Matematica projeto sexualidade

3.223 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.223
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
78
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
61
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Matematica projeto sexualidade

  1. 1. PROJETO SEXUALIDADE Profª Patrícia Correa
  2. 2. Faça alguns cálculos das informações obtidas em jornais, revistas e em sites. 1) A cada mês, morrem 4 crianças filhas de mães adolescentes, em Campo Grande. Retirado: Jornal Correio do Estado do dia 19/09/2011. Em 2 anos quantas crianças perdem a vida? 2) Em 2010, das 169 crianças menores que 1 ano faleceram, 50 eram filhas de adolescentes. Qual é a porcentagem que isso representa nestas mortes? Retirado: Jornal Correio do Estado do dia 19/09/2011.
  3. 3. 3) Embora abaixo do nível de reposição da população, que seria de dois filhos em média por mulher, a taxa de fecundidade média das brasileiras (1,94 filho por mulher em 2009) apresenta importantes desigualdades sobretudo em função da escolaridade. No país como um todo, as mulheres com até 7 anos de estudo tinham, em média, 3,19 filhos, quase o dobro do número de filhos (1,68) daquelas com 8 anos ou mais de estudo (ao menos o ensino fundamental completo). Além de terem menos filhos, a mulheres com mais instrução eram mães um pouco mais tarde (com 27,8 anos, frente a 25,2 anos para as com até 7 anos de estudo) e evitavam mais a gravidez na adolescência: entre as mulheres com menos de 7 anos de estudo, o grupo etário de 15 a 19 anos concentrava 20,3% das mães, enquanto entre as mulheres com 8 anos ou mais de estudo, a mesma faixa etária respondia por 13,3% da fecundidade. RETIRADO: http://www.ibge.gov.br/home/presidencia/noticias/noticia_visualiza.php?id_noticia=1717&id_pagina=1 Escreva em forma de fração as médias de filhos, as médias de idade e as porcentagem de fecundidade.
  4. 4. 5) "Cresce, em todo o País, o número de partos feitos em adolescentes com idade entre 10 e 19 anos. Somente em 1999, de um total de 2,5 milhões de partos realizados, cerca de 700 mil foram de mães nesta faixa etária”. RETIRADO: http://boasaude.uol.com.br/ Qual é a porcentagem de partos realizado em adolescentes no ano de 1999? 6) Cerca de 20% dos casos de gravidez na adolescência ocorrem nos primeiros meses de vida sexual e, entre 40% e 50%, no primeiro ano. RETIRADO: http://boasaude.uol.com.br/ Escreva em forma de número decimal as porcentagens indicadas no texto. 4) O número de adolescentes grávidas no estado de São Paulo passou de 148.018 casos, em 1998, para 92.812, em 2009. Retirado: AGêNCIA BRASIL 26/07/2011 Essa redução foi de quantos porcentos?
  5. 5. 7) Observe o gráfico e responda: Qual o motivo que apresentou maior variação entre as escolas? Qual o motivo que apresentou menor variação entre as escolas? Qual o motivo que não houve variação entre as escolas? Na escola privada qual motivo apresentou maior porcentagem? Na escola publica qual motivo apresentou menor porcentagem?
  6. 6. 8) Estudos de vários países tem demonstrado a crescente ocorrência de AIDS entre os adolescentes, sendo que, atualmente as taxas de novas infecções são maiores entre a população jovem. Quase metade dos novos casos de AIDS ocorre entre os jovens com idade entre 15 e 24 anos. Considerando que a maioria dos doentes está na faixa dos 20 anos, conclui-se que a grande parte das infecções aconteceu no período da adolescência, uma vez que a doença pode ficar por longo tempo assintomática. Hoje, as mulheres representam quase metade dos jovens infectados. Estudos mostram que a gravidade da doença varia marcadamente de acordo com o tipo de transmissão. Assim sendo, os indivíduos jovens que adquirem o vírus através do contato sexual costumam manter-se assintomáticos por algum tempo, mas possuem o número de linfócitos T CD4 menor que 410/ml (o que representa uma disfunção imunológica moderada). RETIRADO: http://boasaude.uol.com.br/ Você sabe o que é AIDS? Descreva.

×