RELATÓRIO DE

SUSTENTABILIDADE
2010/2012
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

Mendoza, 20 de dezembro de 2012

Ban Ki Moon
Secretário Geral
Nações ...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

Índice
PÁG.

PÁG.
4. NOSSA COMUNIDADE 30

1. CARTA DO PRESIDENTE 6

4...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

1. Carta do Presidente

E

ste relatório destina-se a mostrar
o papel...
Nossa empresa

8

2
9

IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

2

2. Nossa empresa
2.1 Atividades
A IMPSA, fundada em 1907, é uma em...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

2

2. Nossa empresa
2.8 História

Belo Monte.

Pessoal da
oficina, an...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

2

2. Nossa empresa
2.9 Energia renovável
O livro “Nosso futuro comum...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

2

2. Nossa empresa
Assim, a IMPSA se tornou a única fornecedora do
m...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

2

2. Nossa empresa
2.12 Produtos responsáveis
A IMPSA é uma empresa ...
20
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

3
Nossa gente

21
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

3

3. Nossa gente

O

grande valor da IMPSA está em sua
gente, que é ...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

3.3. Prazos mínimos para notificação
com antecedência referente a
mud...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

Ações por país em 2011
Global
Realização de cursos de capacitação na ...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

Argentina quanto para implementações no
Brasil e no Caribe.
Continuaç...
30
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

4
Nossa
comunidade

31
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

4

4. Nossa comunidade
verdadeira essência da IMPSA é sustentável, já...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

4

4. Nossa comunidade
A parte teórica foi apresentada nas instalaçõe...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

4

4. Nossa comunidade
Brasil
• A IMPSA hoje tem 28 estagiários no Br...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

4

4. Nossa comunidade
4.5 Outras ações relacionadas à comunidade

Di...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

4

4. Nossa comunidade

Escola de capoeira.

Brinquedos para o Recant...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

4

4. Nossa comunidade
• A IMPSA recebeu o prêmio da revista Prensa
E...
44
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

5
IMPSA
eo
meio
ambiente

45
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

O

objetivo primordial da IMPSA é preservar o meio ambiente através d...
Dentre os resíduos produzidos pela IMPSA,
predominam os recicláveis e reutilizáveis. Esta
tendência tem se mantido constan...
2007

3082,05

2711,52

540,37

1183,53

1815,25

1891,48

Toneladas

IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012
...
52
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

6

Ética e
Transparência

53
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

6

6. Ética e transparência
A IMPSA tem o orgulho de
promover boas pr...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

6

6. Ética e transparência
6.2 Direitos Humanos
Nosso trabalho diári...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

Referência
1
1.1
1.2
2
2.1
2.2
2.3
2.4
2.5

2.6
2.7
2.8
2.9
2.10
3
3....
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

ÍNDICE DE INDICADORES GRI
AM 12
AM 13
AM 14
AM 15
AM 16
AM 17
AM 18
A...
IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012

ÍNDICE DE INDICADORES GRI
PR 5
PR 6
PR 7

PR 8
PR 9

Pág. 18
Pág. 18
...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Impsa relatório de sustentabilidade 2010-12

694 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
694
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Impsa relatório de sustentabilidade 2010-12

  1. 1. RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE 2010/2012
  2. 2. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 Mendoza, 20 de dezembro de 2012 Ban Ki Moon Secretário Geral Nações Unidas Nova York, NY 10017 USA Prezado Sr. Secretário Geral: Tenho a grande satisfação de comunicar que a IMPSA (Indústrias Metalúrgicas Pescarmona S.A y CF) continua apoiando os dez princípios do Pacto Global referente a Direitos Humanos, Direitos Trabalhistas, Proteção do Meio Ambiente e luta contra a corrupção. Com esta carta, queremos expressar nossa intenção de defender e promover tais princípios em nossas áreas de influência. Assumimos o compromisso de fazer do Pacto Global e seus princípios uma parte da estratégia, da cultura e do cotidiano de nossa organização. Além disso, assumimos o compromisso de declarar decisiva e responsavelmente o nosso comprometimento com funcionários, parceiros, clientes e o público em geral. Apoiamos a comunicação transparente e nos comprometemos com a divulgação pública de nossos progressos. Além disso, informamos que incorporamos a metodologia GRI (Global Reporting Initiative) na elaboração deste Relatório de Sustentabilidade, com Nível de Aplicação C dos padrões GRI, de modo que a tabela de indicadores GRI e os princípios do Pacto Global se encontram ao final do relatório. Também apresentamos informações gerais sobre a nossa organização, bem como o nome da pessoa responsável pelos contatos com o escritório do Pacto Global. Atenciosamente, Enrique M. Pescarmona Presidente da IMPSA Industrias Metalúrgicas Pescarmona S.A.I.C. y F. 2
  3. 3. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 Índice PÁG. PÁG. 4. NOSSA COMUNIDADE 30 1. CARTA DO PRESIDENTE 6 4.1 Universidades, associações e ONGs 32 2. NOSSA EMPRESA 8 4.2 Portas abertas 32 2.1 Atividades 10 4.3 Relações institucionais 32 2.2 Visão 10 4.4 Ações relacionadas à educação 33 2.3 Missão 10 4.5 Outras ações relacionadas à comunidade 38 2.4 Essência 10 4.6 Reconhecimentos 41 2.5 Valores 11 5. IMPSA E O MEIO AMBIENTE 44 2.6 Objetivos 11 5.1 Sistema Integrado de Gestão (SIG) 46 2.7 Política integral 11 5.2 Certificações 46 2.8 História 12 5.3 Princípios 48 2.9 Energia renovável 14 5.4 Resíduos 48 2.10 Serviços ambientais 16 5.5 Consumo responsável de energia 50 2.11 Presença no mundo 16 5.6 Iniciativas para reduzir o consumo indireto 50 2.12 Produtos responsáveis 18 5.7 Contribuição para a redução dos gases 50 2.13 Pesquisa, desenvolvimento e inovação (PDI) 18 5.8 Programa de preparação para emergências... 50 2.14 Hydro 19 6. ÉTICA E TRANSPARÊNCIA 52 2.15 Wind 19 6.1 Governança corporativa 55 3. NOSSA GENTE 20 6.2 Direitos Humanos 56 3.1. Distribuição de funcionários ao redor do mundo 22 6.3 Fornecedores 57 3.2 Benefícios 22 INDICADORES 58 3.3 Prazo mínimo para notificação 24 Índice de indicadores GRI 58 3.4 Capacitação 24 3.5 Avaliação de desempenho 29 4 Índice de referência cruzada entre os princípios do Pacto Global e os Indicadores GRI 62 5
  4. 4. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 1. Carta do Presidente E ste relatório destina-se a mostrar o papel ativo assumido pela IMPSA no desenvolvimento sustentável das sociedades em que atua, respeitando a cultura e as idiossincrasias de cada região. A Responsabilidade Social Empresarial (doravante, RSE) tem presença central nos objetivos da IMPSA, através do desenvolvimento de projetos de energia limpa e renovável. Sendo assim, também está presente em seus recursos humanos, fornecedores, subcontratados, no meio ambiente e nas comunidades em que atua. Como resultado desta política, a empresa se tornou a maior investidora da América Latina. Desde a origem da nossa empresa, em 1907, o Desenvolvimento Sustentável faz parte da estratégia e da essência do compromisso com as pessoas e comunidades com as quais trabalha. Na IMPSA, criamos soluções integrais para gerar energia limpa a partir de recursos renováveis, em um esforço para que os benefícios da energia alcancem a todos sem comprometer as gerações futuras. Há algum tempo existe uma crescente tendência global entre empresas e organizações para adotar estratégias e ações de RSE. Esta política envolve conscientização 6 e compromisso, por parte de uma organização, com soluções para os impactos causados a comunidades do entorno. Há mais de 100 anos, a IMPSA trabalha com uma forte responsabilidade social. E alinhada à globalização e às novas tendências, a empresa tem adaptado suas práticas de RSE às atuais exigências, num processo contínuo de sistematização, organização e melhoria de tais práticas. Ao longo de seis anos, publicamos nossos Comunicados de Progresso sobre os dez princípios do Pacto Global das Nações Unidas. Neste ano, nosso segundo Relatório de Sustentabilidade foi elaborado conforme as diretrizes para Relatórios de Sustentabilidade da Global Reporting Initiative: o Guia GRI. Em termos hidrelétricos, contamos com a melhor tecnologia do mundo. É isso que demonstramos nas três últimas grandes licitações públicas das quais participamos junto a concorrentes internacionais. Também estamos fabricando 450 MW por ano em geradores eólicos. Este é um feito extremamente relevante, que nos transformou na maior desenvolvedora eólica da América Latina, com a maior capacidade de fabricação da América do Sul. Enrique M. Pescarmona 1 Por outro lado, nos empenhamos em novos negócios que promovam a sustentabilidade ambiental através da divisão de Serviços Ambientais. Neste sentido, fazemos um tratamento adequado de Resíduos Sólidos Urbanos em diversas cidades da América Latina. Recentemente, também iniciamos nossas operações em Resíduos Patogênicos na Província de Mendoza, Argentina, colocando a região em posição de destaque na América Latina pela eficiência e sofisticação de nossos serviços de coleta, transporte, tratamento e descarte final de resíduos patogênicos e farmacológicos. Pensando no futuro, todas as áreas e pessoas da IMPSA seguem focadas no próximo desafio que o mundo nos traz: aumentar a produtividade. Para isto, estamos aplicando o sistema “Empresa Lean”, que consiste em agregar competitividade a produtos e processos, visando prejuízo zero, com base na filosofia de melhoria contínua. A metodologia Lean se concentra em reduzir “desperdícios” em produtos e processos fabricados e aumentar o valor agregado. Pensamos o Lean para todos os processos: desde a inovação, engenharia, projeto e fabricação até áreas de serviços como Compras, Logística, Administração, Qualidade, Recursos Humanos, Vendas, etc. O progresso tecnológico passa pela concorrência internacional, já que a empresa que estiver fechada em um único mercado jamais terá acesso ao progresso do redor do mundo. Na IMPSA, seguimos nosso caminho com resultados cada vez melhores, pois temos um pensamento global e nos adaptamos às mudanças. Isso nos ensinou grandes lições. Hoje, devemos adaptar nossas formas de trabalho e orientá-las à melhoria contínua. Estamos trabalhando para que a IMPSA seja Campeã Mundial de Recursos Renováveis - o que o mundo conhece por “Champion”. Por isso seguimos inovando, pensando nas gerações futuras, conscientizando sobre o meio ambiente, sobre os problemas energéticos e sobre o papel da tecnologia. A inovação e o desenvolvimento tecnológico trazem novas oportunidades de trabalho estável. E esta é a função social do empresariado: gerar novos empregos e tirar as pessoas da pobreza. Estamos orgulhosos de participar da evolução do mundo, em direção a um futuro sustentável. Enrique M. Pescarmona Presidente da IMPSA Industrias Metalúrgicas Pescarmona S.A.I.C. y F. 7
  5. 5. Nossa empresa 8 2 9 IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012
  6. 6. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 2 2. Nossa empresa 2.1 Atividades A IMPSA, fundada em 1907, é uma empresa dedicada a fornecer soluções integrais de geração de energia elétrica a partir de recursos renováveis. Estes objetivos são cumpridos através das seguintes unidades de negócios: IMPSA Hydro, IMPSA Wind e IMPSA Energy. Além disso, a empresa tem a unidade de negócios IMPSA Serviços Ambientais, dedi- cada à gestão e ao tratamento de resíduos. A IMPSA pertence à Corporación IMPSA, uma holding dedicada à prestação de bens e serviços, incluindo, além dos produtos mencionados acima, seguros, vinícolas, exploração agroindustrial, logística, portos, comercialização de combustíveis, sistemas de monitoramento por satélite, sistemas de automação e comunicações. 2.5 Valores A essência da empresa reside em seus valores. Eles são os que organizam seu desenvolvimento dentro da comunidade global. CRIATIVA Pensa em algo novo para resolver as necessidades e desejos de seus cliente. 2.6 Objetivos • Ser um motor de desenvolvimento para o mundo, com novos produtos e serviços de alto valor agregado e tecnologia, criando riquezas e ajudando no desenvolvimento das comunidades em que atua. • Impulsionar o desenvolvimento global através de produtos e inovações tecnológicas. criatividade, somado à experiência acumulada ao longo de 100 anos de constantes inovações, impulsiona seu crescimento e o crescimento da sociedade através da produção de bens e da prestação de serviços de alto valor agregado. 2.3 Missão Fornecer melhores benefícios à sociedade mediante a elaboração de produtos e serviços de alto valor agregado através do crescimento contínuo e sustentado dos negócios. Ao buscar este objetivo, utilizar a inovação vinculada ao desenvolvimento de projetos de infraestrutura para a produção de energia limpa a partir de fontes renováveis. • Obter um crescimento rentável e sustentável da organização, concentrando-se em setores de forte impacto na sociedade, tais como: o aproveitamento das energias de fontes renováveis e a melhora na infraestrutura da logística do movimento de bens e serviços. • Afiançar sua presença como desenvolvedora e investidora em projetos de infraestrutura energética, com operação e manutenção de concessões no longo prazo. • Afiançar sua posição como fornecedora de equipamentos de alta tecnologia para projetos de geração de energia, mantendo e incrementando suas vantagens competitivas. • Implementar o uso de fontes de energia renováveis criando consciência na sociedade da importância de um impacto positivo para o meio ambiente. • Continuar com sua estratégia de geração de valor, aumentando o volume de vendas e rentabilidade dos atuais e futuros negócios. • Desenvolver novos negócios em áreas onde exista sinergia com o posicionamento da IMPSA e com seus recursos tecnológicos, financeiros e de conhecimento. 10 EMPREENDEDORA Aceita projetos que são verdadeiros desafios e o faz com responsabilidade e qualidade. DINÁMICA Adapta seu modelo de negócios para adequar-se às mudanças no contexto. pessoas e a responsabilidade social são o fundamento do seu negócio; são os compromissos assumidos com clientes, funcionários, acionistas, fornecedores, sócios e a sociedade em geral. O cumprimento dos requisitos legais e contratuais é a essência da empresa. As ferramentas fundamentais para cumprir os objetivos de qualidade, meio ambiente, segurança ocupacional e responsabilidade social são: 1 TECNOLOGIA SUSTENTÁVEL Estabelecer em todos os nossos projetos a adoção de conceitos e tecnologias apropriadas, atualizadas, ecoeficientes e economicamente viáveis, otimizando nossos processos na procura permanente da excelência. ORGANIZAÇÃO QUE EDUCA 2 Assumir a educação de nossos colaboradores como um processo constante voltado a formar valores, atitudes e condutas tendentes a estimular a criatividade, a inovação, a responsabilidade e o compromisso. INTEGRAÇÃO SOCIAL 3 Integrar os clientes, sócios e fornecedores no compromisso ativo da melhoria contínua, promovendo a conscientização e participação dos mesmos, com o propósito de alcançar da melhor forma estes objetivos. MELHORIA CONTÍNUA 2.7 Política integral A IMPSA declara sua vocação para liderança nas áreas em que o uso do conhecimento e da FORMADORA Conta com a massa crítica de conhecimentos para alcançar seus objetivos. INOVADORA Transforma em realidade aquilo que imagina. CONSCIENTE Materializa soluções integradas sem comprometer as futuras gerações. 2.2 Visão Ao longo de sua história, a IMPSA expressa de forma preferencial algumas qualidades que já são reconhecidas como o selo indelével de sua identidade. A IMPSA é: 2.4 Essência Limpa - Integral - Sustentável. Para a IMPSA, a satisfação dos clientes, o desenvolvimento sustentável, a qualidade, a saúde das 4 A melhoria contínua e a maior eficiência de nossos processos, que nos permitem manter a liderança no fornecimento de soluções integrais para a geração de energia elétrica a partir de recursos naturais. 11
  7. 7. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 2 2. Nossa empresa 2.8 História Belo Monte. Pessoal da oficina, ano 1907. 1907 Ano em que Enrique Epaminondas Pescarmona, avô de nosso atual Presidente, funda sua “Talleres Metalúrgicos” em Mendoza (Argentina) e começa a fabricar peças sobressalentes de material de fundição de ferro, equipamentos para a indústria vitivinícola e comportas para canais de irrigação. Pessoal da oficina, anos 70. 1965 Adota a atual denominação IMPSA (Indústrias Metalúrgicas Pescarmona S.A.I.C. y F.), nome que dá continuidade à empresa fundada em 1907 por Don Enrique Epaminondas Pescarmona. Faz-se projetos e construção de grandes estruturas metálicas e equipamentos eletromecânicos. 1907 1965 Anos 70 Inicia-se o processo de desenvolvimento tecnológico que atribui à empresa seu perfil de inovação. A empresa se torna líder em geração hidrelétrica na Argentina. Anos 90 2010-2012 A IMPSA se consolida no mercado de energia obtendo dois importantes contratos na modalidade Construção, Operação e Transferência - BOT (Build, Operate and Transfer): Potrerillos, na Argentina, e CBK, nas Filipinas. Começam as pesquisas sobre energia eólica. A IMPSA ganha a licitação para participar do projeto Belo Monte, que será a terceira maior central hidrelétrica do mundo. Até a data, a IMPSA Wind tem 259,5 MW de capacidade instalada em energia eólica ao redor do mundo. 1965 2012 1946 Anos 80 2000 A família Pescarmona funda a “Construcciones Metálicas Pescarmona S.R.L.” ("CMP") (Construções Metálicas Pescarmona S.R.L.) para se dedicar ao projeto e construção de estruturas metálicas, comportas de irrigação e outros equipamentos eletromecânicos. Publicidade em jornal local, 1921. A empresa se torna referência mundial na construção de guindastes portuários e centrais hidrelétricas na modalidade “chave na mão”. Implementa uma política agressiva de Pesquisa e Desenvolvimento com a construção de seu próprio Centro de Pesquisa Tecnológica. Nasce a unidade de negócios Wind e a IMPSA aposta forte na energia eólica com aerogeradores de alta tecnologia. A IMPSA participa do contrato de construção da Central Hidrelétrica de Tocoma, na Venezuela. Em 2008, é inaugurada a fábrica de aerogeradores no Porto de Suape, Brasil. A IMPSA Port Systems constrói os guindastes para o porto PTP na Malásia. Hoje, estes são os maiores guindastes do mundo. Cartaz, ano 1946. Obras na Planta II. 12 Foto do pessoal, 1934. 13
  8. 8. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 2 2. Nossa empresa 2.9 Energia renovável O livro “Nosso futuro comum” (nome original do Relatório Brundtland) foi a primeira tentativa de se eliminar as discrepâncias entre desenvolvimento e sustentabilidade. Apresentado em 1987 pela Comissão Mundial sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento da ONU, liderada pela doutora norueguesa Gro Harlem Brundtland, o livro analisou a situação do mundo em tal momento e demonstrou que o caminho tomado até então pela sociedade global estava destruindo o ecossistema e produzindo exclusão social. O propósito deste relatório foi encontrar meios práticos para reverter os problemas ambientais e de desenvolvimento, que foram analisados por cientistas e políticos de 21 países. O esforço de uma equipe de trabalho tão diversa gerou resultados muito mais amplos do que qualquer integrante conseguiria individualmente. O Relatório Brundtland postulou principalmente que a proteção ambiental não era mais uma questão nacional ou regional: havia se tornado um problema global, destacando que meio ambiente e desenvolvimento não são problemas separados e que este último é responsabilidade de todos os países. A importância deste relatório reside no feito de lançar o conceito de desenvolvimento sustentável - definido como aquele que satisfaça as necessidades do presente sem comprometer as gerações futuras - e de incorporar todos os programas da ONU e servir de base para todas as iniciativas de sustentabilidade. Complexo Hidrelétrico CHK, nas Filipinas. A IMPSA adere a estes conceitos criando um mix de produtos para oferecer soluções sustentáveis, envolvendo as divisões IMPSA Hydro, IMPSA Wind e IMPSA Energy: • IMPSA Hydro fornece instalações hidrelétricas em condições EPC; equipamentos associados em condições “chave na mão”; principais equipamentos, unidades geradoras, automação, equipamento hidromecânico; engenharia e integração do equilíbrio da planta; modernização de plantas e serviços de manutenção. • IMPSA Wind fornece parques eólicos em condições EPC, equipamentos associados em condições “chave na mão”, aerogeradores, engenharia e integração do equilíbrio da planta, serviços de manutenção e modernização de parques. • IMPSA Energy desenvolve projetos de geração de energia elétrica a partir de recursos renováveis. Através desta unidade de negócios, a IMPSA faz a concepção, o projeto, a engenharia financeira, a construção, operação e manutenção de instalações hidrelétricas e parques eólicos. 14 Parque Eólico Bom Jardim da Serra, no Brasil. Estes produtos e serviços foram criados para oferecer ao cliente as soluções integrais que envolvem toda a cadeia de valor. Existe uma clara sinergia entre os produtos da IMPSA. A primeira unidade de negócios desenvolvida pela IMPSA para a área energética foi a de geração hidrelétrica. Ali se aprofundaram especialidades como mecânica de fluidos, máquinas sincrônicas, análise estrutural, automação, análise de sistema de potências e materiais epóxi. Em seguida, o desenvolvimento de guindastes portuários trouxe experiência em estruturas de grande altura e conversores de frequência. Estes foram os conhecimentos que permitiram desenvolver a tecnologia para a geração eólica. Com o surgimento de esquemas de desenvolvimento de infraestrutura com participação privada, tais como a parceria público-privada (PPP, public-private partnership), concessões de obras públicas, BOx (Built, Operate, etc.), começamos a trabalhar no desenvolvimento de tecnologias brandas e modelos de negócios para desenvolver instalações hidrelétricas. Com o tempo, o mesmo conhecimento se aplicou à geração eólica. 15
  9. 9. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 2 2. Nossa empresa Assim, a IMPSA se tornou a única fornecedora do mundo a oferecer soluções totais em energia hidrelétrica e eólica. Na IMPSA, desenvolvemos tecnologias limpas para gerar energia a partir de recursos renováveis, contribuindo assim para mitigar o aquecimento global. 2.10 Serviços ambientais A IMPSA realiza a gestão integral de resíduos sólidos urbanos e patológicos, saneamento ambiental e preservação do meio ambiente. 2.11 Presença no mundo A empresa fornece seus produtos e serviços através de uma rede comercial em diversos países. Por meio dela, a empresa realiza sua estratégia de orientação ao cliente e está constantemente presente em todos os seus mercados, oferecendo assistência e serviços de alto valor durante todo o ciclo de vida de seus produtos. Centros de Produção A IMPSA conta com centros de produção especialmente relevantes para temas de sustentabilidade na Argentina, no Brasil e na Malásia. Mendoza, Argentina, Planta I. Construído em 1943, foi o primeiro complexo industrial estabelecido. A planta se divide em cinco prédios, com uma área total de aproximadamente 29.000 metros quadrados e uma área coberta de aproximadamente 10.000 metros quadrados. Foi adaptada para fabricar pás, aerogeradores e bobinas estatóricas. A capacidade de produção da planta é de 70 geradores por ano. Mendoza, Argentina, Planta II. A Planta II é a principal unidade de produção da IMPSA. Ela fabrica componentes essenciais de centrais hidrelétricas e aerogeradores. Tem uma área coberta de 20.000 metros quadrados de produção em 28 hectares. Seus principais Galpões são: Galpão I (Usinagem e Estruturas), Galpão III (Caldeiraria), Galpão de Geradores, Galpão IV (Caldeiraria), Galpão V (Amolagem), Galpão de Ajuste e Montagem, Galpão de Traçado e Corte e Galpão de Granalha e Pintura. Destas, a maior unidade produtiva é o Galpão I, por suas características e dimensões (225 metros de comprimento, 33 metros de largura e 35 metros de altura). Inclui um moderno centro de usinagem, além de diferentes tipos de tornos, mandrilhadoras e um grande número de outros tipos de máqui- Líder em Energias Renováveis • Mais de 45.000 MW em 30 países: IMPSA Colômbia Vendas e Serviços IMPSA International Vendas e Serviços IMPSA Venezuela Vendas e Serviços IMPSA Hydro Brasil Centros de Pesquisa e Produção em Pernambuco IMPSA Equador Vendas e Serviços IMPSA Peru Vendas e Serviços IMPSA Argentina Planta I Centro de Produção em Mendoza. IMPSA Argentina Planta II Centro de Produção em Mendoza. 16 IMPSA Vietnã Vendas e Serviços IMPSA Xangai Vendas e Serviços IMPSA Índia Vendas e Serviços IMPSA Wind Brasil Centros de Pesquisa e Produção em Pernambuco IMPSA Brasil* Serviços de A&F Vendas e Serviços IMPSA Wind Brasil Centros de Produção em Santa Catarina IMPSA Argentina. Serviços de A&F. Vendas e Serviços IMPSA Hong Kong Vendas e Serviços IMPSA Malásia Vendas e Serviços IMPSA Malásia Centro de Produção em Lumut *A IMPSA Brasil tem escritórios em São Paulo, Ceará, Recife, Rio de Janeiro, Brasília, Santa Catarina, Minas Gerais, Fortaleza, Paraná e Rio Grande do Sul. Transporte da estrela de rotor para a Central Hidrelétrica de Tocoma, na Venezuela. nas para ferramentas. Também conta com um forno para tratamento térmico. Suape, Brasil - Planta IV O novo Centro de Produção do Brasil está situado no Distrito Industrial de Suape, Estado de Pernambuco, Brasil. A planta se concentra na fabricação de grandes equipamentos de geração de energia hidrelétrica, tais como turbinas, geradores, válvulas, tubulações e comportas. No centro de produção existe um galpão pressurizado para a montagem de componentes para a indústria de processos. Os geradores possuem outro galpão, onde são fabricados todos os componentes ativos do gerador. Planeja-se expandir seu centro de produção em 4.500 metros quadrados adicionais, além de incorporar uma série importante de máquinas e ferramentas com o objetivo de atender aos projetos atuais e a demanda de futuros projetos. O setor da fábrica é composto por distintos galpões industriais com aproximadamente 20.000 m2 cobertos, entre os quais se destaca o Galpão Principal por suas características e dimensões (295 metros de comprimento, 35 metros de largura e 35 metros de altura). Suape, Brasil - Planta III O Centro de Produção do Brasil está situado em Suape, Estado de Pernambuco. A planta se especializa na produção de aerogeradores (com capacidade anual de 400 unidades). Deve passar por processo de ampliação para aumentar sua atual capacidade de fabricação de aerogeradores. Lumut, Malasia Esta planta está situada na Região de Lumut. Seu principal objetivo é produzir turbinas, geradores e equipamentos hidromecânicos, guindastes e componentes de unidades geradoras. Tem uma área de produção coberta de 21.000 metros quadrados, localizados em uma área de 17,8 hectares. 17
  10. 10. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 2 2. Nossa empresa 2.12 Produtos responsáveis A IMPSA é uma empresa comprometida com seus clientes, criando soluções integrais de alto valor, com responsabilidade social nas comunidades em que atua e profunda consciência ambiental e vocação de longo prazo em pesquisa e desenvolvimento de tecnologias sustentáveis. A satisfação dos clientes é um de seus pilares fundamentais. Por isso, a empresa desenvolve e aplica Pesquisas de Percepção de Valor e Pesquisas de Satisfação do Cliente. Por outro lado, embora a IMPSA ainda não tenha aderido a Regulamentações de Comunicação, todas as comunicações da empresa se baseiam em um Marketing Sustentável, que consiste em comunicar atributos reais dos produtos. A IMPSA se move rapidamente por caminhos de solidariedade e responsabilidade social corporativa, ciente de que o bem-estar de muitos depende da ação e da vontade de todos nós. 2.13 Pesquisa, desenvolvimento e inovação (PDI) A empresa entende que a base da competitividade é que as suas soluções tenham maior valor na visão do cliente. Para isso, é necessário ter inovação de valor, criatividade para gerar soluções concretas e capacidade para fazê-las acontecer. A IMPSA não desenvolve apenas alta tecnologia, mas também a tecnologia mais simples que permita a criação de novos modelos de negócios, sistemas de informação, organização, gestão e engenharia econômica e financeira. O desenvolvimento na IMPSA se dá através do seu Centro de Pesquisa Tecnológica (CPT) e da implementação da estratégia de desenvolvimento em linha. • O CPT tem laboratórios e equipes de trabalho necessários para permanecer à frente da transformação de energia renovável em eletricidade. • O desenvolvimento em linha consiste em difundir o desenvolvimento de tecnologia para toda a cadeia de valor. Esta metodologia inclui especialidades como: análise estrutural, mecânica, máquinas elétricas, sistemas elétricos, sis- Centro de Investigaciones Tecnológicas de IMPSA, en Argentina. temas de isolamento, tribologia, transferência de calor, automação e controle e mecatrônica. A empresa também desenvolve tecnologias leves voltadas aos modelos de negócios. Ambas as estratégias de PDI usam modernas ferramentas de software, desenvolvidas na empresa e adquiridas no mercado, assim como o melhor hardware disponível, os mais modernos materiais e métodos de produção e treinamento contínuo aos funcionários na aplicação de novas tecnologias e processos. 2.14 Hydro 18 Instalação hidrelétrica DARDANELOS, Brasil. Conta com alguns dos melhores laboratórios de hidráulica do mundo. Isso é comprovado pelos ensaios de modelos das turbinas de Tocoma, feitos na Escola Politécnica Federal de Lausanne. Os ensaios renderam o melhor desempenho nas unidades geradoras Kaplan - as mais potentes do mundo - e homologaram as medições feitas no CPT. A IMPSA foi a primeira empresa do mundo capaz de produzir rodetes totalmente monolíticos para as unidades geradoras Pelton, o que lhes confere exce- lente resistência mecânica. Foi pioneira no desenvolvimento de um sistema especializado para cálculo de geradores síncronos (ARGEN ®). Assim, um gerador é analisado sob todas as perspectivas possíveis: magnética, elétrica, mecânica, térmica, aerodinâmica e comportamento de vibração. 2.15 Wind A IMPSA tem seu próprio design de ponta, o UNIPOWER®, a única tecnologia de grande potência desenvolvida na América Latina e o primeiro de seu tipo no mercado. A IMPSA desenvolve três modelos de aerogeradores conforme o conceito UNIPOWER: IWP70, IWP-83 e IWP-100. A tecnologia UNIPOWER® é um conceito inovador desenvolvido pela IMPSA através do qual as pás se vinculam diretamente ao rotor do gerador, evitando o uso de eixos e outras peças excedentes. Isto aumenta a eficiência e a confiabilidade dos aerogeradores. 19
  11. 11. 20 IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 3 Nossa gente 21
  12. 12. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 3 3. Nossa gente O grande valor da IMPSA está em sua gente, que é conhecida por sua diversidade, compromisso, alta qualificação e capacidade de trabalhar em equipes multidisciplinares. Como empresa global, a IMPSA aproveita a multiplicidade de etnias, costumes, culturas e religiões de todos que nela trabalham dia a dia. 3.1. Distribuição de funcionários ao redor do mundo País Quantidade de funcionários Argentina 3.083 Brasil 954 Colômbia 1.572 Malásia 424 Venezuela 123 Total 3.2. Benefícios Como a IMPSA tem operações em diversos países, com suas próprias culturas e leis, o conjunto de benefícios que a empresa oferece é adaptado às necessidades de cada área, respeitando costumes e diversidade cultural. Benefícios globais (em alguns países, regulamentados por lei e obrigatórios) • Plano de saúde/Internação ou medicina pré-paga. • Seguro para acidentes de trabalho. • 13º salário. • Auxílio/bônus por: Maternidade. Casamento. • Formação remunerada. • Festas de fim de ano. • Capacitação. Benefícios específicos a cada país: Na Argentina • Empréstimos a funcionários com taxas de juros diferenciadas. • Medicina pré-paga 100% a cargo da empresa (para pessoal não conveniado). • Descontos em lojas e/ou serviços (por exemplo: compra de combustível e desconto na contratação de seguros). • Auxílios em datas especiais: Início das aulas: mochilas e material escolar para os filhos dos funcionários. Nascimento de filhos: enxoval de bebê e outros itens úteis. Aniversário. Dia das Crianças. Dia da Secretária. 6.156 No Brasil • Assistência médica. • Assistência odontológica. • Seguro de vida. • Cesta básica • Refeitório ou vale-refeição • Vale-transporte. • Previdência privada. • Auxílios em datas especiais: Aniversário. Comemoração mensal dos aniversários. Cesta de Natal. Dia da Mulher. Dia da Secretária. Dia dos Pais. Nascimento de filhos. Na Malásia • Seguro de vida e acidente. • Seguro para internação. • Reembolso de custos ambulatoriais e remédios prescritos até um limite anual. • 13º salário (benefício da IMPSA não exigido por lei local). • Formação remunerada. • Licença para peregrinação (40 dias concedidos uma vez na vida aos muçulmanos, para que visitem Meca). • Manutenção de salário por três meses para doença prolongada. Na Venezuela • Vale-alimentação. • Incentivo de produção. • Auxílios em datas especiais: Aniversário. Dia da Secretária. • Empréstimos consignados. • Atividades de férias para os filhos de funcionários. • Jogos esportivos entre empresas. • Material escolar. • Berçário. • Brinquedos de Dia das Crianças e Natal. • Feriado de 1º de maio. • Seguro de vida e acidente pessoais. • Seguro para internação, cirurgia, maternidade e despesas funerárias. • Festa de aniversário da empresa. Na Colômbia • Seguro de vida. • Auxílio ao estudante. • Presente de Ano Novo. 22 23
  13. 13. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 3.3. Prazos mínimos para notificação com antecedência referente a mudanças operacionais, incluindo se esse procedimento está especificado em acordos de negociação coletiva Na Argentina, de acordo com os artigos 64, 65 e 66 da Lei 20.744 (LCT), se estabelece que: Art. 64 - Poderes de organização. O empregador tem poderes suficientes para organizar econômica e tecnicamente a empresa, a operação ou o estabelecimento. Art. 65 - Poderes de gestão. Os poderes de gestão que auxiliem o empregador devem ser exercidos em caráter funcional, servindo os propósitos da empresa e as exigências da produção sem prejuízo à preservação e melhoria dos direitos individuais e patrimoniais do trabalhador. Art. 66 - Poderes para modificar formas e métodos de trabalho. O empregador tem poderes para introduzir to- 24 3 3. Nossa gente das as alterações sobre a forma e os meios de realização do trabalho, desde que tais alterações não importem um exercício não razoável destes poderes nem alterem os principais arranjos contratuais nem causem danos materiais ou morais ao trabalhador. Caso o empregador utilize medidas vedadas por este artigo, o trabalhador terá a opção de considerar-se demitido sem justa ou buscar a restauração das condições alteradas. Neste último caso, a ação deve ser tratada por procedimento sumário, não sendo possível alterar termos e condições de trabalho, a menos que sejam gerais para o estabelecimento ou setor, até que a sentença definitiva seja proferida. 3.4. Capacitação A IMPSA é uma organização que educa. Como tal, considera a educação um direito humano básico. Parte de nossa essência é contribuir para a formação e especialização de nossos funcionários, proporcionando ferramentas excelentes para otimizar sua competitividade no cenário global. Planta da IMPSA em Recife, Brasil. Ações gerais • Investimento contínuo em capacitação de alto nível tecnológico e especialização dos funcionários, fornecendo conhecimentos e ferramentas para a competitividade em nível global. • Realização de capacitações com base nas necessidades da empresa, consistindo em idiomas, cursos de pós-graduação e treinamentos na fábrica. • Programa anual de capacitação em questões ambientais e de segurança para os funcionários da fábrica. • Programa anual de capacitação de socorristas. • Programa de preparação para emergências naturais e tecnológicas. • Capacitação de pessoal para certificação de organizações certificadoras. • Realização de cursos de capacitação na filosofia de gestão Lean Manufacturing. • Pensamento criativo e resolução de problemas. • Project Management Professional (com qualificação em PMI). • Manutenção preventiva. • Escola de soldagem. • Içamento e movimentação de equipamentos pesados. • Solid Edge. • O treinamento em Segurança Industrial é regular, permanente e envolve todos os setores. Aborda desde o uso adequado de equipamentos de proteção individual até os critérios profissionais para determinar o nível de exposição ao risco em cada operação na fábrica ou nos canteiros. • Desenvolvemos um treinamento especial para todos os que assumem papéis de liderança ou supervisão em qualquer âmbito profissional, com base em nossos valores e voltado à melhoria contínua de nossa comunidade de trabalho. • Como resultado do nosso investimento na formação da nossa gente, alcançamos uma melhoria contínua dos recursos humanos da empresa. Quanto mais capacitação, mais qualidade e tecnologia. 25
  14. 14. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 Ações por país em 2011 Global Realização de cursos de capacitação na filosofia de gestão Lean Manufacturing: Estamos implementando em todas as áreas o sistema “Empresa Lean”. Ele consiste em agregar competitividade a produtos e processos, visando prejuízo zero, com base na filosofia de melhoria contínua. A metodologia Lean se concentra em reduzir os sete tipos de “desperdícios” em produtos e processos fabricados e aumentar o valor agregado. Esta filosofia e metodologia de trabalho aplica-se a todas as áreas da IMPSA, não só à fabricação. Pensamos o Lean para todos os processos: desde a inovação, engenharia, projeto e fabricação até áreas de serviços como Compras, Logística, Administração, Qualidade, Recursos Humanos, Vendas, etc. Argentina Capacitação e implementação dos 5 S no Galpão 1. 26 3 3. Nossa gente Capacitação Kaizen, no Brasil. Capacitação em Lean Development, gestão de chão de fábrica e realização de workshop em Engenharia Hydro. Formação técnica específica: A empresa consolida nas áreas de Engenharia sua capacitação tecnológica e a transferência permanente de conhecimentos por parte de nossos especialistas. Com novos instrutores internos, a empresa promoveu uma nova edição do programa de Formação de Formadores, que contou com cursos e tutoriais. Nele, os participantes tiveram aulas de desenvolvimento de habilidades de aprendizado necessárias ao desafio. Esta nova prática nos tornará mais produtivos e eficientes. Consequentemente, seremos mais competitivos no mercado. Programa de formação em soldagem: Assim como nos anos anteriores, este programa atendeu 30 jovens, que passaram por capacitação teórica e prática de três meses e em seguida ganharam um contrato de trabalho por mais três meses. Capacitação Lean na IMPSA Malásia. Programas de anos anteriores foram reforçados: Curso de especialização em inspeção de soldagem. Programa de instrução sobre Sistema de Qualidade Nuclear. Treinamento em vários níveis de END. Formação Profissional: Em 2011, cresceram significativamente os participantes destes programas Apoio Financeiro para Estudos Acadêmicos, sob o formato de "Empréstimos Flonor" para concluir graduação ou pós-graduação e buscar especialização em instituições reconhecidas, tanto em tecnologia quanto em administração e gerenciamento de projetos. Foi ativado o programa EMIEL (Especialização/Mestrado em Engenharia de Energias Limpas), em conjunto com nossos especialistas e a Universidade Nacional de Cuyo. É uma ferramenta de formação e aprofundamento em questões tecnológicas comuns a todas as unidades de negócios, sendo assim estratégica para o desenvolvimento e a melhoria dos perfis pro- fissionais e das pessoas que os ocupam. Programas corporativos de capacitação: Programa de Formação de Formadores. Team Building - HYDRO Global. Programa de construção de equipes de alto desempenho - WIND Argentina. Programa Horizonte WIND Global + Integração com Hydro. Formação complementar Foram renovados os Planos de Cursos de Inglês para melhor atender às necessidades do local de trabalho e implementar a modalidade e-learning. Por outro lado, houve um maior investimento em cursos de português e cursos de espanhol para brasileiros e suas famílias residindo temporariamente em Mendoza em fase de formação e introdução à empresa. Foram implementados vários cursos de formação no uso de Ferramentas MS Office: Excel, Visual Basic, Power Point e Project. Houve suporte à transferência interna de gestão SAP, tanto em diferentes áreas na 27
  15. 15. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 Argentina quanto para implementações no Brasil e no Caribe. Continuação à formação permanente de socorristas. Outras novidades: Formação de auditores internos ISO 9001. Hidráulica industrial e proporcional. Brasil Lideranças específicas para níveis Executivos, Gestão, Gestão de Mídia e Coordenação No total, mais de 100 líderes do Grupo participaram destes programas chamados Horizonte e Novos Ventos. Além de promover a integração de pessoas, áreas, unidades e projetos, os programas - que foram desenvolvidos ao longo de quatro e dois módulos, respectivamente - abordaram temas como autoconhecimento, gestão de conflitos, formação de equipes de alto desempenho, gestão participativa e feedback. • MS Excel Participantes: 146 pessoas • Lean Manufacturing Participantes: 586 pessoas • SAP Participantes: 275 pessoas • Solid Edge Software para desenvolvimento eólico Participantes: 40 pessoas • AutoCad Participantes: 8 pessoas • Liderança Participantes: 165 pessoas • MS Project Participantes: 27 pessoas • Kaizen Participantes: 397 pessoas • Padronização do Trabalho Participantes: 114 pessoas • Programa de desenvolvimento de competências Participantes: 116 pessoas 28 3 3. Nossa gente Malásia • Decisões judiciais críticas em 2010 relativas à indústria e ao trabalho. • Implementação de normas mensais de dedução fiscal. • Metodologia Six Sigma. • Capacitação básica em soldagem. • Gestão de projetos com o Microsoft Project. • Transporte e aduanas na Malásia. • Project Management Professional. • MS Excel (avançado). • Habilidades dinâmica em CCC (Círculo de Controle de Qualidade), com habilidades Análise de Modo e Efeitos de Falhas (FMEA) e solução de problemas. • Curso e exame sobre ensaios não destrutivos. • Raciocínio crítico e resolução de problemas. • Direção defensiva básica. • Manutenção preventiva. • Últimas alterações da Lei do Trabalho de 1955. • Conferência Nacional de Impostos de 2011. • NX 7.5 CAM (3-AXIS Milling). • Apresentação de casos de sucesso durante o processo de reconciliação. • Tecnologia sincrônica com Solid Edge 4. • Direito contratual para leigos. • Capacitação em 5S (Lean Manufacturing). • Capacitação SAP em horas/homem. Participação em jornadas Lean na Venezuela. • Reclamações eletrônicas com Boss Solution. • Seminário sobre prevenção de incêndios. • Montagem e elevação. • Montagem e elevação de guindastes aéreos. • Folha de processos. • Campanha de segurança para motociclistas. • Fundamentos de CNC. • Discussão sobre contratos/aquisições. 5s @ Erection Yard. tes de trabalho e ambientais. • Uso adequado de ferramentas e máquinas de trabalho. • Segurança viária, industrial e ambiental. • Descarte adequado e seguro de resíduos. • Proteção e higiene pessoal no trabalho. • Ergonomia. • Administração de bancos de dados em Access. 3.5. Avaliação de desempenho Venezuela • Lei orgânica sobre prevenção, condições e ambiente de trabalho (LOPCYMAT). • Saúde e segurança industrial. • Primeiros socorros. • Análise de preços unitários. • Procedimentos Cadivi / Sitme, e regulamentos de importação. • Folha de pagamentos. • Livros do IVA. Planta da IMPSA em Recife, Brasil. Colómbia • Programas de prevenção de doenças e aciden- 100% do pessoal não sindicalizado estão inclusos no Programa de Gestão de Desempenho (PGD). Tal programa é uma ferramenta de gestão de RH de aplicação global, destinada a medir de modo quantitativo e qualitativo o desempenho e o potencial de todos os colaboradores (sindicalizados ou não) durante um ano-calendário. Avalia competências genéricas e funcionais, com base em valores e cultura da organização previamente definidos, sob critérios de hierarquia e nível de responsabilidade. 29
  16. 16. 30 IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 4 Nossa comunidade 31
  17. 17. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 4 4. Nossa comunidade verdadeira essência da IMPSA é sustentável, já que seu objetivo é desenvolver energia limpa e renovável. De acordo com sua política de sustentabilidade, a IMPSA mantém vínculo íntimo com as comunidades onde trabalha e nas quais encontra recursos. Dada a natureza global da organização e a diversidade das culturas com as quais interage, sua política é implementada através da adaptação aos hábitos e costumes de cada localidade do mundo em que desenvolve suas atividades. A 4.1 Universidades, associações e ONGs No contexto das comunidades, a IMPSA estabeleceu uma relação de longa data com diversas associações do comércio e da indústria, ONGs, universidades e institutos de tecnologia e pesquisa. As relações estabelecidas com estes órgãos representam a realização de um plano de negócios orientado à sociedade, que promove qualidade de vida e desenvolvimento sustentável como seu pilar principal. 4.2 Portas abertas A IMPSA recebe anualmente a visita de cerca de 10.000 pessoas em seus centros de produção, laboratórios e departamentos de P&D localizados na Argentina, no Brasil e na Malásia e em seus projetos de energia em mais de 30 países ao redor mundo. Tais visitantes são, entre outros, estudantes, jornalistas, parentes de funcionários, clientes, fornecedores, embaixadores, representantes de instituições financeiras e funcionários públicos. 4.3 Relações institucionais A IMPSA tem uma área de Relações Institucionais e conduz suas políticas públicas através de seus gerentes e executivos para estabelecer uma comunicação adequada entre a empresa e os setores público e privado. Uma de nossas iniciativas mais recentes: • A IMPSA integra o Cluster Eólico de Pernambuco e o Cluster Eólico Argentino. Ambos com o objetivo de inserir a indústria eólica na agenda do governo e maximizar a integração regional no desenvolvimento de energia eólica. Enrique Pescarmona apresenta o Mestrado em Engenharia de Energias Limpas. 4.4 Ações relacionadas à educação Um dos pilares da IMPSA é alcançar a melhoria contínua através da educação. Isto vai além da formação de recursos humanos da empresa e inclui as comunidades onde se insere, com programas de formação abertos à comunidade. Assim, a IMPSA capacita não só o seu pessoal: 32 Em agosto de 2011, a planta do Brasil fabricou o aerogerador número 200. Argentina • A IMPSA desenvolveu, em conjunto com a Universidade Nacional de Cuyo, o curso de Especialização/Mestrado em Engenharia de Energias Limpas. A especialização tem duração de dois anos, enquanto o Mestrado pode ser obtido com um ano mais de trabalho. O estudo é voltado à Energia Eólica e Energia Hidrelétrica. Para cursar, é necessário ter graduação em engenharia ou formação em especialidades técnicas e científicas relacionadas. • Depois de um intenso trabalho conjunto entre a IMPSA e o CONICET (Conselho Nacional de Pesquisas Científicas e Técnicas), foram firmados três acordos de cooperação tecnológica. • Em 2008, capacitamos jovens (geralmente sem ensino médio concluído e não inseridos no mercado formal de trabalho) em negócios através do Programa de Introdução à Metalmecânica (PIM), com 140 horas de duração. Foram 80 beneficiados, dos quais 60% saíram com vaga efetiva na IMPSA. Além disso, foi fechado um Convênio com o Ministério do Trabalho da Argentina para dar continuidade a esta missão e capacitar mais 160 jovens. Em 2009, continuamos essa fase da capacitação. No final de maio de 2012, a terceira etapa do PIM foi concluída. 33
  18. 18. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 4 4. Nossa comunidade A parte teórica foi apresentada nas instalações do Instituto de Tecnológico Universitário (UTI), enquanto a prática foi feita na fábrica da IMPSA. O programa teve 36 alunos, dos quais 29 foram efetivados na IMPSA. A primeira fonte de trabalho para os alunos do PIM é a IMPSA. Além disso, os alunos recebem um certificado para documentar sua participação em um programa de formação em áreas da indústria metalmecânica. O evento contou com a presença de 18 executivos da área de energia, vindos do Chile, da Colômbia e do Peru. • A IMPSA criou uma Escola de Profissões em Mendoza em parceria com o Município de Godoy Cruz e a associação regional da metalurgia, a ASINMET (Associação da Indústria Metalúrgica de Mendoza) para oferecer capacitações em diversas profissões. Nossa empresa cedeu as instalações e máquinas. • Os seguintes convênios foram firmados e estão em vigor: • No final de novembro do ano passado, foi realizado na Planta II da IMPSA, em Mendoza, um workshop sobre Projetos Hidráulicos e Ensaios em Modelo Reduzido. O objetivo da atividade foi difundir o que há de mais moderno em desenvolvimento de turbinas hidráulicas e trocar experiências sobre os últimos avanços. • A cada ano, vários colaboradores da IMPSA participam dos Programas da Fundação Educacional Junior Achievement, cuja missão é levar aos jovens o empreendedorismo para que alcancem suas metas, em um contexto de responsabilidade e liberdade. Convênio Marco de Pasantías, firmado pelo ITBA. Carta de intenções: Faculdade de Ciências Exatas, Físicas e Naturais da Universidade Nacional de Córdoba. Convênio de Marco de Cooperação firmado com a Universidade Nacional de Cuyo. Empréstimo de instalações para a prática da Especialização em Inspeção de Soldagem emitido pelo IAS (Instituto Argentino de Siderurgia). • Durante 2011, foram realizadas visitas a 13 instituições de ensino localizadas em Mendoza, Buenos Aires, Córdoba, San Juan e La Rioja: Faculdade de Engenharia da Universidade Nacional de La Plata; Escola Técnica N° 1 Otto Krause; Universidade de San Andrés; Faculdade de Engenharia da Universidade Nacional de Cuyo; ITBA; Universidade Tecnológica Nacional - Regionais Mendoza, La Rioja e San Rafael; Faculdade de Engenharia da Universidade Nacional de San Juan; Instituto Universitário Aeronáutico; Universidade Nacional do Centro da Província de Buenos Aires; Faculdade de Engenharia da Universidade Nacional de Córdoba e Faculdade de Engenharia da Universidade Nacional de La Rioja. 34 Resultados: 800 pessoas foram informadas sobre tecnologia em diversas atividades que a IMPSA desenvolve em diferentes áreas geográficas, aumentando a base de dados de candidatos. Foram firmados acordos com diversas universidades e instituições educacionais, para melhorar a inserção ao mercado de trabalho e gerar desenvolvimentos compartilhados. Foram expostas em diferentes localidades geográficas as inovações tecnológicas feitas pela IMPSA para fortalecer a boa imagem que a empresa tem no desenvolvimento sustentável, através do aperfeiçoamento das energias limpas. 35
  19. 19. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 4 4. Nossa comunidade Brasil • A IMPSA hoje tem 28 estagiários no Brasil, distribuídos entre os escritórios em Belo Horizonte, Recife, São Paulo e Fortaleza. • A empresa forneceu, através de sua desenvolvedora de parques eólicos no Brasil, a Energimp, os recursos para a reforma da escola Antonieta Cals, localizada em Aracati, estado do Ceará. Também doou computadores para os alunos do ensino primário e da educação infantil, beneficiando 315 crianças. Além disso, realizou atividades educativas voltadas às energias limpas: reciclagem, coleta seletiva e reflorestamento. A iniciativa faz parte do programa escolar Agrinho, que visa promover a consciência ambiental na comunidade. • A empresa faz apresentações sobre o meio ambiente nas escolas próximas a seus parques eólicos no Brasil. • A Energimp patrocinou o projeto "Nossa Cidade de Mãos dadas com o Planeta", desenvolvido pela Diretoria de Educação Ambiental da Secretaria do Meio Ambiente do Município de Acaraú, no Ceará, junto às escolas municipais. O objetivo foi despertar nos mais novos o interesse pela preservação ambiental através de jogos e concursos. Além disso, no projeto de reflorestamento do município e das comunidades, a empresa fez doações de mudas de árvores e discutiu o tema da reciclagem para mostrar à comunidade que é possível cuidar da natureza através de pequenas mudanças nos hábitos diários. A empresa também doou recipientes de resíduos recicláveis às escolas. • Como parte da 4ª edição da Feira de Emprego e Estágio 2011, que ocorreu no Ceará, a Energimp patrocinou o ISBET (Instituto Brasileiro Pró-Educação e Trabalho), uma organização sem fins lucrativos que tem como objetivo capacitar os jovens apresentando conhecimentos em várias áreas de trabalho. Curso de capacitação. • Em parceria com a Prefeitura Municipal e a Secretaria de Educação de Acaraú, a Energimp colaborou com um prêmio para o projeto "Conhecendo melhor o seu escritor favorito", desenvolvido pela Escola Dona Eulina Magalhães, que visa promover a leitura e escrita de alunos do ensino fundamental. 36 Mudas para Dia do Meio Ambiente no Ceará. Malásia • Na Malásia, a maioria das instituições de ensino exige de seus alunos um estágio de três a seis meses no contexto profissional relacionado a seus estudos. Por consequência, existe uma aproximação mútua entre a IMPSA e as universidades para desenvolver práticas em nossas áreas. Os trainees têm auxílio financiado pelo governo, através da entidade Human Resources Development Plant (HRDP). Eles costumam fazer o estágio na metade do curso. Na IMPSA, fornecemos o apoio para seu crescimento profissional. Venezuela • A IMPSA participa do Programa Nacional de Aprendizagem (PNA), da Venezuela, voltado a ensinar jovens a construir, criar e produzir bens e serviços, além de obter uma renda. Este programa é uma ferramenta eficaz para a RSE, pois permite a formação e inclusão sócioprodutiva de jovens de baixa renda, formados de acordo com a filosofia e as necessidades das empresas. O impacto do PNA vai além do simples cumprimento da cota de formação estabelecida pela Lei INCES (Instituto Nacional de Cooperação Educacional). A lei diz que toda empresa deve ter até 5% de aprendizes para se tornar um meio de inclusão, institucionalização e inserção profissional, com impacto sobre indicadores, redução do desemprego e aumento da competitividade das empresas. 37
  20. 20. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 4 4. Nossa comunidade 4.5 Outras ações relacionadas à comunidade Dia das Crianças. Doação de presentes para o Natal. • A Energimp colaborou com o projeto Desperta Jovem 2011, organizado pela Secretaria de Cultura e Turismo de Acaraú e pela Pastoral de Juritianha, num encontro religioso e musical jovem, cujo objetivo foi promover a união familiar. Participaram bandas musicais religiosas e jovens da comunidade, das quais duas foram patrocinadas por nossa empresa. • A cada ano, a Energimp e a IMPSA e as escolas das comunidades organizam o Dia das Crianças, no qual são oferecidos vários esportes e atividades lúdicas para as crianças. • Para o Natal, há doação de presentes e cestas para crianças das comunidades próximas a nossos parques eólicos, além da organização de jogos e entretenimento para as crianças. Primeira corrida da Volta do Rio no Ceará. • Para o aniversário da Cidade de Acaraú, a Energimp patrocinou conjuntos musicais e selecionou candidatas para o concurso Miss Acaraú de Aranaú e Juritianha, locais onde se encontram nossos empreendimentos eólicos. A empresa também doou mudas de árvores, bolsas de lona e garrafas de água. • Em abril de 2012, a Energimp colaborou com a celebração de Páscoa na escola Laura Furtado do Nascimento, de Volta do Rio, onde os alunos representaram uma obra teatral e tiveram um momento de diversão com chocolate. • A Energimp ajudou a organizar a 10ª edição da Corrida de São José da Barrinha, evento realizado em março de 2012 em homenagem ao Padroeiro do Ceará. 38 Projeto Desperta Jovem 2011. • Em maio de 2012, a Energimp sediou a primeira regata Volta do Rio, que contou com a participação dos moradores da comunidade. Seu objetivo é promover a inclusão social através do esporte e fomentar a pesca, uma das atividades mais importantes da região costeira Candidatas para o concurso Miss Acaraú. Peça de teatro escolar para celebrar a Páscoa. 39
  21. 21. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 4 4. Nossa comunidade Escola de capoeira. Brinquedos para o Recanto da Criança. do Ceará. Também se comemorou o Sagrado Coração de Maria. • Em junho de 2012, a IMPSA colaborou com o programa Conscientização Ambiental, organizado pela Prefeitura de Cabo de Santo Agostinho por meio da Secretaria Executiva de Meio Ambiente, em parceria com o Instituto Ambiental Brasileiro (IAB). Com o lema "Educar para preservar", o evento inclui folhetos e jogos de educação ambiental. • Durante os anos de 2010 e 2011, a IMPSA patrocinou uma escola de capoeira para incentivar os jovens a praticarem esportes. A atividade foi escolhida por alunos, professores e comunidade em geral. Tanto a Energimp quanto a IMPSA promovem ações esportivas pontuais devido a sua importância no bemestar humano. • A IMPSA doou brinquedos à instituição Recanto da Criança, em Cabo de Santo Agostinho, trazendo um sorriso a cinquenta vítimas de abuso infantil. • Em 2010 e em 2011, a IMPSA coletou doações para pessoas afetadas pelas enchentes no Brasil. • A empresa doou um Posto de Saúde para a comunidade de Novo Horizonte, no Cabo de Santo Agostinho, cidade do Estado de Pernambuco em que se encontra a fábrica de aerogeradores da IMPSA e onde está sendo construído um novo Centro de Produção Hydro. Antonio Nóboa (2º a partir da esquerda), Diretor Financeiro de Wind Power, recebe o Prêmio Destaque Empresarial Brasileiro em Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. 4.5 Reconhecimentos • A IMPSA ficou em 1º lugar no ranking mundial de empresas familiares realizado pela prestigiada revista londrina Campden FB, apoiada pela auditoria da Ernst & Young, que realizou seu ranking das cinquenta empresas de maior crescimento do mundo. A IMPSA se destacou como empresa fabricante de energias renováveis cuja renda aumentou em 115% entre 2008 e 2010 (novembro de 2011). • A IMPSA foi homenageada como líder na indústria metalúrgica pela revista Prensa Econômica em “Prêmios à Exportação Argentina 2012”, uma cerimônia realizada no Salão Central do Banco Nación. O evento anual, que reúne os principais empresários argentinos, é o mais importante dentro da atividade ligada ao comércio exterior e conta com o apoio dos ministérios da Indústria e Relações Exteriores da Argentina (outubro de 2012). 40 Posto de saúde em Novo Horizonte. Placa de doação de Posto de Saúde. • A empresa alcançou uma posição de desta- que no ranking das 1.000 empresas mais importantes do Brasil, desenvolvido e publicado pela prestigiada revista ISTOÉ Dinheiro. O ranking é um dos mais completos, pois avalia não só o aspecto financeiro das empresas, mas também os cinco critérios essenciais à boa governança: sustentabilidade financeira, inovação e qualidade, recursos humanos, responsabilidade social e governança corporativa. A IMPSA se destacou em Qualidade, Inovação e Responsabilidade Social entre as empresas dedicadas a máquinas e componentes elétricos do Brasil. • De acordo com o ranking "Melhores e Maiores", realizado pela revista brasileira Exame, a IMPSA ocupa a décima primeira posição em vendas líquidas do setor eletroeletrônico no Brasil em 2011, estando em sétimo lugar de liderança no mercado e em oitavo lugar em crescimento. • Prêmio Trajetória Empresarial, dado pela Associação de Executivos de Mendoza (AEM) (dezembro de 2011). 41
  22. 22. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 4 4. Nossa comunidade • A IMPSA recebeu o prêmio da revista Prensa Econômica como principal exportadora do ano no setor metalúrgico (setembro de 2011). • A Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil (ADVB-PE) entregou ao Grupo IMPSA o prêmio Destaque no Setor de Energia do Estado de Pernambuco, por usar estratégias de marketing e ferramentas para a divulgação de seus produtos e serviços (setembro de 2011). • O jornal brasileiro Valor Econômico distinguiu a IMPSA como empresa campeã do setor mecânico no Brasil. Enfatizou o forte compromisso do grupo com os investimentos (agosto de 2011). • A revista Mercado colocou a IMPSA entre 10 marcas líderes do ano, sendo uma das poucas multinacionais na Argentina e um dos principais nomes da indústria de energia renovável na América Latina (agosto de 2011). • A IMPSA Wind recebeu o Prêmio Top Engenharias 2011 na categoria Infraestrutura, Geração e Transmissão (Eólica/Biocombustíveis /Solar/Hydro/Térmica/Petróleo), Geração de Energia e Recursos Renováveis (agosto de 2011). • A IMPSA recebeu no Rio de Janeiro o Prêmio Destaque Empresarial Brasileiro em Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. O prêmio é nacional e foi promovido pela FIRJAN (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro) e pelo Instituto Ambiental Biosfera (agosto de 2011). • De acordo com o relatório do MERCO (Monitor de Reputação Corporativa), a IMPSA é a segunda empresa com melhor reputação na Argentina. Este ranking se baseia nas respostas a 415 questionários distribuídos aos gestores de grandes empresas e 250 especialistas de diversas áreas, tais como ONGs, analistas financeiros, membros de sindicatos, associações de consumidores e formadores de opinião. Também conta com a contribuição de 1.400 cidadãos (maio de 2010). Enrique Pescarmona recebe o prêmio de Trajetória Empresarial da revista Fortuna. O Presidente da IMPSA, Eng. Enrique Pescarmona, recebeu os seguintes reconhecimentos: • O CEO da IMPSA participou do programa “Los influyentes", transmitido pela CNN em espanhol. A série reuniu os CEOs das cinco maiores empresas da América Latina, operando em diferentes setores da economia da região (setembro de 2012). 42 Publicação da Revista Mercado: marcas de destaque do ano. • Através de seu Especial Excelência 2012, a revista América Economia destacou as grandes histórias de negócios de 2011, fazendo referência ao Eng. Pescarmona entre outros protagonistas dessas histórias: empresários, executivos e fornecedores, inovadores perseverantes que adotaram decisões no momento preciso, consolidando-se como líderes em seus respectivos mercados (fevereiro de 2012). • Empresário do Ano, elegido pela revista Entorno Econômico, assim como em 2009, pelas conquistas de suas empresas em nível local e global (dezembro de 2011). • Durante suas premiações anuais, a revista Fortuna distinguiu Enrique Pescarmona com o prêmio Trajetória Empresarial (agosto de 2011). • Prêmio Mendocino do Ano concedido pelo Diario UNO ao empresário de mais destaque do ano na província de Mendoza (dezembro de 2008). 43
  23. 23. 44 IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 5 IMPSA eo meio ambiente 45
  24. 24. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 O objetivo primordial da IMPSA é preservar o meio ambiente através de projetos de energia limpa e renovável. Nossas práticas internas e externas são consistentes com a nossa essência. 5.1 Sistema Integrado de Gestão (SIG): Qualidade, Meio Ambiente e Segurança Internamente, a IMPSA tem um Sistema Integrado de Gestão, que define normas e ações aplicáveis às fábricas e às obras. O SIG envolve programas de Responsabilidade Social Empresarial (RSE) que, entre seus objetivos, inclui a preservação do meio ambiente. 5.2 Certificações A IMPSA é uma empresa certificada pelas normas internacionais mais exigentes. O Sistema de Gestão da Qualidade, com mais de 30 anos de implementação, começou como uma exigência de nossos clientes. Hoje, é certificado de acordo com a norma internacional ISO 9001:2008. ISO 9001:2008 Sistema de Gestão de Qualidade (Quality Management Systems) Em março de 2009 esta norma foi recertificada de acordo com a nova versão da norma internacional, estipulando o seguinte escopo: Conceito, desenvolvimento, financiamento, gestão, design, compras, fabricação, montagem, instalação, montagem, comissionamento, operações iniciais, serviços pós-venda, operação, manutenção e suporte de equipamentos e obras civis, seja por meio de contratos para o fornecimento de equipamentos e estruturas de modo individual ou em regime de "chave na mão" ou "EPC" (Engineering, Procurement and Construction) para centrais de geração de energia elétrica - novas ou em modernização - e obras de infraestrutura. 46 5 5. IMPSA e o meio ambiente Política de Qualidade A Diretoria da IMPSA estabelece como Política de Qualidade a conformidade com os seguintes objetivos estratégicos: • Manter, graças a nossa qualidade e eficiência, a liderança da indústria de geração de energia através de fontes renováveis e assim ser reconhecida pelos nossos clientes, fornecedores, colaboradores e comunidade. • Superar nossas vendas, bem como a qualidade e confiabilidade de nossos produtos e serviços. • Priorizar a atualização contínua de tecnologias e processos, que são a ferramenta básica do crescimento da organização e do seu pessoal. • Buscar a inovação tecnológica, a capacitação contínua de nossa equipe e seu profissionalismo para a busca constante da excelência. • Melhorar continuamente a eficiência de nossos processos a fim de maximizar a nossa qualidade e rentabilidade. • Melhorar nossa competitividade, mantendo o compromisso com objetivos de qualidade, nos comprometendo a: Estimular a criatividade, a iniciativa e o sentido de responsabilidade de nossos colaboradores. Divulgar permanentemente as diretrizes de qualidade estabelecidas no Manual de Gestão de Qualidade e nos procedimentos do Sistema de Gestão de Qualidade. OHSAS 18001:2007 Sistema de Gestão de Saúde e Segurança Ocupacional (Occupational Health and Safety Management Systems) A IMPSA é certificada com o padrão OHSAS 18001:2007 e adota esta norma internacional como ferramenta de gestão proativa na prevenção de riscos ocupacionais, cumprindo os requisitos para sua plena implementação. Além disso, a avaliação dos resultados como elemento inovador é muito útil para completar o processo de prevenção, com base em indicadores usados para medir o resultado do planejamento inicial. O objetivo principal da empresa é proteger a vida dos trabalhadores, preservando e mantendo sua integridade física e psicológica, aprimorando os resultados através de um sistema de saúde e segurança ocupacional coerente com as diretrizes da OHSAS 18001:2007 e integrado à produção em todos os postos de trabalho. Escopo da norma: Gerenciamento de projetos de investimento, desenvolvimento, estrutura financeira, engenharia de projetos, aquisição, fabricação e construção, controle, assistência em projetos de chave na mão (EPC), reforço, reabilitação e modernização de centrais de geração hidrelétrica e eólica; equipamentos de içamento em geral e equipamentos de processo, componentes nucleares, equipamentos para construções de aço e construções metalúrgicas. ISO 14001:2004 Sistema de Gestão de Ambiental (Enviromental Management Systems) A IMPSA obteve a certificação do DNV (Det Norske Veritas) para a ISO 14001: 2004 (Sistemas de Gestão Ambiental). Assim, obteve o controle dos aspectos ambientais da IMPSA gerados na Planta I e II, que podem afetar o meio ambiente em condições normais, anormais ou de emergência. Escopo da norma: Gerenciamento de projetos de investimento, desenvolvimento, estruturação financeira, engenharia de projetos, aquisição, fabricação e construção, controle, assistência em projetos de chave na mão (EPC), reforço, reabilitação e modernização de centrais de geração hidrelétrica e eólica; equipamentos de içamento em geral e equipamentos de processo, componentes nucleares, equipamentos para construções de aço e construções metalúrgicas. 47
  25. 25. Dentre os resíduos produzidos pela IMPSA, predominam os recicláveis e reutilizáveis. Esta tendência tem se mantido constante. Tradicionalmente, a empresa mandava metal para reciclagem. A partir de 2008, foi implementado o Programa Ambiental Pontos Lim- pos, que consiste na coleta diferenciada de resíduos recicláveis e reutilizáveis, aumentando assim a taxa geral de reciclagem ao incorporar papel, papelão, plástico e vidro. Isto também envolve a doação dos rendimentos de sua venda para refeitórios comunitários. Este programa contribui indiretamente com a 5,76 3,37 26,39 2,87 18,48 5,6 13,3 2,3 40,43 53,82 70,25 78,65 78,99 81,1 2010 2011 2012 Total de resíduos gerados na Planta. Além disso… • Promovemos permanentemente a consciência ambiental dos nossos funcionários através de várias capacitações e ações de comunicação interna. • Nós nos comunicamos por meio de videoconferências (mais de 5.000 por ano) como medida para reduzir o impacto ambiental das viagens de negócios. Incentivar a comunicação interna e externa com critérios de transparência, informando os funcionários e partes interessadas sobre os objetivos alcançados e sobre os trabalhos em andamento voltados ao controle de riscos ocupacionais e aspectos ambientais. 5.4 Residuos 2009 redução da emissão de gases de efeito estufa produzidos a partir da degradação dos resíduos. Promover a conscientização ambiental, a autoproteção e a proteção coletiva entre funcionários, dando a todos a responsabilidade de realizar os objetivos com educação e capacitação. A empresa incentiva os funcionários e os capacita para que tenham ciência dos riscos ocupacionais a que estão expostos e da influência de suas atividades sobre o meio ambiente. E também para que tenham conhecimento, atitudes, habilidades, motivação e comportamento para trabalhar, individual ou coletivamente, com o controle de riscos ocupacionais e aspectos ambientais presentes ou futuros na IMPSA. Incorporar critérios relativos a meio ambiente, saúde e segurança no relacionamento com fornecedores e prestadores de serviços, tanto na tomada de decisões sobre adjudicação de contratos quanto nos pedidos de compra, influenciando diretamente em suas atividades ao solicitar que trabalhem com procedimentos e requisitos relativos a meio ambiente, saúde e segurança, conforme estipulado pela IMPSA e pelas normas de aplicação. 2008 • Comparáveis aos urbanos • Recicláveis e reutilizáveis • Perigrosos Realizar atividades, produtos e serviços de acordo com as exigências técnicas, requisitos legais e outros em vigor e aplicáveis à atividade da IMPSA no escopo de meio ambiente, saúde e segurança. Consideramos as normas internacionais e as tendências legislativas no planejamento de ações que possam ter impacto ambiental significativo ou gerar situações de risco ocupacional, principalmente nas áreas onde ainda não exista legislação aplicável. 5 6 75,15 2007 18,71 Investigar, de modo prioritário e integrado, as causas e fontes dos problemas de meio ambiente, saúde e segurança, antecipando-se aos efeitos nocivos que possam ser causados pelas atividades. A empresa considera fundamental a implementação de um sistema de gestão que garanta o compromisso com a prevenção da poluição e dos danos à saúde. Quando existe perigo, a falta de informação não é motivo para adiar medidas economicamente viáveis para prevenir a degradação ambiental e/ou danos à saúde e à segurança das pessoas. 4 3,35 1 2 Melhorar continuamente o sistema de gestão ambiental, saúde e segurança ocupacional, trabalhando pela otimização de desempenho da IMPSA no controle de seus aspectos ambientais e riscos ocupacionais. 21,5 A IMPSA é fornecedora global de soluções integrais para projetos de geração de energia. A empresa se compromete a trabalhar em cada empreendimento sob os seguintes princípios: Porcentagem PRINCÍPIOS DE MEIO AMBIENTE, SEGURANÇA E SAÚDE OCUPACIONAL • Desde 2010, colaboramos com a coleta de tampas de plástico para reciclagem, possibilitando a compra de brinquedos e material para a área de Oncologia Pediátrica do Hospital Infantil Humberto Notti, em Mendoza. Até agora, já foram entregues 104 kg em tampas. • Além disso, no processo da IMPSA são geradas mensalmente 30 toneladas de rebarbas. Este resíduo é vendido e a empresa compradora o transporta até Buenos Aires, onde é reciclado em altos fornos para produzir aço novamente. Resíduos reciclados e reutilizados (exceto metal) Toneladas IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 Residuos Planta II 5.3 Principios 3 48 5 5. IMPSA e o meio ambiente Papel • 2007 Papelão • 2008 Plástico • 2009 • 2010 Vidrio • 2011 Resíduos reutilizáveis • 2012 Doações de toneladas de resíduos. Os resíduos recicláveis (exceto metal) são doados à CONIN (Cooperadora para la Nutrición Infantil). 49
  26. 26. 2007 3082,05 2711,52 540,37 1183,53 1815,25 1891,48 Toneladas IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 5 5. IMPSA e o meio ambiente 2008 2009 2010 2011 Diferença entre a poluição gerada em uma usina de combustíve is fósseis e um parque eólico que utiliza recursos renováveis. 2012 Metal destinado a reciclagem. Os resíduos perigosos gerados na IMPSA pertencem a diversas categorias, principalmente óleos usados com água e resinas contaminadas com acetona. Óleos usados com água são enviados para tratamento, onde o óleo é recuperado para revenda. As águas residuais são tratadas antes do descarte final 5.5 Consumo responsável de energia Sempre preocupada com a preservação ambiental do planeta, a IMPSA presta atenção especial ao consumo mínimo de energia, sem perder a eficiência da produtividade. Assim, a empresa também contribui para reduzir a emissão de gases de efeito estufa. 5.6 Iniciativas para reduzir o consumo indireto de energia Foram desenvolvidos programas de conscientização sobre o uso eficiente de água, energia e gás na indústria: • Programa Consumo Sustentável de Gás Natural. • Programa Uso Eficiente de Energia Elétrica. • Programa Consumo Sustentável de Água. 50 5.7 Contribuição para a redução dos gases de efeito estufa A IMPSA faz uma contribuição muito importante para reduzir as emissões dos gases de efeito estufa através da produção de parques eólicos, oferecendo uma alternativa ecológica à geração de energia por combustíveis fósseis. 5.8 Programa de preparação para emergências naturais e tecnológicas A empresa tem uma brigada de emergência que recebe uma formação sistemática de acordo com um calendário anual de capacitação. Além disso… • Realizamos exercícios para atuar em caso de emergências naturais e tecnológicas. • Trabalhamos em conjunto com entidades externas para coordenar a evacuação em vias públicas. • Fornecemos centros de abastecimento para o controle de vazamentos em pontos estratégicos nas instalações produtivas. 51
  27. 27. 52 IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 6 Ética e Transparência 53
  28. 28. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 6 6. Ética e transparência A IMPSA tem o orgulho de promover boas práticas em ética e transparência. Isso se expressa por mais de um século de história sem registrar qualquer violação das leis ou outras disposições que regulem sua atividade nas comunidades onde atua. empresa analisa todas e cada uma de suas áreas de negócio, em termos de riscos de corrupção, que podem ser classificadas em dois níveis: A • Corrupção interna, que pode surgir nas relações internas da empresa e para a qual temos um procedimento e assistência on-line 24 horas, todos os dias do ano. • Corrupção externa, que pode ocorrer entre funcionários da IMPSA e terceiros, públicos ou pri- vados, para a qual a IMPSA também opera a linha. Para ambos os casos, um Código de Ética regula o comportamento dos funcionários e gestores da IMPSA. Ele define as diretrizes e normas de transparência e integridade que todos os funcionários da IMPSA devem cumprir ao redor do mundo. Em outras palavras, podemos dizer que tanto funcionários quanto gerentes têm o compromisso de cumprir e permitir que a empresa cumpra sua devida responsabilidade ética. Por outro lado, a linha de comunicação de irregularidades é um canal direto de comunicação entre a equipe e a Diretoria da empresa para que se possa saber (de forma anônima ou não) sobre a existência de irregularidades, seja contra o patrimônio da nossa organização ou casos que não favoreçam o bom ambiente de trabalho. Para isto, o serviço oferece o devido sigilo. Sendo assim, informações fornecidas por funcionários ou terceiros serão recebidas e processadas por pessoal qualificado e de fora da Planta da IMPSA em Recife, Brasil. organização, garantindo total independência e objetividade. Por sua vez, esta informação é enviada a um comitê que reúne a alta administração da empresa e a Diretoria de Auditoria Interna, que analisa em conjunto as implicações da informação e as medidas a tomar. É importante destacar que a colaboração de todos é muito valorizada. Quando alguma denúncia é feita, ela deve ser tratada de forma rápida, confidencial e profissional. 6.1 Governança corporativa Parque Eólico em Santa Catarina, no Brasil. 54 A estrutura de governança da empresa é composta pela Assembleia dos Acionistas, o Conselho de Administração e a Diretoria Executiva. A IMPSA tem procedimentos em seu mais alto órgão de governança para supervisionar a identificação e gestão, por parte da organização, do desempenho econômico, ambiental e social, incluindo riscos e oportunidades relevantes, e a adesão ou o cumprimento de normas, códigos de conduta ou acordos internacionais. O Conselho de Administração se reúne trimestralmente para analisar estes aspectos. Além disso, a Diretoria Executiva da empresa emite relatórios mensais de gestão, onde avalia aspectos econômicos, riscos e oportunidades de negócios. Por outro lado, a IMPSA tem procedimentos para avaliar o desempenho de seu mais alto órgão de governança. Os acionistas da empresa se reúnem anualmente para analisar os aspectos mencionados, avaliar a gestão do Conselho de Administração e aprovar as Demonstrações Financeiras Anuais. Além disso, o Conselho e a Diretoria Executiva da IMPSA realizam no mínimo uma reunião anual, na qual apresentam aos acionistas da IMPSA uma avaliação dos negócios e oportunidades para o futuro. 55
  29. 29. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 6 6. Ética e transparência 6.2 Direitos Humanos Nosso trabalho diário é baseado em altos padrões éticos e legais, e o respeito aos direitos humanos é inerente à atividade da IMPSA. É por isso que nossa empresa não ministrou O grande valor da IMPSA está em sua gente, que é conhecida por sua diversidade, compromisso, alta qualificação e capacidade de trabalhar em equipes multidisciplinares. Como empresa global, a IMPSA aproveita a multiplicidade de etnias, costumes, culturas e religiões de todos que nela trabalham dia a dia. Como resultado, nenhum conflito interno por tais motivos foi registrado. A empresa não tem operações envolvendo trabalho forçado ou obrigatório. Não houve, em relação à IMPSA, quaisquer casos relacionados à violação de direitos indígenas. capacitações sobre políticas e procedimentos relativos a direitos humanos relevantes para as operações, pois não existem problemas ou violações desses direitos. Não existem operações identificadas em que o direito de exercer a liberdade de associação e a negociação coletiva pode estar correndo risco. Pelo contrário: na IMPSA, se exerce o direito à liberdade de associação e avaliação periódica das condições salariais. Não existem operações com risco significativo de ocorrência de trabalho infantil, uma vez que não existem - e nunca existiram - casos de trabalho infantil na empresa em nível global. Todos os colaboradores da IMPSA ao redor do mundo são maiores de 18 anos, conforme as disposições legais trabalhistas. Planta da IMPSA em Recife, Brasil. 6.3 Fornecedores Ao selecionar fornecedores, priorizamos aqueles que estão na comunidade onde cada projeto é desenvolvido. A IMPSA realiza acordos com empreiteiras que formalizam cláusulas referentes a direitos humanos, tais como: • Não fazer uso direto ou indireto de trabalho infantil ou trabalho forçado. • Garantir um ambiente de trabalho seguro e saudável. • Garantir a liberdade de associação de seus funcionários. • Não permitir qualquer ato ou situação de discriminação. • Não permitir práticas disciplinares abusivas. 56 Centro de Produção da IMPSA na Argentina. Linha de denúncias Em nossos pedidos de compra constam o telefone e o endereço de e-mail da linha de denúncias para relatar qualquer irregularidade. Atualmente, a linha está disponível nas ordens de compra para o Brasil, mas a empresa está trabalhando para estendê-la a toda a organização. Acordo Ético Embora não haja procedimento ou mecanismo de Auditoria para fornecedores e empreiteiros, elaboramos um Acordo Ético a ser assinado no ato da contratação. Tal cláusula seria incorporada às ordens de compra, com o objetivo de atribuir a todos os fornecedores e empreiteiros a responsabilidade pela proteção dos direitos humanos, trabalhistas, ambientais, além do combate à corrupção. Meio ambiente Incluímos em contratos com fornecedores, empreiteiros e terceiros uma cláusula referente aos cuidados ambientais. 57
  30. 30. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 Referência 1 1.1 1.2 2 2.1 2.2 2.3 2.4 2.5 2.6 2.7 2.8 2.9 2.10 3 3.1 3.2 3.3 3.4 3.5 3.6 3.7 3.8 3.9 3.10 3.11 3.12 3.13 4 4.1 4.2 4.3 4.4 4.5 4.6 4.7 4.8 58 ÍNDICE DE INDICADORES GRI ÍNDICE DE INDICADORES GRI ESTRATÉGIA E ANÁLISE Declaração do detentor do cargo com maior poder de decisão na organização sobre a importância da sustentabilidade para a organização e sua estratégia. Págs. 3, 6 y 7 Descrição dos principais impactos, riscos e oportunidades. Pág. 55 PERFIL DA ORGANIZAÇÃO Nome da organização. Pág. 3 Principais marcas, produtos e/ou serviços. Págs. 10, 15, 16, 17, 18 y 19 Estrutura operacional da organização, incluindo principais divisões, unidades operacionais, subsidiárias e joint ventures. Págs. 10, 15, 16, 17, 18 y 19 Localização da sede da organização. Págs. 16 y 17 Número de países em que a organização opera e nome dos países em que suas principais operações estão localizadas ou são especialmente relevantes para as questões de sustentabilidade cobertas pelo relatório. Pág. 16 Tipo e natureza jurídica da propriedade. N/D Mercados atendidos. Págs. 10, 15, 16, 17, 18 y 19 Porte da organização que apresenta o relatório. Nota 2.8 Principais mudanças durante o período coberto pelo relatório. N/D Prêmios recebidos no período coberto pelo relatório. Cap. 4.5 PARÂMETROS PARA O RELATÓRIO Período coberto pelo relatório. 2010-2012 Data do relatório anterior mais recente. 2006-2007. Nota 3.2 Ciclo de emissão de relatórios. Bienal Dados para contato em caso de perguntas relativas ao relatório ou a seu conteúdo. Nota 3.4 Processo para definição do conteúdo do relatório. Nota 3.5 Limite do relatório (países, divisões, subsidiárias, etc). Global. Nota 3.6 Limitações específicas quanto ao escopo ou ao limite do relatório. Págs. 2, 6 y 7. Nota 3.7 Aspectos que possam afetar a comparabilidade entre períodos e/ou organizações. N/A Técnicas de medição de dados para elaborar os indicadores. Nota 3.9 Explicação das consequências de reformulações de informações fornecidas em relatórios anteriores. N/A Mudanças significativas em comparação com anos anteriores no que se refere a escopo, limite ou métodos de medição aplicados no relatório. Pág. 3 Tabela que identifica a localização das informações no relatório. Págs. 58, 59, 60, 61 y 62 Política e prática atual relativa à busca de verificação externa para o relatório. N/D GOVERNANÇA, COMPROMISSOS E ENGAJAMENTO Estrutura de governança da organização. Cap. 6.1 Indicação caso o presidente do mais alto órgão de governança também seja um diretor exec. Nota 4.2 Número de membros independentes ou não executivos do mais alto órgão de governança. N/D Mecanismos para que acionistas e empregados façam recomendações ao mais alto órgão de governança. N/D Relação entre remuneração para membros da diretoria executiva e o desempenho da organização. N/D Processos em vigor no mais alto órgão de governança para assegurar que conflitos de interesse sejam evitados. N/D Processo para determinação das qualificações e conhecimento dos membros do mais alto órgão de governança em sustentabilidade com relação a temas econômicos, ambientais e sociais. Cap. 6.1 Declarações de missão e valores, códigos de conduta e princípios internos relevantes para o desempenho econômico, ambiental e social, assim como o estágio de sua implementação. Págs. 10, 11, 54 y 55 Referência Procedimentos do mais alto órgão de governança para supervisionar a identificação e gestão, por parte da organização, do desempenho econômico, ambiental e social, incluindo riscos e oportunidades relevantes, e a adesão ou o cumprimento de normas, códigos de conduta ou acordos internacionais Pág. 55 4.10 Processos para a autoavaliação do desempenho do mais alto órgão de governança, especialmente com respeito ao desempenho econômico, ambiental e social. Págs. 29 y 55 4.11 Explicação de se e como a organização aplica o princípio da precaução e da maneira que faz. N/D 4.12 Cartas, princípios ou outras iniciativas desenvolvidas externamente de caráter econômico, ambiental e social que a organização subscreve ou endossa. Pág. 3 4.13 Participação em associações e/ou organismos nacionais/internacionais de defesa. N/D 4.14 Relação de grupos de stakeholders engajados pela organização. Págs. 22, 32, 33, 34, 35, 36, 37, 38, 39, 40 y 53 4.15 Base para a identificação e seleção de stakeholders com os quais se engajar. Págs. 22, 32 y 57 4.16 Abordagens para o engajamento dos stakeholders, incluindo a frequência do engajamento por tipo e por grupos de stakeholders. N/D 4.17 Principais temas e preocupações que foram levantados por meio do engajamento dos stakeholders e que medidas a organização tem adotado para tratá-los (por exemplo, através da preparação de relatórios). N/D 5 ASPECTO ECONÔMICO EC 1 Valor econômico direto gerado e distribuído, incluindo receitas, custos operacionais, remuneração de empregados, doações e outros investimentos na comunidade, lucros acumulados e pagamentos para provedores de capital. Nota 5 EC 2 Implicações financeiras e outros riscos e oportunidades em decorrência de mudanças climáticas. “ EC 3 Cobertura das obrigações da organização segundo um plano de benefício definido. “ EC 4 Assistência financeira recebida do governo. “ EC 5 Variação da proporção do salário mais baixo comparado ao salário-mínimo local em unidades operacionais importantes. “ EC 6 Políticas, práticas e proporção de gastos com fornecedores locais em unidades operacionais importantes. “ EC 7 Procedimento para contratação e proporção de alta gerência local. “ EC 8 Investimentos em infraestrutura e serviços para benefício público. “ EC 9 Identificação e descrição de impactos econômicos indiretos significativos, incluindo a extensão do impacto. “ 6 MEIO AMBIENTE AM 1 Materiais usados por peso ou volume. N/D AM 2 Percentual dos materiais usados provenientes de reciclagem. Págs. 48, 49 y 50 AM 3 Consumo de energia direta discriminado por fonte de energia primária. N/D AM 4 Consumo de energia indireta, discriminando por fonte de energia primária. N/D AM 5 Energia economizada em virtude de melhorias em conservação e eficiência. N/D AM 6 Iniciativas para fornecer produtos e serviços eficientes com base em energias renováveis, e a redução na necessidade de energia resultante dessas iniciativas. Págs. 10, 11, 15, 16, 17, 18 y 19 AM 7 Iniciativas para reduzir o consumo de energia indireta e as reduções obtidas. Pág. 50 AM 8 Total de água retirada por fonte. N/D AM 9 Fontes hídricas significativamente afetadas por retirada de água. N/D AM 10 Percentual e volume total de água reciclada e reutilizada. N/D AM 11 Localização e tamanho da área possuída, arrendada ou administrada dentro de àreas protegidas, ou adjacentes a elas, como a outras do alto valor pela sua biodiversidade. Págs. 16 y 17 4.9 59
  31. 31. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 ÍNDICE DE INDICADORES GRI AM 12 AM 13 AM 14 AM 15 AM 16 AM 17 AM 18 AM 19 AM 20 AM 21 AM 22 AM 23 AM 24 AM 25 AM 26 AM 27 AM 28 AM 29 AM 30 7 LA 1 LA 2 LA 3 LA 4 LA 5 LA 6 LA 7 LA 8 LA 9 LA 10 LA 11 LA 12 60 Referência Descrição de impactos significativos na biodiversidade de atividades, produtos e serviços. N/D Habitats protegidos ou restaurados. N/D Estratégias, medidas em vigor e planos futuros para a gestão de impactos na biodiversidade. N/D Número de espécies na Lista Vermelha da IUCN e em listas nacionais de conservação com habitats em áreas afetadas por operações, discriminadas pelo nível de risco de extinção. N/D Total de emissões diretas e indiretas de gases causadores de efeito estufa, por peso. Nota AM16 Total de emissões diretas e indiretas de gases causadores de efeito estufa, por peso. Nota AM17 Iniciativas para reduzir as emissões de gases causadores de efeito Págs. 10, 11, 13, 15, estufa e as reduções obtidas. 16, 17, 18, 19 y 50 Emissões de substâncias destruidoras da camada de ozônio, por peso. N/D NOx, SOx e outras emissões atmosféricas significativas, por tipo e peso. N/D Descarte total de água, por qualidade e destinação. N/A Peso total de resíduos, por tipo e métodos de disposição. Págs. 48, 49 y 50 Número e volume total de derramamentos significativos. N/A Peso de resíduos transportados considerados perigosos. P/D pág. 50 Identificação, tamanho, status de proteção e índice de biodiversidade de corpos d'água e hábitats relacionados significativamente afetados. N/D Iniciativas para mitigar os impactos ambientais de produtos e serviços e a extensão da redução desses impactos. Págs. 6, 7, 10, 11, 15 y 25 Percentual de produtos e suas embalagens recuperados em relação ao total de produtos vendidos, por categoria. Nota AM 27 Valor monetário de multas significativas e número total de sanções não monetárias resultantes da não conformidade com leis e regulamentos ambientais. Nota AM 28 Impactos ambientais significativos do transporte de produtos e outros bens e materiais usados. P/D pág. 49 Total de investimentos e gastos em proteção ambiental, por tipo. N/D PRÁTICAS TRABALHISTAS E TRABALHO DECENTE Total de trabalhadores por tipo de emprego, contrato de trabalho e região. Pág. 22 Número total e taxa de rotatividade de empregados, por faixa etária, gênero e região. N/D Benefícios oferecidos a empregados de tempo integral que não são oferecidos a empregados temporários ou em regime de meio período. Págs. 22 y 23 Percentual de empregados abrangidos por acordos de negociação coletiva. N/D Prazo mínimo para notificação com antecedência referente a mudanças operacionais, incluindo se esse procedimento está especificado em acordos de negociação coletiva. Pág. 24 Percentual dos empregados representados em comitês formais de segurança e saúde. N/D Taxa de lesões, doenças ocupacionais, dias perdidos, absenteísmo e óbitos relacionados ao trabalho. N/D Programas de educação, capacitação, aconselhamento, prevenção e controle Págs. de risco em andamento para dar assistência a empregados, seus familiares 24, 25, 26, ou membros da comunidade com relação a doenças graves. 27, 28 y 29 Temas relativos a segurança e saúde cobertos por acordos formais com sindicatos. N/D Média de horas de treinamento por ano, por empregado, discriminadas por categoria funcional. N/D Programas para gestão de competências e aprendizagem contínua que apoiam a continuidade da empregabilidade dos funcionários e para gerenciar o fim da carreira. N/D Percentual de empregados que recebem análises de desempenho e desenvolvimento de carreira. Pág. 29 ÍNDICE DE INDICADORES GRI LA 13 LA 14 8 DH 1 DH 2 DH 3 DH 4 DH 5 DH 6 DH 7 DH 8 DH 9 9 SO 1 SO 2 SO 3 SO 4 SO 5 SO 6 SO 7 SO 8 10 PR 1 PR 2 PR 3 PR 4 Referência Composição dos grupos responsáveis pela governança corporativa e discriminação de empregados por categoria, de acordo com gênero, faixa etária, minorias e outros indicadores de diversidade. P/D- Pág. 55 Proporção do salário-base entre trabalhadores homens e trabalhadoras mulheres, por categoria funcional. N/D DIREITOS HUMANOS Contratos de investimentos significativos que incluam cláusulas referentes a direitos humanos ou foram submetidos a avaliações sobre o tema. N/D Percentual de empresas contratadas e fornecedores críticos que foram submetidos a avaliações referentes a direitos humanos, e as medidas tomadas. P/D. Pág. 57 Total de horas de treinamento para empregados em políticas e procedimentos relativos a aspectos de direitos humanos. Pág. 56 Número total de casos de discriminação e as medidas tomadas. Pág. 56 Operações identificadas em que o direito de exercer a liberdade de associação e a negociação coletiva pode estar correndo risco. Pág. 56 Operações com risco de ocorrência de trabalho infantil e medidas para contribuir com sua erradicação. Pág. 56 Operações com risco de ocorrência de trabalho forçado ou análogo ao escravo e medidas para contribuir com sua erradicação. Pág. 56 Pessoal de segurança submetido a treinamento relativo a políticas ou procedimentos da empresa com relação a direitos humanos pertinentes às operações. Págs. 54 y 55 Número total de casos de violação de direitos dos povos indígenas e medidas tomadas.. P.56 SOCIEDADE Programas e práticas para avaliar e gerir os impactos das operações nas comunidades. N/D Percentual e unidades de negócios submetidas a avaliações de riscos relacionados a corrupção. Pág. 55 Percentual de empregados treinados nas políticas e nos procedimentos anticorrupção da organização. N/D- Nota SO 3 Medidas tomadas em resposta a casos de corrupção. Págs. 54 y 55 Posições quanto a políticas públicas e participação na elaboração de políticas públicas e lobbies Pág. 32 Contribuições financeiras e em espécie para partidos políticos, políticos ou instituições relacionadas, por país. N/A Número de ações judiciais por concorrência desleal, práticas de truste e monopólio. Nenhuma Valor monetário de multas significativas e número total de sanções não monetárias resultantes da não conformidade com leis e regulamentos. Não contamos com nenhuma RESPONSABILIDADE SOBRE PRODUTOS Fases do ciclo de vida de produtos e serviços em que os impactos na saúde e segurança são avaliados visando a melhoria na saúde e segurança dos clientes. N/D Casos de não-conformidade com regulamentos e códigos voluntários relacionados aos impactos causados por produtos e serviços na saúde e segurança durante o ciclo de vida. N/A Tipo de informação sobre produtos e serviços exigida por procedimentos de rotulagem e percentual de produtos e serviços sujeitos a tais requisitos de informação. N/D Casos de não-conformidade com regulamentos e códigos voluntários relacionados a informações e rotulagem de produtos e serviços, por tipo de resultado. N/A 61
  32. 32. IMPSA • RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE • 2010 / 2012 ÍNDICE DE INDICADORES GRI PR 5 PR 6 PR 7 PR 8 PR 9 Pág. 18 Pág. 18 N/A N/A N/A N/D: Não desenvolvido para este relatório. N/A: Não se aplica a esta organização. P/D: Parcialmente desenvolvido no relatório Nota: As notas se encontram ao final deste relatório. REFERÊNCIAS CRUZADAS ENTRE PACTO GLOBAL E GRI Áreas Direitos Humanos Princípios do PG Princípio 1. As empresas devem apoiar e respeitar a proteção dos direitos humanos reconhecidos internacionalmente. Princípio 2. As empresas devem certificar-se de que não são cúmplices em abusos dos direitos humanos. Trabalho Princípio 3. As empresas devem defender a liberdade de associação e o reconhecimento efetivo do direito à negociação coletiva. Princípio 4. As empresas devem defender a eliminação de todas as formas de trabalho forçado ou compulsório. Princípio 5. As empresas devem defender a erradicação efetiva do trabalho infantil. Princípio 6. As empresas devem defender a eliminação da discriminação no emprego e ocupação. Meio ambiente Princípio 7. As empresas devem apoiar uma abordagem preventiva sobre os desafios ambientais. Princípio 8. As empresas devem desenvolver iniciativas a fim de promover maior responsabilidade ambiental. Princípio 9. As empresas devem incentivar o desenvolvimento e a difusão de tecnologias ambientalmente sustentáveis. Combate à corrupção Princípio 10. As empresas devem combater a corrupção em todas as suas formas, inclusive extorsão e propina. 62 Referência Práticas relacionadas à satisfação do cliente, incluindo resultados de pesquisas que medem essa satisfação. Programas de adesão a leis, normas e códigos voluntários relacionados a comunicações de marketing, incluindo publicidade, promoção e patrocínio. Casos de não-conformidade com regulamentos e códigos voluntários relativos a comunicações de marketing, incluindo publicidade, promoção e patrocínio. Número total de reclamações comprovadas relativas a violação de privacidade e perda de dados de clientes. Valor monetário de multas por não-conformidade com leis e regulamentos relativos ao fornecimento e uso de produtos e serviços. Indicadores GRI pertinentes LA8-LA13-DH2-DH3-DH4DH5-DH6-DH7-DH8-DH9-SO5 DH2-DH3-DH4-DH5-DH6DH7-DH8-DH9-SO5 DH2-DH3-DH5-LA5-SO5 DH2-DH3-DH7-SO5 DH2-DH3-DH6-SO5 DH2-DH3-DH4-LA13-SO5 AM18-AM26-SO5. AM2-AM6-AM7-AM11-AM18AM22-AM26-SO5 AM2-AM6-AM7-AM18AM26-SO5 SO2-SO4-SO5 NOTAS Nota 2.8: As informações do relatório foram centralizadas e sistematizadas pela área de Relações Institucionais da IMPSA. Entretanto, os dados fornecidos para a elaboração do mesmo vieram de todas as Unidades de Negócios da IMPSA. Nota 3.2: O relatório anterior mais recente corresponde ao período 2006-2007. Posteriormente, foram publicados cinco Comunicados de Progresso (informativo anual) que se encontram disponíveis no site do Pacto Global das Nações Unidas: www.unglobal.compact.org. Nota 3.4: Valeria M. García. valeria.garcia@impsa.com. Tel 54-261-4054139. Nota 3.5: O conteúdo do relatório foi definido conforme os requisitos da GRI e de acordo com as informações disponíveis para inclusão neste documento. Nota 3.6: O presente relatório tem escopo global. Sendo assim, envolve todos os centros de produção e escritórios da IMPSA ao redor do mundo. Nota 3.7: Este documento foi elaborado tendo em conta os locais onde a IMPSA está presente. Nota 3.9: As informações contidas neste relatório foram compiladas a partir de dados fornecidos por diferentes áreas de trabalho da IMPSA. Nota 4.2: Também exerce uma função executiva. Nota Cap. 5: Todos os aspectos econômicos da IMPSA estão dispostos nos documentos anuais “Relatório e Balancete” da empresa, que se encontram publicados no site da Comissão de Valores Mobiliários da Argentina (CNV, Comisión Nacional de Valores) www.cnv.gob.ar. Nota AM 16: Em desenvolvimento. Página da web da IMPSA. Nota AM 17: Em desenvolvimento. Página da web da IMPSA. Nota AM 27: A embalagem é recuperada por alguns clientes. Nota AM 28: Não foram recebidas sanções ou multas por desconformidades ambientais. Nota SO 3: Não obstante, existe um Código de Ética e Boa Conduta da IMPSA. 63

×