assessoria de design para artesãos

2.935 visualizações

Publicada em

Diante de um cenário de crescente massificação de produtos, o artesanato perde seu potencial valor cultural e consequente valor de mercado. As pequenas e distantes comunidades de artesãos tornam-se reféns de um mercado moldado pelas tendencias dos grandes centros, muitas vezes filtradas pelo olhar do atravessador, num processo que impede melhorias sociais e econômicas para as pequenas cadeias produtivas.
Este trabalho é o resultado do Projeto Elo Cultural de revitalização de artesanato de regiões do Ceará, realizado pelo SEBRAE/CE em parceria com o Laboratório Piracema de Design, cuja metodologia foi aplicada com o objetivo de resgatar seus signos de identidade e ao mesmo tempo, agregar-lhes valores contemporâneos de mercado.
A metodologia Faber permite a troca de saberes entre designers e artesãos, onde o artesão mostra sua habilidade e repertório simbólico e o designer as recepta, apresenta-lhes novos usos, e as formata dentro de uma perspectiva contemporanea de mercado.
Como integrante do projeto Elo Cultural, apresento o meu trabalho realizado na região de Inhamuns, sertão central do Ceará, parte realizado na vivência e capacitação na metodologia faber e parte em consultorias continuadas.

3 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.935
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
313
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
19
Comentários
3
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • assessoria de design para artesãos

    ×