PPGAC                                                         P r o g r a m a d e P ó s -g r a d u a ç ã o e m A r t e s C...
Áreas de ConcentraçãoO PPGAC oferece cursos em nível de Mestrado e deDoutorado com uma Área de Concentração – ArtesCênicas...
Linhas de Pesquisa1. Matrizes Estéticas na Cena Contemporânea: Pesquisas decaráter transdisciplinar em artes do espetáculo...
Proposta curricularMESTRADO  Duração do Curso Mínimo: 3 semestres Máximo: 4 semestres  Disciplinas Obrigatórias: Seminário...
Infraestrutura•   Salas de aulas teóricas no PAC e na FACED/UFBA ;    salas de aulas para práticas corporais na ET/UFBA•  ...
2. CORPO DOCENTEDOCENTE               TITULAÇÃO              DISCIPLINA   DISCIPLINA   NIVEL                              ...
DOCENTE                      TITULAÇÃO              DISCIPLINA   DISCIPLINA   NIVEL                                       ...
DOCENTE                     TITULAÇÃO                   DISCIPLINA   DISCIPLINA   NIVEL                                   ...
3. CORPO DISCENTE, TESES E DISSERTAÇÕES em 2010Tempo de formaç ã de mestres, doutores e percentual de bolsistas           ...
Distribuiç ã das orientaç õ das teses e dissertaç õ defendidas no período de            o             es                  ...
DOCENTE                           TRIÊNIOPERMANENTES                                                              2010    ...
DOCENTE                          TRIÊNIOPERMANENTES                                                                   2010...
Distribuiç ã das orientaç õ das teses e dissertaç õ defendidas no período            o              es                    ...
PRODUÇÕES ASSOCIADAS A TESE OU DISSERTAÇÃO2007        2008      2009      2010225         259       272       425
Tempo de formação de mestres e                doutores (em meses)CURSO    2007         2008      2009     2010MESTRADO 27 ...
QUALIS PERIODICO - 2010DOCENTE                   CLASSIFICAÇÃO                                 TOTAL                      ...
Distribuição de Publicações    Qualificadas Docente X Discente –                              Triênio                    2...
Distribuição de Publicações Qualificadas       Docente X Discente - 2010PUBLICAÇÕES       DOCENTE   DISCENTEQUALIFICADAS 2...
4.3 .Produção técnica e outrasproduções consideradas relevantes.    DOCENTE               Produção Técnica    Ciane Fernan...
(em vermelho as produções mais relevantes)DOCENTE                     Produção ArtísticaANTONIA PEREIRA             Na Out...
IVANI LÚCIA SANTANA   e-Pormundos Afecto., Laboratório de Vídeo                      Digital (UFPB) e NatalNet (UFRN), Foy...
Egressos• Dos quase 190 mestres e 80 doutores diplomados  pelo PPGAC/UFBA desde 1997 muitos atuam como  professores ou em ...
CONVÊNIOS E PARCERIASColégio Doutoral:Co-tutela com Paris X e Paris III1. Uma cooperação sistemática de caráter interinsti...
Outros Intercâmbios:- Permanecem sólidos os intercâmbios com o Programa d’Études Théâtrales etChorégraphiques, coordenado ...
INGRESSO NO PROEX A PARTIR DE 2011                   PRINCIPAIS METAS PARA O TRIÊNIO                     III – DESCRIÇÃO D...
4 Implementação de Comissões – Atualmente está apenas em vigência acomissão de bolsas. Neste sentido, faz-se necessário im...
AVALIAÇÃO GERALPontos Positivos:Realização de Seminários Internos (desde 2008)Expansão das linhas de pesquisa (Ex: demanda...
Pontos Negativos:Infra-estrutura – Instalações da própria Escola de Teatro sãoacanhadas e mal conservadas (obras já em exe...
www.ppgac.tea.ufba.br
Políticas de internacionalização do Programa:Colóquios Internacionais de Etnocenologia e Seminários Internacionais sobre t...
Projetos de Pesquisa em AndamentoCORPO E(M) PERFORMANCE1-Coreografia e Corporeidade- Profª Maria Albertina Grebler2- Corpo...
DRAMATURGIA, HISTÓRIA E RECEPÇÃO1-A ação da linguagem no diálogo teatral.      Atos de fala e dialogismo cênicoPorfª Cleis...
MATRIZES ESTÉTICAS NA CENA CONTEMPORÂNEA1-A Dança dos Orixás sob a Perspectiva Estética do Corpo e outrasEtnografias- Prof...
POÉTICAS E PROCESSOS DA ENCENAÇÃO1-Análise Crítica da Dança Contemporânea- Profª Eliana Rodrigues Silva2-Ator-Contador Ato...
PROCESSOS EDUCACIONAIS EM ARTES CÊNICAS1-Atualização de textos clássicos- Profº Daniel Marques2-Causos Daqui: Estudo teóri...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Cenicas ufba

854 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
854
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cenicas ufba

  1. 1. PPGAC P r o g r a m a d e P ó s -g r a d u a ç ã o e m A r t e s C ê n ic a sSEMINÁRIO DE ACOMPANHAMENTO DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO DA ÁREA DE ARTES/MÚSICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES CÊNICAS – UFBA ESCOLA DE TEATRO/ESCOLA DE DANÇA (Mestrado e Doutorado credenciados desde agosto de 1997)Coordenador desde março de 2011: Luiz Cláudio Cajaiba SoaresVice-coordenadora desde agosto de 2011: Eliene Benício Amâncio Costa
  2. 2. Áreas de ConcentraçãoO PPGAC oferece cursos em nível de Mestrado e deDoutorado com uma Área de Concentração – ArtesCênicas, abrangendo as seguintes subáreas doconhecimento codificadas pelo CNPq: - Teatro - DançaOutras subáreas: - Fundamentos e Crítica das Artes; - Artes do Vídeo; - Cinema; - Ópera; - Música; - Artes Plásticas - Educação Artística... - Circo
  3. 3. Linhas de Pesquisa1. Matrizes Estéticas na Cena Contemporânea: Pesquisas decaráter transdisciplinar em artes do espetáculo, estudos deetnocenologia, metodologias de construção e detransmissão de saberes e fazeres.2. Poéticas e Processos de Encenação: Pesquisas sobretendências contemporâneas das artes do espetáculo,imaginário e criação, composição, formação e recepção.3. Corpo E(m) Performance: Pesquisas de carátertransdisciplinar, focalizando performances, os aspectos depertencimento de classe, gênero, etnia e os processos deinteratividade e hibridismo.4. Dramaturgia, História e Recepção: Pesquisas relativas àcriação dramatúrgica para diversas funções e meios,historiografia, recepção e crítica.5. Processos Educacionais em Artes Cênicas: Pesquisas decaráter transdisciplinar e desenvolvimento de epistemo-metodologias no campo das artes cênicas em experiênciasque contemplam processos de ensino-aprendizagem.
  4. 4. Proposta curricularMESTRADO Duração do Curso Mínimo: 3 semestres Máximo: 4 semestres Disciplinas Obrigatórias: Seminários Avançados I - 68 horas - 4 créditos Pesquisa em Artes Cênicas - 68 horas - 4 créditos Mais Disciplinas OptativasDOUTORADO Duração do Curso Mínimo: 6 semestres Máximo: 8 semestres Disciplinas Obrigatórias: Seminários Avançados II - 68 horas - 4 créditos Formas de Espetáculo - 68 horas - 4 créditos Processos de Encenação - 68 horas - 4 créditos Pesquisa em Artes Cênicas - 68 horas - 4 créditos Mais Disciplinas Optativas Há ainda atividades obrigatórias comuns aos dois cursos como Seminários de Pesquisa em Andamento , Seminários Interdisciplinares de Pesquisa e Estágio Docente A PROPOSTA CURRICULAR SOFREU REFORMULAÇÕES QUE ESTÃO SENDO TRAMITADAS NO CONSELHO COM MUDANÇAS ESTRUTURAIS, COM O DESLIGAMENTO DA ESCOLA DE DANÇA E COM A MUDANÇA DO NOME PARA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES DO ESPETÁCULO
  5. 5. Infraestrutura• Salas de aulas teóricas no PAC e na FACED/UFBA ; salas de aulas para práticas corporais na ET/UFBA• Laboratórios de Artes Cênicas:• Teatro Martim Gonçalves reinaugurado em 2008 (capacidade de 300 espectadores)• Sala 5, teatro experimental da Escola de Teatro (c. 90 esp.)• Laboratório Multimídia de Cenografia em terceira dimensão (projeto conjunto com a Escola de Belas Artes – pró-equipamentos)• Laboratórios de técnicas corporais, de cenografia, de indumentária e de iluminação (em construção desde agosto de 2011)• Utilização eventual de vários outros teatros e aparelhos culturais da cidade O teatro Martim Gonçalves está recebendo equipamentos para se tornar também uma sala de vídeo-conferência
  6. 6. 2. CORPO DOCENTEDOCENTE TITULAÇÃO DISCIPLINA DISCIPLINA NIVEL POS-GRAD. GRAD. BOLSA DOUTORES/AREA ANO CNPQ/FAPPERMANENTES1 ANGELA DE CASTRO Teatro 2004 3 22 ANTONIA PEREIRA Letras 1999 4 3 CNPQ3 ARMINDO BIÃO Antropologia 1990 1 -- CNPQ Social4 CASSIA LOPES Artes Cênicas 2007 1 35 CATARINA SANTANNA Letras 1989 1 26 CIANE FERNANDES Artes 1995 2 2 CNPQ7 CLEISE MENDES Letras 2001 3 48 DANIEL MARQUES Teatro 2004 1 19 DENISE COUTINHO Letras 2004 1 610 ELIANA RODRIGUES Artes 2000 3 211 ELOISA DOMENICI Comunicação 2004 3 3
  7. 7. DOCENTE TITULAÇÃO DISCIPLINA DISCIPLINA NIVEL POS-GRAD. GRAD. BOLSA DOUTORES/ARE ANO CNPQ/FAP APERMANENTES12 ÉRICO JOSÉ DE OLIVIEIRA Artes cênicas 2006 2 413 GLAUCIO MACHADO Artes cênicas 2008 3 5SANTOS14 HEBE ALVES DA SILVA Artes cênicas 2008 1 415 IVANI LÚCIA DE SANTANA Dança 2003 4 3 CNPQ16 JACYAN CASTILHO Artes cênicas 2008 2 317 LÚCIA FERNANDES Artes cênicas 2002 3 2LOBATO18 LUIZ CÉSAR MARFUZ Artes cênicas 2007 2 419 LUIZ CLAUDIO CAJAIBA Artes cênicas 2005 3 320 MARIA GREBLER Artes cênicas 2006 2 221 MERAN VARGENS Artes cênicas 2005 2 222 SONIA LÚCIA RANGEL Artes cênicas 2002 2 423 SUZANA MARIA COELHO Dança 1995 2 2MARTINS
  8. 8. DOCENTE TITULAÇÃO DISCIPLINA DISCIPLINA NIVEL POS-GRAD. GRAD. BOLSA DOUTORES/AREA ANO CNPQ/FAPCOLABORADORES1 DULCE TAMARA LAMEGO Comunicação 1999 --- 2SILVA E AQUINO2 ELIENE BENÍCIO A. COSTA Artes 1999 2 43 EVELINA DE C. SÁ HOISEL Letras 1996 -- 24 EWALD HACKLER Artes 1993 -- --5 FERNANDO ANTONIO DE Artes cênicas 2004 -- 2PASSOS6 JOÃO DE JESUS PAES Sociologia da 1994 -- --LOUREIRO Cultura7 SÉRGIO COELHO BORGES Artes 1989 -- 2FARIAS
  9. 9. 3. CORPO DISCENTE, TESES E DISSERTAÇÕES em 2010Tempo de formaç ã de mestres, doutores e percentual de bolsistas otitulados e Percentual em relaç ã ao Corpo Docente Permanente e à oDimensã do Corpo Discente o CURSO Nº % DE TEMPO DE % CORPO % CORPO DEFESAS BOLSISTA FORMAÇÃO DOCENTE DISCENTE (MESES) MESTRADO 08 63% 17 34% 13% DOUTORADO 11 64% 44 39% 15%
  10. 10. Distribuiç ã das orientaç õ das teses e dissertaç õ defendidas no período de o es esavaliaç ã em relaç ã aos docentes do programa o o DOCENTE TRIÊNIO PERMANENTES 2010 2007 2008 2009 ANGELA DE CASTRO 02 03 --- 01 ANTONIA BEZERRA -- 05 02 01 ARMINDO BIÃO 01 -- 01 01 CASSIA LOPES N/ CREDENCIADA -- -- 01 CATARINA SANTANNA -- 01 -- CIANE FERNANDES 03 03 02 -- CLEISE MENDES 03 02 -- 03 DANIEL MARQUES 01 06 02
  11. 11. DOCENTE TRIÊNIOPERMANENTES 2010 2007 2008 2009DENISE COUTINHO N/ CRED. N/ CRED. 01 --ELIANA RODRIGUES 02 03 -- 02ELOISA DOMENICI N/ CRED N/ CRED -- --ÉRICO JOSÉ OLIVIEIRA N/ CRED. N/ CRED. -- --GLAUCIO MACHADO N/ CRED. N/ CRED. -- --HEBE ALVES N/ CRED. N/ CRED. -- --IVANI SANTANA -- -- -- --JACYAN CASTILHO N/ CRED. N/ CRED. -- 01
  12. 12. DOCENTE TRIÊNIOPERMANENTES 2010 2007 2008 2009LÚCIA LOBATO -- 05 -- 02LUIZ CÉSAR MARFUZ N/ CREDENCIADO N/ CREDENCIADO --LUIZ CLAUDIO CAJAIBA 02 --MARIA ALBERTINA -- 01 01 01GREBLERMERAN VARGENS 01 --SONIA LÚCIA RANGEL 03 01 -- --SUZANA MARTIN 01 02 01 02
  13. 13. Distribuiç ã das orientaç õ das teses e dissertaç õ defendidas no período o es es de avaliaç ã em relaç ã aos docentes do programa o o Docente TRIÊNIO Colaborador 2010 2007 2008 2009 DULCE AQUINO -- -- 01 01 ELIENE BENÍCIO 02 04 01 -- EVELINA DE C. SÁ 01 -- -- -- HOISEL EWALD HACKLER -- 06 01 -- FERNANDO PASSOS 01 03 02 01 JOÃO PAES LOUREIRO SÉRGIO FARIAS 02 02 01 --
  14. 14. PRODUÇÕES ASSOCIADAS A TESE OU DISSERTAÇÃO2007 2008 2009 2010225 259 272 425
  15. 15. Tempo de formação de mestres e doutores (em meses)CURSO 2007 2008 2009 2010MESTRADO 27 28 23 17DOUTORDO 45 42 41 44
  16. 16. QUALIS PERIODICO - 2010DOCENTE CLASSIFICAÇÃO TOTAL A1 A2 B1 B2 B3 B4 B5 CANTONIA BEZERRA 01 01ARMINDO JORGE DE BIÃO 01 01 02CASSIA DOLORES C. LOPES 01 01CATARINA SANTANNA 02 02DENISE MARIA B COUTINHO 01 01 02ELOISA LEITE DOMENICI 01 01 02EVELINA DE C. SÁ HOISEL 01 01GLAUCIO MACHADO SANTOS 01 01HEBE ALVES DA SILVA 01 01LUIZ CÉSAR ALVES MARFUZ 01 01MERAN MUNIZ DA COSTA 01 01VARGENSTOTAL 15
  17. 17. Distribuição de Publicações Qualificadas Docente X Discente – Triênio 2007 2008 2009PUBLICAÇÕES DOCENTE DISCENTE DOCENTE DISCENTE DOCENTE DISCENTEQUALIFICADASLIVRO 02 01 05 04 06 04INTEGRALCAPITULO 21 16 16 14 24 6LIVROTRABALHO EM 26 23 38 73 21 75ANAIS
  18. 18. Distribuição de Publicações Qualificadas Docente X Discente - 2010PUBLICAÇÕES DOCENTE DISCENTEQUALIFICADAS 2010LIVRO INTEGRAL 03 01CAPITULO LIVRO 18 07
  19. 19. 4.3 .Produção técnica e outrasproduções consideradas relevantes. DOCENTE Produção Técnica Ciane Fernandes Dancing Images: Authentic Movement, Analysis and Composition, Curso, promoção Duke University Eliana Rodrigues Módulo Análise Crítica da Dança Contemporânea no projeto Diálogos Teórico-Práticos no Cenário Artístico Paraense. Curso, promoção Companhia Moderno de Dança/ FUNARTE Eloisa Domenici Hibridismos na dança contemporânea: Mestiçagem e paradigmas locais. Curso, promoção Faculdade Angel Vianna Ivani Lúcia Santana Poéticas Tecnológicas. III Seminário Internacional sobre Dança, Teatro e Performance. Organização de Evento Prom. PPGAC, IHAC e GP Poética/UFBA Sonia Lúcia Rangel IDENTITÀ DISTRIBUITE - DIALOGHI POSSIBILI - Uma Proposta do artista Angelo Morandini de arte-intervenção, Curso, promoção Universidade Federal da Bahia
  20. 20. (em vermelho as produções mais relevantes)DOCENTE Produção ArtísticaANTONIA PEREIRA Na Outra margem. Teatral, Porto AlegreARMINDO BIÃO Nas encruzilhadas da Padilha, Teatral, Museu de Arte Contemporânea da USP; Universidade Federal de Juiz de Fora; Centro de Eventos da UFS, PAF III UFBA; Ginásio de esportes do IFBaianoCIANE FERNANDES UEBERGANG - Una Latina en Berlin, Coreográfica, Universidade Federal de ViçosaELIANA RODRIGUES Entre Carmens e Severinas, Coregrafica, Teatro Gamboa Nova e Teatro SESCÉRICO JOSÉ OLIVIEIRA Pelourinho Senhora dos Afogados, Espetáculo Teatral Teatro Hermilo Borba FilhoGLAUCIO MACHADO O melhor do homem, Dieração teatral, Teatro Martim GonçalvesHEBE ALVES DA SILVA 1-Uma Vez, Nada Mais, direção teatral, Sala do Coro, Teatro Castro Alves 2- Matilde, La cambiadora de Cuerpos, Teatro Vila Velha
  21. 21. IVANI LÚCIA SANTANA e-Pormundos Afecto., Laboratório de Vídeo Digital (UFPB) e NatalNet (UFRN), Foyer do Teatro Castro AlvesJACYAN CASTILHO 1-Dias de Folia, Direção Teatral , Centro Cultural Plataforma - Sala do Coro do Teatro Castro Alves 2-A Cela. Atriz, Teatro Luis Souto,LUIZ CÉSAR MARFUZ As velhas, espetáculo Teatral, direção. Escola de Teatro da UFBAMERAN VARGENS 1-Causos Daqui, Encenação, Espaço Companheiros das Artes. Rio de Janeiro. 2-Verdade Vocal- Encenação Performática. Encenação. Espaço Companheiros das Artes; Espaço de Criação da Intrépida Trupe na Fundição ProgressoSONIA LÚCIA RANGEL Protocolo Lunar: Escola de Teatro da UFBA
  22. 22. Egressos• Dos quase 190 mestres e 80 doutores diplomados pelo PPGAC/UFBA desde 1997 muitos atuam como professores ou em outras profissões em todas as regiões do Brasil e em alguns outros países entre eles Argentina, Venezuela, Colômbia, Panamá, Chile, França, Holanda e Inglaterra. Outros egressos desenvolvem estudos também em países estrangeiros como Espanha, Portugal e Itália.• No Brasil há grande distribuição de egressos que já possuíam ou adquiriram vínculo profissional: na região Norte, na UFPA, UNAMA e UEPA; no Nordeste, na UFC, UFS, Regional do Cariri – URCA, Estadual da Bahia – UNEB, UESB, UFRB, Faculdade Social da Bahia – FSBA, UFBA, UFRN, UFPB, UFPE e UFAL; no Centro-Oeste, na UnB e na UFG; no Sudeste, nas universidades Federal de Ouro Preto –
  23. 23. CONVÊNIOS E PARCERIASColégio Doutoral:Co-tutela com Paris X e Paris III1. Uma cooperação sistemática de caráter interinstitucional acontecehá anos com o Colégio Doutoral Franco-Brasileiro que promove ointercâmbio de doutorandos brasileiros e franceses, matriculados,respectivamente, em Instituições de Ensino Superior brasileiras(IES) e instituições membros do consórcio francês, em regime deco-tutela ou co-orientação.2. Outra atividade de intercâmbio, envolvendo alunos de mestrado,deu-se com as universidades Franche-Comté, Bensançon, PicardieJules Vernes e Paris 8 – La Liberté, no âmbito do Master-Sanduíche;
  24. 24. Outros Intercâmbios:- Permanecem sólidos os intercâmbios com o Programa d’Études Théâtrales etChorégraphiques, coordenado pelo Professor Jean-Marie Pradier, na UniversidadeParis VIII - Saint Denis, e com o GRIF- Groupe de Recherches InterdisciplinairesFranco-Brésilien, coordenado pela Professora Idelette Muzart, na Universidade deParis X – Nanterre- Com o Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, coordenado porBoaventura Sousa Santos; Universidad Finis Terrae, de Santiago do Chile,Magister em Dramaturgia Corporal; Hogeschool voor de Kunsten, de Amsterdam,Holand; Institut Für Theatre Wissenschaft (Instituto de Ciências do Teatro) daFreie Universität - Berlin (Universidade Livre de Berlim)-Participação do PPGAC/UFBA no Erasmus Mundus 2008/ 2010,onde, dentre os 8 pesquisadores não-europeus participantes, ao lado de RichardSchechner, Josette Féral e dos europeus Hans-Thies Lehmann, Jean-MariePradier e André Helbo, estiveram Armindo Bião e nossa então doutorandaDaniela Amoroso-Está em andamento uma co-tutela com Portugal, convênios com a UniversidadeNacional do Chile, com a Universidade Nova de Lisboa e com um centro de Artesna Argentina e com a Índia
  25. 25. INGRESSO NO PROEX A PARTIR DE 2011 PRINCIPAIS METAS PARA O TRIÊNIO III – DESCRIÇÃO DE AÇÕES A SEREM IMPLEMENTADAS 1 Reforma Curricular – Esta ação já em curso visa à atualização dos conteúdos,das pesquisas desenvolvidas pelos integrantes do PPG e a eliminação de atuaisincompatibilidades de componentes curriculares para possibilitar a abordagemde novos conceitos. Está prevista a mudança do nome do Programa, de ArtesCênicas para Artes do Espetáculo. 2 Expansão do número de bolsas – Como consta de relatório enviadorecentemente à CAPES, dos 140 alunos matriculados (em2011), 70 deles nãoestão contemplados. Entre os 70, 30 deles não desenvolvem atividadesremuneradas. Nesse sentido, faz-se necessário uma ação para incrementar aqualidade da produção discente. 3 Expansão dos convênios nacionais e internacionais – Além de um minter eum dinter em curso, com a UNIMONTES e UFPA, este PPG mantém convêniosassinados com Universidades na França, Inglaterra, Espanha, Portugal, Alemanha,entre alguns outros centros de excelência. As pesquisas atuais apontam aindapara necessidade e possibilidade de convênios com países africanos e latino-americanos.
  26. 26. 4 Implementação de Comissões – Atualmente está apenas em vigência acomissão de bolsas. Neste sentido, faz-se necessário implementar comissões queincentivem a produção artístico-acadêmica discente e docente, de organização deeventos nacionais e internacionais. 5 Incremento da participação de docentes e discentes em eventos nacionais einternacionais – A produção internacional já é uma característica deste PPG.Contudo, restringe-se a uma minoria. A comissão deverá fazer um levantamentode possibilidade e de eventos e indicará a cada docente a forma de vir a integrarações e publicações. 6 Incremento e expansão de publicações – O PPG já dispõe de uma linhaeditorial, que integra a revista Repertório e os Cadernos do GIPE-CIT. O objetivo écontinuar a adequação dessas publicações ao sistema SEER e SCIELO e buscarmeios de ampliação de publicações on-line. Além disso, pretende-se criar umaforma de cooperação com editoras especializadas (selo acadêmico) no sentido depublicar e distribuir a produção de egressos. Será incentivada ainda a publicaçãoconjunta de orientadores e orientandos.
  27. 27. AVALIAÇÃO GERALPontos Positivos:Realização de Seminários Internos (desde 2008)Expansão das linhas de pesquisa (Ex: demanda licenciatura)Política de Credenciamento de novos professoresReforma CurricularReforma RegimentalBaixa evasãoProfessores ArtistasGrande número de contemplação em editaisGrande proximidade com a graduação através de distintas açõesExpansão do número de Grupos de PesquisaParticipação massiva em eventos da área (ABRACE e outros)Interação com eventos internacionais das artes cênicas na cidade (Ex.FILTE e FIAC)Contribuição fundamental para nucleação de outros PPGSProcesso de seleção para todo o país sem necessidade de deslocamentodo candidato a Salvador
  28. 28. Pontos Negativos:Infra-estrutura – Instalações da própria Escola de Teatro sãoacanhadas e mal conservadas (obras já em execução)Inexistência de espaços para congregar os Grupos de PesquisaInexistência de possibilidades próprias de comunicação à distância(sala de vídeo-conferência já em processo de implantação)Necessidade de aprimoramento e planejamento na aplicação dosrecursos PROEX (realização de seminário no início do ano letivo)Melhor atuação das distintas comissões
  29. 29. www.ppgac.tea.ufba.br
  30. 30. Políticas de internacionalização do Programa:Colóquios Internacionais de Etnocenologia e Seminários Internacionais sobre teatro e Dança:2008: Corpo e cena na contemporaneidade – conferencistas canadenses,moçambiquenhos, portugueses, neozelandês, franceses e brasileiros.2009: Poéticas e políticas das Américas em paralelo ao Festival internacional deteatro latino-americano – conferencistas canadenses, americanos e latino-americanos;2010: Foi previsto o Poéticas tecnológicas em paralelo ao Festival Internacionalde Artes Cênicas FIAC – Alemanha, África, Canadá, Suíça, Bélgica, França,Itália, Japão etc.Resultante: edição semestral da revista repertório: uma edição brasileira e umaoutra internacional2011 Foi realizado o Seminário Internacional com a Duke Universit “Criatividade,Ser e Cura” e o Colóquio “No Reino dos Festivais” dentro da programação doFIAC.
  31. 31. Projetos de Pesquisa em AndamentoCORPO E(M) PERFORMANCE1-Coreografia e Corporeidade- Profª Maria Albertina Grebler2- Corpo, Ritmo, Imagem: A Criação Core-Videográfica Transcultural- ProfªCiane Fernandes- Financiado pelo CNPq3- Entrecorpos: robôs e humanos em videodança e videoinstalação- ProfªIvani Lúcia Oliveira de Santana- Financiado pelo CNPq /FAPESB4- Mapa D2 - Mapa e Programa de Artes em Dança Digital- - Profª IvaniLúcia Oliveira de Santana- Financiado pelo FAPESB5- Sexualidades e(m) Performance- Profº Fernando Antonio de Paula Passos
  32. 32. DRAMATURGIA, HISTÓRIA E RECEPÇÃO1-A ação da linguagem no diálogo teatral. Atos de fala e dialogismo cênicoPorfª Cleise Furtado Mendes- Financiado pelo CNPq2- A representação do espaço na dramaturgia: do dramático ao pós-dramático-ProfªCatarina Sant’anna3-Do Modelo Dramatúrgico de Armand Gatti ao Espetáculo-Fórum de AugustoBoal: Elementos para uma Pedagogia da Intervenção – Financiamento CNPQ4-Entre fronteiras e casas: a poética e a política do corpo- Profª Cassia Lopes5-História, espaço e imaginário no teatro de Michel Vinaver- Profª CatarinaSantanna6-Modos de Atuação no Teatro Brasileiro- Profª Angela Reis7- O escritor e seus múltiplos: migrações - a produção de Silviano Santiago,Affonso Romano de Sant´Anna, Cleise Mendes e Antonio Brasileiro, EvandoNascimento- Profª Evelina Hoisel
  33. 33. MATRIZES ESTÉTICAS NA CENA CONTEMPORÂNEA1-A Dança dos Orixás sob a Perspectiva Estética do Corpo e outrasEtnografias- Profª Suzana Maria Coelho Martins2-Códigos do Imaginário Amazônico – Profº João de Jesus Paes Loureiro3-Festas e Espetacularidade- Profª Lúcia Fernandes Lobato4-Mulheres por um fio: inferno, purgatório e paraíso no Atlântico Negro-Profº Armindo Bião- Financiamento CNPq5-O Trânsito entre o Circo e o Teatro: a construção da dramaturgia do circo-teatro brasileiro – Profª Eliene Benício Amâncio Costa6-Projeto Memorial da Escola de Dança da UFBA -Fase II- Profª DulceTamara Lamego Silva e Aquino7-Trânsitos entre encenação e cultura: a tradição do bumba-meu-boi baianoe suas implicações na cena contemporânea- Profº Érico Jose Souza deOliveiro- CNPq
  34. 34. POÉTICAS E PROCESSOS DA ENCENAÇÃO1-Análise Crítica da Dança Contemporânea- Profª Eliana Rodrigues Silva2-Ator-Contador Ator-Mostrador: teoria e prática da montagem didáticabrechtiana- Profº Luiz César Alves Marfuz- CNPq3-Da Negação do Amor: Um Estudo da Anatomia Emocional das Personagensda peça Dorotéia de Nelson Rodrigues- Profª Hebe Alves da Silva-Financiamento UFBA/FAPESB/CAPES4-Trânsitos entre encenação e cultura: a tradição do bumba-meu-boi baiano esuas implicações na cena contemporânea- Profº Érico José Souza de Oliveira
  35. 35. PROCESSOS EDUCACIONAIS EM ARTES CÊNICAS1-Atualização de textos clássicos- Profº Daniel Marques2-Causos Daqui: Estudo teórico-prático em Performance, Oralidade eHistórias de Vida na construção de dramaturgia original cênica como propostapedagógica para a formação vocal do ator-criador- Profª Meran Vargens3-Encenação: práticas de ensino e caminhos para a sustentabilidade- ProfºGlaucio Machado4-Epistemologias não-cartesianas na interface Artes e Humanidades- ProfªDenise Coutinho- financiamento FAPESB/UFBA/CNPq5-Matrizes Culturais em Teatro-Educação: Referencias da ContemporaneidadeExpressas na Tradução do Corpo Cênico- Profº Sergio Farias6-Samba Chula: mosaicos mestiços no corpo que dança- Profª Eloisa LeiteDomenici- Finaciamento CNPq7 – Teatro e Recepção em Escolas Públicas de Salvador e Programa deLicenciaturas Internacionais – Prof. Luiz Cláudio Cajaiba

×