Direção de Arte

3.053 visualizações

Publicada em

Publicada em: Design
1 comentário
11 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.053
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
321
Comentários
1
Gostaram
11
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Direção de Arte

  1. 1. “Veréumaexperiênciadireta, e autilização de dadosvisuaisparatransmitirinformaçõesrepresenta amáximaaproximaçãoquepodemosobtercomrelaçãoàverdadeiranaturezadarealidade.”
  2. 2. As informaçõesvisuaistambémsão asprimeirasquechegam, e asprimeirasquemarcam.CabeentãoàDireção de Arteutilizaressaarma a favor deumatransmissãoefetiva deumamensagem.
  3. 3. Emsuma, oDiretor de Arteéresponsávelportraduzirvisualmenteumaideia.
  4. 4. Os meiosmaisinteressantes detraduzi-la:Metáforaqueutiliza um objeto doprópriouniverso
  5. 5. Os meiosmaisinteressantes detraduzi-la:Metáforaqueutilizaumaideia a partirde elementos do próprio layout/mídia
  6. 6. Os meiosmaisinteressantes detraduzi-la:Metáforaqueutilizaumaideia a partirde um ganchoexterno
  7. 7. Os meiosmaisinteressantes detraduzi-la:Hipérbole
  8. 8. Os meiosmaisinteressantes detraduzi-la:Elementosqueformamoutroselementos.
  9. 9. ContandohistóriasLinguagemDramática:Vítima – Opressor - Salvador
  10. 10. Ambientação e Pontode virada
  11. 11. Recursos I
  12. 12. “Porqueeunãopenseinisso antes?”Mostrealgoque aspessoassemprequiseram ver.-Parecequeeujá vi issoemalgumlugar…-Sim, nosseussonhos(ounão).
  13. 13. Mostrealgoque aspessoasnuncairiamqueremver.Confrontevaloressociais(issovaitrazerimpacto), masnão seesqueça de dizerdepoisque era sóbrinks.
  14. 14. Praquementende do assunto,ficafácilperceberquemnãoentende.Entendaoproduto.Penseemcomoopúblicopensa. Comose comporta. Façaalgopraeles seorgulharem.
  15. 15. Tudo do quenoslembramos alongoprazoaconteceemmomentos degrandeintensidade de sentimentos.Sejameles ruins oubons.Para sermosmemoráveis,precisamosser intensos.
  16. 16. Masaindaassim, precisamos seradequados. Nãotorçaonarizparaosclichés, alguns delessimplesmentefuncionam.
  17. 17. Abstraia. O mundoda propagandaéumaoportunidade de sair docotidiano, idealizar a realidade.
  18. 18. Masaindaassim, sejacrível. Aspessoasgostamé de histórias com as quais se identificam.
  19. 19. Eéporissoquepodemosdotarcoisasnão-humanas de característicashumanas.
  20. 20. Um bomanúnciodizalgo novoquenosfazrevisitar umsentimentojávivido.
  21. 21. Relações com otexto
  22. 22. Quandosóotextodiz – arte criaumaatmosfera
  23. 23. Quandosó a imagemdiztudo
  24. 24. Quandoimagemetexto se completam
  25. 25. Evite– imagemetextonãocondizem(paralelos)Evite– Imagemetextodizem amesmacoisa
  26. 26. Recursos II
  27. 27. Utilizarlegendas/gráficosinteragindocom um objeto.
  28. 28. Referênciaartísticaexplícita
  29. 29. Referênciaartísticaimplícita
  30. 30. Anúncios de oportunidadeutilizam aestéticacomomeio dereconhecimento.
  31. 31. Cores.
  32. 32. Dinâmica.Ângulo.Plano.Cores.Tudopodeajudar a dramatizar a peça.
  33. 33. Umachupadinhanãoéruim: É sóir deleve.Utilizar um novoestilocomoreferênciaésempre umdesafio.
  34. 34. Brainstorm
  35. 35. Palavras. Ícones, índices,símbolosquesintetizamseuprodutoeseuargumento.Disserte a respeito. Converse a respeito.Issoteajudará a criarimagensmentais.
  36. 36. Não se assuste. Nãotenhamedo derabiscar, rafeare ser feliz.Quandodesenhamos,notamosassociaçõesquenãonotaríamosapenas com palavras.
  37. 37. Referências
  38. 38. Lembraqueeufalei de sonhos? Sonhossãoobrainstorm natural davida.
  39. 39. Elesselecionamapenasoqueémaisintenso,misturam, fazemassociações,inseremelementosemcontextosdiferentes,econtamhistóriasondetudopodeacontecer,sembloqueioscriativos,clientesediretoresdecriação.
  40. 40. Traduzirvisualmenteumareferêncianão-visual. Juntar referências.
  41. 41. Quantomaisinusitada a referência, mais originaloresultado. Mas as pessoasprecisamidentificá-la. TomeCuidadoparanãofazerum frankenstein.
  42. 42. Traduzirumareferênciaparaocontemporâneo/publicitário.
  43. 43. Afinal, Direção de Arte nãoé Arte.Tenteouvirsuapeça. O queelapede?
  44. 44. Diretor de Arte
  45. 45. Um ser sensível
  46. 46. Sinta-seenvergonhadoquandorepetir umestilo.
  47. 47. Tãobelaquantosua arte é a belezados resultados.Repitacomigo: A arte é um recursopara a publicidade,a publicidadenãoé um recursoparadivulgarminha arte.
  48. 48. Sejapretensioso.
  49. 49. E paraisso, rascunhe. Pensenosespaços, oestilo,tenhaemmente a peçaperfeita. Tudopode serplanejado, atéalbuns do facebook.
  50. 50. E depois disso, mentalizeoprocesso.Tentecomeçarotrabalhoomaiscedopossívelparater tempo dearrancaromáximo dele, detestaropçõesetrabalhardetalhes.(video nissan)
  51. 51. Falandonisso, pensenosdetalhes. Umdetalhereforçaumaatmosfera.Váriosdetalhescriamela.
  52. 52. Falandonisso, pense. Sejatambémoser pensanteenãosóodesenhante.Se apaixonepelomundo.Vejabelezaondeosoutrosnãoveem.Depoisosfaçavertambém.
  53. 53. Fim

×