ApresentaçãoCaravana Brasil Nacional Consolidação de dados
Destinos Operadores 2008/2009              Destinos Agentes e Operadores                                                  ...
Destinos Operadores 2010            Destinos Agentes e Operadores                                                 Operador...
Viagens por Macro Região do Brasil   Região       Viagem com         Viagem com       Total viagens                Operado...
Consolidação dos dados –        Projeto Caravana Brasil Nacional               2008, 2009 e 2010RESULTADOS COMPILADOS POR ...
Para efeito de melhor legibilidade nos gráficos e tabelas adotou-se a seguinte terminologia para:  Viagens com Operadores ...
1. AVALIAÇÃO DESTINO     FORNECEDORES E  REPRESENTANTES LOCAIS960 PARTICIPANTES DAS OFICINAS
OFICINA DE CAPACITAÇÃO                TEMAS ABORDADOS• Hospitalidade: onde se manifesta? Doméstica, pública, virtual,  com...
Percepção do Lugar: A Hospitalidade do              Destino/Cidade                    Atividade individual.   • Valores de...
Valores de referênciaOperadores e Agentes        Empresários Locais                                (média)  Ótimo (acima d...
Hospitalidade - Geral Consolidado                Avaliação fornecedores e representantes institucionais                   ...
Aspectos de Acesso   Avaliação fornecedores e representantes institucionais                        do destino             ...
Aspectos de Legibilidade            Avaliação fornecedores e representantes institucionais                                ...
Aspectos de Identidade               Avaliação fornecedores e representantes institucionais                               ...
Aspectos de Hospitalidade Pública         Avaliação fornecedores e representantes institucionais                          ...
Aspectos de Hospitalidade Comercial           Avaliação fornecedores e representantes institucionais                      ...
Aspectos de Notoriedade             Avaliação fornecedores e representantes institucionais                                ...
Comparativo dos dados          Legenda:           Acesso        Legibilidade         Identidade   Hospitalidade Pública  H...
Avaliação de Fornecedores e representantes institucionais sobre seu                             destino:Critério de       ...
Vias de acesso                     Vias de acesso                           Formas de acesso                   Transporte ...
2. AVALIAÇÃO OPERADORES E    AGENTES DE VIAGEM        150 OPERADORES     191 AGENTES DE VIAGEM
Hospitalidade          Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica                             ao destino          62...
Acesso            Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica                               ao destino               ...
Legibilidade        Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica                           ao destino                 ...
Identidade                Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica                                   ao destino   ...
Atendimento          Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica                             ao destino        69%62%...
Notoriedade        Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica                           ao destino                  ...
Diversidade da Oferta      Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica                         ao destino51%         ...
Notou Esforços de Promoção?      Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica                         ao destino61%   ...
Distribuição: Notou esforços de vendas?   Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao 47%                         ...
Preços adequados para o mercado                 consumidor?Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao            ...
Avaliação dos Operadores e Agentes de Viagem sobre os                   destinos visitados:Critério de                Valo...
Destaques Avaliação Operadores e Agentes por Destino                 (mais de 10 citações - Ótimo)           Item         ...
Destaques Avaliação Operadores e Agentes por Destino                    (REGULAR e RUIM)   Item       Fornecedor local    ...
3. AVALIAÇÃO QUALITATIVA   (CONSIDERAÇÕES ESCRITAS)OPERADORES E AGENTES DE          VIAGEM
Avaliação qualitativa aspectos insatisfatórios          consolidados por macro região • Todas as recomendações escritas do...
Grau de importância de sugestões (em %)72       74                                    23                          20      ...
Temas Aspectos Insatisfatórios• Acessibilidade – dificuldade para público da melhor idade,  falta de estrutura.• Acesso – ...
Temas Aspectos Insatisfatórios• Infra estrutura turística – Apoio ao turista, informações, apoio  nos atrativos, mapas.• I...
Viagens Destinos Operadores - Insatisfatórios          Aspectos Insatisfatórios         Qualificação           Viagens Ope...
Viagens Destinos Agentes de Viagem e Operadores-                  Insatisfatórios                                         ...
Necessário para o desenvolvimento do destino –         Destinos Viagens Operadores       Destino                        As...
Necessário para o desenvolvimento do destino –           Destinos Viagens Agentes       Destino                        Ass...
Temas Aspectos Satisfatórios• Oferta (Atrativos) - diversidade de atrativos, atrações naturais e culturais,  conservação d...
Viagens Destinos Operadores - Satisfatórios         Aspectos Satisfatórios com mais de 6 citações               7%   3%   ...
Viagens Destinos Agentes - Satisfatórios                  Aspectos Satisfatórios Destinos Agentes                         ...
4. AVALIAÇÃO QUALITATIVACONSOLIDADA POR MACRO REGIÃO
Destinos Região Norte1.   Rio Branco e Vale do Acre – AC2.   Santarém – PA3.   Palmas e Jalapão – TO4.   Manaus - AM5.   B...
NORTE                                        Investimentos privadosAspectos Insatisfatórios                               ...
Destinos Região Nordeste1. Aracajú e Xingó – SE2. Natal e Pipa – RN3. Serra da Capivara – PI4. Ilhéus, Itacaré e Maraú – B...
NORDESTE                                                   Qualificação       Aspectos Insatisfatórios       Nordeste - to...
Destinos Região Centro-Oeste1. Brasília, Pirenópolis e Chapada dos Veadeiros – GO2. Campo Grande, Pantanal Sul e Bonito – ...
CENTRO-OESTE             Aspectos Insatisfatórios   Qualificação                 Centro Oeste           Estruturação da Of...
SUDESTE1.   Vitória e Montanhas Capixabas – ES2.   Paraty – RJ3.   Rio de Janeiro, Paraty e Angra dos Reis – RJ4.   Cidade...
SUDESTE            Aspectos Insatisfatórios                                        Infra estrutura do destino           Su...
SUL1. Curitiba e Paranaguá – Ilha do Mel – PR2. Aparados da Serra – Cânios Gaúchos e   Catarinenses – RS e SC3. Porto Aleg...
SUL                                            Estruturação da Oferta           Aspectos Insatisfatórios            Sul - ...
Ordem de Prioridade de Ações por Macro Região                              (Análise Qualitativa)         Norte           N...
Obrigada!    Consultora Simone Scorsato  www.oh.tur.brsimone@oh.tur.br
Caravana consolidação de resultados 0610 2010
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Caravana consolidação de resultados 0610 2010

636 visualizações

Publicada em

Consolidação de resultados Projeto Caravana Bra

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
636
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Caravana consolidação de resultados 0610 2010

  1. 1. ApresentaçãoCaravana Brasil Nacional Consolidação de dados
  2. 2. Destinos Operadores 2008/2009 Destinos Agentes e Operadores 2008/2009Curitiba e Paranaguá – Ilha do Mel – PR Florianópolis e Litoral Sul - SCVitória e Montanhas Capixabas – ES Paraty - RJAracaju e Xingó – SE Cidades Históricas - Estrada Real - MGBrasília, Pirenópolis e Chapada dos Campo Grande, Pantanal Sul e Bonito -Veadeiros – GO MSPalmas e Jalapão – TO Porto Alegre e Serra Gaúcha - RSSerra da Capivara – PI Cuiabá, Pantanal Norte e Chapada dos Guimarães - MTRio Branco e Vale do Acre - AC Santarém - PA Ilhéus, Itacaré e Maraú - BA Recife, Olinda e Porto de Galinhas - PE Jericoacoara e Camocim - CE Natal e Pipa - RN João Pessoa e Campina Grande - PB
  3. 3. Destinos Operadores 2010 Destinos Agentes e Operadores Operadores 2010Fernando de Noronha - PE Maceió e Maragogi - ALChapada das Mesas - MA Foz do Iguaçu - PRChapada Diamantina - BA Corumbá - MSAparados da Serra – Cânios Gaúchos e Rio de Janeiro, Paraty e Angra dos Reis -Catarinenses - RS e SC RJ Goiânia, Caldas Novas e Rio Quente - GO Manaus - AM São Luis e Lençóis Maranhenses - MA Belém - PA
  4. 4. Viagens por Macro Região do Brasil Região Viagem com Viagem com Total viagens Operadores Agentes e Operadores Norte 2 3 5 Nordeste 5 7 12Centro-oeste 1 4 5 Sudeste 1 3 4 Sul 2 3 5 Total 11 20 31
  5. 5. Consolidação dos dados – Projeto Caravana Brasil Nacional 2008, 2009 e 2010RESULTADOS COMPILADOS POR MEIO DE:1. EXERCÍCIOS OFICINA DE CAPACITAÇÃO – FORNECEDORES E INSTITUIÇÕESLOCAIS2. AVALIAÇÃO OPERADORES E AGENTES DE VIAGEM – QUANTITATIVO3. AVALIAÇÃO OPERADORES E AGENTES DE VIAGEM – QUALITATIVO4. CONSOLIDAÇÃO DOS DADOS POR MACRO REGIÃO – TODAS AS VIAGENS
  6. 6. Para efeito de melhor legibilidade nos gráficos e tabelas adotou-se a seguinte terminologia para: Viagens com Operadores de Turismo – OPERADORESViagens com Agentes e Operadores de Turismo - AGENTES
  7. 7. 1. AVALIAÇÃO DESTINO FORNECEDORES E REPRESENTANTES LOCAIS960 PARTICIPANTES DAS OFICINAS
  8. 8. OFICINA DE CAPACITAÇÃO TEMAS ABORDADOS• Hospitalidade: onde se manifesta? Doméstica, pública, virtual, comercial.• De que forma se pode avaliar a hospitalidade? Acesso, legibilidade, identidade.• Produto Turístico e Mercado – Oferta, produto – singulariedade, notoriedade, diversificação da oferta - mercado e segmentação.• Promoção Turística – posicionamento do destino, estratégias e ações promocionais.• Comercialização e Distribuição - cadeia turística e tarifário
  9. 9. Percepção do Lugar: A Hospitalidade do Destino/Cidade Atividade individual. • Valores de referência para análise dos indicadores: 3 – Indicadores na média considerados excelentes (ótimo) 2 – Indicadores na média considerados satisfatórios (bom)1 – Indicadores na média considerados pouco adequados (regular)0 – Indicadores na média considerados insuficientes ou ruins (ruim)
  10. 10. Valores de referênciaOperadores e Agentes Empresários Locais (média) Ótimo (acima de 76%) Acima de 2,25Bom (entre 51% até 75%) De 1,5 à 2,25Regular (entre 26% a 50%) De 0,75 à 1,49 Ruim (abaixo de 25%) Abaixo de 0,75
  11. 11. Hospitalidade - Geral Consolidado Avaliação fornecedores e representantes institucionais do destino 1,97 1,76 1,67 1,60 1,65 1,50 1,85 1,43 1,50 1,51 1,43 1,32 1,22 1,19 Destinos Operadores Destinos AgentesHospitalidade Acesso Legibilidade Identidade Hosp. Comercial Hosp. Pública Notoriedade Geral
  12. 12. Aspectos de Acesso Avaliação fornecedores e representantes institucionais do destino 1,74 1,39 1,39 1,32 1,19 1,14 Destinos Operadores Destino AgentesVias de acesso Formas de acesso Transporte
  13. 13. Aspectos de Legibilidade Avaliação fornecedores e representantes institucionais do destino 1,76 1,50 1,51 1,55 1,74 1,34 1,49 1,47 1,47 0,92 1,05 0,71 Destinos Operadores Destinos AgentesDesenho urbano Orientação Paisagem Acessibilidade Funcionalidade Espaços de lazer e sinalização espaço público comércio
  14. 14. Aspectos de Identidade Avaliação fornecedores e representantes institucionais do destino 2,29 2,17 2,19 2,23 2,13 1,75 1,76 2,14 1,66 1,68 1,51 1,41 Destinos Operador Destinos AgentesAtratividade Infra-estrutura nos Experiência Cultura/patrimônio Eventos e Comunidade atrativos manifestações receptiva
  15. 15. Aspectos de Hospitalidade Pública Avaliação fornecedores e representantes institucionais do destino 2,04 1,55 1,66 1,49 1,50 1,89 1,41 1,45 1,26 1,34 Destinos Operadores Destinos AgentesGestão Consciência Segurança Economia Articulação ambiental
  16. 16. Aspectos de Hospitalidade Comercial Avaliação fornecedores e representantes institucionais do destino 2,26 1,83 1,82 2,02 1,52 1,70 1,34 1,47 0,95 1,03 Destinos Operadores Destinos AgentesPrestação de Mão de obra Arquitetura em Cooperação e Política comercial serviços qualificada harmonia parcerias
  17. 17. Aspectos de Notoriedade Avaliação fornecedores e representantes institucionais do destino 2,01 1,86 1,75 1,70 1,56 1,49 1,45 1,35 1,51 1,43 1,42 1,20 1,01 1,06 0,96 0,92 Destinos Operadores Destinos AgentesInformação Marca Comunicação Participação em Roteiros Notoriedade Anúncios Calendário de virtual eventos promocionais específicos eventos
  18. 18. Comparativo dos dados Legenda: Acesso Legibilidade Identidade Hospitalidade Pública Hospitalidade Comercial Notoriedade
  19. 19. Avaliação de Fornecedores e representantes institucionais sobre seu destino:Critério de Valoração Destinos Operadores Destinos Agentesavaliação - Atratividade Ótimo Acima de 2,25 Prestação de serviços Paisagem Formas de acesso Atratividade Desenho urbano Infra estrutura nos atrativos Paisagem Grau de experiência no destino Funcionalidade espaço público Cultura e patrimônio Espaços de lazer e comércio Grau de experiência no destino Comunidade receptiva Cultura e patrimônio Segurança Eventos e manifestações Desenvolvimento da economia Comunidade Receptiva Prestação de serviços Bom De 1,5 à 2,25 Consciência ambiental Arquitetura em harmonia Desenvolvimento da economia Informação Articulação local Mão de obra qualificada Arquitetura em harmonia Política Comercial Comunicação virtual Participação em eventos Notoriedade
  20. 20. Vias de acesso Vias de acesso Formas de acesso Transporte Transporte Orientação e sinalização Desenho Urbano Acessibilidade Orientação e sinalização Cooperação e parcerias Funcionalidade do espaço público Gestão Espaços de lazer e comércio Consciência AmbientalRegular De 0,75 à 1,49 Eventos e manifestações Segurança Gestão Cooperação e parcerias Articulação Marca Cooperação e parcerias Política Comercial Marca Roteiros promocionais Calendário de eventos Ruim Abaixo de 0,75 Acessibilidade -
  21. 21. 2. AVALIAÇÃO OPERADORES E AGENTES DE VIAGEM 150 OPERADORES 191 AGENTES DE VIAGEM
  22. 22. Hospitalidade Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao destino 62%53% 33% 33% 13% 5% 1% 0% Otimo Bom Regular Ruim Operadores Agentes
  23. 23. Acesso Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao destino 47% 41%36% 28% 25% 15% Operador Agente 6% 2% Otimo Bom Regular Ruim
  24. 24. Legibilidade Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao destino 47% 47%43% 33% 19%Operadores Agentes 9% 1% 1%Otimo Bom Regular Ruim
  25. 25. Identidade Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao destino 63%55% Operador Agente 35% 29% 8% 7% 2% 1% Otimo Bom Regular Ruim
  26. 26. Atendimento Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao destino 69%62% Operador Agente 29% 26% 9% 1% 4% 0% Otimo Bom Regular Ruim
  27. 27. Notoriedade Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao destino 45% 42%28% 25% 22% 20%13% 5%Otimo Bom Regular Ruim Operador Agente
  28. 28. Diversidade da Oferta Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao destino51% Operadores Agentes 41% 40% 32% 21% 8% 6% 1%Otimo Bom Regular Ruim
  29. 29. Notou Esforços de Promoção? Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao destino61% 47%39% 35% 14% 4% Sim Sim, parcialmente Não Operadores Agentes
  30. 30. Distribuição: Notou esforços de vendas? Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao 47% destino 44%43% 42% 15% 9% Sim Sim, parcialmente Não Operadores Agentes
  31. 31. Preços adequados para o mercado consumidor?Avaliação Operadores e Agentes em Viagem Técnica ao destino 62% 55% 40% 34% 5% 4% Sim Sim, parcialmente Não Operadores Agentes
  32. 32. Avaliação dos Operadores e Agentes de Viagem sobre os destinos visitados:Critério de Valoração Destinos Operadores Destinos Agentesavaliação O projeto propiciou conhecer Contatos para negócios futuros novos roteiros Ótimo Acima de 76% Diversificar portfólio Hospitalidade Hospitalidade Identidade Identidade Bom De 51% à 75% Atendimento Atendimento Preços Diversidade da Oferta Capacidade de negociação Acesso Política Comercial Legibilidade Regular De 26% à 50% Acesso Notoriedade Legibilidade Preços Diversidade da Oferta Notoriedade Esforços em Distribuição Ruim Abaixo de 25% Esforços em distribuição e promoção
  33. 33. Destaques Avaliação Operadores e Agentes por Destino (mais de 10 citações - Ótimo) Item Operador e agente Ótimo Identidade MS - Campo Grande, Bonito e Pantanal Sul(avaliação local fornecedores PE - Recife, Olinda e Porto de Galinhas locais) PARÁ – Belém Hospitalidade PI - Serra da Capivara - (Parque Nacional da Serra da Capivara) Legibilidade Identidade AM – Manaus AL - Maceió e Maragogi Hospitalidade PE - Fernando de Noronha Atendimento BA – Chapada Diamantina RJ – Paraty Atendimento PR - Foz do Iguaçu Hospitalidade RS e SC - APARADOS DA SERRA Legibilidade GO - Goiânia, Caldas Novas e Rio Quente RS - Porto Alegre e Serra Gaúcha Identidade Legibilidade
  34. 34. Destaques Avaliação Operadores e Agentes por Destino (REGULAR e RUIM) Item Fornecedor local Operador e agente RUIM AC - Rio Branco e Vale do AcreNotoriedade Notoriedade TO- Palmas e JalapãoNotoriedade PB - João Pessoa e Campina Grande PI - Serra da Capivara - (São Raimundo Legibilidade Nonato) Acesso
  35. 35. 3. AVALIAÇÃO QUALITATIVA (CONSIDERAÇÕES ESCRITAS)OPERADORES E AGENTES DE VIAGEM
  36. 36. Avaliação qualitativa aspectos insatisfatórios consolidados por macro região • Todas as recomendações escritas dos operadores e agentes participantes da viagem técnica no CBN foram contempladas em tabelas nos cadernos de avaliação dos destinos visitados. Para cada assunto foi computado o número de citações dos participantes sobre o tema. • Viagens com Operadores - Agentes = 278 assuntos abordados equivalente a 734 citações.De 1 a 3 citações – critério de análise RECOMENDADO De 4 a 6 citações – critério de análise IMPORTANTE De 7 a mais citações– critério de analise NECESSÁRIO 
  37. 37. Grau de importância de sugestões (em %)72 74 23 20 8 3Recomendado Importante Necessário Destinos Operadores Destinos Agentes
  38. 38. Temas Aspectos Insatisfatórios• Acessibilidade – dificuldade para público da melhor idade, falta de estrutura.• Acesso – dificuldade de acesso, conservação de estradas, estrutura de aeroportos, distâncias percorridas.• Articulação local, governança – desarticulação entre iniciativa privada e governo, falta de associativismo e comprometimento.• Estruturação da Oferta – poucas opções de atrativos, estado de conservação, falta de controle e normatização, distância dos atrativos, poucas opções de entretenimento noturno e cultura.• Infra estrutura do destino – limpeza pública, saneamento básico, problemas com lixo, sinalização e comunicação.
  39. 39. Temas Aspectos Insatisfatórios• Infra estrutura turística – Apoio ao turista, informações, apoio nos atrativos, mapas.• Investimentos privados – pouca diversidade de hotéis, restaurantes, manutenção e conservação dos equipamentos hoteleiros, comércio.• Malha aérea – problemas com malha aérea, número de vôo insuficientes, preço das passagens.• Produto X preço – preços altos.• Promoção e apoio a comercialização – divulgação insatisfatória, inexistência de roteiros promocionais, falta de plano de marketing, divulgação em feiras.• Qualificação – fornecedores despreparados, colaboradores despreparados, empresários despreparados.
  40. 40. Viagens Destinos Operadores - Insatisfatórios Aspectos Insatisfatórios Qualificação Viagens Operadores Estruturação da oferta Acesso 4% 4% 4% Investimentos privados 5% 22% 6% Infra estrutura do destino 8% 14% Promoção e Apoio a Comercialização 9% Infra estrutura turística 10% 14% Malha aérea Produto X Preço Segurança Articulação local
  41. 41. Viagens Destinos Agentes de Viagem e Operadores- Insatisfatórios Estruturação da Oferta Aspectos Insatisfatórios Qualificação Viagens Agentes e Operadores Promoção e Apoio a Comercialização Investimentos privados 4% 4% 4% 20% 4% Infra estrutura do destino 6% Acesso 7% 14% Produto X Preço 12% 13% Acessibilidade 12% Infra estrutura turística Malha aérea Outros
  42. 42. Necessário para o desenvolvimento do destino – Destinos Viagens Operadores Destino Assunto Citações Tema BA - Chapada Opção aérea restrita (único horário 11 Malha aérea Diamantina por semana) Falta de qualificação e capacitaçãoTO - Palmas e Jalapão 10 Qualificação de mão de obra local SE - Aracaju e Xingó Malha Aérea insatisfatória 9 Malha aérea TO - Palmas e Falta de meios de comunicação para 8 Infra estrutura do destino Jalapão segurança: rádiosPI - Serra da Capivara Hotelaria insatisfatória em SRN 8 Investimentos Privados Estradas de acesso para a cidade dePI - Serra da Capivara 7 Acesso São Raimundo Nonato Distância entre Teresina e São Estruturação da oferta +PI - Serra da Capivara Raimundo Nonato, sem opções de 7 Acesso alimentação e atrativos no percurso RS/SC - Aparados da Serra - Cânios Pouca infra-estrutura turística como 7 Investimentos privados Gaúchos e oferta de bares, restaurantes, hotéis Catarinenses
  43. 43. Necessário para o desenvolvimento do destino – Destinos Viagens Agentes Destino Assunto Citações Tema Infraestrutura urbana, de saúde e deMA - São Luís e Lençóis Infra estrutura do saneamento básico (ruas, pavimentação, 8 Maranhenses destino saneamento, lixo) de Barreirinhas Investimentos RN - Natal e Pipa Manutenção dos meios de hospedagem 7 privados PR - Foz do Iguaçu Dificuldade na malha aérea 9 Malha aérea PB - João Pessoa e Malha aérea - Poucos voos para o destino 13 Malha aérea Campina Grande Promoção e Apoio PA - Belém Divulgação do destino 8 a Comercialização
  44. 44. Temas Aspectos Satisfatórios• Oferta (Atrativos) - diversidade de atrativos, atrações naturais e culturais, conservação do patrimônio histórico-cultural, gastronomia, artesanato, atrativos específicos para determinados segmentos.• Hospitalidade – receptividade da comunidade local.• Investimentos privados - diversidade de empreendimentos hoteleiros, restaurantes, qualidade dos empreendimentos.• Incentivo a sustentabilidade - ações positivas ao meio ambiente, sensibilidade sobre a importância do tema.• Qualidade – atendimentos dos colaboradores, guias, receptivo.• Singularidade – paisagens, clima, natureza, patrimônio histórico, grau de experiência no destino.• Governança local - esforço e interesse em melhorar e comercializar o destino, parcerias iniciativa pública e privada, ações cooperadas.• Planejamento– infra estrutura do destino.• Produto e preço – preço barato em relação a outros destinos.
  45. 45. Viagens Destinos Operadores - Satisfatórios Aspectos Satisfatórios com mais de 6 citações 7% 3% Oferta e atrações 16% 32% Investimentos Privados Singularidade 19% Esforço Governança Local - melhorar o destino 23% Qualidade dos Serviços Hospitalidade
  46. 46. Viagens Destinos Agentes - Satisfatórios Aspectos Satisfatórios Destinos Agentes (com mais de 6 citações) 2% 2% 2% Oferta - Atrativos 4% 2% 3% Hospitalidade 7% 42% Investimentos privados Incentivo a sustentabilidade 16% Qualidade serviço receptivo Singularidade Governança local 20% Infra estrutura destino Planejamento Produto e preço
  47. 47. 4. AVALIAÇÃO QUALITATIVACONSOLIDADA POR MACRO REGIÃO
  48. 48. Destinos Região Norte1. Rio Branco e Vale do Acre – AC2. Santarém – PA3. Palmas e Jalapão – TO4. Manaus - AM5. Belém - PA
  49. 49. NORTE Investimentos privadosAspectos Insatisfatórios Promoção e Apoio a Norte - todas viagens Comercialização Acesso Infra estrutura do destino 6% 3% 6% 20% 9% Estruturação da Oferta9% 14% Infra estrutura turística 9% Produto X Preço 12% 12% Acessibilidade Malha aérea Qualificação
  50. 50. Destinos Região Nordeste1. Aracajú e Xingó – SE2. Natal e Pipa – RN3. Serra da Capivara – PI4. Ilhéus, Itacaré e Maraú – BA5. Recife, Olinda e Porto de Galinhas – PE6. Jericoacoara e Camocim – CE7. João Pessoa e Campina Grande – PB8. Fernando de Noronha – PE9. Chapada das Mesas – MA10.Chapada Diamantina – BA11.Maceió e Maragogi – AL12.São Luis e Lençóis Maranhenses - MA
  51. 51. NORDESTE Qualificação Aspectos Insatisfatórios Nordeste - todas viagens Estruturação da Oferta Infra estrutura do destino 2% 2% 1% 1% Investimentos privados 4% 4% 19% 4% Acesso 5% Promoção e Apoio a Comercialização10% 15% Infra estrutura turística Segurança 10% Malha aérea 12% 11% Produto X Preço Governança - articulação local Acessibilidade Aspectos sociais Planejamento desordenado
  52. 52. Destinos Região Centro-Oeste1. Brasília, Pirenópolis e Chapada dos Veadeiros – GO2. Campo Grande, Pantanal Sul e Bonito – MS3. Cuiabá, Pantanal Norte e Chapada dos Guimarães – MT4. Corumbá – MS5. Goiânia, Caldas Novas e Rio Quente – GO
  53. 53. CENTRO-OESTE Aspectos Insatisfatórios Qualificação Centro Oeste Estruturação da Oferta 2% 2% Promoção e Apoio a 6% 4% Comercialização 27% 8% Acesso10% Investimentos privados Malha aérea 14% 27% Governança - articulação local Produto X Preço Hospitalidade
  54. 54. SUDESTE1. Vitória e Montanhas Capixabas – ES2. Paraty – RJ3. Rio de Janeiro, Paraty e Angra dos Reis – RJ4. Cidades Históricas – Estrada Real - MG
  55. 55. SUDESTE Aspectos Insatisfatórios Infra estrutura do destino Sudeste - todas as viagens Estruturação da Oferta 7% 3% Produto X Preço 7% 30% 7% Acessibilidade6% Qualificação 10% 20% Acesso 10% Promoção e Apoio a Comercialização Infra estrutura turística Investimentos privados
  56. 56. SUL1. Curitiba e Paranaguá – Ilha do Mel – PR2. Aparados da Serra – Cânios Gaúchos e Catarinenses – RS e SC3. Porto Alegre e Serra Gaúcha - RS4. Florianópolis e litoral sul – SC5. Foz do Iguaçu - PR
  57. 57. SUL Estruturação da Oferta Aspectos Insatisfatórios Sul - todas as viagens Investimentos privados Qualificação 4% 4% 4% 22% Acesso 4% 9% Promoção e Apoio a Comercialização9% Malha aérea 22% 9% Infra estrutura do destino 13% Produto X Preço Infra estrutura turística Governança - articulação local
  58. 58. Ordem de Prioridade de Ações por Macro Região (Análise Qualitativa) Norte Nordeste Centro-Oeste Sudeste Sul Infra Investimentos Estruturação1º Qualificação Qualificação estrutura do Privados da Oferta destino2º Promoção e Estruturação Estruturação da Estruturação Investimentos Comercialização da Oferta Oferta da Oferta privados Infra3º Promoção e Produto X Acesso estrutura do Qualificação Comercialização preço destino4º Infra estrutura Investimentos Acesso Acessibilidade Acesso do destino privados
  59. 59. Obrigada! Consultora Simone Scorsato www.oh.tur.brsimone@oh.tur.br

×