Aula 6 camada de aplicacao ii

1.666 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.666
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
71
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 6 camada de aplicacao ii

  1. 1. Fundamento de Redes de Computadores Aula 6 Camada de Aplicação FTP
  2. 2. Notas da Aula✔ Avaliação próxima aula.● Fundamentos de Redes de Computadores 2/32
  3. 3. Relembrando as Camadas Fundamentos de Redes de Computadores 3/32
  4. 4. FTP: O Protocolo de Transferência de ArquivosFTP vem de File Transfer ProtocolTransfere arquivo de/para hospedeiro remotoModelo cliente/servidor ● Cliente: lado que inicia transferência (de/para remoto) ● Servidor: hospedeiro remotoFTP: RFC 959Servidor ftp: porta 21 interface cliente transf. de arquivos servidor de usuário FTP FTP FTP usuário no hospedeiro sistema de sistema de arquivo remoto arquivo local Fundamentos de Redes de Computadores 4/32
  5. 5. FTP: conexões separadas para controle e dadosCliente FTP contacta servidor FTP servidor abre outra conexão na porta 21, TCP é protocolo de transporte de dados TCP para transferir outro arquivoCliente autorizado por conexão de controle servidor FTP mantémCliente navega por diretório remoto “estado”: diretório atual, enviando comandos por conexão autenticação anterior de controleQuando servidor recebe comando de transferência de arquivo, abre conexão de controle TCP porta 21 2ª conexão TCP (para arquivo) com clienteApós transferir um arquivo, servidor conexão de dados TCP cliente porta 20 servidor fecha conexão de dados FTP FTP Fundamentos de Redes de Computadores 5/32
  6. 6. Comandos e respostas FTPexemplos de comandos: exemplos de códigos deenviado como texto ASCII pelo retorno canal de controle código e frase de estadoUSER nome-usuário (como no HTTP)PASS senha 331 Username OK, password requiredLIST retorna lista de arquivos no diretório atual 125 data connection already open; transfer startingRETR nome-arquivo recupera (apanha) arquivo 425 Can’t open data connectionSTOR nome-arquivo armazena (coloca) arquivo no 452 Error writing file hospedeiro remoto Fundamentos de Redes de Computadores 6/32
  7. 7. Correio eletrônicoTrês componentes principais: agente fila de − agentes do usuário usuário msg. de saída − servidores de correio serv. caixa de entrada correio do usuário − Simple Mail Transfer Protocol: SMTP SMTP agente usuárioAgente do usuário SMTP mail server − também chamado “leitor de SMTP agente usuário correio” serv. − redigir, editar, ler mensagens de correio correio eletrônico agente − p. e., Eudora, Outlook, elm, usuário Mozilla Thunderbird agente usuário agente − mensagens entrando e saindo usuário armazenadas no servidor Fundamentos de Redes de Computadores 7/32
  8. 8. Correio eletrônico: servidores de correioServidores de correio − caixa de correio contém agente usuário mensagens que chegam para o usuário serv. correio agente usuário − fila de mensagens com SMTP mensagens de correio a serv. serem enviadas correio agente SMTP usuário − protocolo SMTP entre servidores de correio para SMTP enviar mensagens de e-mail serv. agente correio usuário ●cliente: servidor de envio de correio ●“servidor”: servidor de agente usuário recepção de correio agente usuário Fundamentos de Redes de Computadores 8/32
  9. 9. Correio eletrônico: SMTP [RFC 2821]Usa TCP para transferir de modo confiável a mensagem de e-mail do cliente ao servidor, porta 25Transferência direta: servidor de envio ao servidor de recepçãoTrês fases da transferência − handshaking (saudação) − transferência de mensagens − fechamentoInteração comando/resposta − Comandos: texto ASCII − Resposta: código e frase de estadoMensagens devem estar em ASCII de 7 bits Fundamentos de Redes de Computadores 9/32
  10. 10. Cenário: Bruna envia mensagem a Ricardo1)Bruna usa Outlook para redigir 4)Cliente SMTP envia mensagem “para” mensagem de Bruna pela ricardo@fateinda.edu conexão TCP2)O Outlook de Alice envia 5)Servidor de correio de Ricardo mensagem ao seu servidor de coloca mensagem na caixa correio, que é colocada na fila de correio de Ricardo de mensagens 6)Ricardo chama seu agente do3)Lado cliente do SMTP abre usuário para ler mensagem conexão TCP com servidor de correio de Ricardo 1 serv. serv. correio agente agente correio usuário usuário 2 3 6 4 5 Fundamentos de Redes de Computadores 10/32
  11. 11. Exemplo de interação SMTPS: 220 hamburger.eduC: HELO crepes.frS: 250 Hello crepes.fr, pleased to meet youC: MAIL FROM: <alice@crepes.fr>S: 250 alice@crepes.fr... Sender okC: RCPT TO: <bob@hamburger.edu>S: 250 bob@hamburger.edu ... Recipient okC: DATAS: 354 Enter mail, end with "." on a line by itselfC: Você gosta de ketchup?C: Que tal picles?C: .S: 250 Message accepted for deliveryC: QUITS: 221 hamburger.edu closing connection Fundamentos de Redes de Computadores 11/32
  12. 12. STMP● SMTP usa conexões Comparação com HTTP: persistentes ●HTTP: puxa● SMTP requer que a SMTP: empurra ● mensagem (cabeçalho e Ambos têm interação de ● corpo) esteja em ASCII comando/resposta em ASCII, de 7 bits códigos de estado ●HTTP: cada objeto● Servidor SMTP usa encapsulado em sua própria CRLF.CRLF para mensagem de resposta determinar fim da ●SMTP: múltiplos objetos mensagem enviados na mensagem multiparte Fundamentos de Redes de Computadores 12/32
  13. 13. Formato da mensagem de correioSMTP: protocolo para trocar mensagens de e-mailRFC 822: padrão para formato cabeçalho linha de mensagem de texto: emLinhas de cabeçalho, exemplo, branco − Para: corpo − De: − Assunto: diferente dos comandos SMTP!Corpo − a “mensagem”, apenas em caracteres ASCII Fundamentos de Redes de Computadores 13/32
  14. 14. Protocolos de acesso de correioSMTP: remessa/armazenamento no servidor do receptorProtocolo de acesso ao correio: recuperação do servidor − POP: Post Office Protocol [RFC 1939] ● autorização (agente <--> servidor) e download − IMAP: Internet Mail Access Protocol [RFC 1730] ● mais recursos (mais complexo) ● manipulação de msgs armazenadas no servidor − HTTP: gmail, Hotmail, Yahoo! Mail etc. Fundamentos de Redes de Computadores 14/32
  15. 15. Protocolo POP3fase de autorização S: +OK POP3 server ready − comandos do cliente: C: user bob S: +OK user: declare “username” C: pass hungry pass: senha S: +OK usuário logado com sucesso − respostas do servidor C: list S: 1 498 +OK S: 2 912 -ERR S: . C: retr 1 − fase de transação, cliente: S: <message 1 contents> S: . ●list: lista números de msg. C: dele 1 ●retr: recupera mensagem C: retr 2 por número S: <message 1 contents> ●dele: exclui S: . C: dele 2 ●quit C: quit S: +OK serv. POP3 desconectando Fundamentos de Redes de Computadores 15/32
  16. 16. POP3 e IMAPMais sobre POP3 IMAP − Exemplo anterior usa − Internet Message Access Protocol modo “download e excluir” − Mantém todas as mensagens em um local: − Bob não pode reler e- o servidor -mail se mudar o − Permite que o usuário cliente organize msgs em pastas − “Download-e-manter”: − IMAP mantém estado do cópias de usuário entre sessões: mensagens em − nomes de pastas e clientes diferentes mapeamento entre IDs de mensagem e nome de − POP3 é sem estado pasta entre as sessões Fundamentos de Redes de Computadores 16/32
  17. 17. DNS: Domain Name Systempessoas: muitos Domain Name System: identificadores: − banco de dados distribuído implementado na hierarquia − CPF, nome, passaporte de muitos servidores de nomeshospedeiros da Internet, − protocolo em nível de aplicação roteadores: hospedeiro, roteadores, servidores de nomes se − endereço IP (32 bits) – comunicam para resolver usado para endereçar nomes (tradução datagramas endereço/nome) − Nota: função básica da − “nome”, ex., Internet, implementada como www.yahoo.com – protocolo em nível de usado pelos humanos aplicaçãoP: Como mapear − complexidade na “borda” da rede endereço IP e nome? Fundamentos de Redes de Computadores 17/32
  18. 18. DNS: Domain Name SystemServiços de DNS Por que não centralizar o DNS? − único ponto de falha − tradução nome de hospedeiro -> endereço − volume de tráfego IP − banco de dados centralizado distante − apelidos de hospedeiro − manutenção − nomes canônicos − apelidos de servidor de correio Não é escalável! − distribuição de carga ● servidores Web replicados: conjunto de endereços IP para um nome canônico Fundamentos de Redes de Computadores 18/32
  19. 19. DNS: Banco de dados distribuído, hierárquicoCliente quer IP para www.amazon.com; 1ª aprox: − cliente consulta servidor raiz para achar servidor DNS com − cliente consulta servidor DNS com para obter servidor DNS amazon.com − cliente consulta servidor DNS amazon.com para obter endereço IP para www.amazon.com Servidores DNS raiz servs. DNS com servs. DNS org servs. DNS edu servs. DNS servs. DNS servs. DNS servs. DNS servs. DNS pbs.org poly.edu umass.edu yahoo.com amazon.com Fundamentos de Redes de Computadores 19/32
  20. 20. DNS: Servidores de nomes raizcontactados por servidores de nomes locais que não conseguem traduzir nomeservidores de nomes raiz: − contacta servidor de nomes com autoridade se o mapeamento não for conhecido − obtém mapeamento − retorna mapeamento ao servidor de nomes local 13 servidores de nomes raiz no mundo Fundamentos de Redes de Computadores 20/32
  21. 21. Teste a interação SMTP você mesmo: − Telnet nome-servidor 25 − Veja resposta 220 do servidor − Digite comandos HELO, MAIL FROM, RCPT TO, DATA, QUITisso permite que você envie e-mail sem usar o cliente de e-mail (leitor) Fundamentos de Redes de Computadores 21/32
  22. 22. TLD e servidores com autoridadeServidores de domínio de alto nível (TLD) : − responsáveis por com, org, net, edu etc. e todos os domínios de país de alto nível: br, uk, fr, ca, jp. − A Network Solutions mantém servidores para TLD .com − Educause para TLD .eduServidores DNS com autoridade: − servidores DNS da organização, provendo nome de hospedeiro com autoridade a mapeamentos IP para os servidores da organização (ex.:, Web, correio). − podem ser mantidos pela organização ou provedor de serviços Fundamentos de Redes de Computadores 22/32
  23. 23. Servidor de nomes localNão pertence estritamente à hierarquiaCada ISP (ISP residencial, empresa, universidade) tem um.Também chamado “servidor de nomes default”Quando hospedeiro faz consulta ao DNS, consulta é enviada ao seu servidor DNS localAtua como proxy, encaminha consulta para hierarquia Fundamentos de Redes de Computadores 23/32
  24. 24. Exemplo de resolução de nome DNShospedeiro em cis.poly.edu servidor DNS raiz 2 quer endereço IP para servidor DNS TLD gaia.cs.umass.edu 3 4consulta repetida: 5 − servidor contactado serv. DNS local dns.poly.edu responde com nome do 7 6 servidor a contactar 1 8 − “não conheço esse serv. DNS com autoridade nome, mas pergunte a dns.cs.umass.edu este servidor” hospedeiro solicitante cis.poly.edu gaia.cs.umass.edu Fundamentos de Redes de Computadores 24/32
  25. 25. Exemplo de resolução de nome DNSconsulta recursiva: serv. DNS raiz − coloca peso da 2 3 resolução de nome sobre o servidor de 7 6 nomes contactado serv. DNS TLD − carga pesada? serv. DNS local dns.poly.edu 5 4 1 8 serv. DNS com autoridade dns.cs.umass.edu hospedeiro solicitante cis.poly.edu gaia.cs.umass.edu Fundamentos de Redes de Computadores 25/32
  26. 26. DNS: caching e atualização de registrosQuando (qualquer) servidores de nomes descobre o mapeamento, ele o mantém em cache − entradas de cache esgotam um tempo limite (desaparecem) após algum tempo − servidores TLD normalmente são mantidos em caches nos servidores de nomes locais ● Assim, os servidores de nomes raiz não são consultados com frequênciaMecanismos de atualização/notificação em projeto na IETF − RFC 2136 − http://www.ietf.org/html.charters/dnsext-charter.html Fundamentos de Redes de Computadores 26/32
  27. 27. Registros de DNSDNS: banco de dados distribuído contendo registros de recursos (RR) formato do RR: (nome, valor, tipo, ttl)  Tipo = A  Tipo = CNAME  nome é o “hostname”  nome é apelido para algum  valor é o endereço IP nome “canônico” (real) www.ibm.com é na realidade ● Tipo = NS servereast.backup2.ibm.com − nome é o domínio (p. e.  valor é o nome canônico foo.com) − valor é o “hostname” do  Tipo = MX servidor de nomes com  valor é o nome do autoridade para este domínio servidor de correio associado ao nome Fundamentos de Redes de Computadores 27/32
  28. 28. Protocolo DNS, mensagenscabeçalho da mensagem − identificação: # de 16 bits para consulta; resposta usa mesmo # − flags: ● consulta ou resposta ● recursão desejada ● recursão disponível ● resposta é com autoridade Fundamentos de Redes de Computadores 28/32
  29. 29. Protocolo DNS, mensagens campos de nome e tipo para uma consulta RRs na resposta à consultaregistros para servidores com autoridade informação adicional“útil” que pode ser usada Fundamentos de Redes de Computadores 29/32
  30. 30. Inserindo registros no DNSExemplo: nova empresa “Network Utopia”Registre o nome networkuptopia.com na entidade registradora de DNS (exemplo:, Network Solutions) oferece nomes, endereços IP do servidor de nomes com − autoridade (primário e secundário) entidade insere dois RRs no servidor TLD com: − (networkutopia.com, dns1.networkutopia.com, NS) − (dns1.networkutopia.com, 212.212.212.1, A) −Crie registro Tipo A do servidor com autoridade para www.networkuptopia.com; registro Tipo MX para networkutopia.comComo as pessoas obtêm o endereço IP do seu site? Fundamentos de Redes de Computadores 30/32
  31. 31. Exercícios1.Descubra o servidor DNS da sua casa ou da escola. Fundamentos de Redes de Computadores 31/32
  32. 32. Slides baseados no material do livro Fundamento de Redes da Pearson Editora. Fundamentos de Redes de Computadores 32/32

×