SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 24
A Arca de Noé
Ruth Rocha
Ilustrações
Cláudio Martins
Essa história é muito, muito
antiga. Eu li num livrão grande
do papai, que se chama Bíblia.
É a
história de um homem chamado
Noé.
Um dia, Deus chamou Noé. E
mandou que ele construísse
um barco grande. Não sei por
quê, mas todo mundo
chamava esse barco de Arca
de Noé. Deus mandou que
ele pusesse dentro do barco
um bicho de cada qualidade.
Um bicho, não. Dois. Um leão e
uma leoa...Um macaco e uma
macaca...Um caititu e
uma caititoa... Quer dizer,
caititoa não, que eu nem sei se
isso existe. E veio tudo o que
foi bicho. Girafa, com um
pescoço do tamanho de um
bonde...
Tinha tigre de Bengala.
Papagaio que até fala.E
tinha onça-pintada. Arara
dando risada, que era ver
uma vitrola! E um casal de
tatu-bola...
Bicho d’ água, isso não
tinha, nem tubarão, nem
tainha, procurando por
abrigo, Nem peixe-boi nem
baleia, nem arraia nem
lampreia, que não corriam
perigo...
E a zebra, que parece cavalo de pijama...E
pavão, que parece galo fantasiado pra
baile de carnaval. E cobra, jacaré,
elefante... E paca, tatu e cutia também. E
passarinho de todo jeito. Curió, bem-te-vi,
papa-capim...
E inseto de todo tamanho. Formiga, joaninha,
louva-a-deus... Eu acho que Noé devia deixar
de fora tudo o que é bicho enjoado, como
pulga, barata e pernilongo, que fazem
fiuuummmm no ouvido da gente.
Mas ele não deixou.
Levou tudo que foi
bicho.
Tinha peru, tinha pato.
Tinha vespa e carrapato.
Avestruz, carneiro, pinto...
Tinha até ornitorrinco. Urubu,
besouro, burro. Gafanhoto, grilo,
gato. Tinha abelha, tinha rato...
Quando a bicharada estava toda
embarcada, e mais a família do
Noé todinha, começou a cair uma
chuvarada. Mas não era uma
chuvarada dessas que caem
agora. Você já viu uma cachoeira?
Pois era igualzinho a uma
cachoeira caindo, caindo, que não
acabava mais.
Parecia o Rio Amazonas despencado. E
aquela água foi cobrindo tudo, tudo. Cobrindo
as terras, cobrindo as plantas, cobrindo ás
árvores, cobrindo as montanhas. Só mesmo a
Arca de Noé, que boiava em cima das águas,
é que não ficou coberta.
E mesmo depois que
passou a tempestade ficou
tudo coberto de água. E
passou muito tempo. Todo
mundo estava enjoado de
ficou preso dentro da Arca,
sem poder sair nem um
bocadinho
Os bichos até começaram a brigar.
Que nem criança, que fica muito
tempo dentro de casa e já começa
a implicar com os irmãos. O gato
e o rato começaram a brigar nesse
tempo e até hoje não fizeram as
pazes.
Até que um dia...
Veio vindo um ventinho
lá longe. E as águas
começaram a baixar.
E foram baixando,
baixando...
E Noé teve uma idéia. Mandou o
pombo dar uma volta lá fora pra
ver como estavam as coisas.
Os pombos são ótimos para
isso. Eles sabem ir e voltar dos
lugares, sem se perder, nem
nada
Por isso é que Noé escolheu
o pombo para esse trabalho.
O pombo foi e voltou com
uma folhinha no bico.
E Noé ficou sabendo que as
terras já estavam aparecendo.
E as águas foram baixando
mais e mais...
Então a Arca pousou
sobre um monte. E todo
mundo pôde sair e todo
mundo ficou contente.
E todos se abraçaram e
cantaram.
E Deus pendurou no
céu um arco colorido,
todo de listras.
E esse arco queria dizer que Deus era
amigo dos homens, e que nunca mais ia
chover assim na terra. Você já viu,
depois da chuva, o arco-íris
redondinho no céu? Pois é pra sossegar a
gente. Pra gente nunca mais ter medo da
chuva!
Efeitos Especiais
Bibliotecária: Janice V. Fagundes
EMEF Maurício Cardoso
Novembro/2010

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

O mundinho
O mundinhoO mundinho
O mundinho
 
O carnaval-na-floresta
O carnaval-na-florestaO carnaval-na-floresta
O carnaval-na-floresta
 
O caracol livro em pdf
O caracol   livro em pdfO caracol   livro em pdf
O caracol livro em pdf
 
O cabelo de lele
O cabelo de leleO cabelo de lele
O cabelo de lele
 
Pe de pai
Pe de paiPe de pai
Pe de pai
 
A galinha que sabia ler
A galinha que sabia lerA galinha que sabia ler
A galinha que sabia ler
 
Coração de Mãe
Coração de MãeCoração de Mãe
Coração de Mãe
 
A HISTORIA DE UMA ARVORE
A HISTORIA DE UMA ARVOREA HISTORIA DE UMA ARVORE
A HISTORIA DE UMA ARVORE
 
A colcha de retalhos
A colcha de retalhosA colcha de retalhos
A colcha de retalhos
 
Historia palhaço geométrico
Historia palhaço geométricoHistoria palhaço geométrico
Historia palhaço geométrico
 
Livro - Uma história de páscoa - Ana Maria Machado
Livro - Uma história de páscoa - Ana Maria MachadoLivro - Uma história de páscoa - Ana Maria Machado
Livro - Uma história de páscoa - Ana Maria Machado
 
Era Uma Vez Uma Gotinha De áGua
Era Uma Vez Uma Gotinha De áGuaEra Uma Vez Uma Gotinha De áGua
Era Uma Vez Uma Gotinha De áGua
 
Tuti, o peixinho dourado
Tuti, o peixinho douradoTuti, o peixinho dourado
Tuti, o peixinho dourado
 
Qual é a cor do amor
Qual é a cor do amorQual é a cor do amor
Qual é a cor do amor
 
A escolinha do mar, ruth rocha
A escolinha do mar, ruth rochaA escolinha do mar, ruth rocha
A escolinha do mar, ruth rocha
 
A CASA SONOLENTA
A CASA SONOLENTAA CASA SONOLENTA
A CASA SONOLENTA
 
O Menino Marrom
O Menino MarromO Menino Marrom
O Menino Marrom
 
Chapeuzinho amarelo
Chapeuzinho amareloChapeuzinho amarelo
Chapeuzinho amarelo
 
Camila e a volta às aulas
Camila e a volta às aulasCamila e a volta às aulas
Camila e a volta às aulas
 
Slides joaninha-diferente
Slides joaninha-diferenteSlides joaninha-diferente
Slides joaninha-diferente
 

Semelhante a A arca de noé ( letra minúscula com efeitos)

A arca de noé Ruth Rocha ( Para colorir)
A arca de noé  Ruth Rocha (    Para colorir)A arca de noé  Ruth Rocha (    Para colorir)
A arca de noé Ruth Rocha ( Para colorir)betania dias
 
Historias infantis para evangelizacao espirita (autores diversos)
Historias infantis para evangelizacao espirita (autores diversos)Historias infantis para evangelizacao espirita (autores diversos)
Historias infantis para evangelizacao espirita (autores diversos)Alice Lirio
 
Arca de Noé 5º B
Arca de Noé   5º BArca de Noé   5º B
Arca de Noé 5º Bevazmila
 
Arca de noé 5º b
Arca de noé   5º bArca de noé   5º b
Arca de noé 5º bevazmila
 
Livro abc do aprender
Livro abc do aprenderLivro abc do aprender
Livro abc do aprendersbtvd
 
Diluvio universal
Diluvio universal  Diluvio universal
Diluvio universal PAFB
 
Teatro maria castanha_duendes(2)
Teatro maria castanha_duendes(2)Teatro maria castanha_duendes(2)
Teatro maria castanha_duendes(2)Mara Pinto
 
Estória aqui... estória ali...estória acolá !
 Estória aqui... estória ali...estória acolá ! Estória aqui... estória ali...estória acolá !
Estória aqui... estória ali...estória acolá !Ministério da Educação
 
Arca de noé 5º B
Arca de noé   5º BArca de noé   5º B
Arca de noé 5º Bevazmila
 

Semelhante a A arca de noé ( letra minúscula com efeitos) (20)

A arca de_noé
A arca de_noéA arca de_noé
A arca de_noé
 
A arca de noé Ruth Rocha ( Para colorir)
A arca de noé  Ruth Rocha (    Para colorir)A arca de noé  Ruth Rocha (    Para colorir)
A arca de noé Ruth Rocha ( Para colorir)
 
Descritor 02.ppsx
Descritor 02.ppsxDescritor 02.ppsx
Descritor 02.ppsx
 
050
050050
050
 
Historias infantis para evangelizacao espirita (autores diversos)
Historias infantis para evangelizacao espirita (autores diversos)Historias infantis para evangelizacao espirita (autores diversos)
Historias infantis para evangelizacao espirita (autores diversos)
 
História - O coelho esperto
História -  O coelho espertoHistória -  O coelho esperto
História - O coelho esperto
 
Arca de Noé 5º B
Arca de Noé   5º BArca de Noé   5º B
Arca de Noé 5º B
 
Arca de noé 5º b
Arca de noé   5º bArca de noé   5º b
Arca de noé 5º b
 
Livro abc do aprender
Livro abc do aprenderLivro abc do aprender
Livro abc do aprender
 
Diluvio universal
Diluvio universal  Diluvio universal
Diluvio universal
 
Teatro maria castanha_duendes(2)
Teatro maria castanha_duendes(2)Teatro maria castanha_duendes(2)
Teatro maria castanha_duendes(2)
 
Mundo de lendas
Mundo de lendasMundo de lendas
Mundo de lendas
 
Simulado spaece 1º ano
Simulado spaece 1º anoSimulado spaece 1º ano
Simulado spaece 1º ano
 
Pdf contos
Pdf contosPdf contos
Pdf contos
 
A águia e a coruja
A águia e a corujaA águia e a coruja
A águia e a coruja
 
Estória aqui... estória ali...estória acolá !
 Estória aqui... estória ali...estória acolá ! Estória aqui... estória ali...estória acolá !
Estória aqui... estória ali...estória acolá !
 
Arca de noé 5º B
Arca de noé   5º BArca de noé   5º B
Arca de noé 5º B
 
Maria Castanha
Maria CastanhaMaria Castanha
Maria Castanha
 
O Peixinho Que Descobriu O Mar
O Peixinho Que Descobriu O MarO Peixinho Que Descobriu O Mar
O Peixinho Que Descobriu O Mar
 
Cartazes
CartazesCartazes
Cartazes
 

Mais de bibliopbi

Pinote, o fracote, janjão, o fortão
Pinote, o fracote, janjão, o fortãoPinote, o fracote, janjão, o fortão
Pinote, o fracote, janjão, o fortãobibliopbi
 
Historia galinha com dentes
Historia galinha com dentesHistoria galinha com dentes
Historia galinha com dentesbibliopbi
 
Feliz olhar novo
Feliz olhar novoFeliz olhar novo
Feliz olhar novobibliopbi
 
Os 10 amigos
Os 10 amigosOs 10 amigos
Os 10 amigosbibliopbi
 
O pulo do gato
O pulo do gatoO pulo do gato
O pulo do gatobibliopbi
 
A vaca mimosa
A vaca mimosaA vaca mimosa
A vaca mimosabibliopbi
 

Mais de bibliopbi (8)

Pinote, o fracote, janjão, o fortão
Pinote, o fracote, janjão, o fortãoPinote, o fracote, janjão, o fortão
Pinote, o fracote, janjão, o fortão
 
Historia galinha com dentes
Historia galinha com dentesHistoria galinha com dentes
Historia galinha com dentes
 
x.x.x.x.x
x.x.x.x.xx.x.x.x.x
x.x.x.x.x
 
Feliz olhar novo
Feliz olhar novoFeliz olhar novo
Feliz olhar novo
 
Os 10 amigos
Os 10 amigosOs 10 amigos
Os 10 amigos
 
Tuiuiú
TuiuiúTuiuiú
Tuiuiú
 
O pulo do gato
O pulo do gatoO pulo do gato
O pulo do gato
 
A vaca mimosa
A vaca mimosaA vaca mimosa
A vaca mimosa
 

Último

Convergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor SucroenergéticoConvergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor SucroenergéticoMarcio Venturelli
 
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINASCOI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINASMarcio Venturelli
 
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx2m Assessoria
 
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx2m Assessoria
 
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo PagliusiPalestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo PagliusiPaulo Pagliusi, PhD, CISM
 
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo PagliusiEntrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo PagliusiPaulo Pagliusi, PhD, CISM
 
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIAEAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIAMarcio Venturelli
 
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx2m Assessoria
 
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdfAula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdfInocencioHoracio3
 

Último (9)

Convergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor SucroenergéticoConvergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
 
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINASCOI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
 
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
 
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
 
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo PagliusiPalestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
 
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo PagliusiEntrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
 
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIAEAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
 
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
 
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdfAula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
 

A arca de noé ( letra minúscula com efeitos)

  • 1. A Arca de Noé Ruth Rocha Ilustrações Cláudio Martins
  • 2. Essa história é muito, muito antiga. Eu li num livrão grande do papai, que se chama Bíblia. É a história de um homem chamado Noé.
  • 3. Um dia, Deus chamou Noé. E mandou que ele construísse um barco grande. Não sei por quê, mas todo mundo chamava esse barco de Arca de Noé. Deus mandou que ele pusesse dentro do barco um bicho de cada qualidade.
  • 4. Um bicho, não. Dois. Um leão e uma leoa...Um macaco e uma macaca...Um caititu e uma caititoa... Quer dizer, caititoa não, que eu nem sei se isso existe. E veio tudo o que foi bicho. Girafa, com um pescoço do tamanho de um bonde...
  • 5. Tinha tigre de Bengala. Papagaio que até fala.E tinha onça-pintada. Arara dando risada, que era ver uma vitrola! E um casal de tatu-bola...
  • 6. Bicho d’ água, isso não tinha, nem tubarão, nem tainha, procurando por abrigo, Nem peixe-boi nem baleia, nem arraia nem lampreia, que não corriam perigo...
  • 7. E a zebra, que parece cavalo de pijama...E pavão, que parece galo fantasiado pra baile de carnaval. E cobra, jacaré, elefante... E paca, tatu e cutia também. E passarinho de todo jeito. Curió, bem-te-vi, papa-capim...
  • 8. E inseto de todo tamanho. Formiga, joaninha, louva-a-deus... Eu acho que Noé devia deixar de fora tudo o que é bicho enjoado, como pulga, barata e pernilongo, que fazem fiuuummmm no ouvido da gente.
  • 9. Mas ele não deixou. Levou tudo que foi bicho.
  • 10. Tinha peru, tinha pato. Tinha vespa e carrapato. Avestruz, carneiro, pinto... Tinha até ornitorrinco. Urubu, besouro, burro. Gafanhoto, grilo, gato. Tinha abelha, tinha rato...
  • 11.
  • 12. Quando a bicharada estava toda embarcada, e mais a família do Noé todinha, começou a cair uma chuvarada. Mas não era uma chuvarada dessas que caem agora. Você já viu uma cachoeira? Pois era igualzinho a uma cachoeira caindo, caindo, que não acabava mais.
  • 13.
  • 14. Parecia o Rio Amazonas despencado. E aquela água foi cobrindo tudo, tudo. Cobrindo as terras, cobrindo as plantas, cobrindo ás árvores, cobrindo as montanhas. Só mesmo a Arca de Noé, que boiava em cima das águas, é que não ficou coberta.
  • 15. E mesmo depois que passou a tempestade ficou tudo coberto de água. E passou muito tempo. Todo mundo estava enjoado de ficou preso dentro da Arca, sem poder sair nem um bocadinho
  • 16. Os bichos até começaram a brigar. Que nem criança, que fica muito tempo dentro de casa e já começa a implicar com os irmãos. O gato e o rato começaram a brigar nesse tempo e até hoje não fizeram as pazes.
  • 17. Até que um dia... Veio vindo um ventinho lá longe. E as águas começaram a baixar. E foram baixando, baixando...
  • 18. E Noé teve uma idéia. Mandou o pombo dar uma volta lá fora pra ver como estavam as coisas. Os pombos são ótimos para isso. Eles sabem ir e voltar dos lugares, sem se perder, nem nada
  • 19. Por isso é que Noé escolheu o pombo para esse trabalho. O pombo foi e voltou com uma folhinha no bico.
  • 20. E Noé ficou sabendo que as terras já estavam aparecendo. E as águas foram baixando mais e mais...
  • 21. Então a Arca pousou sobre um monte. E todo mundo pôde sair e todo mundo ficou contente. E todos se abraçaram e cantaram.
  • 22. E Deus pendurou no céu um arco colorido, todo de listras.
  • 23. E esse arco queria dizer que Deus era amigo dos homens, e que nunca mais ia chover assim na terra. Você já viu, depois da chuva, o arco-íris redondinho no céu? Pois é pra sossegar a gente. Pra gente nunca mais ter medo da chuva!
  • 24. Efeitos Especiais Bibliotecária: Janice V. Fagundes EMEF Maurício Cardoso Novembro/2010