SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 24
Baixar para ler offline
Critérios de Selecção para Cirurgia Bariátrica
Zulmira Jorge
Serviço Endocrinologia, Diabetes e Metabolismo
Hospital de Santa Maria
Terapêutica Cirúrgica da Obesidade
Cirurgia Bariátrica
Perda peso significativa
(60-70% do excesso de peso)
Manutenção da perda de
peso a longo prazo
Terapêutica Cirúrgica da Obesidade
Cirurgia Bariátrica
Não é uma cura
Melhora as
comorbilidades
Reduz risco morte
prematura
Aumenta Qualidade de
Vida
Terapêutica Cirúrgica da Obesidade
Avaliação
Médica
Experiência
Cirurgião
Bariátrico
Avaliação
Psicológica
Avaliação
Nutricional
Equipa Multidisciplinar
Doente Informado,
Motivado, Cumpridor
Terapêutica Cirúrgica da Obesidade
Selecção Criteriosa
dos doentes
Bons resultados
Terapêutica Cirúrgica da Obesidade
Tratamento recomendado para doentes
• obesidade grave
• com pelo menos 5 anos de doença
• com múltiplos tratamentos médicos ineficazes nesses 2-5 anos
• idade 18-60 anos, com excepções
• compreensão e aceitação pelo doente, dos riscos associados à
cirurgia
Terapêutica Cirúrgica da Obesidade
Objectivo Primário
• diminuição do risco de morbimortalidade
Objectivo Secundário
• diminuição do peso
Terapêutica Cirúrgica da Obesidade
Indicações
IMC > 40 kg/m2
IMC > 35 kg/m2 com doenças associadas
Terapêutica Cirúrgica da Obesidade
Contra-Indicações
• doentes sem condição anestésica cirúrgica
• doença Psiquiátrica intratável e/ou não controlada
• doenças que reduzam significativamente a esperança de vida
(algumas neoplasias, doença coronária sintomática, IR crónica,
cirrose hepática, etc)
• doenças gastro-esófagicas não tratadas
Intervenção no Estilo de Vida
Consulta
Nutrição/Dietética
Exercício Físico
Adequado
Fernando Botero Fernando Botero
Avaliação Médica Pré Cirurgia Bariátrica
 História Clínica
 Analítica
– Geral
– Nutricional (ferro, ferritina, transferrina, vit B12, ácido
fólico, albumina, cálcio, fósforo, magnésio… zinco, vit
B1, vit B6, vit D, vit A)
– excluir endocrinopatia (cortisol U, T4 livre e TSH)
Avaliação Médica Pré Cirurgia Bariátrica
 Cardiológica
– ECG
– Ecocardiograma M-mode e bidimensional
– Prova de Esforço
 Pneumológica
– Rx torax
– Provas Função Respiratória, Gasometria arterial
– Estudo do Sono
Avaliação Médica Pré Cirurgia Bariátrica
 Gastroenterológica
– Ecografia abdominal
– Endoscopia Digestiva Alta
Avaliação Psicológica
Entrevista estruturada
Anamnese
Início da obesidade
Relação com acontecimentos de vida
Relações interpessoais
Motivação para o tratamento
Diagnóstico diferencial
Perturbação de Ingestão Compulsiva
Psicopatologia
Avaliação Psicológica
Protocolo
Mini – Mult (Personalidade)
EDI (comportamento alimentar)
SCL 90 R (Psicopatologia)
Inventário de Depressão Beck
Rorschach (Funcionamento intra-psíquico)
Avaliação Psicológica
Critérios de exclusão
 distúrbios alimentares (bulimia nervosa e “binge-eating”)
 uso ou abuso de substâncias tóxicas (álcool e/ou drogas)
 défices cognitivos
 psicopatologia não compensada (como depressão)
 perturbações da personalidade (não avaliadas/acompanhadas)
 risco de descompensação psicótica
Importância das Avaliações
Médica – identificar e optimizar terapêutica das comorbilidades que
possam afectar os riscos peri-operatórios e os
resultados a longo prazo
Psicológica – identificar factores que possam influenciar o
sucesso terapêutico a longo prazo na manutenção da
perda de peso e preparar o doente para as
alterações do estilo de vida necessárias antes e
depois da cirurgia
Consentimento Informado
 Refere não existirem garantias da cirurgia, por si, ser um sucesso
 Riscos peri-operatórios e tardios da cirurgia bariátrica, incluindo o
risco de morte
 Confronta o doente com a sua futura imagem corporal e a eventual
necessidade de correcção cirúrgica
 Compromete o doente ao seguimento regular nas consultas e ao
cumprimento rigoroso das recomendações
 Nos doentes com doença psiquiátrica compensada, que não contra-
indicou a cirurgia, alerta para um seguimento regular por Psiquiatra
 Aconselha ás mulheres em idade fértil em não engravidarem até fazer
1 ano de operadas
Assinado na presença de familiar
Terapêutica Cirúrgica da Obesidade
Qual o papel do Balão
Intra-Gástrico na
Terapêutica da
Obesidade?
Fernando Botero
Balão Intra-Gástrico
• Terapêutica temporária para perder peso – 6 meses
• Fácilmente reversível
• Provoca sensação de plenitude gástrica, diminuindo o consumo alimentar
• Permite a reeducação alimentar e mudança comportamental
Estimativa perda peso 10-15%
Recidiva obesidade aos 18 meses 45%
Balão Intra-Gástrico
Balão Intra-Gástrico
prótese de silicone
colocado por endoscopia (30min)
sob sedação profunda
insuflado com 600 mL soro fisiológico
e azul de metileno
Balão Intra-Gástrico
Indicações -preparação de doentes com IMC > 50 kg/m2 para CB
-selecção de doentes “duvidosos” candidatos a CB
-redução do risco anestésico para outras cirurgias
Contra-Indicações
-abuso activo de substâncias
-doença Psiquiátrica intratável e/ou não controlada
-doenças do esófago e gástricas devem ser tratadas
previamente
Complicações
-vómitos incoersivéis
-perfuração/desinsuflação do balão…oclusão intestinal
Terapêutica Cirúrgica da Obesidade
Considerações
a cirurgia da obesidade não é uma cura
todos os doentes obesos mórbidos serão Potenciais Candidatos a
terapêutica cirúrgica, mas nem todos terão indicação para cirurgia
o sucesso da terapêutica cirúrgica da obesidade depende da Selecção
Criteriosa dos doentes, da destreza da equipe cirúrgica e do doente
os doentes obesos mórbidos deverão ser Criteriosamente Seleccionados pela
Equipa Multidisciplinar de Obesidade
Fernando Botero

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cirurgia Bariátrica - Enfermagem Cirúrgica II
Cirurgia Bariátrica - Enfermagem Cirúrgica IICirurgia Bariátrica - Enfermagem Cirúrgica II
Cirurgia Bariátrica - Enfermagem Cirúrgica IIEnfº Ícaro Araújo
 
Indicações e técnicas para a cirurgia bariátrica
Indicações e técnicas para a cirurgia bariátricaIndicações e técnicas para a cirurgia bariátrica
Indicações e técnicas para a cirurgia bariátricaJuliana Braz
 
Protocolo gastroplastia
Protocolo gastroplastiaProtocolo gastroplastia
Protocolo gastroplastia30274928
 
Tratamento cirúrgico da obesidade mórbida
Tratamento cirúrgico da obesidade mórbidaTratamento cirúrgico da obesidade mórbida
Tratamento cirúrgico da obesidade mórbidaGabriel Paixão
 
Apresentação net gastro
Apresentação net gastroApresentação net gastro
Apresentação net gastroEverton Cazzo
 
Obesidade. um grave problema da atualidade - ICAN
Obesidade. um grave problema da atualidade - ICANObesidade. um grave problema da atualidade - ICAN
Obesidade. um grave problema da atualidade - ICANEmergency Live
 
Intervenção nutricional na cirurgia bariátrica
Intervenção nutricional na cirurgia bariátricaIntervenção nutricional na cirurgia bariátrica
Intervenção nutricional na cirurgia bariátricaNatália Silva
 
E-book Mitos e Verdades Sobre a Obesidade e Cirurgia Bariátrica
E-book Mitos e Verdades Sobre a Obesidade e Cirurgia BariátricaE-book Mitos e Verdades Sobre a Obesidade e Cirurgia Bariátrica
E-book Mitos e Verdades Sobre a Obesidade e Cirurgia BariátricaInstituto Baiano de Obesidade
 
Dietoterapia de pacientes oncológicos - No Caminho da Enfermagem - Lucas Fontes.
Dietoterapia de pacientes oncológicos - No Caminho da Enfermagem - Lucas Fontes.Dietoterapia de pacientes oncológicos - No Caminho da Enfermagem - Lucas Fontes.
Dietoterapia de pacientes oncológicos - No Caminho da Enfermagem - Lucas Fontes.Lucas Fontes
 
E-book Síndrome Metabólica. Muito comum, mas pouco conhecida
E-book Síndrome Metabólica. Muito comum, mas pouco conhecidaE-book Síndrome Metabólica. Muito comum, mas pouco conhecida
E-book Síndrome Metabólica. Muito comum, mas pouco conhecidaInstituto Baiano de Obesidade
 
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriaisA importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriaisUNIME
 
Consenso Nacional de Nutrição Oncológica
Consenso Nacional de Nutrição OncológicaConsenso Nacional de Nutrição Oncológica
Consenso Nacional de Nutrição OncológicaCíntia Costa
 
Nutrição no idoso internado
Nutrição no idoso internadoNutrição no idoso internado
Nutrição no idoso internadouhgeri
 
Hidroterapia reabilitacao
Hidroterapia reabilitacaoHidroterapia reabilitacao
Hidroterapia reabilitacaoricardovianna81
 
Avaliação do estado nutricional
Avaliação do estado nutricionalAvaliação do estado nutricional
Avaliação do estado nutricionale.ferreira
 

Mais procurados (20)

Cirurgia Bariátrica - Enfermagem Cirúrgica II
Cirurgia Bariátrica - Enfermagem Cirúrgica IICirurgia Bariátrica - Enfermagem Cirúrgica II
Cirurgia Bariátrica - Enfermagem Cirúrgica II
 
Indicações e técnicas para a cirurgia bariátrica
Indicações e técnicas para a cirurgia bariátricaIndicações e técnicas para a cirurgia bariátrica
Indicações e técnicas para a cirurgia bariátrica
 
Protocolo gastroplastia
Protocolo gastroplastiaProtocolo gastroplastia
Protocolo gastroplastia
 
Tratamento cirúrgico da obesidade mórbida
Tratamento cirúrgico da obesidade mórbidaTratamento cirúrgico da obesidade mórbida
Tratamento cirúrgico da obesidade mórbida
 
Apresentação net gastro
Apresentação net gastroApresentação net gastro
Apresentação net gastro
 
Aula cetrata 2
Aula cetrata 2Aula cetrata 2
Aula cetrata 2
 
Obesidade. um grave problema da atualidade - ICAN
Obesidade. um grave problema da atualidade - ICANObesidade. um grave problema da atualidade - ICAN
Obesidade. um grave problema da atualidade - ICAN
 
Intervenção nutricional na cirurgia bariátrica
Intervenção nutricional na cirurgia bariátricaIntervenção nutricional na cirurgia bariátrica
Intervenção nutricional na cirurgia bariátrica
 
E-book Mitos e Verdades Sobre a Obesidade e Cirurgia Bariátrica
E-book Mitos e Verdades Sobre a Obesidade e Cirurgia BariátricaE-book Mitos e Verdades Sobre a Obesidade e Cirurgia Bariátrica
E-book Mitos e Verdades Sobre a Obesidade e Cirurgia Bariátrica
 
Obesidade Radical
Obesidade RadicalObesidade Radical
Obesidade Radical
 
Dietoterapia de pacientes oncológicos - No Caminho da Enfermagem - Lucas Fontes.
Dietoterapia de pacientes oncológicos - No Caminho da Enfermagem - Lucas Fontes.Dietoterapia de pacientes oncológicos - No Caminho da Enfermagem - Lucas Fontes.
Dietoterapia de pacientes oncológicos - No Caminho da Enfermagem - Lucas Fontes.
 
E-book Síndrome Metabólica. Muito comum, mas pouco conhecida
E-book Síndrome Metabólica. Muito comum, mas pouco conhecidaE-book Síndrome Metabólica. Muito comum, mas pouco conhecida
E-book Síndrome Metabólica. Muito comum, mas pouco conhecida
 
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriaisA importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
A importância da avaliação nutricional e exames laboratoriais
 
1. avaliação estado nutricional
1. avaliação estado nutricional1. avaliação estado nutricional
1. avaliação estado nutricional
 
Consenso Nacional de Nutrição Oncológica
Consenso Nacional de Nutrição OncológicaConsenso Nacional de Nutrição Oncológica
Consenso Nacional de Nutrição Oncológica
 
Nutrição no idoso internado
Nutrição no idoso internadoNutrição no idoso internado
Nutrição no idoso internado
 
Prevalencia HAS/DM progastro 2007-14
Prevalencia HAS/DM progastro 2007-14Prevalencia HAS/DM progastro 2007-14
Prevalencia HAS/DM progastro 2007-14
 
Estado nutricional
Estado nutricionalEstado nutricional
Estado nutricional
 
Hidroterapia reabilitacao
Hidroterapia reabilitacaoHidroterapia reabilitacao
Hidroterapia reabilitacao
 
Avaliação do estado nutricional
Avaliação do estado nutricionalAvaliação do estado nutricional
Avaliação do estado nutricional
 

Destaque

Psicologia Bariátrica: A Psicologia no âmbito da cirurgia para perda de peso
Psicologia Bariátrica: A Psicologia no âmbito da cirurgia para perda de pesoPsicologia Bariátrica: A Psicologia no âmbito da cirurgia para perda de peso
Psicologia Bariátrica: A Psicologia no âmbito da cirurgia para perda de pesoSimone Marchesini
 
Palestraop
PalestraopPalestraop
Palestraopnayara08
 
Factores de escolha profissional
Factores de escolha profissionalFactores de escolha profissional
Factores de escolha profissionalLaissane Dimande
 
Distúrbios Alimentares
Distúrbios AlimentaresDistúrbios Alimentares
Distúrbios AlimentaresRutteFreitas
 
Transtornos alimentares
Transtornos alimentaresTranstornos alimentares
Transtornos alimentaresROSILEIDE
 
Proposta de Orientação Profissional - ensino médio
Proposta de Orientação Profissional - ensino médioProposta de Orientação Profissional - ensino médio
Proposta de Orientação Profissional - ensino médioguestc0a037
 
Documentos Técnicos~ Psicologia
Documentos Técnicos~ PsicologiaDocumentos Técnicos~ Psicologia
Documentos Técnicos~ PsicologiaCassia Dias
 

Destaque (9)

Psicologia Bariátrica: A Psicologia no âmbito da cirurgia para perda de peso
Psicologia Bariátrica: A Psicologia no âmbito da cirurgia para perda de pesoPsicologia Bariátrica: A Psicologia no âmbito da cirurgia para perda de peso
Psicologia Bariátrica: A Psicologia no âmbito da cirurgia para perda de peso
 
Obesidade mental
Obesidade mentalObesidade mental
Obesidade mental
 
Palestraop
PalestraopPalestraop
Palestraop
 
Factores de escolha profissional
Factores de escolha profissionalFactores de escolha profissional
Factores de escolha profissional
 
Antonio Novoa
Antonio NovoaAntonio Novoa
Antonio Novoa
 
Distúrbios Alimentares
Distúrbios AlimentaresDistúrbios Alimentares
Distúrbios Alimentares
 
Transtornos alimentares
Transtornos alimentaresTranstornos alimentares
Transtornos alimentares
 
Proposta de Orientação Profissional - ensino médio
Proposta de Orientação Profissional - ensino médioProposta de Orientação Profissional - ensino médio
Proposta de Orientação Profissional - ensino médio
 
Documentos Técnicos~ Psicologia
Documentos Técnicos~ PsicologiaDocumentos Técnicos~ Psicologia
Documentos Técnicos~ Psicologia
 

Semelhante a criterios seleccao_cirurgia_bariatrica

Obesidade asbran
Obesidade asbranObesidade asbran
Obesidade asbranKKHFA
 
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogoEmagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogoDr. Rafael Higashi
 
Avaliação psicologica bariatrica.pdf
Avaliação psicologica bariatrica.pdfAvaliação psicologica bariatrica.pdf
Avaliação psicologica bariatrica.pdfFabianaCarneiroFaleS
 
2.avaliação nutricional e nutrição (no contexto cirúrgico) m27
2.avaliação nutricional e  nutrição (no contexto cirúrgico) m27 2.avaliação nutricional e  nutrição (no contexto cirúrgico) m27
2.avaliação nutricional e nutrição (no contexto cirúrgico) m27 Mickael Gomes
 
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...DL assessoria 31
 
Tratamento Da Obesidade VersãO Completa
Tratamento Da Obesidade VersãO CompletaTratamento Da Obesidade VersãO Completa
Tratamento Da Obesidade VersãO CompletaFernanda Melo
 
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisaCoaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisaCoachingNutrition
 
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica Amanda Amate
 
Avalliação do-estado-nutricional-de-idosos
Avalliação do-estado-nutricional-de-idososAvalliação do-estado-nutricional-de-idosos
Avalliação do-estado-nutricional-de-idososNara Barros
 
46 tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
46   tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos46   tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
46 tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativosONCOcare
 

Semelhante a criterios seleccao_cirurgia_bariatrica (20)

Obesidade
ObesidadeObesidade
Obesidade
 
Obesidade asbran
Obesidade asbranObesidade asbran
Obesidade asbran
 
Obesidade asbran
Obesidade asbranObesidade asbran
Obesidade asbran
 
Obesidade asbran
Obesidade asbranObesidade asbran
Obesidade asbran
 
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogoEmagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
Emagrecimento rápido sem remédios na visão do nutrólogo
 
Nutrição e obesidade- Thaynara Helena
Nutrição e obesidade- Thaynara HelenaNutrição e obesidade- Thaynara Helena
Nutrição e obesidade- Thaynara Helena
 
Errores y aciertos de la cirugía metabólica
Errores y aciertos de la cirugía metabólicaErrores y aciertos de la cirugía metabólica
Errores y aciertos de la cirugía metabólica
 
Avaliação psicologica bariatrica.pdf
Avaliação psicologica bariatrica.pdfAvaliação psicologica bariatrica.pdf
Avaliação psicologica bariatrica.pdf
 
2.avaliação nutricional e nutrição (no contexto cirúrgico) m27
2.avaliação nutricional e  nutrição (no contexto cirúrgico) m27 2.avaliação nutricional e  nutrição (no contexto cirúrgico) m27
2.avaliação nutricional e nutrição (no contexto cirúrgico) m27
 
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
CASO CLÍNICO – OBESIDADE É possível um paciente ser obeso e apresentar carênc...
 
Nutrição
NutriçãoNutrição
Nutrição
 
Consequências destrutivas da obesidade
Consequências destrutivas da obesidadeConsequências destrutivas da obesidade
Consequências destrutivas da obesidade
 
Tratamento Da Obesidade VersãO Completa
Tratamento Da Obesidade VersãO CompletaTratamento Da Obesidade VersãO Completa
Tratamento Da Obesidade VersãO Completa
 
Actividade física no doente oncológico
Actividade física no doente oncológicoActividade física no doente oncológico
Actividade física no doente oncológico
 
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisaCoaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa
Coaching Nutrition - Alimentação saudável com suporte que você precisa
 
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica
Avaliação Global da pessoa idosa na Atenção Básica
 
Agressão da Obesidade em Nosso Corpo
Agressão da Obesidade em Nosso CorpoAgressão da Obesidade em Nosso Corpo
Agressão da Obesidade em Nosso Corpo
 
Avalliação do-estado-nutricional-de-idosos
Avalliação do-estado-nutricional-de-idososAvalliação do-estado-nutricional-de-idosos
Avalliação do-estado-nutricional-de-idosos
 
Sobrepeso e Obesidade
Sobrepeso e ObesidadeSobrepeso e Obesidade
Sobrepeso e Obesidade
 
46 tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
46   tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos46   tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
46 tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
 

Mais de Joaquim Wilmar

Treinamento bella oggipd
Treinamento bella oggipdTreinamento bella oggipd
Treinamento bella oggipdJoaquim Wilmar
 
mercado de saúde suplementar
mercado de saúde suplementarmercado de saúde suplementar
mercado de saúde suplementarJoaquim Wilmar
 
cuidados de longa duração para a população idosa
cuidados de longa duração para a população idosacuidados de longa duração para a população idosa
cuidados de longa duração para a população idosaJoaquim Wilmar
 
Treinamento atendimento-clientes 23072014 [modo de compatibilidade]
Treinamento atendimento-clientes 23072014 [modo de compatibilidade]Treinamento atendimento-clientes 23072014 [modo de compatibilidade]
Treinamento atendimento-clientes 23072014 [modo de compatibilidade]Joaquim Wilmar
 
Saúde suplementar tendências regulação_desafios_oportunidades_alfredo cardoso
Saúde suplementar tendências regulação_desafios_oportunidades_alfredo cardosoSaúde suplementar tendências regulação_desafios_oportunidades_alfredo cardoso
Saúde suplementar tendências regulação_desafios_oportunidades_alfredo cardosoJoaquim Wilmar
 
Politica de atencao_integral_a_saude_da_pessoa_idosa_no_sussp_2010
Politica de atencao_integral_a_saude_da_pessoa_idosa_no_sussp_2010Politica de atencao_integral_a_saude_da_pessoa_idosa_no_sussp_2010
Politica de atencao_integral_a_saude_da_pessoa_idosa_no_sussp_2010Joaquim Wilmar
 
Palestradrvanderleymoya1
Palestradrvanderleymoya1Palestradrvanderleymoya1
Palestradrvanderleymoya1Joaquim Wilmar
 
2010 drogas anti-vegf intraoculares
2010   drogas anti-vegf intraoculares2010   drogas anti-vegf intraoculares
2010 drogas anti-vegf intraocularesJoaquim Wilmar
 
Candomblé modo-de-compatibilidade
Candomblé modo-de-compatibilidadeCandomblé modo-de-compatibilidade
Candomblé modo-de-compatibilidadeJoaquim Wilmar
 
Alterações nas guias tiss 3.01.00
Alterações nas guias tiss 3.01.00   Alterações nas guias tiss 3.01.00
Alterações nas guias tiss 3.01.00 Joaquim Wilmar
 
aula comunicacao_interna
aula comunicacao_internaaula comunicacao_interna
aula comunicacao_internaJoaquim Wilmar
 
GARANTIAS FINANCEIRAS ANS
GARANTIAS FINANCEIRAS ANSGARANTIAS FINANCEIRAS ANS
GARANTIAS FINANCEIRAS ANSJoaquim Wilmar
 

Mais de Joaquim Wilmar (20)

908 odu
908 odu908 odu
908 odu
 
Agir adeilson-salles
Agir adeilson-sallesAgir adeilson-salles
Agir adeilson-salles
 
Treinamento c nova-pd
Treinamento c nova-pdTreinamento c nova-pd
Treinamento c nova-pd
 
Treinamento bella oggipd
Treinamento bella oggipdTreinamento bella oggipd
Treinamento bella oggipd
 
mercado de saúde suplementar
mercado de saúde suplementarmercado de saúde suplementar
mercado de saúde suplementar
 
cuidados de longa duração para a população idosa
cuidados de longa duração para a população idosacuidados de longa duração para a população idosa
cuidados de longa duração para a população idosa
 
Treinamento atendimento-clientes 23072014 [modo de compatibilidade]
Treinamento atendimento-clientes 23072014 [modo de compatibilidade]Treinamento atendimento-clientes 23072014 [modo de compatibilidade]
Treinamento atendimento-clientes 23072014 [modo de compatibilidade]
 
Tiss
TissTiss
Tiss
 
Saúde suplementar tendências regulação_desafios_oportunidades_alfredo cardoso
Saúde suplementar tendências regulação_desafios_oportunidades_alfredo cardosoSaúde suplementar tendências regulação_desafios_oportunidades_alfredo cardoso
Saúde suplementar tendências regulação_desafios_oportunidades_alfredo cardoso
 
Politica de atencao_integral_a_saude_da_pessoa_idosa_no_sussp_2010
Politica de atencao_integral_a_saude_da_pessoa_idosa_no_sussp_2010Politica de atencao_integral_a_saude_da_pessoa_idosa_no_sussp_2010
Politica de atencao_integral_a_saude_da_pessoa_idosa_no_sussp_2010
 
Palestradrvanderleymoya1
Palestradrvanderleymoya1Palestradrvanderleymoya1
Palestradrvanderleymoya1
 
Cuidador idoso
Cuidador idosoCuidador idoso
Cuidador idoso
 
Apresentacao telix
Apresentacao telixApresentacao telix
Apresentacao telix
 
2010 drogas anti-vegf intraoculares
2010   drogas anti-vegf intraoculares2010   drogas anti-vegf intraoculares
2010 drogas anti-vegf intraoculares
 
Candomblé modo-de-compatibilidade
Candomblé modo-de-compatibilidadeCandomblé modo-de-compatibilidade
Candomblé modo-de-compatibilidade
 
Alterações nas guias tiss 3.01.00
Alterações nas guias tiss 3.01.00   Alterações nas guias tiss 3.01.00
Alterações nas guias tiss 3.01.00
 
Amb92 ciefas2000
Amb92 ciefas2000Amb92 ciefas2000
Amb92 ciefas2000
 
aula comunicacao_interna
aula comunicacao_internaaula comunicacao_interna
aula comunicacao_interna
 
ROL ANS 2014
ROL ANS 2014ROL ANS 2014
ROL ANS 2014
 
GARANTIAS FINANCEIRAS ANS
GARANTIAS FINANCEIRAS ANSGARANTIAS FINANCEIRAS ANS
GARANTIAS FINANCEIRAS ANS
 

criterios seleccao_cirurgia_bariatrica

  • 1. Critérios de Selecção para Cirurgia Bariátrica Zulmira Jorge Serviço Endocrinologia, Diabetes e Metabolismo Hospital de Santa Maria
  • 2. Terapêutica Cirúrgica da Obesidade Cirurgia Bariátrica Perda peso significativa (60-70% do excesso de peso) Manutenção da perda de peso a longo prazo
  • 3. Terapêutica Cirúrgica da Obesidade Cirurgia Bariátrica Não é uma cura Melhora as comorbilidades Reduz risco morte prematura Aumenta Qualidade de Vida
  • 4. Terapêutica Cirúrgica da Obesidade Avaliação Médica Experiência Cirurgião Bariátrico Avaliação Psicológica Avaliação Nutricional Equipa Multidisciplinar Doente Informado, Motivado, Cumpridor
  • 5. Terapêutica Cirúrgica da Obesidade Selecção Criteriosa dos doentes Bons resultados
  • 6. Terapêutica Cirúrgica da Obesidade Tratamento recomendado para doentes • obesidade grave • com pelo menos 5 anos de doença • com múltiplos tratamentos médicos ineficazes nesses 2-5 anos • idade 18-60 anos, com excepções • compreensão e aceitação pelo doente, dos riscos associados à cirurgia
  • 7. Terapêutica Cirúrgica da Obesidade Objectivo Primário • diminuição do risco de morbimortalidade Objectivo Secundário • diminuição do peso
  • 8. Terapêutica Cirúrgica da Obesidade Indicações IMC > 40 kg/m2 IMC > 35 kg/m2 com doenças associadas
  • 9. Terapêutica Cirúrgica da Obesidade Contra-Indicações • doentes sem condição anestésica cirúrgica • doença Psiquiátrica intratável e/ou não controlada • doenças que reduzam significativamente a esperança de vida (algumas neoplasias, doença coronária sintomática, IR crónica, cirrose hepática, etc) • doenças gastro-esófagicas não tratadas
  • 10. Intervenção no Estilo de Vida Consulta Nutrição/Dietética Exercício Físico Adequado Fernando Botero Fernando Botero
  • 11. Avaliação Médica Pré Cirurgia Bariátrica  História Clínica  Analítica – Geral – Nutricional (ferro, ferritina, transferrina, vit B12, ácido fólico, albumina, cálcio, fósforo, magnésio… zinco, vit B1, vit B6, vit D, vit A) – excluir endocrinopatia (cortisol U, T4 livre e TSH)
  • 12. Avaliação Médica Pré Cirurgia Bariátrica  Cardiológica – ECG – Ecocardiograma M-mode e bidimensional – Prova de Esforço  Pneumológica – Rx torax – Provas Função Respiratória, Gasometria arterial – Estudo do Sono
  • 13. Avaliação Médica Pré Cirurgia Bariátrica  Gastroenterológica – Ecografia abdominal – Endoscopia Digestiva Alta
  • 14. Avaliação Psicológica Entrevista estruturada Anamnese Início da obesidade Relação com acontecimentos de vida Relações interpessoais Motivação para o tratamento Diagnóstico diferencial Perturbação de Ingestão Compulsiva Psicopatologia
  • 15. Avaliação Psicológica Protocolo Mini – Mult (Personalidade) EDI (comportamento alimentar) SCL 90 R (Psicopatologia) Inventário de Depressão Beck Rorschach (Funcionamento intra-psíquico)
  • 16. Avaliação Psicológica Critérios de exclusão  distúrbios alimentares (bulimia nervosa e “binge-eating”)  uso ou abuso de substâncias tóxicas (álcool e/ou drogas)  défices cognitivos  psicopatologia não compensada (como depressão)  perturbações da personalidade (não avaliadas/acompanhadas)  risco de descompensação psicótica
  • 17. Importância das Avaliações Médica – identificar e optimizar terapêutica das comorbilidades que possam afectar os riscos peri-operatórios e os resultados a longo prazo Psicológica – identificar factores que possam influenciar o sucesso terapêutico a longo prazo na manutenção da perda de peso e preparar o doente para as alterações do estilo de vida necessárias antes e depois da cirurgia
  • 18. Consentimento Informado  Refere não existirem garantias da cirurgia, por si, ser um sucesso  Riscos peri-operatórios e tardios da cirurgia bariátrica, incluindo o risco de morte  Confronta o doente com a sua futura imagem corporal e a eventual necessidade de correcção cirúrgica  Compromete o doente ao seguimento regular nas consultas e ao cumprimento rigoroso das recomendações  Nos doentes com doença psiquiátrica compensada, que não contra- indicou a cirurgia, alerta para um seguimento regular por Psiquiatra  Aconselha ás mulheres em idade fértil em não engravidarem até fazer 1 ano de operadas Assinado na presença de familiar
  • 19. Terapêutica Cirúrgica da Obesidade Qual o papel do Balão Intra-Gástrico na Terapêutica da Obesidade? Fernando Botero
  • 20. Balão Intra-Gástrico • Terapêutica temporária para perder peso – 6 meses • Fácilmente reversível • Provoca sensação de plenitude gástrica, diminuindo o consumo alimentar • Permite a reeducação alimentar e mudança comportamental Estimativa perda peso 10-15% Recidiva obesidade aos 18 meses 45%
  • 21. Balão Intra-Gástrico Balão Intra-Gástrico prótese de silicone colocado por endoscopia (30min) sob sedação profunda insuflado com 600 mL soro fisiológico e azul de metileno
  • 22. Balão Intra-Gástrico Indicações -preparação de doentes com IMC > 50 kg/m2 para CB -selecção de doentes “duvidosos” candidatos a CB -redução do risco anestésico para outras cirurgias Contra-Indicações -abuso activo de substâncias -doença Psiquiátrica intratável e/ou não controlada -doenças do esófago e gástricas devem ser tratadas previamente Complicações -vómitos incoersivéis -perfuração/desinsuflação do balão…oclusão intestinal
  • 23. Terapêutica Cirúrgica da Obesidade Considerações a cirurgia da obesidade não é uma cura todos os doentes obesos mórbidos serão Potenciais Candidatos a terapêutica cirúrgica, mas nem todos terão indicação para cirurgia o sucesso da terapêutica cirúrgica da obesidade depende da Selecção Criteriosa dos doentes, da destreza da equipe cirúrgica e do doente os doentes obesos mórbidos deverão ser Criteriosamente Seleccionados pela Equipa Multidisciplinar de Obesidade