Unidade Curricular: ADM IIDocente: Teresa Maia e CarmoDiscente: António Coelho – 110233013 / Ricardo Silva - 110233015Curs...
 A entrevista em análise foi no dia 17 de Fevereiro de 2013 ao técnicoportuguês Leonardo Jardim, de 38 anos pelo jornalis...
Antes do excelente desempenho ao serviço do Olympiacos, LeonardoJardim: Conseguiu subir ao primeiro escalão do futebol po...
ABERTURA A entrevista tem a duração de 30 minutos e 45 segundos; São feitas ao entrevistado 31 perguntas durante a entre...
 Jardim, mostra-se incrédulo pela sua saída e é concreto na suaapreciação autocrítica do trabalho feito. Garante que atin...
FECHO Desafia Jardim a um conjunto de perguntas rápidas tais como: O treinador que mais o marcou; O jogador que mais o ...
 A linguagem utilizada entre ambos é formal, sempre com boa disposição edisponibilidade do entrevistado para responder a ...
 O jornalista, cauteloso, interrompe o técnico, questionando sobre umrumor que o levou a sair do clube; O treinador nega...
CLUBE EM MENTE? Jardim explica que pretende um clube com grandes ambições e queseja consistente nas vitórias; O jornalis...
SPORTING ACTUAL• Prepara o convidado para a pergunta, dizendo que “ para um treinador serásempre aliciante ter um convite ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Análise de uma entrevista de rádio

168 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Análise de uma entrevista de rádio

  1. 1. Unidade Curricular: ADM IIDocente: Teresa Maia e CarmoDiscente: António Coelho – 110233013 / Ricardo Silva - 110233015Curso: Educação e Comunicação Multimédia – 2ºSemestre/2ºAno
  2. 2.  A entrevista em análise foi no dia 17 de Fevereiro de 2013 ao técnicoportuguês Leonardo Jardim, de 38 anos pelo jornalista doRecord, Miguel Pedro Vieira; Dinamizada pela Antena 1 na Tarde Desportiva, em colaboração com oJornal Record (publicada no dia seguinte); Esta entrevista deve-se á saída repentina do treinador do clube gregoOlympiacos na época corrente; A Tarde Desportiva na Antena 1 é transmitida aos Domingos e visaanalisar os eventos desportivos do dia; A entrevista dirigia-se aos portugueses que seguiam a carreira deLeonardo Jardim na Grécia, que ficaram surpreendidos com a sua saídado clube grego e que queriam saber o rumo que teria a sua carreira nofuturo.
  3. 3. Antes do excelente desempenho ao serviço do Olympiacos, LeonardoJardim: Conseguiu subir ao primeiro escalão do futebol português com o Beira-Mar; Atingiu o auge em Portugal na época anterior em Braga, tendo registado27 vitórias em 2012; É apontado como um dos possíveis treinadores do FCP na próximaépoca; Assim, é considerado um dos treinadores mais promissores do futebolnacional.PERCURSO DE LEONARDO JARDIM
  4. 4. ABERTURA A entrevista tem a duração de 30 minutos e 45 segundos; São feitas ao entrevistado 31 perguntas durante a entrevista; Começa com o agradecimento mútuo entre o entrevistador e oentrevistado, Leonardo Jardim; Jingle; De seguida, o entrevistador coloca a primeira pergunta de umaforma muito frontal e com estupefacção de modo a obter umaresposta concreta e concisa de Jardim, sabendo que se trata doassunto que desperta maior curiosidade nos ouvintes:- “Afinal, por que é que saiu do Olympiacos quando liderava o primeirolugar sem derrotas e com 10 pontos de avanço do segundo lugar?”
  5. 5.  Jardim, mostra-se incrédulo pela sua saída e é concreto na suaapreciação autocrítica do trabalho feito. Garante que atingiu dosmelhores resultados a nível internacional com o clube; Critica a imprensa e afirma ter grande carinho dos adeptos.QUESTIONÁRIOForam abordados 8 assuntos durante a entrevista, tais como: Análise do Olympiacos Balanço da Grécia Experiência no SC Braga Clubes de Carreira Clube em Mente Balanço do Campeonato português Sporting Actual Jogadores do Campeonato português
  6. 6. FECHO Desafia Jardim a um conjunto de perguntas rápidas tais como: O treinador que mais o marcou; O jogador que mais o marcou; Duração que prevê dar à sua carreira; Quando decidiu ser treinador.Com boa disposição, desafia o convidado a citar saudações emgrego e se teve saudades da gastronomia madeirense (referênciaà sua origem).
  7. 7.  A linguagem utilizada entre ambos é formal, sempre com boa disposição edisponibilidade do entrevistado para responder a todas as perguntas.ANÁLISE DO OLYMPIACOSO entrevistador pretende que o técnico aprofunde a sua avaliação. Jardim realçaos derbies ganhos fora, empenho na Liga dos Campeões (vitória sobre oArsenal) e na Liga Europa;BALANÇO DA GRÉCIAPara encerrar o assunto “Olympiacos”, o entrevistador pede um balanço aJardim: Optimista, seguro e confiante para o futuro Abrangente na resposta, compara Portugal com a Grécia: Paixão peloFutebol
  8. 8.  O jornalista, cauteloso, interrompe o técnico, questionando sobre umrumor que o levou a sair do clube; O treinador nega e lamenta as críticas: “As pessoas não deviam brincarcom a vida privada das outas” “Tenta-se sempre encontrar justificações”.CLUBES DA CARREIRA O entrevistador desafia o treinador a comparar a experiência que adquiriu comos clubes anteriores. Jardim recorre a exemplos para explicar o modelo de jogo.
  9. 9. CLUBE EM MENTE? Jardim explica que pretende um clube com grandes ambições e queseja consistente nas vitórias; O jornalista interrompe, afirmando que em Portugal existem poucosclubes com essa mentalidade, sugerindo que Jardim possa optar porum clube estrangeiro; Recorre a frases de colegas de Jardim para que este comente. “Treinador tem sempre mala feita” – Paulo Bento.BALANÇO DO CAMPEONATO PORTUGUÊS O jornalista realça a importância da opinião de Jardim sobre ocampeonato para os ouvintes e coloca a questão; Critica a estrutura do campeonato português.
  10. 10. SPORTING ACTUAL• Prepara o convidado para a pergunta, dizendo que “ para um treinador serásempre aliciante ter um convite do SCP” e reforçando que Jesualdo tambémo viu como um desafio. É frontal e pergunta se um treinador “pode ou nãovacilar?”; Jardim reforça e aprofunda a sua análise.JOGADORES DO CAMPEONATO Muda rapidamente de assunto, questionando se prefere Lima,Jackson ou Cardozo; Gosta dos três; Destaca o Lima por tê-lo treinado; Questionado relativamente à sua naturalização, não concorda,preferindo que se dê atenção aos futebolistas portugueses.

×