Em coro a deus louvemos 326 353

3.953 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.953
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
86
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Em coro a deus louvemos 326 353

  1. 1. 326 – Pai AbraãoG D7Pai Abraão tem filhos, muitos filhos ele tem. GEu sou um deles, você também, louvemos ao Senhor.Braço direito. Pai Abraão...Braço esquerdo. Pai Abraão...Perna direita. Pai Abraão...Perna esquerda. Pai Abraão...Mexendo a cabeça. Pai Abraão...Dá uma voltinha. E senta.327 – Carruagem de fogoE A E A E1. A voz que te chama é de Cristo, o Senhor: A E A E a nossa esperança, nosso redentor. A E A E Ele é o caminho, a paz bem real, A E A E a vida eterna, amor sem igual. B7 A B7 E Est.: Não fujas, não vá te esquivar, aceite seus planos, B7 A E A E seus ombros querem te sustentar e está a chamar.2. Sua voz é suave, é mansa e apraz, / insiste em guiar-nos por caminhos de paz. Em meio a guerras que trazem terror / a sua mensagem é viver em amor. Em coro a Deus louvemos
  2. 2. 327 – Carruagem de fogo 2ª parte Em coro a Deus louvemos
  3. 3. 328 – Estou alegre A DEstou alegre. Por que estás alegre? A EEstou alegre. Conta-me por que. A D A E AEstou alegre. Por que estás alegre? Isto eu quero já saber. D A EVou contar-te. Podes contar-me a razão de estar alegre assim.Pom, porom, pom, pom. A D/: Cristo um dia me salvou e também me perdoou, A E Apor isso agora alegre estou.:/ Em coro a Deus louvemos
  4. 4. 329 – Crianças do Reino D A DNós somos crianças do Reino, do Reino de Jesus. A DCantamos cantigas alegres, cantigas de paz e de luz. G D A7Lá, lá, lá, lá, lá, lá. Lá, lá, lá, lá, lá. /: Lá, lá, lá, lá, lá, lá, lá, :/ lá Em coro a Deus louvemos
  5. 5. 330 – Sou criança D G Bm G A71. Sou criança e faço parte desta casa que é casa de Deus. D G D Bm G A7 D Sou criança e faço parte desta casa que é casa de Deus. D G A7 D Bm G A7Est.: Sou pequena e importante neste trabalho que a Igreja faz. D G A7 D Bm G A7 D Sou pequena e importante neste trabalho que a Igreja faz.2. /: Canto, pulo, grito, falo as maravilhas de nosso Senhor.:/ Em coro a Deus louvemos
  6. 6. 331 – Amigos para sempre C1. Eu não tenho nada pra dizer, Dmvocê parece num momento até saber, G7 Co quanto eu estou sofrendo. AmVem, veja através dos olhos meus C Dma emoção que sinto em estar aqui Csentir seu coração e amando. F Est.: /: Amigos para sempre é o que nós iremos ser, C Am na primavera ou em qualquer das estações. Dm G7 F C Nas horas tristes, nos momentos de prazer, amigos para sempre.:/2. Você pode estar longe, muito longe, sim,mas, por te amar, sinto você perto de mim / e o meu coração contente.Não nos perderemos, não te esquecerei.Você é minha vida, tudo o que sonhei. / Ligue para mim um dia. Em coro a Deus louvemos
  7. 7. 332 – Juventude G D7/: Juventude, Juventude, Juventude eu gosto de você! GJuventude, Juventude, Juventude, não quero te perder!.:/G7 C GSempre a cantar... Bater as mãos... D7 GAssobiar... Uma canção. C GÉ dar um grito... Tocar violão... D7 GAmar a todos de coração. Em coro a Deus louvemos
  8. 8. Porque as pessoas veem as aparências, mas Deus vê o coração. I Samuel 16.7b Em coro a Deus louvemos
  9. 9. 333 – Força jovem Em coro a Deus louvemos
  10. 10. 333 – Força jovem 2ª parte E E7 A1. Louvar a quem nos merece, a Cristo, nosso irmão. F#m B7 E Espírito da vida que sopra ao coração. E7 A Cantando ou orando, dançando em seu louvor. E B7 E Est.: Seremos mais Igreja, Igreja do Senhor. A E B7 E E7 Seremos mais Igreja, Igreja do Senhor. A E /: Força Jovem! Força Jovem! B7 F#m A B C# B Ocupa teu espaço, conquista teu lugar! A E Força Jovem! Força Jovem! G#m A B7 E E7 É Deus quem nos convida a com ele caminhar.:/2. Amar a quem nos ama é fácil de fazer. Maior dificuldade é dar sem receber. Criando novos grupos abertos ao amor.3. Servir a quem precisa faz parte da missão. Num gesto de amizade a fé se faz ação. Pintando um outro dia com nova cara e cor. Em coro a Deus louvemos
  11. 11. 334 – Um dia uma criança Em coro a Deus louvemos
  12. 12. 334 – Um dia uma criança 2ª parte E B71. Um dia uma criança me parou, E olhou-me nos meus olhos a sorrir. B7 Caneta e papel na sua mão, E tarefa escolar para cumprir. A E perguntou no meio de um sorriso: B7 E o que é preciso para ser feliz? E7 A E Est.: Amar como Jesus amou, / sonhar como Jesus sonhou, B7 E pensar como Jesus pensou, / viver como Jesus viveu. E7 A Am E /: Sentir o que Jesus sentia, / sorrir como Jesus sorria, C#m F#m e ao chegar ao fim do dia B7 E eu sei que eu dormiria muito mais feliz.:/2. Ouvindo o que eu falei ela me olhou / e disse que era lindo o que eu falei. Pediu que eu repetisse, por favor, / que não falasse tudo de uma vez. E perguntou de novo num sorriso: / O que é preciso para ser feliz?3. Depois que eu terminei de repetir, / seus olhos não saíam do papel. Toquei no seu rosto e a sorrir / pedi que ao transmitir fosse fiel. E ela deu-me um beijo demorado / e ao meu lado foi dizendo assim: Em coro a Deus louvemos
  13. 13. 335 – Canção da América Em coro a Deus louvemos
  14. 14. 335 – Canção da América 2ª parte Em coro a Deus louvemos
  15. 15. 335 – Canção da América 3ª parteDm7 C7 C F Bb CAmigo é coisa pra se guardar debaixo de sete chaves,Dm Bb C F G C C7dentro do coração, assim falava a canção F Dm7 Gque na América ouvi, mas quem cantava chorou Bb7 Cao ver seu amigo partir. C Dm C FMas quem ficou, no pensamento voou com seu canto Bb C Dm Cque o outro lembrou e quem voou, no pensamento ficou F Bbcom a lembrança que o outro cantou.Dm7 C7 C F Bb CAmigo é coisa pra se guardar no lado esquerdo do peitoC Bbmesmo que o tempo e a distância digam nãoC F Bb F Dm7mesmo esquecendo a canção o que importa é ouvir G Bb7 Ca voz que vem do coração.Dm7 C Dm7 Bb F Dm BbPois seja o que vier, venha o que vier, qualquer dia, amigo, C F Dmeu volto a te encontrar, qualquer dia , amigo, G Bb F Ca gente vai se encontrar. Em coro a Deus louvemos
  16. 16. 336 – Quando você C Am DQuando você, (pom, pom, pom). G7 C Am DmSe sentir sozinho, você, (pom, pom, pom). G7 C Am Dm G7 C G7 CNão estará sozinho porque (pom, pom, pom). O Senhor está com você. Em coro a Deus louvemos
  17. 17. 337 – LiberdadeG D C G1. Liberdade vem e canta e saúda este novo sol que vem. D C G Canta com alegria o escondido amor que no peito tem. D C D G Mira o céu azul, espaço aberto pra te acolher. D C G D C D G Mira o céu azul, espaço aberto pra te acolher, ê, ê, ê ...2. Liberdade vem e pisa este firme chão de verde ramagem. Canta louvando as flores que ao bailar do vento fazem sua mensagem. Mira estas flores, abraço aberto pra te acolher, mira estas flores, abraço aberto pra te acolher, ê, ê, ê ...3. Liberdade vem e pousa nesta nossa América triste e vendida, canta com os seus gritos nossos filhos mortos e a paz ferida. Mira este lugar, desejo aberto pra te acolher, mira este lugar, desejo aberto pra te acolher, ê, ê, ê ...4. Liberdade, liberdade, és o desejo que nos faz viver. És o grande sentido de uma vida pronta para morrer. Mira o nosso chão, banhado em sangue pra reviver. Mira a nossa América, banhada em morte pra renascer, ê, ê,ê ... Em coro a Deus louvemos
  18. 18. 337 – Liberdade 2º parte Em coro a Deus louvemos
  19. 19. 338 – Seja bem vindo/a F/: Seja bem-vindo olé lê! Seja bem-vinda ola lá!Dm G7 C F C7 FPaz e bem pra você que veio participar :/ CSeja bem-vindo, bem-vindo seja, oleleô FSeja bem-vindo, bem-vindo seja, olelea. C7 CNão importa se você veio do Sul ou do Norte. FA casa é sua meu irmão pode chegar. Em coro a Deus louvemos
  20. 20. Feliz aquele que teme a Deus, o Senhor,e vive de acordo com a sua vontade! Se você for assim, ganhará o suficiente para viver, será feliz, e tudo dará certo para você. Salmos 128. 1-2 Em coro a Deus louvemos
  21. 21. 339 – Seu nome é Jesus Cristo Em coro a Deus louvemos
  22. 22. 339 – Seu nome é Jesus Cristo 2ª parte Em1. Seu nome é Jesus Cristo e passa fome, e grita pela boca dos famintos. Am Em, B7E a gente quando o vê passa adiante às vezes pra chegar depressa à igreja. EmSeu nome é Jesus Cristo e está sem casa e dorme pelas beiras das calçadas. Am Em B7E a gente quando o vê apressa o passo e diz que ele dormiu embriagado. Am D7 G Em Est.: /: Entre nós está e não o conhecemos, Am B7 Em E Entre nós está e nós o desprezamos.:/2. Seu nome é Jesus Cristo e é analfabeto, e vive mendigando subemprego. E a gente quando o vê diz: “É um à toa, melhor que trabalhasse e não pedisse!” Seu nome é Jesus Cristo e está banido das rodas sociais e das igrejas, porque dele fizeram um rei potente, enquanto que ele vive com o pobre. 3. Seu nome é Jesus Cristo e está doente, e vive atrás das grades da cadeia. E nós tão raramente vamos vê-lo, sabemos que ele é um marginal. Seu nome é Jesus Cristo e anda sedento por um mundo de amor e de justiça, mas, logo que contesta pela paz, a ordem o obriga a ser da guerra.4. Seu nome é Jesus Cristo e é maltrapilho, e vive nos imundos meretrícios, mas muitos o expulsam da cidade, com medo de estender a mão a ele. Seu nome é Jesus Cristo e é todo homem que vive neste mundo ou quer viver, pois pra Ele não existem mais fronteiras, só quer fazer de nós todos irmãos! Em coro a Deus louvemos
  23. 23. 340 – Pra não dizer que não falei de flores Em coro a Deus louvemos
  24. 24. 340 – Pra não dizer que não falei de flores 2ª parte Em A Em1. Caminhando e cantando e seguindo a canção A Em somos todos iguais, braços dados ou não, A Em nas escolas, nas ruas, campos, construções. A Em Caminhando e cantando e seguindo a canção. A Em Est.: /: Vem, vamos embora que esperar não é saber. A Em Quem sabe faz a hora não espera acontecer.:/2. Pelos campos há fome em grandes plantações, pelas ruas marchando indecisos cordões, ainda fazem da flor seu mais forte refrão e acreditam nas flores vencendo o canhão. 3. Há soldados armados, amados ou não, quase todos perdidos de arma na mão, nos quartéis lhes ensinam uma antiga lição de morrer pela pátria e viver sem razão.4. Nas escolas, nas ruas, campos, construções, somos todos soldados, armados ou não. Caminhando e cantando e seguindo a canção somos todos iguais braços dados ou não. 5. Os amores na mente, as flores no chão, a certeza na frente, a história na mão. Caminhando e cantando e seguindo a canção, aprendendo e ensinando uma nova lição. Em coro a Deus louvemos
  25. 25. 341 – Um bom diaC G7Um bom dia, um bom dia, um aperto de mão. CÉ assim que cumprimento, é a minha saudação!342 – Bom dia companheiro F C7/F/: Bom dia, companheiro/a, como vai?:/ Bb FDancemos um pouquinho para começar o dia. C7 FBom dia, companheiro/a, como vai? Em coro a Deus louvemos
  26. 26. 343 – Cantar bom diaC GDe manhã é bom cantar: Bom dia! F G7 CE deixar soar a melodia. Dm G7/: É tão bom te encontrar. C Am F G7 CVou contigo caminhar: e dançar em tua companhia.:/ Em coro a Deus louvemos
  27. 27. 344 – Bom dia amigo E B7 E B7 EBom dia, bom dia amigo. Estamos juntos vamos brincar. B7 E B7 EBom dia, bom dia amiga. O nosso encontro já vai começar. Em coro a Deus louvemos
  28. 28. 345 – Para o dia ser assimC G CPara o dia ser assim, bom pra ti, bom pra mim, Dm Emeu aperto a tua mão, com carinho e atenção, F G7 Ce depois de te olhar, um abraço vamos dar. G7 C/: Bom pra nós se for assim neste dia até o fim.:/ Em coro a Deus louvemos
  29. 29. 346 – Esta é a história da serpente A G A/: Esta é a história da serpenteD A E Aque desceu do morro a procura do seu rabo.:/ E A/: Ei, você aí, é um pedacinho do meu rabo.:/ Em coro a Deus louvemos
  30. 30. 347 – LavadeiraC F C CO sol por aí assim. Chegou uma menina assim. F C G CCom uma trouxa de roupa assim. Cadinho de sabão assim. F C G CA trouxa era desse tamanho. A água um tiquinho assim. G C/: Lava, lava, lavadeira, quanto mais lavar mais cheira.:/ Em coro a Deus louvemos
  31. 31. 348 – Eu preciso de vocêD Bm G AEu preciso de você, você precisa de mim,D Bm G Anós precisamos de Cristo, até o fim. D Bm G A/:Sem cessar, sem parar, sem vacilar, sem tremer, sem chorar.:/D Bm G A/:Chap chalai laia. Chap chalai laiá. Chap chalai laia. Chalai laiá…:/ Em coro a Deus louvemos
  32. 32. 349 – Andando aqui na roda D A D G A D1. /: Andando aqui na roda que lindo é brincar.:/ G D A DUm pulo, dois pulos e volta pro lugar. G D A DUm pulo, dois pulos e troca de lugar.2. Correndo aqui na roda....3. Pulando aqui na roda... Em coro a Deus louvemos
  33. 33. 350 – Tributai ao Senhor A D E A Est.: /: Tributai ao Senhor, filhos de Deus. A D E A Tributai ao Senhor, glória e força.:/ A D E F#m1. A voz do Senhor é poderosa. E D E A voz do Senhor é cheia de majestade. 2. Tributai ao Senhor, a glória devida ao seu nome. Adorai ao Senhor na beleza da santidade. Em coro a Deus louvemos
  34. 34. 351 – Quero louvar-te C (2x Am)1. /: Quero louvar-te, sempre mais e mais.:/ F G G7 Buscar o teu querer, a tua graça conhecer, quero louvar-te. C Est.: As aves do céu cantam para ti, Am as feras do campo refletem teu poder. F G G7 Quero cantar, quero levantar as mãos a ti.2. Quero amar-te, sempre mais e mais ...3. Quero servir-te, sempre mais e mais... Em coro a Deus louvemos
  35. 35. 352 – O mutirão da vida Em coro a Deus louvemos
  36. 36. 352 – O mutirão da vida 2ª parte Bm Em Bm Est.: O mutirão da vida é vida em mutirão; Em Bm é gente reunida, é participação. A Bm No mutirão da vida há vida em comunhão, G F# Bm a morte é vencida e reina a libertação. A D1. Quem canta, canta e quem dança, vai dançar; F# Bm e cantando e dançando outros vão acompanhar. A D E quem achar que não tem ginda ou desafina, F# G F# Bm vai mudar a sua sina num canto de amor e paz. 2. A criançada toda vai se divertir; de oito a oitenta anos, todos vão contribuir. e quem achar que é muito novo ou muito velho vai ouvir nosso conselho, vai brincar e ser feliz. Em coro a Deus louvemos
  37. 37. 353 – Lá na ponte da vinhaça A D A D A E A/: Lá na ponte da vinhaça todo mundo passará.:/ E A D A E A D E A/: As lavadeiras fazem assim.:/ Assim, assim, assim, assim. Em coro a Deus louvemos

×