Que belos tempos os da adolescência,Que aparecem nas telas do passado,Teu vulto vem e foge com freqüência,  Deixa o sorris...
Foram anos de luz,    de sóis incríveis!  Nos quais amamos com inocência pura, Porquanto amantes   ternos e sensíveis,Sem ...
Hoje te vejo em tudo - nos lugares...  Na janela do quarto, na cortina, No farfalhar da brisa vespertina.
A noite chega, sem pedir, me abraça,Eu sinto tua presença nos meus ares, Então beijo teus lábios na vidraça.              ...
Imagens: Internet Música: Eduardo_Lages-Você   inesdedes@gmail.comwww.mensagensvirtuais.com.br
Ternuras
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ternuras

666 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
666
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
419
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ternuras

  1. 1. Que belos tempos os da adolescência,Que aparecem nas telas do passado,Teu vulto vem e foge com freqüência, Deixa o sorriso solto, imaculado.
  2. 2. Foram anos de luz, de sóis incríveis! Nos quais amamos com inocência pura, Porquanto amantes ternos e sensíveis,Sem nada pra impedir nossa loucura.
  3. 3. Hoje te vejo em tudo - nos lugares... Na janela do quarto, na cortina, No farfalhar da brisa vespertina.
  4. 4. A noite chega, sem pedir, me abraça,Eu sinto tua presença nos meus ares, Então beijo teus lábios na vidraça. Belo Horizonte – 02-04-2009
  5. 5. Imagens: Internet Música: Eduardo_Lages-Você inesdedes@gmail.comwww.mensagensvirtuais.com.br

×