Frameworks em Java

385 visualizações

Publicada em

Frameworks em Java

Publicada em: Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Frameworks em Java

  1. 1. Java Frameworks Luis Fernando Pimenta
  2. 2. O que é FRAMEWORK ? Podemos considerar um framework como uma solução para um conjunto de problemas em comum, com uso de classes e interfaces, que disponibilizam objetos com capacidade de capturar funcionalidades comuns a várias aplicações.
  3. 3. Quando usar ? A utilização de um framework por um desenvolvedor torna-se útil no momento em que você constrói ou utiliza certo componente em mais de uma vez
  4. 4. Frameworks
  5. 5. Exemplo - Agenda - Sem Framework
  6. 6. Exemplo - Agenda - Sem Framework
  7. 7. Exemplo - Hibernate banco de dados Também configura um arquivo para conexão.
  8. 8. Frameworks em JAVA ●Struts (J2EE) - um dos frameworks mais usados em ambientes corporativos para construção de aplicações web. Usa o modelo MVC e caracterizado por uma camada de controle com uso de J2EE e XML. ●JavaServer Faces (J2EE) - baseado em tecnologia de servlets e JSP, pode ser usado como uma opção ao Struts. ●Spring (POA) - framework baseado em orientação a aspectos. Possibilidade de uso em conjuntos com outros frameworks MVC, como o Struts e JSF.
  9. 9. Frameworks em JAVA ●Hibernate (Persistência de Dados) - conhecido framework de persistência de dados, que usa conceitos de banco de dados, além do mapeamento objeto-relacional (classes Java para tabelas de databases). ●JDO (Persistência de Dados) - interface que provê uma camada de abstração aplicação - armazenamento de dados. ●Prevayler (Persistência de Dados) - outro famoso framework que prega uma JVM invuneravel logicamente com uso de uma camada de prevalência de objetos.
  10. 10. Frameworks em JAVA ●JUnit (testes) - talvez o mais usado framework Java, incluído em IDEs free ou comerciais. Para testes unitários em geral. ●Cactus (testes) - framework específico para testes unitários de aplicações J2EE. ●Jbanana (J2EE) - framework brasileiro e open- source para desenvolvimento web. ●Log4J (log) - amplamente usado e útli para geração de logs. ●Jakarta commons-log (log) - semelhante ao Log4J, sob o selo da Jakarta.
  11. 11. Frameworks em JAVA ●Ant (build e deploy) - framework também amplamente divulgado da Jakarta para automatização de processos de construção, além de testes e distribuição. ●Jasper Report / iReport (geradores de relatório) - framework para geração de modo dinâmico de relatórios. Compatível com formatos xml, pdf e html.
  12. 12. Por que usar ? Utilidade. O objetivo primeiro dos frameworks é auxiliar no desenvolvimento de aplicações e softwares e ponto ! Segurança. Os bons frameworks são projetados de modo a garantir a segurança Não se preocupe mais com aquelas intermináveis linhas de código para evitar um SQL Injection, por exemplo; com frameworks, a parte de segurança já “vem de fábrica”.
  13. 13. Por que usar ? ●Extensibilidade. Os frameworks permitem que você extenda suas funcionalidades nativas. Se aquela biblioteca de envio de e- mails por SMTP não contempla todas as possibilidades que você gostaria, simplesmente extenda suas funcionalidades e as use como se fossem parte do framework (na verdade, elas serão).
  14. 14. Por que usar ? ●Economia de tempo. O que você demoraria algumas horas ou alguns dias para fazer, você encontra pronto em um framework. Pense no quão trabalhosas aquelas funções de manipulação de imagens são; usando um framework que tenha isso, você só usa, e pronto.
  15. 15. Por que usar ? ●Ajuda fácil. Os que desenvolvem framworks geralmente disponibilizam material de qualidade nos web sites ou repositórios oficiais, com uma vasta documentação a respeito. Além disso, os bons frameworks sempre têm uma comunidade de desenvolvedores dispostos a se ajudarem entre si.
  16. 16. Conclusões sobre frameworks Existem, literalmente, milhares de frameworks disponíveis para as diversas linguagens de programação existentes. Inicialmente, pode parecer que usar um frame work é pior do que fazer uma “programação pura”. Entretanto, tenha certeza: vale a pena dedicar seu tempo nisso! As vantagens vindouras de ter um projeto bem estruturado e rodando numa plataforma segura e estável, realmente compensam!
  17. 17. Referência http://javafree.uol.com.br/artigo/3721/Pequeno- Tutorial-sobre-Hibernate.html http://www.oficinadanet.com.br/artigo/1294/fra mework_o_que_e_e_para_que_serve

×