SEMINÁRIO TÉCNICO          MANUTENÇÃO DA FAIXA DE SERVIDÃO DE                           LINHAS DE TRANSMISSÃOSeminário Téc...
PROCEDIMENTOS PARA MANUTENÇÃO DA FAIXA        DE SERVIDÃO DE LINHAS DE TRANSMISSÃOSeminário Técnico “Manutenção da Faixa d...
Sistema de Transmissão FURNAS       • Aproximadamente 20.000 km de linhas de transmissão nas         tensões de 25 kV, 138...
Mapa do Sistema de Transmissão FURNASSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/...
Linhas Antigas                             (aproximadamente 14.000 Km de LTs)• Projeto não levava em consideração a compon...
Metodologia de manutenção das linhas antigas • Base das Torres e seu entorno:     - Corte raso manual e/ou mecanizado - co...
Corte raso – Base da torreSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAM...
Corte raso – Faixa de servidãoSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - ...
Convivência – atividade agrícolaSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 ...
Metodologia de manutenção das linhas antigas    • Estrada de acesso:           - Corte raso  corte rente ao solo, conserv...
Corte raso – estrada de acessoSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - ...
Riscos de não efetuar corte raso      • Aproximação por crescimento e aproximação por queda  arco         elétrico  desl...
Faixa de Servidão – Vegetação presente por falta de corte raso Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linha...
Faixa de Servidão – Vegetação presente por falta de corte raso Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linha...
Faixa de Servidão – Vegetação presente por falta de corte raso Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linha...
Faixa de Servidão – Vegetação presente por falta de corte raso Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linha...
Faixa de Servidão – Vegetação presente por falta de corte raso Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linha...
Faixa de Servidão – Queimadas em vegetação não suprimidaSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Tr...
Faixa de Servidão – Queimadas em vegetação não suprimidaSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Tr...
Faixa de Servidão – Queimadas em vegetação não suprimidaSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Tr...
Consequências de não efetuar corte raso em LTs antigas•    Perda de confiabilidade do sistema interligado  Riscos dedesli...
Linhas Novas                         (aproximadamente 6.000 Km de LTs)•   Projeto elaborado sob uma nova ótica e legislaçã...
Distâncias Mínimas de Segurança                                                                          TENSÃO (kV)   d s...
Faixa de Servidão Linhas Antigas e NovasSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/...
Histórico•   Em maio de 2011 Furnas enviou ao IBAMA um “Anteprojeto para    Manutenção de Faixas de Servidão em Linhas de ...
Histórico•   Em 07/02/2012, foi realizada uma reunião envolvendo FURNAS,    IBAMA, MME e MMA, ocasião em que foram apresen...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentacao furnas manutencao de l ts - baixa resolução

2.277 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.277
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentacao furnas manutencao de l ts - baixa resolução

  1. 1. SEMINÁRIO TÉCNICO MANUTENÇÃO DA FAIXA DE SERVIDÃO DE LINHAS DE TRANSMISSÃOSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  2. 2. PROCEDIMENTOS PARA MANUTENÇÃO DA FAIXA DE SERVIDÃO DE LINHAS DE TRANSMISSÃOSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  3. 3. Sistema de Transmissão FURNAS • Aproximadamente 20.000 km de linhas de transmissão nas tensões de 25 kV, 138 kV, 230 kV, 345 kV, 500 kV e 750 kV em CA e ± 600 kV em CC • 52 Subestações • 40% da energia do Brasil passa pelo Sistema de Transmissão de FURNAS • Abastece regiões onde vivem 51% da população brasileira, responsáveis por 65% do PIBSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  4. 4. Mapa do Sistema de Transmissão FURNASSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  5. 5. Linhas Antigas (aproximadamente 14.000 Km de LTs)• Projeto não levava em consideração a componente ambiental• Construídas utilizando os critérios de faixa de servidão limpa• Manutenção: anualSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  6. 6. Metodologia de manutenção das linhas antigas • Base das Torres e seu entorno: - Corte raso manual e/ou mecanizado - corte rente ao solo mantendo a vegetação herbácea evitando o processo erosivo do solo • Faixa de Servidão: - Depende da tipologia vegetal  Pastagem: convivência  Formação Florestal: garantia da distância de segurança  corte raso, ou seja, corte rente ao solo da vegetação que possa vir a se aproximar dos cabos condutores, conservando a vegetação rasteira  Formação Florestal em Vales e Grotas: convivência  Cultura Agrícola / Fruticultura: convivência dependendo do tipo de cultura  Cana de açúcar, bambus, taquaras, eucaliptos e pinus: ErradicaçãoSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  7. 7. Corte raso – Base da torreSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  8. 8. Corte raso – Faixa de servidãoSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  9. 9. Convivência – atividade agrícolaSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  10. 10. Metodologia de manutenção das linhas antigas • Estrada de acesso: - Corte raso  corte rente ao solo, conservando a vegetação rasteira • Árvores fora da faixa - Deverão ser cortadas (seletivamente) quando oferecerem risco (queda e balanço dos cabos)Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  11. 11. Corte raso – estrada de acessoSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  12. 12. Riscos de não efetuar corte raso • Aproximação por crescimento e aproximação por queda  arco elétrico  desligamento da LT • Queimadas  arco elétrico  desligamento da LT • Riscos a pessoas que estejam próximas às LTs nessas situaçõesSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  13. 13. Faixa de Servidão – Vegetação presente por falta de corte raso Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  14. 14. Faixa de Servidão – Vegetação presente por falta de corte raso Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  15. 15. Faixa de Servidão – Vegetação presente por falta de corte raso Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  16. 16. Faixa de Servidão – Vegetação presente por falta de corte raso Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  17. 17. Faixa de Servidão – Vegetação presente por falta de corte raso Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  18. 18. Faixa de Servidão – Queimadas em vegetação não suprimidaSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  19. 19. Faixa de Servidão – Queimadas em vegetação não suprimidaSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  20. 20. Faixa de Servidão – Queimadas em vegetação não suprimidaSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  21. 21. Consequências de não efetuar corte raso em LTs antigas• Perda de confiabilidade do sistema interligado  Riscos dedesligamentos• Desligamentos indevidos de linhas antigas devido à presença devegetação  Em FURNAS, nos últimos 2 anos ocorreram 24 desligamentos causados pela aproximação de vegetação e 70 por queimadas na faixa de servidão das linhas• Riscos à segurança  Em FURNAS, a realização de cortes seletivos em linhas antigas resultou em 2 acidentes com vítimas nos últimos 12 mesesSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  22. 22. Linhas Novas (aproximadamente 6.000 Km de LTs)• Projeto elaborado sob uma nova ótica e legislação, utilizando-se critérios onde se busca a convivência da LT com a cobertura vegetal arbustiva e arbórea na faixa de servidão, inclusive sob os cabos condutores, salvas algumas exceções• Para reduzir significativamente a área de supressão vegetal sob os cabos das linhas novas, são utilizados os seguintes recursos:  Alteamento das torres  Alterações de traçado visando evitar interferências com determinadas áreas• Permite o corte seletivo em muitos casos sem riscos• Manutenção: AnualSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  23. 23. Distâncias Mínimas de Segurança TENSÃO (kV) d seg (m) d faixa (m) 138 4,3 12,5 230 4,9 20 345 5,5 25 500 6,4 30 600 9,5 36 750 7,9 47,5Seminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  24. 24. Faixa de Servidão Linhas Antigas e NovasSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  25. 25. Histórico• Em maio de 2011 Furnas enviou ao IBAMA um “Anteprojeto para Manutenção de Faixas de Servidão em Linhas de Transmissão de Furnas” (correspondência ALA.E.E.194.2011)• Esse documento estabelece, critérios, competência, conceitos, procedimentos e instrumentos para regular e padronizar as atividades de manutenção das linhas de FURNAS• Sua proposta visa garantir a confiabilidade do sistema de transmissão, bem como a segurança de trabalhadores e população em geralSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)
  26. 26. Histórico• Em 07/02/2012, foi realizada uma reunião envolvendo FURNAS, IBAMA, MME e MMA, ocasião em que foram apresentados argumentos técnicos visando emissão de autorização para corte raso ao longo da faixa de servidão de LTs antigas• Em 17/02/2012, FURNAS encaminhou a carta DP.E.084.2012 ao IBAMA relatando as questões técnicas e de segurança e solicitando a emissão de autorização em caráter emergencial de corte raso para as LTs antigas• Hoje, 28/03/2012, realiza-se o Seminário de Manutenção de Faixas de Servidão de LTs, com participação do IBAMA, transmissoras e outros agentes do setor elétrico para discussão sobre o temaSeminário Técnico “Manutenção da Faixa de Servidão de Linhas de Transmissão” - 28/03/2012 - IBAMA - Brasília (DF)

×