O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Grupo 3 - Marketing Mix

10.431 visualizações

Publicada em

Estudo apresentado ao Curso de Ciências Contábeis da Faculdade de Administração e Finanças da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, como requisito parcial para aprovação na Disciplina Fundamentos de Marketing.

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

Grupo 3 - Marketing Mix

  1. 1. Marketing Mix
  2. 2. Marketing • “É o desempenho de atividades empresariais que dirigem o fluxo de produtos e serviços do produtor para o consumidor ou usuário afim de satisfazer as necessidades do consumidor e atingir os objetivos da companhia.” Jerome McCarthy (1976) • “São as atividades sistemáticas de uma organização humana voltadas à busca e realização de trocas para com seu meio ambiente, visando benefícios específicos.” Raimar Richers (1994) • “É uma forma de planejamento descentralizado, que tem seu apoio, e sua legitimidade, no atendimento das necessidades humanas. É essencialmente uma atitude empresarial e um posicionamento estratégico, a partir do qual são desenvolvidas as atividades econômicas.” Manoel Maria de Vasconcellos (2006)
  3. 3. Marketing Mix (Neil Borden) • De onde surgiu o termo? • O conceito se baseia nos estudos de Neil Borden (Presidente da Associação Americana de Marketing) que usou este termo, pela primeira vez em 1953. Borden afirma em sua obra que o termo lhe veio à cabeça ao ler os estudos de outro autor de sua época (James Culliton), que chamava os executivos de liquidificadores (mixers), já que a sua função era a de materializarem receitas, seja misturando os ingredientes, mudando suas quantidades ou inventando novos elementos. • Segue, abaixo, o fragmento do artigo de James Culliton, que serviu de inspiração para Neil Borden: • An executive is "a mixer of ingredients, who sometimes follows a recipe as he goes along, sometimes adapts a recipe to the ingredients immediately available, and sometimes experiments with or invents ingredients no one else has tried." (Culliton, J. 1948)
  4. 4. Marketing Mix (Manoel Maria de Vasconcellos) • Uma visão sistêmica do marketing é que uma empresa, de posse de seus recursos e com o conhecimento do ambiente que vai atuar, precisa verificar quais são seus instrumentos de atuação; • Esse conjunto de instrumentos é conhecido como marketing mix ou composto mercadológico. O Marketing Mix é formado por um conjunto de instrumentos controláveis que influenciam a maneira com que os consumidores respondem ao mercado. O Marketing Mix é formado por um conjunto de instrumentos controláveis que influenciam a maneira com que os consumidores respondem ao mercado.
  5. 5. Marketing Mix – “4 Ps” (Jerome McCarthy) • Jerome McCarthy foi professor norte-americano de marketing da Universidade Estadual de Michigan. • McCarthy, em seu livro Basic Marketing (1960), aprimorou a Teoria de Borden e definiu os 4 grandes grupos de atividades que representariam os ingredientes do composto e os separou em: • 1. Produto (Product); • 2. Preço (Price); • 3. Praça (Place); e • 4. Promoção (Promotion).
  6. 6. Marketing Mix – “4 Ps” (Jerome McCarthy) • É uma união entre todas as ferramentas na busca das tendências do mercado.
  7. 7. Marketing Mix – “4 Ps” (Jerome McCarthy) • Produto: é qualquer coisa que possa ser oferecida e que satisfaça necessidades e desejos de um mercado.  Variedade  Qualidade  Características  Marca  Design  Embalagem  Tamanho  Serviços  Garantias  Devoluções
  8. 8. Marketing Mix – “4 Ps” (Jerome McCarthy) • Preço: é o volume de dinheiro cobrado por um produto.  Preço Básico  Descontos  Condições de pagamento  Número de prestações  Crediário  Financiamentos
  9. 9. Marketing Mix – “4 Ps” (Jerome McCarthy) • Praça: pode ser descrito como sendo uma rede organizada de órgãos e instituições que, em combinação, executam todas as funções necessárias para ligar os fabricantes aos usuários finais.  Logística  Lojas  Canais de distribuição  Estoque  Transporte  Armazenagem
  10. 10. Marketing Mix – “4 Ps” (Jerome McCarthy) • Promoção: é a divulgação do produto em si.  Propaganda  Promoção de vendas  Relações públicas  Publicidade  Venda pessoal  Marketing direto
  11. 11. Marketing Mix – “4 As” (Raimar Richers) • Raimar Richers nasceu em Zurique (Suíça) em 1976. Ele veio para o Brasil ainda criança. Entre 1944 e 1945 estudou no Instituto Mackenzie e, depois, voltou à Suíça, onde frequentou a Faculdade Jurídica da Universidade de Berna. • Em 1986 escreveu o livro O que é marketing onde expôs a idéia de que as responsabilidades administrativas de uma equipe de marketing giram em torno de quatro funções básicas denominadas “4 As”. Em resumo e pela ordem lógica de sua aplicação, estas funções são:  Análise  Adaptação  Ativação  Avaliação
  12. 12. Marketing Mix – “4 As” (Raimar Richers) • É a união entre todas as ferramentas na busca pelos objetivos da empresa. Richers, descreve, além do composto mercadológico, a interação da empresa com o meio ambiente e avalia os resultados operacionais da adoção do conceito de marketing em função dos objetivos da empresa.
  13. 13. Marketing Mix – “4 As” (Raimar Richers) • Análise: • Pesquisas de mercado • Sistema de informação em marketing Visa identificar as forças vigentes no mercado e suas interações com a empresa. Visa identificar as forças vigentes no mercado e suas interações com a empresa.
  14. 14. Marketing Mix – “4 As” (Raimar Richers) • Adaptação:  Design  Embalagem  Marca  Preço  Assistência ao cliente. É o processo de adequação das linhas de produtos ou serviços da empresa ao meio ambiente identificado através da análise. É o processo de adequação das linhas de produtos ou serviços da empresa ao meio ambiente identificado através da análise.
  15. 15. Marketing Mix – “4 As” (Raimar Richers) • Ativação:  Produto/Preço (apresentação do produto no mercado, com um preço competitivo)  Distribuição (seleção dos canais)  Logística (entrega e armazenagem dos produtos)  Venda pessoal (esforço para realizar a transferência de posse do bem ou serviço)  Comunicação (publicidade, promoção de vendas, etc) É o momento em que o produto é colocado em contato físico com o consumidor. O objetivo desta etapa é que as duas primeiras se transformem em vendas. Esta etapa engloba os 4Ps de McCarthy. É o momento em que o produto é colocado em contato físico com o consumidor. O objetivo desta etapa é que as duas primeiras se transformem em vendas. Esta etapa engloba os 4Ps de McCarthy.
  16. 16. Marketing Mix – “4 As” (Raimar Richers) • Avaliação  Auditoria de Marketing  Pesquisas de Satisfação de Clientes É o controle dos resultados do esforço de marketing, isoladamente e em conjunto. É o controle dos resultados do esforço de marketing, isoladamente e em conjunto.
  17. 17. Marketing Mix – “4 Cs” (Robert Lauterborn) • Segundo Lauterborn (1990, Advertising Age. 61 (41), 26), a era industrial está agonizando e já estamos no meio de uma nova era: a da Informação, dos Serviços e do Cliente. A teoria dos “4 Ps” não tem a mesma utilidade que tinha nos meados do século passado. Baseado nisso, o autor desenvolveu uma nova visão para o Marketing Mix:  Clientes (em vez de Produto)  Conveniência ( em vez de Praça)  Comunicação (em vez de Promoção)  Custos dos clientes (em vez de Preço)
  18. 18. Marketing Mix – “4 Cs” (Robert Lauterborn) • Lauterborn considera que as empresas devem se concentrar no Cliente, entender o que é importante para ele e apresentar o Produto em relação aos seus desejos ou necessidades e especialmente pelo custo que está disposto a pagar.
  19. 19. Marketing Mix – “4 Cs” (Robert Lauterborn) • O Marketing Mix dos Tempos Modernos:  Solução para o consumidor: benefício do produto na visão do comprador  Custo para o consumidor: preço do produto acrescido das despesas de transporte  Conveniência: O consumidor não vai mais ao ponto de venda, é o ponto de venda que vai até ele, onde ele estiver  Comunicação: um diálogo, ou seja, comunicação em duas vias, e não simplesmente promoção
  20. 20. Marketing Mix • Conclusão:  O uso da letra A, da letra C, ou de qualquer outra letra para se explicar a essência do marketing, nada mais são do que outras formas de abordagem, nem melhores e nem piores que o antigo Marketing Mix de McCarthy.  Neste contexto, o marketing e a definição correta do marketing mix têm uma importância fundamental para o sucesso da empresa em um ambiente competitivo. Cada década, exige que a administração da empresa pense criticamente em seus objetivos, estratégias e táticas. Rápidas mudanças podem facilmente tornar obsoletos os princípios vencedores de ontem na conduta dos negócios.  Por isso, a análise constante e infinita do mercado, a atualização dos segmentos mais atrativos, a avaliação das forças e fraquezas da empresa e dos concorrentes e, conseqüentemente, a definição de planos de marketing anuais com planos de ação totalmente direcionados para atender às necessidades dos clientes é de vital importância para a manutenção saudável da empresa nos seus mercados de atuação.
  21. 21. Marketing Mix • Conclusão:  “As empresas vencedoras são aquelas que podem atender as necessidades do consumidor, economicamente, convenientemente e com comunicação efetiva.” (G.GILLES GERTEINY)
  22. 22. Marketing Mix • Integrantes do Grupo 3:  Dariana Rocha de Almeida  Johnny Mike de Lima Charles  Willian Vargas Tebaldi Gomes

×