ApresentaçãO Pessoal 21 Maio2012

1.169 visualizações

Publicada em

BREVE RESUMO DE UM SER PLENO DE CONSCIÊNCIA E AUTOCRÍTICA.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.169
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

ApresentaçãO Pessoal 21 Maio2012

  1. 1. QUE A NOSSA ESPERANÇA NÃO SEJA SOMENTE UM SONHO COGNITIVO, MAS UMA FORÇAVITAL DA RAZÃO QUE NOS IMPULSIONA A TRABALHAR EM FAVOR DE NOSSO FUTURO E DONOSSO PRÓXIMO, DIA APÓS DIA. APRESENTAÇÃO DE WAGNER WINTER
  2. 2. Historiografia de Wagner Winter MoreiraBrasileiro, residente na Cidade do Rio de Janeiro – RJ, BR: wagner.winter@gmail.com – Skype: wagner_winter – (21)3183-1132 ou (21)9157-1490Proclamação: O Direito requer uma nova hermenêuticaeconômico-social. Declaro a extinção do Socialismo e doLiberalismo e proclamo, para os novos tempos, o CapitalismoOriginário, fundado no Direito Econômico Social! Palácio daJustiça – Buenos Aires, AR – Setembro 2011
  3. 3. Tempus Fugit - Carpe Diem Historiografia Nasci no dia 04 de fevereiro de 1957 no Bairro de Botafogo, Zona Sul da Cidade do Rio de Janeiro, ainda Distrito Federal. Filho de Maria José Winter Moreira, carioca de ascendência portuguesa e alemã e Jessé Moreira, mineiro de ascendência portuguesa e indígena. Vivi o período da infância na Ilha do Governador, na época, tida como Zona Rural do Rio de Janeiro. A Ilha do Governador foi um lugar muito especial, população de militares, pescadores e um contingente representativo da classe média, especialmente bancários, gente simples. A Ilha era um bairro dormitório, somente os militares, pescadores e pequenos comerciantes trabalhavam Cabine do Costa Mágica – Dezembro de 2007. em seus limites. Foi uma época inesquecível de intensa convivência com a Homenagem pela 1ª colocação - Dix é 10 Maior distribuidor de Planos de Saúde - Rio natureza, as praias, os morros, a vegetação intensa , pés descalços ... . No ano de 1972 nos mudamos para o Leblon, o bairro mais elitizado da Cidade até hoje. Falar de elite no Leblon é falar de renda per capita sim, mas sobretudo, é falar de cultura, de arte, tradições de famílias, educação, política, mercado mundial, tudo isso ainda em 1972. O bairro guarda segredos impressionantes, entre eles a possibilidade de convívio com intelectuais, poetas, músicos, profissionais liberais renomados, empresários e até mesmo os “Globais”, todos sem maquiagem, sem produções cênicas: é o lugar dos autoconhecidos, dos que sabem o que são e não necessitam de exposição social, cultural ou material. Gente simples, de bermuda, camiseta, sandália nos pés ... .
  4. 4. Identidade Individual – Consciência de ser Princípios e Valores A TEOLOGIA: É uma ciência da área de humanas que se propõe a estudar as relações entre os seres humanos e as divindades. O pragmatismo atual tenta separar as ciências humanas da fé e proclamar a teologia como uma inutilidade. Nunca discuto com pragmáticos apedeutas, mesmo porque, entre a teologia e a religião existe um abismo intransponível. Digno de registro é que a religião sempre esteve no cerne das sociedades em toda a história da humanidade, o que implica em sua influência em todo o processo cognitivo, em todas as manifestações de cultura, em toda a estrutura do pensamento humano. Se entendermos que os seres humanos são religiosos em sua essência existencial, então vamos valorizar a ciência que se dedica a estudar, especificamente, as relações divino-humanas. Torna-se necessário e oportuno estabelecer o conceito autoral sobre o significado da linguagem por referência a metafísica, religião e Teologia. A metafísica é a linguagem filosófica, por tanto laica, que define a busca racional ou ideal de Deus, liberdade e vida eterna. A religião é o resultado de um experimento sensório permissivo ao dogmatismo que pode produzir conjecturas filosóficas, teológicas, éticas e morais. Já a Teologia se ocupa em conhecer os valores imanentes de Deus na vida dos seres humanos e na natureza. É uma análise profundamente voltada para a compreensão destes valores e de sua origem, razão pela qual a Teologia se ocupa em analisar a totalidade das potencialidades humanas, tanto em relação ao saber e a razão, quanto em relação aos sentimentos e emoções. A Teologia perpassa pela cultura, grupamento social, economia, filosofia, literatura, artes e todas as áreas do conhecimento e da vida humana. A Teologia compreendeu seus limites aos fenômenos transcendentes e não busca mais desvendar o que não nos foi dado à capacidade de conhecer. Como valor pessoal, professo a fé reformada calvinista e creio em um único Deus criador de todo o universo e na Bíblia como a revelação especial de Deus para todos os homens.
  5. 5. Identidade Individual – A Inquietude dos Valores Princípios e Valores A Filosofia: Se a Teologia é uma ferramenta para apurar criticamente a dogmática religiosa, a Filosofia é a mais poderosa ferramenta para apurar criticamente a razão e as ações humanas; é por isso que ela se faz a mãe de todas as ciências. Ela estimula o pensamento, ordena-os logicamente, distingue valores, revela possibilidades, denuncia a verdadeira intenção dos fatos, ações e palavras. É impossível entender o mundo, as relações humanas em toda a sua plenitude sem o saber filosófico. Há quem diga que a Filosofia é muito complicada, teórica, pouco eficaz para as ações do dia a dia, é uma ciência perfunctória. Outro dia, falava com um advogado sobre a intenção de fazer doutoramento na Área de Pesquisa da Filosofia do Direito, de pronto veio a pergunta: você conhece algum filósofo rico? Não fiquei surpreso, nos tempos atuais, a ética neoliberal corrompeu o capitalismo originário; para muitos, o capital vale mais do que a própria vida. Enganam-se os que pensam que se está diante da dialética entre a direita e a esquerda, tal dialética seria minimamente erística. Vive-se a crise dos valores humanos, da razão de ser, de liquefação de tudo o que tinha significado existencial. Perdeu-se o controle sobre a vida e o inconsciente coletivo tornou-se um “vírus” devastador das capacidades de reflexão dos seres humanos, impregnando os cérebros de um tipo especial de acrofobia aos pensamentos mais elevados e destinando as sociedades a vassalagem dos interesses dos capitais. Ives Gandra, nosso mais prestigioso jurista mackenzista da atualidade, enfatiza com a precisão e a simplicidade dos grandes mestres, em seu livro: O Estado de Direito e o Direito do Estado a grave crise em que vive-se nos dias atuais e insere o Estado Brasileiro como uma classe social ociosa e opressora do moderno liberalismo.
  6. 6. Identidade Coletiva A Família e a Fé A Família: Em circunstâncias pós-modernas, os discursos sobre o casamento e a família não têm mais a pretensão da validade universal. Num contexto de maior igualdade entre os homens e mulheres, de mudanças extremamente rápidas, de fragmentação social e individual, as escolhas tornaram-se flexíveis e plurais. O que se apresenta como instável, caótico e desordenado na família - separações, Catedral Presbiteriana do Rio de novos casamentos, vários modelos ao longo da vida, filhos morando com pai ou Janeiro, 2005 com mãe e convivendo com meio-irmãos - nada mais é que a emergência de novos padrões, estruturalmente instáveis, contextuais, marcados pela contingência e pela heterogeneidade. Assim como em outras esferas - ciência, arte, filosofia etc. - nas relações de casamento e família estamos diante de práticas e discursos que não respondem mais a modelos unívocos, universais. O caos, o acaso, a aleatoriedade, também chegaram ao mundo das relações interpessoais. (Litz Vieira) Ainda que tudo isso esteja acontecendo, persigo com obstinação uma nova possibilidade de valor familiar, que nunca deixou de ser a célula materna da sociedade. A Fé: Creio em Deus Pai, Todo-poderoso, Criador do Céu e da terra. Creio em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, o qual foi concebido por obra do Espírito Santo; nasceu da virgem Maria; padeceu sob o poder de Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; ressurgiu dos mortos ao terceiro dia; Catedral Presbiteriana do Rio de subiu ao Céu; está sentado à direita de Deus Pai Todo-poderoso, donde há de vir Janeiro, 2005 para julgar os vivos e os mortos. Creio no Espírito Santo; na Santa Igreja Universal; na comunhão dos santos; na remissão dos pecados; na ressurreição do corpo; na vida eterna. Amém. (Credo dos Apóstolos)
  7. 7. Identidade: racionalidade do conhecimento Qualificação Acadêmica Graduação Universitária Bacharel em Direito – Faculdade Morais Junior-Mackenzie-Rio (2011); Bacharel em Teologia – Centro Teológico Presbiteriano Simonton/Seminário Presbiteriano Independente e Seminário Teológico Batista do Sul; 1981 – 1987. Universidade Presbiteriana Mackenzie Formação Complementar -Supervisor de Segurança e Higiene do Trabalho, Registro no Ministério do Trabalho nº 5.976, Processo nº 123.119/75 de 27/11/1975. (sempre atualizado). -Corretor de Imóveis Oficial – 1975 a 1982; CRECI 13ª Região, Vitória, ES. (Suspenso a pedido) -Corretor Oficial de Seguros – Especialista nos Ramos Saúde, Vida, Previdência Privada Fechada e Aberta e Capitalização. SUSEP nº 039061-5. (suspensa a pedido). -Técnico de Comércio Exterior. Petrobras Comércio Internacional S. A. – 1983 a 1987. Diversos cursos internos. Seminário Teológico Batista do Sul - Comercialização de software e serviços de TI.
  8. 8. Identidade: empreendedorismo e superação Experiências Profissionais DIVICOM ADMINISTRADORA DE SAÚDE LTDA. – Gerente comercial no Estado do Rio de Janeiro. Gestão dos canais de distribuição, negociação com entidades de classe, operadoras de planos de saúde, criação de novos projetos. Dobrei as vendas e o faturamento da regional em 6 meses – de 450 vidas/mês para 1000 vidas/mês (2006-2008). OMEBE – Lançamento de BINDERS BUSINESS INTEGRATION INFORMÁTICA Ltda. – Diretor Produto de Afinidade, 2008 Executivo de Contas. Fechei contratos de serviços de TI de 1.7M com a Companhia Vale S.A.; 2.4M com a Americanas .com; 0,7M com a Rio Polímeros (2005-2006). RR DONNELLEY MOORE BRASIL LTDA. – Gerente Executivo de Contas. Dobrei o faturamento na Intelig e iniciei faturamento na AIG UNIBANCO. Atuei na gestão de clientes e desenvolvimento de negócios no segmento de telecomunicações, energia, seguros, saúde e educação no Rio de Janeiro e em São Paulo simultaneamente (2001-2002). Divicom – Expo Loja, 2007
  9. 9. Identidade: inovação e empreendedorismo Experiências Profissionais R3W CONSULTORIA E SERVIÇOS LTDA. – Sócio administrador, Diretor de Negócios responsável pelo desenvolvimento e implantação de parcerias na área de TI. Realizei o projeto inovador de parceria e aliança entre a COBRA e a Oracle Corporation para a cessão de uma solução integrada em Web Oracle, para a automação do Poder Judiciário, com o reconhecimento, pela Oracle, da TRT-AL e R3W - Encontro de Informática - propriedade intelectual da COBRA, nos derivativos que 2000 ela desenvolvesse. Faturamento de U$ 230 mil e contrato de U$ 4,5 milhões (1998-2001).
  10. 10. Identidade: adaptação e empreendedorismo Experiências Profissionais BONSEGURO ADMINISTRADORA E CORRETORA DE SEGUROS LTDA. – Em 1 ano atingi o patamar de U$ 1 milhão ao ano. Sócio administrador, Diretor de Negócios, especialista em análise de risco para desenvolvimento de projetos inovadores na gestão de riscos de capitais, patrimoniais e, em especial, saúde e responsabilidade civil. Desenvolvemos e distribuímos seguro saúde para a Rural Seguradora em Porto Alegre (RS), São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Salvador e Feira de Santana (BA). Prospectamos e conquistamos grandes contas de seguro saúde no Rio de Janeiro (RJ), Belo-Horizonte (MG), São Paulo (SP) e Salvador (BA) (1993-1998). PETROBRAS COMÉRCIO INTERNACIONAL S.A. - INTERBRAS - Rio de Janeiro – Exerci a função de coordenador de projeto e controle de exportação (atualmente, equivale a logística operacional e documental). Participei de projetos especiais, tais como: exportação de carnes para países árabes, Importação de carnes da UE e EUA, exportações de cabos elétricos para os EUA e Fóton Informática – Hospital exportação de manufaturados para a Argélia (1983-1987). Business, 2004
  11. 11. Identidade: adaptação e empreendedorismo Certificações
  12. 12. Identidade: adaptação e empreendedorismo Certificações Junta de Ensino Teológico http://www.ipb.org.br/educacao/jet.php3 A Junta de Ensino Teológico (JET) é responsável por supervisionar e administrar qualquer movimentação na área de ensino teológico e religioso da IPB e ainda, criar, colocar em funcionamento e supervisionar cursos de extensão acadêmica, mestrado e doutorado teológico e integrá-los a um dos seminários da IPB. A JET é dividida entre as regiões do Brasil através das Juntas Regionais de Educação Teológica (JURETs), sendo essas subordinadas e intimamente ligadas à JET, que recebe seus relatórios anuais para que sejam tomadas medidas necessárias para o aprimoramento do ensino em cada região, e também as propostas de mudanças que serão levadas pela JET à Comissão Executiva da IPB. Além de todas essas funções, a Junta de Ensino Teológico tem como responsabilidade o curso de Educação Teológica Continuada, oferecido para ministros, com a finalidade de atualização teológica; o Instituto de Pastores, que conta com a colaboração dos seminários; a nomeação de novos professores, e o intercâmbio dos professores de seminários e extensões. O presidente da junta é o rev. Wilson do Amaral Filho, que conta com a vice-presidência do Presb. Adonias Costa da Silveira e o secretariado do Presb. Wagner Winter.
  13. 13. Identidade: adaptação e empreendedorismo Certificações
  14. 14. Identidade: adaptação e empreendedorismo Certificações
  15. 15. Identidade: adaptação e empreendedorismo Certificações
  16. 16. Identidade: adaptação e empreendedorismo Certificações
  17. 17. Identidade: adaptação e empreendedorismo Certificações
  18. 18. Obrigado: receba este presente Escolas que são gaiolas existem para que os pássaros desaprendam a arte do vôo. Pássaros engaiolados são pássaros sob controle. Engaiolados, o seu dono pode levá-los para onde quiser. Pássaros engaiolados sempre têm um dono. Deixaram de ser pássaros. Porque a essência dos pássaros é o vôo. Escolas que são asas não amam pássaros engaiolados. O que elas amam são os pássaros em vôo. Existem para dar aos pássaros coragem para voar. Ensinar o vôo, isso elas não podem fazer, porque o vôo já nasce dentro dos pássaros. O vôo não pode ser ensinado. Só pode ser encorajado. Crônica Gaiolas e Azas. Rubem Alves

×