Homofobia 30102012

340 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
340
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Homofobia 30102012

  1. 1. Quando pessoa heterossexuais tem medo da Diversidade, podem estranhar, pequenos grupos podem passam a matar, mutilar e/ou machucar física e psicologicamente. Não há escolhas em sermos como somos! Apenas nascemos como somos!Msc. Prof.Roberto Luiz Warken – warken@gmail.com - +55 48 99811278
  2. 2. 12 480 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 .....................45...................55.................65..................:#------------------- --------- #----------------------# #------------# INFÂNCIA PUBERDADE CLIMATÉRIO PRÉ-ADOLESCÊNCIA Entrar na menopausa #-----------------------------------------# JUVENTUDE#----------------------------------------------------------------#----------------------------------------------------------#----------------- ADOLESCÊNCIA F ASE ADULTA 3ª IDADE #-------------------------------------------------------------------------------------------------# 1a. menstruação Última menstruação MENARCA MENOPAUSA ------ ANDROPAUSA ------ 1a. ejaculação POLUÇÃO NOTURN#------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------# VIDA = 85 anos #-----------------------------------------------------------# Período de menstruação = 35 anos
  3. 3.  ORIENTAÇÃO SEXUAL, GÊNERO, IDENTIDADE DE GÊNERO, HOMOFOBIA, LESBOFOBIA, TRANSFOBIA ORIENTAÇÃO SEXUAL ◦ É a maneira como o DESEJO SEXUAL se manifesta nas pessoas. É a ATRAÇÃO SEXUAL de cada um, que pode ser por pessoas do sexo oposto, por pessoas do mesmo sexo, ou por ambas. Pode ser LGBTTIQA GÊNERO ◦ 2 sexos - Homem ou Mulher, 2 gêneros - Masculino ou feminino. Diverso IDENTIDADE DE GÊNERO ◦ O sexo biológico discorda do gênero psíquico: são os travestis (exceção) e transexuais (regra), (neurodiscordantes de gêneros ou transgêneros. Desde a fantasia a questão na negação entre o sexo e seu entendimento como pertencente ao oposto) – ver http://www.plc122.com.br COMPORTAMENTO DE GÊNERO ◦ Papel social como masculino ou feminino
  4. 4. Heterossexualidade Heterossexual  atração sexual por pessoas do sexo oposto Homossexualidade Homossexual masculino = Gay Homossexual feminino = Lésbica  atração sexual por pessoas do mesmo sexo Bissexualidade Bissexual  atração sexual por pessoas de ambos os sexos Transexualidade = missexualismo psíquico = transgenitalismo = Disfórico de Gênero, Neuro Discordante de Gênero O condição de incompatibilidade entre o sexo biológico e o sexo psicológico Hermafrodita (Intersexual) Pessoa que reúne caracteres sexuais, ou órgãos sexuais de ambos os sexos. A origem do termo vem da mitologia grega, e é o resultado da fusão do nome de dois deuses: Hermes e Aphrodythe Assexual – 1 – Não pratica contato sexual ou não sente desejo algum Assexual – 2 – Não deseja rótulos Pansexual – Não tem preferência – difere da bissexualidade. Tem atração e/ou afeto por qualquer pessoa.(qualquer gênero ou orientação)Ao lado você pode ver:Escudos de Hermes (deus grego da masculinidade )Escudos de Aphrodythe (deusa grega da feminilidade)
  5. 5. ORIENTAÇÃO E NÃO, OPÇÃO“atualmente, considero minha orientação sexual um dado importante e indissociável da minha subjetividade. Quem quiser se relacionar comigo deve me aceitar como eu sou”.“eu entendo como ORIENTAÇÃO e não opção sexual. Por que? Viver vida dupla cria problemas”. INCLUSÃO E RECONHECIMENTOA inclusividade; a individualidade em contraposição ao individualismo; a potência mais do que o poder DIVERSIDADE SEXUAL O entendimento da DIVERSIDADE SEXUAL HUMANA possibilita a inclusão social de pessoas que não se enquadram no modelo histórico e culturalmente defendido como “normal ” e “ natural “ pelo modelo hegemônico. “Difícil para quem é excluído e discriminado, pelo só fato de ser diferente, é constatar que o preconceito leva à exclusão não sófamiliar, social ou legal, mas à pior de todas elas: à exclusão perpetrada pela Justiça.” Desemb. Maria Berenice Dias“Não há consenso entre cientistas sociais, médicos, biólogos, psicólogos e psicanalistasacerca das origens e causas das três formas basilares de manifestação da sexualidadehumana (homo, hetero e bissexualidade), embora sejam sempre recorrentes as pesquisascientíficas destinadas a encontrar uma resposta que ponha termo a esseenigma, especialmente no caso da homossexualidade.”ALMEIDA NETO, Luiz
  6. 6. CIDADANIAFamilia“A sexualidade, a família são construções culturais localizadas no espectro espaço-tempo, que varia de acordo com o modo como o ser se relaciona geo-socialmente definindo valores e regras de regulação geralmente baseadas em condições de status e poder.” (Roberto Warken)Garantia da Transversalidade – demais disciplinas (matemática, quimica, português, física, biologia, etc. Parente a gente não escolhe Família a gente Constrói Em 2003 tentamos a mudança da legislação (vencido) Em 2010 fomulamos parte do programa de governo candidata Ideli

×