16693941 Espiritismo Infantil Historia 02

672 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
672
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

16693941 Espiritismo Infantil Historia 02

  1. 1. História 02 "A árvore triste" Certa vez, existiu uma árvore que vivia sempre triste, porque de seus galhos jamais havia brotado uma flor. Só folhas. Uma abelhinha aproximou-se dela cantando: - Zumm...zumm...zumm...Que árvore feia! Só tem folhas! E as flores, onde estão? Sua companheira observou: - Aqui não fico, pois preciso levar um pouco de mel para minha colméia. Vocês sabem o que é uma colméia? É a casinha das abelhas. É ali que elas moram e fabricam o tão preciso mel. As abelhinhas são trablhadeiras, retiram o néctar das flores, que é um docinho que todas elas possuem. Depois levam esse néctar para a colméia e ali o depositam. Hoje, amanhã, depois...E vão formando o mel tão saboroso. Como é gostoso um favo de mel! Bem, voltemos à nossa história. A abelhinha continuou: - Como esta árvore não tem flores, vou-me embora. Chegou em seguida, uma linda borboleta e, voando em torno da árvore, comentou: - Como é triste esta árvore! Não tem nenhuma flor! As flores é que alegram a vida... 1
  2. 2. Vocês sabiam que as borboletas põem ovinhos nas folhas das plantas, e desses ovinhos nescem uma porção de lagartas que um dia se transformam em lindas borboletas? Como é maravilhosa a natureza! Vieram também alguns passarinhos, mas não gostaram de fazer seus ninhos na árvore sem flores, por isso não ficaram lá. A noite já vinha chegando, quando um menininho se aproximou da árvore. - Estou tão cansado que vou me deitar debaixo dessa árvore, disse o pequeno. Deitou e dormiu. A árvore, no seu silêncio, pensou: "Como ele está cansado...Deve estar sentindo frio! Vou derrubar minhas folhas sobre ele, para lhe servirem de agasalho, assim ele não sentirá tanto frio." Quando amanheceu, o menino acordou e disse admirado: - Que vejo? Quantas folhas! Dormi tão bem...Como essa árvore é boa e generosa! Agasalhou-me com suas folhas! O menininho, muito agradecido, disse a árvore: - Você terá sua recompensa: vou transformá-la na árvore mais bela e alegre deste lugar. E continuou: - Árvore, de hoje em diante, de seus galhos brotarão flores multicores, para que todos se sintam felizes! Voltaram as abelhinhas, a borboleta e os passarinhos, e todos disseram: - Como está bonita, perfumada e alegre! Você é a árvore mais linda que existe! Viremos sempre visitá-la! E todos cantaram junto com as flores... 2
  3. 3. (OBS: Ao professor caberá acrescentar comentários mostrando a natureza como obra de Deus e ainda o respeito que devemos a ela.) 3

×