SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 6
Baixar para ler offline
JORNAL DO SABER
Terça, 27 de maio de 2014
Nova Cruz, Rio Grande do Norte, Terça, 27 de maio de 2014 – Ano I – Edição I
Nº1
Anos de
Educação
Edição
EDITORIAL
Caro (a) leitor (a), é com
grande satisfação que
publicamos para toda nossa
comunidade escolar e ao
público em geral a 1ª edição
do “Jornal do Saber”.
	 Nesta edição o
primordial é tornar pública
algumas atividades, projetos
e programas que estão
sendo desenvolvidos em
nossa escola. A mesma
contemplará várias matérias
bacanas. Olha só o que vem
por aí: Comemoração dos
60 Anos da Escola Municipal
Nestor Marinho; Projetos
realizados na escola:
Programa Mais Educação;
Palestras educativas e muito
mais.
	 Este jornal é a
constatação de que temos
uma escola ativa e que
convida a comunidade para
continuar participando de
sua construção e elevação
do conhecimento.
Desejamos a todos uma
ótima leitura!
60
A
Escola Municipal Nestor Marinho está
comemorando os seus 60 anos de
história na Educação, esta realizada
com compromisso, dedicação e cidadania em
prol da população de Nova Cruz e de toda região.
Nós que fazemos parte da escola: direção,
professores, funcionários e alunos estamos
felizes em fazer parte dessa trajetória repleta de
vitórias e conquistas.
De acordo com
o Regimento
Escolar, artigo
nº 129/2006,
r e s o l u ç ã o
CCE/TO: “a
A equipe gestora tem
um cuidado espe-
cial com os educan-
dos, com a equipe
pedagógica, profes-
sores e funcionários.
A Secretaria da Escola Municipal Nestor
Marinho é composta por 4 funcionários, 2
gerenciando os turnos diurnos – Ewerton
Henrique e Priscila Balbino, 2 gerencian-
do as atividades do turno noturno – José
Soares e Joanita.
O papel da informática como fonte de
conhecimento. O potencial da informática
como ferramenta educativa promove um
currículo integrado com as necessidades
do mundo atual. Tem como objetivo a utili-
zação desse recurso como instrumento de
apoio aos conteúdos trabalhados.
Sandra, Dyuana, Lene Rosa
Biblioteca espaço de
referência e aprendizagem.
O setor funciona nos três
turnos com professores
mediadores,
Ana, Gilma, Patrícia, Maria
do Socorro
Equipe Organizadora
função da coordenação pedagógica
é o suporte que gerencia, coordena
e supervisiona todas as atividades
relacionadas com o processo de
ensino e aprendizagem, visando
sempre à permanência do aluno com
sucesso.”
A principal meta é integrar todos na pro-
moção do ensino de qualidade.
JORNAL DO SABER
Terça, 27 de maio de 2014
Abertura
Celebração Eucarística
Apresentação Cultural
Leitura da vida escolar da Escola Municipal Nestor
Marinho
Coquetel
Documentário sobre a criação da escola e vida
do Nestor Marinho
Organização: Professores de História
Sarau poético
Organização: Professores de Língua Portuguesa
FEVEREIRO
ABRIL
MAIO
DEZEMBRO
MARÇO
AGOSTO
SETEMBRO
OUTUBRO
NOVEMBRO
Exposição de fotos
Organização: Professores de Arte
Campeonato com a participação de Alunos, Ex-Alu-
nos e Funcionários Exposição dos Troféus
Organização: Professores de Ed. Física
Palestras ministradas por Ex-Alunos e Ex-Fun-
cionários. Tema: A importância da Escola Nestor
Marinho para a Educação Novacruzense.
Organização: Professores de Geografia
Gincana beneficente
Organização: Professores de Inglês e Matemática
Bingo beneficente
Organização: Professores de Ciências
Festa “Nestor Marinho: Eu faço parte dessa História”
Representação de uma coletânea dos trabalhos realizados durante as festividades, contendo produções escritas, fotos,
depoimentos, etc...
Exposição da galeria e homenagem aos diretores e ex-diretores.
Organização: Professores de Produção Textual, Supervisão, Coordenação e Direção.
PROGRAMAÇÃO FESTIVA 60 ANOS NESTOR MARINHO
EQUIPE PEDAGÓGICA
Buscando um melhor desempenho
do educando, trabalhando para o
desenvolvimento do processo ensino
- aprendizagem e tendo como foco
o suporte ao educador, a equipe
pedagógica da E.M.N.M. desenvolve
as seguintes atividades desde o início
do ano letivo de 2014:
*Encontros para estudo em prol da
preparação da Semana Pedagógica;
*Realização da Semana Pedagógica;
*Assistência aos professores no
primeiro dia de aula;
*Reuniões com os educadores dando
sequência aos trabalhos da Semana
Pedagógica;
*Reuniões com os pais do 5º ao 9º
ano;
*Elaboração do Calendário Cultural;
*Organização de horários de sala de
aula, bem como, Calendário de Testes
e Avaliações;
*Participação nos Eventos da Escola,
desde a organização até o evento;
*Elaboração do cronograma da
palestra sobre o uso das novas
tecnologias ministradas pelo professor
Marcelo Graciliano, bem como,
assistência ao palestrante;
*Organização de Livros de assinatura
nas reuniões e livros de ponto dos
professores e funcionários;
*Assistência a todos os projetos,
passando pelo credenciamento, aula
inaugural e desenvolvimento dos
projetos;
* Acompanhamento do planejamento
junto ao professor;
*Sensibilidade as particularidades de
cada professor, como também, apoio
as dificuldades enfrentadas em sala
de aula;
*Atendimento as particularidades dos
discentes e seus familiares;
*Acompanhamento de Testes e
Avaliações;
*Elaboração de cronograma de
entrega de canhotos;
*Organização do Plantão Pedagógico;
*Assistência ao Sistema de APP;
*Reunião para discussão dos
problemas internos da Escola;
*Reunião com professores para
acompanhamento do processo ensino-
aprendizagem.
Pág. 02
JORNAL DO SABER
Terça, 27 de maio de 2014
O laboratório de Informática
PROJETOS DA ESCOLA NESTOR MARINHO
A sala de informática da Escola Municipal Nestor Marinho é constituída de 12 computadores, 01 tv de plasma
de 51 polegadas,02 Notebooks, 02 data show, 01 impressora Epson e é climatizada. Os equipamentos estão
em bom estado de uso e o programa operacional utilizado é o LINUX. Este é um local que oferece apoio aos
alunos com um ambiente favorável para realização de trabalhos e pesquisas. Devemos ressaltar que esta sala
de informática tem melhorado bastante a cada dia.
Portanto, temos que ter a percepção que, quando
usamos a informática como conhecimento,
estamos sendo modificados por ela e nos
transformando em pessoas mais conectadas com
os recursos tecnológicos.
*LES – Lendo e Exercitando Saberes
Responsáveis:
- Profª Andréa de Melo Araújo Silva
- Profª Luzia Vieira Gomes da Silva
*AMIL – Aprendendo Matemática Interativa de Forma
Lúdica
Responsáveis:
- Profº Odair José de Oliveira Freire
- Profº Gilson Marques de Freitas
*GEI – Geo – Ecologia Interativa
Responsáveis:
- Profª Maria da Conceição de Melo Silva
- Profº José Garibaldi da Silva Toscano
Coordenadora dos Projetos
- Elizabete Porfírio Ribeiro
*PROITEC
Responsáveis:
- Profª Luzia Vieira Gomes da Silva
- Profº Odair José de Oliveira Freire
*Programa Mais Educação
Coordenação: Sônia Ferreira da Silva, João Maria de
Oliveira e Maria Verônica Julião
*EJA EDUCAÇÃO JOVENS E ADULTOS.
Artesanato: pontos livres e pintura em tecido;
Palestras educativas nas áreas de relações humanas
e de saúde;
Projeto: O livro é um luxo (reciclagem);
Implantação do vôlei como um diferencial no esporte;
Incentivo dos professores à pesquisa;
Comemoração dos aniversariantes (trimestralmente),
alunos e funcionários.
Responsável: Lúcia Pereira
Pág. 03
JORNAL DO SABER
Terça, 27 de maio de 2014
E
ste projeto se insere num contexto educacional, onde o ensino da
matemática é o foco principal. Com a preocupação do rendimento
não satisfatório dos alunos do 6º ano, objeto deste estudo,
resolvemos trabalhar com a ludicidade neste projeto. Sabemos que
muitos professores estão em busca de novas metodologias e ferramentas
no auxílio da aprendizagem, tendo em vista as dificuldades encontradas
pelos alunos. O lúdico tem sido muito utilizado em muitas escolas como
fonte de inspiração para os professores e de grande motivação aos
alunos.
Projeto LES faz a magia de reconduzir a leitura ao local mais adequado para
sua difusão.
Em tempos de interatividade, de telefone celular e internet, fazer com que os
alunos se interessem pela leitura de obras literárias não é tarefa das mais fáceis,
mas certamente é fundamental para formar leitores habituais e competentes,
além de ampliar o universo com o conhecimento através da viagem ao mundo
da imaginação.
Essa é a proposta do Projeto LES (Lendo e Exercitando Saberes), levar o aluno
a viajar na leitura realizando um trabalho permanente. Os encontros com os
alunos são quinzenais, em uma semana planeja-se e na semana seguinte
Tem o objetivo de conscientizar
a comunidade escolar da E. M.
NESTOR MARINHO a lidar com
o meio ambiente de forma mais
respeitosa e com uma visão de
mundo globalizado, saber fazer uso
dos recursos da natureza e o que
eles nos oferecem, para que todos
possam usufruir do que o Planeta
Terra nos proporciona de melhor.
A comunidade da E. M. NESTOR
MARINHO, sabendo da importância
de se empenhar na luta a favor
da preservação da terra, além do
âmbito escolar, irá favorecer a
difusão na comunidade de vivência
do aluno.
Durante as primeiras décadas
do século XX, os naturalistas
começaram a ver a terra como
um ecossistema frágil e com a
necessidade de se preservar os
seus recursos, pois os mesmos não
eram infinitos, como se pensava.
O foco do GEI, é portanto saber a
importânciadapreservaçãodomeio
ambiente, o uso imprescindível
da reciclagem e a importância da
sustentabilidade, assim, teremos
consciência que estamos se
empenhando para que tenhamos
um Planeta terra mais favorável
para nossa sobrevivência.
Projeto Amil
O LIVRO REINA NA ESCOLA MUNICIPAL NESTOR MARINHO
O projeto Geo-Ecologia Interativa (GEI)
executa-se. A Coordenadora de Projetos Elizabete
Porfírio trabalha em parceria com as tutoras Andréa
de Melo e Luzia Vieira.
O público-alvo são alunos dos 6º e 7º anos, uma vez
que os mesmos chegarão aos anos seguintes com
fluência e gosto pela leitura.
Conheça passo a passo:
1- Encontro quinzenal com planejamento, escolha do
ambiente e do paradidático na biblioteca escolar para
execução;
2- Encontro na semana seguinte com os alunos,
sendo uma turma de cada vez;
3- Apresentação do livro: capa, folha de rosto, ficha
catalográfica e contra capa;
4- Leitura coletiva, individual e interpretação oral;
5- Registro do resumo
com referência
bibliográfica em um
caderno específico,
“DIÁRIO DO SABER”;
6- Após quinze dias...ENCONTRÃO: Encontro das
turmas com reflexão, socialização, exposição oral
e artística (desenhos e dramatizações), dança e
encerramento com show da BANDA LER, composto
por alunos da escola.
Enfim, aos poucos essas atividades tornam-se mais
complexas, pois com a ampliação da capacidade de
leitura dos alunos, eles passam a não só resumir,
mas também recriar e criar.
Pág. 04
JORNAL DO SABER
Terça, 27 de maio de 2014
Esse desejo já é uma realidade
em Nova Cruz. Desde que o
campus do Instituto Federal do
Rio Grande do Norte (IFRN) foi
inaugurado em nossa cidade que
vem atraindo muitos dos nossos
conterrâneos, principalmente
alunos do 9º ano.
Sabemos que a concorrência
dos diversos concursos leva os
candidatos a buscarem cursos
preparatórios para enfrentá-los.
Não poderia ser diferente ao
falarmos do processo seletivo do
IFRN. Nesse aspecto, a Escola
Municipal Nestor Marinho tem um
grande diferencial, pois oferece aos
seus alunos o Cursinho Desafio,
cujo objetivo é prepará-los para o
exame de seleção do IFRN.
O programa do curso contempla
as disciplinas de Português e
Matemática, ambas cobradas
no exame. É claro que nossos
alunos já dispõem de aulas dessas
disciplinas ao se matricularem na
escola, no ensino regular, mas
o cursinho dá ênfase a todo o
conteúdo apresentado no edital do
concurso e utiliza uma metodologia
que aproxima o estudante ao
contexto da prova.
O curso é oferecido aos alunos
de 8º e 9º anos dos turnos
matutino e vespertino. A partir
deste ano, nas aulas de Língua
Portuguesa, o aluno contará
também com a prática de
produção textual, tal acréscimo
visa o melhoramento na escrita
da redação, fato decisivo para
aprovação. Portanto, com a
finalidade de exercitá-la, um
dos critérios para ingressar no
Cursinho Desafio foi a produção
da carta de intenção. Outras
redações surgirão.
De maneira figurada podemos
dizer que a escola está plantando
a semente, cabe ao aluno cultivá-
la, regá-la e depois colher os
bons frutos. Assim seremos,
intelectualmente, felizes para
sempre!
PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO
Oficinas Implantadas:
Jardinagem, Rádio Escolar, Esporte, Gêneros Textuais, Dança
Dicas para estudar melhor
Estudar é mais fácil do que você
pensa!
1. Reserve sempre um mesmo
período do dia para as tarefas
escolares, esforçando-se para não
alterar seu horário de estudo;
2. Procure um canto sossegado
para estudar. Verifique se todo
o material de que precisa está
à mão, como lápis, cadernos,
dicionário, caneta, livros, borracha,
compasso e coisas assim;
3. Organize uma sequência de
trabalho, isto é, o que fazer em
primeiro lugar, o que fazer em
seguida e assim por diante, de
acordo com as necessidades;
4. No final de cada tarefa levante
e dê uma voltinha, por alguns
minutos. Isso ajuda a descansar
a mente e o corpo. Depois volte e
retorne as tarefas;
5. Concentre-se em uma tarefa de
cada vez;
6. Acostume-se a prestar atenção
no tempo que está gastando para
fazer suas tarefas;
7. Todo dia, você deve dar uma
olhada rápida no assunto que
acabou de ser ensinado;
8. Evite fazer “visitas” à geladeira
durante o horário de estudos;
9. Fazer os trabalhos escolares é
trabalhar mesmo, como os adultos.
Cursinho Desafio – aprovação é nossa meta!
Quem quer ser aluno federal levante a mão!
Pág. 05
JORNAL DO SABER
Terça, 27 de maio de 2014
DIVIRTA-SE
CHARADAS
1. O que o livro de matemática falou para o livro de história?
Resposta: Pare de inventar histórias, porque eu já estou cheio de problemas.
2. Qual é a palavra que só tem três letras e acaba com tudo?
Resposta: Fim
3. O que o cirurgião e o matemático têm em comum?
Resposta: Ambos vivem fazendo operações.
4. O que é que pode ser de ferro, de gelo, de chocolate e de água ao mesmo tempo?
Resposta: Barra
5. Quais as capitais brasileiras mais faladas no mês de dezembro?
Resposta: Natal, Belém e Salvador.
Equipe Organizadora
*Profª Dyuana Maria Soares da Costa
*Profª Sandra Texeira
*Profª Lene Rosa Gomes Soares
Equipe Gestora
Sônia Ferreira
João Maria
Pág. 06
JANEIRO
Para os místicos, o mês de janeiro é o mês da
elevação da autoestima. Ela pode ser fonte de
alegria e criatividade ou a baixa autoestima
gera muito dos nossos problemas.
A auto valorização é uma qualidade dos
nascidos nesse mês e esta não implica em
desvalorizar os outros, mas sim trazer à
consciência nossos valores e reconhecer
nos outros o que lhes cabe de melhor.
Parabéns aniversariantes de Janeiro
FEVEREIRO
A busca pelo autoconhecimento faz dos
nascidos nesse mês uns fortes interiormente
e com uma capacidade de ser feliz acima de
tudo, não importa as agruras do dia a dia...
Parabéns aniversariantes de Fevereiro
MARÇO
A qualidade latente dos aniversariantes
de março é a certeza da sua vocação na
vida, por isso busca sua vocação e cuida
dela como uma semente, dando-lhe amor,
nutrientes, ambiente saudável e paciência...
Parabéns aniversariantes de Março
ABRIL
Os nascidos nesse mês tem como qualidade
intrínseca ao seu ser, a coragem de superar
seus medos, de preferir o aprendizado à
ignorância, de dar voz a si mesmo, de saber
calar quando a vida pede silêncio, de dar
às coisas os nomes que elas pedem: graça
divina, dor bem vivida...
Parabéns aniversariantes de Abril.
Mensagem para os aniversariantes do Bimestre

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Texto evento à conversa sobre boas práticas em equipas multidisciplinares ...
Texto evento à conversa sobre    boas práticas em equipas multidisciplinares ...Texto evento à conversa sobre    boas práticas em equipas multidisciplinares ...
Texto evento à conversa sobre boas práticas em equipas multidisciplinares ...
ProgramaEscolasTEIP
 
Jornal Escola Ceni Dias
Jornal Escola Ceni DiasJornal Escola Ceni Dias
Jornal Escola Ceni Dias
ManaDutra1
 
Relátorio da escola alvaro gaudêncio
Relátorio da escola alvaro gaudêncio Relátorio da escola alvaro gaudêncio
Relátorio da escola alvaro gaudêncio
Lenivaldo Costa
 

Mais procurados (20)

Texto evento à conversa sobre boas práticas em equipas multidisciplinares ...
Texto evento à conversa sobre    boas práticas em equipas multidisciplinares ...Texto evento à conversa sobre    boas práticas em equipas multidisciplinares ...
Texto evento à conversa sobre boas práticas em equipas multidisciplinares ...
 
Informativo Escola Estadual Domingos Albuquerque - 2017.2 (II bimestre)
Informativo Escola Estadual Domingos Albuquerque - 2017.2 (II bimestre)Informativo Escola Estadual Domingos Albuquerque - 2017.2 (II bimestre)
Informativo Escola Estadual Domingos Albuquerque - 2017.2 (II bimestre)
 
Informativo 2019.1 - Escola Estadual Domingos Albuquerque
Informativo 2019.1 - Escola Estadual Domingos AlbuquerqueInformativo 2019.1 - Escola Estadual Domingos Albuquerque
Informativo 2019.1 - Escola Estadual Domingos Albuquerque
 
Projeto luciane
Projeto lucianeProjeto luciane
Projeto luciane
 
Stp newsletter 2
Stp newsletter 2Stp newsletter 2
Stp newsletter 2
 
Escola Hélio Santiago Ramos - Informativo Escolar 2014.2
Escola Hélio Santiago Ramos - Informativo Escolar 2014.2Escola Hélio Santiago Ramos - Informativo Escolar 2014.2
Escola Hélio Santiago Ramos - Informativo Escolar 2014.2
 
De gotinha em gotinha descobrindo como economizar água e preservar o meio amb...
De gotinha em gotinha descobrindo como economizar água e preservar o meio amb...De gotinha em gotinha descobrindo como economizar água e preservar o meio amb...
De gotinha em gotinha descobrindo como economizar água e preservar o meio amb...
 
Trabalho lu
Trabalho luTrabalho lu
Trabalho lu
 
INFORMATIVO 2013 DA ESCOLA HÉLIO SANTIAGO RAMOS - BARREIROS PE - COOD. PROF. ...
INFORMATIVO 2013 DA ESCOLA HÉLIO SANTIAGO RAMOS - BARREIROS PE - COOD. PROF. ...INFORMATIVO 2013 DA ESCOLA HÉLIO SANTIAGO RAMOS - BARREIROS PE - COOD. PROF. ...
INFORMATIVO 2013 DA ESCOLA HÉLIO SANTIAGO RAMOS - BARREIROS PE - COOD. PROF. ...
 
Jornal Escola Ceni Dias
Jornal Escola Ceni DiasJornal Escola Ceni Dias
Jornal Escola Ceni Dias
 
Relátorio da escola alvaro gaudêncio
Relátorio da escola alvaro gaudêncio Relátorio da escola alvaro gaudêncio
Relátorio da escola alvaro gaudêncio
 
Jornal Entrepalavras
Jornal EntrepalavrasJornal Entrepalavras
Jornal Entrepalavras
 
Projeto cinema na escola
Projeto cinema na escolaProjeto cinema na escola
Projeto cinema na escola
 
Aula de Campo
Aula de CampoAula de Campo
Aula de Campo
 
Projeto "Minha Família é um Show!"
Projeto "Minha Família é um Show!"Projeto "Minha Família é um Show!"
Projeto "Minha Família é um Show!"
 
Sustentabilidade da sala de aula
Sustentabilidade da sala de aulaSustentabilidade da sala de aula
Sustentabilidade da sala de aula
 
Informativo GRE Mata Sul nº 3
Informativo GRE Mata Sul nº 3Informativo GRE Mata Sul nº 3
Informativo GRE Mata Sul nº 3
 
Uepa 2009 pronto tcc
Uepa 2009 pronto tccUepa 2009 pronto tcc
Uepa 2009 pronto tcc
 
Aee Surdos Prática Pedagógica
Aee Surdos Prática PedagógicaAee Surdos Prática Pedagógica
Aee Surdos Prática Pedagógica
 
Portifólio
PortifólioPortifólio
Portifólio
 

Destaque

A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO DISCENTE NUM CONTEXTO SOCIAL TECNOLÓGICO Andr...
A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO DISCENTE  NUM CONTEXTO SOCIAL TECNOLÓGICO   Andr...A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO DISCENTE  NUM CONTEXTO SOCIAL TECNOLÓGICO   Andr...
A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO DISCENTE NUM CONTEXTO SOCIAL TECNOLÓGICO Andr...
christianceapcursos
 
Boletim mensageiro do_algarve _3_2013
Boletim mensageiro do_algarve _3_2013Boletim mensageiro do_algarve _3_2013
Boletim mensageiro do_algarve _3_2013
mensageiro2013
 
ENTENDER AS ETAPAS DA ADOLESCÊNCIA É O PRIMEIRO PASSO PARA UM BOM RELACIONAM...
ENTENDER AS ETAPAS DA ADOLESCÊNCIA É O PRIMEIRO PASSO  PARA UM BOM RELACIONAM...ENTENDER AS ETAPAS DA ADOLESCÊNCIA É O PRIMEIRO PASSO  PARA UM BOM RELACIONAM...
ENTENDER AS ETAPAS DA ADOLESCÊNCIA É O PRIMEIRO PASSO PARA UM BOM RELACIONAM...
christianceapcursos
 
Benicarlo año i_agosto_71. 1
Benicarlo año i_agosto_71. 1Benicarlo año i_agosto_71. 1
Benicarlo año i_agosto_71. 1
LauEdo
 
Dou nº 345 mma - portaria no. 409 2011 - cp plano nacional de resíduos sólidos
Dou nº 345   mma - portaria no. 409 2011 - cp plano nacional de resíduos sólidosDou nº 345   mma - portaria no. 409 2011 - cp plano nacional de resíduos sólidos
Dou nº 345 mma - portaria no. 409 2011 - cp plano nacional de resíduos sólidos
senaimais
 

Destaque (20)

09. A Universidade nas Rondônias. Ano I, Nº 09 - Volume I - Porto Velho - Jul...
09. A Universidade nas Rondônias. Ano I, Nº 09 - Volume I - Porto Velho - Jul...09. A Universidade nas Rondônias. Ano I, Nº 09 - Volume I - Porto Velho - Jul...
09. A Universidade nas Rondônias. Ano I, Nº 09 - Volume I - Porto Velho - Jul...
 
A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO DISCENTE NUM CONTEXTO SOCIAL TECNOLÓGICO Andr...
A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO DISCENTE  NUM CONTEXTO SOCIAL TECNOLÓGICO   Andr...A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO DISCENTE  NUM CONTEXTO SOCIAL TECNOLÓGICO   Andr...
A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO DISCENTE NUM CONTEXTO SOCIAL TECNOLÓGICO Andr...
 
Essa é Nossa Escola - Edição 53
Essa é Nossa Escola - Edição 53Essa é Nossa Escola - Edição 53
Essa é Nossa Escola - Edição 53
 
Relatório da Aplicação do Curso de Educação do Caráter - Ano I Fortaleza - ...
Relatório da Aplicação do Curso de Educação do Caráter - Ano I   Fortaleza - ...Relatório da Aplicação do Curso de Educação do Caráter - Ano I   Fortaleza - ...
Relatório da Aplicação do Curso de Educação do Caráter - Ano I Fortaleza - ...
 
Jornal Cidade - Ano I - Nº 12
Jornal Cidade - Ano I - Nº 12Jornal Cidade - Ano I - Nº 12
Jornal Cidade - Ano I - Nº 12
 
Jornal Cidade - Ano I - Nº 08
Jornal Cidade - Ano I - Nº 08Jornal Cidade - Ano I - Nº 08
Jornal Cidade - Ano I - Nº 08
 
Amargosa mostra que Paulo Souto realiza pra valer
Amargosa mostra que Paulo Souto realiza pra valerAmargosa mostra que Paulo Souto realiza pra valer
Amargosa mostra que Paulo Souto realiza pra valer
 
Jornal Cidade - Ano I - Nº 10
Jornal Cidade - Ano I - Nº 10Jornal Cidade - Ano I - Nº 10
Jornal Cidade - Ano I - Nº 10
 
practica 2 word basico
practica 2 word basicopractica 2 word basico
practica 2 word basico
 
Boletim mensageiro do_algarve _3_2013
Boletim mensageiro do_algarve _3_2013Boletim mensageiro do_algarve _3_2013
Boletim mensageiro do_algarve _3_2013
 
ENTENDER AS ETAPAS DA ADOLESCÊNCIA É O PRIMEIRO PASSO PARA UM BOM RELACIONAM...
ENTENDER AS ETAPAS DA ADOLESCÊNCIA É O PRIMEIRO PASSO  PARA UM BOM RELACIONAM...ENTENDER AS ETAPAS DA ADOLESCÊNCIA É O PRIMEIRO PASSO  PARA UM BOM RELACIONAM...
ENTENDER AS ETAPAS DA ADOLESCÊNCIA É O PRIMEIRO PASSO PARA UM BOM RELACIONAM...
 
Mercado de Trabalho no Nordeste - Relatório ETENE
Mercado de Trabalho no Nordeste - Relatório ETENEMercado de Trabalho no Nordeste - Relatório ETENE
Mercado de Trabalho no Nordeste - Relatório ETENE
 
Torne sua varanda mais acolhedora
Torne sua varanda mais acolhedoraTorne sua varanda mais acolhedora
Torne sua varanda mais acolhedora
 
Jornal Cidade - Ano I - Nº 19
Jornal Cidade - Ano I - Nº 19Jornal Cidade - Ano I - Nº 19
Jornal Cidade - Ano I - Nº 19
 
Jornal Cidade - Ano I - Nº 23
Jornal Cidade - Ano I - Nº 23Jornal Cidade - Ano I - Nº 23
Jornal Cidade - Ano I - Nº 23
 
Jornal Cidade - Ano I - Nº 11
Jornal Cidade - Ano I - Nº 11Jornal Cidade - Ano I - Nº 11
Jornal Cidade - Ano I - Nº 11
 
Benicarlo año i_agosto_71. 1
Benicarlo año i_agosto_71. 1Benicarlo año i_agosto_71. 1
Benicarlo año i_agosto_71. 1
 
Dou nº 345 mma - portaria no. 409 2011 - cp plano nacional de resíduos sólidos
Dou nº 345   mma - portaria no. 409 2011 - cp plano nacional de resíduos sólidosDou nº 345   mma - portaria no. 409 2011 - cp plano nacional de resíduos sólidos
Dou nº 345 mma - portaria no. 409 2011 - cp plano nacional de resíduos sólidos
 
Jornal Cidade - Ano I - Nº 13
Jornal Cidade - Ano I - Nº 13Jornal Cidade - Ano I - Nº 13
Jornal Cidade - Ano I - Nº 13
 
TEJIENDO CAMINOS EN LA RELACIÓN ENTRE LAS ACTIVIDADES RECREATIVAS Y LAS PRÁCT...
TEJIENDO CAMINOS EN LA RELACIÓN ENTRE LAS ACTIVIDADES RECREATIVAS Y LAS PRÁCT...TEJIENDO CAMINOS EN LA RELACIÓN ENTRE LAS ACTIVIDADES RECREATIVAS Y LAS PRÁCT...
TEJIENDO CAMINOS EN LA RELACIÓN ENTRE LAS ACTIVIDADES RECREATIVAS Y LAS PRÁCT...
 

Semelhante a Jornal do saber 02

Relatório de atividades 1º semestre - cópia
Relatório de atividades   1º semestre - cópiaRelatório de atividades   1º semestre - cópia
Relatório de atividades 1º semestre - cópia
cmevangelico
 
DepoimentosE.M. Norma Sueli Borges sobre o PDE-Escola
DepoimentosE.M. Norma Sueli Borges sobre o PDE-EscolaDepoimentosE.M. Norma Sueli Borges sobre o PDE-Escola
DepoimentosE.M. Norma Sueli Borges sobre o PDE-Escola
pdescola
 
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTAPortfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
Cleuza Oliveira
 
Projeto patrimônio preservado néia
Projeto patrimônio preservado   néiaProjeto patrimônio preservado   néia
Projeto patrimônio preservado néia
Escolajosecarlos
 
Projeto patrimônio preservado néia
Projeto patrimônio preservado   néiaProjeto patrimônio preservado   néia
Projeto patrimônio preservado néia
Escolajosecarlos
 
Cefals Retrospectiva 2009
Cefals Retrospectiva 2009Cefals Retrospectiva 2009
Cefals Retrospectiva 2009
guestdac4d3
 

Semelhante a Jornal do saber 02 (20)

Entrepalavras4 dezembro 2014
Entrepalavras4  dezembro 2014Entrepalavras4  dezembro 2014
Entrepalavras4 dezembro 2014
 
Relatório de atividades 1º semestre - cópia
Relatório de atividades   1º semestre - cópiaRelatório de atividades   1º semestre - cópia
Relatório de atividades 1º semestre - cópia
 
Boletim do Polo EAD da Ulbra Santa Maria - junho de 2017
Boletim do Polo EAD da Ulbra Santa Maria -  junho de 2017Boletim do Polo EAD da Ulbra Santa Maria -  junho de 2017
Boletim do Polo EAD da Ulbra Santa Maria - junho de 2017
 
DepoimentosE.M. Norma Sueli Borges sobre o PDE-Escola
DepoimentosE.M. Norma Sueli Borges sobre o PDE-EscolaDepoimentosE.M. Norma Sueli Borges sobre o PDE-Escola
DepoimentosE.M. Norma Sueli Borges sobre o PDE-Escola
 
DeClara n.º 61 janeiro 2023.pdf
DeClara n.º 61 janeiro 2023.pdfDeClara n.º 61 janeiro 2023.pdf
DeClara n.º 61 janeiro 2023.pdf
 
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUE
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUE INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUE
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUE
 
Módulo i
Módulo iMódulo i
Módulo i
 
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTAPortfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
Portfólio de ações 2013 E.E. CORONEL ARISTIDES BATISTA
 
Aee inclusão 2014 nazira anache
Aee inclusão 2014 nazira anacheAee inclusão 2014 nazira anache
Aee inclusão 2014 nazira anache
 
Prática docente na educação infantil
Prática docente na educação infantilPrática docente na educação infantil
Prática docente na educação infantil
 
AEE inclusão 2014 Nazira Anache
AEE inclusão 2014 Nazira AnacheAEE inclusão 2014 Nazira Anache
AEE inclusão 2014 Nazira Anache
 
DC 55 junho 2022.pdf
DC 55 junho 2022.pdfDC 55 junho 2022.pdf
DC 55 junho 2022.pdf
 
Projeto patrimônio preservado néia
Projeto patrimônio preservado   néiaProjeto patrimônio preservado   néia
Projeto patrimônio preservado néia
 
Projeto patrimônio preservado néia
Projeto patrimônio preservado   néiaProjeto patrimônio preservado   néia
Projeto patrimônio preservado néia
 
Artigo relatório de estágio na educação infantil.
Artigo relatório de estágio na educação infantil.Artigo relatório de estágio na educação infantil.
Artigo relatório de estágio na educação infantil.
 
Portfólio 1º semestre 2012
Portfólio 1º semestre 2012Portfólio 1º semestre 2012
Portfólio 1º semestre 2012
 
Cefals Retrospectiva 2009
Cefals Retrospectiva 2009Cefals Retrospectiva 2009
Cefals Retrospectiva 2009
 
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL HÉLISO S
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL HÉLISO SINFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL HÉLISO S
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL HÉLISO S
 
Cefals Retrospectiva2 2009
Cefals Retrospectiva2 2009Cefals Retrospectiva2 2009
Cefals Retrospectiva2 2009
 
Cefals Retrospectiva2 2009
Cefals Retrospectiva2 2009Cefals Retrospectiva2 2009
Cefals Retrospectiva2 2009
 

Último

1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
aulasgege
 

Último (20)

Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdfROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
ROTINA DE ESTUDO-APOSTILA ESTUDO ORIENTADO.pdf
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persaConteúdo sobre a formação e expansão persa
Conteúdo sobre a formação e expansão persa
 
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
08-05 - Atividade de língua Portuguesa.pdf
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
 
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdfSistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
 

Jornal do saber 02

  • 1. JORNAL DO SABER Terça, 27 de maio de 2014 Nova Cruz, Rio Grande do Norte, Terça, 27 de maio de 2014 – Ano I – Edição I Nº1 Anos de Educação Edição EDITORIAL Caro (a) leitor (a), é com grande satisfação que publicamos para toda nossa comunidade escolar e ao público em geral a 1ª edição do “Jornal do Saber”. Nesta edição o primordial é tornar pública algumas atividades, projetos e programas que estão sendo desenvolvidos em nossa escola. A mesma contemplará várias matérias bacanas. Olha só o que vem por aí: Comemoração dos 60 Anos da Escola Municipal Nestor Marinho; Projetos realizados na escola: Programa Mais Educação; Palestras educativas e muito mais. Este jornal é a constatação de que temos uma escola ativa e que convida a comunidade para continuar participando de sua construção e elevação do conhecimento. Desejamos a todos uma ótima leitura! 60 A Escola Municipal Nestor Marinho está comemorando os seus 60 anos de história na Educação, esta realizada com compromisso, dedicação e cidadania em prol da população de Nova Cruz e de toda região. Nós que fazemos parte da escola: direção, professores, funcionários e alunos estamos felizes em fazer parte dessa trajetória repleta de vitórias e conquistas. De acordo com o Regimento Escolar, artigo nº 129/2006, r e s o l u ç ã o CCE/TO: “a A equipe gestora tem um cuidado espe- cial com os educan- dos, com a equipe pedagógica, profes- sores e funcionários. A Secretaria da Escola Municipal Nestor Marinho é composta por 4 funcionários, 2 gerenciando os turnos diurnos – Ewerton Henrique e Priscila Balbino, 2 gerencian- do as atividades do turno noturno – José Soares e Joanita. O papel da informática como fonte de conhecimento. O potencial da informática como ferramenta educativa promove um currículo integrado com as necessidades do mundo atual. Tem como objetivo a utili- zação desse recurso como instrumento de apoio aos conteúdos trabalhados. Sandra, Dyuana, Lene Rosa Biblioteca espaço de referência e aprendizagem. O setor funciona nos três turnos com professores mediadores, Ana, Gilma, Patrícia, Maria do Socorro Equipe Organizadora função da coordenação pedagógica é o suporte que gerencia, coordena e supervisiona todas as atividades relacionadas com o processo de ensino e aprendizagem, visando sempre à permanência do aluno com sucesso.” A principal meta é integrar todos na pro- moção do ensino de qualidade.
  • 2. JORNAL DO SABER Terça, 27 de maio de 2014 Abertura Celebração Eucarística Apresentação Cultural Leitura da vida escolar da Escola Municipal Nestor Marinho Coquetel Documentário sobre a criação da escola e vida do Nestor Marinho Organização: Professores de História Sarau poético Organização: Professores de Língua Portuguesa FEVEREIRO ABRIL MAIO DEZEMBRO MARÇO AGOSTO SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO Exposição de fotos Organização: Professores de Arte Campeonato com a participação de Alunos, Ex-Alu- nos e Funcionários Exposição dos Troféus Organização: Professores de Ed. Física Palestras ministradas por Ex-Alunos e Ex-Fun- cionários. Tema: A importância da Escola Nestor Marinho para a Educação Novacruzense. Organização: Professores de Geografia Gincana beneficente Organização: Professores de Inglês e Matemática Bingo beneficente Organização: Professores de Ciências Festa “Nestor Marinho: Eu faço parte dessa História” Representação de uma coletânea dos trabalhos realizados durante as festividades, contendo produções escritas, fotos, depoimentos, etc... Exposição da galeria e homenagem aos diretores e ex-diretores. Organização: Professores de Produção Textual, Supervisão, Coordenação e Direção. PROGRAMAÇÃO FESTIVA 60 ANOS NESTOR MARINHO EQUIPE PEDAGÓGICA Buscando um melhor desempenho do educando, trabalhando para o desenvolvimento do processo ensino - aprendizagem e tendo como foco o suporte ao educador, a equipe pedagógica da E.M.N.M. desenvolve as seguintes atividades desde o início do ano letivo de 2014: *Encontros para estudo em prol da preparação da Semana Pedagógica; *Realização da Semana Pedagógica; *Assistência aos professores no primeiro dia de aula; *Reuniões com os educadores dando sequência aos trabalhos da Semana Pedagógica; *Reuniões com os pais do 5º ao 9º ano; *Elaboração do Calendário Cultural; *Organização de horários de sala de aula, bem como, Calendário de Testes e Avaliações; *Participação nos Eventos da Escola, desde a organização até o evento; *Elaboração do cronograma da palestra sobre o uso das novas tecnologias ministradas pelo professor Marcelo Graciliano, bem como, assistência ao palestrante; *Organização de Livros de assinatura nas reuniões e livros de ponto dos professores e funcionários; *Assistência a todos os projetos, passando pelo credenciamento, aula inaugural e desenvolvimento dos projetos; * Acompanhamento do planejamento junto ao professor; *Sensibilidade as particularidades de cada professor, como também, apoio as dificuldades enfrentadas em sala de aula; *Atendimento as particularidades dos discentes e seus familiares; *Acompanhamento de Testes e Avaliações; *Elaboração de cronograma de entrega de canhotos; *Organização do Plantão Pedagógico; *Assistência ao Sistema de APP; *Reunião para discussão dos problemas internos da Escola; *Reunião com professores para acompanhamento do processo ensino- aprendizagem. Pág. 02
  • 3. JORNAL DO SABER Terça, 27 de maio de 2014 O laboratório de Informática PROJETOS DA ESCOLA NESTOR MARINHO A sala de informática da Escola Municipal Nestor Marinho é constituída de 12 computadores, 01 tv de plasma de 51 polegadas,02 Notebooks, 02 data show, 01 impressora Epson e é climatizada. Os equipamentos estão em bom estado de uso e o programa operacional utilizado é o LINUX. Este é um local que oferece apoio aos alunos com um ambiente favorável para realização de trabalhos e pesquisas. Devemos ressaltar que esta sala de informática tem melhorado bastante a cada dia. Portanto, temos que ter a percepção que, quando usamos a informática como conhecimento, estamos sendo modificados por ela e nos transformando em pessoas mais conectadas com os recursos tecnológicos. *LES – Lendo e Exercitando Saberes Responsáveis: - Profª Andréa de Melo Araújo Silva - Profª Luzia Vieira Gomes da Silva *AMIL – Aprendendo Matemática Interativa de Forma Lúdica Responsáveis: - Profº Odair José de Oliveira Freire - Profº Gilson Marques de Freitas *GEI – Geo – Ecologia Interativa Responsáveis: - Profª Maria da Conceição de Melo Silva - Profº José Garibaldi da Silva Toscano Coordenadora dos Projetos - Elizabete Porfírio Ribeiro *PROITEC Responsáveis: - Profª Luzia Vieira Gomes da Silva - Profº Odair José de Oliveira Freire *Programa Mais Educação Coordenação: Sônia Ferreira da Silva, João Maria de Oliveira e Maria Verônica Julião *EJA EDUCAÇÃO JOVENS E ADULTOS. Artesanato: pontos livres e pintura em tecido; Palestras educativas nas áreas de relações humanas e de saúde; Projeto: O livro é um luxo (reciclagem); Implantação do vôlei como um diferencial no esporte; Incentivo dos professores à pesquisa; Comemoração dos aniversariantes (trimestralmente), alunos e funcionários. Responsável: Lúcia Pereira Pág. 03
  • 4. JORNAL DO SABER Terça, 27 de maio de 2014 E ste projeto se insere num contexto educacional, onde o ensino da matemática é o foco principal. Com a preocupação do rendimento não satisfatório dos alunos do 6º ano, objeto deste estudo, resolvemos trabalhar com a ludicidade neste projeto. Sabemos que muitos professores estão em busca de novas metodologias e ferramentas no auxílio da aprendizagem, tendo em vista as dificuldades encontradas pelos alunos. O lúdico tem sido muito utilizado em muitas escolas como fonte de inspiração para os professores e de grande motivação aos alunos. Projeto LES faz a magia de reconduzir a leitura ao local mais adequado para sua difusão. Em tempos de interatividade, de telefone celular e internet, fazer com que os alunos se interessem pela leitura de obras literárias não é tarefa das mais fáceis, mas certamente é fundamental para formar leitores habituais e competentes, além de ampliar o universo com o conhecimento através da viagem ao mundo da imaginação. Essa é a proposta do Projeto LES (Lendo e Exercitando Saberes), levar o aluno a viajar na leitura realizando um trabalho permanente. Os encontros com os alunos são quinzenais, em uma semana planeja-se e na semana seguinte Tem o objetivo de conscientizar a comunidade escolar da E. M. NESTOR MARINHO a lidar com o meio ambiente de forma mais respeitosa e com uma visão de mundo globalizado, saber fazer uso dos recursos da natureza e o que eles nos oferecem, para que todos possam usufruir do que o Planeta Terra nos proporciona de melhor. A comunidade da E. M. NESTOR MARINHO, sabendo da importância de se empenhar na luta a favor da preservação da terra, além do âmbito escolar, irá favorecer a difusão na comunidade de vivência do aluno. Durante as primeiras décadas do século XX, os naturalistas começaram a ver a terra como um ecossistema frágil e com a necessidade de se preservar os seus recursos, pois os mesmos não eram infinitos, como se pensava. O foco do GEI, é portanto saber a importânciadapreservaçãodomeio ambiente, o uso imprescindível da reciclagem e a importância da sustentabilidade, assim, teremos consciência que estamos se empenhando para que tenhamos um Planeta terra mais favorável para nossa sobrevivência. Projeto Amil O LIVRO REINA NA ESCOLA MUNICIPAL NESTOR MARINHO O projeto Geo-Ecologia Interativa (GEI) executa-se. A Coordenadora de Projetos Elizabete Porfírio trabalha em parceria com as tutoras Andréa de Melo e Luzia Vieira. O público-alvo são alunos dos 6º e 7º anos, uma vez que os mesmos chegarão aos anos seguintes com fluência e gosto pela leitura. Conheça passo a passo: 1- Encontro quinzenal com planejamento, escolha do ambiente e do paradidático na biblioteca escolar para execução; 2- Encontro na semana seguinte com os alunos, sendo uma turma de cada vez; 3- Apresentação do livro: capa, folha de rosto, ficha catalográfica e contra capa; 4- Leitura coletiva, individual e interpretação oral; 5- Registro do resumo com referência bibliográfica em um caderno específico, “DIÁRIO DO SABER”; 6- Após quinze dias...ENCONTRÃO: Encontro das turmas com reflexão, socialização, exposição oral e artística (desenhos e dramatizações), dança e encerramento com show da BANDA LER, composto por alunos da escola. Enfim, aos poucos essas atividades tornam-se mais complexas, pois com a ampliação da capacidade de leitura dos alunos, eles passam a não só resumir, mas também recriar e criar. Pág. 04
  • 5. JORNAL DO SABER Terça, 27 de maio de 2014 Esse desejo já é uma realidade em Nova Cruz. Desde que o campus do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) foi inaugurado em nossa cidade que vem atraindo muitos dos nossos conterrâneos, principalmente alunos do 9º ano. Sabemos que a concorrência dos diversos concursos leva os candidatos a buscarem cursos preparatórios para enfrentá-los. Não poderia ser diferente ao falarmos do processo seletivo do IFRN. Nesse aspecto, a Escola Municipal Nestor Marinho tem um grande diferencial, pois oferece aos seus alunos o Cursinho Desafio, cujo objetivo é prepará-los para o exame de seleção do IFRN. O programa do curso contempla as disciplinas de Português e Matemática, ambas cobradas no exame. É claro que nossos alunos já dispõem de aulas dessas disciplinas ao se matricularem na escola, no ensino regular, mas o cursinho dá ênfase a todo o conteúdo apresentado no edital do concurso e utiliza uma metodologia que aproxima o estudante ao contexto da prova. O curso é oferecido aos alunos de 8º e 9º anos dos turnos matutino e vespertino. A partir deste ano, nas aulas de Língua Portuguesa, o aluno contará também com a prática de produção textual, tal acréscimo visa o melhoramento na escrita da redação, fato decisivo para aprovação. Portanto, com a finalidade de exercitá-la, um dos critérios para ingressar no Cursinho Desafio foi a produção da carta de intenção. Outras redações surgirão. De maneira figurada podemos dizer que a escola está plantando a semente, cabe ao aluno cultivá- la, regá-la e depois colher os bons frutos. Assim seremos, intelectualmente, felizes para sempre! PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO Oficinas Implantadas: Jardinagem, Rádio Escolar, Esporte, Gêneros Textuais, Dança Dicas para estudar melhor Estudar é mais fácil do que você pensa! 1. Reserve sempre um mesmo período do dia para as tarefas escolares, esforçando-se para não alterar seu horário de estudo; 2. Procure um canto sossegado para estudar. Verifique se todo o material de que precisa está à mão, como lápis, cadernos, dicionário, caneta, livros, borracha, compasso e coisas assim; 3. Organize uma sequência de trabalho, isto é, o que fazer em primeiro lugar, o que fazer em seguida e assim por diante, de acordo com as necessidades; 4. No final de cada tarefa levante e dê uma voltinha, por alguns minutos. Isso ajuda a descansar a mente e o corpo. Depois volte e retorne as tarefas; 5. Concentre-se em uma tarefa de cada vez; 6. Acostume-se a prestar atenção no tempo que está gastando para fazer suas tarefas; 7. Todo dia, você deve dar uma olhada rápida no assunto que acabou de ser ensinado; 8. Evite fazer “visitas” à geladeira durante o horário de estudos; 9. Fazer os trabalhos escolares é trabalhar mesmo, como os adultos. Cursinho Desafio – aprovação é nossa meta! Quem quer ser aluno federal levante a mão! Pág. 05
  • 6. JORNAL DO SABER Terça, 27 de maio de 2014 DIVIRTA-SE CHARADAS 1. O que o livro de matemática falou para o livro de história? Resposta: Pare de inventar histórias, porque eu já estou cheio de problemas. 2. Qual é a palavra que só tem três letras e acaba com tudo? Resposta: Fim 3. O que o cirurgião e o matemático têm em comum? Resposta: Ambos vivem fazendo operações. 4. O que é que pode ser de ferro, de gelo, de chocolate e de água ao mesmo tempo? Resposta: Barra 5. Quais as capitais brasileiras mais faladas no mês de dezembro? Resposta: Natal, Belém e Salvador. Equipe Organizadora *Profª Dyuana Maria Soares da Costa *Profª Sandra Texeira *Profª Lene Rosa Gomes Soares Equipe Gestora Sônia Ferreira João Maria Pág. 06 JANEIRO Para os místicos, o mês de janeiro é o mês da elevação da autoestima. Ela pode ser fonte de alegria e criatividade ou a baixa autoestima gera muito dos nossos problemas. A auto valorização é uma qualidade dos nascidos nesse mês e esta não implica em desvalorizar os outros, mas sim trazer à consciência nossos valores e reconhecer nos outros o que lhes cabe de melhor. Parabéns aniversariantes de Janeiro FEVEREIRO A busca pelo autoconhecimento faz dos nascidos nesse mês uns fortes interiormente e com uma capacidade de ser feliz acima de tudo, não importa as agruras do dia a dia... Parabéns aniversariantes de Fevereiro MARÇO A qualidade latente dos aniversariantes de março é a certeza da sua vocação na vida, por isso busca sua vocação e cuida dela como uma semente, dando-lhe amor, nutrientes, ambiente saudável e paciência... Parabéns aniversariantes de Março ABRIL Os nascidos nesse mês tem como qualidade intrínseca ao seu ser, a coragem de superar seus medos, de preferir o aprendizado à ignorância, de dar voz a si mesmo, de saber calar quando a vida pede silêncio, de dar às coisas os nomes que elas pedem: graça divina, dor bem vivida... Parabéns aniversariantes de Abril. Mensagem para os aniversariantes do Bimestre