SlideShare uma empresa Scribd logo
0001 - A alegria

A alegria está no coração de quem já conhece Jesus.
A verdadeira paz, só tem aquele que já conhece Jesus.

O sentimento mais precioso, que vem de Nosso Senhor,
é o amor, que só tem, quem já conhece Jesus.

Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!


0002 - A barca

Tu te abeiraste da praia, não buscaste nem sábios, nem ricos: somente queres que eu te siga.

Senhor, Tu me olhaste nos olhos,
a sorrir, pronunciaste meu nome.
Lá na praia, eu larguei o meu barco.
Junto a ti, buscarei outro mar.

Tu sabes bem que, em meu barco, eu não tenho nem ouro nem espadas: somente redes e o meu trabalho.

Tu minhas mãos solicitas; meu cansaço, que a outros descanse: amor que almeja seguir amando.

Tu, pescador de outros lagos, ânsia eterna de almas que esperam. Bondoso amigo, que assim me
chamas.


0003 - Uma entre todas

Uma entre todas foi a escolhida: foste tu Maria, serva preferida.
Mãe do meu Senhor, Mãe do meu Salvador.

Maria, cheia de graça e consolo, venha caminhar com teu povo: nossa Mãe sempre serás!

Roga pelos pecadores desta terra, roga pelo povo que em Deus espera,
Mãe do meu Senhor, Mãe do meu Salvador.


0004 - A Palavra de Deus

A Palavra de Deus é uma Festa,
nós queremos ouvi-La de novo.
Este livro, sem par, nos atesta:
"Deus escuta o clamor do seu Povo"

Vamos juntos cantar, celebrando o que Deus fez e faz para nós.
A Palavra é o Amor nos falando: com amor ouviremos sua voz.

A Palavra de Deus, nossa Festa,
para ouvi-La, a Igreja nos chama.
Sempre mais, Ela nos manifesta:
"Deus é imenso e, contudo, nos ama!"

A Palavra de Deus, como Festa,
a lutar nos ajuda e convida.
Seu refrão, repetido, está nesta:
“Vim a vós para dar-vos mais vida!"

A Palavra de Deus é só Festa.
Canta a glória e o poder de Javé.
Pra louvá-Lo melhor,
nos empresta os seus salmos e cantos de fé

A Palavra de Deus sempre é Festa:
se o Profeta teu mal denuncia,
é o bom Deus que, do chão que não presta,
quer erguer-te ao Amor, à Alegria!


0005- Abençoa

Noite e dia, longas madrugadas e a semente espera.
E o milagre antigo e sempre novo fecunda toda a terra.
Do grão morto e pisado, a vida nascerá:
na mesa, eis o pão.

Abençoa, ó Senhor, nossa oferta.
Dá-nos tua paz e, a unidade no teu corpo,
que se consuma também por nós.

Nossas vinhas, com o Sol aberto, já estão florindo.
E o orvalho, no silêncio, toca os primeiros frutos.
E as cores são mais vivas, acendem os grãos maduros:
na mesa, eis o vinho.

Abençoa, ó Senhor, nossa oferta.
Dá-nos tua paz e, a unidade no teu sangue,
que se consuma também por nós.


0006 - Aleluia, acolher a Palavra

Ouvir com atenção a palavra Acolher.
Acolher a palavra.
Aprender, aprender a Palavra.
Proclamar, proclamar a Palavra

Aleluia, na mente! Aleluia, na boca! Aleluia, no coração, aleluia!
Aleluia, na Igreja! Aleluia, na vida! Aleluia, vamos todos aclamar!


0007- Abraço da Paz

Quero te dar a paz do meu Senhor, com muito amor.

Na flor, vejo manifestar o poder da Criação.
Em teus lábios, eu vejo estar o sorriso de um irmão.
Toda vez que eu te abraço e aperto a tua mão,
sinto forte o poder do amor, dentro do meu coração.

Deus é Pai e nos protege, Cristo é Filho e Salvação!
Santo Espírito Consolador, na Trindade somos irmãos...
Toda vez que eu te abraço e aperto a tua mão,
sinto forte o poder do amor, dentro do meu coração.


0008- Imaculada, Maria de Deus

Imaculada, Maria de Deus,
coração pobre, acolhendo Jesus!
Imaculada, Maria do Povo,
Mãe dos aflitos que estão junto à cruz!

Um coração que era sim para a vida,
um coração que era sim para o irmão,
um coração que era sim para Deus:
Reino de Deus, renovando este chão.

Olhos abertos pra sede do povo,
passo bem firme, que o medo desterra,
mãos estendidas, que os tronos renegam:
Reino de Deus, que renova esta terra!

Faça-se, ó Pai, vossa plena vontade,
que os nossos passos se tornem memória
do amor fiel que Maria gerou:
Reino de Deus atuando na História.


0009- Aclamação ao Evangelho

Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! (bis)

Sou Rei e vim testemunhar a Verdade, que vos libertará!


0010- Eu quisera

Eu quisera, Jesus adorado,
Teu Sacrário de Amor rodear de almas puras, florinhas mimosas,
perfumando o teu Santo Altar.
O desejo de ver-Te adorado, tanto invade o meu coração:
eu quisera estar, noite e dia, aos teus pés, em humilde oração.

Pelas almas mais pecadoras, eu Te peço, Jesus, perdão.
Dai-lhe todo amor e carinho, todo afeto do Teu coração.
E se um dia, meu Jesus amado, meu desejo se realizar,
hei de amar-Te por todos aqueles que, Jesus, não te querem amar.

Pelas almas que não te conhecem, eu quisera, Jesus, te amar.
E daqueles que de Ti se esquecem, as loucuras também reparar.
E lá no Céu, meu Jesus querido, face a face, hei de contemplar.
Nos Teus braços, então, viverei: para sempre Jesus te amar.


0011- Adoração do Cristo na cruz

Que foi, povo meu, que te fiz? Jamais te deixei sem defesa!
Fui eu que te fiz infeliz? Te esqueces da minha presteza?

Deus Santo, Deus forte, Deus Imortal !
Olhai deste povo a fraqueza! Piedade, livrai-nos do mal!

Te lembras do Egito, que dor? E eu te tirei com mão firme.
Agora me vens com furor? E queres co’a lança ferir-me?

Do Nilo, mudei água em sangue; rasguei Mar Vermelho e passaste.
E quando, eu bem mais do que exangue, meu lado de um golpe rasgaste?
Fartei com maná teu deserto; da pedra te dei água pura.
E agora me zombas de perto, na sede me dás amargura?

Só tive palavras de alento e quis boa terra te dar.
Não pude te ver ao relento. E insultos gritastes, sem par?

Fui simples, sereno semblante. E a vida te dei, dom supremo.
De ti me ocupei incessante. E tu, me acusaste blasfemo?

Falei pelos fracos, sem medo. Curei, perdoei, fui tua Luz.
E tu, com teu torpe segredo, a mim reservaste uma cruz?


00012- Ainda que eu fale a língua dos homens

Ainda que eu fale a língua dos homens, ainda que eu fale a língua dos anjos,
serei como o bronze que soa em vão, se eu não tenho amor, amor aos irmãos.

O amor é paciente, tudo crê. É compassivo, não tem rancor.
Não se alegra co'a injustiça e com o mal; tudo suporta, é Dom total...

Ainda que eu tenha vigor de profeta e o dom da ciência, firmeza na fé.
Ainda que eu possa transpor as montanhas, se eu não tenho amor, de nada adianta.

Ainda que eu doe meus bens para os pobres, que eu deixe meu corpo em chamas arder,
será como um sonho, será tudo em vão, se eu não tenho amor, amor aos irmãos.


0013- Aleluia

Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!

Vós, povos todos da Terra, aleluia, aleluia!
Vinde, cantai ao Senhor: Aleluia! Aleluia!

Vinde, louvai nosso Deus, aleluia, aleluia!
Que seu amor é sem fim: Aleluia! Aleluia!

Tanto o sofrer, quanto a morte, aleluia, aleluia!
Saibam que a vida é maior: Aleluia! Aleluia!


0014- Aleluia!

Aleluia! Aleluia! (bis)

No princípio era a Palavra e a Palavra se encarnou.
E nós vimos sua glória, seu amor nos libertou!


0015- Aleluia

Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia!

Pois o Verbo se fez Carne!
Entre nós Ele acampou!
E quem acolheu o Verbo de Deus, filho se tornou.
0016- Nesta prece

Nesta prece, Senhor, venho te oferecer o crepitar da chama, a certeza de dar!

Eu te ofereço o Sol, que brilha forte.
Te ofereço a dor do meu irmão, a fé na esperança e o meu amor!

Eu te ofereço as mãos que estão abertas, o compasso do passo mantido, meu grito mais forte de louvor.

Eu te ofereço o que vi de belo, no interior dos corações; a coragem de me transformar.


0017 – Fala em nossos corações

Senhor, fala em nossos corações!
Tua mensagem de amor revela o Caminho a seguir e fecunda a nossa fé.
Tua Palavra é o Caminho, a Verdade e a Vida

Estás entre nós! Fala-nos, Senhor, com a Tua Voz, Palavras de Amor.

Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia!


0018- Antes da morte e ressurreição

Antes da morte e ressurreição de Jesus, Ele, na Ceia, quis se entregar.
Deu-se em Comida e Bebida, para nos salvar.

E quando amanhecer o Dia Eterno, a Plena Visão,
ressurgiremos, por crer, nesta Vida escondida no Pão.

Para lembrarmos a morte, a Cruz do Senhor,
nós repetimos, como ele fez, gestos, palavras, até que volte outra vez.

Este Banquete alimenta o amor dos irmãos
e nos prepara à glória do céu: Ele é a força na caminhada pra Deus.

Eis o Pão Vivo mandado a nós por Deus Pai!
Quem o recebe, não morrerá: no último dia vai ressurgir, viverá.

Cristo está vivo, ressuscitou para nós.
Esta verdade, vai anunciar a toda a Terra, com alegria, a cantar.


0019- Anunciação de Maria

Do céu desceu um anjo
– destino, Nazaré –
pra visitar Maria, esposa de José.
À saudação celeste,
Maria recebeu do anjo esta mensagem: "serás a Mãe de Deus".

Ave Maria!, dissera o Anjo, Cheia de Graça, cheia de Luz, cheia de encanto.
Foste escolhida, serás Senhora, Mãe de Jesus.

E a Virgem pura, tão santa e bela, sentiu-se presa de tanto amor.
E disse: “faça-se Tua vontade, pois sou escrava do meu Senhor”.

Ave Maria!, cantam na Terra, louvando a Virgem que o Céu chamou para ser mãe de um Filho Santo,
que a Terra inteira sempre esperou.
E a Virgem adora, já no seu seio, o Ser Divino que se encarnou.
E a Palavra, que se fez Carne, é o Cristo Vivo que já chegou.


0020- Ato penitencial

Senhor, tende piedade de nós!
Senhor, tende piedade de nós!

Pai de infinita Bondade, que a Tua Vontade se faça verdade no meio de nós. (bis)

Senhor Jesus Cristo, piedade! Piedade de mim, que não te obedeci, nem segui Tua Voz. (bis)

Que teu Espírito Santo nos mostre o caminho de paz e justiça, sem ódio e sem dor. (Bis)

Senhor...Senhor...Senhor...


0021- Ave de Fátima

A treze de maio, na cova da Iria,
no Céu aparece a Virgem Maria.

Ave, Ave, Ave Maria (bis)

Foi aos pastorinhos que a Virgem falou.
Desde então, nas almas, nova luz brilhou.

Das mãos lhe pendiam, continhas de luz,
assim era o terço da Mãe de Jesus.

A Virgem nos manda as contas rezar.
Diz ela que, o Terço, nos há de salvar.

Achou logo, o mundo, remédio ao seu mal
e, a Virgem Bendita, é nosso final.


0022- Ave Maria

Ave Maria, cheia de Graça.
Deus é contigo, contigo é o Senhor!
Bendita és Tu entre as mulheres
e Bendito é o fruto do teu ventre:
Jesus, Jesus, o fruto do Teu ventre, Jesus!
Santa Maria!
Maria, Mãe de Deus, rogai por nós,
rogai por nós pecadores,
agora e na hora,
agora e na hora da nossa morte.
Amém, Amém, Amém!


0023- Ave Maria

Ave Maria, gracia plena, Dominus tecum.
Benedicta Tu in mulieribus
et benedictus fructus ventris tui, Jesus

Sancta Maria, Sancta Maria!
Maria, ora pro nobis, nobis pecatoribus,
nunc et in hora, in hora mortis nostrae,
Amen! Amen!


0024- Ave Maria

Ave Maria, Mãe abençoada!
Virgem Imaculada, és Santa Semente do Amor.
Maria, Mãe de Deus, és cheia de Graça.
Santo é o fruto do teu ventre, Jesus.

Santa Maria, Santa Maria!
Maria, que concebeu o Amor, em Cristo Nosso Senhor!
Mártir Generosa, rogai por nós, os pecadores,
Mãe Querida. Amém!


0025- Ave Maria

Sinto uma tristeza em seu olhar, em seu olhar,
que parece nosso amor implorar.
Mas creia que, se hoje estou aqui, estou aqui,
é porque a sua dor eu entendi.

Então fiz esta Ave Maria, que canto noite e dia.
Então fiz esta Ave Maria, por Você!

Sei que o mundo vai compreender, vai compreender,
seu amor, sua dor, seu sofrer.
E cantará a Ave Maria, durante noite e dia.
E cantará a Ave Maria, por Você!


0026 – É bom estarmos juntos (Comunhão)

É bom estarmos juntos à mesa do Senhor
E, unidos na alegria, partir o Pão do Amor.

Na vida, caminha quem come deste Pão.
Não anda sozinho quem vive em comunhão

Embora sendo muitos, é Um o nosso Deus.
Com Ele vamos juntos, seguindo os passos Seus.

Formamos a Igreja, o corpo do Senhor.
Que, em nós, o mundo veja a luz do seu amor!

Foi Deus quem deu, outrora, ao povo, o Pão do Céu.
Porém, nos dá agora, o próprio Filho Seu

Será bem mais profundo o encontro, a comunhão,
se formos, para o mundo, sinal de salvação


0027- Balada da caridade

Para mim, a chuva no telhado é cantiga de ninar,
Mas, o pobre, meu irmão, para ele, a chuva fria vai entrando em seu barraco e faz lama pelo chão.
Para mim, o vento que assobia é noturna melodia.
Mas o pobre, meu irmão, ouve o vento angustiado, pois o vento, esse malvado, lhe desmancha o barracão.

Como posso ter sono sossegado se, no dia que passou, os meus braços eu cruzei?
Como posso ser feliz se, ao pobre, meu irmão, eu fechei meu coração, meu amor eu recusei?


0028- Belém é aqui

Belém é aqui, aqui é Natal!
Belém é aqui, aqui é Natal!

Belém é aqui, aqui onde estou: na casa vizinha mora o Salvador

Belém é aqui, se habita o amor, se não se recusa, no outro, o Senhor.

Belém é aqui, se existe calor na luta dos homens, combatendo a dor.


0029- Bom José

Olha o que foi, meu bom José, se apaixonar pela donzela,
entre todas, a mais bela de toda a sua Galiléia.

Casar com Débora ou com Sara, meu bom José,
você podia e nada disso acontecia. Mas, você foi amar Maria...

Você podia, simplesmente, ser carpinteiro e trabalhar.
Sem nunca ter que se exilar, que se esconder com Maria.

Meu bom José, você podia ter muitos filhos, com Maria
e seu ofício ensinar, como seu pai sempre fazia.

Por que será, meu bom José, que esse teu pobre Filho, um dia,
andou com estranhas idéias que fizeram chorar Maria?

Me lembro, às vezes, de você, meu bom José, meu pobre amigo,
que desta vida, só queria ser feliz com sua Maria.


0030- Buscai primeiro

Buscai, primeiro, o Reino de Deus e a sua justiça
e tudo mais vos será acrescentado. Aleluia, Aleluia!

Não só de pão o homem viverá,
mas de toda Palavra que procede da boca de Deus. Aleluia, Aleluia!

Se vos perseguem por causa de mim, não esqueçais o porquê:
não é o servo maior que o Senhor. Aleluia, Aleluia!


0031- Caminhada

Alguém chama, Ele me ama e me conduz e me quer feliz.
Ele fala, só escuto, paro mudo. E o que Ele me diz?

“Vem me seguir”, que eu caminho junto com você ao fim.
Depois da caminhada, você é feliz se deixa todas as coisas só por mim, por mim.
Vem me seguir, que o meu caminho é o da porta estreita, sim,
porém, ao acabar junto de mim, você vai entender porque é bom, é bom servir.

Ele quer uma resposta, todo dia, de você irmão.
É difícil a caminhada e, por isso, Ele estende a mão.


0032- Caminhando com Maria

Santa Mãe Maria, nesta travessia, cubra-nos teu manto cor de anil.
Guarda nossa vida, Mãe Aparecida, Santa Padroeira do Brasil.

Ave, Maria! Ave, Maria!

Mulher peregrina, força feminina, a mais importante que existiu.
Com justiça, queres que nossas mulheres sejam construtoras do Brasil.

Com amor divino, guarda os peregrinos, nesta caminhada para o além!
Dá-lhes companhia, pois também, um dia, foste peregrina de Belém.

Com seus passos lentos, enfrentando os ventos, quando sopram noutra direção,
toda a Mãe Igreja pede que tu sejas, companheira de libertação.


0034- Canção da América

Amigo é coisa pra se guardar debaixo de sete chaves,
dentro do coração,
assim falava a canção que, na América, ouvi.

Mas quem cantava, chorou ao ver seu amigo partir.
E quem ficou, no pensamento voou, com seu canto que o outro lembrou.
E quem voou, no pensamento ficou, com a lembrança que o outro cantou.

Amigo é coisa pra se guardar no lado esquerdo do peito.
Mesmo que o tempo e a distância digam não, mesmo esquecendo a canção,
o que importa é ouvir a voz que vem do coração.

Pois seja o que vier, venha o que vier, qualquer dia, amigo, eu volto a te encontrar
qualquer dia, amigo, a gente vai se encontrar.


0035- Canção do Espírito

Busca, em Jesus, a Plenitude do Seu Espírito e do Seu Amor,
deixa que Ele te envolva em Seu calor.
Deixa Jesus cuidar das coisas que atormentam o teu viver,
qual luz do alto, Ele virá sobre o teu ser

Ó, Cristo, meu Cristo, vem em mim morar. (Vem em mim morar!)
Ó, Cristo, meu Cristo, vem mim morar.

Ó vem cantar com alegria, encher de Paz teu coração.
Ergue o braço e louva a Deus em oração.
A Ele dá tuas tristezas, desilusões e tua cruz.
E,então, terás a vida em nome de Jesus.


0036- Canção dos Catequistas

Depois de nós, as flores. Depois de nós, os frutos.
Nosso trabalho é semear, é semear!
Depois de nós a história, depois de nós, a glória.
Nosso trabalho é semear, é semear!

Tanta terra à beira do caminho, esperando das mãos do semeador
a semente da fé, da esperança, a Palavra que ouvimos do Senhor.

Tenho a graça de pertencer à Igreja, que é católica, pois é universal,
Catequese é chamado, vocação! É usar nossa luz e nosso sal!


0037- Canção para o matrimônio

Ver nascer, em nós, uma nova vida, cheia de amor e paz!
Caminharmos juntos, pela estrada que não termina jamais

Ser teu companheiro, estar sempre contigo,
ser o teu primeiro e melhor amigo.
Dar todo carinho e a força do abraço,
na alegria e dor, seja onde for,
ser sempre teu namorado

Ser tua companheira, teu caminho certo,
ser tua primeira, te sentir bem perto.
Dar toda ternura da mulher amada,
na alegria e dor, seja onde for,
ser sempre tua namorada


0038 – Cantai ao Senhor

Cantai ao Senhor um cântico novo. (3X)
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor.

Porque ele fez, ele faz maravilhas. (3X)
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor.

É ele quem dá o Espírito Santo. (3X)
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor.

Jesus é o Senhor, Amém, Aleluia. (3X)
Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor.


0039- Essa Palavra (comunhão)

Essa Palavra que Deus Pai dizia, fez vir do nada toda a Criação.
Essa Palavra veio a nós e, um dia, Ceia Santa, quis ser nosso Pão.

Vossa Palavra se tornou Comida: não posso ouvi-la sem vos bendizer!
No Pão, no Livro, no correr da vida, Vossa Palavra é que me faz viver!

Abrindo a Bíblia, vejo um Deus amigo, que quer amor, porque só sabe amar.
Parece sombra o Testamento Antigo, diante da Luz que temos neste Altar.

Vossa Palavra é como sol luzente: difunde luz e envolve no calor.
E vossa voz ouvimos, de repente, em tanto gesto de ternura e amor!

Para cantar vossa Palavra, vemos, o dom é imenso e fraca é nossa voz:
mas vosso Espírito que recebemos, vos clama: "Pai! Ó Pai!" dentro de nós.
Vossa Palavra é a Comida agora e essa Comida vai virar meu ser:
serei Palavra pela vida afora, dizendo tudo o que quereis dizer.

Vossa Palavra, nesta Santa Missa, foi proclamada e agora é Refeição.
Com tanta luz, vou exigir justiça; com tanto amor, eu vou ser mais irmão!


0040- Cantochão

Canto da vida o encanto, a beleza deste céu e deste mar,
a esperança que nasce da mesa, deste Pão repartido, neste chão pra pisar
Canto do amor a certeza que as barreiras vão desaparecer
que a paz será semente plantada, irrigada e que um dia vai florescer

Não isto não é sonho, nem mesmo uma mera ilusão:
o amor fará nascer entre nós/ um novo mundo de irmãos.
Esta nova humanidade como o sol há de brilhar,
e sua luz sem tréguas resplandecerá


0041- Chamado a estar contigo

Senhor, Tu me chamaste, o olhar no meu olhar.
Vem e vê onde moro, e Eu te farei feliz!
Senhor, Senhor, contigo quero estar,
pois teu Amor Primeiro me escolheu e quis.

Não quero ter certeza de nada, meu Senhor!
Saber que tudo sabes, me acalma o coração.
E basta-me a certeza do Teu eterno amor,
estar sempre a teu lado, Tua mão na minha mão.

Senhor, Tu me enviaste depois ao meu irmão:
”Vai dize o que tu viste: Eu sou o sumo Bem!”
Senhor, Senhor, me inflama o coração,
e o teu amor em mim não deixará ninguém.

Senhor, eu sempre volto: aqui é meu lugar!
“Sem mim tu nada podes, pois tudo vem em mim!”
Senhor, Senhor, Contigo vou ficar:
Tu és meu fundamento, meu começo e fim!


0042- Chegou a hora

Chegou a hora de sonhar de novo, de tornar-se povo e se fazer irmão.
Chegou a hora, que ligeiro passa, de ganhar a graça para a conversão.

Meu caro irmão, olha pra dentro do teu coração,
vê se o Natal se tornou conversão e te ensinou a viver

Chegou a hora de viver o Cristo e acreditar que isto é se tornar maior.
Chegou a hora de tornar profundo e perceber que o mundo pode ser melhor.

Será difícil, tantas mãos unidas, não fazer da vida um tempo sem igual.
Será difícil, tanto amor e afeto, não tornar concreto o gesto do Natal.
0043- Com Maria subamos a Belém

Com Maria, subamos a Belém, vai o Céu um mistério revelar:
nosso Deus, pequenino, ao mundo vem, para o mundo no amor então salvar.

Vai agora, vai, meu povo, um sinal de luz vai ser:
vai plantar um mundo novo, para a vida florescer!
Eis que brilha um novo dia, na luz cheia de esplendor:
sua aurora é pois, Maria e seu Sol, Deus Redentor!

Vai das nuvens descer o Salvador, terras secas o Céu vai orvalhar
e as nações ao encontro do Senhor, vai a estrela da manhã então guiar

Ao presépio pastores também vão, um segredo de paz lá vão achar
e o seu Deus, que bendiz o nosso chão, com Maria e José vão adorar!

Já de terras longínquas magos vêm, professando uma fé universal
e, se a Deus dão presentes em Belém, de Deus ganham luz e paz, no seu Natal!


0044- Com minha mãe estarei

Com minha Mãe estarei, na Santa Glória, um dia,
junto à Virgem Maria, no céu triunfarei.

No céu, no céu, com minha mãe estarei
No céu, no céu, com minha mãe estarei

Com minha Mãe estarei, mas já que hei ofendido,
a seu Jesus querido, as culpas chorarei.

Com minha Mãe estarei e que bela coroa,
de Mãe tão terna e boa, feliz receberei.

Com minha Mãe estarei,em seu coração terno,
em seu colo materno sem fim descansarei!


0045- Comei, Tomai

Eu quis comer esta ceia agora, pois vou morrer, já chegou minha hora.

Comei, tomai, é meu corpo e meu sangue que dou.
Vivei no amor, eu vou preparar a ceia na casa do Pai. (bis)

Comei o Pão, é meu corpo imolado por vós, perdão para todo pecado.

E vai nascer do meu sangue: a esperança, o amor, a paz, uma nova aliança.

Vou partir, deixo o meu testamento. Vivei no amor, eis o meu mandamento.

Irei ao Pai, sinto a vossa tristeza. Porém, no céu, vos preparo outra mesa.

De Deus virá o Espírito Santo, que vou mandar pra enxugar vosso pranto.

Eu vou, mas vós me vereis novamente: estais em mim e eu, em vós, estou presente.
0046- Como é grande o meu amor

Eu tenho tanto pra lhe falar, mas, com palavras,
não sei dizer como é grande o meu amor, por você.

E não há nada pra comparar, para poder lhe explicar,
como é grande o meu amor, por você.

Nem mesmo o céu, nem as estrelas, nem mesmo o mar e o infinito,
não é maior que o meu amor, nem mais bonito.

Me desespero a procurar alguma forma de lhe falar
como é grande o meu amor por você.

Nunca se esqueça nem um segundo, que eu tenho amor, maior do mundo.
Como é grande o meu amor por você.
Mas como é grande o meu amor por você.


0047- Como uma criança

Como uma criança, Cristo me ensinou que eu devo ser,
se quero ir ao céu ter a mente limpa e um puro coração.
Como uma criança eu quero sempre ser.
Como uma criança assim eu quero ser, com Cristo em meu viver irei renascer

Sempre que na Bíblia este verso eu lia não podia ainda tudo entender...
Quando uma criança Cristo em mim fez nascer
pude compreender o que Deus quer de mim:
sinceridade, amor, perdão e paz só uma criança pode ter.


0048- Convite gentil

Convite gentil, não sei desprezar.
Que importa o que foi? Eu vim pra curar.
Quem nega o perdão em nome da lei, não quer ver o mundo irmão.

Perdão, ó Senhor, misericórdia! Perdão, Senhor Deus da vida!

Não posso aceitar o zelo fatal, do fogo do céu em troca do mal.
Eu vim me propor, não vim pra forjar resposta com tal furor!

Tecer elogios por coisa qualquer, revela, afinal, o quanto se quer.
Porém, escutai: mais vale cumprir o quanto ensinei do Pai!


0049 – Palavra de Salvação

Palavras de salvação, somente o céu tem pra dar,
por isso meu coração se abre pra escutar

Por mais difícil que seja seguir Tua palavra queremos ouvir
Por mais difícil de se praticar Tua palavra queremos guardar

Com Simão Pedro diremos também, que não é fácil dizer sempre amém.
Mas não há outro na Terra e no céu mais companheiro, mais santo e fiel
0050 – Cristo é a felicidade

Cristo é a felicidade! Cristo é a felicidade !
Sem ter amor nesta vida não há, quem seja feliz de verdade.

Andar sem temor pela vida e sentir o valor de se ter liberdade;
poder abraçar um amigo e sentir o calor de uma grande amizade.

Sentir que se está sempre perto de Deus, que nele encontrou a verdade;
sorrir com a paz de um menino, a olhar para o Sol que começa a brilhar.

Sentir que jamais se perdeu a ilusão, saber perdoar com bondade;
andar sem temor pela vida e sentir o valor de se ter liberdade


0051- Bodas de Prata ou Ouro

Beijando teus lindos cabelos, que a neve do tempo marcou,
eu tenho, nos olhos molhados, a imagem que nada mudou.

Estavas vestida de noiva, sorrindo, querendo chorar.
Feliz, assim, olhando para mim, que nunca deixei de te amar.

Vinte cinco (São cinquenta) anos vamos festejar de união!
E a felicidade continua em meu coração.
Vai crescendo sempre mais o meu amor por ti.
Eu também fiquei mais velho e quase não senti.

Vinte cinco (São cinqüenta) anos de veneração e prazer,
pois até nos momentos de dor, o meu coração me faz compreender,
que a vida é tão pequena para tanto amor!


0052- Custei te encontrar

H: Irmã, custei te encontrar! Estou cansado de andar! Preciso te falar

M: Também andei por ai, penei no meu caminhar.
Agora estou aqui, para te ouvir e te ajudar

H: Minha palavra é sincera, tenho a coragem de fera.
Prego a mensagem de dar, missão de fé sem desanimar.

M: Meu pensamento é ligeiro, tento ajudar o mundo inteiro.
Trago mensagem do amor: quem quer se dar, sente menos dor.

H: Irmã enxergo em ti, a fé que sempre vivi, amor sempre senti.
M: A nossa fé é igual viver o mesmo ideal. Irmão nós vamos cantar:

T: só tem amor quem sabe dar.


0053- Deixa a luz do céu entrar

Tu anseias, eu bem sei, a salvação. Tens desejos de banir a escuridão.
Abre, pois, de par em par, teu coração. E deixa a luz do céu entrar.

Deixa a luz do céu entrar! Deixa a luz do céu entrar!
Abre bem as portas do seu coração e deixa a luz do céu entrar.
Cristo, a luz do céu, em ti quer habitar, para as trevas dos pecados dissipar,
teu caminho e coração iluminar; e deixa a luz do céu entrar.

Que alegria andar ao brilho dessa luz. Vida eterna e paz no coração produz.
Oh! Aceita agora, o Salvador Jesus e deixa a luz do céu entrar.


0054 – Eu Te ofereço

Eu te ofereço ( meu Senhor) minha terra e o meu céu ( pro meu Senhor)
Te ofereço minha alma, te ofereço minha vida
Tenho mais ainda, e meu amor por você, meu Senhor!
Tudo isso é nada, nada, nada, meu Senhor!
Pois você se deu, se entregou, se ofereceu
Pois você morreu na cruz pra eu viver!
Meu Senhor, pro meu Senhor


0055- Deixa-te modelar

Deixa-te modelar!... Tu não sabes o que Deus fará de ti!...
Dá-lhe teu coração, e permite que Ele assuma a direção!
Deixa-te trabalhar: maravilhas há de o Pai realizar!
Ele só quer teu bem, o que te convém!

Nas mãos do Pai estarás, livre, seguro, em paz!
Não tenhas medo: Ele é teu Segredo! Deus ninguém mais!

Deixa-te despojar: Teu vazio se encherá da Sua luz!
Sem nada em ti reter, ao Senhor entrega inteiro o teu ser!
Deixa-te libertar e nas asas do amor tu voarás...
Deus cuidará do que é Seu: Ele te escolheu!

Deixa-te conduzir e o Espírito de Deus te levará por céu e mar sem fim,
se lhe deres todo o espaço e fores Sim!
Deixa-te possuir pelo amor que arder fará teu coração.
Quem tua vida assim quis, Te fará feliz!


0056- Deus está aqui

Deus, está aqui! (É verdade!)
Tão certo como o ar que eu respiro! (Aleluia!)
Tão certo como a manhã que se levanta.
Tão certo como eu te falo e podes me ouvir.

Jesus está aqui! (É verdade!)

O Espírito está aqui! (É verdade!)

O Amor está aqui! (É verdade!)


0057- Deus Trino

Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo, estamos aqui.
Para louvar e agradecer, bendizer e adorar, estamos aqui, Senhor, ao seu dispor.
Para louvar e agradecer, bendizer, adorar, te aclamar, Deus Trino de amor.
0058 – Pão e vinho tirados da terra

Pão e vinho tirados da terra, Sol ardente, suor e candor!
Braço firme, domando essa terra. Te agradeço o suor e o amor.

Te agradeço as ave-marias que esses dias me pus a rezar
Pra pedir esses pingos de chuva, pra estas terras semente brotar

Te agradeço os pingos da chuva, que em bondade mandaste chegar,
pra regar esse colo de serra e nestas terras sementes brotar

Te agradeço o cantar de meu povo, que de novo se deu neste altar,
pra pedir as sementes do alto e o amor nestas terras brotar.


0059- É impossível

Olho em tudo e sempre encontro a Ti.
Estás no céu, na terra, onde for.
Em tudo o que me acontece, encontro o teu amor.
Já não se pode mais deixar de crer no teu amor.

É impossível não crer em Ti, é impossível não te encontrar.
É impossível não fazer de Ti meu ideal. (bis)


0060-É Natal

Um mundo que esquece de fazer uma prece,
pro Menino que nasce sorrindo e traz a Paz de Deus...

A Luz que nos aquece, de amor nos umedece:
o Menino que nasce amando e vem também viver....

Ele renasce sempre, eternamente vem nos mostrar o que é nascer:
entra e se esconde no nosso meio e vê que ninguém aprendeu...

Um dia que anoitece, Menino se entristece
e a vontade que dá de chorar, de nunca mais amar.

Um mundo que magoa e Deus sempre perdoa.
Esse Deus que se torna criança e vem nos ensinar:
eu sou criança e venho, eu muito tenho de amor pra dar e receber.
Peço perdão ao Pai, novamente eles ainda não sabem o que fazem.

É Natal, é Natal...


0061- É Natal de Jesus

É Natal de Jesus, festa de alegria, de esperança e luz!

Toda a Terra canta um hino, bendizendo o Salvador,
que em Belém se fez menino, dando exemplo de amor.

Uma estrela diferente, toda a Terra iluminou:
foi Jesus, que humanamente, a nós todos se igualou.

Nasceu pobre e sem palácio, esse Rei que trouxe o bem,
quis apenas ensinar-nos a mensagem de Belém.
0062- Eis-me aqui, Senhor!

Eis-me aqui, Senhor! Venho te louvar!
Toma minha voz/ toma meu amor.

Venho te adorar! Eis-me, aqui, Senhor/
Venho te louvar / Venho me entregar.


0063- Ele voltará

A Terra vai um dia contemplar, Aquele que um dia virá.
Com autoridade julgará; toda a Terra se ajoelhará.

O Aleluia, Ele voltará. O Aleluia, para me levar (bis)

Um dia, nova luz então será, onde a Paz nunca se findará.
Ó, como será maravilhoso contemplar o meu Salvador.


0064- Ensina teu povo a rezar

Ensina teu povo a rezar Maria, Mãe de Jesus,
que um dia teu povo desperta e na certa vai ver a luz.

Que um dia teu povo se anima e caminha com teu Jesus.

Maria de Jesus Cristo, Maria de Deus Maria Mulher,
Ensina, a teu povo, o teu jeito de ser o que Deus quiser.

Maria, Senhora nossa, Maria do povo, o povo de Deus
ensina o teu jeito perfeito de sempre escutar teu Deus.


0065- Envia Senhor

Como membro desta Igreja Peregrina,
recebi, de Jesus, Cristo a missão
de levar a Boa Nova a toda gente:
a verdade, a paz e o perdão.

Envia, envia, Senhor, operários para a messe.
Escuta, escuta esta prece: multidões te esperam, Senhor.

Por caminhos tão difíceis
muita gente vai andando, sem ter rumo e direção.
Não conhecem a verdade do Evangelho,
que liberta e dá força ao coração.

A missão nos acompanha dia a dia,
na escola no trabalho e no lar.
Precisamos ser, no mundo, testemunhas,
prá que Deus possa em nós se revelar.


0066 – Para as refeições

Agradecemos, Senhor, o precioso alimento
Que foi preparado amor para nosso sustento
Obrigado Senhor, obrigado Senhor
Tua benção é uma certeza

Obrigado Senhor, obrigado Senhor
Que não falte jamais nesta mesa


0067 - Estão voltando as flores

Vê, estão voltando as flores! Vê, nesta manhã tão linda!
Vê, como é bonita a vida! Vê, há esperança ainda!
Vê, as nuvens vão passando! Vê, um novo céu se abrindo.
Vê, o sol iluminando por onde nós vamos indo.


0068 - Estás entre nós

Tu és minha vida, outro Deus não há. Tu és minha estrada, a minha verdade.
Em tua Palavra, eu caminharei enquanto eu viver e até quando Tu quiseres.
Já não sentirei temor, pois estás aqui. Tu estás no meio de nós!

Creio em ti, Senhor, vindo de Maria. Filho Eterno e Santo, homem como nós,
Tu morreste por amor, vivo estás em nós. Unidade Trina, com o Espírito e o Pai.
E um dia, eu bem sei, Tu retornarás e abrirás o Reino dos céus!

Tu és minha força, outro Deus não há. Tu és minha paz, minha liberdade.
Nada nesta vida nos separará. Em tuas mãos seguras minha vida guardarás.
Eu não temerei o mal, Tu me livrarás e, no teu perdão, viverei!

Ó Senhor da vida, creio sempre em Ti! Filho Salvador, eu espero em Ti!
Santo Espírito de Amor, desce sobre nós. Tu, de mil caminhos, nos conduzes a uma fé
e, por mil estradas, onde andarmos nós, qual semente nos levarás!


0069- Este pranto em minhas mãos

Muito alegre, eu te pedi o que era meu: partir, um sonho tão normal.
Dissipei meus bens, o coração também, no fim, meu mundo era irreal.

Confiei no teu amor e voltei. Sim, aqui é meu lugar.
Eu gastei teus bens, ó Pai, e te dou este pranto em minhas mãos.

Mil amigos conheci; disseram adeus, caiu a solidão em mim.
Um patrão cruel levou-me a refletir: meu pai não trata um servo assim.

Nem deixaste-me falar da ingratidão: morreu, no abraço, o mal que eu fiz.
Festa, roupa nova, o anel, sandália aos pés, voltei à vida: sou feliz


0070- Eu louvarei

Eu louvarei, eu louvarei, eu louvarei, eu louvarei, eu louvarei, o meu Senhor (bis)

João viu o número dos redimidos e todos louvavam o Senhor.
Uns oravam, outros cantavam e todos louvavam o Senhor.

Todos unidos, alegres, cantavam glória e louvores ao Senhor!
Glória ao Pai, glória ao Filho, glória ao Espírito de Amor!
Somos filhos de Ti, Pai Eterno, Tu nos criaste por amor.
Nós te adoramos, te bendizemos e todos cantamos teu louvor!


0071- Eu navegarei

Eu navegarei no oceano do Espírito e ali adorarei ao Deus do meu amor

Espírito, Espírito, que desce como fogo,
Vem, como em Pentecostes, e enche-me de novo. (bis)

Eu adorarei ao Deus da minha vida,que me compreendeu sem nenhuma explicação

E eu servirei ao meu Deus fiel, ao meu libertador, Aquele que venceu.


0072- Eu sei que vou te amar

Eu sei que vou te amar por toda minha vida, eu vou te amar.
Em cada despedida, eu vou te amar desesperadamente, eu sei que vou te amar.
E cada verso meu será pra te dizer, que eu sei que vou te amar por toda minha vida.

Eu sei que vou chorar, a cada ausência tua eu vou chorar,
mas cada volta tua há de apagar o que esta ausência tua me causou

Eu sei que vou sofrer a eterna desventura de viver,
à espera de viver ao lado teu, por toda minha vida.


0073 - Hosana no alto dos céus

Santo, Santo, Santo é o Senhor, Deus do Universo.
O Céu e a Terra resplandecem da Tua glória

Hosana, hosana, hosana no alto dos céus! (4X)

Bendito é aquele que vem, em nome do Senhor!


0074- Fascinação

Os sonhos mais lindos, sonhei! De quimeras mil, um castelo ergui.
E, no teu olhar, tonto de emoção, com sofreguidão, mil venturas previ.

O teu corpo é luz, sedução, poema divino e cheio de esplendor.
Teu sorriso prende, inebria, entontece!
És fascinação, amor.


0075- Faz de conta

Não dá pra fazer de conta que eles não reagirão.
Não dá pra fazer de conta que não vai acontecer.
Não dá pra fazer de conta que as coisas se acalmarão.
Um dia, a miséria cansa e eles não se conformarão

Os pobres do mundo inteiro estão gritando, que não dá!
Não dá mais pra suportar a indiferença do seu irmão!
Irmãos cada vez mais ricos e que fingem não entender.
Não dá pra viver em paz, onde não há o que comer (bis)
Não dá pra fazer de conta que acabou a opressão.
Não dá pra fazer de conta que o planeta já mudou.
Não dá pra ficar calado, se não se reparte o pão.
Não dá pra brincar de paz onde a miséria não acabou.

Não dá pra fazer de conta que é somente uma canção.
Não dá pra fazer de conta que o país virou cristão.
Não dá pra viver apenas de rir e de se abraçar.
Igreja também precisa dar coragem de se zangar


0076- Feliz o Homem

Feliz o homem que ama o Senhor e segue seus mandamentos:
o seu coração é repleto de amor, Deus mesmo é seu alimento.

Feliz o que anda na lei do Senhor e segue o caminho que Deus lhe indicou:
terá recompensa no Reino do Céu, porque muito amou.

Feliz quem se alegra em servir o irmão, segundo os preceitos que Deus lhe ensinou: verá maravilhas de
Deus, o Senhor, porque muito amou.

Feliz quem confia na força do bem, seguindo os caminhos da paz e o perdão:
será acolhido nos braços do Pai, porque muito amou.

Feliz quem dá graças de bom coração e estende sua mão ao sem voz e sem vez: terá no banquete um
lugar para si, porque muito amou.


0077- Flores do campo

Hoje, as flores do campo se vestiram todas, pra te ver passar.
Hoje, os raios da lua clareando a rua, pra fazer sonhar...

Hoje, não tem mais temores, não tem mais tristezas, só tem esperança, de ser...
Duas novas vidas, almas reunidas, num só caminhar

Hoje, toda insegurança se perdeu na dança, não tem mais lugar.

Hoje, tua mão calada, me mostrando a estrada da felicidade de ter você sempre perto,
coração aberto a me acompanhar.

Hoje...


0078 – Já de paz se reveste nossa vida

Já de paz se reveste a nossa vida, pois nasceu para nós o Salvador
Nas canções de ninar da mãe querida sente embalos do céu o Deus-amor

Já cumpriu-se a profecia, já nasceu o Salvador!
Céus e terra, na alegria, cantam hoje um só louvor

No presépio pequenino e no pão celestial
honra e glória ao Deus menino num louvor sempre eternal

Vem do céu o esplendor de nova aurora uma luz, que é celeste, o mundo viu!
No clarão redentor que brilha agora no deserto a esperança então floriu
Tudo é pobre na gruta e tão singelo, Mas transborda de paz como um jardim!
E Natal é mistério assim tão belo, pois quis Deus ser também pequeno assim!

Vindo a nós, entre pobres, na alegria o Senhor sempre é luz para as nações
E se, humilde, em Belém nasceu um dia hoje vem renascer nos corações

0079- Glória

Glória a Deus nas alturas. Glória! Glória, aleluia!
Glória a Deus, Paz na Terra! Glória, Glória, aleluia!

Glória! Glória nos céus! Paz na Terra entre os homens! (bis)

Glória a Deus, Glória ao Pai!
Glória a Deus Criador que, no Filho, tornou-se o Senhor Deus da Vida!

Glória a Deus, Glória ao Filho!
Glória a Deus nosso irmão! Nos remiu do pecado, nos abriu novo Reino!

Glória ao Espírito Santo, Deus que nos purifica!
Glória a Deus que nos une a caminho do Pai.

Glória a Deus Uno e Santo: Pai, Espírito e Filho!
Glória a Deus, Uno e Trino! Glória ao Deus Comunhão!


0080 - Glória

Glória a Deus nos altos Céus! Paz na Terra a seus amados!
A Vós louvam, Rei Celeste, os que foram libertados.

Glória a Deus, lá nos Céus e Paz aos seus, amém!

Deus e Pai, nós vos louvamos, adoramos, bendizemos;
damos glória ao vosso nome, vossos dons agradecemos.

Senhor nosso, Jesus Cristo, Unigênito do Pai,
Vós de Deus Cordeiro Santo, nossas culpas perdoai!

Vós, que estais junto do Pai, Como nosso Intercessor,
acolhei nossos pedidos, atendei nosso clamor!

Vós somente sois o Santo, o Altíssimo, o Senhor,
com o Espírito divino, de Deus Pai no esplendor!


0081- Eu canto alegria, Senhor!

Eu canto alegria, Senhor, de ser perdoado no amor. (bis)

Senhor, tende piedade de nós!
Senhor, tende piedade de nós!

Cristo, tende piedade de nós!
Cristo, tende piedade de nós!

Senhor, tende piedade de nós!
Senhor, tende piedade de nós!

Eu canto alegria, Senhor, de ser perdoado no amor. (bis)
0082- Haja Paz

Haja paz na Terra, a começar em mim.
Haja paz na Terra, a começar em mim.

Irmãos, nós todos, somos filhos do mesmo Deus.
Juntos, pois, caminhemos na paz que vem do céu.

A começar em mim, prometo ao meu Senhor,
que cada passo que eu der e seja aonde for,
a cada momento estarei vivendo em plena paz e amor!

Haja paz na Terra, a começar em mim!
A começar em mim.


0083- Hino a São Judas Tadeu

São Judas Tadeu intercede por nós ao Pai, nosso Deus, para ouvir nossa voz,
que hoje elevamos, bem alto a cantar: Glória a Deus e a Jesus neste altar.
que hoje elevamos, bem alto a cantar: Glória a Deus e a Jesus neste altar.

Oh, São Judas Tadeu, ajudai que cheguemos a Deus.
Oh, São Judas Tadeu ajudai que cheguemos a Deus.

Às crianças fazei sempre, sempre, inocentes; aos velhos, dai a luz prá viver santamente.
Que a nossa mocidade veja em Cristo a Verdade, a todos dai Senhor, Paz e Amor.
Que a nossa mocidade veja em Cristo a Verdade, a todos dai Senhor, Paz e Amor.


0084- Hino de louvor

Glória a Deus nas alturas, é o canto das criaturas!
Rios e matas se alegram, teus pobres por Ti esperam.
Paz para o povo sofrido: é o grito do oprimido.
A terra,mal repartida,clama por tua justiça!

Glória! Glória! Glória te damos Senhor!
Glória! Glória! Venha o teu Reino de Amor!

Glória a Jesus, nosso guia, Filho da Virgem Maria.
Veio por meio dos pobres, pra carregar nossas dores!
Filho do Altíssimo Deus, por nós na Cruz padeceu.
Venceu a morte e a dor pra nos dar força e valor.

Glória ao Espírito Santo, que nos consola no pranto;
que orienta a Igreja, pra que do pobre ela seja;
que deu coragem a Pedro e aos santos, seus companheiros;
que hoje junta esse povo a buscar um mundo novo!


0085- Hino de louvor

Hoje é tempo de louvar a Deus! Em nós, agora, habita o seu Espírito.
Então, é só cantar e a Cristo exaltar e sua Glória encherá este lugar.

Vem louvar, vem louvar! Vem louvar, vem louvar!
No meio dos louvores Deus habita: é seu prazer cumprir o que nos diz.
Então, é só cantar e a Cristo exaltar e sua Glória encherá este lugar.

Vem louvar, vem louvar! Glória a Deus, Glória a Deus!
Vem louvar, vem louvar! Glória a Deus, Glória a Deus!
Vem louvar!


0086- Tão Sublime (a benção do Santíssimo)

Tão sublime Sacramento vamos todos adorar,
pois, um Novo Testamento, vem o Antigo suplantar!
Seja a fé nosso argumento se o sentido nos faltar.

Ao eterno Pai cantemos e a Jesus, o Salvador;
igual honra tributemos ao Espírito de Amor.
Nossos hinos cantaremos, chegue aos céus nosso louvor. Amém.


0087- Canto da Transladação do Santíssimo

Canta, Igreja, o Rei do mundo, que se esconde sob os véus;
canta o sangue tão fecundo, derramado pelos seus,
e o mistério tão profundo, de uma Virgem, Mãe de Deus.

Um menino nos foi dado, veio aos servos o Senhor.
Foi na Terra semeado o seu Verbo Salvador.
Ao partir, nos foi deixado Pão da Vida, Pão do Amor.

Celebrando a despedida, com os doze ele ceou.
Toda a Páscoa foi cumprida, novo rito inaugurou.
E seu corpo, pão da vida, aos irmãos ele entregou.

Cristo, o Verbo Onipotente, deu-nos nova refeição;
fez-se carne realmente o que deixa de ser pão.
Eis que o vinho é sangue ardente: vence a fé, gosto e visão.


0088- Ida

Quem é que vai? Quem é que vai?
Quem é que vai nesta barca de Jesus, quem é que vai?

Tem muita gente, esperando por você. A caminhar, esperando por você.
Todos cantando, esperando você. Juntos com Jesus, esperando por você.

E tem lugar, esperando por você. Para sentar, esperando por você.
A barca está, esperando por você. Para partir, esperando por você.

Jesus está, esperando por você. Com um sorriso, esperando por você.
A caminhar, esperando por você. Com a multidão, esperando por você.

A sua mão, esperando por você. A acenar, esperando por você.
Chamando vem, esperando por você. De coração, esperando por você.

0089- Glória

Glória a Deus lá nos céus! Todos os anjos cantam sua bondade. (bondade)
"E entre nós paz e bem!" Pedem os homens de boa vontade.
Glória ao Pai Eterno, Criador de tudo!
É a glória do Senhor viveremos sem temor, não como escravos, mas filhos livres!

Glória a Deus, o Filho, Salvador do homem!
É a glória do Senhor vivermos no amor, irmãos de todos, todos irmãos.

Glória a Deus, o Santo, Santificador!
É a glória do Senhor vivermos o louvor da unidade que gera a vida.

0090- Pelos campos

Pelos campos caminham, José e Maria
com um Deus escondido, ninguém sabia.
Pelos campos de pedra e sonhando o Amor,
porque agora lhes vinham o sono da flor
Olham as flores do campo que pôs no olhar,
de quem espera o encontro, do que vai chegar.
Quando vêem as flores, lhes chega o sabor
no luar dos amores, num parto sem dor.
Pelos campos caminham José e Maria,
à procura de abrigo que a noite é fria.
Pelos campos caminham José e Maria,
com um Deus escondido, ninguém sabia.
Uma estrela brilhante no céu de alegria,
guia os caminhantes José e Maria.
Por caminhos cansados que à gruta vão dar,
vão os dois namorados, estão quase a chegar.

E uma pomba tão branca voa a subir,
pois a noite avança, por onde há de vir.
Já a gruta está perto, já daqui se vê,
para vós o Menino, Maria e José.
Pelos campos caminham José e Maria,
com um Deus escondido ninguém sabia.
Pelos campos caminham José e Maria,
com um Deus escondido ninguém sabia.

0091 – Deus é hoje nosso irmão

No presépio pequenino, Deus é hoje nosso irmão
E nos dá Seu corpo e sangue, nessa santa comunhão
Para os homens que erravam nas trevas lá no céu resplandece uma luz
Hoje Deus visitou nossa terra e nos deu o seu Filho Jesus
D’uma flor germinada na terra, fecundada por sopro de Deus
Hoje um novo começo desponta e se abraçam a terra e os céus
Boas novas de grande alegria mensageiros do céu vem cantar
E aos pastores um anjo anuncia: “ Deus nasceu em Belém de Judá”
Para nós nasceu hoje um menino do seu povo Ele é Salvador
Glória a Deus no mais alto dos céus paz aos homens aos quais tanto amou
Para os pobre e fracos da terra em Belém nasceu hoje um irmão:
Ele humilha os soberbos e fortes e se faz dos pequenos pão
Poderosos e grandes da terra nem souberam da grande alegria
Mas pastores e pobres vieram adorar ao Senhor com Maria
Hoje o mundo é de novo criado e a glória se espalha na terra
Como irmãos, homens todos uni-vos, destruí vossas armas de guerra
Como irmãos, homens todos, unidos, reparti vossos bens justamente!
Daí as mãos, construí mundo novo, porque Deus visitou sua gente!

0092- Ladainha de N. Senhora
Senhor que nascestes da Virgem. Tende piedade de nós!
Ó Cristo, Filho de Maria, tende piedade de nós!
Senhor, Senhor, piedade de nós!
Virgem do SIM à Palavra, Rogai por nós!
Virgem do risco ao amor, rogai por nós!
Virgem de toda a alegria rogai por nós!
Rogai, por nós, ò Maria rogai por nós!

Virgem das altas montanhas, Virgem do entusiasmo, Virgem do irmão caminheiro.
Virgem dos desamparados, Virgem de todos os lares, Virgem da paz para o mundo.
Virgem das mãos que se doa, Virgem do amor tão fecundo, Virgem do amor consagrado.

Virgem do amor verdadeiro Virgem Rainha da Igreja, Virgem do amém, do aleluia,

0093- Ladainha de todos os Santos

Senhor, tende piedade de nós. Jesus Cristo, tende piedade de nós
Senhor, tende piedade de nós

Ó Santa Mãe de Deus, c’o esposo
São José, São Pedro e São Paulo,
São João e Santo André.

Rogai por nós! Rogai por nós!
Rogai por nós! Rogai por nós!

Aos anjos lá do céus, pedimos todo dia.
Também a São Miguel e Inácio de Antioquia
Ó Santos João Batista, Gregório e Agostinho,
também Santo Atanásio São Bento e São Martinho.

Lembrai-nos São Francisco, e dai-nos vosso auxílio.
Lembrai-nos São Domingos, lembrai-nos São Basílio.

Estêvão e Lourenço, sinais de muita fé, ó Santo Cura D’Ars e Francisco Xavier.
Catarina de Sena, Santa Felicidade, Maria Madalena, com amor e com bondade.

De nossa Diocese, o Espírito Santo é o Protetor,
São Judas e São Dimas, Senhora de Fátima com fervor.

Por nós, todos os Santos, perpétua e Inês,
pedi a Deus dos céus, que chegue a nossa vez.
Senhor, sede nossa proteção,

ouvi-nos Senhor!

Para que nos livreis de todo mal...
Para que nos livreis de algum pecado...
Para que nos livreis da morte eterna
Vos pedimos por vossa encarnação
Pela morte e por sua ressurreição
Pelo Espírito Santo de Amor...
Apesar de nós sermos Pecadores...
Conduzi e protegei a vossa Igreja...
Conservai o Santo Padre como guia
Conservai nosso bispo, nosso clero...
Concedei nossa paz e união...
Conservai-nos em nossa pastoral...
E pedimos a benção para o povo...
Renovai nos em nosso batismo.
Ó Jesus, sois o Filho do Deus Vivo.
Jesus Cristo ouvi - nos, Jesus Cristo
atendei-nos.

Jesus Cristo ouvi - nos, Jesus
Cristo atendei-nos.
0094- Liberdade

Liberdade vem e canta e saúda este novo sol que vem.
Canta com alegria o escondido amor que no peito tem

Mira o céu azul, espaço aberto pra te acolher.
Mira o céu azul, espaço aberto pra te acolher.

Liberdade vem e pisa/ este firme chão e verde ramagem.
Canta louvando as flores que ao bailar do vento fazem sua mensagem .

Mira essas flores, abraço aberto pra te acolher.
Mira essas flores, abraço aberto pra te acolher.

0095- Louvado seja

Louvado seja o meu Senhor, louvado seja o meu Senhor,
louvado seja o meu Senhor, louvado seja o meu Senhor,

Por todas as suas criaturas, pelo sol e pela lua.
Pelas estrelas do firmamento, pela água e pelo fogo.

Por aqueles que agora são felizes por aqueles que agora choram.
Por aqueles que agora nascem, por aqueles que agora morrem.

O que dá sentido à vida é amar-Te e louvar-Te.
Para que a nossa vida seja sempre uma canção

Amém, Senhor. Amém, Senhor. Amém.

0096- Luz Divina

Luz que me ilumina o caminho e e ajuda a seguir.
Sol que brilha a noite, a qualquer hora me fazendo sorrir.
Claridade, fonte de amor, que me acalma e seduz

Essa luz só pode ser Jesus Essa luz

Raio duradouro que orienta o navegante perdido.
Força dos humildes, dos aflitos, paz dos arrependidos.
Brilho das estrelas do universo, seu olhar me conduz!

Sigo em paz no caminho da vida porque.
O caminho, a verdade e a vida é você.
Por isso eu te sigo, Jesus meu amigo.

Quero caminhar do seu lado e segurar sua mão.
Mão que me abençoa e me perdoa e afaga o meu coração.
Estrela que nos guia, luz divina, seu amor nos conduz


97- Maria

Quando o Amor quis na terra reinar a Sua Palavra quis ao mundo anunciar.
A sua Celeste Harmonia ansiava entre nós, ressoar.
Pra realizar este Plano, o Senhor quis encontrar um silêncio de amor
A luz, nesta sombra brilhou e a Harmonia, no silêncio ecoou.

Quem é esta sombra tão bela se perde no sol resplandece mais.
E este silêncio altíssimo de amor. Maria, és Tu.

De ti queremos, um eterno cantar imenso Céu, que contêm o Amor /
Tu és a mãe e por Ti veio entre nós, o Senhor o Senhor

0098- Maria de minha infância

Eu era pequeno, nem me lembro só lembro que a noite, ao pé da cama,
juntava as mãozinhas e rezava apressado. Mas rezava como alguém que ama.

Nas ave-maria que eu rezava, eu sempre engolia umas palavras
e muito cansado acabava dormindo. Mas dormia como alguém que amava

Ave Maria, mãe de Jesus, o tempo passa, não volta mais.
Tenho saudade daquele tempo que eu te chamava de minha mãe.
Ave Maria, mãe de Jesus Ave Maria, mãe de Jesus

Depois fui crescendo, eu me lembro e fui esquecendo nossa amizade.
Chegava lá em casa chateado e cansado de rezar não tinha nem vontade.

Nas ave-maria que hoje eu rezo esqueço as palavras, e adormeço.
E embora cansado, sem rezar como eu devo eu de Ti, Maria, não me esqueço.

0099- Maria de Nazaré

Maria de Nazaré, Maria me cativou;
Fez mais forte a minha fé, e por filho me adotou.
As vezes eu paro e fico a pensar e sem perceber me vejo a rezar,
o meu coração se põe a cantar, pra Virgem de Nazaré
Menina que Deus amou e escolheu pra mãe de Jesus, o Filho de Deus.
Maria que o povo inteiro elegeu Senhora e Mãe do céu.

Ave Maria! Ave Maria! Ave Maria! Mãe de Jesus!

Maria que eu quero bem, Maria do puro amor.
Igual a você ninguém, Mãe pura do meu Senhor.
Em cada mulher que a terra criou, um traço de Deus Maria deixou,
um sonho de mãe Maria plantou pro mundo encontrar a paz.
Maria que fez o Cristo falar, Maria que fez Jesus caminhar,
Maria que só viveu pra seu Deus, Maria do povo meu.

0100 - Maria, exemplo de amor.

Que honra é para mim, chamar de minha Mãe,
a Mãe de meu Deus,do meu Salvador.
Ensina-me, ó mãe, a caminhar na luz, seguindo os passos de Jesus.

Aquele que tudo criou, te escolheu, você não vacilou.
Trouxe ao mundo o autor da vida, de Ti nasceu Jesus.
Ensina-me a dizer o sim e aceitar os planos do Senhor.

Ó Mãe Querida és para mim, exemplo de Amor. (Amor, Amor)

0101- Maria, Maria

Maria, Maria, é um dom, uma certa magia, uma força que nos alerta.
Uma mulher que merece viver e amar, como outra qualquer do planeta.

Maria, Maria é um som é o suor é a dose mais forte e lenta
de uma gente que ri, quando deve chorar e não vive apenas agüenta.
Mas é preciso ter força, é preciso ter raça, é preciso ter gana, sempre
Quem traz no corpo a marca, Maria, Maria, mistura a dor e a alegria.

Mas é preciso ter manha, é preciso ter graça
é preciso ter graça é preciso ter sonho, sempre.
Quem traz na pele essa marca possui a estranha mania de ter fé na vida.

0102- Me chamaste

Me chamaste para caminhar na vida contigo.
Decidi para sempre seguir-Te, não voltar atrás.
Me puseste uma brasa no peito e uma flecha na alma.
É difícil agora viver sem lembrar-me de Ti.

Te amarei, Senhor! Te amarei, Senhor!
Eu só encontro a paz e a alegria bem perto de Ti.
Te amarei, Senhor! Te amarei, Senhor!
Eu só encontro a paz e a alegria bem perto de Ti.

Eu pensei muitas vezes calar e não dar nem resposta.
Eu pensei na fuga esconder-me, ir longe de Ti.
Mas tua força venceu e afinal eu fiquei seduzido.
É difícil agora viver sem saudade de Ti.

Oh, Jesus, não me deixes jamais caminhar solitário,
pois conheces a minha fraqueza e o meu coração.
Ensinai-me a viver essa vida na Tua Presença,
no amor dos irmãos, na alegria, na paz e na união.

0103 - No banquete de Tua casa

Mesa pronta, toalha limpa, flores, luzes e canções
Nos olhares um sorriso, muita paz nos corações
É a ceia partilhada nesta casa de irmãos
Páscoa sempre renovada, recriando a comunhão

És Senhor, o Deus da vida, és a festa, és a dança
No banquete de tua casa somos povo da aliança
No banquete de tua casa somos povo da aliança

Somos povo em travessia, no deserto a caminhar
Revestidos de esperança, contra o mal vamos lutar
Na montanha contemplamos na sua glória e esplendor
Jesus Cristo nosso guia, companheiro sofredor

Procurando uma fonte, já cansados de andar
Assentados junto ao poço, aqui vimos te encontrar
Água viva te pedimos, faz brotar no coração
Renascidos e libertos partiremos em missão

Tua casa é abrigo desse povo sofredor
Ao partir o pão, se abrem, nossos olhos ó Senhor!
Apressemos pois o dia em que os pobres acharão
Alimento e moradia, a saúde e educação

Quem partilha esta ceia, solidário vai firmar
O direito de ser gente, de Ter casa onde morar
Não nos deixe indiferentes, à injustiça, à exploração
É Jesus quem defendemos, no mais pobre nosso irmão
0104- Mestre

Mestre, bom é estarmos aqui, reunidos bem perto de ti, no silêncio e na paz.
Mestre, reunidos no amor, nós viemos ao Monte Tabor para em ti repousar.

E nós cantaremos a mesma canção, unidos no mesmo coração.
E nós cantaremos a mesma canção, unidos no mesmo coração.

Mestre, ao sairmos daqui, nós iremos teus passos seguir, com sementes nas mãos.
Mestre, nós queremos plantar, o teu Reino em todo lugar e crescer como irmãos

0105- Minha vida tem sentido

Minha vida tem sentido cada vez que venho aqui
e te faço o meu pedido de não me esquecer de ti

Meu amor é como este pão que era trigo que alguém plantou depois colheu
e depois tornou-se salvação e deu mais vida e alimentou o povo meu

Eu te ofereço vinho e pão Eu te ofereço o meu amor.
Eu te ofereço vinho e pão Eu te ofereço o meu amor.

Meu amor é como este vinho que era fruto, que alguém plantou
depois colheu e depois encheu-se de carinho e deu mais vida, e saciou o povo meu.

0106- Momento Novo

Deus chama a gente pra um momento novo e caminhar junto com seu povo
É hora de transformar o que não dá mais, sozinho, isolado, ninguém é capaz.

Por isso vem, entra na roda com a gente, também
você é muito importante, vem!
Por isso vem, entra na roda com a gente, também
você é muito importante, vem!

Não é possível crer que tudo é fácil há muita força que produz a morte
gerando dor, tristeza e desolação é necessário unir o cordão.

A força que hoje faz brotar a vida atua em nós pela Sua Graça, é
Deus quem nos convida pra trabalhar, o amor repartir e as forças juntar.

0107- Nasceu-nos hoje

Nasceu-nos hoje um menino e um filho nos foi doado.
Grande é este pequenino, Rei da Paz será chamado.
Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia
Aleluia, aleluia, aleluia

Cantai, cantai ao Senhor, um canto novo um louvor
por maravilhas tão grandes, um canto novo um louvor
Por tal vitória e poder, um canto novo um louvor
Por um amor tão fiel, um canto novo um louvor

A Salvação resplendeu, um canto novo um louvor
Justiça apareceu, um canto novo um louvor
Toda a Terra contemplou, um canto novo um louvor
Com alegria aplaudi, um canto novo um louvor

Clarins, violões tocai, um canto novo um louvor
Ao rei, Senhor aclamai, um. canto novo um louvor
Cante o mar, o universo, um canto novo um louvor
Na presença do Senhor, um canto novo um louvor.

0108 – Chegou a hora

Chegou a hora de apertar a sua mão Jesus nos disse que somos todos irmãos
A paz de Cristo, a paz de Cristo, Jesus nos disse que somos todos irmãos

0109- Nome dulcíssimo

Nome dulcíssimo, nome do amor. Tu és refúgio, do pecador
Entre coros angélicos, bela harmonia, Ave Maria! Ave Maria!

Ave Estrela do Mar, Santa Mãe de Deus.
Sempre virgem, feliz porta no Céu.
Anses de Lágrimas, ponho a teus pés.
Oh! Rosa Mística, rogai por nós
Ave Estrela do Mar, Santa Mãe de Deus.
Sempre Virgem, feliz porta no Céu.

0110- Nos caminhos deste mundo

Nos caminhos deste mundo onde andei, a tristeza me cortou o
coração: ao ver homem contra homem, ao ver vida contra vida,
desespero e solidão, violência sem medida...

Que poderei ao Senhor apresentar, além da oferta do vinho e do pão?
Em procissão me achego ao seu altar, e te ofereço por inteiro o coração!

Encontro plenifica o meu viver e descubro qual a minha vocação:
sem reserva e sem temor, trabalhar pela verdade,
espalhando pelo chão/ as sementes da bondade

O meu nome está escrito no teu livro: os meus dias e as minhas
Intenções. Quando ando e quando paro, pelas costas, pela frente,
quando canto e quando falo Teu olhar está presente.

0111- O amor de Deus

O amor de Deus se mostra em pleno sol,
floresce o jardim, dá vida ao beija-flor.
Brinca no mar e as nuvens põe no céu.
Pra me dizer: “Grande é teu valor. Grande é teu valor.“

O amor de Deus vem antes e depois
e vai alem dos sonhos que eu aprendi
não se desfaz nem mesmo ao dizer “não”
é a luz que diz: “Filho, é por aqui. Filho, é por aqui.”

O amor de Deus renova os corações
fala de paz, reparte sempre o pão,
fere o temor, enfrenta os desafios,
me faz dizer: “Tudo bem irmão. Tudo bem irmão.”

O amor de Deus compõe e recompõe,
estende a mão, jamais exclui alguém;
frente ao rancor, se firma no perdão,
fazendo ver: “Eu te quero bem. Eu te quero bem. “
0112 – Canto de Paz

Com alegria nos damos as mãos para desejarmos a paz dos cristãos
Branquinhos, pretinhos e amarelinhos

Nós somos amigos, nós somos irmãos, nós somos amigos, nós somos irmãos

0113- O Evangelho é Deus falando

O Evangelho é Deus falando, é Deus que vem e diz.
E diz onde e como e quando, a gente será feliz!

Aleluia! Aleluia!
A Palavra do Senhor faz vibrar nossa alegria, faz crescer o nosso amor!
Aleluia! Aleluia! Aleluia!
Aleluia! Aleluia! Aleluia!

Foi Mateus, Marcos, foi João, Lucas foi, quem escreveu.
Mas diz Ele ao coração: “Quem fala hoje sou Eu!

0114-O homem

Um certo dia um Homem esteve aqui. Tinha o olhar mais belo que já existiu.
Tinha no cantar uma oração no falar a mais linda canção que já se ouviu.
Sua voz falava só de amor, todo gesto seu era de amor e paz, Ele trazia no coração.
Ele pelo mundo caminhou subiu as montanhas e falou do amor maior.
Fez a luz brilhar na escuridão, o sol nascer em cada coração que compreendeu.
Que além da vida que se tem existe uma outra vida além e assim, um Renascer, morrer não é o fim.
Tudo que aqui ele deixou não passou e vai sempre existir.
Flores nos lugares que pisou e um caminho certo pra seguir.
Eu sei que um dia Ele vai voltar e nos mesmos campos procurar o que plantou.
E colher o que bom nasceu, chorar pela semente que morreu sem florescer.
Mas ainda é tempo de plantar, deixar dentro de si a flor do bem crescer pra lhe
entregar, quando ele aqui chegar.

0115 - O meu reino

O meu reino tem muito a dizer: não se faz como quem procurou
aumentar os celeiros bem mais e sorriu. Insensato, que valem tais bens,
se hoje mesmo terás o teu fim? Que tesouros terás pra levar além?

Sim, Senhor, nossas mãos vão plantar o Teu reino.
O Teu pão vai nos dar Teu vigor, tua paz.

O meu reino se faz bem assim: se uma ceia quiseres propor,
não convides amigos, irmãos e outros mais. Sai a rua a procura de quem
não puder recompensa te dar, que o teu gesto lembrado será por Deus.

O meu reino quem vai compreender? não se perde na pressa que tem
sacerdote e levita que vão se cuidar. Mas se mostra em quem não se contem,
se aproxima e procura o melhor para o irmão agredido que viu no chão.

O meu reino não pode aceitar quem se julga maior que os demais
por cumprir os preceitos da lei, um a um. A humildade de quem vai alem
e se empenha e procura o perdão e o terreno onde pode brotar a paz.

0116 - O povo da promessa

Ó Pai somos vosso povo eleito que Cristo veio reunir.
Prá ser Igreja peregrina, aleluia O Senhor nos enviou, aleluia!

Prá anunciar o Evangelho, aleluia O Senhor nos enviou, aleluia!

Prá servir na unidade, aleluia! O Senhor nos enviou, aleluia!

Prá celebrar a sua glória, aleluia! O Senhor nos enviou, aleluia!

0117 - O povo de Deus

O Povo de Deus no deserto andava mas a sua frente alguém caminhava.
O Povo de Deus era rico de nada só tinha esperança e o pó da estrada.
Também sou teu povo, Senhor, e estou nesta estrada
somente a tua graça me basta e mais nada:

O Povo de Deus também vacilava às vezes custava a crer o amor.
O Povo de Deus chorando rezava pedia perdão e recomeçava.
Também sou teu povo, Senhor e estou nesta estrada
perdoa se às vezes não creio em mais nada:

O Povo de Deus também teve fome e Tu lhe mandaste o pão lá do céu.
O Povo de Deus cantando deu graças provou teu amor, amor que não passa.
Também sou teu povo, Senhor e estou nesta estrada.
Tu és alimento na longa jornada.

O Povo de Deus ao longe avistou a terra querida que o amor preparou.
O Povo de Deus corria e cantava e nos seus louvores seu poder proclamava. Também sou teu
povo, Senhor e estou nesta estrada,
cada dia mais perto da terra esperada.

0118 - O tesouro

Tu me deste um tesouro, brilha mais do que o sol,
não ninguém mais o levará porque esta dentro de mim.

Nada era o que eu tinha, como um nada passou.
Tudo, tudo deixei porque/ não me falava de Ti.

Tu és meu grande tesouro. Tu que me deste o amor.
Vivo e sempre reencontro o amor a alegria de me libertar.

Já em ti me perdi, minha vida te dei. Mas eu sei que a encontrarei,
lá onde está meu Tesouro, lá onde está meu

0119 - Obrigado Senhor, porque és meu amigo

Obrigado, Senhor, porque és meu amigo porque sempre comigo,Tu estás a falar:
No perfume das flores, na harmonia das cores
e no mar que murmura, o teu nome a rezar

Escondido Tu estás no verde das florestas, nas aves em festa e no sol a brilhar.
Na sombra que abriga, na brisa amiga,
na fonte que corre ligeira a cantar.

Te agradeço ainda, porque na alegria ou na dor cada dia, posso te encontrar.
Quando a dor me consome, murmuro o teu nome
e mesmo sofrendo, eu posso cantar:

Obrigado, Senhor!
0120 - Ofertamos ao Senhor

Ofertamos ao Senhor um mundo novo, o futuro do seu povo.

Ofertamos o homem que chora, não vendo a aurora
do mundo em mudança e ofertamos a esperança
dos que descobrem a ressurreição

Ofertamos o homem que espera por nova era de vida
em plenitude e que não tem quem ajude a trocar
morte por ressurreição


0121 - Ofertas singelas

Ofertas singelas, pão e vinho sobre a mesa colocamos; sinal do trabalho que fizemos e aqui depositamos.

É teu também nosso coração: //aceita, Senhor, a nossa oferta que será depois na certa o teu
próprio ser.//

Recebe, Senhor, da natureza, todo o fruto que colhemos. Recebe o louvor de nossas obras e o progresso
que fizemos.

Sabemos que tudo tem valor depois que a Terra visitaste. Embora tivéssemos pecado, foi bem mais o que
pagastes.


0122 - Ofertório

A palavra de Deus, é Meu Deus, que me ama e a amar, me convida.
E me fala das coisas dos céus, e me diz o sentido da vida.

Neste altar vamos pôr, vamos pôr pão e vinho, para dar graças mil,
graças mil ao Senhor. Que nos fala com tanto carinho e tudo faz para nós, por amor!

Deus chamou-nos do escuro e do nada, para ver, para ouvir, para amar.
Descobri na Palavra Sagrada, todo amor que só Deus pode dar.

Desde o dia em que fui batizado, Deus me deu vocação bem feliz:
para ouvi-Lo é que eu fui chamado, pra viver como Deus quer e diz.

Neste altar vamos pôr, vamos pôr pão e vinho, para dar graças mil,
graças mil ao Senhor. Que nos fala com tanto carinho e tudo faz para nós, por amor!

Neste altar vai ficar-nos presente, quem falou das estradas do bem.
Deus não mostra o caminho somente, passo a passo conosco Ele vem.

0123 – Quero e preciso

Eu sei, Teu Espírito está agindo passo a passo sei que encontrarei,
Tua vontade em minha vida. Rompe dentro em mim, um amor inovador
Sinto o gosto em tua palavra. Amor a Hóstia Consagrada
Eu quero te louvar, com todo o meu ser de toda minha alma, mesmo sem entender
Preciso te seguir, teu amor vou perseguir. Eu abro todo o meu ser

Tua vontade tem que acontecer. Tua vontade tem que acontecer .

Eu sei, não pertenço a este mundo tenho fome e sede do Senhor,
Alimento que vem do lugar que eu sou treme o meu ser e teme o meu viver
Eu sei Tú és o meu Senhor. Da minha vida és o Salvador
0124 - Oração da Família

Que nenhuma família comece em qualquer de repente!
Que nenhuma família termine por falta de amor!
Que o casal seja um para o outro de corpo e da mente
E que nada no mundo separe um casal sonhador

Que nenhuma família se abrigue debaixo da ponte
Que ninguém interfira no lar e na vida dos dois.
Que nenhum os obrigue a viver sem nenhum horizonte.
Que eles vivam do ontem, no hoje em função de um depois.

Que a família comece e termine sabendo onde vai.
E que o homem carregue nos ombros a graça de um pai.
Que a mulher seja um céu de ternura, aconchego e calor.
E que os filhos conheçam a força que brota do amor.

Abençoa Senhor as famílias, Amém.
Abençoa, Senhor, a minha também!

Que marido e mulher tenham força de amar sem medida.
Que ninguém vá dormir sem pedir ou sem dar seu perdão.
Que as crianças aprendam no colo o sentido da vida.
Que a família celebre a partilha do abraço e do pão.

Que marido e mulher não se traiam e nem traiam seus filhos.
Que o ciúme não mate a certeza do amor entre os dois.
Que no seu firmamento a estrela que tem maior brilho.
Seja firme esperança de um céu aqui mesmo e depois.

0125 - Oração de S. Francisco

Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz.
Onde houver ódio que eu leve o amor,
onde houver ofensa, que eu leve o perdão.
Onde houver discórdia, que eu leve a união,
onde houver dúvida, que eu leve a fé.
Onde houver erro, que eu leve a verdade.
Onde houver desespero, que eu leve a esperança.
Onde houver tristeza, que eu leve alegria.
Onde houver trevas, que eu leve a luz.

Ó mestre, fazei que eu procure mais, consolar que ser consolado.
compreender, que ser compreendido. Amar, que ser amado.
Pois é dando, que se recebe, é perdoando que se é perdoado
e é morrendo que se vive, para a vida eterna...

0126- Amor segundo São Paulo

Mesmo que eu falasse com homens e os anjos
mesmo que eu fosse bronze ou címbalo que tine
se não há o amor, não importa ser profeta
transportar montanhas nem saber toda ciência...

Pois no amor, tudo se crê tudo se espera, sofre no amor tudo se
crê tudo se espera, sofre, tudo perdoa, por amor.

Deus agora vejo, tão perto e tão longe,
mas um dia eu verei seu rosto face a face
hoje permanecem a fé a esperança e o amor a
esperança e a fé perecem com a
morte mas na vida de amor...

A criança vive, de sonhos e ilusões
mas o homem tornará o sonho realidade
quando a vida nova das sobras despertar
eu serei um novo ser, no berço da felicidade, pois no amor...

O amor é justo, paciente e bondoso não se irrita, não se ofende
não é invejoso o amor não faz alegria na arrogância sempre é
puro e sincero. Se edifica na verdade, pois no amor..

0127 - Santo dos Anjos

Santo, Santo, Santo, dizem todos os anjos!
Santo, Santo, Santo,é o Senhor Jesus!
Santo, Santo, Santo, é quem nos redime,
porque meu Deus é Santo, e a Terra cheia de Sua Glória está!
porque meu Deus é Santo, e a Terra cheia de Sua Glória está!

Céus e Terra passarão mas Sua Palavra não passará!
Céus e Terra passarão, mas Sua Palavra não passará,
não, não, não, não passará! Não, não, não, não! Não, não passará!

Hosana Jesus Cristo, o Filho de Maria,
Bendito o que vem em nome do Senhor!
Santo, Santo, Santo, é quem nos redime,
porque meu Deus é Santo, e a Terra cheia de Sua Glória está!
porque meu Deus é Santo, e a Terra cheia de Sua Glória está!

0128 - Pão da vida

Vejam, eu andei pelas vilas, apontei as saídas, como o Pai me pediu.
Portas, eu cheguei para abri-las: eu curei as feridas, como nunca se viu.

Por onde formos também nós, que brilhe a sua Luz!
Fala Senhor, na nossa voz, em nossa vida.
Nosso caminho, então, conduz, queremos ser assim!
Que o Pão da Vida nos revigore no nosso "SIM"!

Vejam, fiz de novo a leitura, das raízes da vida, que meu Pai vê melhor!
Luzes, acendi com brandura, para ovelha perdida, não medi meu suor.

Vejam, procurei por aqueles, que ninguém procurava e falei de meu Pai.
Pobres, a esperança que é deles, eu não quis ver escrava de um poder que retrai.

Vejam, eu quebrei as algemas, levantei os caídos, do meu Pai fui as mãos.
Laços, recusei os esquemas, eu não quero oprimidos, quero um povo de irmãos.

Vejam, procurei ser bem claro: o meu Reino é diverso, não precisa de Rei!
Tronos, outro jeito mais raro de juntar o disperso, o meu Pai tem por lei.

0129 - Pão do céu

O pão do céu és Tu, Jesus, Via de amor, nos transformas em ti.

Não, Tu não deixaste fria a terra:
Tu permaneceste entre nós, nos alimentas de ti.
És o pão da vida, inflamas com o teu amor toda a humanidade.
Sim, trouxeste o céu sobre esta terra:
Tu permaneceste entre nós e nos levas contigo
A tua casa, onde estaremos junto a ti/ toda a eternidade.

Não, a morte não pode nos causar medo:
Tu permaneceste entre nós. E quem vive de Ti Vive para sempre.
Deus entre nós, Deus para nós, Deus em meio a nós.

0130- Pão e Vinho, Pai poremos

Pão e Vinho, Pai poremos, nesta mesa uma vez mais,
e um pouco do que temos, pelo muito que nos dais.

Vós nos dais Jesus, o Cristo. Mas o Cristo, o que nos faz.
Vem morrer crucificado, para vir ressuscitado, e nos dar a sua paz.

Vós nos dais o vosso Filho, para ser o nosso irmão, e pra termos de
verdade, só amor, fraternidade,Ele deu-nos o perdão.

Vosso Filho, Pai nos destes, para nosso Redentor pra livrar-nos do egoísmo.
Ele sopra é simbolismo, e nos dá o Santo Amor.

Vosso Filho, Pai fizestes, ser do mundo a salvação, mas Jesus, que nos quer tanto, pelo Espírito
que é Santo, nos confiou sua missão.

0131 - Pão que não se reparte

O pão que não se reparte, não mata a fome, deixa de ser pão.
Vida se torna mais vida, quando é vivida na comunhão.

Ô, ô, ô, ô, ô, Eu vivia fugindo de Cristo e não lhe dava o meu coração.
Ô... Mas aqui os meus olhos se abriram quando repartiram comigo o pão!

Na mesa do nosso Deus, há lugar prá todos, há vinho e pão.
É o próprio Deus que se doa, liberta e perdoa, e envia em missão.

A mesa da Eucaristia nos quer ensinar um mistério profundo:
Corpo de Cristo é comida, seu Sangue é bebida pra vida do mundo.

Na mesa o pão partilhado, é fonte de vida, de amor, comunhão.
Sinal que a vida é serviço, real compromisso de libertação.

São partes deste caminho, chamado e proposta, resposta e missão.
Deus caminha com a gente, lançando a semente de ressurreição

0132 – Santo Deus menino

Santo, santo, santo, Deus menino.
O céu e a terra entoam um grande hino

E as crianças querem te glorificar
Em todo tempo o seu nome exaltar

Hosana he, ê, ê, hosana há á á, entre nós está!
Hosana he, ê, ê, hosana há á á, queremos Tua presença aclamar!

0133 - Paz do meu amor

Você é isso uma beleza imensa,toda recompensa de um amor sem fim.
Você é isso uma nuvem calma nocéu de minh'alma, é ternura em mim.

Você é isso estrela matutina, luz que descortina um mundo encantador.
Você é isso, parto de ternura, lágrima que é pura, paz do meu amor.

0134 – De coração

Tão distante e tão próximo tão oculto e tão claro.
Ele é o princípio de um plano de amor
O próprio amor encerrado no altar
Presença doce, incomparável
Grande mistério, a salvação
Humildemente vinho e pão
É Jesus Cristo, Ele é o pão da vida
É Jesus Cristo, alimento vivo em meio a nós
Só entenderá seu amor quem o receber de coração

0135 - Pelas estradas da vida

Pelas estradas da vida nunca sozinho estás.
Contigo pelo caminho. Santa Maria vai.

Ó, vem conosco, vem caminhar, Santa Maria, vem!
Ó, vem conosco, vem caminhar, Santa Maria, vem!

Se pelo mundo os homens, sem conhecer-se vão,
não negues nunca a tua mão a quem te encontrar.

Mesmo que digam os homens tu nada podes mudar,
luta por um mundo novo de unidade e paz.

Se parecer tua vida inútil caminhar,
lembra que abres caminho. Outros te seguirão.

0136 - Pelo Batismo

Pelo Batismo eu fui chamado a cooperar na Salvação.
Deus quer de mim que livremente eu lhe responda SIM ou NÃO.

A vocação da Igreja aqui na Terra é isto:
continuar, continuar, no tempo a Salvação de Cristo.

E nesta Igreja existe o leigo e há especiais consagrações.
Mostra-me ó Deus pra qual me chamas, dentre as diversas vocações.

0137- Perdão, Senhor

Perdão, Senhor, tantos erros cometi.
Perdão, Senhor, tantas vezes me omiti.

Perdão, Senhor, pelos males que causei,
pelas coisas que falei, pelo irmão que eu julguei

Piedade, Senhor! Tem piedade, Senhor!
Meu pecado vem lavar com seu amor.
Piedade, Senhor! Tem piedade, Senhor!
E liberta minha alma para o amor.

Perdão, Senhor, porque sou tão pecador.
Perdão, Senhor, sou pequeno e sem valor.
Mas mesmo assim Tu me amas, quero então,
Te entregar meu coração, suplicar o Teu perdão.

0138 - Porque Deus é amor

Você sabe por que o céu é azul sem confim?
Você sabe por que o mar nunca há de secar?
Você sabe por que o Sol há de sempre brilhar?
Porque Deus é amor, porque Deus é amor! ô, ô, ô, ô

Tudo aquilo que encontrarás nesta vida, você verá,
só lhe diz uma coisa: que Deus tudo fez pra você!
A beleza que existe na Terra, as montanhas, o vento e o mar,
e o céu estrelado Ele fez, Ele fez pra você, ê ê ê ê .

Se existe alegria em você, se existe a paz e o amor,
tudo isso Ele deu. E por quê? Porque Deus é amor.
E a dor que não pode faltar, se um dia, então, lhe chegar,
você há de experimentar que, também, Deus a fez pra você.
Que também, ela existe. E por quê? Porque Deus é amor!
Nos amou com a dor e no Amor transformou toda dor.


0139 - Povo de Deus foi assim

M: Povo de Deus foi assim,
Deus cumpriu a palavra que diz:
"Uma virgem irá conceber"
e a visita de Deus me fez mãe!
H: Mãe do Senhor, nossa Mãe,
Nós queremos contigo aprender
a humildade, confiança total
e escutar o teu Filho que diz:
T: Senta comigo, à minha mesa.
Nutre a esperança, reúne os irmãos.
Planta meu Reino, transforma a terra
Mais que coragem, tens minha mão.
M: Povo de Deus, foi assim:
nemmontanha ou distância qualquer
me impediu de servir e sorrir
Visitei, com meu Deus, fui irmã!
H: Mãe do Senhor, nossa Mãe,
Nós queremos contigo aprender
desapego, bondade, teu "sim"
e acolher o Teu Filho que diz:
M: Povo de Deus, foi assim:
meu menino cresceu e entendeu
que a vontade do Pai conta mais
E a visita foi Deus quem nos fez!
H: Mãe do Senhor, nossa Mãe,
Nós queremos contigo aprender
a justiça, a vontade do Pai,
e entender o Teu Filho que diz:
T: Senta comigo, à minha mesa.
Nutre a esperança, reúne os irmãos.
Planta meu Reino, transforma a terra
Mais que coragem, tens minha mão.
M: Povo de Deus, foi assim:
da verdade jamais se afastou.
Veio a morte e ficou nosso pão,
visitou-nos e espera por nós!
H: Mãe do Senhor, nossa Mãe,
Nós queremos contigo aprender
a verdade, a firmeza, o perdão
e seguir o teu Filho que diz:
140- Prova de amor

Prova de amor maior não há, que
doar a vida pelo irmão! (bis)

Eis que eu vos dou o meu novo
mandamento: Amai-vos uns aos
outros como eu vos tenho amado.

Vós sereis os meus amigos se
seguirdes meu preceito: Amai-vos
uns aos outro...

Como o pai sempre me ama, assim
também eu vos amei. Amai-vos...

Permanecei no meu amor e segui
meu mandamento: Amai-vos...

E chegando a minha Páscoa vos
amei até o fim. Amai-vos...

Nisto todos saberão que vós sois
os meus discípulos: Amai-vos...
141- Quando Jesus passar

Quando Jesus passar./ Quando
Jesus passar./ ./ Quando Jesus
passar,/ eu quero estar no meu
lugar.

1. No meu telônio ou jogando a
rede,/ Sob a figueira ou a
caminhar,/ Buscando água pra
minha sede,/ querendo ver meu
Senhor passar.
2. No meu trabalho e na minha
casa,/ No meu estudo e no meu
lazer,/ No compromisso e no meu
descanso./ no meu direito e no meu
dever.
3. Nos meus projetos, olhando em
frente,/ No meu sucesso e na
decepção,/ No sofrimento que fere
a gente,/ Sonhando o sonho de um
mundo irmão.
4. Com meus amigos, com minha
gente,/ Com que da vida já se
cansou,/ A semear e a espalhar
sementes/ na terra onde meu Deus
andou.

142 – Sem coração

Eu ando pelas ruas sem meu coração

As luzes desta noite não me prendem mais

Deixei-o no Sacrário após a comunhão

E trago no meu peito a mais profunda paz


Ó meu Jesus que posso mais buscar

Depois de abandonar meu ser em tuas mãos?

A tua luz eu quero irradiar de dentro do meu lar

Ao lar dos meus irmãos


Você não tenha medo de viver assim

Trocando a vida inteira por um grande amor...

Pois, tudo aqui na vida sempre tem um fim

Só é perene a vida que vem do Senhor

143- Eu te dei

Eu te dei a luz dos meus olhos para
iluminar o seu caminhar e o meu
viver. A tua manhã eu dei, o
anoitecer. Te dei um jardim em flor,

o nascer, o amor.
Eu te dei, os meus mandamentos,
os teus sentimentos, os teus
pensamentos, te dei um irmão. te
dei sonhos lindos, a verdade e a
razão.

E tu serás, a nova semente, o
semeador. Me ajudarás,
profetizar, todo homem da Terra,
que vive de guerra e esqueceu o
seu Deus

Então terás, meu reino eterno.
Conhecerás a nova vida e em meu
coração, tu encontrarás a paz
merecida.

Só depende, de crer na verdade,
saber perdoar, saber procurar,
saber entender quem nunca viveu o
amor, quem nunca sorriu, quem só
lastimou, chorou. Quem nada
plantou.

144- Retrato de Mulher

Canto uma coisa linda/ Que em
mim aconteceu: senti de perto/
carinho que eu nunca tive por ti.

Maria tão jovem, Maria cheia de
fé, Maria mulher em pé. (bis)

Senti o meu ser/ Vibrar por ser
mulher/ Eu vi que trago em mim,/
Os traços dessa mulher, Maria.
145-Reunidos em torno dos
nossos pastores

Reunidos em torno dos nossos
pastores, Nós iremos a ti.
Professando todos uma só fé, Nós
Armados com a força que vem do
Senhor, Nós iremos a ti.
Sob o impulso do Espírito Santo,


Nós iremos a ti.

Igreja Santa, templo do Senhor;
glória a ti, Igreja Santa, ó cidade
de cristãos; que teus filhos hoje
e sempre vivam todos como
irmãos.

Com nossas irmãs e irmãos nos
claustros, Nós iremos a ti.
Com nossos irmãos sofredores...
Com os padres que sobem no altar
Com os padres que partem em
missão...

De nossas fazendas e nossas
cidades...
De nossas montanhas e nossas
baixadas...
De nossas cabanas e pobres
favelas...
De nossas escolas e nossos
trabalhos...

Com nossos anseios e nossos
desejos...
Com nossas angústias e nossas
alegrias...


Com nossa fraqueza e nossa
bondade...
Com nossas riqueza e nossa
carência....

Curvados ao peso de nosso trabalho
Curvados ao peso de nosso
pecado
Confiantes por sermos os filhos de
Deus...
Confiantes por sermos os membros
de Cristo...

146 – Ensina-me Senhor

Senhor a gente não sabe te agradecer. Ensina a gente a te dizer que amor das crianças é todo Teu

Senhor aqui nós estamos para aprender
Tua lição nós queremos saber decor

A lição do Evangelho do Teu amor

Senhor aceita a vontade de te servir

Ensina a gente a retribuir com bondade e alegria o teu amor

Senhor, se os grandes não derem pra nós exemplo

Em nós eles vejam Senhor Teu templo

Por nós cheguem a Ti e te encontrem Senhor

147- Sabes, Senhor

Sabes, Senhor, o que temos é tão
pouco pra dar. Mas este pouco
nós queremos com os irmãos
compartilhar.

Queremos nesta hora, diante dos
irmãos, comprometer a vida,
buscando a união.

Sabemos que é difícil os bens
compartilhar; mas com a tua graça.
Senhor queremos dar.

Olhando teu exemplo, Senhor,
vamos seguir fazendo o bem a
todos, sem nada exigir.

148 - Santo, Senhor da luz
Santo, santo, santo é o Senhor da luz. Santo, santo é o Senhor Jesus ( bis )


Numa canção sideral de uma hosana total

A criação se extasia

O céu e a terra também, entoam o seu grande amém

Bendito é aquele que vem, aquele que vem, aquele que vem em nome da luz

Bendito é aquele que vem, aquele que vem, aquele que vem em nome da paz

Nosso Senhor Jesus
149- Salmo 145

Por melhor que seja alguém, chega

o dia em que há de faltar. Só Deus
Vivo a Palavra mantém e jamais Ele
há de falhar.
Quero cantar ao Senhor, sempre
enquanto eu viver. Hei de provar
seu amor, seu valor e seu poder.

Nosso Deus põe-se ao lado, dos
famintos e injustiçados, dos pobres
e oprimidos, dos injustamente
vencidos.

Ele barra o caminho dos maus, que
exploram sem compaixão. Mas dá
força ao braço dos bons, que
sustentam o peso do irmão.

Esse é o nosso Deus, seu poder
permanece sempre. Sua força é a
força da gente, vamos todos louvar
nosso Deus.

150- Salmo 22, O bom Pastor.

Pelos prados e campinas
verdejantes, eu vou/ É o Senhor
que me leva a descansar./ Junto às
fontes de águas puras,
repousantes, eu vou./ Minhas
forças o Senhor vai animar.

Tu és, Senhor, o meu pastor/ Por
isso nada em minha vida faltará
(bis)

Nos caminhos mais seguros junto
d’Ele eu vou/ E pra sempre o seu
Nome eu honrarei/ Se eu encontro
mil abismos nos caminhos, eu vou/
Segurança sempre tenho em suas
mãos.

Ao banquete em sua casa, muito
alegre eu vou/ Um lugar em sua
mesa me preparou/ Ele unge minha
fronte e me faz ser feliz/ E
transborda minha taça em seu
amor.

Com alegria e esperança,
caminhando eu vou/ Minha vida
está sempre em suas mãos./ E na
casa do Senhor, eu irei habitar/ E
este canto para sempre irei cantar.
151- Salmo 31

Minha alma se esvai em tristeza. E
meus anos se vão em gemidos./
enganado por meus opressores. Só
em ti eu encontro abrigo.

Atende, Senhor o clamor do meu
coração, o meu Espírito entrego
em suas mãos.

Quanto angústia... meus olhos são
tristes./ E me vejo qual vaso
partido./ Mas tua face é a luz que
procuro./ De tua vista eu não seja
excluído.
Atende, Senhor o clamor do meu
coração, o meu Espírito entrego
em suas mãos.

Às ocultas me dizem blasfêmia. Por
tua graça tão plena me salves./ Em
correntes pesadas me ataram./
Vem depressa, Senhor, libertar-me.

Tem piedade de mim, Senhor
Santo./ Sê a casa que possa
abrigar-me./ ao meu lado só
tramam a morte, mas confio que
vens libertar-me.

152- Salmo da Manhã

Eu quero acordar a aurora,/
despertar, cantando, o coração,
prá elevar ao céu meu canto,/ e
ao Deus Santo fazer louvação: o
amor que nós renova, é hoje
prova da ressurreição!

Se já cedo nos sacia/ Tua Palavra,
ó Senhor, passaremos todo o dia/ a
cantar o teu louvor,/ anunciando
que a alegria/ é fruto da justiça e do
amor!

Como é bom cantar a glória/ de
Quem fez céu, terra e mar,/ e dirige
a nossa história,/ sem um dia nos
faltar!.../ Seja o bem nossa vitória,/
possamos na verdade caminhar!

Tua luz e tua graça/ nos envia lá
dos céus,/ e o tempo que hoje
passa/ será eterno para os teus!
Tua vontade em nós se faça: é vida
em tuas mãos, Senhor e Deus!

153- Salmo da Noite

Senhor, cai a noite/ o dia declina,/
E eu, feito prece,/ Te elevo a
minh'alma! / Ao longo do dia lancei
a semente da paz, do teu reino,/
procurei ser irmão./ Carregando a
esperança,/ fiz caminho ao amor/ e
a dor dos pequenos,/ dos pobres,
sofridos,/ Foi em mim o teu grito!

Senhor, cai a noite: ó cuida dos
teus!/ Em ti confiamos, pois Tu
és nosso Deus! (bis)

Senhor, não permitas/ que a luta
me canse/ mas torna fecundo/ o
suor do trabalho!/ Em Ti eu me
abrigo,/ Rochedo e Amigo,/ Em
paz, qual criança, no regaço da
mãe.../ Teu amor me sustenta e me
faz descansar;/ do mal me liberta,/
e dá-me tua benção,/ brilhe em mim
tua Face!

Senhor, cai a noite: ó cuida dos
teus!/ Em ti confiamos, pois Tu
és nosso Deus!
Senhor, cai a noite, tua benção
nos dás!/ Senhor, boa noite:
dormimos em paz!
154- Salmo dos amigos

Ah! Como é bom ter bons amigos, ó
Senhor,
Pois nos revelam tua bondade e
teu amor! Feliz, me diz o seu olhar
que está em casa o coração, e que
eu posso me apoiar em sua mão!
Amigo é raio de luar!
Amigo é rio a fecundar!
Sabe alegrar-se na alegria que nos
vem.
Conosco chora as nossas lágrimas
também!
Amigo é sombra e proteção!
Amigo é luz na escuridão!
Um bom amigo não tem preço é
puro dom
E presente que Tu fazes aos
amigos teus, Senhor!


Amigo, obrigado: és vinho de
alegria aos passos meus!
Contigo, a meu lado, feliz caminho
cada dia para Deus.

Ah! Como é belo ter amigos pra
encontrar
Pois neles pode a nossa alma
confiar!...
Na paz que dás sinto, Senhor, tua
presença viva em nós,
E no amigo reconheço a tua voz!
Amigo é água é calor!
Amigo é jóia de valor!
Se o bem fazemos, ele apóia o
agir,


E o pecado nos ajuda a corrigir!
Amigo é rima e canção!
Amigo é festa ao coração!
Co's meus amigos eu divido a
minha dor.
Multiplico as alegrias, me completo
no amor.


155- Salmo responsorial

Tua Palavra é luz aos olhos,
força prá vida, alegria ao coração

Os preceitos do Senhor são retos/
Alegria ao coração!/ o mandamento
do Senhor é claro, é uma luz para
os olhos!
O temor do Senhor é puro./ As
decisões do Senhor são justas./
São mais desejáveis do que o ouro/
mais doces que o mel dos favos.

156- Aleluia!

Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!
Aleluia! (bis)

Diz o Senhor: “Eu chamei vocês de
amigos, pois os segredos do meu
Pai lhes revelei. Contei-lhes tudo
que do meu Pai tenho ouvido!
Contei-lhes tudo que do meu Pai
tenho ouvido!
157- Santo, Santo é!

Santo, Santo é! Santo, Santo é!
Deus do universo, ó Senhor Javé!
(bis)

O céu e a terra o proclamam
glorioso. Hosana, Hosana nas
alturas. Bendito o que vem em
nome do Senhor.

Hosana, Hosana nas alturas.
Hosana, Hosanas ao Rei. (Bis)

158- Igual Pastor (ofertório)

Igual pastor, ovelhas separando:
“Longe dos lobos, irão ficar”.
Rebanho, então, ouvirá a voz do
Rei: “Entrai no reino que vos
preparei”.

Tive fome e me destes de comer!
Tive sede e me destes de beber!
Quando nu, me cobriu o vosso
manto: com bondade aliviaste meu
sofrer!

Peregrino eu fui e me acolheste!
Fostes ver-me tão triste na prisão!
E no leito de dor me consolastes!
Me acolhestes, assim, em cada
irmão!

159- Se Deus é por nós...

Se Deus é por nós, então quem
será contra nós?
Deus amor tanto o mundo que deunos
seu Filho para nos salvar
E hoje eu tenho a certeza de um
dia habitar o lar celestial!!!

160 – Eu sou feliz, tu és feliz

Eu sou feliz, Tú és feliz

Porque viemos com o Pai nos encontrar

Para falar, para ouvir o que Ele tem a nos dizer


Com Deus meu Pai, eu sou feliz

Com meus irmãos, eu sou feliz


O próprio Deus nos preparou
A grande festa do encontro do amor

E a todos que alimentar

Com Jesus Cristo, o pão do céu


Vamos rezar, vamos cantar

O amor de Deus nos salvou e nos quer bem

Ele nos fez todos irmãos

Somos a família do Senhor


161- Senhor, vem dar-nos

Senhor, vem dar-nos
SABEDORIIA, que faz ter tudo
como DEUS quis, e assim faremos
da Eucaristia, o grande meio de ser
feliz.

Dá-nos, Senhor, esses Dons,
essa luz, e nós veremos que pão
é JESUS.

Dá-nos, Senhor o ENTENDIMENTO,
que tudo ajuda a
compreender, para nós vermos
como é alimento, o pão e o vinho
que DEUS quer ser.

Senhor vem dar-nos divina
CIÊNCIA, que como eterno, faz ver
sem véus, tu vês por fora, Deus Vê
a essência, pensas que é pão, mas
é nosso DEUS.

Dá-nos Senhor o teu CONSELHO,
que nos faz sábios para guiar,
homem, mulher, jovem e velho, nós
guiaremos ao Santo altar.
Senhor, vem dar-nos a
FORTALEZA, a santa forca do
coração, só quem vencer vai
sentar-se à mesa, para quem luta
DEUS quer ser pão.

Dá-nos, Senhor, filial PIEDADE,
a doce forma de amar, enfim , para
que amemos quem, na verdade,
aqui amou-nos até o fim.

Dá-nos, enfim, TEMOR sublime, de
não amá-los como convém, o
CRISTO-HÓSTIA, que nos redime

o Pai celeste, que nos quer bem.

162 – Eu quero um rio

Existe um poço, no meio do deserto

O povo passa perto, da sede a reclamar


Eu quero um rio de água viva

Eu quero um sopro de esperança

Minh’alma segue e não se cansa

De caminhar ( de caminhar ) ( bis )


Se Tu soubesse quem pode dar-te a vida

Seria dissolvida a mágoa mais cruel


Jesus é vida, vencendo toda morte

Mudando nossa sorte, livrando-nos do mal


163- Tendo Deus no coração

Feliz de quem caminha tendo
Deus no coração, quem faz da
sua vida, uma eterna procissão
(bis)

Escolhi o Cristo como companhia,/
escolhi o Reino, como vocação/
escolhi o mundo, como moradia/
escolhi o pobre como meu irmão.

Quero ver o mundo, com o teu
olhar,/ e a dor da vida, com teu
coração./ Vou levar ajuda, a quem
precisar,/ vou cantar a vida como
uma canção.

Quero descobrir, minha vocação: /
leiga, religiosa ou sacerdotal.
Quero ver meu povo todo em
missão, numa Igreja toda
ministerial.

164- Tomado pela mão

Tomado pela mão com Jesus eu
vou,/ sigo-o como ovelha que
encontrou o Pastor./ Tomado
pela mão com Jesus eu vou,
aonde ele for. (bis)

Se Jesus me diz: "Amigo, deixa
tudo e vem comigo/ Onde tudo é
mais formoso e mais feliz"Se Jesus
me diz: "Amigo, deixa tudo e vem
comigo/ Eu minha mão porei na sua
e irei com ele"

Eu te levarei amigo a um lugar
comigo/ onde o sol e as estrelas
brilham mais/ Eu te levarei amigo a
um lugar comigo/ onde tudo é mais
formoso e mais feliz.

165 – Só em Ti viver

As coisas que o mundo oferecia

Me impediam de Te encontrar

De ver que vida é só em Ti

Mas Tu vieste e tocaste

Bem no fundo do meu coração

Me ensinaste a Te amar


Oh! Jesus, recebe então a minha vida

Recebe as coisas que de Ti me afastam

Pois só em Ti quero viver!


Agora, que meu coração é Teu

Quero sempre te louvar, tua vida transbordar

Para que mais gente experimente

Teu amor nos transformando, tua mão a nos tocar
166- Tu és, Senhor!
Tu és, Senhor, a riqueza do meu
coração! Tu és, Senhor, o sentido
da minha missão!

E eu sou, Senhor, em tuas mãos,
inteira entrega, oblação!
Tu és, Senhor, o tesouro que faz
meu viver! Tu és, Senhor, a alegria
que tece o meu ser!

E eu sou, Senhor, em tuas mãos,
inteira entrega, oblação!

Tu és, Senhor, o rochedo que firma
meus pés! Tu és, Senhor, o meu
tudo, por seres quem és!

Tu és, Senhor, o lugar deste meu
caminhar! Tu és, Senhor, coração
pelo qual quero amar!

167- Tu me conheces (SL 138)

Tu me conheces quando estou
sentado, Tu me conheces quando
estou de pé! Vês claramente
quando estou andando, quando
repouso tu também me vês.
Se pelas costas sinto que me
abranges, também de frente sei
que me percebes.
Para ficar longe do teu Espírito, o
que farei, aonde irei não sei.

Para onde irei? Para onde
fugirei? Se subo ao céu ou se me
prostro no abismo eu te encontro
lá...

Para onde irei? Para onde
fugirei? Se estás no alto na
montanha verdejante ou nos
confins do mar.

Se eu disser: “Que as trevas me
escondam! Não haja luz por onde
eu passar!” Pra ti a noite é clara
como o dia, nada se oculta ao teu
divino olhar, tu me teceste no seio
materno e definiste todo o meu
viver, as tuas obras são
maravilhosas que maravilha, meu
Senhor sou eu.

Dá-me tuas mãos ó meu Senhor
Bendito! Benditas sejam sempre as
tuas mãos! Prova-me Deus e vê
meus pensamentos, olha-me Deus
e vê meu coração.
Livra-me Deus de todo mau
caminho, quero viver, quero sorrir,

cantar, pelo caminho da
eternidade, Senhor terei toda
felicidade.
168- Tudo o que se quer

H: Olha nos meus olhos, esquece o que passou/
Aqui neste momento, silêncio e sentimento...
Sou o teu poeta, eu sou o teu cantor/
Teu rei e teu escravo, teu brilho e tua estrada.

M: Vem comigo meu amado amigo/
Nessa noite clara de verão/
Seja sempre o meu melhor presente/
Seja tudo sempre como é.

T: É tudo que se quer

M: Leve como o vento, quente como o sol/
Em paz na claridade, sem medo e sem saudade/
Livre como um sonho, alegre como a luz.
Desejo e fantasia, em plena harmonia/

H: Eu sou teu homem sou teu pai, teu filho/
Sou aquele que te tem amor/
Sou teu barco teu melhor amigo/
Vou contigo seja onde for

T: E onde estiver estou...

M: Vem comigo meu amado amigo!

T: Sou teu barco neste mar de amor/
Sou a vela que te leva longe/
Da tristeza eu sei, eu vou...
E onde estiver, estou!

169- Um coração para amar

Um coração para amar, prá perdoar
e sentir, para chorar e sorrir, ao me
criar Tu me deste. Um coração prá
sonhar, inquieto e sempre a bater.
Ansioso por entender as coisas que
Tu disseste

Eis o que eu venho te dar, eis o
que eu ponho no altar. Toma,
Senhor, que ele é teu. Meu
coração não é meu.

Quero que o meu coração, seja tão
cheio de paz, que não se sinta
capaz, de sentir ódio ou rancor.
Quero que a minha oração, possa
me amadurecer, leve-me a
compreender, as conseqüências do
amor.

170- Uma estrela irá brilhar

Deixa desse cansaço, esqueça
tudo que te faz triste, o amor existe
e está tão perto, estende a mão ao
teu irmão, dê um sorriso para a
vida.

Jesus te chama e ilumina o teu
caminho, perdoa tudo, te fortalece,
pede somente que você abra o
coração.

Levante as mãos, vamos cantar,
vamos louvar a Deus de todo
coração, dentro de ti, para
sempre, uma estrela irá brilhar,
porque Jesus te ama, meu irmão!
(bis)
(porque eu também te amo, meu
irmão)
171- Utopia I

Das muitas coisas do meu tempo
de criança, guardo vivo na
lembrança o aconchego de meu lar.
No fim da tarde, quando tudo se
ajeitava, a família se aquietava, lá
no alpendre a conversar.

Meus pais não tinham nem escola e
nem dinheiro, todo dia o ano
inteiro, trabalhavam sem parar.
Faltava tudo, mas a gente nem
ligava, o importante não faltava,
seu sorriso, seu olhar.

Eu tantas vezes, vi meu pai chegar
cansado, mas aquilo era sagrado,
um por um ele afagava. E
perguntava quem fizera estrepolia
e a mamãe nos defendia, e tudo
aos poucos se ajeitava.

O sol se punha, a viola alguém
trazia, todo mundo então queria,
ver papai cantar com a gente.
Desafinado, meio rouco e voz
cansada, ele cantava mil toadas,
seu olhar no sol poente...

Correu o tempo e hoje eu vejo a
maravilha, de se ter uma família,
quando tantos não a tem. Agora
falam, do desquite ou do divórcio, o
amor virou consórcio, compromisso
de ninguém.

Há tantos filhos que bem mais do
que um palácio, gostariam de um
abraço e do carinho de seus pais.
Se os pais se amassem, o divórcio
não viria, chame a isso de utopia,
eu a isso chamo PAZ!...

172- Utopia II

Quando o dia da paz renascer,
quando o sol da esperança brilhar,
eu vou cantar./ Quando o povo nas
ruas sorrir e a roseira de novo florir,
eu vou cantar./ Quando as cercas
caírem no chão, quando as mesas
se encherem de pão, eu vou
cantar./ Quando os muros que
cercam os jardins, destruídos
então, os jasmins vão perfumar.

Vai ser tão bonito se ouvir a
canção, cantada de novo. No
olhar do homem a certeza do
irmão, reinado do povo.

Quando as armas da destruição,
destruídas em cada nação, eu vou
sonhar. E o decreto que encerra a
opressão, assinado só no coração,
vai triunfar./ Quando a voz da
verdade se ouvir e a mentira não
mais existir, será enfim./ Tempo
novo de eterna Justiça, sem mais
ódio, sem sangue ou cobiça, vai ser
assim.
173- Vamos celebrar com júbilo

Vamos celebrar com júbilo a
festa do Rei Jesus
Os homens (com glória), as
mulheres, aleluia, Vamos
celebrar o Rei (bis)

Vamos todos nos amar que sua
glória vai brilhar em cada face em
cada coração. Esta é a festa do Rei
Senhor Jesus!!!
O perdão irá fluir/ o Amor vai nos
unir// Em um só corpo/ em um só
coração/ Esta é a festa do Rei
Senhor Jesus!!!

174- Não se deve dizer

Não se deve dizer: “Nada posso
ofertar!” Pois as mãos mais
pobre é que mais se abrem para
tudo dar. Pois as mãos mais
pobres é que mais se abrem para
tudo dar.

O Senhor só deseja que em nós
tudo seja constante servir. Quando
nada se tem, só resta dizer:
“Senhor, eis me aqui”.

Com as mãos sempre abertas,
trazendo as ofertas do vinho e do
pão. Surge o nosso dever de tudo
fazer com mais doação.

Alegrias da vida, momentos da lida,
eu posso ofertar. Pois, nas mãos
do Senhor, um gesto de amor, não
se perderá.


175 – Deus natureza

Vem , sol, luz no caminho
Aquece o campo da vida que temos que atravessar
Vem, sol, vem mansinho,
Com passarinhos, flor a brotar

Vem, mar, abre o caminho
Paz traz nas ondas,
Espumas que rolam com o vento a soprar
Vem mar, calmo e sozinho,
Abre o caminho pois vou passar

Com Deus eu quero ficar,
Com Deus sei que vou amar;
Livre é meu caminhar,
Meu Deus vai mostrar que a vida é para servir,
O amor pra se repartir, a paz pra se transmitir e o riso pra dar.


Vem, Deus, mostra o caminho
Leva Teus filhos pra vida que vemos em nosso sonhar
Vem, Deus, traz um carinho
Vem de mansinho, vem pra ficar



176- Vem, ó Santo Espírito

Vem ó Santo Espírito,/ Manda do
Céu a todos nós/ um raio da tua
luz, um raio de luz.
Vem, ó Pai dos pobres/ Vem
doador de tantos dons/ Luz de
cada coração, dos corações.

Consolador Perfeito
Hóspede doce da alma/ Suave
alegria, suave alegria./ Na fadiga
repouso/ No calor restauro/ Em
todo pranto conforto, em todo
pranto conforto.


Luz beatíssima/ Invade os nossos
corações/ Sem a tua força nada/
Nada existe no homem.
Lava o que é impuro/ Aquece o que
é frio/ Eleva o decaído, eleva o
decaído.


Doa a todos os teus fiéis/ Que
confiam sempre em ti/ Os teus
Santos Dons, os teus Santos Dons.
Doa virtude e prêmio/ doa morte
santa/ Doa alegria eterna, doa
alegria eterna.
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão
Folhetão

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cerimonial 15 anos camila
Cerimonial 15 anos camilaCerimonial 15 anos camila
Cerimonial 15 anos camila
otonielbisneto
 
Roteiro solenidade nossa senhora aparecida 2018
Roteiro   solenidade nossa senhora aparecida 2018Roteiro   solenidade nossa senhora aparecida 2018
Roteiro solenidade nossa senhora aparecida 2018
Rogenia
 
1º Encontro - catequese- primeira comunhão 2016
1º Encontro - catequese- primeira comunhão 20161º Encontro - catequese- primeira comunhão 2016
1º Encontro - catequese- primeira comunhão 2016
Catequese Anjos dos Céus
 
Missa primeira eucaristia
Missa primeira eucaristiaMissa primeira eucaristia
Missa primeira eucaristia
Jean Almeida
 
Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.
Lucas Licerre
 
DESPEDIDA DA TURMA DO 3° ANO C DA EEFM.NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
DESPEDIDA DA TURMA DO 3° ANO C DA EEFM.NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃODESPEDIDA DA TURMA DO 3° ANO C DA EEFM.NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
DESPEDIDA DA TURMA DO 3° ANO C DA EEFM.NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
EEB Pautilia de Sousa Braga Veras
 
Cantos ao Sagrado Coração de Jesus.pdf
Cantos ao Sagrado Coração de Jesus.pdfCantos ao Sagrado Coração de Jesus.pdf
Cantos ao Sagrado Coração de Jesus.pdf
WanderleyJoseDantas
 
Festa do acolhimento 21 nov10
Festa do acolhimento 21 nov10Festa do acolhimento 21 nov10
Festa do acolhimento 21 nov10
nossasenhoradavisitacao
 
Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017
Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017
Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017
InfanciaSaoJose
 
DIRETRIZES%20(1).pptx
DIRETRIZES%20(1).pptxDIRETRIZES%20(1).pptx
DIRETRIZES%20(1).pptx
Allen Santos
 
Apresentação Encontro de Casais com Cristo
Apresentação Encontro de Casais com CristoApresentação Encontro de Casais com Cristo
Apresentação Encontro de Casais com Cristo
psaocamilo
 
Primeira eucaristia_01
Primeira eucaristia_01Primeira eucaristia_01
Primeira eucaristia_01
laerciosas
 
A história de santo antônio
A história de santo antônioA história de santo antônio
A história de santo antônio
Felipe Silva
 
1ª eucaristia
1ª eucaristia1ª eucaristia
1ª eucaristia
Vanessavale1984
 
Toma o teu lugar ana paula valadao
Toma o teu lugar ana paula valadaoToma o teu lugar ana paula valadao
Toma o teu lugar ana paula valadao
Robson Carmo
 
2º encontro catequese - Igreja-Missa-Biblia
2º encontro  catequese -  Igreja-Missa-Biblia2º encontro  catequese -  Igreja-Missa-Biblia
2º encontro catequese - Igreja-Missa-Biblia
Catequese Anjos dos Céus
 
Cantos da Festa da Padroeira 2015
 Cantos da Festa da Padroeira 2015 Cantos da Festa da Padroeira 2015
Cantos da Festa da Padroeira 2015
LEIDIANE ROCHA
 
Celebração do Dia da Bíblia - Pe Gesildo
Celebração do Dia da Bíblia - Pe GesildoCelebração do Dia da Bíblia - Pe Gesildo
Celebração do Dia da Bíblia - Pe Gesildo
nsaparecida
 
rito casamento e comentario
 rito casamento e comentario rito casamento e comentario
rito casamento e comentario
Renata Volpe de Almeida
 
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
Lucas Licerre
 

Mais procurados (20)

Cerimonial 15 anos camila
Cerimonial 15 anos camilaCerimonial 15 anos camila
Cerimonial 15 anos camila
 
Roteiro solenidade nossa senhora aparecida 2018
Roteiro   solenidade nossa senhora aparecida 2018Roteiro   solenidade nossa senhora aparecida 2018
Roteiro solenidade nossa senhora aparecida 2018
 
1º Encontro - catequese- primeira comunhão 2016
1º Encontro - catequese- primeira comunhão 20161º Encontro - catequese- primeira comunhão 2016
1º Encontro - catequese- primeira comunhão 2016
 
Missa primeira eucaristia
Missa primeira eucaristiaMissa primeira eucaristia
Missa primeira eucaristia
 
Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.Missa da 1ª eucaristia.
Missa da 1ª eucaristia.
 
DESPEDIDA DA TURMA DO 3° ANO C DA EEFM.NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
DESPEDIDA DA TURMA DO 3° ANO C DA EEFM.NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃODESPEDIDA DA TURMA DO 3° ANO C DA EEFM.NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
DESPEDIDA DA TURMA DO 3° ANO C DA EEFM.NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
 
Cantos ao Sagrado Coração de Jesus.pdf
Cantos ao Sagrado Coração de Jesus.pdfCantos ao Sagrado Coração de Jesus.pdf
Cantos ao Sagrado Coração de Jesus.pdf
 
Festa do acolhimento 21 nov10
Festa do acolhimento 21 nov10Festa do acolhimento 21 nov10
Festa do acolhimento 21 nov10
 
Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017
Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017
Guião festa do acolhimento 5 de novembro de 2017
 
DIRETRIZES%20(1).pptx
DIRETRIZES%20(1).pptxDIRETRIZES%20(1).pptx
DIRETRIZES%20(1).pptx
 
Apresentação Encontro de Casais com Cristo
Apresentação Encontro de Casais com CristoApresentação Encontro de Casais com Cristo
Apresentação Encontro de Casais com Cristo
 
Primeira eucaristia_01
Primeira eucaristia_01Primeira eucaristia_01
Primeira eucaristia_01
 
A história de santo antônio
A história de santo antônioA história de santo antônio
A história de santo antônio
 
1ª eucaristia
1ª eucaristia1ª eucaristia
1ª eucaristia
 
Toma o teu lugar ana paula valadao
Toma o teu lugar ana paula valadaoToma o teu lugar ana paula valadao
Toma o teu lugar ana paula valadao
 
2º encontro catequese - Igreja-Missa-Biblia
2º encontro  catequese -  Igreja-Missa-Biblia2º encontro  catequese -  Igreja-Missa-Biblia
2º encontro catequese - Igreja-Missa-Biblia
 
Cantos da Festa da Padroeira 2015
 Cantos da Festa da Padroeira 2015 Cantos da Festa da Padroeira 2015
Cantos da Festa da Padroeira 2015
 
Celebração do Dia da Bíblia - Pe Gesildo
Celebração do Dia da Bíblia - Pe GesildoCelebração do Dia da Bíblia - Pe Gesildo
Celebração do Dia da Bíblia - Pe Gesildo
 
rito casamento e comentario
 rito casamento e comentario rito casamento e comentario
rito casamento e comentario
 
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
Roteiro de missa de 1ª eucaristia.
 

Destaque

Pasta 1
Pasta 1Pasta 1
Pasta 1
Antoebison
 
Vaso novo diante do trono (corinho)
Vaso novo   diante do trono (corinho)Vaso novo   diante do trono (corinho)
Vaso novo diante do trono (corinho)
Dieison Moraes
 
Cifra da missa mês de agosto 2011 folheto a missa
Cifra da missa mês de agosto 2011   folheto a missaCifra da missa mês de agosto 2011   folheto a missa
Cifra da missa mês de agosto 2011 folheto a missa
apolimar
 
Livro canto cifras
Livro canto cifrasLivro canto cifras
Livro canto cifras
Flavia Bazola
 
Coletânea SEFAPAMAA - Pontos Cantados (Edição 2)
Coletânea SEFAPAMAA - Pontos Cantados (Edição 2)Coletânea SEFAPAMAA - Pontos Cantados (Edição 2)
Coletânea SEFAPAMAA - Pontos Cantados (Edição 2)
Bruno Campos de Medeiros
 
Versos Gameleiros
Versos GameleirosVersos Gameleiros
Versos Gameleiros
Rogério Machado
 
Livro Seara Pai Matheus de Aruanda
Livro Seara Pai Matheus de AruandaLivro Seara Pai Matheus de Aruanda
Livro Seara Pai Matheus de Aruanda
Bruno Campos de Medeiros
 
Pontos cantados de umbanda
Pontos cantados de umbandaPontos cantados de umbanda
Pontos cantados de umbanda
Elaine Cristina
 
Corpo E Familia
Corpo E FamiliaCorpo E Familia
Corpo E Familia
Ebenezer Lobão
 
Deus me ama - Mariana Valadao
Deus me ama - Mariana ValadaoDeus me ama - Mariana Valadao
Deus me ama - Mariana Valadao
Bruna Pavani
 
Deus me ama
Deus me amaDeus me ama
Deus me ama
WenderPower
 
488pontos casadecaridadeoxaleyemanj
488pontos casadecaridadeoxaleyemanj488pontos casadecaridadeoxaleyemanj
488pontos casadecaridadeoxaleyemanj
Patrick François Jarwoski
 
Vaso novo
Vaso novoVaso novo
Vaso novo
Ivan Monteiro
 
4° ano atividades de ortografia 435 copy
4° ano atividades de ortografia 435 copy4° ano atividades de ortografia 435 copy
4° ano atividades de ortografia 435 copyMaria Terra
 
Orixás
OrixásOrixás
Orixás
Denise Rivera
 
Apostila de pontos_cantados
Apostila de pontos_cantadosApostila de pontos_cantados
Apostila de pontos_cantados
aelaaruanda
 
Orixas seus filhos arquetipo
Orixas seus filhos arquetipoOrixas seus filhos arquetipo
Orixas seus filhos arquetipo
Fernandes Rocha Junior
 
Vaso Novo
Vaso NovoVaso Novo
Vaso Novo
Ivan Monteiro
 
39 24 himnos y coritos www.gftaognosticaespiritual.org
39 24 himnos y coritos  www.gftaognosticaespiritual.org39 24 himnos y coritos  www.gftaognosticaespiritual.org
39 24 himnos y coritos www.gftaognosticaespiritual.org
Gran Fratervidad Tao Gnostica Espiritual Org
 
250 cânticos e corinhos evangélicos antigos e novos
250 cânticos e corinhos evangélicos antigos e novos250 cânticos e corinhos evangélicos antigos e novos
250 cânticos e corinhos evangélicos antigos e novos
Admilson E Silva
 

Destaque (20)

Pasta 1
Pasta 1Pasta 1
Pasta 1
 
Vaso novo diante do trono (corinho)
Vaso novo   diante do trono (corinho)Vaso novo   diante do trono (corinho)
Vaso novo diante do trono (corinho)
 
Cifra da missa mês de agosto 2011 folheto a missa
Cifra da missa mês de agosto 2011   folheto a missaCifra da missa mês de agosto 2011   folheto a missa
Cifra da missa mês de agosto 2011 folheto a missa
 
Livro canto cifras
Livro canto cifrasLivro canto cifras
Livro canto cifras
 
Coletânea SEFAPAMAA - Pontos Cantados (Edição 2)
Coletânea SEFAPAMAA - Pontos Cantados (Edição 2)Coletânea SEFAPAMAA - Pontos Cantados (Edição 2)
Coletânea SEFAPAMAA - Pontos Cantados (Edição 2)
 
Versos Gameleiros
Versos GameleirosVersos Gameleiros
Versos Gameleiros
 
Livro Seara Pai Matheus de Aruanda
Livro Seara Pai Matheus de AruandaLivro Seara Pai Matheus de Aruanda
Livro Seara Pai Matheus de Aruanda
 
Pontos cantados de umbanda
Pontos cantados de umbandaPontos cantados de umbanda
Pontos cantados de umbanda
 
Corpo E Familia
Corpo E FamiliaCorpo E Familia
Corpo E Familia
 
Deus me ama - Mariana Valadao
Deus me ama - Mariana ValadaoDeus me ama - Mariana Valadao
Deus me ama - Mariana Valadao
 
Deus me ama
Deus me amaDeus me ama
Deus me ama
 
488pontos casadecaridadeoxaleyemanj
488pontos casadecaridadeoxaleyemanj488pontos casadecaridadeoxaleyemanj
488pontos casadecaridadeoxaleyemanj
 
Vaso novo
Vaso novoVaso novo
Vaso novo
 
4° ano atividades de ortografia 435 copy
4° ano atividades de ortografia 435 copy4° ano atividades de ortografia 435 copy
4° ano atividades de ortografia 435 copy
 
Orixás
OrixásOrixás
Orixás
 
Apostila de pontos_cantados
Apostila de pontos_cantadosApostila de pontos_cantados
Apostila de pontos_cantados
 
Orixas seus filhos arquetipo
Orixas seus filhos arquetipoOrixas seus filhos arquetipo
Orixas seus filhos arquetipo
 
Vaso Novo
Vaso NovoVaso Novo
Vaso Novo
 
39 24 himnos y coritos www.gftaognosticaespiritual.org
39 24 himnos y coritos  www.gftaognosticaespiritual.org39 24 himnos y coritos  www.gftaognosticaespiritual.org
39 24 himnos y coritos www.gftaognosticaespiritual.org
 
250 cânticos e corinhos evangélicos antigos e novos
250 cânticos e corinhos evangélicos antigos e novos250 cânticos e corinhos evangélicos antigos e novos
250 cânticos e corinhos evangélicos antigos e novos
 

Semelhante a Folhetão

Fraternidade e a vida no planeta
Fraternidade e a vida no planetaFraternidade e a vida no planeta
Fraternidade e a vida no planeta
daniela-bertoncello
 
2010.09.26 culto especial
2010.09.26   culto especial2010.09.26   culto especial
2010.09.26 culto especial
Paulo Dias Nogueira
 
LivrodeCanticos2015.pdf
LivrodeCanticos2015.pdfLivrodeCanticos2015.pdf
LivrodeCanticos2015.pdf
GasparTV
 
Semana Cavanis 2009
Semana Cavanis 2009Semana Cavanis 2009
Semana Cavanis 2009
Edvaldo001
 
MISSA TERÇO.ppt
MISSA TERÇO.pptMISSA TERÇO.ppt
MISSA TERÇO.ppt
MisteryoCelso
 
Semana Cavanis 2009
Semana Cavanis 2009Semana Cavanis 2009
Semana Cavanis 2009
Edvaldo001
 
Vi domingo da páscoa
Vi domingo da páscoaVi domingo da páscoa
Vi domingo da páscoa
slideliturgia
 
Missa 2° domingo da quaresma
Missa 2° domingo da quaresmaMissa 2° domingo da quaresma
Missa 2° domingo da quaresma
capelasantacruzdecacupe
 
3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv
Gustavo Scheffer
 
festejo macauba são raimundo nonato (2).pdf
festejo macauba são raimundo nonato (2).pdffestejo macauba são raimundo nonato (2).pdf
festejo macauba são raimundo nonato (2).pdf
José Ferreira
 
08-01-11.pptx
08-01-11.pptx08-01-11.pptx
08-01-11.pptx
PrimeiraIgrejaBatist31
 
assunçao de maria grupo misao .ppt
assunçao de maria grupo misao .pptassunçao de maria grupo misao .ppt
assunçao de maria grupo misao .ppt
RenatoEpifniodeSouza
 
1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv
Gustavo Scheffer
 
1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv
Gustavo Scheffer
 
1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv
Gustavo Scheffer
 
3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv
Gustavo Scheffer
 
Guião celebração
Guião celebraçãoGuião celebração
Guião celebração
ramiropinho
 
Missa 18 08 de noite
Missa 18 08 de noiteMissa 18 08 de noite
Missa 18 08 de noite
Gustavo Scheffer
 
As orações
As oraçõesAs orações
missal 191 anos - 2
missal 191 anos - 2missal 191 anos - 2
missal 191 anos - 2
Victor Cavalcanti
 

Semelhante a Folhetão (20)

Fraternidade e a vida no planeta
Fraternidade e a vida no planetaFraternidade e a vida no planeta
Fraternidade e a vida no planeta
 
2010.09.26 culto especial
2010.09.26   culto especial2010.09.26   culto especial
2010.09.26 culto especial
 
LivrodeCanticos2015.pdf
LivrodeCanticos2015.pdfLivrodeCanticos2015.pdf
LivrodeCanticos2015.pdf
 
Semana Cavanis 2009
Semana Cavanis 2009Semana Cavanis 2009
Semana Cavanis 2009
 
MISSA TERÇO.ppt
MISSA TERÇO.pptMISSA TERÇO.ppt
MISSA TERÇO.ppt
 
Semana Cavanis 2009
Semana Cavanis 2009Semana Cavanis 2009
Semana Cavanis 2009
 
Vi domingo da páscoa
Vi domingo da páscoaVi domingo da páscoa
Vi domingo da páscoa
 
Missa 2° domingo da quaresma
Missa 2° domingo da quaresmaMissa 2° domingo da quaresma
Missa 2° domingo da quaresma
 
3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv
 
festejo macauba são raimundo nonato (2).pdf
festejo macauba são raimundo nonato (2).pdffestejo macauba são raimundo nonato (2).pdf
festejo macauba são raimundo nonato (2).pdf
 
08-01-11.pptx
08-01-11.pptx08-01-11.pptx
08-01-11.pptx
 
assunçao de maria grupo misao .ppt
assunçao de maria grupo misao .pptassunçao de maria grupo misao .ppt
assunçao de maria grupo misao .ppt
 
1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv
 
1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv
 
1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv1ª noite do trigo cedv
1ª noite do trigo cedv
 
3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv3 noite do trigo amecedv
3 noite do trigo amecedv
 
Guião celebração
Guião celebraçãoGuião celebração
Guião celebração
 
Missa 18 08 de noite
Missa 18 08 de noiteMissa 18 08 de noite
Missa 18 08 de noite
 
As orações
As oraçõesAs orações
As orações
 
missal 191 anos - 2
missal 191 anos - 2missal 191 anos - 2
missal 191 anos - 2
 

Mais de Marly Fernandes

Sinais
SinaisSinais
O mistério da morte
O mistério da morteO mistério da morte
O mistério da morte
Marly Fernandes
 
Eucaristia
EucaristiaEucaristia
Eucaristia
Marly Fernandes
 
8.a danca do_amor
8.a danca do_amor8.a danca do_amor
8.a danca do_amor
Marly Fernandes
 
02 a vida-depois_da_vida
02 a vida-depois_da_vida02 a vida-depois_da_vida
02 a vida-depois_da_vida
Marly Fernandes
 
A vinha
A vinhaA vinha
Sim, Pai
Sim, PaiSim, Pai
Sim, Pai
Marly Fernandes
 
Na vinha
Na vinhaNa vinha
Na vinha
Marly Fernandes
 
Perdoai, Senhor
Perdoai, SenhorPerdoai, Senhor
Perdoai, Senhor
Marly Fernandes
 
Perdoai, Senhor
Perdoai, SenhorPerdoai, Senhor
Perdoai, Senhor
Marly Fernandes
 
Sentinelas
SentinelasSentinelas
Sentinelas
Marly Fernandes
 
O caminho da cruz
O caminho da cruzO caminho da cruz
O caminho da cruz
Marly Fernandes
 
Assunção
AssunçãoAssunção
Assunção
Marly Fernandes
 
A salvacao
A salvacaoA salvacao
A salvacao
Marly Fernandes
 
Danke Leben - Graças, Vida
Danke Leben - Graças, VidaDanke Leben - Graças, Vida
Danke Leben - Graças, VidaMarly Fernandes
 
Beleza invisivel
Beleza invisivelBeleza invisivel
Beleza invisivel
Marly Fernandes
 
Onde está Deus?
Onde está Deus?Onde está Deus?
Onde está Deus?
Marly Fernandes
 

Mais de Marly Fernandes (18)

Sinais
SinaisSinais
Sinais
 
O mistério da morte
O mistério da morteO mistério da morte
O mistério da morte
 
Eucaristia
EucaristiaEucaristia
Eucaristia
 
8.a danca do_amor
8.a danca do_amor8.a danca do_amor
8.a danca do_amor
 
02 a vida-depois_da_vida
02 a vida-depois_da_vida02 a vida-depois_da_vida
02 a vida-depois_da_vida
 
A vinha
A vinhaA vinha
A vinha
 
Sim, Pai
Sim, PaiSim, Pai
Sim, Pai
 
Na vinha
Na vinhaNa vinha
Na vinha
 
Perdoai, Senhor
Perdoai, SenhorPerdoai, Senhor
Perdoai, Senhor
 
Perdoai, Senhor
Perdoai, SenhorPerdoai, Senhor
Perdoai, Senhor
 
Sentinelas
SentinelasSentinelas
Sentinelas
 
O caminho da cruz
O caminho da cruzO caminho da cruz
O caminho da cruz
 
Assunção
AssunçãoAssunção
Assunção
 
A salvacao
A salvacaoA salvacao
A salvacao
 
Danke Leben - Graças, Vida
Danke Leben - Graças, VidaDanke Leben - Graças, Vida
Danke Leben - Graças, Vida
 
Graças, Vida
Graças, VidaGraças, Vida
Graças, Vida
 
Beleza invisivel
Beleza invisivelBeleza invisivel
Beleza invisivel
 
Onde está Deus?
Onde está Deus?Onde está Deus?
Onde está Deus?
 

Folhetão

  • 1. 0001 - A alegria A alegria está no coração de quem já conhece Jesus. A verdadeira paz, só tem aquele que já conhece Jesus. O sentimento mais precioso, que vem de Nosso Senhor, é o amor, que só tem, quem já conhece Jesus. Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! 0002 - A barca Tu te abeiraste da praia, não buscaste nem sábios, nem ricos: somente queres que eu te siga. Senhor, Tu me olhaste nos olhos, a sorrir, pronunciaste meu nome. Lá na praia, eu larguei o meu barco. Junto a ti, buscarei outro mar. Tu sabes bem que, em meu barco, eu não tenho nem ouro nem espadas: somente redes e o meu trabalho. Tu minhas mãos solicitas; meu cansaço, que a outros descanse: amor que almeja seguir amando. Tu, pescador de outros lagos, ânsia eterna de almas que esperam. Bondoso amigo, que assim me chamas. 0003 - Uma entre todas Uma entre todas foi a escolhida: foste tu Maria, serva preferida. Mãe do meu Senhor, Mãe do meu Salvador. Maria, cheia de graça e consolo, venha caminhar com teu povo: nossa Mãe sempre serás! Roga pelos pecadores desta terra, roga pelo povo que em Deus espera, Mãe do meu Senhor, Mãe do meu Salvador. 0004 - A Palavra de Deus A Palavra de Deus é uma Festa, nós queremos ouvi-La de novo. Este livro, sem par, nos atesta: "Deus escuta o clamor do seu Povo" Vamos juntos cantar, celebrando o que Deus fez e faz para nós. A Palavra é o Amor nos falando: com amor ouviremos sua voz. A Palavra de Deus, nossa Festa, para ouvi-La, a Igreja nos chama. Sempre mais, Ela nos manifesta: "Deus é imenso e, contudo, nos ama!" A Palavra de Deus, como Festa, a lutar nos ajuda e convida. Seu refrão, repetido, está nesta: “Vim a vós para dar-vos mais vida!" A Palavra de Deus é só Festa.
  • 2. Canta a glória e o poder de Javé. Pra louvá-Lo melhor, nos empresta os seus salmos e cantos de fé A Palavra de Deus sempre é Festa: se o Profeta teu mal denuncia, é o bom Deus que, do chão que não presta, quer erguer-te ao Amor, à Alegria! 0005- Abençoa Noite e dia, longas madrugadas e a semente espera. E o milagre antigo e sempre novo fecunda toda a terra. Do grão morto e pisado, a vida nascerá: na mesa, eis o pão. Abençoa, ó Senhor, nossa oferta. Dá-nos tua paz e, a unidade no teu corpo, que se consuma também por nós. Nossas vinhas, com o Sol aberto, já estão florindo. E o orvalho, no silêncio, toca os primeiros frutos. E as cores são mais vivas, acendem os grãos maduros: na mesa, eis o vinho. Abençoa, ó Senhor, nossa oferta. Dá-nos tua paz e, a unidade no teu sangue, que se consuma também por nós. 0006 - Aleluia, acolher a Palavra Ouvir com atenção a palavra Acolher. Acolher a palavra. Aprender, aprender a Palavra. Proclamar, proclamar a Palavra Aleluia, na mente! Aleluia, na boca! Aleluia, no coração, aleluia! Aleluia, na Igreja! Aleluia, na vida! Aleluia, vamos todos aclamar! 0007- Abraço da Paz Quero te dar a paz do meu Senhor, com muito amor. Na flor, vejo manifestar o poder da Criação. Em teus lábios, eu vejo estar o sorriso de um irmão. Toda vez que eu te abraço e aperto a tua mão, sinto forte o poder do amor, dentro do meu coração. Deus é Pai e nos protege, Cristo é Filho e Salvação! Santo Espírito Consolador, na Trindade somos irmãos... Toda vez que eu te abraço e aperto a tua mão, sinto forte o poder do amor, dentro do meu coração. 0008- Imaculada, Maria de Deus Imaculada, Maria de Deus,
  • 3. coração pobre, acolhendo Jesus! Imaculada, Maria do Povo, Mãe dos aflitos que estão junto à cruz! Um coração que era sim para a vida, um coração que era sim para o irmão, um coração que era sim para Deus: Reino de Deus, renovando este chão. Olhos abertos pra sede do povo, passo bem firme, que o medo desterra, mãos estendidas, que os tronos renegam: Reino de Deus, que renova esta terra! Faça-se, ó Pai, vossa plena vontade, que os nossos passos se tornem memória do amor fiel que Maria gerou: Reino de Deus atuando na História. 0009- Aclamação ao Evangelho Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! (bis) Sou Rei e vim testemunhar a Verdade, que vos libertará! 0010- Eu quisera Eu quisera, Jesus adorado, Teu Sacrário de Amor rodear de almas puras, florinhas mimosas, perfumando o teu Santo Altar. O desejo de ver-Te adorado, tanto invade o meu coração: eu quisera estar, noite e dia, aos teus pés, em humilde oração. Pelas almas mais pecadoras, eu Te peço, Jesus, perdão. Dai-lhe todo amor e carinho, todo afeto do Teu coração. E se um dia, meu Jesus amado, meu desejo se realizar, hei de amar-Te por todos aqueles que, Jesus, não te querem amar. Pelas almas que não te conhecem, eu quisera, Jesus, te amar. E daqueles que de Ti se esquecem, as loucuras também reparar. E lá no Céu, meu Jesus querido, face a face, hei de contemplar. Nos Teus braços, então, viverei: para sempre Jesus te amar. 0011- Adoração do Cristo na cruz Que foi, povo meu, que te fiz? Jamais te deixei sem defesa! Fui eu que te fiz infeliz? Te esqueces da minha presteza? Deus Santo, Deus forte, Deus Imortal ! Olhai deste povo a fraqueza! Piedade, livrai-nos do mal! Te lembras do Egito, que dor? E eu te tirei com mão firme. Agora me vens com furor? E queres co’a lança ferir-me? Do Nilo, mudei água em sangue; rasguei Mar Vermelho e passaste. E quando, eu bem mais do que exangue, meu lado de um golpe rasgaste?
  • 4. Fartei com maná teu deserto; da pedra te dei água pura. E agora me zombas de perto, na sede me dás amargura? Só tive palavras de alento e quis boa terra te dar. Não pude te ver ao relento. E insultos gritastes, sem par? Fui simples, sereno semblante. E a vida te dei, dom supremo. De ti me ocupei incessante. E tu, me acusaste blasfemo? Falei pelos fracos, sem medo. Curei, perdoei, fui tua Luz. E tu, com teu torpe segredo, a mim reservaste uma cruz? 00012- Ainda que eu fale a língua dos homens Ainda que eu fale a língua dos homens, ainda que eu fale a língua dos anjos, serei como o bronze que soa em vão, se eu não tenho amor, amor aos irmãos. O amor é paciente, tudo crê. É compassivo, não tem rancor. Não se alegra co'a injustiça e com o mal; tudo suporta, é Dom total... Ainda que eu tenha vigor de profeta e o dom da ciência, firmeza na fé. Ainda que eu possa transpor as montanhas, se eu não tenho amor, de nada adianta. Ainda que eu doe meus bens para os pobres, que eu deixe meu corpo em chamas arder, será como um sonho, será tudo em vão, se eu não tenho amor, amor aos irmãos. 0013- Aleluia Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! Vós, povos todos da Terra, aleluia, aleluia! Vinde, cantai ao Senhor: Aleluia! Aleluia! Vinde, louvai nosso Deus, aleluia, aleluia! Que seu amor é sem fim: Aleluia! Aleluia! Tanto o sofrer, quanto a morte, aleluia, aleluia! Saibam que a vida é maior: Aleluia! Aleluia! 0014- Aleluia! Aleluia! Aleluia! (bis) No princípio era a Palavra e a Palavra se encarnou. E nós vimos sua glória, seu amor nos libertou! 0015- Aleluia Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia! Pois o Verbo se fez Carne! Entre nós Ele acampou! E quem acolheu o Verbo de Deus, filho se tornou.
  • 5. 0016- Nesta prece Nesta prece, Senhor, venho te oferecer o crepitar da chama, a certeza de dar! Eu te ofereço o Sol, que brilha forte. Te ofereço a dor do meu irmão, a fé na esperança e o meu amor! Eu te ofereço as mãos que estão abertas, o compasso do passo mantido, meu grito mais forte de louvor. Eu te ofereço o que vi de belo, no interior dos corações; a coragem de me transformar. 0017 – Fala em nossos corações Senhor, fala em nossos corações! Tua mensagem de amor revela o Caminho a seguir e fecunda a nossa fé. Tua Palavra é o Caminho, a Verdade e a Vida Estás entre nós! Fala-nos, Senhor, com a Tua Voz, Palavras de Amor. Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia! 0018- Antes da morte e ressurreição Antes da morte e ressurreição de Jesus, Ele, na Ceia, quis se entregar. Deu-se em Comida e Bebida, para nos salvar. E quando amanhecer o Dia Eterno, a Plena Visão, ressurgiremos, por crer, nesta Vida escondida no Pão. Para lembrarmos a morte, a Cruz do Senhor, nós repetimos, como ele fez, gestos, palavras, até que volte outra vez. Este Banquete alimenta o amor dos irmãos e nos prepara à glória do céu: Ele é a força na caminhada pra Deus. Eis o Pão Vivo mandado a nós por Deus Pai! Quem o recebe, não morrerá: no último dia vai ressurgir, viverá. Cristo está vivo, ressuscitou para nós. Esta verdade, vai anunciar a toda a Terra, com alegria, a cantar. 0019- Anunciação de Maria Do céu desceu um anjo – destino, Nazaré – pra visitar Maria, esposa de José. À saudação celeste, Maria recebeu do anjo esta mensagem: "serás a Mãe de Deus". Ave Maria!, dissera o Anjo, Cheia de Graça, cheia de Luz, cheia de encanto. Foste escolhida, serás Senhora, Mãe de Jesus. E a Virgem pura, tão santa e bela, sentiu-se presa de tanto amor. E disse: “faça-se Tua vontade, pois sou escrava do meu Senhor”. Ave Maria!, cantam na Terra, louvando a Virgem que o Céu chamou para ser mãe de um Filho Santo, que a Terra inteira sempre esperou.
  • 6. E a Virgem adora, já no seu seio, o Ser Divino que se encarnou. E a Palavra, que se fez Carne, é o Cristo Vivo que já chegou. 0020- Ato penitencial Senhor, tende piedade de nós! Senhor, tende piedade de nós! Pai de infinita Bondade, que a Tua Vontade se faça verdade no meio de nós. (bis) Senhor Jesus Cristo, piedade! Piedade de mim, que não te obedeci, nem segui Tua Voz. (bis) Que teu Espírito Santo nos mostre o caminho de paz e justiça, sem ódio e sem dor. (Bis) Senhor...Senhor...Senhor... 0021- Ave de Fátima A treze de maio, na cova da Iria, no Céu aparece a Virgem Maria. Ave, Ave, Ave Maria (bis) Foi aos pastorinhos que a Virgem falou. Desde então, nas almas, nova luz brilhou. Das mãos lhe pendiam, continhas de luz, assim era o terço da Mãe de Jesus. A Virgem nos manda as contas rezar. Diz ela que, o Terço, nos há de salvar. Achou logo, o mundo, remédio ao seu mal e, a Virgem Bendita, é nosso final. 0022- Ave Maria Ave Maria, cheia de Graça. Deus é contigo, contigo é o Senhor! Bendita és Tu entre as mulheres e Bendito é o fruto do teu ventre: Jesus, Jesus, o fruto do Teu ventre, Jesus! Santa Maria! Maria, Mãe de Deus, rogai por nós, rogai por nós pecadores, agora e na hora, agora e na hora da nossa morte. Amém, Amém, Amém! 0023- Ave Maria Ave Maria, gracia plena, Dominus tecum. Benedicta Tu in mulieribus et benedictus fructus ventris tui, Jesus Sancta Maria, Sancta Maria!
  • 7. Maria, ora pro nobis, nobis pecatoribus, nunc et in hora, in hora mortis nostrae, Amen! Amen! 0024- Ave Maria Ave Maria, Mãe abençoada! Virgem Imaculada, és Santa Semente do Amor. Maria, Mãe de Deus, és cheia de Graça. Santo é o fruto do teu ventre, Jesus. Santa Maria, Santa Maria! Maria, que concebeu o Amor, em Cristo Nosso Senhor! Mártir Generosa, rogai por nós, os pecadores, Mãe Querida. Amém! 0025- Ave Maria Sinto uma tristeza em seu olhar, em seu olhar, que parece nosso amor implorar. Mas creia que, se hoje estou aqui, estou aqui, é porque a sua dor eu entendi. Então fiz esta Ave Maria, que canto noite e dia. Então fiz esta Ave Maria, por Você! Sei que o mundo vai compreender, vai compreender, seu amor, sua dor, seu sofrer. E cantará a Ave Maria, durante noite e dia. E cantará a Ave Maria, por Você! 0026 – É bom estarmos juntos (Comunhão) É bom estarmos juntos à mesa do Senhor E, unidos na alegria, partir o Pão do Amor. Na vida, caminha quem come deste Pão. Não anda sozinho quem vive em comunhão Embora sendo muitos, é Um o nosso Deus. Com Ele vamos juntos, seguindo os passos Seus. Formamos a Igreja, o corpo do Senhor. Que, em nós, o mundo veja a luz do seu amor! Foi Deus quem deu, outrora, ao povo, o Pão do Céu. Porém, nos dá agora, o próprio Filho Seu Será bem mais profundo o encontro, a comunhão, se formos, para o mundo, sinal de salvação 0027- Balada da caridade Para mim, a chuva no telhado é cantiga de ninar, Mas, o pobre, meu irmão, para ele, a chuva fria vai entrando em seu barraco e faz lama pelo chão.
  • 8. Para mim, o vento que assobia é noturna melodia. Mas o pobre, meu irmão, ouve o vento angustiado, pois o vento, esse malvado, lhe desmancha o barracão. Como posso ter sono sossegado se, no dia que passou, os meus braços eu cruzei? Como posso ser feliz se, ao pobre, meu irmão, eu fechei meu coração, meu amor eu recusei? 0028- Belém é aqui Belém é aqui, aqui é Natal! Belém é aqui, aqui é Natal! Belém é aqui, aqui onde estou: na casa vizinha mora o Salvador Belém é aqui, se habita o amor, se não se recusa, no outro, o Senhor. Belém é aqui, se existe calor na luta dos homens, combatendo a dor. 0029- Bom José Olha o que foi, meu bom José, se apaixonar pela donzela, entre todas, a mais bela de toda a sua Galiléia. Casar com Débora ou com Sara, meu bom José, você podia e nada disso acontecia. Mas, você foi amar Maria... Você podia, simplesmente, ser carpinteiro e trabalhar. Sem nunca ter que se exilar, que se esconder com Maria. Meu bom José, você podia ter muitos filhos, com Maria e seu ofício ensinar, como seu pai sempre fazia. Por que será, meu bom José, que esse teu pobre Filho, um dia, andou com estranhas idéias que fizeram chorar Maria? Me lembro, às vezes, de você, meu bom José, meu pobre amigo, que desta vida, só queria ser feliz com sua Maria. 0030- Buscai primeiro Buscai, primeiro, o Reino de Deus e a sua justiça e tudo mais vos será acrescentado. Aleluia, Aleluia! Não só de pão o homem viverá, mas de toda Palavra que procede da boca de Deus. Aleluia, Aleluia! Se vos perseguem por causa de mim, não esqueçais o porquê: não é o servo maior que o Senhor. Aleluia, Aleluia! 0031- Caminhada Alguém chama, Ele me ama e me conduz e me quer feliz. Ele fala, só escuto, paro mudo. E o que Ele me diz? “Vem me seguir”, que eu caminho junto com você ao fim. Depois da caminhada, você é feliz se deixa todas as coisas só por mim, por mim. Vem me seguir, que o meu caminho é o da porta estreita, sim,
  • 9. porém, ao acabar junto de mim, você vai entender porque é bom, é bom servir. Ele quer uma resposta, todo dia, de você irmão. É difícil a caminhada e, por isso, Ele estende a mão. 0032- Caminhando com Maria Santa Mãe Maria, nesta travessia, cubra-nos teu manto cor de anil. Guarda nossa vida, Mãe Aparecida, Santa Padroeira do Brasil. Ave, Maria! Ave, Maria! Mulher peregrina, força feminina, a mais importante que existiu. Com justiça, queres que nossas mulheres sejam construtoras do Brasil. Com amor divino, guarda os peregrinos, nesta caminhada para o além! Dá-lhes companhia, pois também, um dia, foste peregrina de Belém. Com seus passos lentos, enfrentando os ventos, quando sopram noutra direção, toda a Mãe Igreja pede que tu sejas, companheira de libertação. 0034- Canção da América Amigo é coisa pra se guardar debaixo de sete chaves, dentro do coração, assim falava a canção que, na América, ouvi. Mas quem cantava, chorou ao ver seu amigo partir. E quem ficou, no pensamento voou, com seu canto que o outro lembrou. E quem voou, no pensamento ficou, com a lembrança que o outro cantou. Amigo é coisa pra se guardar no lado esquerdo do peito. Mesmo que o tempo e a distância digam não, mesmo esquecendo a canção, o que importa é ouvir a voz que vem do coração. Pois seja o que vier, venha o que vier, qualquer dia, amigo, eu volto a te encontrar qualquer dia, amigo, a gente vai se encontrar. 0035- Canção do Espírito Busca, em Jesus, a Plenitude do Seu Espírito e do Seu Amor, deixa que Ele te envolva em Seu calor. Deixa Jesus cuidar das coisas que atormentam o teu viver, qual luz do alto, Ele virá sobre o teu ser Ó, Cristo, meu Cristo, vem em mim morar. (Vem em mim morar!) Ó, Cristo, meu Cristo, vem mim morar. Ó vem cantar com alegria, encher de Paz teu coração. Ergue o braço e louva a Deus em oração. A Ele dá tuas tristezas, desilusões e tua cruz. E,então, terás a vida em nome de Jesus. 0036- Canção dos Catequistas Depois de nós, as flores. Depois de nós, os frutos.
  • 10. Nosso trabalho é semear, é semear! Depois de nós a história, depois de nós, a glória. Nosso trabalho é semear, é semear! Tanta terra à beira do caminho, esperando das mãos do semeador a semente da fé, da esperança, a Palavra que ouvimos do Senhor. Tenho a graça de pertencer à Igreja, que é católica, pois é universal, Catequese é chamado, vocação! É usar nossa luz e nosso sal! 0037- Canção para o matrimônio Ver nascer, em nós, uma nova vida, cheia de amor e paz! Caminharmos juntos, pela estrada que não termina jamais Ser teu companheiro, estar sempre contigo, ser o teu primeiro e melhor amigo. Dar todo carinho e a força do abraço, na alegria e dor, seja onde for, ser sempre teu namorado Ser tua companheira, teu caminho certo, ser tua primeira, te sentir bem perto. Dar toda ternura da mulher amada, na alegria e dor, seja onde for, ser sempre tua namorada 0038 – Cantai ao Senhor Cantai ao Senhor um cântico novo. (3X) Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor. Porque ele fez, ele faz maravilhas. (3X) Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor. É ele quem dá o Espírito Santo. (3X) Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor. Jesus é o Senhor, Amém, Aleluia. (3X) Cantai ao Senhor, cantai ao Senhor. 0039- Essa Palavra (comunhão) Essa Palavra que Deus Pai dizia, fez vir do nada toda a Criação. Essa Palavra veio a nós e, um dia, Ceia Santa, quis ser nosso Pão. Vossa Palavra se tornou Comida: não posso ouvi-la sem vos bendizer! No Pão, no Livro, no correr da vida, Vossa Palavra é que me faz viver! Abrindo a Bíblia, vejo um Deus amigo, que quer amor, porque só sabe amar. Parece sombra o Testamento Antigo, diante da Luz que temos neste Altar. Vossa Palavra é como sol luzente: difunde luz e envolve no calor. E vossa voz ouvimos, de repente, em tanto gesto de ternura e amor! Para cantar vossa Palavra, vemos, o dom é imenso e fraca é nossa voz: mas vosso Espírito que recebemos, vos clama: "Pai! Ó Pai!" dentro de nós.
  • 11. Vossa Palavra é a Comida agora e essa Comida vai virar meu ser: serei Palavra pela vida afora, dizendo tudo o que quereis dizer. Vossa Palavra, nesta Santa Missa, foi proclamada e agora é Refeição. Com tanta luz, vou exigir justiça; com tanto amor, eu vou ser mais irmão! 0040- Cantochão Canto da vida o encanto, a beleza deste céu e deste mar, a esperança que nasce da mesa, deste Pão repartido, neste chão pra pisar Canto do amor a certeza que as barreiras vão desaparecer que a paz será semente plantada, irrigada e que um dia vai florescer Não isto não é sonho, nem mesmo uma mera ilusão: o amor fará nascer entre nós/ um novo mundo de irmãos. Esta nova humanidade como o sol há de brilhar, e sua luz sem tréguas resplandecerá 0041- Chamado a estar contigo Senhor, Tu me chamaste, o olhar no meu olhar. Vem e vê onde moro, e Eu te farei feliz! Senhor, Senhor, contigo quero estar, pois teu Amor Primeiro me escolheu e quis. Não quero ter certeza de nada, meu Senhor! Saber que tudo sabes, me acalma o coração. E basta-me a certeza do Teu eterno amor, estar sempre a teu lado, Tua mão na minha mão. Senhor, Tu me enviaste depois ao meu irmão: ”Vai dize o que tu viste: Eu sou o sumo Bem!” Senhor, Senhor, me inflama o coração, e o teu amor em mim não deixará ninguém. Senhor, eu sempre volto: aqui é meu lugar! “Sem mim tu nada podes, pois tudo vem em mim!” Senhor, Senhor, Contigo vou ficar: Tu és meu fundamento, meu começo e fim! 0042- Chegou a hora Chegou a hora de sonhar de novo, de tornar-se povo e se fazer irmão. Chegou a hora, que ligeiro passa, de ganhar a graça para a conversão. Meu caro irmão, olha pra dentro do teu coração, vê se o Natal se tornou conversão e te ensinou a viver Chegou a hora de viver o Cristo e acreditar que isto é se tornar maior. Chegou a hora de tornar profundo e perceber que o mundo pode ser melhor. Será difícil, tantas mãos unidas, não fazer da vida um tempo sem igual. Será difícil, tanto amor e afeto, não tornar concreto o gesto do Natal.
  • 12. 0043- Com Maria subamos a Belém Com Maria, subamos a Belém, vai o Céu um mistério revelar: nosso Deus, pequenino, ao mundo vem, para o mundo no amor então salvar. Vai agora, vai, meu povo, um sinal de luz vai ser: vai plantar um mundo novo, para a vida florescer! Eis que brilha um novo dia, na luz cheia de esplendor: sua aurora é pois, Maria e seu Sol, Deus Redentor! Vai das nuvens descer o Salvador, terras secas o Céu vai orvalhar e as nações ao encontro do Senhor, vai a estrela da manhã então guiar Ao presépio pastores também vão, um segredo de paz lá vão achar e o seu Deus, que bendiz o nosso chão, com Maria e José vão adorar! Já de terras longínquas magos vêm, professando uma fé universal e, se a Deus dão presentes em Belém, de Deus ganham luz e paz, no seu Natal! 0044- Com minha mãe estarei Com minha Mãe estarei, na Santa Glória, um dia, junto à Virgem Maria, no céu triunfarei. No céu, no céu, com minha mãe estarei No céu, no céu, com minha mãe estarei Com minha Mãe estarei, mas já que hei ofendido, a seu Jesus querido, as culpas chorarei. Com minha Mãe estarei e que bela coroa, de Mãe tão terna e boa, feliz receberei. Com minha Mãe estarei,em seu coração terno, em seu colo materno sem fim descansarei! 0045- Comei, Tomai Eu quis comer esta ceia agora, pois vou morrer, já chegou minha hora. Comei, tomai, é meu corpo e meu sangue que dou. Vivei no amor, eu vou preparar a ceia na casa do Pai. (bis) Comei o Pão, é meu corpo imolado por vós, perdão para todo pecado. E vai nascer do meu sangue: a esperança, o amor, a paz, uma nova aliança. Vou partir, deixo o meu testamento. Vivei no amor, eis o meu mandamento. Irei ao Pai, sinto a vossa tristeza. Porém, no céu, vos preparo outra mesa. De Deus virá o Espírito Santo, que vou mandar pra enxugar vosso pranto. Eu vou, mas vós me vereis novamente: estais em mim e eu, em vós, estou presente.
  • 13. 0046- Como é grande o meu amor Eu tenho tanto pra lhe falar, mas, com palavras, não sei dizer como é grande o meu amor, por você. E não há nada pra comparar, para poder lhe explicar, como é grande o meu amor, por você. Nem mesmo o céu, nem as estrelas, nem mesmo o mar e o infinito, não é maior que o meu amor, nem mais bonito. Me desespero a procurar alguma forma de lhe falar como é grande o meu amor por você. Nunca se esqueça nem um segundo, que eu tenho amor, maior do mundo. Como é grande o meu amor por você. Mas como é grande o meu amor por você. 0047- Como uma criança Como uma criança, Cristo me ensinou que eu devo ser, se quero ir ao céu ter a mente limpa e um puro coração. Como uma criança eu quero sempre ser. Como uma criança assim eu quero ser, com Cristo em meu viver irei renascer Sempre que na Bíblia este verso eu lia não podia ainda tudo entender... Quando uma criança Cristo em mim fez nascer pude compreender o que Deus quer de mim: sinceridade, amor, perdão e paz só uma criança pode ter. 0048- Convite gentil Convite gentil, não sei desprezar. Que importa o que foi? Eu vim pra curar. Quem nega o perdão em nome da lei, não quer ver o mundo irmão. Perdão, ó Senhor, misericórdia! Perdão, Senhor Deus da vida! Não posso aceitar o zelo fatal, do fogo do céu em troca do mal. Eu vim me propor, não vim pra forjar resposta com tal furor! Tecer elogios por coisa qualquer, revela, afinal, o quanto se quer. Porém, escutai: mais vale cumprir o quanto ensinei do Pai! 0049 – Palavra de Salvação Palavras de salvação, somente o céu tem pra dar, por isso meu coração se abre pra escutar Por mais difícil que seja seguir Tua palavra queremos ouvir Por mais difícil de se praticar Tua palavra queremos guardar Com Simão Pedro diremos também, que não é fácil dizer sempre amém. Mas não há outro na Terra e no céu mais companheiro, mais santo e fiel
  • 14. 0050 – Cristo é a felicidade Cristo é a felicidade! Cristo é a felicidade ! Sem ter amor nesta vida não há, quem seja feliz de verdade. Andar sem temor pela vida e sentir o valor de se ter liberdade; poder abraçar um amigo e sentir o calor de uma grande amizade. Sentir que se está sempre perto de Deus, que nele encontrou a verdade; sorrir com a paz de um menino, a olhar para o Sol que começa a brilhar. Sentir que jamais se perdeu a ilusão, saber perdoar com bondade; andar sem temor pela vida e sentir o valor de se ter liberdade 0051- Bodas de Prata ou Ouro Beijando teus lindos cabelos, que a neve do tempo marcou, eu tenho, nos olhos molhados, a imagem que nada mudou. Estavas vestida de noiva, sorrindo, querendo chorar. Feliz, assim, olhando para mim, que nunca deixei de te amar. Vinte cinco (São cinquenta) anos vamos festejar de união! E a felicidade continua em meu coração. Vai crescendo sempre mais o meu amor por ti. Eu também fiquei mais velho e quase não senti. Vinte cinco (São cinqüenta) anos de veneração e prazer, pois até nos momentos de dor, o meu coração me faz compreender, que a vida é tão pequena para tanto amor! 0052- Custei te encontrar H: Irmã, custei te encontrar! Estou cansado de andar! Preciso te falar M: Também andei por ai, penei no meu caminhar. Agora estou aqui, para te ouvir e te ajudar H: Minha palavra é sincera, tenho a coragem de fera. Prego a mensagem de dar, missão de fé sem desanimar. M: Meu pensamento é ligeiro, tento ajudar o mundo inteiro. Trago mensagem do amor: quem quer se dar, sente menos dor. H: Irmã enxergo em ti, a fé que sempre vivi, amor sempre senti. M: A nossa fé é igual viver o mesmo ideal. Irmão nós vamos cantar: T: só tem amor quem sabe dar. 0053- Deixa a luz do céu entrar Tu anseias, eu bem sei, a salvação. Tens desejos de banir a escuridão. Abre, pois, de par em par, teu coração. E deixa a luz do céu entrar. Deixa a luz do céu entrar! Deixa a luz do céu entrar! Abre bem as portas do seu coração e deixa a luz do céu entrar.
  • 15. Cristo, a luz do céu, em ti quer habitar, para as trevas dos pecados dissipar, teu caminho e coração iluminar; e deixa a luz do céu entrar. Que alegria andar ao brilho dessa luz. Vida eterna e paz no coração produz. Oh! Aceita agora, o Salvador Jesus e deixa a luz do céu entrar. 0054 – Eu Te ofereço Eu te ofereço ( meu Senhor) minha terra e o meu céu ( pro meu Senhor) Te ofereço minha alma, te ofereço minha vida Tenho mais ainda, e meu amor por você, meu Senhor! Tudo isso é nada, nada, nada, meu Senhor! Pois você se deu, se entregou, se ofereceu Pois você morreu na cruz pra eu viver! Meu Senhor, pro meu Senhor 0055- Deixa-te modelar Deixa-te modelar!... Tu não sabes o que Deus fará de ti!... Dá-lhe teu coração, e permite que Ele assuma a direção! Deixa-te trabalhar: maravilhas há de o Pai realizar! Ele só quer teu bem, o que te convém! Nas mãos do Pai estarás, livre, seguro, em paz! Não tenhas medo: Ele é teu Segredo! Deus ninguém mais! Deixa-te despojar: Teu vazio se encherá da Sua luz! Sem nada em ti reter, ao Senhor entrega inteiro o teu ser! Deixa-te libertar e nas asas do amor tu voarás... Deus cuidará do que é Seu: Ele te escolheu! Deixa-te conduzir e o Espírito de Deus te levará por céu e mar sem fim, se lhe deres todo o espaço e fores Sim! Deixa-te possuir pelo amor que arder fará teu coração. Quem tua vida assim quis, Te fará feliz! 0056- Deus está aqui Deus, está aqui! (É verdade!) Tão certo como o ar que eu respiro! (Aleluia!) Tão certo como a manhã que se levanta. Tão certo como eu te falo e podes me ouvir. Jesus está aqui! (É verdade!) O Espírito está aqui! (É verdade!) O Amor está aqui! (É verdade!) 0057- Deus Trino Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo, estamos aqui. Para louvar e agradecer, bendizer e adorar, estamos aqui, Senhor, ao seu dispor. Para louvar e agradecer, bendizer, adorar, te aclamar, Deus Trino de amor.
  • 16. 0058 – Pão e vinho tirados da terra Pão e vinho tirados da terra, Sol ardente, suor e candor! Braço firme, domando essa terra. Te agradeço o suor e o amor. Te agradeço as ave-marias que esses dias me pus a rezar Pra pedir esses pingos de chuva, pra estas terras semente brotar Te agradeço os pingos da chuva, que em bondade mandaste chegar, pra regar esse colo de serra e nestas terras sementes brotar Te agradeço o cantar de meu povo, que de novo se deu neste altar, pra pedir as sementes do alto e o amor nestas terras brotar. 0059- É impossível Olho em tudo e sempre encontro a Ti. Estás no céu, na terra, onde for. Em tudo o que me acontece, encontro o teu amor. Já não se pode mais deixar de crer no teu amor. É impossível não crer em Ti, é impossível não te encontrar. É impossível não fazer de Ti meu ideal. (bis) 0060-É Natal Um mundo que esquece de fazer uma prece, pro Menino que nasce sorrindo e traz a Paz de Deus... A Luz que nos aquece, de amor nos umedece: o Menino que nasce amando e vem também viver.... Ele renasce sempre, eternamente vem nos mostrar o que é nascer: entra e se esconde no nosso meio e vê que ninguém aprendeu... Um dia que anoitece, Menino se entristece e a vontade que dá de chorar, de nunca mais amar. Um mundo que magoa e Deus sempre perdoa. Esse Deus que se torna criança e vem nos ensinar: eu sou criança e venho, eu muito tenho de amor pra dar e receber. Peço perdão ao Pai, novamente eles ainda não sabem o que fazem. É Natal, é Natal... 0061- É Natal de Jesus É Natal de Jesus, festa de alegria, de esperança e luz! Toda a Terra canta um hino, bendizendo o Salvador, que em Belém se fez menino, dando exemplo de amor. Uma estrela diferente, toda a Terra iluminou: foi Jesus, que humanamente, a nós todos se igualou. Nasceu pobre e sem palácio, esse Rei que trouxe o bem, quis apenas ensinar-nos a mensagem de Belém.
  • 17. 0062- Eis-me aqui, Senhor! Eis-me aqui, Senhor! Venho te louvar! Toma minha voz/ toma meu amor. Venho te adorar! Eis-me, aqui, Senhor/ Venho te louvar / Venho me entregar. 0063- Ele voltará A Terra vai um dia contemplar, Aquele que um dia virá. Com autoridade julgará; toda a Terra se ajoelhará. O Aleluia, Ele voltará. O Aleluia, para me levar (bis) Um dia, nova luz então será, onde a Paz nunca se findará. Ó, como será maravilhoso contemplar o meu Salvador. 0064- Ensina teu povo a rezar Ensina teu povo a rezar Maria, Mãe de Jesus, que um dia teu povo desperta e na certa vai ver a luz. Que um dia teu povo se anima e caminha com teu Jesus. Maria de Jesus Cristo, Maria de Deus Maria Mulher, Ensina, a teu povo, o teu jeito de ser o que Deus quiser. Maria, Senhora nossa, Maria do povo, o povo de Deus ensina o teu jeito perfeito de sempre escutar teu Deus. 0065- Envia Senhor Como membro desta Igreja Peregrina, recebi, de Jesus, Cristo a missão de levar a Boa Nova a toda gente: a verdade, a paz e o perdão. Envia, envia, Senhor, operários para a messe. Escuta, escuta esta prece: multidões te esperam, Senhor. Por caminhos tão difíceis muita gente vai andando, sem ter rumo e direção. Não conhecem a verdade do Evangelho, que liberta e dá força ao coração. A missão nos acompanha dia a dia, na escola no trabalho e no lar. Precisamos ser, no mundo, testemunhas, prá que Deus possa em nós se revelar. 0066 – Para as refeições Agradecemos, Senhor, o precioso alimento Que foi preparado amor para nosso sustento
  • 18. Obrigado Senhor, obrigado Senhor Tua benção é uma certeza Obrigado Senhor, obrigado Senhor Que não falte jamais nesta mesa 0067 - Estão voltando as flores Vê, estão voltando as flores! Vê, nesta manhã tão linda! Vê, como é bonita a vida! Vê, há esperança ainda! Vê, as nuvens vão passando! Vê, um novo céu se abrindo. Vê, o sol iluminando por onde nós vamos indo. 0068 - Estás entre nós Tu és minha vida, outro Deus não há. Tu és minha estrada, a minha verdade. Em tua Palavra, eu caminharei enquanto eu viver e até quando Tu quiseres. Já não sentirei temor, pois estás aqui. Tu estás no meio de nós! Creio em ti, Senhor, vindo de Maria. Filho Eterno e Santo, homem como nós, Tu morreste por amor, vivo estás em nós. Unidade Trina, com o Espírito e o Pai. E um dia, eu bem sei, Tu retornarás e abrirás o Reino dos céus! Tu és minha força, outro Deus não há. Tu és minha paz, minha liberdade. Nada nesta vida nos separará. Em tuas mãos seguras minha vida guardarás. Eu não temerei o mal, Tu me livrarás e, no teu perdão, viverei! Ó Senhor da vida, creio sempre em Ti! Filho Salvador, eu espero em Ti! Santo Espírito de Amor, desce sobre nós. Tu, de mil caminhos, nos conduzes a uma fé e, por mil estradas, onde andarmos nós, qual semente nos levarás! 0069- Este pranto em minhas mãos Muito alegre, eu te pedi o que era meu: partir, um sonho tão normal. Dissipei meus bens, o coração também, no fim, meu mundo era irreal. Confiei no teu amor e voltei. Sim, aqui é meu lugar. Eu gastei teus bens, ó Pai, e te dou este pranto em minhas mãos. Mil amigos conheci; disseram adeus, caiu a solidão em mim. Um patrão cruel levou-me a refletir: meu pai não trata um servo assim. Nem deixaste-me falar da ingratidão: morreu, no abraço, o mal que eu fiz. Festa, roupa nova, o anel, sandália aos pés, voltei à vida: sou feliz 0070- Eu louvarei Eu louvarei, eu louvarei, eu louvarei, eu louvarei, eu louvarei, o meu Senhor (bis) João viu o número dos redimidos e todos louvavam o Senhor. Uns oravam, outros cantavam e todos louvavam o Senhor. Todos unidos, alegres, cantavam glória e louvores ao Senhor! Glória ao Pai, glória ao Filho, glória ao Espírito de Amor!
  • 19. Somos filhos de Ti, Pai Eterno, Tu nos criaste por amor. Nós te adoramos, te bendizemos e todos cantamos teu louvor! 0071- Eu navegarei Eu navegarei no oceano do Espírito e ali adorarei ao Deus do meu amor Espírito, Espírito, que desce como fogo, Vem, como em Pentecostes, e enche-me de novo. (bis) Eu adorarei ao Deus da minha vida,que me compreendeu sem nenhuma explicação E eu servirei ao meu Deus fiel, ao meu libertador, Aquele que venceu. 0072- Eu sei que vou te amar Eu sei que vou te amar por toda minha vida, eu vou te amar. Em cada despedida, eu vou te amar desesperadamente, eu sei que vou te amar. E cada verso meu será pra te dizer, que eu sei que vou te amar por toda minha vida. Eu sei que vou chorar, a cada ausência tua eu vou chorar, mas cada volta tua há de apagar o que esta ausência tua me causou Eu sei que vou sofrer a eterna desventura de viver, à espera de viver ao lado teu, por toda minha vida. 0073 - Hosana no alto dos céus Santo, Santo, Santo é o Senhor, Deus do Universo. O Céu e a Terra resplandecem da Tua glória Hosana, hosana, hosana no alto dos céus! (4X) Bendito é aquele que vem, em nome do Senhor! 0074- Fascinação Os sonhos mais lindos, sonhei! De quimeras mil, um castelo ergui. E, no teu olhar, tonto de emoção, com sofreguidão, mil venturas previ. O teu corpo é luz, sedução, poema divino e cheio de esplendor. Teu sorriso prende, inebria, entontece! És fascinação, amor. 0075- Faz de conta Não dá pra fazer de conta que eles não reagirão. Não dá pra fazer de conta que não vai acontecer. Não dá pra fazer de conta que as coisas se acalmarão. Um dia, a miséria cansa e eles não se conformarão Os pobres do mundo inteiro estão gritando, que não dá! Não dá mais pra suportar a indiferença do seu irmão! Irmãos cada vez mais ricos e que fingem não entender. Não dá pra viver em paz, onde não há o que comer (bis)
  • 20. Não dá pra fazer de conta que acabou a opressão. Não dá pra fazer de conta que o planeta já mudou. Não dá pra ficar calado, se não se reparte o pão. Não dá pra brincar de paz onde a miséria não acabou. Não dá pra fazer de conta que é somente uma canção. Não dá pra fazer de conta que o país virou cristão. Não dá pra viver apenas de rir e de se abraçar. Igreja também precisa dar coragem de se zangar 0076- Feliz o Homem Feliz o homem que ama o Senhor e segue seus mandamentos: o seu coração é repleto de amor, Deus mesmo é seu alimento. Feliz o que anda na lei do Senhor e segue o caminho que Deus lhe indicou: terá recompensa no Reino do Céu, porque muito amou. Feliz quem se alegra em servir o irmão, segundo os preceitos que Deus lhe ensinou: verá maravilhas de Deus, o Senhor, porque muito amou. Feliz quem confia na força do bem, seguindo os caminhos da paz e o perdão: será acolhido nos braços do Pai, porque muito amou. Feliz quem dá graças de bom coração e estende sua mão ao sem voz e sem vez: terá no banquete um lugar para si, porque muito amou. 0077- Flores do campo Hoje, as flores do campo se vestiram todas, pra te ver passar. Hoje, os raios da lua clareando a rua, pra fazer sonhar... Hoje, não tem mais temores, não tem mais tristezas, só tem esperança, de ser... Duas novas vidas, almas reunidas, num só caminhar Hoje, toda insegurança se perdeu na dança, não tem mais lugar. Hoje, tua mão calada, me mostrando a estrada da felicidade de ter você sempre perto, coração aberto a me acompanhar. Hoje... 0078 – Já de paz se reveste nossa vida Já de paz se reveste a nossa vida, pois nasceu para nós o Salvador Nas canções de ninar da mãe querida sente embalos do céu o Deus-amor Já cumpriu-se a profecia, já nasceu o Salvador! Céus e terra, na alegria, cantam hoje um só louvor No presépio pequenino e no pão celestial honra e glória ao Deus menino num louvor sempre eternal Vem do céu o esplendor de nova aurora uma luz, que é celeste, o mundo viu! No clarão redentor que brilha agora no deserto a esperança então floriu
  • 21. Tudo é pobre na gruta e tão singelo, Mas transborda de paz como um jardim! E Natal é mistério assim tão belo, pois quis Deus ser também pequeno assim! Vindo a nós, entre pobres, na alegria o Senhor sempre é luz para as nações E se, humilde, em Belém nasceu um dia hoje vem renascer nos corações 0079- Glória Glória a Deus nas alturas. Glória! Glória, aleluia! Glória a Deus, Paz na Terra! Glória, Glória, aleluia! Glória! Glória nos céus! Paz na Terra entre os homens! (bis) Glória a Deus, Glória ao Pai! Glória a Deus Criador que, no Filho, tornou-se o Senhor Deus da Vida! Glória a Deus, Glória ao Filho! Glória a Deus nosso irmão! Nos remiu do pecado, nos abriu novo Reino! Glória ao Espírito Santo, Deus que nos purifica! Glória a Deus que nos une a caminho do Pai. Glória a Deus Uno e Santo: Pai, Espírito e Filho! Glória a Deus, Uno e Trino! Glória ao Deus Comunhão! 0080 - Glória Glória a Deus nos altos Céus! Paz na Terra a seus amados! A Vós louvam, Rei Celeste, os que foram libertados. Glória a Deus, lá nos Céus e Paz aos seus, amém! Deus e Pai, nós vos louvamos, adoramos, bendizemos; damos glória ao vosso nome, vossos dons agradecemos. Senhor nosso, Jesus Cristo, Unigênito do Pai, Vós de Deus Cordeiro Santo, nossas culpas perdoai! Vós, que estais junto do Pai, Como nosso Intercessor, acolhei nossos pedidos, atendei nosso clamor! Vós somente sois o Santo, o Altíssimo, o Senhor, com o Espírito divino, de Deus Pai no esplendor! 0081- Eu canto alegria, Senhor! Eu canto alegria, Senhor, de ser perdoado no amor. (bis) Senhor, tende piedade de nós! Senhor, tende piedade de nós! Cristo, tende piedade de nós! Cristo, tende piedade de nós! Senhor, tende piedade de nós! Senhor, tende piedade de nós! Eu canto alegria, Senhor, de ser perdoado no amor. (bis)
  • 22. 0082- Haja Paz Haja paz na Terra, a começar em mim. Haja paz na Terra, a começar em mim. Irmãos, nós todos, somos filhos do mesmo Deus. Juntos, pois, caminhemos na paz que vem do céu. A começar em mim, prometo ao meu Senhor, que cada passo que eu der e seja aonde for, a cada momento estarei vivendo em plena paz e amor! Haja paz na Terra, a começar em mim! A começar em mim. 0083- Hino a São Judas Tadeu São Judas Tadeu intercede por nós ao Pai, nosso Deus, para ouvir nossa voz, que hoje elevamos, bem alto a cantar: Glória a Deus e a Jesus neste altar. que hoje elevamos, bem alto a cantar: Glória a Deus e a Jesus neste altar. Oh, São Judas Tadeu, ajudai que cheguemos a Deus. Oh, São Judas Tadeu ajudai que cheguemos a Deus. Às crianças fazei sempre, sempre, inocentes; aos velhos, dai a luz prá viver santamente. Que a nossa mocidade veja em Cristo a Verdade, a todos dai Senhor, Paz e Amor. Que a nossa mocidade veja em Cristo a Verdade, a todos dai Senhor, Paz e Amor. 0084- Hino de louvor Glória a Deus nas alturas, é o canto das criaturas! Rios e matas se alegram, teus pobres por Ti esperam. Paz para o povo sofrido: é o grito do oprimido. A terra,mal repartida,clama por tua justiça! Glória! Glória! Glória te damos Senhor! Glória! Glória! Venha o teu Reino de Amor! Glória a Jesus, nosso guia, Filho da Virgem Maria. Veio por meio dos pobres, pra carregar nossas dores! Filho do Altíssimo Deus, por nós na Cruz padeceu. Venceu a morte e a dor pra nos dar força e valor. Glória ao Espírito Santo, que nos consola no pranto; que orienta a Igreja, pra que do pobre ela seja; que deu coragem a Pedro e aos santos, seus companheiros; que hoje junta esse povo a buscar um mundo novo! 0085- Hino de louvor Hoje é tempo de louvar a Deus! Em nós, agora, habita o seu Espírito. Então, é só cantar e a Cristo exaltar e sua Glória encherá este lugar. Vem louvar, vem louvar! Vem louvar, vem louvar!
  • 23. No meio dos louvores Deus habita: é seu prazer cumprir o que nos diz. Então, é só cantar e a Cristo exaltar e sua Glória encherá este lugar. Vem louvar, vem louvar! Glória a Deus, Glória a Deus! Vem louvar, vem louvar! Glória a Deus, Glória a Deus! Vem louvar! 0086- Tão Sublime (a benção do Santíssimo) Tão sublime Sacramento vamos todos adorar, pois, um Novo Testamento, vem o Antigo suplantar! Seja a fé nosso argumento se o sentido nos faltar. Ao eterno Pai cantemos e a Jesus, o Salvador; igual honra tributemos ao Espírito de Amor. Nossos hinos cantaremos, chegue aos céus nosso louvor. Amém. 0087- Canto da Transladação do Santíssimo Canta, Igreja, o Rei do mundo, que se esconde sob os véus; canta o sangue tão fecundo, derramado pelos seus, e o mistério tão profundo, de uma Virgem, Mãe de Deus. Um menino nos foi dado, veio aos servos o Senhor. Foi na Terra semeado o seu Verbo Salvador. Ao partir, nos foi deixado Pão da Vida, Pão do Amor. Celebrando a despedida, com os doze ele ceou. Toda a Páscoa foi cumprida, novo rito inaugurou. E seu corpo, pão da vida, aos irmãos ele entregou. Cristo, o Verbo Onipotente, deu-nos nova refeição; fez-se carne realmente o que deixa de ser pão. Eis que o vinho é sangue ardente: vence a fé, gosto e visão. 0088- Ida Quem é que vai? Quem é que vai? Quem é que vai nesta barca de Jesus, quem é que vai? Tem muita gente, esperando por você. A caminhar, esperando por você. Todos cantando, esperando você. Juntos com Jesus, esperando por você. E tem lugar, esperando por você. Para sentar, esperando por você. A barca está, esperando por você. Para partir, esperando por você. Jesus está, esperando por você. Com um sorriso, esperando por você. A caminhar, esperando por você. Com a multidão, esperando por você. A sua mão, esperando por você. A acenar, esperando por você. Chamando vem, esperando por você. De coração, esperando por você. 0089- Glória Glória a Deus lá nos céus! Todos os anjos cantam sua bondade. (bondade) "E entre nós paz e bem!" Pedem os homens de boa vontade.
  • 24. Glória ao Pai Eterno, Criador de tudo! É a glória do Senhor viveremos sem temor, não como escravos, mas filhos livres! Glória a Deus, o Filho, Salvador do homem! É a glória do Senhor vivermos no amor, irmãos de todos, todos irmãos. Glória a Deus, o Santo, Santificador! É a glória do Senhor vivermos o louvor da unidade que gera a vida. 0090- Pelos campos Pelos campos caminham, José e Maria com um Deus escondido, ninguém sabia. Pelos campos de pedra e sonhando o Amor, porque agora lhes vinham o sono da flor Olham as flores do campo que pôs no olhar, de quem espera o encontro, do que vai chegar. Quando vêem as flores, lhes chega o sabor no luar dos amores, num parto sem dor. Pelos campos caminham José e Maria, à procura de abrigo que a noite é fria. Pelos campos caminham José e Maria, com um Deus escondido, ninguém sabia. Uma estrela brilhante no céu de alegria, guia os caminhantes José e Maria. Por caminhos cansados que à gruta vão dar, vão os dois namorados, estão quase a chegar. E uma pomba tão branca voa a subir, pois a noite avança, por onde há de vir. Já a gruta está perto, já daqui se vê, para vós o Menino, Maria e José. Pelos campos caminham José e Maria, com um Deus escondido ninguém sabia. Pelos campos caminham José e Maria, com um Deus escondido ninguém sabia. 0091 – Deus é hoje nosso irmão No presépio pequenino, Deus é hoje nosso irmão E nos dá Seu corpo e sangue, nessa santa comunhão Para os homens que erravam nas trevas lá no céu resplandece uma luz Hoje Deus visitou nossa terra e nos deu o seu Filho Jesus D’uma flor germinada na terra, fecundada por sopro de Deus Hoje um novo começo desponta e se abraçam a terra e os céus Boas novas de grande alegria mensageiros do céu vem cantar E aos pastores um anjo anuncia: “ Deus nasceu em Belém de Judá” Para nós nasceu hoje um menino do seu povo Ele é Salvador Glória a Deus no mais alto dos céus paz aos homens aos quais tanto amou Para os pobre e fracos da terra em Belém nasceu hoje um irmão: Ele humilha os soberbos e fortes e se faz dos pequenos pão Poderosos e grandes da terra nem souberam da grande alegria Mas pastores e pobres vieram adorar ao Senhor com Maria Hoje o mundo é de novo criado e a glória se espalha na terra Como irmãos, homens todos uni-vos, destruí vossas armas de guerra Como irmãos, homens todos, unidos, reparti vossos bens justamente! Daí as mãos, construí mundo novo, porque Deus visitou sua gente! 0092- Ladainha de N. Senhora
  • 25. Senhor que nascestes da Virgem. Tende piedade de nós! Ó Cristo, Filho de Maria, tende piedade de nós! Senhor, Senhor, piedade de nós! Virgem do SIM à Palavra, Rogai por nós! Virgem do risco ao amor, rogai por nós! Virgem de toda a alegria rogai por nós! Rogai, por nós, ò Maria rogai por nós! Virgem das altas montanhas, Virgem do entusiasmo, Virgem do irmão caminheiro. Virgem dos desamparados, Virgem de todos os lares, Virgem da paz para o mundo. Virgem das mãos que se doa, Virgem do amor tão fecundo, Virgem do amor consagrado. Virgem do amor verdadeiro Virgem Rainha da Igreja, Virgem do amém, do aleluia, 0093- Ladainha de todos os Santos Senhor, tende piedade de nós. Jesus Cristo, tende piedade de nós Senhor, tende piedade de nós Ó Santa Mãe de Deus, c’o esposo São José, São Pedro e São Paulo, São João e Santo André. Rogai por nós! Rogai por nós! Rogai por nós! Rogai por nós! Aos anjos lá do céus, pedimos todo dia. Também a São Miguel e Inácio de Antioquia Ó Santos João Batista, Gregório e Agostinho, também Santo Atanásio São Bento e São Martinho. Lembrai-nos São Francisco, e dai-nos vosso auxílio. Lembrai-nos São Domingos, lembrai-nos São Basílio. Estêvão e Lourenço, sinais de muita fé, ó Santo Cura D’Ars e Francisco Xavier. Catarina de Sena, Santa Felicidade, Maria Madalena, com amor e com bondade. De nossa Diocese, o Espírito Santo é o Protetor, São Judas e São Dimas, Senhora de Fátima com fervor. Por nós, todos os Santos, perpétua e Inês, pedi a Deus dos céus, que chegue a nossa vez. Senhor, sede nossa proteção, ouvi-nos Senhor! Para que nos livreis de todo mal... Para que nos livreis de algum pecado... Para que nos livreis da morte eterna Vos pedimos por vossa encarnação Pela morte e por sua ressurreição Pelo Espírito Santo de Amor... Apesar de nós sermos Pecadores... Conduzi e protegei a vossa Igreja... Conservai o Santo Padre como guia Conservai nosso bispo, nosso clero... Concedei nossa paz e união... Conservai-nos em nossa pastoral... E pedimos a benção para o povo... Renovai nos em nosso batismo.
  • 26. Ó Jesus, sois o Filho do Deus Vivo. Jesus Cristo ouvi - nos, Jesus Cristo atendei-nos. Jesus Cristo ouvi - nos, Jesus Cristo atendei-nos.
  • 27. 0094- Liberdade Liberdade vem e canta e saúda este novo sol que vem. Canta com alegria o escondido amor que no peito tem Mira o céu azul, espaço aberto pra te acolher. Mira o céu azul, espaço aberto pra te acolher. Liberdade vem e pisa/ este firme chão e verde ramagem. Canta louvando as flores que ao bailar do vento fazem sua mensagem . Mira essas flores, abraço aberto pra te acolher. Mira essas flores, abraço aberto pra te acolher. 0095- Louvado seja Louvado seja o meu Senhor, louvado seja o meu Senhor, louvado seja o meu Senhor, louvado seja o meu Senhor, Por todas as suas criaturas, pelo sol e pela lua. Pelas estrelas do firmamento, pela água e pelo fogo. Por aqueles que agora são felizes por aqueles que agora choram. Por aqueles que agora nascem, por aqueles que agora morrem. O que dá sentido à vida é amar-Te e louvar-Te. Para que a nossa vida seja sempre uma canção Amém, Senhor. Amém, Senhor. Amém. 0096- Luz Divina Luz que me ilumina o caminho e e ajuda a seguir. Sol que brilha a noite, a qualquer hora me fazendo sorrir. Claridade, fonte de amor, que me acalma e seduz Essa luz só pode ser Jesus Essa luz Raio duradouro que orienta o navegante perdido. Força dos humildes, dos aflitos, paz dos arrependidos. Brilho das estrelas do universo, seu olhar me conduz! Sigo em paz no caminho da vida porque. O caminho, a verdade e a vida é você. Por isso eu te sigo, Jesus meu amigo. Quero caminhar do seu lado e segurar sua mão. Mão que me abençoa e me perdoa e afaga o meu coração. Estrela que nos guia, luz divina, seu amor nos conduz 97- Maria Quando o Amor quis na terra reinar a Sua Palavra quis ao mundo anunciar. A sua Celeste Harmonia ansiava entre nós, ressoar. Pra realizar este Plano, o Senhor quis encontrar um silêncio de amor A luz, nesta sombra brilhou e a Harmonia, no silêncio ecoou. Quem é esta sombra tão bela se perde no sol resplandece mais.
  • 28. E este silêncio altíssimo de amor. Maria, és Tu. De ti queremos, um eterno cantar imenso Céu, que contêm o Amor / Tu és a mãe e por Ti veio entre nós, o Senhor o Senhor 0098- Maria de minha infância Eu era pequeno, nem me lembro só lembro que a noite, ao pé da cama, juntava as mãozinhas e rezava apressado. Mas rezava como alguém que ama. Nas ave-maria que eu rezava, eu sempre engolia umas palavras e muito cansado acabava dormindo. Mas dormia como alguém que amava Ave Maria, mãe de Jesus, o tempo passa, não volta mais. Tenho saudade daquele tempo que eu te chamava de minha mãe. Ave Maria, mãe de Jesus Ave Maria, mãe de Jesus Depois fui crescendo, eu me lembro e fui esquecendo nossa amizade. Chegava lá em casa chateado e cansado de rezar não tinha nem vontade. Nas ave-maria que hoje eu rezo esqueço as palavras, e adormeço. E embora cansado, sem rezar como eu devo eu de Ti, Maria, não me esqueço. 0099- Maria de Nazaré Maria de Nazaré, Maria me cativou; Fez mais forte a minha fé, e por filho me adotou. As vezes eu paro e fico a pensar e sem perceber me vejo a rezar, o meu coração se põe a cantar, pra Virgem de Nazaré Menina que Deus amou e escolheu pra mãe de Jesus, o Filho de Deus. Maria que o povo inteiro elegeu Senhora e Mãe do céu. Ave Maria! Ave Maria! Ave Maria! Mãe de Jesus! Maria que eu quero bem, Maria do puro amor. Igual a você ninguém, Mãe pura do meu Senhor. Em cada mulher que a terra criou, um traço de Deus Maria deixou, um sonho de mãe Maria plantou pro mundo encontrar a paz. Maria que fez o Cristo falar, Maria que fez Jesus caminhar, Maria que só viveu pra seu Deus, Maria do povo meu. 0100 - Maria, exemplo de amor. Que honra é para mim, chamar de minha Mãe, a Mãe de meu Deus,do meu Salvador. Ensina-me, ó mãe, a caminhar na luz, seguindo os passos de Jesus. Aquele que tudo criou, te escolheu, você não vacilou. Trouxe ao mundo o autor da vida, de Ti nasceu Jesus. Ensina-me a dizer o sim e aceitar os planos do Senhor. Ó Mãe Querida és para mim, exemplo de Amor. (Amor, Amor) 0101- Maria, Maria Maria, Maria, é um dom, uma certa magia, uma força que nos alerta. Uma mulher que merece viver e amar, como outra qualquer do planeta. Maria, Maria é um som é o suor é a dose mais forte e lenta de uma gente que ri, quando deve chorar e não vive apenas agüenta.
  • 29. Mas é preciso ter força, é preciso ter raça, é preciso ter gana, sempre Quem traz no corpo a marca, Maria, Maria, mistura a dor e a alegria. Mas é preciso ter manha, é preciso ter graça é preciso ter graça é preciso ter sonho, sempre. Quem traz na pele essa marca possui a estranha mania de ter fé na vida. 0102- Me chamaste Me chamaste para caminhar na vida contigo. Decidi para sempre seguir-Te, não voltar atrás. Me puseste uma brasa no peito e uma flecha na alma. É difícil agora viver sem lembrar-me de Ti. Te amarei, Senhor! Te amarei, Senhor! Eu só encontro a paz e a alegria bem perto de Ti. Te amarei, Senhor! Te amarei, Senhor! Eu só encontro a paz e a alegria bem perto de Ti. Eu pensei muitas vezes calar e não dar nem resposta. Eu pensei na fuga esconder-me, ir longe de Ti. Mas tua força venceu e afinal eu fiquei seduzido. É difícil agora viver sem saudade de Ti. Oh, Jesus, não me deixes jamais caminhar solitário, pois conheces a minha fraqueza e o meu coração. Ensinai-me a viver essa vida na Tua Presença, no amor dos irmãos, na alegria, na paz e na união. 0103 - No banquete de Tua casa Mesa pronta, toalha limpa, flores, luzes e canções Nos olhares um sorriso, muita paz nos corações É a ceia partilhada nesta casa de irmãos Páscoa sempre renovada, recriando a comunhão És Senhor, o Deus da vida, és a festa, és a dança No banquete de tua casa somos povo da aliança No banquete de tua casa somos povo da aliança Somos povo em travessia, no deserto a caminhar Revestidos de esperança, contra o mal vamos lutar Na montanha contemplamos na sua glória e esplendor Jesus Cristo nosso guia, companheiro sofredor Procurando uma fonte, já cansados de andar Assentados junto ao poço, aqui vimos te encontrar Água viva te pedimos, faz brotar no coração Renascidos e libertos partiremos em missão Tua casa é abrigo desse povo sofredor Ao partir o pão, se abrem, nossos olhos ó Senhor! Apressemos pois o dia em que os pobres acharão Alimento e moradia, a saúde e educação Quem partilha esta ceia, solidário vai firmar O direito de ser gente, de Ter casa onde morar Não nos deixe indiferentes, à injustiça, à exploração É Jesus quem defendemos, no mais pobre nosso irmão
  • 30. 0104- Mestre Mestre, bom é estarmos aqui, reunidos bem perto de ti, no silêncio e na paz. Mestre, reunidos no amor, nós viemos ao Monte Tabor para em ti repousar. E nós cantaremos a mesma canção, unidos no mesmo coração. E nós cantaremos a mesma canção, unidos no mesmo coração. Mestre, ao sairmos daqui, nós iremos teus passos seguir, com sementes nas mãos. Mestre, nós queremos plantar, o teu Reino em todo lugar e crescer como irmãos 0105- Minha vida tem sentido Minha vida tem sentido cada vez que venho aqui e te faço o meu pedido de não me esquecer de ti Meu amor é como este pão que era trigo que alguém plantou depois colheu e depois tornou-se salvação e deu mais vida e alimentou o povo meu Eu te ofereço vinho e pão Eu te ofereço o meu amor. Eu te ofereço vinho e pão Eu te ofereço o meu amor. Meu amor é como este vinho que era fruto, que alguém plantou depois colheu e depois encheu-se de carinho e deu mais vida, e saciou o povo meu. 0106- Momento Novo Deus chama a gente pra um momento novo e caminhar junto com seu povo É hora de transformar o que não dá mais, sozinho, isolado, ninguém é capaz. Por isso vem, entra na roda com a gente, também você é muito importante, vem! Por isso vem, entra na roda com a gente, também você é muito importante, vem! Não é possível crer que tudo é fácil há muita força que produz a morte gerando dor, tristeza e desolação é necessário unir o cordão. A força que hoje faz brotar a vida atua em nós pela Sua Graça, é Deus quem nos convida pra trabalhar, o amor repartir e as forças juntar. 0107- Nasceu-nos hoje Nasceu-nos hoje um menino e um filho nos foi doado. Grande é este pequenino, Rei da Paz será chamado. Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia Aleluia, aleluia, aleluia Cantai, cantai ao Senhor, um canto novo um louvor por maravilhas tão grandes, um canto novo um louvor Por tal vitória e poder, um canto novo um louvor Por um amor tão fiel, um canto novo um louvor A Salvação resplendeu, um canto novo um louvor Justiça apareceu, um canto novo um louvor Toda a Terra contemplou, um canto novo um louvor Com alegria aplaudi, um canto novo um louvor Clarins, violões tocai, um canto novo um louvor
  • 31. Ao rei, Senhor aclamai, um. canto novo um louvor Cante o mar, o universo, um canto novo um louvor Na presença do Senhor, um canto novo um louvor. 0108 – Chegou a hora Chegou a hora de apertar a sua mão Jesus nos disse que somos todos irmãos A paz de Cristo, a paz de Cristo, Jesus nos disse que somos todos irmãos 0109- Nome dulcíssimo Nome dulcíssimo, nome do amor. Tu és refúgio, do pecador Entre coros angélicos, bela harmonia, Ave Maria! Ave Maria! Ave Estrela do Mar, Santa Mãe de Deus. Sempre virgem, feliz porta no Céu. Anses de Lágrimas, ponho a teus pés. Oh! Rosa Mística, rogai por nós Ave Estrela do Mar, Santa Mãe de Deus. Sempre Virgem, feliz porta no Céu. 0110- Nos caminhos deste mundo Nos caminhos deste mundo onde andei, a tristeza me cortou o coração: ao ver homem contra homem, ao ver vida contra vida, desespero e solidão, violência sem medida... Que poderei ao Senhor apresentar, além da oferta do vinho e do pão? Em procissão me achego ao seu altar, e te ofereço por inteiro o coração! Encontro plenifica o meu viver e descubro qual a minha vocação: sem reserva e sem temor, trabalhar pela verdade, espalhando pelo chão/ as sementes da bondade O meu nome está escrito no teu livro: os meus dias e as minhas Intenções. Quando ando e quando paro, pelas costas, pela frente, quando canto e quando falo Teu olhar está presente. 0111- O amor de Deus O amor de Deus se mostra em pleno sol, floresce o jardim, dá vida ao beija-flor. Brinca no mar e as nuvens põe no céu. Pra me dizer: “Grande é teu valor. Grande é teu valor.“ O amor de Deus vem antes e depois e vai alem dos sonhos que eu aprendi não se desfaz nem mesmo ao dizer “não” é a luz que diz: “Filho, é por aqui. Filho, é por aqui.” O amor de Deus renova os corações fala de paz, reparte sempre o pão, fere o temor, enfrenta os desafios, me faz dizer: “Tudo bem irmão. Tudo bem irmão.” O amor de Deus compõe e recompõe, estende a mão, jamais exclui alguém; frente ao rancor, se firma no perdão, fazendo ver: “Eu te quero bem. Eu te quero bem. “
  • 32. 0112 – Canto de Paz Com alegria nos damos as mãos para desejarmos a paz dos cristãos Branquinhos, pretinhos e amarelinhos Nós somos amigos, nós somos irmãos, nós somos amigos, nós somos irmãos 0113- O Evangelho é Deus falando O Evangelho é Deus falando, é Deus que vem e diz. E diz onde e como e quando, a gente será feliz! Aleluia! Aleluia! A Palavra do Senhor faz vibrar nossa alegria, faz crescer o nosso amor! Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! Foi Mateus, Marcos, foi João, Lucas foi, quem escreveu. Mas diz Ele ao coração: “Quem fala hoje sou Eu! 0114-O homem Um certo dia um Homem esteve aqui. Tinha o olhar mais belo que já existiu. Tinha no cantar uma oração no falar a mais linda canção que já se ouviu. Sua voz falava só de amor, todo gesto seu era de amor e paz, Ele trazia no coração. Ele pelo mundo caminhou subiu as montanhas e falou do amor maior. Fez a luz brilhar na escuridão, o sol nascer em cada coração que compreendeu. Que além da vida que se tem existe uma outra vida além e assim, um Renascer, morrer não é o fim. Tudo que aqui ele deixou não passou e vai sempre existir. Flores nos lugares que pisou e um caminho certo pra seguir. Eu sei que um dia Ele vai voltar e nos mesmos campos procurar o que plantou. E colher o que bom nasceu, chorar pela semente que morreu sem florescer. Mas ainda é tempo de plantar, deixar dentro de si a flor do bem crescer pra lhe entregar, quando ele aqui chegar. 0115 - O meu reino O meu reino tem muito a dizer: não se faz como quem procurou aumentar os celeiros bem mais e sorriu. Insensato, que valem tais bens, se hoje mesmo terás o teu fim? Que tesouros terás pra levar além? Sim, Senhor, nossas mãos vão plantar o Teu reino. O Teu pão vai nos dar Teu vigor, tua paz. O meu reino se faz bem assim: se uma ceia quiseres propor, não convides amigos, irmãos e outros mais. Sai a rua a procura de quem não puder recompensa te dar, que o teu gesto lembrado será por Deus. O meu reino quem vai compreender? não se perde na pressa que tem sacerdote e levita que vão se cuidar. Mas se mostra em quem não se contem, se aproxima e procura o melhor para o irmão agredido que viu no chão. O meu reino não pode aceitar quem se julga maior que os demais por cumprir os preceitos da lei, um a um. A humildade de quem vai alem e se empenha e procura o perdão e o terreno onde pode brotar a paz. 0116 - O povo da promessa Ó Pai somos vosso povo eleito que Cristo veio reunir.
  • 33. Prá ser Igreja peregrina, aleluia O Senhor nos enviou, aleluia! Prá anunciar o Evangelho, aleluia O Senhor nos enviou, aleluia! Prá servir na unidade, aleluia! O Senhor nos enviou, aleluia! Prá celebrar a sua glória, aleluia! O Senhor nos enviou, aleluia! 0117 - O povo de Deus O Povo de Deus no deserto andava mas a sua frente alguém caminhava. O Povo de Deus era rico de nada só tinha esperança e o pó da estrada. Também sou teu povo, Senhor, e estou nesta estrada somente a tua graça me basta e mais nada: O Povo de Deus também vacilava às vezes custava a crer o amor. O Povo de Deus chorando rezava pedia perdão e recomeçava. Também sou teu povo, Senhor e estou nesta estrada perdoa se às vezes não creio em mais nada: O Povo de Deus também teve fome e Tu lhe mandaste o pão lá do céu. O Povo de Deus cantando deu graças provou teu amor, amor que não passa. Também sou teu povo, Senhor e estou nesta estrada. Tu és alimento na longa jornada. O Povo de Deus ao longe avistou a terra querida que o amor preparou. O Povo de Deus corria e cantava e nos seus louvores seu poder proclamava. Também sou teu povo, Senhor e estou nesta estrada, cada dia mais perto da terra esperada. 0118 - O tesouro Tu me deste um tesouro, brilha mais do que o sol, não ninguém mais o levará porque esta dentro de mim. Nada era o que eu tinha, como um nada passou. Tudo, tudo deixei porque/ não me falava de Ti. Tu és meu grande tesouro. Tu que me deste o amor. Vivo e sempre reencontro o amor a alegria de me libertar. Já em ti me perdi, minha vida te dei. Mas eu sei que a encontrarei, lá onde está meu Tesouro, lá onde está meu 0119 - Obrigado Senhor, porque és meu amigo Obrigado, Senhor, porque és meu amigo porque sempre comigo,Tu estás a falar: No perfume das flores, na harmonia das cores e no mar que murmura, o teu nome a rezar Escondido Tu estás no verde das florestas, nas aves em festa e no sol a brilhar. Na sombra que abriga, na brisa amiga, na fonte que corre ligeira a cantar. Te agradeço ainda, porque na alegria ou na dor cada dia, posso te encontrar. Quando a dor me consome, murmuro o teu nome e mesmo sofrendo, eu posso cantar: Obrigado, Senhor!
  • 34. 0120 - Ofertamos ao Senhor Ofertamos ao Senhor um mundo novo, o futuro do seu povo. Ofertamos o homem que chora, não vendo a aurora do mundo em mudança e ofertamos a esperança dos que descobrem a ressurreição Ofertamos o homem que espera por nova era de vida em plenitude e que não tem quem ajude a trocar morte por ressurreição 0121 - Ofertas singelas Ofertas singelas, pão e vinho sobre a mesa colocamos; sinal do trabalho que fizemos e aqui depositamos. É teu também nosso coração: //aceita, Senhor, a nossa oferta que será depois na certa o teu próprio ser.// Recebe, Senhor, da natureza, todo o fruto que colhemos. Recebe o louvor de nossas obras e o progresso que fizemos. Sabemos que tudo tem valor depois que a Terra visitaste. Embora tivéssemos pecado, foi bem mais o que pagastes. 0122 - Ofertório A palavra de Deus, é Meu Deus, que me ama e a amar, me convida. E me fala das coisas dos céus, e me diz o sentido da vida. Neste altar vamos pôr, vamos pôr pão e vinho, para dar graças mil, graças mil ao Senhor. Que nos fala com tanto carinho e tudo faz para nós, por amor! Deus chamou-nos do escuro e do nada, para ver, para ouvir, para amar. Descobri na Palavra Sagrada, todo amor que só Deus pode dar. Desde o dia em que fui batizado, Deus me deu vocação bem feliz: para ouvi-Lo é que eu fui chamado, pra viver como Deus quer e diz. Neste altar vamos pôr, vamos pôr pão e vinho, para dar graças mil, graças mil ao Senhor. Que nos fala com tanto carinho e tudo faz para nós, por amor! Neste altar vai ficar-nos presente, quem falou das estradas do bem. Deus não mostra o caminho somente, passo a passo conosco Ele vem. 0123 – Quero e preciso Eu sei, Teu Espírito está agindo passo a passo sei que encontrarei, Tua vontade em minha vida. Rompe dentro em mim, um amor inovador Sinto o gosto em tua palavra. Amor a Hóstia Consagrada Eu quero te louvar, com todo o meu ser de toda minha alma, mesmo sem entender Preciso te seguir, teu amor vou perseguir. Eu abro todo o meu ser Tua vontade tem que acontecer. Tua vontade tem que acontecer . Eu sei, não pertenço a este mundo tenho fome e sede do Senhor, Alimento que vem do lugar que eu sou treme o meu ser e teme o meu viver Eu sei Tú és o meu Senhor. Da minha vida és o Salvador
  • 35. 0124 - Oração da Família Que nenhuma família comece em qualquer de repente! Que nenhuma família termine por falta de amor! Que o casal seja um para o outro de corpo e da mente E que nada no mundo separe um casal sonhador Que nenhuma família se abrigue debaixo da ponte Que ninguém interfira no lar e na vida dos dois. Que nenhum os obrigue a viver sem nenhum horizonte. Que eles vivam do ontem, no hoje em função de um depois. Que a família comece e termine sabendo onde vai. E que o homem carregue nos ombros a graça de um pai. Que a mulher seja um céu de ternura, aconchego e calor. E que os filhos conheçam a força que brota do amor. Abençoa Senhor as famílias, Amém. Abençoa, Senhor, a minha também! Que marido e mulher tenham força de amar sem medida. Que ninguém vá dormir sem pedir ou sem dar seu perdão. Que as crianças aprendam no colo o sentido da vida. Que a família celebre a partilha do abraço e do pão. Que marido e mulher não se traiam e nem traiam seus filhos. Que o ciúme não mate a certeza do amor entre os dois. Que no seu firmamento a estrela que tem maior brilho. Seja firme esperança de um céu aqui mesmo e depois. 0125 - Oração de S. Francisco Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz. Onde houver ódio que eu leve o amor, onde houver ofensa, que eu leve o perdão. Onde houver discórdia, que eu leve a união, onde houver dúvida, que eu leve a fé. Onde houver erro, que eu leve a verdade. Onde houver desespero, que eu leve a esperança. Onde houver tristeza, que eu leve alegria. Onde houver trevas, que eu leve a luz. Ó mestre, fazei que eu procure mais, consolar que ser consolado. compreender, que ser compreendido. Amar, que ser amado. Pois é dando, que se recebe, é perdoando que se é perdoado e é morrendo que se vive, para a vida eterna... 0126- Amor segundo São Paulo Mesmo que eu falasse com homens e os anjos mesmo que eu fosse bronze ou címbalo que tine se não há o amor, não importa ser profeta transportar montanhas nem saber toda ciência... Pois no amor, tudo se crê tudo se espera, sofre no amor tudo se crê tudo se espera, sofre, tudo perdoa, por amor. Deus agora vejo, tão perto e tão longe, mas um dia eu verei seu rosto face a face
  • 36. hoje permanecem a fé a esperança e o amor a esperança e a fé perecem com a morte mas na vida de amor... A criança vive, de sonhos e ilusões mas o homem tornará o sonho realidade quando a vida nova das sobras despertar eu serei um novo ser, no berço da felicidade, pois no amor... O amor é justo, paciente e bondoso não se irrita, não se ofende não é invejoso o amor não faz alegria na arrogância sempre é puro e sincero. Se edifica na verdade, pois no amor.. 0127 - Santo dos Anjos Santo, Santo, Santo, dizem todos os anjos! Santo, Santo, Santo,é o Senhor Jesus! Santo, Santo, Santo, é quem nos redime, porque meu Deus é Santo, e a Terra cheia de Sua Glória está! porque meu Deus é Santo, e a Terra cheia de Sua Glória está! Céus e Terra passarão mas Sua Palavra não passará! Céus e Terra passarão, mas Sua Palavra não passará, não, não, não, não passará! Não, não, não, não! Não, não passará! Hosana Jesus Cristo, o Filho de Maria, Bendito o que vem em nome do Senhor! Santo, Santo, Santo, é quem nos redime, porque meu Deus é Santo, e a Terra cheia de Sua Glória está! porque meu Deus é Santo, e a Terra cheia de Sua Glória está! 0128 - Pão da vida Vejam, eu andei pelas vilas, apontei as saídas, como o Pai me pediu. Portas, eu cheguei para abri-las: eu curei as feridas, como nunca se viu. Por onde formos também nós, que brilhe a sua Luz! Fala Senhor, na nossa voz, em nossa vida. Nosso caminho, então, conduz, queremos ser assim! Que o Pão da Vida nos revigore no nosso "SIM"! Vejam, fiz de novo a leitura, das raízes da vida, que meu Pai vê melhor! Luzes, acendi com brandura, para ovelha perdida, não medi meu suor. Vejam, procurei por aqueles, que ninguém procurava e falei de meu Pai. Pobres, a esperança que é deles, eu não quis ver escrava de um poder que retrai. Vejam, eu quebrei as algemas, levantei os caídos, do meu Pai fui as mãos. Laços, recusei os esquemas, eu não quero oprimidos, quero um povo de irmãos. Vejam, procurei ser bem claro: o meu Reino é diverso, não precisa de Rei! Tronos, outro jeito mais raro de juntar o disperso, o meu Pai tem por lei. 0129 - Pão do céu O pão do céu és Tu, Jesus, Via de amor, nos transformas em ti. Não, Tu não deixaste fria a terra: Tu permaneceste entre nós, nos alimentas de ti. És o pão da vida, inflamas com o teu amor toda a humanidade.
  • 37.
  • 38. Sim, trouxeste o céu sobre esta terra: Tu permaneceste entre nós e nos levas contigo A tua casa, onde estaremos junto a ti/ toda a eternidade. Não, a morte não pode nos causar medo: Tu permaneceste entre nós. E quem vive de Ti Vive para sempre. Deus entre nós, Deus para nós, Deus em meio a nós. 0130- Pão e Vinho, Pai poremos Pão e Vinho, Pai poremos, nesta mesa uma vez mais, e um pouco do que temos, pelo muito que nos dais. Vós nos dais Jesus, o Cristo. Mas o Cristo, o que nos faz. Vem morrer crucificado, para vir ressuscitado, e nos dar a sua paz. Vós nos dais o vosso Filho, para ser o nosso irmão, e pra termos de verdade, só amor, fraternidade,Ele deu-nos o perdão. Vosso Filho, Pai nos destes, para nosso Redentor pra livrar-nos do egoísmo. Ele sopra é simbolismo, e nos dá o Santo Amor. Vosso Filho, Pai fizestes, ser do mundo a salvação, mas Jesus, que nos quer tanto, pelo Espírito que é Santo, nos confiou sua missão. 0131 - Pão que não se reparte O pão que não se reparte, não mata a fome, deixa de ser pão. Vida se torna mais vida, quando é vivida na comunhão. Ô, ô, ô, ô, ô, Eu vivia fugindo de Cristo e não lhe dava o meu coração. Ô... Mas aqui os meus olhos se abriram quando repartiram comigo o pão! Na mesa do nosso Deus, há lugar prá todos, há vinho e pão. É o próprio Deus que se doa, liberta e perdoa, e envia em missão. A mesa da Eucaristia nos quer ensinar um mistério profundo: Corpo de Cristo é comida, seu Sangue é bebida pra vida do mundo. Na mesa o pão partilhado, é fonte de vida, de amor, comunhão. Sinal que a vida é serviço, real compromisso de libertação. São partes deste caminho, chamado e proposta, resposta e missão. Deus caminha com a gente, lançando a semente de ressurreição 0132 – Santo Deus menino Santo, santo, santo, Deus menino. O céu e a terra entoam um grande hino E as crianças querem te glorificar Em todo tempo o seu nome exaltar Hosana he, ê, ê, hosana há á á, entre nós está! Hosana he, ê, ê, hosana há á á, queremos Tua presença aclamar! 0133 - Paz do meu amor Você é isso uma beleza imensa,toda recompensa de um amor sem fim.
  • 39. Você é isso uma nuvem calma nocéu de minh'alma, é ternura em mim. Você é isso estrela matutina, luz que descortina um mundo encantador. Você é isso, parto de ternura, lágrima que é pura, paz do meu amor. 0134 – De coração Tão distante e tão próximo tão oculto e tão claro. Ele é o princípio de um plano de amor O próprio amor encerrado no altar Presença doce, incomparável Grande mistério, a salvação Humildemente vinho e pão É Jesus Cristo, Ele é o pão da vida É Jesus Cristo, alimento vivo em meio a nós Só entenderá seu amor quem o receber de coração 0135 - Pelas estradas da vida Pelas estradas da vida nunca sozinho estás. Contigo pelo caminho. Santa Maria vai. Ó, vem conosco, vem caminhar, Santa Maria, vem! Ó, vem conosco, vem caminhar, Santa Maria, vem! Se pelo mundo os homens, sem conhecer-se vão, não negues nunca a tua mão a quem te encontrar. Mesmo que digam os homens tu nada podes mudar, luta por um mundo novo de unidade e paz. Se parecer tua vida inútil caminhar, lembra que abres caminho. Outros te seguirão. 0136 - Pelo Batismo Pelo Batismo eu fui chamado a cooperar na Salvação. Deus quer de mim que livremente eu lhe responda SIM ou NÃO. A vocação da Igreja aqui na Terra é isto: continuar, continuar, no tempo a Salvação de Cristo. E nesta Igreja existe o leigo e há especiais consagrações. Mostra-me ó Deus pra qual me chamas, dentre as diversas vocações. 0137- Perdão, Senhor Perdão, Senhor, tantos erros cometi. Perdão, Senhor, tantas vezes me omiti. Perdão, Senhor, pelos males que causei, pelas coisas que falei, pelo irmão que eu julguei Piedade, Senhor! Tem piedade, Senhor! Meu pecado vem lavar com seu amor. Piedade, Senhor! Tem piedade, Senhor! E liberta minha alma para o amor. Perdão, Senhor, porque sou tão pecador. Perdão, Senhor, sou pequeno e sem valor.
  • 40. Mas mesmo assim Tu me amas, quero então, Te entregar meu coração, suplicar o Teu perdão. 0138 - Porque Deus é amor Você sabe por que o céu é azul sem confim? Você sabe por que o mar nunca há de secar? Você sabe por que o Sol há de sempre brilhar? Porque Deus é amor, porque Deus é amor! ô, ô, ô, ô Tudo aquilo que encontrarás nesta vida, você verá, só lhe diz uma coisa: que Deus tudo fez pra você! A beleza que existe na Terra, as montanhas, o vento e o mar, e o céu estrelado Ele fez, Ele fez pra você, ê ê ê ê . Se existe alegria em você, se existe a paz e o amor, tudo isso Ele deu. E por quê? Porque Deus é amor. E a dor que não pode faltar, se um dia, então, lhe chegar, você há de experimentar que, também, Deus a fez pra você. Que também, ela existe. E por quê? Porque Deus é amor! Nos amou com a dor e no Amor transformou toda dor. 0139 - Povo de Deus foi assim M: Povo de Deus foi assim, Deus cumpriu a palavra que diz: "Uma virgem irá conceber" e a visita de Deus me fez mãe! H: Mãe do Senhor, nossa Mãe, Nós queremos contigo aprender a humildade, confiança total e escutar o teu Filho que diz: T: Senta comigo, à minha mesa. Nutre a esperança, reúne os irmãos. Planta meu Reino, transforma a terra Mais que coragem, tens minha mão. M: Povo de Deus, foi assim: nemmontanha ou distância qualquer me impediu de servir e sorrir Visitei, com meu Deus, fui irmã! H: Mãe do Senhor, nossa Mãe, Nós queremos contigo aprender desapego, bondade, teu "sim" e acolher o Teu Filho que diz: M: Povo de Deus, foi assim: meu menino cresceu e entendeu que a vontade do Pai conta mais E a visita foi Deus quem nos fez!
  • 41. H: Mãe do Senhor, nossa Mãe, Nós queremos contigo aprender a justiça, a vontade do Pai, e entender o Teu Filho que diz: T: Senta comigo, à minha mesa. Nutre a esperança, reúne os irmãos. Planta meu Reino, transforma a terra Mais que coragem, tens minha mão. M: Povo de Deus, foi assim: da verdade jamais se afastou. Veio a morte e ficou nosso pão, visitou-nos e espera por nós! H: Mãe do Senhor, nossa Mãe, Nós queremos contigo aprender a verdade, a firmeza, o perdão e seguir o teu Filho que diz: 140- Prova de amor Prova de amor maior não há, que doar a vida pelo irmão! (bis) Eis que eu vos dou o meu novo mandamento: Amai-vos uns aos outros como eu vos tenho amado. Vós sereis os meus amigos se seguirdes meu preceito: Amai-vos uns aos outro... Como o pai sempre me ama, assim também eu vos amei. Amai-vos... Permanecei no meu amor e segui meu mandamento: Amai-vos... E chegando a minha Páscoa vos amei até o fim. Amai-vos... Nisto todos saberão que vós sois os meus discípulos: Amai-vos...
  • 42. 141- Quando Jesus passar Quando Jesus passar./ Quando Jesus passar./ ./ Quando Jesus passar,/ eu quero estar no meu lugar. 1. No meu telônio ou jogando a rede,/ Sob a figueira ou a caminhar,/ Buscando água pra minha sede,/ querendo ver meu Senhor passar. 2. No meu trabalho e na minha casa,/ No meu estudo e no meu lazer,/ No compromisso e no meu descanso./ no meu direito e no meu dever. 3. Nos meus projetos, olhando em frente,/ No meu sucesso e na decepção,/ No sofrimento que fere a gente,/ Sonhando o sonho de um mundo irmão. 4. Com meus amigos, com minha gente,/ Com que da vida já se cansou,/ A semear e a espalhar sementes/ na terra onde meu Deus andou. 142 – Sem coração Eu ando pelas ruas sem meu coração As luzes desta noite não me prendem mais Deixei-o no Sacrário após a comunhão E trago no meu peito a mais profunda paz Ó meu Jesus que posso mais buscar Depois de abandonar meu ser em tuas mãos? A tua luz eu quero irradiar de dentro do meu lar Ao lar dos meus irmãos Você não tenha medo de viver assim Trocando a vida inteira por um grande amor... Pois, tudo aqui na vida sempre tem um fim Só é perene a vida que vem do Senhor 143- Eu te dei Eu te dei a luz dos meus olhos para
  • 43. iluminar o seu caminhar e o meu viver. A tua manhã eu dei, o anoitecer. Te dei um jardim em flor, o nascer, o amor. Eu te dei, os meus mandamentos, os teus sentimentos, os teus pensamentos, te dei um irmão. te dei sonhos lindos, a verdade e a razão. E tu serás, a nova semente, o semeador. Me ajudarás, profetizar, todo homem da Terra, que vive de guerra e esqueceu o seu Deus Então terás, meu reino eterno. Conhecerás a nova vida e em meu coração, tu encontrarás a paz merecida. Só depende, de crer na verdade, saber perdoar, saber procurar, saber entender quem nunca viveu o amor, quem nunca sorriu, quem só lastimou, chorou. Quem nada plantou. 144- Retrato de Mulher Canto uma coisa linda/ Que em mim aconteceu: senti de perto/ carinho que eu nunca tive por ti. Maria tão jovem, Maria cheia de fé, Maria mulher em pé. (bis) Senti o meu ser/ Vibrar por ser mulher/ Eu vi que trago em mim,/ Os traços dessa mulher, Maria.
  • 44. 145-Reunidos em torno dos nossos pastores Reunidos em torno dos nossos pastores, Nós iremos a ti. Professando todos uma só fé, Nós Armados com a força que vem do Senhor, Nós iremos a ti. Sob o impulso do Espírito Santo, Nós iremos a ti. Igreja Santa, templo do Senhor; glória a ti, Igreja Santa, ó cidade de cristãos; que teus filhos hoje e sempre vivam todos como irmãos. Com nossas irmãs e irmãos nos claustros, Nós iremos a ti. Com nossos irmãos sofredores... Com os padres que sobem no altar Com os padres que partem em missão... De nossas fazendas e nossas cidades... De nossas montanhas e nossas baixadas... De nossas cabanas e pobres favelas... De nossas escolas e nossos trabalhos... Com nossos anseios e nossos desejos... Com nossas angústias e nossas alegrias... Com nossa fraqueza e nossa bondade... Com nossas riqueza e nossa carência.... Curvados ao peso de nosso trabalho Curvados ao peso de nosso pecado Confiantes por sermos os filhos de Deus... Confiantes por sermos os membros de Cristo... 146 – Ensina-me Senhor Senhor a gente não sabe te agradecer. Ensina a gente a te dizer que amor das crianças é todo Teu Senhor aqui nós estamos para aprender
  • 45. Tua lição nós queremos saber decor A lição do Evangelho do Teu amor Senhor aceita a vontade de te servir Ensina a gente a retribuir com bondade e alegria o teu amor Senhor, se os grandes não derem pra nós exemplo Em nós eles vejam Senhor Teu templo Por nós cheguem a Ti e te encontrem Senhor 147- Sabes, Senhor Sabes, Senhor, o que temos é tão pouco pra dar. Mas este pouco nós queremos com os irmãos compartilhar. Queremos nesta hora, diante dos irmãos, comprometer a vida, buscando a união. Sabemos que é difícil os bens compartilhar; mas com a tua graça. Senhor queremos dar. Olhando teu exemplo, Senhor, vamos seguir fazendo o bem a todos, sem nada exigir. 148 - Santo, Senhor da luz Santo, santo, santo é o Senhor da luz. Santo, santo é o Senhor Jesus ( bis ) Numa canção sideral de uma hosana total A criação se extasia O céu e a terra também, entoam o seu grande amém Bendito é aquele que vem, aquele que vem, aquele que vem em nome da luz Bendito é aquele que vem, aquele que vem, aquele que vem em nome da paz Nosso Senhor Jesus
  • 46. 149- Salmo 145 Por melhor que seja alguém, chega o dia em que há de faltar. Só Deus Vivo a Palavra mantém e jamais Ele há de falhar. Quero cantar ao Senhor, sempre enquanto eu viver. Hei de provar seu amor, seu valor e seu poder. Nosso Deus põe-se ao lado, dos famintos e injustiçados, dos pobres e oprimidos, dos injustamente vencidos. Ele barra o caminho dos maus, que exploram sem compaixão. Mas dá força ao braço dos bons, que sustentam o peso do irmão. Esse é o nosso Deus, seu poder permanece sempre. Sua força é a força da gente, vamos todos louvar nosso Deus. 150- Salmo 22, O bom Pastor. Pelos prados e campinas verdejantes, eu vou/ É o Senhor que me leva a descansar./ Junto às fontes de águas puras, repousantes, eu vou./ Minhas forças o Senhor vai animar. Tu és, Senhor, o meu pastor/ Por isso nada em minha vida faltará (bis) Nos caminhos mais seguros junto d’Ele eu vou/ E pra sempre o seu Nome eu honrarei/ Se eu encontro mil abismos nos caminhos, eu vou/ Segurança sempre tenho em suas mãos. Ao banquete em sua casa, muito alegre eu vou/ Um lugar em sua mesa me preparou/ Ele unge minha fronte e me faz ser feliz/ E transborda minha taça em seu amor. Com alegria e esperança, caminhando eu vou/ Minha vida está sempre em suas mãos./ E na casa do Senhor, eu irei habitar/ E este canto para sempre irei cantar.
  • 47. 151- Salmo 31 Minha alma se esvai em tristeza. E meus anos se vão em gemidos./ enganado por meus opressores. Só em ti eu encontro abrigo. Atende, Senhor o clamor do meu coração, o meu Espírito entrego em suas mãos. Quanto angústia... meus olhos são tristes./ E me vejo qual vaso partido./ Mas tua face é a luz que procuro./ De tua vista eu não seja excluído.
  • 48. Atende, Senhor o clamor do meu coração, o meu Espírito entrego em suas mãos. Às ocultas me dizem blasfêmia. Por tua graça tão plena me salves./ Em correntes pesadas me ataram./ Vem depressa, Senhor, libertar-me. Tem piedade de mim, Senhor Santo./ Sê a casa que possa abrigar-me./ ao meu lado só tramam a morte, mas confio que vens libertar-me. 152- Salmo da Manhã Eu quero acordar a aurora,/ despertar, cantando, o coração, prá elevar ao céu meu canto,/ e ao Deus Santo fazer louvação: o amor que nós renova, é hoje prova da ressurreição! Se já cedo nos sacia/ Tua Palavra, ó Senhor, passaremos todo o dia/ a cantar o teu louvor,/ anunciando que a alegria/ é fruto da justiça e do amor! Como é bom cantar a glória/ de Quem fez céu, terra e mar,/ e dirige a nossa história,/ sem um dia nos faltar!.../ Seja o bem nossa vitória,/ possamos na verdade caminhar! Tua luz e tua graça/ nos envia lá dos céus,/ e o tempo que hoje passa/ será eterno para os teus! Tua vontade em nós se faça: é vida em tuas mãos, Senhor e Deus! 153- Salmo da Noite Senhor, cai a noite/ o dia declina,/ E eu, feito prece,/ Te elevo a minh'alma! / Ao longo do dia lancei a semente da paz, do teu reino,/ procurei ser irmão./ Carregando a esperança,/ fiz caminho ao amor/ e a dor dos pequenos,/ dos pobres, sofridos,/ Foi em mim o teu grito! Senhor, cai a noite: ó cuida dos teus!/ Em ti confiamos, pois Tu és nosso Deus! (bis) Senhor, não permitas/ que a luta me canse/ mas torna fecundo/ o
  • 49. suor do trabalho!/ Em Ti eu me abrigo,/ Rochedo e Amigo,/ Em paz, qual criança, no regaço da mãe.../ Teu amor me sustenta e me faz descansar;/ do mal me liberta,/ e dá-me tua benção,/ brilhe em mim tua Face! Senhor, cai a noite: ó cuida dos teus!/ Em ti confiamos, pois Tu és nosso Deus! Senhor, cai a noite, tua benção nos dás!/ Senhor, boa noite: dormimos em paz!
  • 50. 154- Salmo dos amigos Ah! Como é bom ter bons amigos, ó Senhor, Pois nos revelam tua bondade e teu amor! Feliz, me diz o seu olhar que está em casa o coração, e que eu posso me apoiar em sua mão! Amigo é raio de luar! Amigo é rio a fecundar! Sabe alegrar-se na alegria que nos vem. Conosco chora as nossas lágrimas também! Amigo é sombra e proteção! Amigo é luz na escuridão! Um bom amigo não tem preço é puro dom E presente que Tu fazes aos amigos teus, Senhor! Amigo, obrigado: és vinho de alegria aos passos meus! Contigo, a meu lado, feliz caminho cada dia para Deus. Ah! Como é belo ter amigos pra encontrar Pois neles pode a nossa alma confiar!... Na paz que dás sinto, Senhor, tua presença viva em nós, E no amigo reconheço a tua voz! Amigo é água é calor! Amigo é jóia de valor! Se o bem fazemos, ele apóia o agir, E o pecado nos ajuda a corrigir! Amigo é rima e canção! Amigo é festa ao coração! Co's meus amigos eu divido a minha dor. Multiplico as alegrias, me completo no amor. 155- Salmo responsorial Tua Palavra é luz aos olhos, força prá vida, alegria ao coração Os preceitos do Senhor são retos/ Alegria ao coração!/ o mandamento do Senhor é claro, é uma luz para os olhos!
  • 51. O temor do Senhor é puro./ As decisões do Senhor são justas./ São mais desejáveis do que o ouro/ mais doces que o mel dos favos. 156- Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! (bis) Diz o Senhor: “Eu chamei vocês de amigos, pois os segredos do meu Pai lhes revelei. Contei-lhes tudo que do meu Pai tenho ouvido! Contei-lhes tudo que do meu Pai tenho ouvido!
  • 52. 157- Santo, Santo é! Santo, Santo é! Santo, Santo é! Deus do universo, ó Senhor Javé! (bis) O céu e a terra o proclamam glorioso. Hosana, Hosana nas alturas. Bendito o que vem em nome do Senhor. Hosana, Hosana nas alturas. Hosana, Hosanas ao Rei. (Bis) 158- Igual Pastor (ofertório) Igual pastor, ovelhas separando: “Longe dos lobos, irão ficar”. Rebanho, então, ouvirá a voz do Rei: “Entrai no reino que vos preparei”. Tive fome e me destes de comer! Tive sede e me destes de beber! Quando nu, me cobriu o vosso manto: com bondade aliviaste meu sofrer! Peregrino eu fui e me acolheste! Fostes ver-me tão triste na prisão! E no leito de dor me consolastes! Me acolhestes, assim, em cada irmão! 159- Se Deus é por nós... Se Deus é por nós, então quem será contra nós? Deus amor tanto o mundo que deunos seu Filho para nos salvar E hoje eu tenho a certeza de um dia habitar o lar celestial!!! 160 – Eu sou feliz, tu és feliz Eu sou feliz, Tú és feliz Porque viemos com o Pai nos encontrar Para falar, para ouvir o que Ele tem a nos dizer Com Deus meu Pai, eu sou feliz Com meus irmãos, eu sou feliz O próprio Deus nos preparou
  • 53. A grande festa do encontro do amor E a todos que alimentar Com Jesus Cristo, o pão do céu Vamos rezar, vamos cantar O amor de Deus nos salvou e nos quer bem Ele nos fez todos irmãos Somos a família do Senhor 161- Senhor, vem dar-nos Senhor, vem dar-nos SABEDORIIA, que faz ter tudo como DEUS quis, e assim faremos da Eucaristia, o grande meio de ser feliz. Dá-nos, Senhor, esses Dons, essa luz, e nós veremos que pão é JESUS. Dá-nos, Senhor o ENTENDIMENTO, que tudo ajuda a compreender, para nós vermos como é alimento, o pão e o vinho que DEUS quer ser. Senhor vem dar-nos divina CIÊNCIA, que como eterno, faz ver sem véus, tu vês por fora, Deus Vê a essência, pensas que é pão, mas é nosso DEUS. Dá-nos Senhor o teu CONSELHO, que nos faz sábios para guiar, homem, mulher, jovem e velho, nós guiaremos ao Santo altar.
  • 54. Senhor, vem dar-nos a FORTALEZA, a santa forca do coração, só quem vencer vai sentar-se à mesa, para quem luta DEUS quer ser pão. Dá-nos, Senhor, filial PIEDADE, a doce forma de amar, enfim , para que amemos quem, na verdade, aqui amou-nos até o fim. Dá-nos, enfim, TEMOR sublime, de não amá-los como convém, o CRISTO-HÓSTIA, que nos redime o Pai celeste, que nos quer bem. 162 – Eu quero um rio Existe um poço, no meio do deserto O povo passa perto, da sede a reclamar Eu quero um rio de água viva Eu quero um sopro de esperança Minh’alma segue e não se cansa De caminhar ( de caminhar ) ( bis ) Se Tu soubesse quem pode dar-te a vida Seria dissolvida a mágoa mais cruel Jesus é vida, vencendo toda morte Mudando nossa sorte, livrando-nos do mal 163- Tendo Deus no coração Feliz de quem caminha tendo Deus no coração, quem faz da sua vida, uma eterna procissão (bis) Escolhi o Cristo como companhia,/ escolhi o Reino, como vocação/ escolhi o mundo, como moradia/ escolhi o pobre como meu irmão. Quero ver o mundo, com o teu olhar,/ e a dor da vida, com teu coração./ Vou levar ajuda, a quem precisar,/ vou cantar a vida como
  • 55. uma canção. Quero descobrir, minha vocação: / leiga, religiosa ou sacerdotal. Quero ver meu povo todo em missão, numa Igreja toda ministerial. 164- Tomado pela mão Tomado pela mão com Jesus eu vou,/ sigo-o como ovelha que encontrou o Pastor./ Tomado pela mão com Jesus eu vou, aonde ele for. (bis) Se Jesus me diz: "Amigo, deixa tudo e vem comigo/ Onde tudo é mais formoso e mais feliz"Se Jesus me diz: "Amigo, deixa tudo e vem comigo/ Eu minha mão porei na sua e irei com ele" Eu te levarei amigo a um lugar comigo/ onde o sol e as estrelas brilham mais/ Eu te levarei amigo a um lugar comigo/ onde tudo é mais formoso e mais feliz. 165 – Só em Ti viver As coisas que o mundo oferecia Me impediam de Te encontrar De ver que vida é só em Ti Mas Tu vieste e tocaste Bem no fundo do meu coração Me ensinaste a Te amar Oh! Jesus, recebe então a minha vida Recebe as coisas que de Ti me afastam Pois só em Ti quero viver! Agora, que meu coração é Teu Quero sempre te louvar, tua vida transbordar Para que mais gente experimente Teu amor nos transformando, tua mão a nos tocar 166- Tu és, Senhor!
  • 56. Tu és, Senhor, a riqueza do meu coração! Tu és, Senhor, o sentido da minha missão! E eu sou, Senhor, em tuas mãos, inteira entrega, oblação!
  • 57. Tu és, Senhor, o tesouro que faz meu viver! Tu és, Senhor, a alegria que tece o meu ser! E eu sou, Senhor, em tuas mãos, inteira entrega, oblação! Tu és, Senhor, o rochedo que firma meus pés! Tu és, Senhor, o meu tudo, por seres quem és! Tu és, Senhor, o lugar deste meu caminhar! Tu és, Senhor, coração pelo qual quero amar! 167- Tu me conheces (SL 138) Tu me conheces quando estou sentado, Tu me conheces quando estou de pé! Vês claramente quando estou andando, quando repouso tu também me vês. Se pelas costas sinto que me abranges, também de frente sei que me percebes. Para ficar longe do teu Espírito, o que farei, aonde irei não sei. Para onde irei? Para onde fugirei? Se subo ao céu ou se me prostro no abismo eu te encontro lá... Para onde irei? Para onde fugirei? Se estás no alto na montanha verdejante ou nos confins do mar. Se eu disser: “Que as trevas me escondam! Não haja luz por onde eu passar!” Pra ti a noite é clara como o dia, nada se oculta ao teu divino olhar, tu me teceste no seio materno e definiste todo o meu viver, as tuas obras são maravilhosas que maravilha, meu Senhor sou eu. Dá-me tuas mãos ó meu Senhor Bendito! Benditas sejam sempre as tuas mãos! Prova-me Deus e vê meus pensamentos, olha-me Deus e vê meu coração. Livra-me Deus de todo mau caminho, quero viver, quero sorrir, cantar, pelo caminho da eternidade, Senhor terei toda felicidade.
  • 58. 168- Tudo o que se quer H: Olha nos meus olhos, esquece o que passou/ Aqui neste momento, silêncio e sentimento... Sou o teu poeta, eu sou o teu cantor/ Teu rei e teu escravo, teu brilho e tua estrada. M: Vem comigo meu amado amigo/ Nessa noite clara de verão/ Seja sempre o meu melhor presente/ Seja tudo sempre como é. T: É tudo que se quer M: Leve como o vento, quente como o sol/ Em paz na claridade, sem medo e sem saudade/ Livre como um sonho, alegre como a luz. Desejo e fantasia, em plena harmonia/ H: Eu sou teu homem sou teu pai, teu filho/ Sou aquele que te tem amor/ Sou teu barco teu melhor amigo/ Vou contigo seja onde for T: E onde estiver estou... M: Vem comigo meu amado amigo! T: Sou teu barco neste mar de amor/ Sou a vela que te leva longe/ Da tristeza eu sei, eu vou... E onde estiver, estou! 169- Um coração para amar Um coração para amar, prá perdoar e sentir, para chorar e sorrir, ao me criar Tu me deste. Um coração prá sonhar, inquieto e sempre a bater. Ansioso por entender as coisas que Tu disseste Eis o que eu venho te dar, eis o que eu ponho no altar. Toma, Senhor, que ele é teu. Meu coração não é meu. Quero que o meu coração, seja tão cheio de paz, que não se sinta capaz, de sentir ódio ou rancor. Quero que a minha oração, possa me amadurecer, leve-me a compreender, as conseqüências do amor. 170- Uma estrela irá brilhar Deixa desse cansaço, esqueça tudo que te faz triste, o amor existe
  • 59. e está tão perto, estende a mão ao teu irmão, dê um sorriso para a vida. Jesus te chama e ilumina o teu caminho, perdoa tudo, te fortalece, pede somente que você abra o coração. Levante as mãos, vamos cantar, vamos louvar a Deus de todo coração, dentro de ti, para sempre, uma estrela irá brilhar, porque Jesus te ama, meu irmão! (bis) (porque eu também te amo, meu irmão)
  • 60. 171- Utopia I Das muitas coisas do meu tempo de criança, guardo vivo na lembrança o aconchego de meu lar. No fim da tarde, quando tudo se ajeitava, a família se aquietava, lá no alpendre a conversar. Meus pais não tinham nem escola e nem dinheiro, todo dia o ano inteiro, trabalhavam sem parar. Faltava tudo, mas a gente nem ligava, o importante não faltava, seu sorriso, seu olhar. Eu tantas vezes, vi meu pai chegar cansado, mas aquilo era sagrado, um por um ele afagava. E perguntava quem fizera estrepolia e a mamãe nos defendia, e tudo aos poucos se ajeitava. O sol se punha, a viola alguém trazia, todo mundo então queria, ver papai cantar com a gente. Desafinado, meio rouco e voz cansada, ele cantava mil toadas, seu olhar no sol poente... Correu o tempo e hoje eu vejo a maravilha, de se ter uma família, quando tantos não a tem. Agora falam, do desquite ou do divórcio, o amor virou consórcio, compromisso de ninguém. Há tantos filhos que bem mais do que um palácio, gostariam de um abraço e do carinho de seus pais. Se os pais se amassem, o divórcio não viria, chame a isso de utopia, eu a isso chamo PAZ!... 172- Utopia II Quando o dia da paz renascer, quando o sol da esperança brilhar, eu vou cantar./ Quando o povo nas ruas sorrir e a roseira de novo florir, eu vou cantar./ Quando as cercas caírem no chão, quando as mesas se encherem de pão, eu vou cantar./ Quando os muros que cercam os jardins, destruídos então, os jasmins vão perfumar. Vai ser tão bonito se ouvir a canção, cantada de novo. No
  • 61. olhar do homem a certeza do irmão, reinado do povo. Quando as armas da destruição, destruídas em cada nação, eu vou sonhar. E o decreto que encerra a opressão, assinado só no coração, vai triunfar./ Quando a voz da verdade se ouvir e a mentira não mais existir, será enfim./ Tempo novo de eterna Justiça, sem mais ódio, sem sangue ou cobiça, vai ser assim.
  • 62. 173- Vamos celebrar com júbilo Vamos celebrar com júbilo a festa do Rei Jesus Os homens (com glória), as mulheres, aleluia, Vamos celebrar o Rei (bis) Vamos todos nos amar que sua glória vai brilhar em cada face em cada coração. Esta é a festa do Rei Senhor Jesus!!! O perdão irá fluir/ o Amor vai nos unir// Em um só corpo/ em um só coração/ Esta é a festa do Rei Senhor Jesus!!! 174- Não se deve dizer Não se deve dizer: “Nada posso ofertar!” Pois as mãos mais pobre é que mais se abrem para tudo dar. Pois as mãos mais pobres é que mais se abrem para tudo dar. O Senhor só deseja que em nós tudo seja constante servir. Quando nada se tem, só resta dizer: “Senhor, eis me aqui”. Com as mãos sempre abertas, trazendo as ofertas do vinho e do pão. Surge o nosso dever de tudo fazer com mais doação. Alegrias da vida, momentos da lida, eu posso ofertar. Pois, nas mãos do Senhor, um gesto de amor, não se perderá. 175 – Deus natureza Vem , sol, luz no caminho Aquece o campo da vida que temos que atravessar Vem, sol, vem mansinho, Com passarinhos, flor a brotar Vem, mar, abre o caminho Paz traz nas ondas, Espumas que rolam com o vento a soprar Vem mar, calmo e sozinho, Abre o caminho pois vou passar Com Deus eu quero ficar, Com Deus sei que vou amar; Livre é meu caminhar, Meu Deus vai mostrar que a vida é para servir,
  • 63. O amor pra se repartir, a paz pra se transmitir e o riso pra dar. Vem, Deus, mostra o caminho Leva Teus filhos pra vida que vemos em nosso sonhar Vem, Deus, traz um carinho Vem de mansinho, vem pra ficar 176- Vem, ó Santo Espírito Vem ó Santo Espírito,/ Manda do Céu a todos nós/ um raio da tua luz, um raio de luz. Vem, ó Pai dos pobres/ Vem doador de tantos dons/ Luz de cada coração, dos corações. Consolador Perfeito Hóspede doce da alma/ Suave alegria, suave alegria./ Na fadiga repouso/ No calor restauro/ Em todo pranto conforto, em todo pranto conforto. Luz beatíssima/ Invade os nossos corações/ Sem a tua força nada/ Nada existe no homem. Lava o que é impuro/ Aquece o que é frio/ Eleva o decaído, eleva o decaído. Doa a todos os teus fiéis/ Que confiam sempre em ti/ Os teus Santos Dons, os teus Santos Dons. Doa virtude e prêmio/ doa morte santa/ Doa alegria eterna, doa alegria eterna.