Aula01 Gerenciamento De Riscos Pmbok 4 Edicao Escm

12.220 visualizações

Publicada em

business,management,project,negócios,gerenciamento,gestão,projetos,risk,riscos

  • Seja o primeiro a comentar

Aula01 Gerenciamento De Riscos Pmbok 4 Edicao Escm

  1. 1. Paulo Espínola Escola Superior Candido Mendes 19 11 1960 Pós-Graduação Gestão de Projetos Disciplina Gerenciamento de Riscos SAP Aula 1 Professor: Wallace Prado, PMP, ITIL Gerenciamento de Riscos TV2.0 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  2. 2. Paulo Espínola Apresentação do Professor 19 11 1960 Wallace Prado Gerente de Projetos de Desenvolvimento de Software Mestrando em Economia Empresarial em Gerenciamento de Projetos – UCAM MBA em TI aplicada a Gestão de Negócios – UERJ SAP Certificado PMP e ITIL Foundation Contato wallace.prado.escm@gmail.com 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 2 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  3. 3. Paulo Espínola Apresentação da Disciplina 19 11 1960 Objetivo Programa Estratégia de Aulas Modelo de Avaliação Bibliografia SAP 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 3 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  4. 4. Paulo Espínola Objetivo da Disciplina 19 11 1960 Capacitar os Profissionais de Gerenciamento de Projetos e áreas afins nas Boas Práticas de Gerenciamento de Riscos apresentadas no PMBOK 4ª Edição Ao final desta disciplina o profissional deve estar apto a: Planejar como os Riscos serão gerenciados SAP Identificar Riscos e elaborar estratégias para o seu tratamento Monitorar e Controlar Riscos 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 4 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  5. 5. Paulo Espínola Programa 19 11 1960 Introdução: conceitos gerais Planejar o gerenciamento dos riscos Identificar os riscos Realizar a análise qualitativa dos riscos Realizar a análise quantitativa dos riscos Planejar as respostas aos riscos SAP Monitorar e controlar os riscos 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 5 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  6. 6. Paulo Espínola Estratégia de Aulas 19 11 1960 Aula 1 Apresentação do Professor Apresentação da Disciplina Introdução ao Gerenciamento de Riscos Aula 2 Plano de Gerenciamento de Riscos - Exemplo SAP Planejar o gerenciamento de riscos Aula 3 Identificar os riscos 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 6 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  7. 7. Paulo Espínola Estratégia de Aulas 19 11 1960 Aula 4 Realizar a análise qualitativa dos riscos Realizar a análise quantitativa dos riscos Aula 5 Planejar as respostas aos riscos Aula 6 SAP Monitorar e controlar os riscos Todas as aulas terão uma lista de exercícios ao final. 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 7 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  8. 8. Paulo Espínola Modelo de Avaliação 19 11 1960 Trabalho em Grupo (máximo de 5 integrantes) Objetivo Elaborar um Plano de Gerenciamento de Riscos e a Lista de Riscos de um Projeto. Definições Para facilitar o entendimento do Projeto deverá ser enviado ao Professor, também um Termo de SAP Abertura do Projeto, descrevendo o cenário do mesmo 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 8 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  9. 9. Paulo Espínola Modelo de Avaliação 19 11 1960 Entrega Principais Produtos Termo de Abertura (não será avaliado e servirá apenas para contextualizar o Projeto) Plano de Gerenciamento de Riscos Lista de Riscos e Plano de Respostas Prazo SAP Deverá ser entregue em até 30 dias após o término das aulas da disciplina Enviar para: wallace.prado.escm@gmail.com 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 9 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  10. 10. Paulo Espínola Bibliografia 19 11 1960 PMBOK 4ª. Edição Pratice Standard for Project Risk Management 1ª. Edição SAP 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 10 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  11. 11. Paulo Espínola Definição 19 11 1960 Qual a definição de “Risco”? O risco é um evento ou uma condição incerta que, se ocorrer, tem um efeito em pelo menos um objetivo do projeto. (PMBOK) Combinação entre a probabilidade de ocorrência de um determinado evento, aleatório, SAP futuro e que independa da vontade humana, e o impacto resultante caso ele ocorra. (Wikipédia) 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 11 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  12. 12. Paulo Espínola Uma outra conotação 19 11 1960 A palavra “risco” deriva do italiano antigo “risicare”, que significa “ousar” Seria o “risco” uma opção ou um destino? SAP 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 12 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  13. 13. Paulo Espínola Exemplos 19 11 1960 Uma licença ambiental requerida para a implantação de uma fábrica, pode não ser obtida no prazo adequado Uma redução na taxa de cambio proporcionou a compra de um equipamento a custo menor que o previsto SAP Quais são as causas dos riscos? Quais os impactos? 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 13 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  14. 14. Paulo Espínola Gerenciamento de Riscos 19 11 1960 Os objetivos do gerenciamento dos riscos são: Aumentar a probabilidade e o impacto dos eventos positivos Reduzir a probabilidade e o impacto dos eventos negativos no projeto O Gerenciamento de Riscos ajuda a identificar e priorizar os riscos de forma preventiva e SAP fornecer informações orientadas a ações para o Gerente de Projetos e demais envolvidos 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 14 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  15. 15. Paulo Espínola Fatores Ambientais e Tolerância a Riscos 19 11 1960 As organizações e partes interessadas possuem tolerância ao risco. Os riscos de um projeto podem ser aceitos se dentro de determinados limites e a recompensa for compensadora Exemplos Um cronograma com paralelismo é um risco assumido para se obter como recompensa uma data de término antecipada. SAP Um investidor assume certos riscos para obter um maior lucro com um novo projeto Qual o Perfil da sua empresa? E seu Cliente? 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 15 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  16. 16. Paulo Espínola Paradoxo 19 11 1960 SAP O início do projeto é marcado pelas incertezas, no entanto isto não deve inviabilizar o projeto. A partir de uma boa gestão de riscos é possível mapear os riscos e dar segurança ao projeto 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 16 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  17. 17. Paulo Espínola Processo Iterativo 19 11 1960 Projetos mudam ao longo do tempo, inclusive os aspectos sobre riscos. Mais informações, riscos evitados e/ou ocorridos O Gerenciamento de Riscos eficaz exige: Que a identificação de riscos e analise sejam realizados revisitados periodicamente As respostas aos riscos sejam monitoradas SAP quanto a sua eficácia e os planos atualizados Em alguns casos eventos externos podem mudar o contexto tão significativamente que o Plano de Gerenciamento de Riscos deve ser modificado 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 17 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  18. 18. Paulo Espínola Fatores Críticos de Sucesso 19 11 1960 Comunicação Compromisso aberta e honesta Organizacional Custo/Benefício Compromisso e do Responsabilidade Gerenciamento Individual de Riscos SAP Gerenciamento Reconhecer o de Riscos Integrado a valor do Gestão do Gerenciamento Projeto de Riscos 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 18 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  19. 19. Paulo Espínola Visão Geral dos Processos 19 11 1960 Gerenciamento de Riscos 11.1 Planejar o gerenciamento dos riscos 11.2 Identificar os riscos 11.3 Realizar a análise qualitativa dos riscos 11.4 Realizar a análise quantitativa dos riscos SAP 11.5 Planejar as respostas aos riscos 11.6 Monitorar e controlar os riscos Planejamento Monitoramento e Controle 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 19 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  20. 20. Paulo Espínola Resumo dos Processos 19 11 1960 11.1 Planejar o gerenciamento dos riscos Define o escopo e objetivos do Gerenciamento de Riscos, e garante sua integração aos demais Planos 11.2 Identificar os riscos Identifica tantos riscos quanto possíveis SAP 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 20 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  21. 21. Paulo Espínola Resumo dos Processos 19 11 1960 11.3 Realizar a análise qualitativa dos riscos Classifica os riscos de acordo com características chaves para que possam ser priorizados 11.4 Realizar a análise quantitativa dos riscos Analisa os riscos priorizados e seu impacto (de forma mensurável) nos objetivos do projeto SAP 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 21 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  22. 22. Paulo Espínola Resumo dos Processos 19 11 1960 11.5 Planejar as respostas aos riscos Define as estratégias e ações de resposta aos riscos 11.6 Monitorar e controlar os riscos Implementa os planos de respostas aos riscos, acompanhamento dos riscos identificados, monitoramento dos riscos residuais, identificação SAP de novos riscos e avaliação da eficácia dos processos de tratamento dos riscos durante todo o projeto. 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 22 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  23. 23. Paulo Espínola Fluxo entre os Processos 19 11 1960 SAP 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 23 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  24. 24. Paulo Dúvidas? Espínola 19 11 1960 SAP Gerenciamento de Riscos ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL
  25. 25. Paulo Espínola Exercícios Complementares 19 11 1960 Qual a função do Gerenciamento de Riscos? Quem é o responsável pelos Riscos? Qual o Processo é responsável pelo planejamento da estratégia e ações a serem adotadas em cada risco? Relacione 5 riscos para o seu projeto de compra de um carro usado e defina qual sua estratégia SAP e ação para cada um. 17/3/2010 Gerenciamento de Riscos 25 ESCM Gestão de Projetos Professor Wallace Prado, PMP, ITIL

×