- rão em cerca de R$3,1 mi- lhões, numa parceria com o deputado estadual Bar- ros Munhoz e o governador Geraldo Alckmin. As creches-escolas serão construídas no mais alto padrão de qualidade existente no Brasil, com prédios amplos, bem es- truturados e seguros. Além disso, receberão equipa- mentos e utensílios moder- nos e que garantirão toda a comodidade que as crian- ças precisam no dia a dia. “Em poucos dias já come- çam os trabalhos de terra- planagem e de preparação dos terrenos para as obras”, finalizou o prefeito Os- car, que agradeceu, “deixo aqui meu obrigado ao Bar- ros Munhoz e para o gover- nador Alckmin que sempre estão nos ajudando e empe- nhado em trazer o melhor para Pompeia”, disse. Deputado Reinaldo Alguz reforça parceria com Pompeia O prefeito Oscar Yasuda esteve junto com o depu- tado estadual Reinaldo Al- guz (PV), acompanhando a visita do governador Ge- raldo Alckmin na região, na semana que antecedeu o carnaval. Aproveitando a oportu- nidade, Oscar conversou com o parlamentar sobre os serviços que o mesmo tem prestado a Pompeia e reforçou a parceria que já rendeu inúmeras conquis- tas. Alguz é um grande de- fensor da região. Já trou- xe diversos recursos para Pompeia, como exemplo a reforma e readequação do Clube JK, rede de esgoto do Distrito Industrial II e III, revitalização das Pra- ças e construção dos bol- sões, entre outros como ajuda a entidades assisten- ciais do município. Para o prefeito Oscar, é funda- mental ter Alguz legislan- do em prol de Pompeia e região na Assembleia Le- gislativa, “um amigo, par- ceiro que está sempre nos ouvindo e nos atendendo, é uma verdadeira lideran- ça política de nossa região, ao lado do deputado fede- ral Dr. Evandro Gussi”, disse. Guri Pompeia ainda tem vagas para viola caipira e percussão Para quem quer apren- der a tocar um instru- mento ainda dá tempo, o Projeto Guri de Pompéia está de volta neste ano e com matrículas abertas para os cursos de viola caipira e percussão. “Tivemos uma ade- são muito grande entre os alunos que querem aprender a tocar violão, por isso, as vagas já fo- ram preenchidas, mas ainda temos vagas em outros dois instrumentos. É importante que crian- ças e jovens possam se dedicar ao ensino de mú- sica“, lembra Eloisa Cre- mon, coordenadora do Guri. As inscrições vão até o dia 7 de março e de- vem ser feitas nas depen- dências no Projeto Tem- po Útil, para devem estar acompanhados de um dos pais ou responsável e apresentem o RG ou certidão de nascimento, comprovante de residên- cia e de escolar. Garanta sua vaga no Projeto Guri. O polo em Pompéia fica na Rua Moysés Ferreira Martins, nº 50, e o horá- rio de atendimento é das 13h às 17 horas. Telefo- ne: 3405 2825. Mais de 500 fizeram cadastro para transporte gratuito Aproximadamente 500 pompeenses universitários ou estudantes técnicos re- alizaram o cadastro para o transporte gratuito, no site www.pompeia.sp.gov.br. Segundo a Prefei- tura, o número ainda é não é considerado o ideal, em comparação com anos an- teriores, que o número de cadastrados beirou os 700. É importante frisar para aqueles que estão via- jando diariamente para es- tudar e que não fizeram o seu cadastro, que eles de- vem providenciar o cadas- tramento para evitar trans- tornos como o de não ter lugar de assento no ônibus. Outra dica é que mesmo aqueles que já são veteranos e se cadastraram em anos passados, devem atualizar os seus dados, por isso refazer o cadastro. É simples, rápido, fácil e totalmente gratuito. Basta acessar o site www. pompeia.sp.gov.br, clicar no banner e preencher os dados corretamente. Em menos de cinco minutos estará apto para viajar de graça. São os últimos dias de prazo. Este é o sétimo ano consecutivo que a Prefei- tura oferece o transporte gratuito para todos os estu- dantes que viajam para ci- dades vizinhas como Marí- lia, Tupã, entre outras.
  • 7. 716 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL DENGUE - Prefeitura cobra proprietários de terrenos baldios e sujos A Prefeitura de Pom- peia pede a colaboração por parte dos proprietá- rios de terrenos que es- tão em condições ruins de limpeza e conservação, se tornando assim um po- tencial criadouro do mos- quito aedes agpity - proli- ferador da dengue. A Lei Municipal nº 1.964 de 05 de dezembro de 2001 es- pecifica que a limpeza do terreno, bem como a con- servação dos passeios e a construção dos muros devem ser de responsa- bilidade do proprietário. Diariamente, a ouvidoria da Prefeitura recebe liga- ções, emails, com recla- mações sobre terrenos su- jos, com restos de obras, construções abandonadas, mato alto, entre outros, por isso, mais uma vez, pede a conscientização, ainda mais em época de chuva e muito calor, que torna o ambiente perfeito para o mosquito causador da dengue. A Prefeitura está identificando os pro- prietários desses terrenos e assim, cobrando uma postura quanto a limpe- za do mesmo. O plano faz parte do combate e con- tenção dos casos de den- gue no município. Lembrando que a ou- vidoria da Prefeitura está disponível para todo cida- dão. O telefone para con- tato é o (14) 3405-1500 ou (14) 3405-1701. DEC realiza planejamento aos professores da rede municipal Professores e ges- tores da rede munici- pal participaram nes- ta semana de três dias de planejamento es- colar, destinado a or- ganizar ações a serem colocadas em prática nas salas de aula. Para auxiliar as es- colas na preparação para este momento, a DEC (Divisão de Educação e Cultura) preparou uma capa- citação destinada ao ensino infantil e ou- tra ao fundamental. Na primeira o intuito era treinar o cérebro com a possibilidade de deixá-lo mais ágil às atividades cotidia- nas e escolares. Aos educadores do funda- mental, dividiram-se em suas sedes e cada EMEF, com elaborou atividades relaciona- das ao cotidiano da escola e suas peculia- ridades. “Esses subsídios permitirão à nossa equipe escolar, apli- car e consolidar o compromisso de con- tinuar avançando com a educação de Pompéia”, citou a di- rigente, Simone Sa- vério. Os resultados de atividades como esta são vistos em cada turma e com as ava- liações realizadas du- rante o ano que com- provam a qualidade da educação da cida- de, a exemplo da Pro- va Brasil e SARESP. Lançada a Campanha da Fraternidade 2015 Foi lançada oficialmen- te no dia 23, em sessão na Câmara Municipal, a Campanha da Fraterni- dade 2015, cujo tema é “Igreja e a Sociedade” e o lema “Eu vim para ser- vir”. Comandada pelo presidente da Casa, Dr. Carlos Rogério Barbosa, a cerimônia contou com a presença do prefeito Os- car Yasuda e o Diácono Diego Luis Carvalho, que representou o Padre Már- cio Rios. Os fiéis lotaram o Plenário da Câmara. Can- taram e se emocionaram com a oração e o Hino da Campanha. Foi uma noite realmente bastante espe- cial. No uso da palavra, o Diácone Diego citou que a comunidade cristã deve estar mobilizada em prol da sociedade, agindo a favor dos irmãos, mas também cobrando e cola- borando com o poder pú- blico. Já o prefeito Oscar comentou sobre o papel fundamental que a Igre- ja tem no desenvolvimen- to social de uma cidade, e enalteceu os trabalhos do Padre Márcio Rios, em es- pecial com a juventude. CRAS abre vagas para o Programa Ação JovemO CRAS (Centro de Refe- rência de Assistência Social) está recebendo inscrições para o programa estadual Ação Jovem, que tem tido muita adesão e contribuído com a formação de estudan- tes de Pompéia. A iniciativa do Estado tem por objetivo promover a inclusão social de jovens que estejam estu- dando. O período de perma- nência no programa é de um ano podendo ser prorrogado e a bolsa auxílio é de R$ 80. Natália Morelli, coorde- nadora do CRAS lembra que os jovens que fazem parte do programa tem a oportu- nidade única de progredir no aprendizado e em seu desen- volvimento pessoal, além de se preparar para o mercado de trabalho Para se cadastrar no Pro- grama Ação Jovem é preci- so procurar o CRAS funcio- na na Arena de Esportes & Eventos e pelo telefone 3452 2940 e atender os seguintes requisitos: • ter entre 15 e 24 anos e onze meses; • estar como o ensino fun- damental e/ou médio incom- pleto; • ter renda “per capita” fa- miliar mensal até meio salá- rio-mínimo nacional; • ser matriculado no ensi- no regular de educação bási- ca
  • 8. 816 a 28 de fevereiro de 2015TRIBUNA REGIONAL Professores da rede municipal de Oriente passam por capacitaçãoEntre os dias 18 e 20 de fevereiro, os profes- sores da rede munici- pal de ensino de Orien- te passaram por uma importante capacita- ção visando o ano leti- vo que foi recentemen- te iniciado. Os profissionais puderam alinhar seus trabalhos, efetuar seus devidos planejamentos de aulas, participar de palestras, dinâmicas e outras atividades rela- cionadas com a qualifi- cação. Com mais de 400 alunos na rede mu- nicipal, o prefeito Dado Moris tem se preocu- pado em oferecer uma educação de primeira para todos e para isso, a capacitação dos docen- tes é ponto essencial. A secretária de educação Ana Beatriz Pedroso, comenta so- bre a capacitação, “é sempre bom nos reu- nirmos e juntos reali- zarmos nosso plane- jamento, quanto mais o nosso trabalho em sala de aula estiver ali- nhado, melhor será o aprendizado de nossas crianças”, disse. Ana Beatriz completa, “temos or- gulho de ser uma equi- pe trabalha em conjun- to e buscamos cada vez mais nos alinharmos na mesma visão”, finali- zou. Entenda quando um cuidador de idosos é necessário Éprecisolevaremcontacomoestáaautonomia do paciente antes de tomar essa decisão Nos dias de hoje, é natural, termos ou conhecermos alguém que tenha um idoso em casa e com a necessidade de um cui- dador seja ele um familiar ou uma pessoa contratada para esta finalidade. No entanto, só o fato de ser idoso justifica a necessidade de um cuidador? Não! É necessário observarmos outros aspec- tos relacionados a segurança e bem estar desse idoso. O ideal é a família estar próxima para identificar a real necessidade de ajuda, como, por exemplo: • É capaz de realizar sozinho as atividades de autocui- dado (banho, vestir, ir ao banheiro) sem riscos? • Ao andar pela casa há risco de falta de equilíbrio ou quedas? • A memória esta preservada para que ele monitore os próprios remédios? Apresenta muitas falhas de adesão ao tra- tamento? • Consegue manter a rotina da casa? • Alimentação está adequada? Existem alimentos ven- cidos em casa? Existem hoje dois tipos de cuidadores: • Cuidador familiar, parente do idoso que cuida do fa- miliar sem remuneração • - Cuidador formal, pessoa contratada para o cuidado mediante a remuneração. Como escolher um bom cuidador Com o aumento exponencial do número de idosos, houve uma grande demanda por cuidadores nos últimos anos, sen- do comum observamos nas residências de idosos a presença de pessoas sem qualquer tipo de formação para o cuidado. O envelhecimento é acompanhado de alterações físicas, psico- lógicas e sociais que precisam de uma atenção especial e co- nhecimento prévio para evitar repercussões negativas no ido- so. Um exemplo é o cuidador que infantiliza o idoso, o que habitualmente é muito mal recebido. Atualmente, existem vários cursos de capacitação para for- mação de cuidadores que visam a melhoria do cuidado pres- tado. É fundamental o aprendizado de técnicas para a manu- tenção e estimulação de autonomia e independência do idoso. Desta forma, o cuidador deve tentar ao máximo apenas super- visionar e/ou auxiliar estritamente dentro necessário, somente nas atividades em que de fato o idoso necessite de ajuda. Não se deve tentar ajudar ou até “acelerar” todas as atividades do dia a dia, o que acabará tornando o idoso mais dependente. Vale ressaltar que para ser cuidador não é necessário ser um profissional da área da saúde, e sim ser capacitado para este tipo de trabalho. O envelhecimento não ocorre de forma igual para todos e cada indivíduo tem necessidades muito específicas. O médico e os profissionais de saúde que atendem o idoso devem orien- tar as atividades para as quais o cuidador seria fundamental, assim como treiná-los quantos as especificidades daquele in- divíduo. As necessidades individuais e a estrutura de suporte social disponível é que vai definir quem será o cuidador: fa- miliar, cuidador contratado ou um profissional de saúde. Em alguns casos, as Instituições de Longa Permanência (Casa de Repouso) também podem ser uma opção. Elas ofe- recem cuidado integral e amparo médico de urgência. Neste caso, é fundamental conversar com o idoso sobre esta possi- bilidade. Quando há mudança de ambiente, ambas as partes tem que estar de acordo com a modificação para que seja be- néfica. Este artigo foi escrito com a colaboração de Juliana Mo- rales (CREFITO 10.166), terapeuta ocupacional do Instituto Longevità e especialista em gerontologia pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Dr. Roberto Miranda GE- RIATRA - CRM 64140/SP Secretaria oferece cursos gratuitos com vagas limitadas A Secretaria de Promo- ção Social da Prefeitura de Oriente comuncica que es- tão abertas vagas, porém limitadas, para cursos pro- fissionalizantes gratuitos. O objetivo da Se- cretaria ao oferecer os cur- sos é dar a oportunidade aos orientenses se capaci- tar, aprender algo a mais e ter a oportunidade de atra- vés do conhecimento ad- quirido, obter uma certa geração de renda contri- buindo no orçamento fa- miliar. Uma das novida- des é o curso de ovos de páscoa, que é um produ- to muito procurado nessa época, portanto uma gran- de oportunidade. Pintura, bordado, crochê, são outros cursos com vagas abertas. É importante fri- sar que a procura vem sen- do muito grande, por isso aqueles que tem interesse devem procurar a Secreta- ria de Promoção Social ra- pidamente. Um dos grandes feitos do prefeito Dado Mo- ris, foi limpar o nome da Prefeitura de Oriente, quitando as dívidas do município, recuperando a sua credibilidade. Bem administrada, a cidade hoje pode rece- ber recursos estaduais e federais, honra os paga- mentos de fornecedores e de servidores públi- cos, enfim, a sua saúde financeira se encontra em ótimo estado. O prefeito Dado co- memora. Para ele, os dois primeiros anos de sua administração fo- ram focados em recupe- rar e reestruturar finan- ceiramente a prefeitura, que devia mais de R$2 milhões, bem como na conquista de muitas ver- bas, execução de mui- tas obras, maquinários e veículos antes nunca ti- dos em oriente. Ao colo- car a casa em ordem e as contas em dia, o prefeito Dado gera grandes ex- pectativas ao afirmar em entrevistas que o melhor para Oriente ainda virá. Ele mesmo desta- cou que a segunda me- tade de seu governo será muito mais forte, inten- so, com grandes obras e conquistas a serem exe- cutadas. Com a Prefeitura bem administrada, conse- quentemente Oriente se torna uma cidade pro- gressista, com potencial de crescimento e desen- volvimento muito gran- de, gerando qualidade de vida para toda a po- pulação. Com boa administração, Oriente se reergue e celebra saúde financeira