SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 19
Baixar para ler offline
Gestão da aula e as mudanças com a
          introdução do Laptop Educacional
                                  1




                            Mariza Mendes

                       mariza-mendes@uol.com.br




Mariza Mendes - 2010
Artigo baseado na dissertação
                 de Mestrado
                                      2


                    INTRODUÇÃO DO LAPTOP
                 EDUCACIONAL EM SALA DE AULA:
                   INDÍCIOS DE MUDANÇAS NA
                 ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DA AULA



   Tese de Mestrado em Educação pela Universidade
   Católica de São Paulo sob a orientação da Profª
   Drª Maria Elizabeth B. de Almeida - 2008


Mariza Mendes - 2010
Sobre a pesquisa
                                3


   Investigação exploratória.

   Desenvolvida sobre um experimento em andamento com o
   uso do Laptop Educacional em uma escola pública da
   cidade de Palmas, em Tocantins, no âmbito do Projeto Um
   Computador por Aluno – Projeto UCA, do Ministério da
   Educação – MEC do Brasil.

   Dados coletados a partir de entrevistas, análise dos
   registros da escola e observações feitas em aulas.

Mariza Mendes - 2010
Reflexão sobre os indícios de mudanças na gestão da
       aula com o uso do Laptop Educacional
                                        4

   Gestão da aula – fazer docente e as múltiplas ações que o professor realiza
    como protagonista do processo de ensino e aprendizagem em sala de aula



     Ações que se
   manifestam nas
                         A aula não é um ato
      atividades
                            em si, mas um
     cotidianas do
                           agrupamento de         Ao trabalhar um
 professor de acordo
                         ações organizadas e       tema e ao usar
 com a necessidade e
                             previamente         estratégias em aula
  com a realidade de
                          planejadas para se          existe uma
    cada momento.
                          atingir uma meta.       intencionalidade
                              (objetivo)         que foi previamente
                                                      planejada.



Mariza Mendes - 2010
Ações reflexivas e prática da atuação do professor
                                         5

      Fazer cíclico para a criação de ambientes de aprendizagem significativos



                                   Planejamento




                       Avaliação                     Prática pedagógica




Mariza Mendes - 2010
Ambientes de aprendizagem
                                        6


            Sociedade
          Informacional                                Organizar,
                                                       estabelecer
                                                        relações e
                                                       direcionar
                                                          essas
                               Novo papel do
                                                      informações
                                 professor

       Novo papel da
          escola             Propiciar condições para que os alunos
                              se insiram no contexto da sociedade,
                              por meio de acesso a informações, a
                              interpretação e estabelecimento das
                                 relações e como consequência a
                                   produção do conhecimento

Mariza Mendes - 2010
Com o Laptop Educacional em sala de aula
                      Um novo cenário

                Características dos
               Laptops Educacionais


     Conectividade           Mobilidade



                   Novas formas              Novas relações
                                             em sala de aula



         Interação          Comunicação

                                          Nova forma de organização
                                               e gestão da aula

Mariza Mendes - 2008
O papel do professor
                                        8
                                                        Levando o aluno a
  Mediador,
                                                       coletar informações,
  facilitador,
                                                          relacioná-las,
incentivador e         Ponte entre o
                                            Como          organizá-las,
motivador da            aluno e sua                       manipulá-las e
aprendizagem           aprendizagem,                   compartilhá-las com
                          criando                          os colegas e
                        situações de                       professores
                       aprendizagem                    (interaprendizagem)
                        para que os
Masseto, 2000
                       alunos atinjam
                       seus objetivos              Construção do conhecimento

Mariza Mendes - 2010
9




            Reflexão sobre os indícios de
            mudanças na gestão da aula
                com o uso do Laptop
                    Educacional
Mariza Mendes - 2010
Resultados da pesquisa exploratória
                                10


   O planejar tornou-se uma necessidade e não mais uma
   obrigação burocrática;

   O professor precisa ter clareza dos objetivos da aula e da
   necessidade de prever a ampliação dos temas abordados;

   O professor não é mais o detentor do saber, mas o
   mediador mais experiente e que também participa da ação
   de aprendiz.


Mariza Mendes - 2010
Temas emergentes
                                11




   Aprendizagem colaborativa;

   Autonomia dos alunos;

   Necessidade de mudança nas estratégias pedagógicas;

   Aumento da interação entre alunos e alunos-professor.
Mariza Mendes - 2010
Interação alunos-professor
                                   12


   Da relação de troca de experiências, onde o aluno ajuda o
   professor no manuseio do Laptop Educacional e por conta
   disso ele se sente participante ativo do processo
   educacional e assume uma atitude de compromisso e
   abertura para aprendizagem.

   O professor deixa o ensino centrado na transmissão da
   informação e se coloca como mediador do processo e
   muitas vezes de aprendiz em formação.

Mariza Mendes - 2010
Currículo
                               13


   Os professores declaram que os alunos vão além dos
   conteúdos programados, demonstrando interesse por
   conteúdos novos e atualizados.

   Ao estarem com os laptop Educacionais conectados a
   Internet, tem a facilidade de buscar novos conteúdos que
   estão acessíveis no momento em que tem a curiosidade e
   portanto o significado.



Mariza Mendes - 2010
Considerações finais
                                    14

   Evidenciou-se que o Laptop Educacional introduzido na sala de aula
   trouxe mudanças na gestão da aula;

   Demonstrou a necessidade de planejamento;

   Que a prática depende dos atores que compõe a sala de aula;

   A necessidade de uma nova postura do professor (mediador);

   Na avaliação, a necessidade de reflexão constante no caminhar
   (reflexão-ação-reflexão); e

   Que novas práticas de gestão de aula vão melhor se estruturando a
   medida em que o experimento do projeto dos Laptop Educacionais se
   aprofunda na implantação na escola.
Mariza Mendes - 2010
15


   De acordo com os avanços tecnológicos e as
   introduções dessas tecnologias em sala de aula, um
   novo panorama na educação, mais especificamente
   na forma de ensinar e aprender vai se tornando
   evidente e mudanças na forma de gestão da aula vão
   se tornando necessárias.



Mariza Mendes - 2010
Mariza Mendes
                         mariza-mendes@uol.com.br
                                       16

                        Mestre em Educação pela PUC/SP.

Formadora do Projeto Gestão Escolar e Tecnologias - PUC/SP;

Membro do Grupo de Pesquisa em Novas Tecnologias – PUC/SP;

Consultora e docente do curso de formação de Professores em
         Docência Superior - SENAC/SP em Novas Tecnologias
                              aplicadas a Educação;

 Docente no curso de Pedagogia em Metodologia do Ensino da
                         Matemática - Faculdade Sumaré.
 Mariza Mendes - 2010
Contexto do estudo


   A seleção do local

      Colégio Estadual Dom Alano Du Noday – Cidade de Palmas – TO

      Razões que levaram a escolha do local

          Escola pública, de porte médio e com EF e EM

          Orientação da equipe do projeto realizado pela PUC SP




Mariza Mendes - 2008
Sociedade informacional

                                         18




    Castells, 1999, entende que as mudanças sociais sofreram um processo
    interativo e a sociedade modela e é modelada pela tecnologia. Analisando
    desde a telemática até a biologia genética o que prevalece é a informação que

    vai dar origem a um novo modo de desenvolvimento.




Mariza Mendes - 2010
Com o Laptop Educacional
                                      19

   Com a introdução do Laptop Educacional em sala de aula o grande
   desafio é que ele passa a fazer parte do novo cenário de sala de aula e
   por ser um equipamento que propicia mobilidade inerente à
   portabilidade associada à conectividade, leva a ampliação dos espaços
   de aprendizagem, a participação em rede de aprendizagem, o trabalho
   colaborativo e a possibilidade de contato com outras culturas. Os
   recursos trazidos por essa tecnologia vem possibilitar estratégias
   diferenciadas de trabalho em sala de aula que vai implicar diretamente
   na forma de planejar a aula, a prática pedagógica e a avaliação.



Mariza Mendes - 2010

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pré-projeto de Mestrado: Interface Lúdica para Ensino Remoto de Conteúdos de ...
Pré-projeto de Mestrado: Interface Lúdica para Ensino Remoto de Conteúdos de ...Pré-projeto de Mestrado: Interface Lúdica para Ensino Remoto de Conteúdos de ...
Pré-projeto de Mestrado: Interface Lúdica para Ensino Remoto de Conteúdos de ...José Neres de Almeida Junior
 
PROJETO DE PESQUISA - EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CEFET - RJ- UFF - Prof. Noe Assunção
PROJETO DE PESQUISA - EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CEFET - RJ- UFF - Prof. Noe AssunçãoPROJETO DE PESQUISA - EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CEFET - RJ- UFF - Prof. Noe Assunção
PROJETO DE PESQUISA - EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CEFET - RJ- UFF - Prof. Noe AssunçãoProf. Noe Assunção
 
A motivação nos cursos EaD: uma questão de envolvimento
A motivação nos cursos EaD: uma questão de envolvimentoA motivação nos cursos EaD: uma questão de envolvimento
A motivação nos cursos EaD: uma questão de envolvimentoantonio sérgio nogueira
 
Plano de ação apresentação para a reunião pedagogica2
Plano de ação   apresentação para a reunião pedagogica2Plano de ação   apresentação para a reunião pedagogica2
Plano de ação apresentação para a reunião pedagogica2Sarah H. Mendes
 
DIMENSÕES DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: PIBID E COMUNIDADES DE PR...
DIMENSÕES DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: PIBID E COMUNIDADES DE PR...DIMENSÕES DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: PIBID E COMUNIDADES DE PR...
DIMENSÕES DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: PIBID E COMUNIDADES DE PR...ProfessorPrincipiante
 
CONTRIBUIÇÕES DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA NA FORMAÇÃO CONTINUADA1Artigo
CONTRIBUIÇÕES DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA NA FORMAÇÃO CONTINUADA1ArtigoCONTRIBUIÇÕES DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA NA FORMAÇÃO CONTINUADA1Artigo
CONTRIBUIÇÕES DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA NA FORMAÇÃO CONTINUADA1Artigocefaprodematupa
 
UM PROCESSO REFLEXIVO A PARTIR DO ESTÁGIO DOCENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: A UTI...
UM PROCESSO REFLEXIVO A PARTIR DO ESTÁGIO DOCENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: A UTI...UM PROCESSO REFLEXIVO A PARTIR DO ESTÁGIO DOCENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: A UTI...
UM PROCESSO REFLEXIVO A PARTIR DO ESTÁGIO DOCENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: A UTI...ProfessorPrincipiante
 
A ATUAÇÃO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO NA GARANTIA DO DIREITO À EDUCAÇÃO COM QUA...
A ATUAÇÃO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO NA GARANTIA DO DIREITO À EDUCAÇÃO COM QUA...A ATUAÇÃO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO NA GARANTIA DO DIREITO À EDUCAÇÃO COM QUA...
A ATUAÇÃO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO NA GARANTIA DO DIREITO À EDUCAÇÃO COM QUA...Aparecida Ferreira
 
Professor como protagonista
Professor como protagonistaProfessor como protagonista
Professor como protagonistaJovina Aguiar
 
Projeto de pesquisa. mestrado. corrigido prof edna
Projeto de pesquisa. mestrado. corrigido prof ednaProjeto de pesquisa. mestrado. corrigido prof edna
Projeto de pesquisa. mestrado. corrigido prof ednaHideane Santana
 
Características dos tutores que atuam na educação a distância
Características dos tutores que atuam na educação a distânciaCaracterísticas dos tutores que atuam na educação a distância
Características dos tutores que atuam na educação a distânciaDemerval Masotti
 
O professor, seus saberes e suas crenças
O professor, seus saberes e suas crençasO professor, seus saberes e suas crenças
O professor, seus saberes e suas crençasEzio Souza
 
NARRATIVAS DE FORMAÇÃO: EXPERIÊNCIAS VIVIDAS POR PROFESSORES INICIANTES EM AM...
NARRATIVAS DE FORMAÇÃO: EXPERIÊNCIAS VIVIDAS POR PROFESSORES INICIANTES EM AM...NARRATIVAS DE FORMAÇÃO: EXPERIÊNCIAS VIVIDAS POR PROFESSORES INICIANTES EM AM...
NARRATIVAS DE FORMAÇÃO: EXPERIÊNCIAS VIVIDAS POR PROFESSORES INICIANTES EM AM...ProfessorPrincipiante
 
JOGOS E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS: ALTERNATIVAS METODOLÓGICAS PARA O ENSINO DO C...
JOGOS E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS: ALTERNATIVAS METODOLÓGICAS PARA O ENSINO DO C...JOGOS E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS: ALTERNATIVAS METODOLÓGICAS PARA O ENSINO DO C...
JOGOS E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS: ALTERNATIVAS METODOLÓGICAS PARA O ENSINO DO C...ProfessorPrincipiante
 
Projeto de Intervenção
Projeto de IntervençãoProjeto de Intervenção
Projeto de Intervençãomoniquests
 

Mais procurados (20)

Pré-projeto de Mestrado: Interface Lúdica para Ensino Remoto de Conteúdos de ...
Pré-projeto de Mestrado: Interface Lúdica para Ensino Remoto de Conteúdos de ...Pré-projeto de Mestrado: Interface Lúdica para Ensino Remoto de Conteúdos de ...
Pré-projeto de Mestrado: Interface Lúdica para Ensino Remoto de Conteúdos de ...
 
PROJETO DE PESQUISA - EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CEFET - RJ- UFF - Prof. Noe Assunção
PROJETO DE PESQUISA - EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CEFET - RJ- UFF - Prof. Noe AssunçãoPROJETO DE PESQUISA - EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CEFET - RJ- UFF - Prof. Noe Assunção
PROJETO DE PESQUISA - EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CEFET - RJ- UFF - Prof. Noe Assunção
 
A motivação nos cursos EaD: uma questão de envolvimento
A motivação nos cursos EaD: uma questão de envolvimentoA motivação nos cursos EaD: uma questão de envolvimento
A motivação nos cursos EaD: uma questão de envolvimento
 
Plano de ação apresentação para a reunião pedagogica2
Plano de ação   apresentação para a reunião pedagogica2Plano de ação   apresentação para a reunião pedagogica2
Plano de ação apresentação para a reunião pedagogica2
 
Projeto 2015
Projeto 2015Projeto 2015
Projeto 2015
 
DIMENSÕES DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: PIBID E COMUNIDADES DE PR...
DIMENSÕES DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: PIBID E COMUNIDADES DE PR...DIMENSÕES DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: PIBID E COMUNIDADES DE PR...
DIMENSÕES DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA: PIBID E COMUNIDADES DE PR...
 
CONTRIBUIÇÕES DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA NA FORMAÇÃO CONTINUADA1Artigo
CONTRIBUIÇÕES DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA NA FORMAÇÃO CONTINUADA1ArtigoCONTRIBUIÇÕES DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA NA FORMAÇÃO CONTINUADA1Artigo
CONTRIBUIÇÕES DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA NA FORMAÇÃO CONTINUADA1Artigo
 
Orientação didaticopedagocia ead
Orientação didaticopedagocia eadOrientação didaticopedagocia ead
Orientação didaticopedagocia ead
 
Grupos referencia
Grupos referenciaGrupos referencia
Grupos referencia
 
UM PROCESSO REFLEXIVO A PARTIR DO ESTÁGIO DOCENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: A UTI...
UM PROCESSO REFLEXIVO A PARTIR DO ESTÁGIO DOCENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: A UTI...UM PROCESSO REFLEXIVO A PARTIR DO ESTÁGIO DOCENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: A UTI...
UM PROCESSO REFLEXIVO A PARTIR DO ESTÁGIO DOCENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: A UTI...
 
A formação continuada do coordenador
A formação continuada do coordenadorA formação continuada do coordenador
A formação continuada do coordenador
 
A ATUAÇÃO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO NA GARANTIA DO DIREITO À EDUCAÇÃO COM QUA...
A ATUAÇÃO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO NA GARANTIA DO DIREITO À EDUCAÇÃO COM QUA...A ATUAÇÃO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO NA GARANTIA DO DIREITO À EDUCAÇÃO COM QUA...
A ATUAÇÃO DO COORDENADOR PEDAGÓGICO NA GARANTIA DO DIREITO À EDUCAÇÃO COM QUA...
 
Professor como protagonista
Professor como protagonistaProfessor como protagonista
Professor como protagonista
 
Projeto de pesquisa. mestrado. corrigido prof edna
Projeto de pesquisa. mestrado. corrigido prof ednaProjeto de pesquisa. mestrado. corrigido prof edna
Projeto de pesquisa. mestrado. corrigido prof edna
 
Mesa 4 c
Mesa 4 cMesa 4 c
Mesa 4 c
 
Características dos tutores que atuam na educação a distância
Características dos tutores que atuam na educação a distânciaCaracterísticas dos tutores que atuam na educação a distância
Características dos tutores que atuam na educação a distância
 
O professor, seus saberes e suas crenças
O professor, seus saberes e suas crençasO professor, seus saberes e suas crenças
O professor, seus saberes e suas crenças
 
NARRATIVAS DE FORMAÇÃO: EXPERIÊNCIAS VIVIDAS POR PROFESSORES INICIANTES EM AM...
NARRATIVAS DE FORMAÇÃO: EXPERIÊNCIAS VIVIDAS POR PROFESSORES INICIANTES EM AM...NARRATIVAS DE FORMAÇÃO: EXPERIÊNCIAS VIVIDAS POR PROFESSORES INICIANTES EM AM...
NARRATIVAS DE FORMAÇÃO: EXPERIÊNCIAS VIVIDAS POR PROFESSORES INICIANTES EM AM...
 
JOGOS E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS: ALTERNATIVAS METODOLÓGICAS PARA O ENSINO DO C...
JOGOS E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS: ALTERNATIVAS METODOLÓGICAS PARA O ENSINO DO C...JOGOS E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS: ALTERNATIVAS METODOLÓGICAS PARA O ENSINO DO C...
JOGOS E RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS: ALTERNATIVAS METODOLÓGICAS PARA O ENSINO DO C...
 
Projeto de Intervenção
Projeto de IntervençãoProjeto de Intervenção
Projeto de Intervenção
 

Semelhante a Gestão da aula com laptops

Comunicação na gestão educacional_dimensões possíveis
Comunicação na gestão educacional_dimensões possíveisComunicação na gestão educacional_dimensões possíveis
Comunicação na gestão educacional_dimensões possíveisRosângela Florczak
 
A atuação do designer de interação na aproximação social entre aluno e profe...
A atuação do designer de interação na aproximação  social entre aluno e profe...A atuação do designer de interação na aproximação  social entre aluno e profe...
A atuação do designer de interação na aproximação social entre aluno e profe...Silvia Ferreira
 
Blended learning caminho natural para as ies
Blended learning caminho natural para as iesBlended learning caminho natural para as ies
Blended learning caminho natural para as iesInge Suhr
 
Educação a Distância
Educação a DistânciaEducação a Distância
Educação a Distânciamartatimoteo2
 
Pigead – lante uff
Pigead – lante   uffPigead – lante   uff
Pigead – lante uffNiely Freitas
 
O papel do professor
O papel do professorO papel do professor
O papel do professorzirafern
 
Isabel Marcos T1 1201400
Isabel Marcos T1 1201400Isabel Marcos T1 1201400
Isabel Marcos T1 1201400Isabel Marcos
 
Sited 2017- Mesa redonda sessão de abertura Lucia Giraffa
Sited 2017- Mesa redonda sessão de abertura Lucia GiraffaSited 2017- Mesa redonda sessão de abertura Lucia Giraffa
Sited 2017- Mesa redonda sessão de abertura Lucia GiraffaLucia Giraffa
 
Morfologia da comunicação cognitiva 2.0 em sala de aula no âmbito do Ensino S...
Morfologia da comunicação cognitiva 2.0 em sala de aula no âmbito do Ensino S...Morfologia da comunicação cognitiva 2.0 em sala de aula no âmbito do Ensino S...
Morfologia da comunicação cognitiva 2.0 em sala de aula no âmbito do Ensino S...Cornélia Castro
 
Cecília machado henriques
Cecília machado henriquesCecília machado henriques
Cecília machado henriquesequipetics
 
Artigo certo como é o contato com a tecnologia dos professores na escola
Artigo certo   como é o contato com a tecnologia dos professores na escolaArtigo certo   como é o contato com a tecnologia dos professores na escola
Artigo certo como é o contato com a tecnologia dos professores na escolaLizandra Servino Barroso
 
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTI
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTIProjeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTI
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTIEDRIANESANDRABRAZZO
 

Semelhante a Gestão da aula com laptops (20)

Comunicação na gestão educacional_dimensões possíveis
Comunicação na gestão educacional_dimensões possíveisComunicação na gestão educacional_dimensões possíveis
Comunicação na gestão educacional_dimensões possíveis
 
A atuação do designer de interação na aproximação social entre aluno e profe...
A atuação do designer de interação na aproximação  social entre aluno e profe...A atuação do designer de interação na aproximação  social entre aluno e profe...
A atuação do designer de interação na aproximação social entre aluno e profe...
 
Blended learning caminho natural para as ies
Blended learning caminho natural para as iesBlended learning caminho natural para as ies
Blended learning caminho natural para as ies
 
Educação a Distância
Educação a DistânciaEducação a Distância
Educação a Distância
 
Pigead – lante uff
Pigead – lante   uffPigead – lante   uff
Pigead – lante uff
 
O papel do professor online
O papel do professor onlineO papel do professor online
O papel do professor online
 
O papel do professor
O papel do professorO papel do professor
O papel do professor
 
Isabel Marcos T1 1201400
Isabel Marcos T1 1201400Isabel Marcos T1 1201400
Isabel Marcos T1 1201400
 
Sited 2017- Mesa redonda sessão de abertura Lucia Giraffa
Sited 2017- Mesa redonda sessão de abertura Lucia GiraffaSited 2017- Mesa redonda sessão de abertura Lucia Giraffa
Sited 2017- Mesa redonda sessão de abertura Lucia Giraffa
 
Quadro síntese gisele
Quadro síntese   giseleQuadro síntese   gisele
Quadro síntese gisele
 
Morfologia da comunicação cognitiva 2.0 em sala de aula no âmbito do Ensino S...
Morfologia da comunicação cognitiva 2.0 em sala de aula no âmbito do Ensino S...Morfologia da comunicação cognitiva 2.0 em sala de aula no âmbito do Ensino S...
Morfologia da comunicação cognitiva 2.0 em sala de aula no âmbito do Ensino S...
 
Chat
ChatChat
Chat
 
Salete pae2
Salete pae2Salete pae2
Salete pae2
 
Salete pae2
Salete pae2Salete pae2
Salete pae2
 
Cecília machado henriques
Cecília machado henriquesCecília machado henriques
Cecília machado henriques
 
Artigo certo como é o contato com a tecnologia dos professores na escola
Artigo certo   como é o contato com a tecnologia dos professores na escolaArtigo certo   como é o contato com a tecnologia dos professores na escola
Artigo certo como é o contato com a tecnologia dos professores na escola
 
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTI
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTIProjeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTI
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTI
 
Projeto
ProjetoProjeto
Projeto
 
Projeto
ProjetoProjeto
Projeto
 
Projeto
ProjetoProjeto
Projeto
 

Mais de Web Currículo PUC-SP

Uca cpo limpo projeto jornal entretenimento
Uca cpo limpo projeto jornal entretenimentoUca cpo limpo projeto jornal entretenimento
Uca cpo limpo projeto jornal entretenimentoWeb Currículo PUC-SP
 
Uca cpo limpo 3o encontro uca puc sp
Uca cpo limpo 3o encontro uca puc spUca cpo limpo 3o encontro uca puc sp
Uca cpo limpo 3o encontro uca puc spWeb Currículo PUC-SP
 
Uca cpo limpo projeto jornal curiosidades
Uca cpo limpo projeto jornal curiosidadesUca cpo limpo projeto jornal curiosidades
Uca cpo limpo projeto jornal curiosidadesWeb Currículo PUC-SP
 
B learning ma helena cautiero jardim
B learning ma helena cautiero jardimB learning ma helena cautiero jardim
B learning ma helena cautiero jardimWeb Currículo PUC-SP
 
B learning bento silva e silva carla conceicao
B learning bento silva e silva carla conceicaoB learning bento silva e silva carla conceicao
B learning bento silva e silva carla conceicaoWeb Currículo PUC-SP
 
Oficina teia da vida por sueli mainine
Oficina teia da vida por sueli mainineOficina teia da vida por sueli mainine
Oficina teia da vida por sueli mainineWeb Currículo PUC-SP
 
Manual school server_servidor_da_escola
Manual school server_servidor_da_escolaManual school server_servidor_da_escola
Manual school server_servidor_da_escolaWeb Currículo PUC-SP
 
Apresentação de votuporanga junho 2011
Apresentação de votuporanga junho 2011Apresentação de votuporanga junho 2011
Apresentação de votuporanga junho 2011Web Currículo PUC-SP
 

Mais de Web Currículo PUC-SP (20)

Uca cpo limpo projeto jornal entretenimento
Uca cpo limpo projeto jornal entretenimentoUca cpo limpo projeto jornal entretenimento
Uca cpo limpo projeto jornal entretenimento
 
Uca cpo limpo 3o encontro uca puc sp
Uca cpo limpo 3o encontro uca puc spUca cpo limpo 3o encontro uca puc sp
Uca cpo limpo 3o encontro uca puc sp
 
Uca cpo limpo projeto jornal curiosidades
Uca cpo limpo projeto jornal curiosidadesUca cpo limpo projeto jornal curiosidades
Uca cpo limpo projeto jornal curiosidades
 
B learning ma helena cautiero jardim
B learning ma helena cautiero jardimB learning ma helena cautiero jardim
B learning ma helena cautiero jardim
 
Curriculo e mobilidade j a valente
Curriculo e mobilidade j a valenteCurriculo e mobilidade j a valente
Curriculo e mobilidade j a valente
 
B learning bento silva e silva carla conceicao
B learning bento silva e silva carla conceicaoB learning bento silva e silva carla conceicao
B learning bento silva e silva carla conceicao
 
Marcador de livro Envelhecimento
Marcador de livro EnvelhecimentoMarcador de livro Envelhecimento
Marcador de livro Envelhecimento
 
Oficina teia da vida por sueli mainine
Oficina teia da vida por sueli mainineOficina teia da vida por sueli mainine
Oficina teia da vida por sueli mainine
 
Metasys school server resumido
Metasys school server resumidoMetasys school server resumido
Metasys school server resumido
 
Manual school server_servidor_da_escola
Manual school server_servidor_da_escolaManual school server_servidor_da_escola
Manual school server_servidor_da_escola
 
Apostila servidor-uca
Apostila servidor-ucaApostila servidor-uca
Apostila servidor-uca
 
Tutorial Portal do Professor
Tutorial Portal do Professor Tutorial Portal do Professor
Tutorial Portal do Professor
 
Progitec uca campo limpo sp
Progitec uca campo limpo spProgitec uca campo limpo sp
Progitec uca campo limpo sp
 
Apresentação de votuporanga junho 2011
Apresentação de votuporanga junho 2011Apresentação de votuporanga junho 2011
Apresentação de votuporanga junho 2011
 
Apresentação uca ee antonio nobre
Apresentação uca ee antonio nobreApresentação uca ee antonio nobre
Apresentação uca ee antonio nobre
 
Apresentação uca ee antonio nobre
Apresentação uca ee antonio nobreApresentação uca ee antonio nobre
Apresentação uca ee antonio nobre
 
Uca campo limpo junho 2011
Uca campo limpo junho 2011Uca campo limpo junho 2011
Uca campo limpo junho 2011
 
Uca campo limpo junho 2011
Uca campo limpo junho 2011Uca campo limpo junho 2011
Uca campo limpo junho 2011
 
Formação uca sp por beth almeida
Formação uca sp por beth almeidaFormação uca sp por beth almeida
Formação uca sp por beth almeida
 
Olpc em campinas j a valente
Olpc em campinas   j a valenteOlpc em campinas   j a valente
Olpc em campinas j a valente
 

Último

Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdfDemetrio Ccesa Rayme
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxAntonioVieira539017
 
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzparte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzAlexandrePereira818171
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.HildegardeAngel
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 

Último (20)

Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
 
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzparte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 

Gestão da aula com laptops

  • 1. Gestão da aula e as mudanças com a introdução do Laptop Educacional 1 Mariza Mendes mariza-mendes@uol.com.br Mariza Mendes - 2010
  • 2. Artigo baseado na dissertação de Mestrado 2 INTRODUÇÃO DO LAPTOP EDUCACIONAL EM SALA DE AULA: INDÍCIOS DE MUDANÇAS NA ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DA AULA Tese de Mestrado em Educação pela Universidade Católica de São Paulo sob a orientação da Profª Drª Maria Elizabeth B. de Almeida - 2008 Mariza Mendes - 2010
  • 3. Sobre a pesquisa 3 Investigação exploratória. Desenvolvida sobre um experimento em andamento com o uso do Laptop Educacional em uma escola pública da cidade de Palmas, em Tocantins, no âmbito do Projeto Um Computador por Aluno – Projeto UCA, do Ministério da Educação – MEC do Brasil. Dados coletados a partir de entrevistas, análise dos registros da escola e observações feitas em aulas. Mariza Mendes - 2010
  • 4. Reflexão sobre os indícios de mudanças na gestão da aula com o uso do Laptop Educacional 4 Gestão da aula – fazer docente e as múltiplas ações que o professor realiza como protagonista do processo de ensino e aprendizagem em sala de aula Ações que se manifestam nas A aula não é um ato atividades em si, mas um cotidianas do agrupamento de Ao trabalhar um professor de acordo ações organizadas e tema e ao usar com a necessidade e previamente estratégias em aula com a realidade de planejadas para se existe uma cada momento. atingir uma meta. intencionalidade (objetivo) que foi previamente planejada. Mariza Mendes - 2010
  • 5. Ações reflexivas e prática da atuação do professor 5 Fazer cíclico para a criação de ambientes de aprendizagem significativos Planejamento Avaliação Prática pedagógica Mariza Mendes - 2010
  • 6. Ambientes de aprendizagem 6 Sociedade Informacional Organizar, estabelecer relações e direcionar essas Novo papel do informações professor Novo papel da escola Propiciar condições para que os alunos se insiram no contexto da sociedade, por meio de acesso a informações, a interpretação e estabelecimento das relações e como consequência a produção do conhecimento Mariza Mendes - 2010
  • 7. Com o Laptop Educacional em sala de aula Um novo cenário Características dos Laptops Educacionais Conectividade Mobilidade Novas formas Novas relações em sala de aula Interação Comunicação Nova forma de organização e gestão da aula Mariza Mendes - 2008
  • 8. O papel do professor 8 Levando o aluno a Mediador, coletar informações, facilitador, relacioná-las, incentivador e Ponte entre o Como organizá-las, motivador da aluno e sua manipulá-las e aprendizagem aprendizagem, compartilhá-las com criando os colegas e situações de professores aprendizagem (interaprendizagem) para que os Masseto, 2000 alunos atinjam seus objetivos Construção do conhecimento Mariza Mendes - 2010
  • 9. 9 Reflexão sobre os indícios de mudanças na gestão da aula com o uso do Laptop Educacional Mariza Mendes - 2010
  • 10. Resultados da pesquisa exploratória 10 O planejar tornou-se uma necessidade e não mais uma obrigação burocrática; O professor precisa ter clareza dos objetivos da aula e da necessidade de prever a ampliação dos temas abordados; O professor não é mais o detentor do saber, mas o mediador mais experiente e que também participa da ação de aprendiz. Mariza Mendes - 2010
  • 11. Temas emergentes 11 Aprendizagem colaborativa; Autonomia dos alunos; Necessidade de mudança nas estratégias pedagógicas; Aumento da interação entre alunos e alunos-professor. Mariza Mendes - 2010
  • 12. Interação alunos-professor 12 Da relação de troca de experiências, onde o aluno ajuda o professor no manuseio do Laptop Educacional e por conta disso ele se sente participante ativo do processo educacional e assume uma atitude de compromisso e abertura para aprendizagem. O professor deixa o ensino centrado na transmissão da informação e se coloca como mediador do processo e muitas vezes de aprendiz em formação. Mariza Mendes - 2010
  • 13. Currículo 13 Os professores declaram que os alunos vão além dos conteúdos programados, demonstrando interesse por conteúdos novos e atualizados. Ao estarem com os laptop Educacionais conectados a Internet, tem a facilidade de buscar novos conteúdos que estão acessíveis no momento em que tem a curiosidade e portanto o significado. Mariza Mendes - 2010
  • 14. Considerações finais 14 Evidenciou-se que o Laptop Educacional introduzido na sala de aula trouxe mudanças na gestão da aula; Demonstrou a necessidade de planejamento; Que a prática depende dos atores que compõe a sala de aula; A necessidade de uma nova postura do professor (mediador); Na avaliação, a necessidade de reflexão constante no caminhar (reflexão-ação-reflexão); e Que novas práticas de gestão de aula vão melhor se estruturando a medida em que o experimento do projeto dos Laptop Educacionais se aprofunda na implantação na escola. Mariza Mendes - 2010
  • 15. 15 De acordo com os avanços tecnológicos e as introduções dessas tecnologias em sala de aula, um novo panorama na educação, mais especificamente na forma de ensinar e aprender vai se tornando evidente e mudanças na forma de gestão da aula vão se tornando necessárias. Mariza Mendes - 2010
  • 16. Mariza Mendes mariza-mendes@uol.com.br 16 Mestre em Educação pela PUC/SP. Formadora do Projeto Gestão Escolar e Tecnologias - PUC/SP; Membro do Grupo de Pesquisa em Novas Tecnologias – PUC/SP; Consultora e docente do curso de formação de Professores em Docência Superior - SENAC/SP em Novas Tecnologias aplicadas a Educação; Docente no curso de Pedagogia em Metodologia do Ensino da Matemática - Faculdade Sumaré. Mariza Mendes - 2010
  • 17. Contexto do estudo A seleção do local Colégio Estadual Dom Alano Du Noday – Cidade de Palmas – TO Razões que levaram a escolha do local Escola pública, de porte médio e com EF e EM Orientação da equipe do projeto realizado pela PUC SP Mariza Mendes - 2008
  • 18. Sociedade informacional 18 Castells, 1999, entende que as mudanças sociais sofreram um processo interativo e a sociedade modela e é modelada pela tecnologia. Analisando desde a telemática até a biologia genética o que prevalece é a informação que vai dar origem a um novo modo de desenvolvimento. Mariza Mendes - 2010
  • 19. Com o Laptop Educacional 19 Com a introdução do Laptop Educacional em sala de aula o grande desafio é que ele passa a fazer parte do novo cenário de sala de aula e por ser um equipamento que propicia mobilidade inerente à portabilidade associada à conectividade, leva a ampliação dos espaços de aprendizagem, a participação em rede de aprendizagem, o trabalho colaborativo e a possibilidade de contato com outras culturas. Os recursos trazidos por essa tecnologia vem possibilitar estratégias diferenciadas de trabalho em sala de aula que vai implicar diretamente na forma de planejar a aula, a prática pedagógica e a avaliação. Mariza Mendes - 2010