O Modernismo Brasileiro
PORT 2202 – INTERMEDIATE PORTUGUESE 2
PROF. LEMOS ZAGONEL
O Abaporu, de Tarsila do Amaral
Por incrível que pareça, este é
o quadro mais importante já
produzido no Brasil. Tarsila
p...
Tarsila lembrou-se então de seu dicionário tupi-guarani e
batizaram o quadro como Abaporu (o homem que come).
Foi aí que O...
O "Abaporu" foi a tela
mais cara vendida até
hoje no Brasil, alcançando
o valor de US$1.500.000.
Foi comprada pelo
colecio...
A Semana de 22
A Semana de Arte Moderna,
também chamada de Semana
de 22, ocorreu em São Paulo,
entre 11 e 18 de fevereiro ...
2. Leia o Manifesto Antropófago de Oswald de
Andrade
http://www.tanto.com.br/manifestoantropofago.htm
1. Os Sapos – O poem...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Modernismo Brasileiro (PORT 2201- Intermediate Portuguese 2)

786 visualizações

Publicada em

This class was designed for an American audience, more specifically, for students who know how to write, speak, read, and understand intermediate Portuguese. It covers the Brazilian art movement known as Modernismo, its main ideas, artists, and works of art. By no means this presentation meant to be an in-depth view on the subject. Rather, this is just an introduction to what is considered to be one of the most relevant art movements in Brazil.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
786
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Modernismo Brasileiro (PORT 2201- Intermediate Portuguese 2)

  1. 1. O Modernismo Brasileiro PORT 2202 – INTERMEDIATE PORTUGUESE 2 PROF. LEMOS ZAGONEL
  2. 2. O Abaporu, de Tarsila do Amaral Por incrível que pareça, este é o quadro mais importante já produzido no Brasil. Tarsila pintou-o para dar de presente ao escritor Oswald de Andrade, seu marido na época. Ele, quando viu a tela, assustou-se e chamou seu amigo, o também escritor Raul Bopp. Ficaram olhando aquela figura estranha e acharam que ela representava algo de excepcional.
  3. 3. Tarsila lembrou-se então de seu dicionário tupi-guarani e batizaram o quadro como Abaporu (o homem que come). Foi aí que Oswald escreveu o Manifesto Antropófago dando origem ao Movimento Antropofágico, que tinha a intenção de "deglutir" a cultura européia e transformá-la em algo bem brasileiro. Este movimento, que buscava nas raízes do folclore indígena e africano a verdadeira cultura brasileira, tournou-se a essência do Modernismo no Brasil. . O Modernismo e a Antropofagia
  4. 4. O "Abaporu" foi a tela mais cara vendida até hoje no Brasil, alcançando o valor de US$1.500.000. Foi comprada pelo colecionador argentino Eduardo Costantini Cuca: Tarsila pintou este quadro no começo de 1924 e escreveu à sua filha dizendo que estava fazendo uns quadros "bem brasileiros", e a descreveu como "um bicho esquisito, no meio do mato, com um sapo, um tatu, e outro bicho inventado".
  5. 5. A Semana de 22 A Semana de Arte Moderna, também chamada de Semana de 22, ocorreu em São Paulo, entre 11 e 18 de fevereiro no Teatro Municipal da cidade. Apesar do designativo "semana", o evento ocorreu em cinco dias. Cada dia da semana trabalhou um aspecto cultural: pintura, escultura, poesia, literatura e música. O evento foi o marco do modernismo no brasil. A Semana de Arte Moderna representou renovação de linguagem, na busca de experimentação, na liberdade criadora da ruptura (ainda que fosse um tanto contraditória) com o passado. Fonte: Adaptado de http://pt.wikipedia.org/wiki/Semana_de_Art e_Moderna.
  6. 6. 2. Leia o Manifesto Antropófago de Oswald de Andrade http://www.tanto.com.br/manifestoantropofago.htm 1. Os Sapos – O poema de Manuel Bandeira que causou maior controvérsia na Semana de 22 https://www.youtube.com/watch?v=Dx5juVv1wSo ATENÇÃO!!! ANTES DE FAZER O EXAME, ACESSE ESTES LINKS. Fontes: Com exceção do slide 5, todos os textos foram adaptados do site oficial da Tarsila do Amaral: http://www.tarsiladoamaral.com.br/versao_antiga/historia.htm,

×