2015 09 29_historia_da_ciencia_e_tecnologia_capitulo12

139 visualizações

Publicada em

Trabalho para a matéria da história da ciência e tecnologia.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
139
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2015 09 29_historia_da_ciencia_e_tecnologia_capitulo12

  1. 1. ?à %°% A K ZHEIENEIH 'h _ x FHZ MHRHVIlHHS ' % SECULOXX § W L, @g5 nã à §¡J _ 'na', .ax CAPÍTULO12 1 à fg) U IIIIIIIIIIIIIIII DE EDUCAÇÁ EEEEEEEEEEEEEEEEEE IA
  2. 2. A explicação encontrada por RUTHERFORD para a radioatividade . - b › era a transmutação nuclear. Assim comprovou-se a LEI DE SODDY é. sobre o deslocamento radioativo. Em 1910 sua equipe descobre â o NÚCLE ATÔMICO.
  3. 3. .1 * Rutherford escreve o artigo . o o _ à “ 1: ° Í' tratando da dispersão de partículas Q'. e [É e da dismensão e constituição do núcleo. i i| Em°
  4. 4. BOHR fez uma unificação da ESPECTROSCOPIA de J. J. BALMER " e a RADIOATIVIDADE, aproveitando a idéia de quantização de PLANCK para ilustrar as órbitas permitidas para o elétron em um átomo.
  5. 5. LOUIS BROGLIE estudou o DUALISMO DA MATERIA que, assim como a luz, comporta-se como onda e partícula, abriu um novo caminho para se pensar o elétron: a ONDA PARTICULA.
  6. 6. v l¡ . .' -, ~ ¡ l "Q | '-2 . ijfj' 'i1 ) ' É' . v' i -' a - ¡ vv ' q! Í d' 'l' q' É' Í . r. «A '. r ~ , À A l 4: 1 l I 1932 1947 evidencia o descobre o evidencia o
  7. 7. MAIS UM pouco scans o ÁTOM0 OS » , › três novas a partícula partículas e suas hipotética de antipartículas e 1956 há uma prova do
  8. 8. Em 1942 . .Í " i provocou aprimeira ü - . ,s _ é ' " e . ,aeraatômica. Emi f' í . Í. í , ff '. í,após os Estados Unidos reunir os mais célebres nomes da era atômica, explodiu a primeira ; LJ “é
  9. 9. INSYIVUYO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCLI E TECNOLOGIA É_ _ . " ; a ; (1 'm ; E u, A' . z m_ q'. "«. -.v. _<'- - »ao ›; a › Í J¡ '#3' , _ . ~ , . ,- , .› -. g. 1.a A . o l . ' 'v- “ ' c_ , .. - ' ' . , , " _. 3.7? r . . ,
  10. 10. M 6 m O N C n E M m C INSTITUTO FEDERAL o¡ EDUCAÇÃO
  11. 11. A biologia no século xx se aproximou cada vez mais da química. A BIOLOGIA MOLECULAR trouxe as mais significativas contribuições explicar, preservar e prolongar a vida. 'Is 'sÍl
  12. 12. Outro avanço no século XX foi o estudo da . Chegando a ser laureado 10 vezes no prêmios nobel durante dos anos de 1915 à 1997. Í 1 . O
  13. 13. Foram grandes conquistas: a INSULINA, a HEMOGLOB| NA e o estabelecimento do CODIGO GENETICO.
  14. 14. Descobertas importantes como a SÍNTESE DO DNA E RNA laurearam S. OCHOA e A. KORNBERG. Já a ESTRUTURA MOLECULAR DO DNA laureou M. H.F. WILKINS e J. D. WASTON. x1/
  15. 15. Aos estudos de acrescentados l e f A . , . i “f E Í E levanta problemas éticos, mas a ciência deve sempre buscar o bem-estar da humanidade.
  16. 16. z m. mamã. . ma. . mon n52: «v0 N. ..›om-o. :o. _< INSTTWTD FEÉIÀLD¡ EOUCIKÀQÉKICMETÊMEM m<: _,= z<u < mzuzo: mozmzz. .. . z_za. _< 2.25M m ozoz5zz< . ..uz a F o. _._o. _< s K q <: ._ do ozzo» zu : n35 u a o. _._o. _< . ..Etmzoànm DO> . oouãmu O< SMED: 0152.21 _xo. _.mo> u><z n 254x93- 5:. ; <m<z «asma _ zumqíxu m. :.n. .:. <m TJ. . cc s, .; __ Vm_w. ._5._m -S= <._ Sun<u< <o<_>zm e v a . s, _E255 ou_h. .=>om m. _._. .u. _.<m_ r J . , . ,. ,, Í. ' _L . S75 Í' . .L »O O. ¡1531 -PVÓ Iuàu 19614: 1957 , -
  17. 17. 370805! 15.47 T3175» 37.» 251w _Di 8139375 _U2 i_ 12 13 i ã 2 V594 .4 . :O55 .26 2 . H 288 m2 5 76 3 9 B7 57 25 , . 8 . J . . . à. S 75 8 _ 993490 .58 8 . _ . , . 3 978457134 5 , .. .ba 2 2 . 559 3 8 . .rJ522 › 7 5 5 l 2_ . , 9714 9 »S77 7 4 7 _ u. 4, »S3 932 B6L$_88519 7178 30 4 1. . É) z y ; ip 34 6M§77495 / u um_ 2 78 7 6 Ju Ejasñük ; iu : H . 3 3 E 9 , 1 J 1 já 3 5 me r 5 . X . à ¡v5.4! 1. .7 7,. ... n.i. ., , Q0051 b 7 GU. o. 5 5 u 328t3QID788 14 _3 8_ U5 ZSM 62 2 569 8 24532512 _ 1.1.732 54 On w 47.: 5 43339 9B Hi. 2 L HB 9541542 5 l .
  18. 18. nasTceu em 06 de maio de 1856, em Freiberg, na Moravia, tornou-se o fundador da Psicanálise. _ -1 _T
  19. 19. BERTHA PAPPENHEIM , era considerada depressiva e hipocondríaca, distúrbios que eram conhecidos como “histeria”. Sob hipnose, ela revela lembranças de sua infância, o que lhe provoca uma melhora emocional significativa após o transe.
  20. 20. Freud foi marginalizado por seus colegas durante muito tempo. Seu único parceiro é WILHELM FLIESS. 0 psicanalista inicia então uma pesquisa sobre os sonhos, que servem de base para seu livro "A INTERPRETAÇÃO oos SONHOS".
  21. 21. ¡uvrmno rmnm mundo, uma¡ IOLOGIA / "Í e" " . ' 4 _. - . JN _ ' ___/ _ . ¡ . A l " à 4 fl! 2/ 7'? " "'-› . ,' a -r " É l f 'mkv Ç', 7/ A í K. 3 . -n__; [,, ›"
  22. 22. Freud abriu novos caminhos à sociologia, à história e ao estudo da civilização em geral. e ls , _ 'rge1cx _§
  23. 23. r “answer” í mÍlLÍ( A | k * z . A . i . _á Ljzd | 'r U HEIENEIH mz MHRHVILHHS _ , 'NOBYEL o . _ -
  24. 24. nl ¡usrmno 7mm¡ o¡ HMKÀÇÁO, (IENCIA l "JNOLOGIA ' nasceu 1833 em Estocolmo, na Suécia e morreu em 1896 em San Remo, na Itália. Em 1866, inventou a dinamite, que frustrado com seu invento, legou a sua fortuna para a constituição do premio que leva seu nome. "(11".
  25. 25. . 4 5 ç ' . “ s¡ v# , N A . Lvl _ , g - x . ' . y, / * , l Í 9'¡ 1 l! r _ _ l. , ~ «- 2M/ . L f Sua finalidade é promover realizações de destaque em física, química, fisiologia ou medicina, literatura e para o trabalho em paz. O prêmio consiste em uma medalha de ouro, um diploma com citação de condecoração e uma soma variável em dinheiro.
  26. 26. ijmf7afzlÍz, I Os prêmios de química e de física são lv. .' . Fei-y ' _ _ ' «_ O f, ›' anunciados pela Academia "' r' Real de Ciências da Suécia. r Í rg' 'j Medicina e ou fisiologia pelo Instituto l . .r de Karolinska , de Estocolmo. . ç A _ ç Os Prêmios de literatura, da paz e, 'QÂEÍÉZTFTT desde 1969 o Nobel de Economia, 1___, ÁS. , »x "i l' mediante a doação de um banco sueco. À. , , ,_, , -f-JÍ JÂÍJ1JQÍ_I, _ 4:: ,Í í

×