“É fazendo que se aprende a fazer aquilo           que se deve aprender a fazer.”                              Aristóteles
A equipa André Gomes, DEM        Luís Roseiro Eng.º, DEM César Cardoso, DEM          Mário Silva, DEE Chistof Pereira, DEM...
O que foi proposto?Desenvolver uma ferramenta portátil para dobrar barras de cobre                 sem esforço para o oper...
Ferramenta usadaactualmente Pesada  A dobra é feita manualmente: requer muitoesforço da parte do operador  Não é ergonómica
Ferramenta usadaactualmente
Alguma solução nomercado?                       Requer esforço por parte do                            operador e uma base...
Qual é a solução?      Uma ferramenta versátil e portátil      Ferramenta leve (máximo: 3 kg)      Deve efectuar as dobras...
O Projecto                         ?1. Testes                             2. Estrutura MecânicaNesta primeira fase é      ...
Testes Iniciais           Força necessária para dobrarEstudo do comportamento das barrasde cobre                          ...
Testes Iniciais                    Força necessária para dobrarResultados: 120 mm entre os suportes estáticos             ...
Testes Iniciais                    Força necessária para dobrarResultados: 95 mm entre os suportes estáticos             2...
Testes Iniciais                    Força necessária para dobrarResultados: 75 mm entre os suportes estáticos             6...
Testes Iniciais              Força necessária para dobrarResultados: Força necessária para dobrar                         ...
Testes Iniciais              Força necessária para dobrarResultados: Binário necessário para dobrar                       ...
Testes IniciaisForça necessária para dobrar                  Conclusão  Protótipo       Após analisar os ensaios, é razoá...
Escolha da Fonte de EnergiaEsta escolha é muito importante para guiar o resto do projecto; dela depende otipo de ferrament...
Geometria do Protótipo         Foram feitos alguns rascunhos com diferentes         geometrias até chegar a uma ideia fina...
specific process
Primeiro ProtótipoVirtual
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Siemens presentation fenge 2012

287 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
287
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Siemens presentation fenge 2012

  1. 1. “É fazendo que se aprende a fazer aquilo que se deve aprender a fazer.” Aristóteles
  2. 2. A equipa André Gomes, DEM Luís Roseiro Eng.º, DEM César Cardoso, DEM Mário Silva, DEE Chistof Pereira, DEM Paulo Amaro Eng.º, DEM Hugo Melo, DEE Pedro Ferreira Eng.º, DEMJoão Trovão Eng.º, DEE Sr. José Cruz, DEM
  3. 3. O que foi proposto?Desenvolver uma ferramenta portátil para dobrar barras de cobre sem esforço para o operador para ser usada na fase de acabamentos na Fábrica de Transformadores SIEMENS S.A. (Sabugo).
  4. 4. Ferramenta usadaactualmente Pesada A dobra é feita manualmente: requer muitoesforço da parte do operador Não é ergonómica
  5. 5. Ferramenta usadaactualmente
  6. 6. Alguma solução nomercado? Requer esforço por parte do operador e uma base sólida para se fixar Manual folding machine Extremamente pesada Não portátil Electric folding machine
  7. 7. Qual é a solução? Uma ferramenta versátil e portátil Ferramenta leve (máximo: 3 kg) Deve efectuar as dobras com o mínimo de esforço para o utilizador Devem ser garantidas as condições de segurança para o operador
  8. 8. O Projecto ?1. Testes 2. Estrutura MecânicaNesta primeira fase é Desenvolvimento,avaliada a energia dimensionamento,necessária para dobrar construção e análise deas barras Protótipo tensões do protótipo 3. Fonte de Energia Selecção do Motor, projecto de controlador e realização de testes
  9. 9. Testes Iniciais Força necessária para dobrarEstudo do comportamento das barrasde cobre Testes de dobra com uma célula de carga
  10. 10. Testes Iniciais Força necessária para dobrarResultados: 120 mm entre os suportes estáticos 1200 1000 800 Force (N) 600 400 200 Ensaio 1 Ensaio 2 0 0 5 10 15 20 25 30 35 40 Time (s)
  11. 11. Testes Iniciais Força necessária para dobrarResultados: 95 mm entre os suportes estáticos 2000 1800 1600 1400 Force (N) 1200 1000 800 600 400 200 Ensaio 3 Ensaio 4 0 0 5 10 15 20 25 30 35 Time (s)
  12. 12. Testes Iniciais Força necessária para dobrarResultados: 75 mm entre os suportes estáticos 6000 5000 4000 Force (N) 3000 2000 1000 Ensaio 5 Ensaio 6 0 0 5 10 15 20 25 30 35 Time (s)
  13. 13. Testes Iniciais Força necessária para dobrarResultados: Força necessária para dobrar Força máxima (N) Distância b.s. (mm) 1º teste 2º teste 120 1060 1030 95 1850 1800 70 4510 4810 6000 5000 Force (N) 4000 3000 2000 1000 0 60 80 100 120 Distance between supports (mm)
  14. 14. Testes Iniciais Força necessária para dobrarResultados: Binário necessário para dobrar Distância b.s. Braço Força Máxima Momento (mm) (m) (N) (N.m) 120 0,06 1060 127,2 95 0,0475 1850 175,8 70 0,035 4810 336,7 400.0 350.0 Torque (N.m) 300.0 250.0 200.0 150.0 100.0 50.0 0.0 60 70 80 90 100 110 120 130 Distance between supports (mm)
  15. 15. Testes IniciaisForça necessária para dobrar Conclusão Protótipo  Após analisar os ensaios, é razoável assumir um valor de 100 mm entre os apoios, onde o binário necessário para dobrar as barras é de cerca 150 N.m;  O binário considerado no dimensionamento é um valor majorado, devido essencialmente a efeitos de escorregamento e encurvamento das barras, tempos de ensaio lentos e também para assegurar a fiabilidade e eficácia do processo.
  16. 16. Escolha da Fonte de EnergiaEsta escolha é muito importante para guiar o resto do projecto; dela depende otipo de ferramenta e o seu modo de accionamento, assim como toda a suageometria. + + + + + + + + + + + + ++++++ Importância --- ------ ------ --- Peso Força/ Transporta Disponibilidade Simplici FACTOR da Fiabilidade Segurança Custo Peso bilidade da Fonte dade ferram. Peso 2 2 2 1 1 1 0,5 0,5 10Sistema:Hidráulico 2 5 5 2 2 3 2 2 33Pneumático 4 2 1 2 5 4 2 3 27,5Eléctrico 4 4 4 3 5 3 3 3 38Desfavorável = 1Favorável = 5
  17. 17. Geometria do Protótipo Foram feitos alguns rascunhos com diferentes geometrias até chegar a uma ideia final. Depois de todas as discussões e considerações, foi apresentado um primeiro protótipo…
  18. 18. specific process
  19. 19. Primeiro ProtótipoVirtual

×