 Eixo temático: o trabalho do
pedagogo nos espaços
educacionais.
 ANSILA DEID PINTO BALIEIRO.
 TELMA MARIA BALIEIRO DE DEUS.
 SIMONE ELEOTÉRIO MAGALHÃES.
 FRANCISLENE MOURA DUARTE.
 ...
 Um Pouco da Nossa História
 Em 19 de abril de 1943, foi inaugurado o
prédio denominado Escola Dr. Lauro Sodré o
qual fo...
 Lígia AlencarAraripe.
 Após a gestão da professora Lígia, outras pessoas
também assumiram o cargo, tais como:Zuila Sant...
 A primeira escola a ser construida em nosso
município de Breves na Ilha de Marajó, foi o
grupo Lauro Sodré que foi contr...
 A pedagogia tradicional que era usada
segundo nos relata a professora; Diz que
escola é a parte da sociedade, que possui...
 Os métodos mais tradicionais contentam em
transmitir a matéria didática, com o método de
ensinar individualmente, coloca...
 A escola desenvolve vários eventos culturais e
educacionais, tais como:Baile de Carnaval
(CarnaLauro), Jogos Internos e ...
 Em 2000 foi implantado o Programa de Aceleração da
Aprendizagem, visando minimizar ou sanar a
distorção série/idade.
 N...
 Em 2000 foi implantado o Programa de Aceleração da
Aprendizagem, visando minimizar ou sanar a
distorção série/idade.
 N...
 Atualmente, a escola tem como direção a Profª
Marcilene da Costa Ruy-Sêcco e como vices
diretoras as Professoras Francin...
 A escola funciona com 14 salas de aulas, 01
diretoria, 01 secretaria, 01 sala da
coordenação pedagógica, 01 sala dos
pro...
 Neste ano de 2012, a escola trás para a avenida
1.200 alunos, pais de alunos, funcionários e os
monitores do Programa Ma...
 Este ano de 2012, o Programa passou a
contar com a Coordenação Pedagógica da
Profª Dalvalcy Pinheiro, e também foi
recad...
 Com o Programa nossos alunos também
atuam como atores e dançarinos, os quais
formaram os grupos de teatro e dança,
reali...
 Contudo, não podemos finalizar este trabalho
sem reconhecer a importância do método
tradicional, certamente ele não esta...
A história da escola dr. lauro sodré slide
A história da escola dr. lauro sodré slide
A história da escola dr. lauro sodré slide
A história da escola dr. lauro sodré slide
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A história da escola dr. lauro sodré slide

632 visualizações

Publicada em

O presente material traça um pouco da história da Escola Lauro Sodré, uma das escolas mais antigas do municipio de Breves.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
632
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A história da escola dr. lauro sodré slide

  1. 1.  Eixo temático: o trabalho do pedagogo nos espaços educacionais.
  2. 2.  ANSILA DEID PINTO BALIEIRO.  TELMA MARIA BALIEIRO DE DEUS.  SIMONE ELEOTÉRIO MAGALHÃES.  FRANCISLENE MOURA DUARTE.  JOSÉ DE ALMEIDA DEMES.
  3. 3.  Um Pouco da Nossa História  Em 19 de abril de 1943, foi inaugurado o prédio denominado Escola Dr. Lauro Sodré o qual foi dado em homenagem a um político e militar, o primeiro governador eleito pelo voto direto no Estado do Pará.
  4. 4.  Lígia AlencarAraripe.  Após a gestão da professora Lígia, outras pessoas também assumiram o cargo, tais como:Zuila Santana de Marcedo, Maria de Lourdes Campos Sales,Telma Garcia, Zélia Maria Campos Sales, MariaVilhena dos Santos, Dulce Figueira, Elza Félix de Sá,Maria José Lopes Dias, Jacinete Bastos do Monte, Maria Raimunda Rodrigues,Eleny Maria dos Santos Pereira, Maria Elizabete Moreira de Oliveira.  No mês de janeiro de 2009, a gestão escolar passou a ser assumida pela diretora Marcilene da Costa Ruy- Secco.
  5. 5.  A primeira escola a ser construida em nosso município de Breves na Ilha de Marajó, foi o grupo Lauro Sodré que foi contruido entre os anos de 1941 e 1942 na gestão de Américo Brasil prefeito na época. A escola tinha somente duas salas de aula, de 1ª a 5ª serie.Teve como primeira diretora a professora Ligia Alencar Agaripe. No ano de 1976 foi contruido um novo prédio, em 1998 passou a se chamar Escola Municipal de Ensino Fundamental Dr. Lauro Sodré.
  6. 6.  A pedagogia tradicional que era usada segundo nos relata a professora; Diz que escola é a parte da sociedade, que possui regras, objetivos e exige determinadas condutas sociais. Nela acontecem relações formais baseadas em normas e regulamentos informais que se estabelece naturalmente no dia a dia do convívio escolar.
  7. 7.  Os métodos mais tradicionais contentam em transmitir a matéria didática, com o método de ensinar individualmente, colocando em prática exercícios com o conteúdo que ira aplicar nas avaliações. Com isso o professor fala e os alunos memorizam formulas e definições, com esse tipo de aprendizagem aluno não desenvolve uma educação de qualidade, pois os alunos não são estimulados a desenvolver um raciocínio próprio, diferenciando relações e conceitos se tornando um método de ensino não muito eficaz e duradouro.
  8. 8.  A escola desenvolve vários eventos culturais e educacionais, tais como:Baile de Carnaval (CarnaLauro), Jogos Internos e Intercolegiais, Projeto Ser Mãe, Dia dos Pais, Projeto SemanadaCriança, ProjetoTempo de Leitura e Escrita, Ação Família na escola, Festival Cultural, dentre outros.
  9. 9.  Em 2000 foi implantado o Programa de Aceleração da Aprendizagem, visando minimizar ou sanar a distorção série/idade.  Nesse período, foi ofertado, no 4º turno, a Educação de Jovens eAdultos (EJA) da 1ª a 4ª etapa.  Em 2003, passou a oferecer a Educação de Jovens e Adultos apenas para 3ª e 4ª etapa.  Em fevereiro de 2010, a nova diretoria da escola, eleita pela comunidade escolar, tomou posse, tendo como diretora a Profª Marcilene da Costa Ruy-Sêcco e como vices diretores a Profª Francinete Rocha Machado e o Prof. Huber Kline Guedes Lobato
  10. 10.  Em 2000 foi implantado o Programa de Aceleração da Aprendizagem, visando minimizar ou sanar a distorção série/idade.  Nesse período, foi ofertado, no 4º turno, a Educação de Jovens e Adultos (EJA) da 1ª a 4ª etapa.  Em 2003, passou a oferecer a Educação de Jovens e Adultos apenas para 3ª e 4ª etapa.  Em fevereiro de 2010, a nova diretoria da escola, eleita pela comunidade escolar, tomou posse, tendo como diretora a Profª Marcilene da Costa Ruy-Sêcco e como vices diretores a Profª Francinete Rocha Machado e o Prof. Huber Kline Guedes Lobato.
  11. 11.  Atualmente, a escola tem como direção a Profª Marcilene da Costa Ruy-Sêcco e como vices diretoras as Professoras Francinete Rocha Machado e Carmem Sanches da Silva, eleitas pela comunidade escolar em outubro de 2011.Atuam na coordenação pedagógica os Professores Renata Machado, João Anastácio Campelo e ElineiViegas, e na coordenação pedagógica do ProgramaMais Educação a Profª Dalvalcy Pinheiroe como Secretário Marciano Santos.
  12. 12.  A escola funciona com 14 salas de aulas, 01 diretoria, 01 secretaria, 01 sala da coordenação pedagógica, 01 sala dos professores, 01 sala deAEE, 01 sala multifuncional, 01 sala de leitura, 01 sala de informática educativa, 03 sala do Programa Mais educação (sendo 01 do Letramento, 01 da Matemática e 01 de Dança eTeatro), 01 copa, 01 sala de merenda, 02 banheiros para funcionários e 17 banheiros para alunos.
  13. 13.  Neste ano de 2012, a escola trás para a avenida 1.200 alunos, pais de alunos, funcionários e os monitores do Programa Mais Educação, com o tema, o “PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO.”Que tem como objetivo aumentar o tempo de permanência do aluno na escola para melhorar o desempenho escolar.  O Programa Mais Educação, juntamente com o quadro de professores, colaborou para que o IDEB de nossa escola passasse de 3.7 para 4.4 em 2011.
  14. 14.  Este ano de 2012, o Programa passou a contar com a Coordenação Pedagógica da Profª Dalvalcy Pinheiro, e também foi recadastrado, para que a partir de setembro atenda 904 alunos, os quais são atendidos por 37 monitores/educadores, com os Projetos de Letramento. Matemática, Dança, Teatro,Tênis de Mesa e Judô.
  15. 15.  Com o Programa nossos alunos também atuam como atores e dançarinos, os quais formaram os grupos de teatro e dança, realizando apresentações nas programações da escola. Foi formado também aTurma do Chaves pelos próprios monitores fazendo apresentações na escola e também onde são convidados.
  16. 16.  Contudo, não podemos finalizar este trabalho sem reconhecer a importância do método tradicional, certamente ele não estaria ainda em vigor se não tivesse suas virtudes, pois todos nós de certa forma somos frutos deste método, até mesmo aqueles que dizem não mais utiliza-lo. Mesmo aqueles que o críticam admitem que ele é o fundamento para todos os demais métodos que surgiram e daqueles que provavelmente surgiram. Isto por si só e o suficiente para assegurar sua relevância.

×