SlideShare uma empresa Scribd logo
7 Igrejas de Apocalipse
Ap 2 & 3
7 igrejas de apocalipse
Panorama Histórico
Éfeso Esmirna Pérgamo Tiatira Sardes Filadélfia Laodicéia
Igreja
Apostólica
I sec
Igreja
Perseguida
100 a 313
Igreja
Mundana
313 a 590
Igreja
Corrupta
(Papal)
590 a 1517
Igreja
Morta
1517 a
1730
Missionária
1730 ...
Igreja Morna
(indiferente)
1900 a 2ª
vinda
7 igrejas de apocalipse

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Carta à Igreja de Filadélfia no Apocalipse
Carta à Igreja de Filadélfia no ApocalipseCarta à Igreja de Filadélfia no Apocalipse
Carta à Igreja de Filadélfia no Apocalipse
Pr. Welfany Nolasco Rodrigues
 
16 as sete igrejas
16 as sete igrejas16 as sete igrejas
16 as sete igrejas
Carlos Roberto de Lima
 
A importã¢ncia da conservação no discipulado
A importã¢ncia da conservação no discipuladoA importã¢ncia da conservação no discipulado
A importã¢ncia da conservação no discipulado
Marcos De Oliveira Leite
 
O Que Você Precisa Saber Sobre A Igreja
O Que Você Precisa Saber Sobre A IgrejaO Que Você Precisa Saber Sobre A Igreja
O Que Você Precisa Saber Sobre A Igreja
igrejanorecife
 
Lição 07 - Filadélfia a igreja missionária
Lição 07 - Filadélfia a igreja missionáriaLição 07 - Filadélfia a igreja missionária
Lição 07 - Filadélfia a igreja missionária
Sergio Silva
 
Inovação no Ensino e na Aprendizagem
Inovação no Ensino e na AprendizagemInovação no Ensino e na Aprendizagem
Inovação no Ensino e na Aprendizagem
Francisco Restivo
 
LIÇÃO 06 - O TRIBUNAL DE CRISTO E OS GALARDÕES
LIÇÃO 06 - O TRIBUNAL DE CRISTO E OS GALARDÕESLIÇÃO 06 - O TRIBUNAL DE CRISTO E OS GALARDÕES
LIÇÃO 06 - O TRIBUNAL DE CRISTO E OS GALARDÕES
Lourinaldo Serafim
 
Novas Midias na Evangelizacao 1
Novas Midias na Evangelizacao 1Novas Midias na Evangelizacao 1
Novas Midias na Evangelizacao 1
artur mendes
 
Levantando Davi os olhos ...pregação 5ª Igreja Presbiteriana CGR MS
Levantando Davi os olhos ...pregação 5ª Igreja Presbiteriana CGR MSLevantando Davi os olhos ...pregação 5ª Igreja Presbiteriana CGR MS
Levantando Davi os olhos ...pregação 5ª Igreja Presbiteriana CGR MS
Silvio Iran da Costa Melo
 
Cinco verdades para o facebook
Cinco verdades para o facebookCinco verdades para o facebook
Cinco verdades para o facebook
Anisio Bastos Malta
 
Lição 8 - Filadélfia, a igreja do amor perfeito
Lição 8 - Filadélfia, a igreja do amor perfeitoLição 8 - Filadélfia, a igreja do amor perfeito
Lição 8 - Filadélfia, a igreja do amor perfeito
Ailton da Silva
 
LIÇÃO 7 - A SALVAÇÃO PELA GRAÇA
LIÇÃO 7 - A SALVAÇÃO PELA GRAÇALIÇÃO 7 - A SALVAÇÃO PELA GRAÇA
LIÇÃO 7 - A SALVAÇÃO PELA GRAÇA
Polícia Militar do Estado do Tocantins
 

Destaque (12)

Carta à Igreja de Filadélfia no Apocalipse
Carta à Igreja de Filadélfia no ApocalipseCarta à Igreja de Filadélfia no Apocalipse
Carta à Igreja de Filadélfia no Apocalipse
 
16 as sete igrejas
16 as sete igrejas16 as sete igrejas
16 as sete igrejas
 
A importã¢ncia da conservação no discipulado
A importã¢ncia da conservação no discipuladoA importã¢ncia da conservação no discipulado
A importã¢ncia da conservação no discipulado
 
O Que Você Precisa Saber Sobre A Igreja
O Que Você Precisa Saber Sobre A IgrejaO Que Você Precisa Saber Sobre A Igreja
O Que Você Precisa Saber Sobre A Igreja
 
Lição 07 - Filadélfia a igreja missionária
Lição 07 - Filadélfia a igreja missionáriaLição 07 - Filadélfia a igreja missionária
Lição 07 - Filadélfia a igreja missionária
 
Inovação no Ensino e na Aprendizagem
Inovação no Ensino e na AprendizagemInovação no Ensino e na Aprendizagem
Inovação no Ensino e na Aprendizagem
 
LIÇÃO 06 - O TRIBUNAL DE CRISTO E OS GALARDÕES
LIÇÃO 06 - O TRIBUNAL DE CRISTO E OS GALARDÕESLIÇÃO 06 - O TRIBUNAL DE CRISTO E OS GALARDÕES
LIÇÃO 06 - O TRIBUNAL DE CRISTO E OS GALARDÕES
 
Novas Midias na Evangelizacao 1
Novas Midias na Evangelizacao 1Novas Midias na Evangelizacao 1
Novas Midias na Evangelizacao 1
 
Levantando Davi os olhos ...pregação 5ª Igreja Presbiteriana CGR MS
Levantando Davi os olhos ...pregação 5ª Igreja Presbiteriana CGR MSLevantando Davi os olhos ...pregação 5ª Igreja Presbiteriana CGR MS
Levantando Davi os olhos ...pregação 5ª Igreja Presbiteriana CGR MS
 
Cinco verdades para o facebook
Cinco verdades para o facebookCinco verdades para o facebook
Cinco verdades para o facebook
 
Lição 8 - Filadélfia, a igreja do amor perfeito
Lição 8 - Filadélfia, a igreja do amor perfeitoLição 8 - Filadélfia, a igreja do amor perfeito
Lição 8 - Filadélfia, a igreja do amor perfeito
 
LIÇÃO 7 - A SALVAÇÃO PELA GRAÇA
LIÇÃO 7 - A SALVAÇÃO PELA GRAÇALIÇÃO 7 - A SALVAÇÃO PELA GRAÇA
LIÇÃO 7 - A SALVAÇÃO PELA GRAÇA
 

Último

1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
Marta Gomes
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
DavidBertelli3
 
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
PIB Penha
 
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.pptEncontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
SanturioTacararu
 
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
PIB Penha
 
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
PIB Penha
 
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
PIB Penha
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
Rogério Augusto Ayres de Araujo
 
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
PIB Penha
 
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptxBatismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
nadeclarice
 
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyugcontrole-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
AntonioMugiba
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Ricardo Azevedo
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptxApresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
AlexandreCarvalho858758
 
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
PIB Penha
 
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptxO MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
valneirocha
 
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
EdimarEdigesso
 
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
PIB Penha
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 

Último (20)

1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
 
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
 
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.pptEncontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
 
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
 
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
 
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
 
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
 
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptxBatismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
 
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyugcontrole-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptxApresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
 
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
 
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptxO MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
 
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
 
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 

7 igrejas de apocalipse

  • 1. 7 Igrejas de Apocalipse Ap 2 & 3
  • 3. Panorama Histórico Éfeso Esmirna Pérgamo Tiatira Sardes Filadélfia Laodicéia Igreja Apostólica I sec Igreja Perseguida 100 a 313 Igreja Mundana 313 a 590 Igreja Corrupta (Papal) 590 a 1517 Igreja Morta 1517 a 1730 Missionária 1730 ... Igreja Morna (indiferente) 1900 a 2ª vinda