Dicas de gatilhos mentais

117 visualizações

Publicada em

Estas dicas estão no site: http://rendacompletaonline.com.br/gatilhos-mentais/
Esta postado aqui para

Publicada em: Internet
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
117
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Dicas de gatilhos mentais

  1. 1. O que é e como usar gatilhos mentais Já imaginou como seria se existisse uma técnica que te ajudasse a fazer com que os seus clientes se interessassem pelo seu produto? Se fosse possível usar palavras que atingem a persona do seu cliente e mostrem para elas que o seu produto realmente tem o que elas precisam? A boa notícia, é que essas palavras poderosas de persuasão existem, e são conhecidas como gatilhos mentais. Não é de hoje que os gatilhos mentais existem. Essa técnica de marketing e propaganda faz o uso do psicológico do consumidor em potencial para poder efetuar vendas de maneira mais efetiva. http://rendacompletaonline.com.br/formula-negocio-online-e-bom Princípio de meio, mensagem e recepção dos gatilhos funcionam com a mesma sintonia da teoria das cores. O branco passa uma sensação de tranquilidade para o nosso cérebro, por isso os hospitais adotaram de maneira intuitiva o branco como cor padrão. Esses gatilhos seguem o mesmo propício, uma ou duas palavras podem fazer grande diferença na maneira que o consumidor enxerga o seu produto. No marketing os gatilhos mentais são essenciais para garantir um bom índice de vendas e alcance de produtos e serviço. A principal vantagem dos gatilhos é poder usar os mesmos em qualquer meio de mensagem que converse diretamente com o público; revistas, rádio, televisão e anúncios em geral. Exemplos rentáveis de como usar gatilhos mentais Para usar os gatilhos mentais você deve conversar diretamente com o seu público-alvo para que o consumidor em potencial se sinta atraído por sua oferta. Para exemplificar de uma maneira melhor nós separamos com exclusividade para você uma série de gatilhos que podem ser utilizados em qualquer tipo de propaganda. Veja os exemplos de gatilhos mentais a seguir:  A escassez
  2. 2. O primeiro tipo de gatilho mental conhecido é o de escassez. A escassez é bastante utilizada no meio de varejo quando o comerciante almeja eliminar todo um estoque de um produto. Por exemplo, no gatilho da escassez o comerciante pode colocar em seu produto um anúncio de que aquelas são suas últimas unidades. O cliente, por sua vez, verá que aquele produto está ficando escasso no mercado, portanto, o produto em questão ganha mais valor porque todas as pessoas estão comprando.  A solução A solução é uma técnica que desfruta da descrição do produto para convencer o cliente a comprar. Um exemplo básico é mostrar como o produto pode agregar valor à vida do consumidor. “Esse sapato é tão confortável que diminui suas dores nas costas”. Se levarmos em consideração que a maioria das pessoas sente dor nas costas por um momento, esse sapato será um atrativo para todas elas.  A urgência O sentido de urgência também pode estar relacionado a escassez, só que de uma maneira mais alarmista. Muito comum em promoções de queima de estoque e super descontos, a urgência trabalha oferecendo uma super promoção em um espaço curto de tempo, então os clientes ficam desesperado querendo comprar os produtos por que a necessidade imposta pelo anúncio é de urgência. Desse modo é muito comum ver filas longevas em varejos que fazem queima de estoque no final do ano.  O ganhador A técnica de gatilho conhecida como o ganhador faz o cliente acreditar que está ganhando alguma coisa com o seu gasto. O processo mais comum é o de oferecer três produtos pelo preço de dois ou na compra de um número X de unidades o cliente ganha X por cento de descontos. Por mais que a pessoa gaste mais dinheiro ela sempre vai pensar que está ganhando com sua compra.  A autoridade São poucas as marcas que podem demonstrar algum tipo de autoridade sobre um determinado meio, porém, as que conseguem garantem um alto índice de vendas durante um bom tempo. O último dos nossos gatilhos mentais tem o foco na competência da marca sobre o consumidor. A Coca-Cola, por exemplo,
  3. 3. pode dizer que é líder de mercado de refrigerantes. Ao falar a pessoa que está vendo a propaganda fica tentada em comprar a bebida por que ela é uma autoridade no assunto. Estratégias de marketing que funcionam O marketing é um conceito antigo utilizado para o desenvolvimento comercial de uma marca ou produto, garantindo autonomia e relevância do mesmo dentro do seu mercado de atuação. Para que isso acontece os profissionais da área desenvolvem campanhas baseadas em estratégias de marketing, que visam proporcionar para o seu produto ou empresa os conceitos mencionados no início desse parágrafo. Desenvolver estratégias de marketing de qualidade é de estrema importância para o sucesso do seu empreendimento. É importante apertar mais uma vez nessa mesma tecla, o marketing vai construir a imagem do seu negócio, ou seja, se a estratégia adotada não for boa, será essa a imagem pífia que as pessoas vão ter daquilo que você está oferecendo. Para evitar qualquer tipo de problema é indicado o acompanhamento de um profissional qualificado durante o desenvolvimento das suas estratégias de marketing. Para empreendimentos de porte mediano a contratação de uma agência é fundamental, mas para negócios menores, a ajuda de um consultor ou profissional freelancer já será o suficiente. 5 Estratégias de marketing que realmente funcionam Nós sabemos que estratégias de marketing são complicadas e que não são todas que possuem resultados positivos. Pensando no seu bem-estar nós separamos com exclusividade um compilado de cinco estratégias que realmente funcionam. Essas técnicas podem ser utilizadas para quase todos os tipos de negócios e empreendimento. Confira quais são as estratégias de marketing logo a seguir: Sorteios e ações promocionais: Ações promocionais são sempre certeiras. O público que almeja ou que tem o mínimo de curiosidade no seu produto ou serviço faz proveito da promoção para poder adquirir aquilo que ele almejava
  4. 4. com antecedência. O sorteio é ainda melhor, pois envolve a sensação de ganho. O vencedor do sorteio se sentira feliz com o resultado e vai associar essa felicidade com a sua marca; Trabalho com mídias sociais: A internet não pode ser ignorada, por isso que algumas das suas estratégias de marketing devem ser utilizadas para o uso da mídia digital. Crie perfis nas redes sociais, elas são a melhor plataforma nesse sentido. As redes sócias, em sua maioria, não possuem custo e você poderá manter o contato mais íntimo com os demais usuários, garantindo assim melhoras no desempenho do seu negócio; Merchandising em mídias de comunicação: O merchandising é uma boa estratégia para conquistar nossos clientes. Aqui o que você faz é uma campanha de marketing baseada em patrocínio. Esse tipo de estratégia é bom quando o canal de anúncio desenvolve conteúdo semelhante ao seu produto final. A associação de gênero faz com que o consumidor em potencial se sinta mais confortável em adquirir o produto da sua oferta; Campanhas de e-mail marketing: O e-mail marketing, em especial para quem trabalha com comércio de varejo, é muito útil e provem resultados eficazes. Um e-mail publicitário consegue alçar voos maiores por conseguir ter o contato direto com o cliente, que em sua essência é um consumidor em potencial. Muitas vezes esse contato mais intimido tem o mesmo efeito do uso das redes sociais; Estratégias de marketing de conteúdo: Essa é de longe a melhor estratégia de marketing existente. Nesse tipo de ação é desenvolvido um tipo de conteúdo compartilhável ou consumismo entre as pessoas. O consumo desse conteúdo faz com que as pessoas fiquem mais próximas com o seu produto final, facilitando bastante as ações de vendas e afins. Porém, antes dos seus olhos brilharam com as possibilidades, lembre-se que o produto deve ter a mesma qualidade do seu produto final, caso isso não aconteça é capaz dos resultados obtidos com a ação de marketing não sejam exatamente positivos.

×