Romanos 6

3.729 visualizações

Publicada em

Lição do estudo da Carta de Paulo aos Romanos. Revista Compromisso 2o trimestre de 2010, n.414. Igreja Batista Memorial de BH - www.igmemorial.org

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

Romanos 6

  1. 1. Lição 6: o que aborreço, isso faço<br />Mentiras sobre a luta da vida cristã<br />
  2. 2. Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus, nosso Senhor.<br />Romanos 6.23<br />
  3. 3. Como se Alcançar a Justiça?<br />Capítulo 3:<br />Fim do discurso sobre a justiça de Deus e apresentação da provisão divina<br />Capítulo 4:<br />Um precedente do Velho Testamento<br />Capítulo 5:<br />As bênçãos que acompanham a justificação: paz, alegria e esperança 5.1-11<br />A velha e a nova solidariedade 5.12-21<br />
  4. 4. Porque, como, pela desobediência de um só homem, muitos foram feitos pecadores, assim, pela obediência de um, muitos serão feitos justos. Veio, porém, a lei para que a ofensa abundasse; mas, onde o pecado abundou, superabundou a graça; para que, assim como o pecado reinou na morte, também a graça reinasse pela justiça para a vida eterna, por Jesus Cristo, nosso Senhor. Romanos 5.19-21<br />
  5. 5. O meio para a santidade<br />Capítulo 6:<br />Livres do Pecado<br />Romanos 6.1-23<br />
  6. 6. 1 Que diremos, pois? Permaneceremos no pecado, para que a graça seja mais abundante? 2 De modo nenhum! Nós que estamos mortos para o pecado, como viveremos ainda nele? Romanos 6.1,2<br />
  7. 7. Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas; não vim ab-rogar, mas cumprir. Mateus 5.17<br />
  8. 8. O misticismo grego rendeu frutos exóticos como as doutrinas perversas de Rasputin, mas ainda que exagerada neste personagem, esta conduta não é um fato isolado.<br />O famigerado monge Gregori Rasputin, 1864-1916<br />
  9. 9. E por que não dizemos: Façamos males, para que venham bens? A condenação desses é justa. Romanos 3.8<br />
  10. 10. 1 Geralmente, se ouve que há entre vós fornicação e fornicação tal, qual nem ainda entre os gentios, como é haver quem abuse da mulher de seu pai. 2 Estais inchados e nem ao menos vos entristecestes, por não ter sido dentre vós tirado quem cometeu tal ação. 3 Eu, na verdade, ainda que ausente no corpo, mas presente no espírito, já determinei, como se estivesse presente, que o que tal ato praticou, 4 em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, juntos vós e o meu espírito, pelo poder de nosso Senhor Jesus Cristo, 5 seja entregue a Satanás para destruição da carne, para que o espírito seja salvo no Dia do Senhor Jesus. I Coríntios 5.1-5<br />
  11. 11. Meus filhinhos, por quem de novo sinto as dores de parto, até que Cristo seja formado em vós;Gálatas 4.19<br />
  12. 12. O meio para a santidade<br />Versos 3-14<br />O significado do Batismo<br />A simbologia da nova vida<br />
  13. 13. 3 Ou não sabeis que todos quantos fomos batizados em Jesus Cristo fomos batizados na sua morte? 4 De sorte que fomos sepultados com ele pelo batismo na morte; para que, como Cristo ressuscitou dos mortos pela glória do Pai, assim andemos nós também em novidade de vida. 5 Porque, se fomos plantados juntamente com ele na semelhança da sua morte, também o seremos na da sua ressurreição; Romanos 6.3-5<br />
  14. 14.
  15. 15. Porque todos quantos fostes batizados em Cristo já vos revestistes de Cristo.Gálatas 3.27<br />
  16. 16. Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um Espírito. Gálatas 3.27<br />
  17. 17. Ora, irmãos, não quero que ignoreis que nossos pais estiveram todos debaixo da nuvem; e todos passaram pelo mar, e todos foram batizados em Moisés, na nuvem e no mar, e todos comeram de um mesmo manjar espiritual, e beberam todos de uma mesma bebida espiritual, porque bebiam da pedra espiritual que os seguia; e a pedra era Cristo. I Coríntios 10.1-4<br />
  18. 18. 6 sabendo isto: que o nosso velho homem foi com ele crucificado, para que o corpo do pecado seja desfeito, a fim de que não sirvamos mais ao pecado. 7 Porque aquele que está morto está justificado do pecado. 8 Ora, se já morremos com Cristo, cremos que também com ele viveremos; 9 sabendo que, havendo Cristo ressuscitado dos mortos, já não morre; a morte não mais terá domínio sobre ele. 10 Pois, quanto a ter morrido, de uma vez morreu para o pecado; mas, quanto a viver, vive para Deus. Romanos 6.6-10<br />
  19. 19. 11 Assim também vós considerai-vos como mortos para o pecado, mas vivos para Deus, em Cristo Jesus, nosso Senhor. 12 Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, para lhe obedecerdes em suas concupiscências; 13 nem tampouco apresenteis os vossos membros ao pecado por instrumentos de iniqüidade; mas apresentai-vos a Deus, como vivos dentre mortos, e os vossos membros a Deus, como instrumentos de justiça. 14 Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça. Romanos 6.11-14<br />
  20. 20. 1 E sucedeu que, enquanto Apolo estava em Corinto, Paulo, tendo passado por todas as regiões superiores, chegou a Éfeso e, achando ali alguns discípulos, 2 disse-lhes: Recebestes vós já o Espírito Santo quando crestes? E eles disseram-lhe: Nós nem ainda ouvimos que haja Espírito Santo. 3 Perguntou-lhes, então: Em que sois batizados, então? E eles disseram: No batismo de João. 4 Mas Paulo disse: Certamente João batizou com o batismo do arrependimento, dizendo ao povo que cresse no que após ele havia de vir, isto é, em Jesus Cristo. 5 E os que ouviram foram batizados em nome do Senhor Jesus. Atos 19.1-5<br />
  21. 21. O meio para a santidade<br />Versos 15-23<br />Analogia do mercado de escravos<br />
  22. 22. 15 Pois quê? Pecaremos porque não estamos debaixo da lei, mas debaixo da graça? De modo nenhum! 16 Não sabeis vós que a quem vos apresentardes por servos para lhe obedecer, sois servos daquele a quem obedeceis, ou do pecado para a morte, ou da obediência para a justiça? 17 Mas graças a Deus que, tendo sido servos do pecado, obedecestes de coração à forma de doutrina a que fostes entregues. 18 E, libertados do pecado, fostes feitos servos da justiça. Romanos 6.15-18<br />
  23. 23. E louvo-vos, irmãos, porque em tudo vos lembrais de mim e retendes os preceitos como vo-los entreguei. I Coríntios 11.2<br />
  24. 24. Então, irmãos, estai firmes e retende as tradições que vos foram ensinadas, seja por palavra, seja por epístola nossa. II Tessalonicenses 2.15<br />
  25. 25. Mandamo-vos, porém, irmãos, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que vos aparteis de todo irmão que andar desordenadamente e não segundo a tradição que de nós recebeu. II Tessalonicenses 3.6<br />
  26. 26. 19 Falo como homem, pela fraqueza da vossa carne; pois que, assim como apresentastes os vossos membros para servirem à imundícia e à maldade para a maldade, assim apresentai agora os vossos membros para servirem à justiça para a santificação. 20 Porque, quando éreis servos do pecado, estáveis livres da justiça. 21 E que fruto tínheis, então, das coisas de que agora vos envergonhais? Porque o fim delas é a morte. 22 Mas, agora, libertados do pecado e feitos servos de Deus, tendes o vosso fruto para santificação, e por fim a vida eterna. Romanos 5.19-22<br />
  27. 27. Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus, nosso Senhor. Romanos 6.23<br />
  28. 28. Referências<br /><ul><li>BRUCE, Frederick Fyvie. Romanos, Introdução e Comentários. Série Cultura Bíblica, vol. 06. São Paulo: Mundo Cristão, 1985.
  29. 29. DAVIS, John D. Dicionário da Bíblia. Rio de Janeiro, Junta de Educação Religiosa e Publicações da CBB, 1989.
  30. 30. TheGreekNewTestament. Münster, Institute for NewTestamentResearch, 1975.
  31. 31. TheWestminsterHistorical Atlas oftheBible. Vários autores. Philadelphia, TheWestminsterPress, 1945.
  32. 32. Wikipédia - Enciclopédia Livre. www.wikipedia.org</li>

×