VITTORIO TEDESCHI
Ele vem para o Rio 2016: Federer prioriza
Olimpíadas e abre mão da Copa Davis
Após a vitória sobre o holandês Thiemo de Bakker, por 3 sets a 0 (6/3, 6/2 e 6/4),
em Genebra, que confirmou a vaga da Suí...
De acordo com o atual número 2 no ranking da ATP, aos 34 anos a sua
preocupação com o rendimento passa pelos cuidados com ...
"Minha ideia nunca foi ganhar a Davis duas vezes, a ideia era sempre
ganhar uma vez e nós fizemos isso na frente de um púb...
"Estarei muito ocupado na próxima temporada. De qualquer forma, a minha
saúde é prioridade. Eu já penso em um programa que...
"Acho que será difícil para todos os jogadores, especialmente os mais bem
colocados no ranking. Precisaremos ver a chave e...
Ele vem para o Rio 2016: Federer prioriza Olimpíadas e abre mão da Copa Davis
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ele vem para o Rio 2016: Federer prioriza Olimpíadas e abre mão da Copa Davis

72 visualizações

Publicada em

Após a vitória sobre o holandês Thiemo de Bakker, por 3 sets a 0 (6/3, 6/2 e 6/4), em Genebra, que confirmou a vaga da Suíça na série mundial da Copa Davis, fechando em 4 a 1 de sua equipe sobre a Holanda, Roger Federer anunciou que não disputará a competição em 2016, visando os Jogos Olímpicos Rio 2016. De acordo com o atual número 2 no ranking da ATP, aos 34 anos a sua preocupação com o rendimento passa pelos cuidados com sua condição física, ao explicar a prioridade pelas Olimpíadas. No entanto, Federer negou ser a sua despedida da Davis, embora seja a primeira vez, desde 1999, que não disputará o torneio.

"Minha ideia nunca foi ganhar a Davis duas vezes, a ideia era sempre ganhar uma vez e nós fizemos isso na frente de um público recorde, o que foi um grande momento para todos nós. Eu vejo está série isoladamente. O próximo ano é um ano olímpico. O verão será muito longo e repleto grandes torneios. É tudo uma questão de prioridades. Eu não posso jogar tudo e, claro, se eu jogar a Copa Davis outras coisas tem que cair fora", afirmou o suíço, em seguida, reafirmando a preocupação com o repouso para otimizar a sua performance.

"Estarei muito ocupado na próxima temporada. De qualquer forma, a minha saúde é prioridade. Eu já penso em um programa que deve ser adaptado. Eu gosto da atmosfera, e é bem possível que eu ainda esteja no grupo em 2017", concluiu, recebendo o apoio de Severin Luthi, capitão da equipe suíça na Copa Davis há 10 anos.

"Acho que será difícil para todos os jogadores, especialmente os mais bem colocados no ranking. Precisaremos ver a chave e talvez conversar nas próximas semanas sobre quais são os planos deles. Eu também vou precisar de algum tempo para decidir se vou continuar como capitão", concluiu o capitão.

Publicada em: Esportes
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
72
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ele vem para o Rio 2016: Federer prioriza Olimpíadas e abre mão da Copa Davis

  1. 1. VITTORIO TEDESCHI Ele vem para o Rio 2016: Federer prioriza Olimpíadas e abre mão da Copa Davis
  2. 2. Após a vitória sobre o holandês Thiemo de Bakker, por 3 sets a 0 (6/3, 6/2 e 6/4), em Genebra, que confirmou a vaga da Suíça na série mundial da Copa Davis, fechando em 4 a 1 de sua equipe sobre a Holanda, Roger Federer anunciou que não disputará a competição em 2016, visando os Jogos Olímpicos Rio 2016.
  3. 3. De acordo com o atual número 2 no ranking da ATP, aos 34 anos a sua preocupação com o rendimento passa pelos cuidados com sua condição física, ao explicar a prioridade pelas Olimpíadas. No entanto, Federer negou ser a sua despedida da Davis, embora seja a primeira vez, desde 1999, que não disputará o torneio.
  4. 4. "Minha ideia nunca foi ganhar a Davis duas vezes, a ideia era sempre ganhar uma vez e nós fizemos isso na frente de um público recorde, o que foi um grande momento para todos nós. Eu vejo está série isoladamente. O próximo ano é um ano olímpico. O verão será muito longo e repleto grandes torneios. É tudo uma questão de prioridades. Eu não posso jogar tudo e, claro, se eu jogar a Copa Davis outras coisas tem que cair fora", afirmou o suíço, em seguida, reafirmando a preocupação com o repouso para otimizar a sua performance.
  5. 5. "Estarei muito ocupado na próxima temporada. De qualquer forma, a minha saúde é prioridade. Eu já penso em um programa que deve ser adaptado. Eu gosto da atmosfera, e é bem possível que eu ainda esteja no grupo em 2017", concluiu, recebendo o apoio de Severin Luthi, capitão da equipe suíça na Copa Davis há 10 anos.
  6. 6. "Acho que será difícil para todos os jogadores, especialmente os mais bem colocados no ranking. Precisaremos ver a chave e talvez conversar nas próximas semanas sobre quais são os planos deles. Eu também vou precisar de algum tempo para decidir se vou continuar como capitão", concluiu o capitão.

×