SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 48
Baixar para ler offline
ASPECTOS DEMOGRÁFICOS
A população mundial é o número total de
humanos vivos no planeta Terra a um dado
momento.
As teorias demográficas

A Teoria Malthusiana
A Teoria Neomalthusiana
A Teoria Reformista
5
A Teoria Malthusiana
Na história do pensamento
econômico,
poucos
economistas chegaram a
suscitar tantas controvérsias
como o inglês Thomas
Robert Malthus.
6
A Teoria Malthusiana
Em 1798, Malthus publicou uma teoria
demográfica que apresenta basicamente
dois postulados:

7
Primeiro

Postulado

A população, tenderia a duplicar a cada 25
anos; cresceria, portanto, em progressão
geométrica. Isso se se não ocorressem
guerras, epidemias, desastres naturais, etc.
8
Segundo

Postulado

O crescimento da produção de alimentos
ocorreria apenas em progressão aritmética e
possuiria um limite de produção, por
depender de um fator fixo: o próprio limite
territorial dos continentes.

9
POPULAÇÃO
PONTOS DE CRISES
RECURSOS
TEORIA DE MALTHUS

10
Malthus concluiu que o ritmo de crescimento
populacional seria mais acelerado que o
ritmo de crescimento da produção alimentar
(PG x PA).

11
Previa ainda, que um dia estaria
esgotado as possibilidades de
aumento da área cultivada, pois todos
os continentes estariam plenamente
ocupados pela agropecuária e a
população do planeta continuaria
crescendo.

12
Para evitar esse flagelo, Malthus,
contrário
aos
métodos
anticoncepcionais, propunha a
sujeição moral, ou seja, que as
pessoas só tivessem filhos se
possuíssem terras cultiváveis para
poder alimentá-los.

13
A Teoria Neomalthusiana
O neomalthusianismo defende que o aumento
populacional é a grande causa da pobreza:
quanto maior o número de habitantes menor a
renda per capita.

14
A Teoria Neomalthusiana
A explosão demográfica e
o
acirramento
das
desigualdades sociais levou
seus adeptos a proporem
políticas de controle de
natalidade.

15
A Teoria Neomalthusiana
De acordo com os neomalthusianos, uma
população jovem numerosa necessita de
grandes investimentos sociais em
educação e saúde.

16
A Teoria Neomalthusiana
Diminuindo, assim, os investimentos
produtivos nos setores agrícola e industrial,
o que impede o pleno desenvolvimento das
atividades econômicas.

17
A Teoria Neomalthusiana
Embora com postulados
diferentes daqueles
utilizados por Malthus,
chega à mesma conclusão:
“o crescimento
populacional é o
responsável pela
ocorrência da miséria”.
18
A Teoria Neomalthusiana
É uma maneira de encarar os
problemas
sócio-econômicos
negligenciando
os
baixos
salários e as péssimas condições
de vida que vigoram nos países
subdesenvolvidos.

19
Por que a renda per capita não é
um bom indicador sócioeconômico?

20
A Teoria Reformista
Em
resposta
aos
neomalthusianos,
foi
elaborada
a
teoria
reformista, que inverte a
conclusão das duas
teorias
demográficas
anteriores.
21
A Teoria Reformista
Os reformistas argumentam que a
pobreza
que
assola
os
países
subdesenvolvidos é responsável pelo
crescimento populacional e, não o
contrário.

22
A Teoria Reformista
O controle populacional está diretamente
vinculado às condições de vida e,
principalmente, ao acesso a educação e à
saúde.

23
Conceitos e Fatores do Crescimento
Populacional

24
Populoso – refere-se a população absoluta
de determinado território ao número de
habitantes no total.

25
Povoado – é medido por meio da densidade
demográfica que é a relação do número
de habitantes por km2

26
População Absoluta: Número total de
habitantes de uma determinada área.
População Relativa: É a relação
população/espaço ou densidade
demográfica (hab/km2) em outras
palavras é o número de habitantes
dividido pela área total.
• POPULOSO: um país é considerado
populoso quando o número da
população absoluta é alto;
• POVOADO: um país é considerado
povoado quando o número da população
por km quadrado é alto.
Nesse caso, podemos
afirmar que o Brasil é um
país POPULOSO (5º mais
populoso do mundo),
porém, sua densidade
demográfica é de:
DENSIDADE DEMOGRAFICA NO BRASIL

população: 190.000.000
____________________ =
área: 8.000.000 km²

Amazonas - 3.232.330/1.570.746 = 2,05 hab/km²
Roraima – 391.317/224.299 = 1,74 hab/km²
Sergipe – 1.967.791/21.910 = 89,81 hab/km²
São Paulo – 40.442.795/248.209 = 162,93 hab/km²
Rio de janeiro – 15.383.407/43.696 = 352,05 hab/km²

23 hab/km²
Portanto, o Brasil NÃO é um
país povoado.
Crescimento populacional
A população de um país cresce por
meio de dois processos:

MIGRAÇÕES:
O número de pessoas que
saem e de pessoas que
entram;
31
O número de nascimentos e mortes.

32
Indicadores
O crescimento vegetativo
Positivo: número de nascimentos
mortes.

> que o de

33
O crescimento vegetativo
Negativo: número de nascimentos
o de mortes.

< que

34
O crescimento vegetativo
Nulo: número de nascimentos
mortes.

= que o de

35
Fecundidade
Número efetivo de
filhos em relação às
mulheres em idade
reprodutiva
(15-49
anos) de acordo com o
IBGE.
36
•

•

Taxa de fecundidade corresponde às estimativas em relação ao número de filhos 
que uma mulher pode ter ao longo do período de fertilidade, entre as idades de 15 
e 49 anos. Esse processo é interessante para saber a quantidade de filhos ou média 
do mesmo para cada mulher. 
- Crescimento populacional representa o crescimento vegetativo que é calculado a 
partir da subtração entre o número de nascidos em um ano pelo número de
óbitos no mesmo período. 
Desse modo, se uma cidade possui 1.000 habitantes e em um ano houver 30 
nascimentos e 13 falecimentos, o cálculo é feito da seguinte forma: 
Crescimento vegetativo = 30 nascidos -  13 mortos = 17
                                    
Crescimento vegetativo= 17 
A partir desse resultado fica claro que houve crescimento, pois esse foi positivo. 
O crescimento populacional não se baseia somente no número de nascimentos e 
de falecimentos, é preciso levar em consideração a taxa de migração, pois há um 
grande fluxo migratório (pessoas saem do país enquanto outras entram), essa 
variação corresponde à taxa citada a cima, ou seja, a diferença entre imigrantes e 
emigrantes.
Natalidade
Taxa de natalidade:  corresponde  a  relação 
entre  o  número  de  nascimentos  ocorridos 
em  um  ano  e  a  população  absoluta,  o 
resultado em geral é expresso por mil.
N.º de nascimentos X 1000
População absoluta

38
As taxas de nascimento também sofreram 
um declínio nos países pobres, apenas nas 
últimas  décadas.  Nos  países  ricos,  o 
declínio da natalidade já atingiu seu limite, 
sendo menor que a de mortalidade.

39
Fatores que influenciaram o
decréscimo da taxa de natalidade
Industrialização;
Inserção da mulher no mercado de 
trabalho;
Urbanização;
Métodos Anticonceptivos.
40
A necessidade de trabalhar faz com que a 
mulher  não  tenha  a  mesma 
disponibilidade 
para 
as 
tarefas 
domésticas e para cuidar de seus filhos. 

41
Métodos Anticonceptivos
A inserção no mercado de
trabalho faz com que as
mulheres procurem adiar a
maternidade.
E desenvolvimento de métodos
anticonceptivos faz com que isso
seja uma realidade.

42
Urbanização
A urbanização das
cidades propiciou a
seus habitantes um
novo modo de vida,
muito diferente do
vivido no campo.

43
Fatores da redução da mortalidade 
Revolução Industrial;
Melhorias sanitárias;
Queda da mortalidade infantil;
Urbanização

44
Expectativa de vida
É  o  número  de  anos  que  um  recémnascido  poderá  esperar  viver,  levando-se 
em  conta  as  condições  sociais  e  médicohigiênicas do país. 

45
Pirâmide Jovem: base larga, devido à elevada natalidade e topo estreito em 
consequência de uma elevada mortalidade e esperança média de vida reduzida. As 
pirâmides deste tipo representam populações muito jovens típicas dos países menos 
desenvolvidos.
Pirâmide envelhecida: base mais estreita do que a classes dos adultos. 
Reflecte uma diminuição da natalidade e um aumento da esperança 
média de vida. É características dos países desenvolvidos.
Pirâmide adulta: a base é ainda larga mas existe um aumento da 
classe dos adultos e dos idosos. A taxa de Natalidade está a diminuir e 
a esperança média de vida a aumentar.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvidoAulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvidodanimontoro
 
Imagens de paises desenvolvidos e sub desenvolvidos
Imagens de paises desenvolvidos e sub desenvolvidosImagens de paises desenvolvidos e sub desenvolvidos
Imagens de paises desenvolvidos e sub desenvolvidosWalquiria Dutra
 
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentesPaíses Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentesCintia Cristina Souza Pereira
 
Subdesenvolvimento
SubdesenvolvimentoSubdesenvolvimento
Subdesenvolvimentoguest0a3ccc8
 
Demografia
DemografiaDemografia
Demografiardbtava
 
Modulo 01 - Principais caracteristicas do subdesenvolvimento
Modulo 01 - Principais caracteristicas do subdesenvolvimentoModulo 01 - Principais caracteristicas do subdesenvolvimento
Modulo 01 - Principais caracteristicas do subdesenvolvimentoClaudio Henrique Ramos Sales
 
Demografia 2012
Demografia 2012Demografia 2012
Demografia 2012aroudus
 
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)ivinhapi
 
Fases do crescimento populacional
Fases do crescimento populacionalFases do crescimento populacional
Fases do crescimento populacionalRogério Bartilotti
 
O subdesenvolvimento
O subdesenvolvimentoO subdesenvolvimento
O subdesenvolvimentoVirgilio Nt
 
Conceitos demográficos
Conceitos demográficosConceitos demográficos
Conceitos demográficosProfessor
 
Demografia 2 PROF BRUNO JOAQUIM
Demografia 2 PROF BRUNO JOAQUIM Demografia 2 PROF BRUNO JOAQUIM
Demografia 2 PROF BRUNO JOAQUIM raahsalemi
 
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimentoDesenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimentoAbner de Paula
 
Conceitos demográficos
Conceitos demográficosConceitos demográficos
Conceitos demográficosProfessor
 
Contrastes de desenvolvimento: PD e PVD
Contrastes de desenvolvimento: PD e PVDContrastes de desenvolvimento: PD e PVD
Contrastes de desenvolvimento: PD e PVDIdalina Leite
 

Mais procurados (20)

Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvidoAulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
 
População2ª i
População2ª iPopulação2ª i
População2ª i
 
Imagens de paises desenvolvidos e sub desenvolvidos
Imagens de paises desenvolvidos e sub desenvolvidosImagens de paises desenvolvidos e sub desenvolvidos
Imagens de paises desenvolvidos e sub desenvolvidos
 
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentesPaíses Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
Países Desenvolvidos, subdesenvolvidos e emergentes
 
Subdesenvolvimento
SubdesenvolvimentoSubdesenvolvimento
Subdesenvolvimento
 
Demografia
DemografiaDemografia
Demografia
 
Modulo 01 - Principais caracteristicas do subdesenvolvimento
Modulo 01 - Principais caracteristicas do subdesenvolvimentoModulo 01 - Principais caracteristicas do subdesenvolvimento
Modulo 01 - Principais caracteristicas do subdesenvolvimento
 
Demografia 2012
Demografia 2012Demografia 2012
Demografia 2012
 
Divisão norte sul
Divisão norte sulDivisão norte sul
Divisão norte sul
 
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)
Aula1populaolog 140306142905-phpapp01 (2)
 
Fases do crescimento populacional
Fases do crescimento populacionalFases do crescimento populacional
Fases do crescimento populacional
 
Geografia modulo iii
Geografia modulo iiiGeografia modulo iii
Geografia modulo iii
 
O subdesenvolvimento
O subdesenvolvimentoO subdesenvolvimento
O subdesenvolvimento
 
O mundo subdesenvolvido
O mundo subdesenvolvidoO mundo subdesenvolvido
O mundo subdesenvolvido
 
Conceitos demográficos
Conceitos demográficosConceitos demográficos
Conceitos demográficos
 
Demografia 2 PROF BRUNO JOAQUIM
Demografia 2 PROF BRUNO JOAQUIM Demografia 2 PROF BRUNO JOAQUIM
Demografia 2 PROF BRUNO JOAQUIM
 
Teorias populacionais
Teorias populacionaisTeorias populacionais
Teorias populacionais
 
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimentoDesenvolvimento e subdesenvolvimento
Desenvolvimento e subdesenvolvimento
 
Conceitos demográficos
Conceitos demográficosConceitos demográficos
Conceitos demográficos
 
Contrastes de desenvolvimento: PD e PVD
Contrastes de desenvolvimento: PD e PVDContrastes de desenvolvimento: PD e PVD
Contrastes de desenvolvimento: PD e PVD
 

Destaque

Aula 1 população
Aula 1 populaçãoAula 1 população
Aula 1 populaçãosukilina
 
População Brasileira
População BrasileiraPopulação Brasileira
População Brasileiraquintoanond
 
Demografia
DemografiaDemografia
Demografiaaroudus
 
Aspectos DemográFicos Envelhecimento
Aspectos DemográFicos EnvelhecimentoAspectos DemográFicos Envelhecimento
Aspectos DemográFicos Envelhecimentotonetto2010
 
População brasileira e mundial Professor Edu Gonzaga 2015
População brasileira e mundial Professor Edu Gonzaga 2015População brasileira e mundial Professor Edu Gonzaga 2015
População brasileira e mundial Professor Edu Gonzaga 2015Edu Gonzaga
 
Geologia geomorfologia e mineraçao no brasil
Geologia geomorfologia e mineraçao no brasilGeologia geomorfologia e mineraçao no brasil
Geologia geomorfologia e mineraçao no brasilProf.Paulo/geografia
 
TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)
TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)
TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)Guilherme Lemos
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileiraamaroviana
 
Slides população (1)
Slides população (1)Slides população (1)
Slides população (1)terceirob
 
Apresentação paisagem natural x humanizada
Apresentação paisagem natural x humanizadaApresentação paisagem natural x humanizada
Apresentação paisagem natural x humanizadaRoberta Piozzi
 

Destaque (11)

Aula 1 população
Aula 1 populaçãoAula 1 população
Aula 1 população
 
População Brasileira
População BrasileiraPopulação Brasileira
População Brasileira
 
Demografia
DemografiaDemografia
Demografia
 
Aspectos DemográFicos Envelhecimento
Aspectos DemográFicos EnvelhecimentoAspectos DemográFicos Envelhecimento
Aspectos DemográFicos Envelhecimento
 
População brasileira e mundial Professor Edu Gonzaga 2015
População brasileira e mundial Professor Edu Gonzaga 2015População brasileira e mundial Professor Edu Gonzaga 2015
População brasileira e mundial Professor Edu Gonzaga 2015
 
Geologia geomorfologia e mineraçao no brasil
Geologia geomorfologia e mineraçao no brasilGeologia geomorfologia e mineraçao no brasil
Geologia geomorfologia e mineraçao no brasil
 
TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)
TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)
TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileira
 
Slides população (1)
Slides população (1)Slides população (1)
Slides população (1)
 
Apresentação paisagem natural x humanizada
Apresentação paisagem natural x humanizadaApresentação paisagem natural x humanizada
Apresentação paisagem natural x humanizada
 
Populaçao brasileira
Populaçao brasileiraPopulaçao brasileira
Populaçao brasileira
 

Semelhante a População,teorias demográficas e crescimento populacional

Aula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem figAula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem figSILVIO Candido da Mata
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003SILVIO Candido da Mata
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003SILVIO Candido da Mata
 
Aula 1 frente 2 população parte 1
Aula 1 frente 2   população parte 1Aula 1 frente 2   população parte 1
Aula 1 frente 2 população parte 1CADUCOC2
 
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_az
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_azAula 5 População_Parte_1_cursinho_az
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_azCADUCOC1
 
Geografia henrique37 geo b aula 2
Geografia henrique37 geo b aula 2Geografia henrique37 geo b aula 2
Geografia henrique37 geo b aula 2Bruno-machado Bruno
 
5 dinamica da-populacao_mundial
5 dinamica da-populacao_mundial5 dinamica da-populacao_mundial
5 dinamica da-populacao_mundialLucas Cechinel
 
Teorias demográficas resumão - 2° ano - em
Teorias demográficas   resumão - 2° ano - emTeorias demográficas   resumão - 2° ano - em
Teorias demográficas resumão - 2° ano - emPaes Viana
 
Espaço, sociedade e economia
Espaço, sociedade e economiaEspaço, sociedade e economia
Espaço, sociedade e economiaWander Junior
 
Teorias do crescimento demográfico
Teorias do crescimento demográficoTeorias do crescimento demográfico
Teorias do crescimento demográficoPedro Neves
 
TEORIAS POPULACIONAIS.pdf
TEORIAS POPULACIONAIS.pdfTEORIAS POPULACIONAIS.pdf
TEORIAS POPULACIONAIS.pdfHenrique Pontes
 

Semelhante a População,teorias demográficas e crescimento populacional (20)

Aula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem figAula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
 
2º Md Grupo 08
2º Md   Grupo 082º Md   Grupo 08
2º Md Grupo 08
 
Demografia geral
Demografia geralDemografia geral
Demografia geral
 
Aula 1 frente 2 população parte 1
Aula 1 frente 2   população parte 1Aula 1 frente 2   população parte 1
Aula 1 frente 2 população parte 1
 
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_az
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_azAula 5 População_Parte_1_cursinho_az
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_az
 
Geografia henrique37 geo b aula 2
Geografia henrique37 geo b aula 2Geografia henrique37 geo b aula 2
Geografia henrique37 geo b aula 2
 
5 dinamica da-populacao_mundial
5 dinamica da-populacao_mundial5 dinamica da-populacao_mundial
5 dinamica da-populacao_mundial
 
Teorias demográficas resumão - 2° ano - em
Teorias demográficas   resumão - 2° ano - emTeorias demográficas   resumão - 2° ano - em
Teorias demográficas resumão - 2° ano - em
 
2º Ma Grupo 08
2º Ma   Grupo 082º Ma   Grupo 08
2º Ma Grupo 08
 
Economia c
Economia cEconomia c
Economia c
 
Geo populaçao
Geo populaçaoGeo populaçao
Geo populaçao
 
Geo1.pdf
Geo1.pdfGeo1.pdf
Geo1.pdf
 
2º Mc Grupo 08
2º Mc   Grupo 082º Mc   Grupo 08
2º Mc Grupo 08
 
Espaço, sociedade e economia
Espaço, sociedade e economiaEspaço, sociedade e economia
Espaço, sociedade e economia
 
Teorias do crescimento demográfico
Teorias do crescimento demográficoTeorias do crescimento demográfico
Teorias do crescimento demográfico
 
TEORIAS POPULACIONAIS.pdf
TEORIAS POPULACIONAIS.pdfTEORIAS POPULACIONAIS.pdf
TEORIAS POPULACIONAIS.pdf
 
Teoria malthusiana
Teoria malthusianaTeoria malthusiana
Teoria malthusiana
 
2º Mb Grupo 08
2º Mb   Grupo 082º Mb   Grupo 08
2º Mb Grupo 08
 

Mais de williandadalto

Mais de williandadalto (12)

Continente américano e México
Continente américano e MéxicoContinente américano e México
Continente américano e México
 
Industrialização no mundo
Industrialização no mundoIndustrialização no mundo
Industrialização no mundo
 
Aula sobre a África
Aula sobre a ÁfricaAula sobre a África
Aula sobre a África
 
Continente Europeu
Continente EuropeuContinente Europeu
Continente Europeu
 
GLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃOGLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃO
 
Oriente Médio
Oriente MédioOriente Médio
Oriente Médio
 
Hidrogafia Geral
Hidrogafia GeralHidrogafia Geral
Hidrogafia Geral
 
Os Climas
Os ClimasOs Climas
Os Climas
 
Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012
Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012
Aulaorientemdio 110312114058-phpapp012
 
Projeções
ProjeçõesProjeções
Projeções
 
As 12 maiores cidades do mundo
As 12 maiores cidades do mundoAs 12 maiores cidades do mundo
As 12 maiores cidades do mundo
 
Tipos de clima
Tipos de climaTipos de clima
Tipos de clima
 

População,teorias demográficas e crescimento populacional

Notas do Editor

  1. Também denominadas Teorias Populacionais
  2. Uma progressão geométrica (P.g.) é uma seqüência numérica em que cada termo, a partir do segundo, é igual ao produto do termo anterior por uma constante . O número é chamado de razão da progressão geométrica, e vem do &apos;q&apos; de quociente.
  3. Uma progressão aritmética (P.a.) é uma seqüência numérica em que cada termo, a partir do segundo, é igual à soma do termo anterior com uma constante . O número é chamado de razão da progressão aritmética, e vem do &apos;r&apos; de resto.
  4. O gráfico demonstra a projeção salientada por Malthus, onde a população desenvolveria-se em ordem geométrica, ultrapassaria muito a produção de alimentos que cresceria em progressão aritimética.
  5. Por isso Malthus chega a essa conclusão
  6. Associava a produção de alimentos a partir do aumento da área cultivada, todavia com a Revolução Verde a produtividade por área aumentou cresceu muito em virtude da alta tecnologia empregada.
  7. A teoria neomalthusiana traz Malthus com uma nova “roupagem” já que para os neomalthusianos a pobreza seria resultante das elevadas taxas de natalidade verificadas em quase todos os países subdesenvolvidos
  8. a fim de conter o crescimento vegetativo no países pobres.
  9. e
  10. A partir de uma argumentação puramente demográfica esses teóricos negligenciaram os fatores condicionantes dessa realidade: os baixos salários e as péssimas condições de vida que vigoram nos países subdesenvolvidos.
  11. Essa teoria tenta reverter a construção teórica realizada por Malthus
  12. Diferença entre as taxas de natalidade e as taxas de mortalidade (ver exemplos)
  13. O processo de industrialização reestruturou as relações de trabalho provocando mudanças bruscas na organização social. A indústria cresceu muito em pouco tempo e a demanda por mão-de-obra incluía também mulheres e crianças.
  14. Assim, a taxa de natalidade vai diminuindo gradativamente, principalmente, nos países desenvolvidos.
  15. A urbanização não alterou apenas o espaço, associada a industrialização, trouxe uma outra maneira de se viver onde o tempo não é mais o do sol e sim o do relógio, do trabalho, da cidade, a sociedade constrói um outro tempo-espaço onde o ser humano buscar cada vez alcançar mais rápido.
  16. Como já observado na diminuição da taxa de natalidade, o desencadeamento desses fatos também fez com que as taxas de mortalidade também diminuíssem. Cabe ressaltar que a industrialização acelerou a urbanização e conseqüentemente, a necessidade de melhorias sanitárias.
  17. TABELA EXPECTATIVA VIDA