RESTART:NOVAS REDES & NOVOS DESAFIOS    20º Congresso das Comunicações              APDC, 18 de Novembro 2010
ÍNDICE  1.  Alterações de contexto  2.  Evolução recente da regulação e da gestão do      espectro radioeléctrico  3.  Áre...
Alterações de contexto                                                      Não exaustivo                         •  Desre...
Evolução recente                                                      Não exaustivo                   •  Análise de Mercad...
Evolução recente                                                                    ConceptualAnálise de Mercados         ...
Evolução recente                                                                       ConceptualAnálise de Mercados      ...
Evolução recente                                                                       ConceptualAnálise de Mercados      ...
Evolução recente                                                                          ConceptualAnálise de Mercados   ...
Evolução recenteMercado de Terminação de Chamadas em Redes Móveis (M7)                            Evolução dos preços de t...
0,0000 €                               0,0200 €                                          0,0400 €                         ...
Áreas de desenvolvimento                                                     Não exaustivo                           •  An...
Áreas de desenvolvimentoAnálise dos mercados 1 2 3         Quotas de Mercado 80,0%                                        ...
Áreas de desenvolvimentoServiço Universal de Telecomunicações   CLSU excluindo as tarifas sociais por habitante (euros)   ...
Áreas de desenvolvimento  Modelo de custeio das terminações nas redes móveis                                     MTR   Por...
Áreas de desenvolvimentoRegulação das NGN                           •  Papel fundamental da ORAC e de                     ...
Áreas de desenvolvimento    Espectro radioeléctrico disponível                               (indicativo)Faixa [MHz]    36...
Informação adicional em:    www.anacom.ptferrari.careto@anacom.pt
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ferrari Careto - APDC Congresso 2010

335 visualizações

Publicada em

Apresentação no Congresso da APDC em 2010. Restart: novas redes e novos desafios

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
335
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ferrari Careto - APDC Congresso 2010

  1. 1. RESTART:NOVAS REDES & NOVOS DESAFIOS 20º Congresso das Comunicações APDC, 18 de Novembro 2010
  2. 2. ÍNDICE 1.  Alterações de contexto 2.  Evolução recente da regulação e da gestão do espectro radioeléctrico 3.  Áreas de desenvolvimento para 2011 e respectivos pontos focais para discussão
  3. 3. Alterações de contexto Não exaustivo •  Desregulação de mercados; •  Crescente intervenção da UE; •  Integração regulação gestão do espectro radioeléctrico; •  Integração de serviços, bundles; •  Novas plataformas; •  Novos padrões de consumo; •  Quadro macroeconómico adverso. •  ….
  4. 4. Evolução recente Não exaustivo •  Análise de Mercados de Acesso à Rede (M4) e de Acesso em Banda Larga (M5); •  Abordagem Regulatória RNG; •  Mercado de Terminação de Chamadas em Redes Móveis (M7); •  Mercado de Circuitos Alugados (M6); •  Reformulação da ORAC e ORALL; •  Originações nas Redes Móveis; •  Consulta Pública sobre os 2.6 GHz; •  Consultas Públicas sobre o Dividendo Digital; •  Conclusão do processo de refarming
  5. 5. Evolução recente ConceptualAnálise de Mercados Anacom AdC Mercado Regulado Mercado Não Regulado A (quase) totalidade da oferta de retalho dos M1 M8 operadores de M2 M9 comunicações electrónicas M15 M3 M10 M16 M4 M11 M17 M5 M12 M18 M6 M13 M7 M14
  6. 6. Evolução recente ConceptualAnálise de Mercados Anacom AdC Mercado Regulado Mercado Não Regulado M1 A (quase) totalidade da M2 oferta de retalho dos operadores de M3 comunicações electrónicas M4 M5 M8, M9, M10, M11, M12, M13, M6 M14, M15, M16, M17 e M18 M7
  7. 7. Evolução recente ConceptualAnálise de Mercados Anacom AdC Mercado Regulado Mercado Não Regulado M1 A (quase) totalidade da M2 oferta de retalho dos operadores de M3 comunicações electrónicas M4 M5 M8, M9, M10, M11, M12, M13, M6 M14, M15, M16, M17 e M18 M7 Zonas competitivas
  8. 8. Evolução recente ConceptualAnálise de Mercados Anacom Mercado Regulado •  Estreita colaboração com AdC para M1 handover e seguimento (e.g. originação M2 móvel); M3 •  Exigência acrescida com ofertas M4 fundamentais; M5 M6 •  Alavancar na experiência e actualizar; M7 •  Reforçar enforcement. •  Definição de mercado; •  Declaração PMS; •  Teste 3 critérios
  9. 9. Evolução recenteMercado de Terminação de Chamadas em Redes Móveis (M7) Evolução dos preços de terminação móvel-móvel em Portugal 0,2000 € 0,1800 € 0,1600 € 0,1400 € 0,1200 € 0,1000 € 0,0800 € 0,0600 € 0,0400 € 0,0200 € 0,0000 € Jan/06 Jul/06 Jan/07 Jul/07 Jan/08 Jul/08 Jan/09 Jul/09 Jan/10 Jul/10 Jan/11 Jul/11 Jan/05 Jul/05 Optimus TMN, Vodafone Fonte: ICP-ANACOM
  10. 10. 0,0000 € 0,0200 € 0,0400 € 0,0600 € 0,0800 € 0,1000 € 0,1200 € Turquia Chipre Suécia Austria França Polónia Lituânia Eslovénia Evolução recente Finlândia Islândia Roménia Hungria Reino Unido Espanha Dinamarca Holanda PortugalMédia Simples Grécia Rep.Checa Eslováquia Letónia Macedónia Alemanha Noruega Estónia Croácia Benchmark BEREC - Terminações Móveis (Julho 2010) Irlanda Itália Mercado de Terminação de Chamadas em Redes Móveis (M7) Luxemburgo Malta Bélgica Bulgária Suíça
  11. 11. Áreas de desenvolvimento Não exaustivo •  Análise dos mercados 1 2 3; •  Seguimento da análise do mercado de circuitos alugados (M6); •  Regulação das NGNs; •  Serviço Universal de Telecomunicações •  Modelo de custeio das terminações nas redes móveis •  Atribuição de espectro radioeléctrico disponível
  12. 12. Áreas de desenvolvimentoAnálise dos mercados 1 2 3 Quotas de Mercado 80,0% •  Descidas de quotas de mercado 70,0% PT; •  Definição de mercado (que 60,0% serviços substitutos); 50,0% •  Diferenças regionais (sim ou não e 40,0% se sim onde); •  Articulação com o Serviço 30,0% Universal; 20,0% •  Simetria nos preços de interligação; 10,0% •  Novos modelos de custeio. 0,0% 3T08 4T08 1T09 2T09 3T09 4T09 1T10 2T10 Fonte: ICP-ANACOM Não inclui números nomádicos
  13. 13. Áreas de desenvolvimentoServiço Universal de Telecomunicações CLSU excluindo as tarifas sociais por habitante (euros) •  Definição de encargo excessivo3,00 2,78 (critério);2,00 2,03 •  Definição de metodologia; 1,35 0,97 •  Decisão sobre anos passados;1,00 0,71 0,65 0,54 0,58 0,60 0,60 0,58 •  Caso particular dos reformados e -0,10 -0,10 -0,11 -0,12 -0,420,00 pensionistas (que acresce a estes 2003 2001 2002 2003 2004 2006 2007 2001 2002 2003 2004 2006 2007 2003 2005 2005 valores).-1,00 Bélgica Espanha Itália França Reino Unido Fonte: ICP-ANACOM
  14. 14. Áreas de desenvolvimento Modelo de custeio das terminações nas redes móveis MTR Portugal Agosto 2011Reino Unido Abr 2014 •  Cálculo do valor de chegada; Noruega n.d. •  Definição de glide path Holanda Set 2012 França Jan 2013 Bélgica Jan 2013 0,0000 € 0,0100 € 0,0200 € 0,0300 € 0,0400 € Valores calculados com LRIC puro
  15. 15. Áreas de desenvolvimentoRegulação das NGN •  Papel fundamental da ORAC e de utilities; •  Interacção com análise de mercados 4 e 5 e abordagem regulatória; •  Utilização do vademecum de análises de mercado; •  Avaliar da efectividade de eventuais remédios
  16. 16. Áreas de desenvolvimento Espectro radioeléctrico disponível (indicativo)Faixa [MHz] 3600 2x28 MHz FDD 2600 50 MHz TDD 2x70 MHz FDD •  Instrumento de selecção; 2100 2x25 MHz TDD •  Bandas a incluir; 1800 2x30 MHz FDD •  Adopção de limitações na 900 atribuição (caps). 10 MHz FDD 800 2x30 MHz FDD 1) 450 1.25 MHz FDD Quantidade de espectro [MHz] 0 10 20 30 40 50 60 70 1) Condicionado ao dividendo digital
  17. 17. Informação adicional em: www.anacom.ptferrari.careto@anacom.pt

×