MOUSE & 
BYOD
MOUSE
O PRIMEIRO MOUSE 
Inventado por Bill English, porem Douglas 
Engelbart, apresentou este periférico pela 
primeira vez em 9...
O PRIMEIRO APRIMORAMENTO DO MOUSE 
A partir de 1980, a Apple Inc. passou a utilizar o mouse como dispositivo 
apontador em...
O MOUSE 
O mouse é um periférico de entrada que em sua historia se “juntou” ao teclado 
como auxiliar no processo de entra...
BYOD
BYOD 
A consumerização de TI é um fato, e com este fenômeno surge o movimento 
chamado de BYOD, ou Bring Your Own Device. ...
VANTAGENS 
Muitas indústrias estão adotando BYOD mais rápido do que outros. Setor de 
educação tem o maior percentual de p...
DESVANTAGENS 
Segurança da Informação, os funcionários podem perde ou ate mesmo ser 
roubado. 
Imagine a situação onde voc...
Mouse & BYOD
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Mouse&Byod

150 visualizações

Publicada em

Mouse&Byod

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
150
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mouse&Byod

  1. 1. MOUSE & BYOD
  2. 2. MOUSE
  3. 3. O PRIMEIRO MOUSE Inventado por Bill English, porem Douglas Engelbart, apresentou este periférico pela primeira vez em 9 de dezembro de 1968. O mouse constituía-se então em uma pequena caixa de madeira com apenas um botão.
  4. 4. O PRIMEIRO APRIMORAMENTO DO MOUSE A partir de 1980, a Apple Inc. passou a utilizar o mouse como dispositivo apontador em seus micros Apple Lisa. Desde então, o periférico tornou-se parte integrante dos atuais PCs. Ganhou uma esfera, para que pudesse transmitir, com mais precisão, os movimentos. • Scroll: roda usada para rolar a tela. • Óptico: a esfera desaparece e todos o conjunto mecânico que era responsável pela leitura do movimento passa a ser óptico.
  5. 5. O MOUSE O mouse é um periférico de entrada que em sua historia se “juntou” ao teclado como auxiliar no processo de entrada de dados, ele funciona como um apontador sobre a tela do computador e disponibiliza normalmente, quatro tipos de operações: movimento, clique, duplo clique, e o “arrastar e soltar”. 1. A bola, que faz girar a roldana; 2. Roldana que irá alterar a passagem de luz entre o LED e o sensor; 3. Sensor fotoeléctrico; 4. Botão de clique (esquerdo); 5. LED.
  6. 6. BYOD
  7. 7. BYOD A consumerização de TI é um fato, e com este fenômeno surge o movimento chamado de BYOD, ou Bring Your Own Device. Isto significa que os funcionários estão usando tablets e smartphones no seu dia a dia e querem trazê-los para seus ambientes de trabalho. BYOD, em português “Traga seu próprio dispositivo”, é a política que permite que os funcionários traga dispositivos móveis, de propriedade pessoal, para o seu local de trabalho e usar esses dispositivos com ferramenta de trabalho.
  8. 8. VANTAGENS Muitas indústrias estão adotando BYOD mais rápido do que outros. Setor de educação tem o maior percentual de pessoas que utilizam BYOD para trabalhar. Alguns dos benefícios que o uso dessa política trás: • Permite aos funcionários utilizar as tecnologias que ele está mais acostumado, para fins produtivos na empresa em que trabalha. • Reduz os custos da companhia na compra de equipamentos, economia real.
  9. 9. DESVANTAGENS Segurança da Informação, os funcionários podem perde ou ate mesmo ser roubado. Imagine a situação onde você permitiu a um vendedor usar seu notebook e ele baixou as planilhas com as regras comerciais e relatórios da empresa e, este equipamento foi roubado/furtado
  10. 10. Mouse & BYOD

×