SlideShare uma empresa Scribd logo
Em 20 de janeiro de 1502 a expedição exploradora do comandante AméricoVespúcio
descobria novas terras.
Por onde passou o comandante batizou os lugares do litoral brasileiro com os nomes dos
santos católicos do dia. Sendo assim, nossa região recebeu o nome de São Sebastião, o
santo romano guerreiro comemorado a 20 de janeiro.
Nesta época a região de São Sebastião era ocupada
por índiosTupinambás eTupiniquins.
Os portugueses começaram a chegar e tomar conta do lugar.
Começaram a construir casas . Assim o povoado
de São Sebastião começou a se formar.
A Matriz foi originalmente construída no século XVII.
Construção de pedra e cal.
E as casas foram feitas ao seu redor. Este pequeno povoado
não tinha liberdade e nem domínio sobre o seu destino político e
administrativo.
Praça da matriz antigamente
Em 16 de março de 1636 houve a Emancipação Politica-
administrativa de São Sebastião. O povoado foi elevado a
vila e já tinha liberdade para tomar suas decisões.
Logo surgiu a necessidade de implantar a Casa de Câmara e Cadeia. A esta cabia
legislar, administrar, policiar e punir, seguindo as normas da legislação portuguesa.
Na parte de cima ficavam os políticos e na parte de baixo ,os presos.
A eleição dos vereadores se fazia de forma indireta, onde eleitores e candidatos
deveriam ser escolhidos entre os homens maiores de 21 anos, proprietários de
terras e de escravos, excluindo-se os oficiais mecânicos, judeus, artesãos e
comerciantes.
Os primeiros
vereadores daVila
de São Sebastião
foram: Francisco
Escobar Ortiz,
Francisco Pinheiro
e Nuno Cavalheiro.
A Câmara
transformou-se
rapidamente no
órgão mais
importante daVila
Hoje lá funciona a Cia da PM.
Os escravos africanos também tiveram papel relevante no
desenvolvimento de São Sebastião, já que em 1798 a
cidade já contava com mais de 2300 escravos.
Um pouco mais de
imagens de São
Sebastião
Câmara
municipal
Casa Esperança
Antes era um colégio .
Hoje é a prefeitura de São Sebastião
Antigo Henrique Botelho .
Hoje é SECTUR
Rua da praia
Fazenda Santana
Rita Orselli tinha muitos filhos. Seu marido morreu cedo e contra os costumes
da região ela abriu uma venda de alimentos para sustentar sua família;
Foi a primeira mulher que trabalhou em São Sebastião;
Banda municipal
Estrada Rio - Santos
Professores de São Sebastião no Henrique Botelho
Profª Maria Francisca
Hoje São Sebastião tem seu próprio hino que
conta um pouco de sua história.
Parabéns São Sebastião !
379 anos de Emancipação Política !
Material produzido pela Profª Adriana Queiroz para trabalho com alunos do
ensino fundamental.
Fontes:
PROGRAMA DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR- Profª Fernanda
Palumbo e Historiadora: Maria Inêz Marques Lino
Algumas imagens retiradas de um PowerPoint da profª Daniela
http://turismo.saosebastiao.sp.gov.br/pt/explorando-a-historia/sao-
sebastiao-no-tempo/
http://www.costaverdesp.com.br/saosebastiao/historiaecultura_s/
Créditos

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Variação linguistica slide
Variação linguistica   slideVariação linguistica   slide
Variação linguistica slide
Ivana Serrano
 
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slideSlide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Vera Moreira Matos
 
Poesia e poema
Poesia e poemaPoesia e poema
Poesia e poema
ionasilva
 
Literatura maranhense
Literatura maranhenseLiteratura maranhense
Literatura maranhense
carvalhoplay
 

Mais procurados (20)

Coesão
CoesãoCoesão
Coesão
 
Diário
DiárioDiário
Diário
 
Projetos - Justificativa
Projetos - JustificativaProjetos - Justificativa
Projetos - Justificativa
 
Variação linguística 1
Variação linguística 1Variação linguística 1
Variação linguística 1
 
Parnasianismo'
Parnasianismo'Parnasianismo'
Parnasianismo'
 
Tipologia textual
Tipologia textualTipologia textual
Tipologia textual
 
Flexão do Substantivo
Flexão do SubstantivoFlexão do Substantivo
Flexão do Substantivo
 
Poesia concreta
Poesia concretaPoesia concreta
Poesia concreta
 
O Diario
O DiarioO Diario
O Diario
 
Onomatopeia
OnomatopeiaOnomatopeia
Onomatopeia
 
Língua e linguagem 1
Língua e linguagem 1Língua e linguagem 1
Língua e linguagem 1
 
Introdução à literatura
Introdução à literaturaIntrodução à literatura
Introdução à literatura
 
Variação linguistica slide
Variação linguistica   slideVariação linguistica   slide
Variação linguistica slide
 
Pré-modernismo
Pré-modernismoPré-modernismo
Pré-modernismo
 
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slideSlide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
Slide referenciação bibliográfica segundo normas da abnt slide
 
Normas ABNT Apresentação de trabalhos acadêmicos
Normas ABNT Apresentação de trabalhos acadêmicosNormas ABNT Apresentação de trabalhos acadêmicos
Normas ABNT Apresentação de trabalhos acadêmicos
 
Linguagem lingua e código
Linguagem lingua  e códigoLinguagem lingua  e código
Linguagem lingua e código
 
Poesia e poema
Poesia e poemaPoesia e poema
Poesia e poema
 
Literatura maranhense
Literatura maranhenseLiteratura maranhense
Literatura maranhense
 
Variação linguística enem
Variação linguística enemVariação linguística enem
Variação linguística enem
 

Semelhante a A história de são sebastião

santa lina, empresa José Giorgi, Quatá, Zilor e biorigin
santa lina, empresa José Giorgi, Quatá, Zilor e bioriginsanta lina, empresa José Giorgi, Quatá, Zilor e biorigin
santa lina, empresa José Giorgi, Quatá, Zilor e biorigin
Antonio Inácio Ferraz
 
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulistaQuatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
ANTONIO INACIO FERRAZ
 
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulistaQuatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
ANTONIO INACIO FERRAZ
 
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia
ANTONIO INACIO FERRAZ
 
Quatsp antonioinacioferraz enciclopdiadigitaldooestepaulista 151213190138
Quatsp antonioinacioferraz enciclopdiadigitaldooestepaulista 151213190138Quatsp antonioinacioferraz enciclopdiadigitaldooestepaulista 151213190138
Quatsp antonioinacioferraz enciclopdiadigitaldooestepaulista 151213190138
ANTONIO INACIO FERRAZ
 
SANTA LINA E EMPRESA JOSÉ GIORGI S/A-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRO...
SANTA LINA E EMPRESA JOSÉ GIORGI S/A-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRO...SANTA LINA E EMPRESA JOSÉ GIORGI S/A-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRO...
SANTA LINA E EMPRESA JOSÉ GIORGI S/A-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRO...
Antonio Inácio Ferraz
 
HistóRia Do Brasil Parte 2 RepúBlica Velha
HistóRia Do Brasil Parte 2 RepúBlica VelhaHistóRia Do Brasil Parte 2 RepúBlica Velha
HistóRia Do Brasil Parte 2 RepúBlica Velha
Jorge Miklos
 

Semelhante a A história de são sebastião (20)

História de São Mateus e seus Patrimônios Culturais.docx
História de São Mateus e seus Patrimônios Culturais.docxHistória de São Mateus e seus Patrimônios Culturais.docx
História de São Mateus e seus Patrimônios Culturais.docx
 
santa lina, empresa José Giorgi, Quatá, Zilor e biorigin
santa lina, empresa José Giorgi, Quatá, Zilor e bioriginsanta lina, empresa José Giorgi, Quatá, Zilor e biorigin
santa lina, empresa José Giorgi, Quatá, Zilor e biorigin
 
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulistaQuatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
 
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulistaQuatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia digital do oeste paulista
 
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia
Quatá sp antonio inacio ferraz- enciclopédia
 
Quatsp antonioinacioferraz enciclopdiadigitaldooestepaulista 151213190138
Quatsp antonioinacioferraz enciclopdiadigitaldooestepaulista 151213190138Quatsp antonioinacioferraz enciclopdiadigitaldooestepaulista 151213190138
Quatsp antonioinacioferraz enciclopdiadigitaldooestepaulista 151213190138
 
SANTA LINA E EMPRESA JOSÉ GIORGI S/A-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRO...
SANTA LINA E EMPRESA JOSÉ GIORGI S/A-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRO...SANTA LINA E EMPRESA JOSÉ GIORGI S/A-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRO...
SANTA LINA E EMPRESA JOSÉ GIORGI S/A-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRO...
 
Campo Bom[2]
Campo Bom[2]Campo Bom[2]
Campo Bom[2]
 
Campo Bom[2]
Campo Bom[2]Campo Bom[2]
Campo Bom[2]
 
Campo Bom[2]
Campo Bom[2]Campo Bom[2]
Campo Bom[2]
 
História de Porto Real.pdf
História de Porto Real.pdfHistória de Porto Real.pdf
História de Porto Real.pdf
 
História de Porto Real.pdf
História de Porto Real.pdfHistória de Porto Real.pdf
História de Porto Real.pdf
 
Espirito santo imperial
Espirito santo imperialEspirito santo imperial
Espirito santo imperial
 
ES Imperial
ES ImperialES Imperial
ES Imperial
 
Espirito Santo imperial
Espirito Santo imperialEspirito Santo imperial
Espirito Santo imperial
 
Espirito santo imperial
Espirito santo imperialEspirito santo imperial
Espirito santo imperial
 
A HISTÓRIA DE PRAIA GRANDE
A HISTÓRIA DE PRAIA GRANDEA HISTÓRIA DE PRAIA GRANDE
A HISTÓRIA DE PRAIA GRANDE
 
HistóRia Do Brasil Parte 2 RepúBlica Velha
HistóRia Do Brasil Parte 2 RepúBlica VelhaHistóRia Do Brasil Parte 2 RepúBlica Velha
HistóRia Do Brasil Parte 2 RepúBlica Velha
 
História de curitibanos
História de curitibanosHistória de curitibanos
História de curitibanos
 
Historiade uberaba
Historiade uberabaHistoriade uberaba
Historiade uberaba
 

Último

Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
rarakey779
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkkO QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
LisaneWerlang
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
ssuserbb4ac2
 

Último (20)

hereditariedade é variabilidade genetic
hereditariedade é variabilidade  genetichereditariedade é variabilidade  genetic
hereditariedade é variabilidade genetic
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
América Latina: Da Independência à Consolidação dos Estados Nacionais
América Latina: Da Independência à Consolidação dos Estados NacionaisAmérica Latina: Da Independência à Consolidação dos Estados Nacionais
América Latina: Da Independência à Consolidação dos Estados Nacionais
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkkO QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
O QUINZE.pdf livro lidokkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
 
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
 
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docxAtividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
manual-de-direito-civil-flacc81vio-tartuce-2015-11.pdf
manual-de-direito-civil-flacc81vio-tartuce-2015-11.pdfmanual-de-direito-civil-flacc81vio-tartuce-2015-11.pdf
manual-de-direito-civil-flacc81vio-tartuce-2015-11.pdf
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Junho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
Junho Violeta - Sugestão de Ações na IgrejaJunho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
Junho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
 

A história de são sebastião

  • 1.
  • 2. Em 20 de janeiro de 1502 a expedição exploradora do comandante AméricoVespúcio descobria novas terras. Por onde passou o comandante batizou os lugares do litoral brasileiro com os nomes dos santos católicos do dia. Sendo assim, nossa região recebeu o nome de São Sebastião, o santo romano guerreiro comemorado a 20 de janeiro.
  • 3. Nesta época a região de São Sebastião era ocupada por índiosTupinambás eTupiniquins.
  • 4. Os portugueses começaram a chegar e tomar conta do lugar.
  • 5. Começaram a construir casas . Assim o povoado de São Sebastião começou a se formar.
  • 6. A Matriz foi originalmente construída no século XVII. Construção de pedra e cal.
  • 7. E as casas foram feitas ao seu redor. Este pequeno povoado não tinha liberdade e nem domínio sobre o seu destino político e administrativo.
  • 8. Praça da matriz antigamente
  • 9. Em 16 de março de 1636 houve a Emancipação Politica- administrativa de São Sebastião. O povoado foi elevado a vila e já tinha liberdade para tomar suas decisões.
  • 10. Logo surgiu a necessidade de implantar a Casa de Câmara e Cadeia. A esta cabia legislar, administrar, policiar e punir, seguindo as normas da legislação portuguesa. Na parte de cima ficavam os políticos e na parte de baixo ,os presos.
  • 11. A eleição dos vereadores se fazia de forma indireta, onde eleitores e candidatos deveriam ser escolhidos entre os homens maiores de 21 anos, proprietários de terras e de escravos, excluindo-se os oficiais mecânicos, judeus, artesãos e comerciantes. Os primeiros vereadores daVila de São Sebastião foram: Francisco Escobar Ortiz, Francisco Pinheiro e Nuno Cavalheiro. A Câmara transformou-se rapidamente no órgão mais importante daVila
  • 12. Hoje lá funciona a Cia da PM.
  • 13. Os escravos africanos também tiveram papel relevante no desenvolvimento de São Sebastião, já que em 1798 a cidade já contava com mais de 2300 escravos.
  • 14. Um pouco mais de imagens de São Sebastião
  • 17. Antes era um colégio . Hoje é a prefeitura de São Sebastião
  • 18. Antigo Henrique Botelho . Hoje é SECTUR
  • 21.
  • 22.
  • 23.
  • 24. Rita Orselli tinha muitos filhos. Seu marido morreu cedo e contra os costumes da região ela abriu uma venda de alimentos para sustentar sua família; Foi a primeira mulher que trabalhou em São Sebastião;
  • 26. Estrada Rio - Santos
  • 27. Professores de São Sebastião no Henrique Botelho Profª Maria Francisca
  • 28. Hoje São Sebastião tem seu próprio hino que conta um pouco de sua história.
  • 29. Parabéns São Sebastião ! 379 anos de Emancipação Política !
  • 30. Material produzido pela Profª Adriana Queiroz para trabalho com alunos do ensino fundamental. Fontes: PROGRAMA DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR- Profª Fernanda Palumbo e Historiadora: Maria Inêz Marques Lino Algumas imagens retiradas de um PowerPoint da profª Daniela http://turismo.saosebastiao.sp.gov.br/pt/explorando-a-historia/sao- sebastiao-no-tempo/ http://www.costaverdesp.com.br/saosebastiao/historiaecultura_s/ Créditos