SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 16
Baixar para ler offline
05
Sônia Maria de Araújo
Maria Selma da Costa Cabral
C U R S O T É C N I C O E M O P E R A Ç Õ E S C O M E R C I A I S
Conceito, Débito, Crédito e Saldo
CONTABILIDADE
Coordenadora da Produção dos Materias
Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco
Coordenador de Edição
Ary Sergio Braga Olinisky
Coordenadora de Revisão
Giovana Paiva de Oliveira
Design Gráfico
Ivana Lima
Diagramação
Ivana Lima
José Antônio Bezerra Júnior
Mariana Araújo de Brito
Vitor Gomes Pimentel
Arte e ilustração
Adauto Harley
Carolina Costa
Heinkel Huguenin
Revisão Tipográfica
Adriana Rodrigues Gomes
Design Instrucional
Janio Gustavo Barbosa
Luciane Almeida Mascarenhas de Andrade
Jeremias Alves A. Silva
Margareth Pereira Dias
Revisão de Linguagem
Maria Aparecida da S. Fernandes Trindade
Revisão das Normas da ABNT
Verônica Pinheiro da Silva
Adaptação para o Módulo Matemático
Joacy Guilherme de Almeida Ferreira Filho
Revisão Técnica
Rosilene Alves de Paiva
EQUIPE SEDIS | UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE – UFRN
Projeto Gráfico
Secretaria de Educação a Distância – SEDIS
Governo Federal
Ministério da Educação
Você verá
por aqui...
Objetivo
1
Contabilidade A05
Nas aulas anteriores, você começou a conviver com palavras novas que são específicas
do vocabulário da Contabilidade. Em cada aula, você encontra o significado de algumas
palavras necessárias ao desenvolvimento de nosso estudo.
Nesta aula, você, que está conhecendo o universo contábil, irá ver o conceito de outras
palavras como contas, débito, crédito e saldo.
Verá, também, como calcular um saldo e como classificar esse saldo em devedor ou
credor.
 Compreender o que são contas.
 Diferenciar débito e crédito em linguagem contábil.
 Saber calcular o saldo de uma conta e como classificar um saldo.
2
Contabilidade A05
Para começo
de conversa
Cada ciência tem seu vocabulário específico e, na Contabilidade, isso não é diferente.
Muitas palavras usadas no contexto contábil têm significado distinto do utilizado na
vida cotidiana.
Quando usamos a palavra “conta”, ela poderá ter inúmeros significados. Vejamos a
seguir alguns desses significados.
Conta, em um estabelecimento bancário, poderá representar a movimentação de um
cliente em relação aos depósitos e saques efetuados por ele.
Na Matemática, representará os cálculos realizados em operações.
Para o Sr. José, que comprou fiado (para pagar futuramente) no mercadinho da dona
Maria, pode representar a dívida que ele tem com a comerciante.
3
A05
Mas, o que vem a ser conta na linguagem contábil?
Contas
A Contabilidade deve registrar todos os fatos administrativos que acontecem numa
empresa. Esse registro é feito separadamente, de acordo com a natureza de cada fato.
Chamamos de Conta os agrupamentos dos fatos de uma mesma natureza.
Cada conta recebe uma denominação permanente, um título, que possibilite identificar,
de forma clara, a natureza dos fatos que a representam.
Sendo assim, quando você estiver lendo o nome de diferentes contas, terá a idéia
imediata do que elas representam e os fatos que elas registram.
Veja o nome de algumas contas e o que cada uma representa.
 Caixa – essa conta registra todo o movimento de entrada e saída de
dinheiro.
 Despesa de pessoal – registra todas as despesas efetuadas pela
empresa para pagamento de seus colaboradores (empregados).
 Veículos – registra o valor de todos os carros que a empresa possui.
 Fornecedores – representa o valor que a empresa deve a terceiros pelas
compras a prazo.
 Empréstimos a pagar – registra o valor que a empresa deve, referente a
algum tipo de empréstimo ou financiamento.
 Despesas com publicidade e propaganda – registra os gastos efetuados
com propaganda e publicidade em geral.
1Praticando...
4
Contabilidade A05
 Duplicatas a pagar – representa o valor que a empresa deve a terceiros,
devido a uma compra a prazo, quando a mesma foi feita mediante aceite
de duplicatas.
 Duplicatas a receber – registra o valor que terceiros devem à empresa,
por uma venda a prazo.
 Receita com juros – registra os valores correspondentes aos juros que
ela venha a receber.
 Despesas com juros – registra os valores correspondentes aos juros que
a empresa venha a pagar.
Faça uma pesquisa em qualquer empresa ou converse com um técnico de
contabilidade ou contador de sua cidade a respeito das contas mais usadas
na contabilidade.
É imprescindível você entender a importância das contas para os registros contábeis,
já que elas identificam os fatos que aconteceram.
Responda aqui
Exemplo 1
5
Contabilidade A05
Débito e crédito
Débito e Crédito na linguagem contábil tem significado diferente do que eles podem
significar na linguagem comum ou usual. Portanto, é imprescindível que você faça essa
diferenciação para um melhor aproveitamento.
Na linguagem comum, o termo Débito poderá significar algo desfavorável e o termo
Crédito como algo favorável.
Para você, que está iniciando o estudo da Contabilidade, é importante conhecer os
princípios que permitem sinalizar a conta a ser debitada e a conta a ser creditada diante
de um determinado fato administrativo.
Vamos exemplificar para facilitar o entendimento.
Se comprarmos um caminhão à vista, estaremos diante de um fato e,
portanto, terá que ser registrado.
Neste caso, serão movimentadas duas contas: Caixa e Veículos. A primeira,
a conta caixa, porque houve a saída de dinheiro para pagamento da compra
que fora efetuada. A segunda, a conta Veículos, pela aquisição do caminhão
para a empresa.
Temos duas contas: Caixa e Veículos.
E agora? Qual a conta que será debitada e qual a conta que
será creditada?
6
Contabilidade A05
Débito e Crédito são convenções contábeis, por isso o significado dessas palavras na
Contabilidade difere da linguagem comum. A partir de agora, comece a perceber essa
dicotomia.
A conta que representa a aplicação de recursos sofre um débito e a conta que representa
a origem dos recursos sofre um crédito.
Sendo assim, a conta veículos representou a aplicação do nosso dinheiro e,
consequentemente, será debitada, enquanto a conta caixa foi a que deu origem ao
dinheiro, portanto será creditada.
Exemplo 2
Considere uma empresa que efetuou a compra de máquinas a prazo.
Estamos aqui diante de um fato administrativo.
Nesse caso, a aplicação do recurso foi na compra de máquinas. Portanto,
devemos debitar a conta máquinas. A origem do recurso foi propiciada pelo
fornecedor, que nos vendeu a máquina a prazo. Devemos creditar a conta
fornecedor.
Parece complicado? Calma... É só impressão.
Nas próximas aulas, iremos nos deter à questão do Débito e do Crédito com mais detalhe,
de forma prática, apropriando-nos de novos aprendizados para melhor compreender esse
assunto.
7
Contabilidade A05
Nota importante...
muito importante
S
egundo Marion (2005), por muito tempo, no Brasil, conceitos de débito e crédito
foram dados aos estudantes de contabilidade de maneira complexa, de tal forma
que muitos contadores deixavam a faculdade sem saber debitar e creditar. A
tentativa de conceituar débito e crédito encontrava séria resistência no iniciante em
Contabilidade, pois era levado a pensar que débito significava coisa desfavorável e
crédito coisa favorável.
Com o advento da “Escola Americana Contábil” no Brasil, basicamente introduzida pelo
livro Contabilidade introdutória por uma equipe de professores da FEA/USP, houve uma
notável simplificação para o estudante de contabilidade, uma vez que essa escola dispõe
de tais denominações (débito e crédito) e hoje são simplesmente convenções contábeis.
2Praticando...
1. O que você entende por contas?
2. Para cada fato administrativo, descreva em qual conta deve ser efetuado
o débito e o crédito:
Fatos administrativos Débito Crédito
Compra de mercadoria à vista.
Compra de mercadoria a prazo.
Compra de móveis à vista.
Compra de equipamentos a prazo.
Exemplo 3
8
Contabilidade A05
Saldo
Saldo é a denominação usada para representar a diferença entre os valores do Débito
e do Crédito.
O saldo poderá ser devedor ou credor, dependendo do total que se apresente maior.
Se o Débito for maior que o Crédito, teremos um saldo devedor. Se o Crédito for maior
que o Débito, teremos um saldo credor.
Vamos tomar, por exemplo, a conta caixa, que representa o dinheiro que
a empresa possui no cofre e supor que ela tenha recebido um débito no
valor de R$ 40.000,00, referente à entrada de dinheiro dos sócios para a
formação do capital inicial da empresa; um débito no valor de R$ 2.000,00
pela entrada de dinheiro correspondente à venda de mercadorias à vista e
um crédito de R$ 4.000,00 pela saída de dinheiro para pagamento de uma
duplicata. Teremos um saldo devedor no valor de R$ 38.000,00.
Veja:
Total dos débitos: R$ 42.000,00
Total dos créditos: R$ 4.000,00
SALDO: R$ 42.000,00 – R$ 4.000,00 = R$ 38.000,00
O saldo será devedor, pois a soma dos débitos é maior do que a soma dos
créditos.
E agora, que tal praticar um pouco o que acabou de ver?
3
Responda aqui
Praticando...
9
Contabilidade A05
1. Quando podemos afirmar que um saldo é devedor?
2. E para classificar um saldo em credor, quais são as características?
3. Considere uma conta Caixa que neste mês recebeu a débito a importância
de R$ 30.600,00, correspondente a vendas de mercadorias à vista e
obteve, também, o recebimento de uma duplicata a receber no valor de
R$ 12.580,00. Foi registrado, nessa mesma conta, crédito correspondente
a pagamentos de serviços prestados no valor de R$ 3.800,00, como
também o pagamento de diversas duplicatas totalizando R$ 10.852,40.
Calcule o saldo da conta e classifique-o em devedor ou credor.
10
Contabilidade A05
Nesta aula, você teve contato com o significado de conta para a área
contábil. Pôde perceber a distinção de débito e crédito na linguagem da
Contabilidade, bem como observou formas de calcular o saldo de uma conta.
1. Assinalar a alternativa correta das transações abaixo efetuadas pela
Comercial Ramos Ltda.
a) Compra de um imóvel à vista:
( ) debitar a conta imóvel e creditar a conta duplicatas a pagar.
( ) debitar a conta imóvel e creditar a conta caixa.
( ) debitar a conta caixa e creditar a conta imóvel.
( ) creditar a conta imóvel e debitar a conta fornecedor.
b) Compra de mercadorias a prazo:
( ) debitar a conta mercadorias e creditar a conta duplicatas a pagar.
( ) debitar a conta mercadorias e creditar a conta caixa.
( ) debitar a conta caixa e creditar a conta de mercadorias.
( ) debitar a conta caixa e creditar a conta duplicatas a pagar.
c) Venda de mercadorias à vista:
( ) debitar a conta mercadorias e creditar a conta duplicatas a pagar.
( ) debitar a conta mercadorias e creditar a conta caixa.
( ) debitar a conta caixa e creditar a conta de mercadorias.
( ) debitar a conta duplicatas a receber e creditar a conta mercadorias.
11
Contabilidade A05
d) Venda de mercadorias a prazo:
( ) debitar a conta de duplicatas a receber e creditar a conta
mercadorias.
( ) debitar a conta de duplicatas a pagar e creditar a conta
mercadorias.
( ) debitar a conta mercadorias e creditar a conta de duplicatas a
receber.
( ) debitar a conta caixa e creditar a conta duplicatas a pagar.
2. Caixa é a conta que representa:
( ) os cheques
( ) os depósitos bancários
( ) o dinheiro que a empresa possui no cofre
( ) nenhuma das alternativas
3. Conta é:
( ) um ato administrativo
( ) o registro dos fatos administrativos
( ) um agrupamento de fatos de uma mesma natureza
( ) o débito e o crédito
4. Saldo é a diferença entre os ____________ e os _____________
5. A Comercial Ramos, no mês de junho, tinha na conta Caixa um saldo
devedor no valor de R$ 3.880,00. No mês de julho, aconteceu a seguinte
movimentação nessa conta: entrada de dinheiro no valor de R$ 1.800,00
referente à venda de mercadorias e a saída de dinheiro no valor de
R$ 2.430,00 para pagamento de um empréstimo.
Calcule o saldo da conta Caixa.
Saldo no valor de R$ _____________________
( ) devedor ( ) credor
Justifique a sua resposta.
12
Contabilidade A05
Referências
MARION, José Carlos. Contabilidade empresarial. 11. ed. São Paulo: Atlas, 2005.
FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DA USP. FEA/USP. Equipe
de professores. Contabilidade introdutória. São Paulo: Atlas, 2000.
SOUZA, Luis Carlos. Contabilidade ao alcance de todos. Curitiba: Juruá, 2006.
Anotações
Contas, débito, crédito e saldo na contabilidade
Contas, débito, crédito e saldo na contabilidade

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Livro contabilidade intermediaria 2
Livro contabilidade intermediaria 2Livro contabilidade intermediaria 2
Livro contabilidade intermediaria 2zeramento contabil
 
Fundamentos de contabilidade
Fundamentos de contabilidadeFundamentos de contabilidade
Fundamentos de contabilidadeAndrei Felipe
 
Contabilidade aula 03 debito credito saldo
Contabilidade aula 03 debito credito saldoContabilidade aula 03 debito credito saldo
Contabilidade aula 03 debito credito saldocapitulocontabil
 
contas-contabeis
contas-contabeiscontas-contabeis
contas-contabeisdrifrutal
 
Contabilidade Gerencial Estrategica
Contabilidade Gerencial EstrategicaContabilidade Gerencial Estrategica
Contabilidade Gerencial Estrategicaluizjorges
 
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10Wandick Rocha de Aquino
 
Módulo 4 Contabilidade Gerencial
 Módulo 4   Contabilidade Gerencial Módulo 4   Contabilidade Gerencial
Módulo 4 Contabilidade GerencialPUC Minas
 
Módulo 2 contabilidade gerencial
 Módulo 2  contabilidade gerencial Módulo 2  contabilidade gerencial
Módulo 2 contabilidade gerencialPUC Minas
 
Tc58 renato vila nova - contabilidade geral - aula 2
Tc58   renato vila nova - contabilidade geral - aula 2Tc58   renato vila nova - contabilidade geral - aula 2
Tc58 renato vila nova - contabilidade geral - aula 2Claudio Parra
 
Módulo 4 contabilidade gerencial
Módulo 4   contabilidade gerencialMódulo 4   contabilidade gerencial
Módulo 4 contabilidade gerencialPUC Minas
 
Apostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarialApostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarialSuzana Sarmento
 

Mais procurados (20)

Contabilidade 11
Contabilidade 11Contabilidade 11
Contabilidade 11
 
Contabilidade 12
Contabilidade 12Contabilidade 12
Contabilidade 12
 
Contabilidade 06
Contabilidade 06Contabilidade 06
Contabilidade 06
 
Contabilidade 07
Contabilidade 07Contabilidade 07
Contabilidade 07
 
Contabilidade 13
Contabilidade 13Contabilidade 13
Contabilidade 13
 
Contabilidade 15
Contabilidade 15Contabilidade 15
Contabilidade 15
 
Livro contabilidade intermediaria 2
Livro contabilidade intermediaria 2Livro contabilidade intermediaria 2
Livro contabilidade intermediaria 2
 
Fundamentos de contabilidade
Fundamentos de contabilidadeFundamentos de contabilidade
Fundamentos de contabilidade
 
Contabilidade aula 03 debito credito saldo
Contabilidade aula 03 debito credito saldoContabilidade aula 03 debito credito saldo
Contabilidade aula 03 debito credito saldo
 
contas-contabeis
contas-contabeiscontas-contabeis
contas-contabeis
 
Contabilidade fundamentos
Contabilidade fundamentosContabilidade fundamentos
Contabilidade fundamentos
 
Contabilidade Gerencial Estrategica
Contabilidade Gerencial EstrategicaContabilidade Gerencial Estrategica
Contabilidade Gerencial Estrategica
 
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
 
Módulo 4 Contabilidade Gerencial
 Módulo 4   Contabilidade Gerencial Módulo 4   Contabilidade Gerencial
Módulo 4 Contabilidade Gerencial
 
Módulo 2 contabilidade gerencial
 Módulo 2  contabilidade gerencial Módulo 2  contabilidade gerencial
Módulo 2 contabilidade gerencial
 
Metodo partidas dobradas
Metodo partidas dobradasMetodo partidas dobradas
Metodo partidas dobradas
 
Contabilidade para não contadores
Contabilidade para não contadoresContabilidade para não contadores
Contabilidade para não contadores
 
Tc58 renato vila nova - contabilidade geral - aula 2
Tc58   renato vila nova - contabilidade geral - aula 2Tc58   renato vila nova - contabilidade geral - aula 2
Tc58 renato vila nova - contabilidade geral - aula 2
 
Módulo 4 contabilidade gerencial
Módulo 4   contabilidade gerencialMódulo 4   contabilidade gerencial
Módulo 4 contabilidade gerencial
 
Apostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarialApostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarial
 

Destaque

Aula iv fluxos reais e monetários
Aula iv fluxos reais e monetáriosAula iv fluxos reais e monetários
Aula iv fluxos reais e monetáriosAgassis Rodrigues
 
Texto De Apoio Nº2 Principais Conceitos
Texto De Apoio Nº2   Principais ConceitosTexto De Apoio Nº2   Principais Conceitos
Texto De Apoio Nº2 Principais ConceitosDecio Ramires
 
Aula 1 Contrato Compra E Venda
Aula 1 Contrato Compra E VendaAula 1 Contrato Compra E Venda
Aula 1 Contrato Compra E VendaHugo Rodrigues
 
Exercício contabilidade débito e crédito
Exercício contabilidade débito e créditoExercício contabilidade débito e crédito
Exercício contabilidade débito e créditoRaimundo Filho
 
Economia solucao dos exercicios
Economia solucao dos exerciciosEconomia solucao dos exercicios
Economia solucao dos exercicioszeramento contabil
 

Destaque (14)

Análise de Crédito
Análise de CréditoAnálise de Crédito
Análise de Crédito
 
Unidade 8 final
Unidade 8 finalUnidade 8 final
Unidade 8 final
 
Aula iv fluxos reais e monetários
Aula iv fluxos reais e monetáriosAula iv fluxos reais e monetários
Aula iv fluxos reais e monetários
 
Topologia
TopologiaTopologia
Topologia
 
Analise de Credito
Analise de CreditoAnalise de Credito
Analise de Credito
 
Contrato compra e venda
Contrato compra e vendaContrato compra e venda
Contrato compra e venda
 
Economia e mercado
Economia e mercadoEconomia e mercado
Economia e mercado
 
Texto De Apoio Nº2 Principais Conceitos
Texto De Apoio Nº2   Principais ConceitosTexto De Apoio Nº2   Principais Conceitos
Texto De Apoio Nº2 Principais Conceitos
 
Crédito de Carbono
Crédito de CarbonoCrédito de Carbono
Crédito de Carbono
 
Aula 1 Contrato Compra E Venda
Aula 1 Contrato Compra E VendaAula 1 Contrato Compra E Venda
Aula 1 Contrato Compra E Venda
 
Topologia de Redes
Topologia de RedesTopologia de Redes
Topologia de Redes
 
Exercício contabilidade débito e crédito
Exercício contabilidade débito e créditoExercício contabilidade débito e crédito
Exercício contabilidade débito e crédito
 
Economia solucao dos exercicios
Economia solucao dos exerciciosEconomia solucao dos exercicios
Economia solucao dos exercicios
 
Contabilidade nocoes basicas
Contabilidade nocoes basicasContabilidade nocoes basicas
Contabilidade nocoes basicas
 

Semelhante a Contas, débito, crédito e saldo na contabilidade

Semelhante a Contas, débito, crédito e saldo na contabilidade (20)

Balanço patrimonial
Balanço patrimonialBalanço patrimonial
Balanço patrimonial
 
Cb atividade3
Cb atividade3Cb atividade3
Cb atividade3
 
Contabilidade 01
Contabilidade 01Contabilidade 01
Contabilidade 01
 
REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015
REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015
REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015
 
Exame Suficiência CFC 2017 Questão 08
Exame Suficiência CFC 2017 Questão 08Exame Suficiência CFC 2017 Questão 08
Exame Suficiência CFC 2017 Questão 08
 
Contabilidade basica
Contabilidade basicaContabilidade basica
Contabilidade basica
 
Exame Suficiência CFC 2017 Questão 13
Exame Suficiência CFC 2017 Questão 13Exame Suficiência CFC 2017 Questão 13
Exame Suficiência CFC 2017 Questão 13
 
Aula 06 auxiliar de contabilidade
Aula 06 auxiliar de contabilidadeAula 06 auxiliar de contabilidade
Aula 06 auxiliar de contabilidade
 
Contas
ContasContas
Contas
 
Demonstrações contábeis balanço patrimonial, demonstração de resultado e flux...
Demonstrações contábeis balanço patrimonial, demonstração de resultado e flux...Demonstrações contábeis balanço patrimonial, demonstração de resultado e flux...
Demonstrações contábeis balanço patrimonial, demonstração de resultado e flux...
 
Contabilidade comercial
Contabilidade comercialContabilidade comercial
Contabilidade comercial
 
Teorias contábeis
Teorias contábeisTeorias contábeis
Teorias contábeis
 
Como criar e estrurar um fluxo de caixa
Como criar e estrurar um fluxo de caixaComo criar e estrurar um fluxo de caixa
Como criar e estrurar um fluxo de caixa
 
Aula 04 fluxo de caixa
Aula 04 fluxo de caixaAula 04 fluxo de caixa
Aula 04 fluxo de caixa
 
Fluxo de caixa
Fluxo de caixaFluxo de caixa
Fluxo de caixa
 
Fluxo de caixa
Fluxo de caixaFluxo de caixa
Fluxo de caixa
 
Contabilidade i 04 - unidade iv – escrituração
Contabilidade i   04 - unidade iv – escrituraçãoContabilidade i   04 - unidade iv – escrituração
Contabilidade i 04 - unidade iv – escrituração
 
Balancetes
BalancetesBalancetes
Balancetes
 
Auxiliar Contabilidade
Auxiliar ContabilidadeAuxiliar Contabilidade
Auxiliar Contabilidade
 
Contabilidade i 4
Contabilidade i   4Contabilidade i   4
Contabilidade i 4
 

Mais de zeramento contabil (15)

Razonetes cap i 2015
Razonetes cap i 2015Razonetes cap i 2015
Razonetes cap i 2015
 
Caderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-iiCaderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-ii
 
Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00
 
Rosa dos ventos
Rosa dos ventosRosa dos ventos
Rosa dos ventos
 
Tributario definicoes
Tributario definicoesTributario definicoes
Tributario definicoes
 
Tributario
TributarioTributario
Tributario
 
Resumo tributario
Resumo tributarioResumo tributario
Resumo tributario
 
P i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviços
P i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviçosP i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviços
P i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviços
 
Obrigação tributária lançamento
Obrigação tributária lançamentoObrigação tributária lançamento
Obrigação tributária lançamento
 
Lei geral
Lei geralLei geral
Lei geral
 
D tributario
D tributarioD tributario
D tributario
 
Calculos tributarios
Calculos tributariosCalculos tributarios
Calculos tributarios
 
Calculos trabalhistas rh
Calculos trabalhistas rhCalculos trabalhistas rh
Calculos trabalhistas rh
 
Calculos trabalhistas ir
Calculos trabalhistas irCalculos trabalhistas ir
Calculos trabalhistas ir
 
Calculos trabalhistas folha de pagamento
Calculos trabalhistas folha de pagamentoCalculos trabalhistas folha de pagamento
Calculos trabalhistas folha de pagamento
 

Contas, débito, crédito e saldo na contabilidade

  • 1. 05 Sônia Maria de Araújo Maria Selma da Costa Cabral C U R S O T É C N I C O E M O P E R A Ç Õ E S C O M E R C I A I S Conceito, Débito, Crédito e Saldo CONTABILIDADE
  • 2. Coordenadora da Produção dos Materias Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco Coordenador de Edição Ary Sergio Braga Olinisky Coordenadora de Revisão Giovana Paiva de Oliveira Design Gráfico Ivana Lima Diagramação Ivana Lima José Antônio Bezerra Júnior Mariana Araújo de Brito Vitor Gomes Pimentel Arte e ilustração Adauto Harley Carolina Costa Heinkel Huguenin Revisão Tipográfica Adriana Rodrigues Gomes Design Instrucional Janio Gustavo Barbosa Luciane Almeida Mascarenhas de Andrade Jeremias Alves A. Silva Margareth Pereira Dias Revisão de Linguagem Maria Aparecida da S. Fernandes Trindade Revisão das Normas da ABNT Verônica Pinheiro da Silva Adaptação para o Módulo Matemático Joacy Guilherme de Almeida Ferreira Filho Revisão Técnica Rosilene Alves de Paiva EQUIPE SEDIS | UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE – UFRN Projeto Gráfico Secretaria de Educação a Distância – SEDIS Governo Federal Ministério da Educação
  • 3. Você verá por aqui... Objetivo 1 Contabilidade A05 Nas aulas anteriores, você começou a conviver com palavras novas que são específicas do vocabulário da Contabilidade. Em cada aula, você encontra o significado de algumas palavras necessárias ao desenvolvimento de nosso estudo. Nesta aula, você, que está conhecendo o universo contábil, irá ver o conceito de outras palavras como contas, débito, crédito e saldo. Verá, também, como calcular um saldo e como classificar esse saldo em devedor ou credor.  Compreender o que são contas.  Diferenciar débito e crédito em linguagem contábil.  Saber calcular o saldo de uma conta e como classificar um saldo.
  • 4. 2 Contabilidade A05 Para começo de conversa Cada ciência tem seu vocabulário específico e, na Contabilidade, isso não é diferente. Muitas palavras usadas no contexto contábil têm significado distinto do utilizado na vida cotidiana. Quando usamos a palavra “conta”, ela poderá ter inúmeros significados. Vejamos a seguir alguns desses significados. Conta, em um estabelecimento bancário, poderá representar a movimentação de um cliente em relação aos depósitos e saques efetuados por ele. Na Matemática, representará os cálculos realizados em operações. Para o Sr. José, que comprou fiado (para pagar futuramente) no mercadinho da dona Maria, pode representar a dívida que ele tem com a comerciante.
  • 5. 3 A05 Mas, o que vem a ser conta na linguagem contábil? Contas A Contabilidade deve registrar todos os fatos administrativos que acontecem numa empresa. Esse registro é feito separadamente, de acordo com a natureza de cada fato. Chamamos de Conta os agrupamentos dos fatos de uma mesma natureza. Cada conta recebe uma denominação permanente, um título, que possibilite identificar, de forma clara, a natureza dos fatos que a representam. Sendo assim, quando você estiver lendo o nome de diferentes contas, terá a idéia imediata do que elas representam e os fatos que elas registram. Veja o nome de algumas contas e o que cada uma representa.  Caixa – essa conta registra todo o movimento de entrada e saída de dinheiro.  Despesa de pessoal – registra todas as despesas efetuadas pela empresa para pagamento de seus colaboradores (empregados).  Veículos – registra o valor de todos os carros que a empresa possui.  Fornecedores – representa o valor que a empresa deve a terceiros pelas compras a prazo.  Empréstimos a pagar – registra o valor que a empresa deve, referente a algum tipo de empréstimo ou financiamento.  Despesas com publicidade e propaganda – registra os gastos efetuados com propaganda e publicidade em geral.
  • 6. 1Praticando... 4 Contabilidade A05  Duplicatas a pagar – representa o valor que a empresa deve a terceiros, devido a uma compra a prazo, quando a mesma foi feita mediante aceite de duplicatas.  Duplicatas a receber – registra o valor que terceiros devem à empresa, por uma venda a prazo.  Receita com juros – registra os valores correspondentes aos juros que ela venha a receber.  Despesas com juros – registra os valores correspondentes aos juros que a empresa venha a pagar. Faça uma pesquisa em qualquer empresa ou converse com um técnico de contabilidade ou contador de sua cidade a respeito das contas mais usadas na contabilidade. É imprescindível você entender a importância das contas para os registros contábeis, já que elas identificam os fatos que aconteceram. Responda aqui
  • 7. Exemplo 1 5 Contabilidade A05 Débito e crédito Débito e Crédito na linguagem contábil tem significado diferente do que eles podem significar na linguagem comum ou usual. Portanto, é imprescindível que você faça essa diferenciação para um melhor aproveitamento. Na linguagem comum, o termo Débito poderá significar algo desfavorável e o termo Crédito como algo favorável. Para você, que está iniciando o estudo da Contabilidade, é importante conhecer os princípios que permitem sinalizar a conta a ser debitada e a conta a ser creditada diante de um determinado fato administrativo. Vamos exemplificar para facilitar o entendimento. Se comprarmos um caminhão à vista, estaremos diante de um fato e, portanto, terá que ser registrado. Neste caso, serão movimentadas duas contas: Caixa e Veículos. A primeira, a conta caixa, porque houve a saída de dinheiro para pagamento da compra que fora efetuada. A segunda, a conta Veículos, pela aquisição do caminhão para a empresa. Temos duas contas: Caixa e Veículos. E agora? Qual a conta que será debitada e qual a conta que será creditada?
  • 8. 6 Contabilidade A05 Débito e Crédito são convenções contábeis, por isso o significado dessas palavras na Contabilidade difere da linguagem comum. A partir de agora, comece a perceber essa dicotomia. A conta que representa a aplicação de recursos sofre um débito e a conta que representa a origem dos recursos sofre um crédito. Sendo assim, a conta veículos representou a aplicação do nosso dinheiro e, consequentemente, será debitada, enquanto a conta caixa foi a que deu origem ao dinheiro, portanto será creditada. Exemplo 2 Considere uma empresa que efetuou a compra de máquinas a prazo. Estamos aqui diante de um fato administrativo. Nesse caso, a aplicação do recurso foi na compra de máquinas. Portanto, devemos debitar a conta máquinas. A origem do recurso foi propiciada pelo fornecedor, que nos vendeu a máquina a prazo. Devemos creditar a conta fornecedor. Parece complicado? Calma... É só impressão. Nas próximas aulas, iremos nos deter à questão do Débito e do Crédito com mais detalhe, de forma prática, apropriando-nos de novos aprendizados para melhor compreender esse assunto.
  • 9. 7 Contabilidade A05 Nota importante... muito importante S egundo Marion (2005), por muito tempo, no Brasil, conceitos de débito e crédito foram dados aos estudantes de contabilidade de maneira complexa, de tal forma que muitos contadores deixavam a faculdade sem saber debitar e creditar. A tentativa de conceituar débito e crédito encontrava séria resistência no iniciante em Contabilidade, pois era levado a pensar que débito significava coisa desfavorável e crédito coisa favorável. Com o advento da “Escola Americana Contábil” no Brasil, basicamente introduzida pelo livro Contabilidade introdutória por uma equipe de professores da FEA/USP, houve uma notável simplificação para o estudante de contabilidade, uma vez que essa escola dispõe de tais denominações (débito e crédito) e hoje são simplesmente convenções contábeis. 2Praticando... 1. O que você entende por contas? 2. Para cada fato administrativo, descreva em qual conta deve ser efetuado o débito e o crédito: Fatos administrativos Débito Crédito Compra de mercadoria à vista. Compra de mercadoria a prazo. Compra de móveis à vista. Compra de equipamentos a prazo.
  • 10. Exemplo 3 8 Contabilidade A05 Saldo Saldo é a denominação usada para representar a diferença entre os valores do Débito e do Crédito. O saldo poderá ser devedor ou credor, dependendo do total que se apresente maior. Se o Débito for maior que o Crédito, teremos um saldo devedor. Se o Crédito for maior que o Débito, teremos um saldo credor. Vamos tomar, por exemplo, a conta caixa, que representa o dinheiro que a empresa possui no cofre e supor que ela tenha recebido um débito no valor de R$ 40.000,00, referente à entrada de dinheiro dos sócios para a formação do capital inicial da empresa; um débito no valor de R$ 2.000,00 pela entrada de dinheiro correspondente à venda de mercadorias à vista e um crédito de R$ 4.000,00 pela saída de dinheiro para pagamento de uma duplicata. Teremos um saldo devedor no valor de R$ 38.000,00. Veja: Total dos débitos: R$ 42.000,00 Total dos créditos: R$ 4.000,00 SALDO: R$ 42.000,00 – R$ 4.000,00 = R$ 38.000,00 O saldo será devedor, pois a soma dos débitos é maior do que a soma dos créditos. E agora, que tal praticar um pouco o que acabou de ver?
  • 11. 3 Responda aqui Praticando... 9 Contabilidade A05 1. Quando podemos afirmar que um saldo é devedor? 2. E para classificar um saldo em credor, quais são as características? 3. Considere uma conta Caixa que neste mês recebeu a débito a importância de R$ 30.600,00, correspondente a vendas de mercadorias à vista e obteve, também, o recebimento de uma duplicata a receber no valor de R$ 12.580,00. Foi registrado, nessa mesma conta, crédito correspondente a pagamentos de serviços prestados no valor de R$ 3.800,00, como também o pagamento de diversas duplicatas totalizando R$ 10.852,40. Calcule o saldo da conta e classifique-o em devedor ou credor.
  • 12. 10 Contabilidade A05 Nesta aula, você teve contato com o significado de conta para a área contábil. Pôde perceber a distinção de débito e crédito na linguagem da Contabilidade, bem como observou formas de calcular o saldo de uma conta. 1. Assinalar a alternativa correta das transações abaixo efetuadas pela Comercial Ramos Ltda. a) Compra de um imóvel à vista: ( ) debitar a conta imóvel e creditar a conta duplicatas a pagar. ( ) debitar a conta imóvel e creditar a conta caixa. ( ) debitar a conta caixa e creditar a conta imóvel. ( ) creditar a conta imóvel e debitar a conta fornecedor. b) Compra de mercadorias a prazo: ( ) debitar a conta mercadorias e creditar a conta duplicatas a pagar. ( ) debitar a conta mercadorias e creditar a conta caixa. ( ) debitar a conta caixa e creditar a conta de mercadorias. ( ) debitar a conta caixa e creditar a conta duplicatas a pagar. c) Venda de mercadorias à vista: ( ) debitar a conta mercadorias e creditar a conta duplicatas a pagar. ( ) debitar a conta mercadorias e creditar a conta caixa. ( ) debitar a conta caixa e creditar a conta de mercadorias. ( ) debitar a conta duplicatas a receber e creditar a conta mercadorias.
  • 13. 11 Contabilidade A05 d) Venda de mercadorias a prazo: ( ) debitar a conta de duplicatas a receber e creditar a conta mercadorias. ( ) debitar a conta de duplicatas a pagar e creditar a conta mercadorias. ( ) debitar a conta mercadorias e creditar a conta de duplicatas a receber. ( ) debitar a conta caixa e creditar a conta duplicatas a pagar. 2. Caixa é a conta que representa: ( ) os cheques ( ) os depósitos bancários ( ) o dinheiro que a empresa possui no cofre ( ) nenhuma das alternativas 3. Conta é: ( ) um ato administrativo ( ) o registro dos fatos administrativos ( ) um agrupamento de fatos de uma mesma natureza ( ) o débito e o crédito 4. Saldo é a diferença entre os ____________ e os _____________ 5. A Comercial Ramos, no mês de junho, tinha na conta Caixa um saldo devedor no valor de R$ 3.880,00. No mês de julho, aconteceu a seguinte movimentação nessa conta: entrada de dinheiro no valor de R$ 1.800,00 referente à venda de mercadorias e a saída de dinheiro no valor de R$ 2.430,00 para pagamento de um empréstimo. Calcule o saldo da conta Caixa. Saldo no valor de R$ _____________________ ( ) devedor ( ) credor Justifique a sua resposta.
  • 14. 12 Contabilidade A05 Referências MARION, José Carlos. Contabilidade empresarial. 11. ed. São Paulo: Atlas, 2005. FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DA USP. FEA/USP. Equipe de professores. Contabilidade introdutória. São Paulo: Atlas, 2000. SOUZA, Luis Carlos. Contabilidade ao alcance de todos. Curitiba: Juruá, 2006. Anotações