Fundamento de Redes de Computadores              Aula 5       Camada de Aplicação
Notas da Aula✔    Como foi o laboratório do Wireshark?●                   Fundamentos de Redes de Computadores   2/43
Relembrando as Camadas     Fundamentos de Redes de Computadores   3/43
Princípios de Aplicações de Rede        Fundamentos de Redes de Computadores   4/43
Camada de Aplicação●   E-mail                              ●                                            Redes sociais●   W...
Criando uma aplicação de redeEscreva programas que executem                                              aplicação        ...
Arquiteturas de AplicaçãoCliente-servidor●    −        Incluindo centros de dados/cloud computingPeer-to-peer (P2P)●Híbrid...
Arquitetura Cliente-Servidorservidor:    −   hospedeiro sempre ligado    −   endereço IP permanente    −   server farms po...
Centro de Dados da Google●    Custo estimado do centro de dados: $600M●    Google gastou $2,4B em 2007 em novos    centros...
Arquitetura P2P Pura●    Nenhum servidor sempre    ligado●    Sistemas finais arbitrários    se comunicam diretamente●    ...
Híbrido de Cliente-Servidor e P2PSkype   −   aplicação P2P voice-over-IP P2P   −   servidor centralizado: achando endereço...
Processos se comunicando●    Processo: programa rodando dentro de um    hospedeiro●    No mesmo hospedeiro, dois processos...
Sockets                                             hospedeiro                           hospedeiro●   Processo envia/rece...
Endereçando processos● Para receber mensagens, processo           ●                                                 Identi...
Definições de protocolo da camada de aplicação●   Tipos de mensagens trocadas,     −   ex.: requisição, resposta●   Sintax...
Que serviço de transporte uma              aplicação precisa?Perda de dados   −   algumas apls. (p. e., áudio) podem toler...
Requisitos de serviço de transporte das          aplicações comuns       Aplicação Perda de dados             Vazão       ...
Serviços de protocolos de transporte da                InternetServiço TCP:   −   orientado a conexão: preparação exigida ...
Aplicações da Internet: aplicação, protocolos de                   transporte                     Protocolo da camada     ...
WEB e o HTTP●    Página Web consiste em objetos●    Objeto pode ser arquivo HTML, imagem JPEG,    applet Java, arquivo de ...
Visão geral do HTTPHTTP: HyperText                                                             req Transfer Protocol      ...
Visão geral do HTTPUsa TCP:                                  HTTP é “sem estado”   −   cliente inicia conexão TCP         ...
Conexões HTTPHTTP não persistente   −       no máximo um objeto é enviado por uma conexão        TCP.HTTP persistente   − ...
HTTP não persistente                             Suponha que o usuário digite o URL                      www.someSchool.ed...
HTTP não Persistente – Tempo de RespostaDefinição de RTT: tempo para um pequeno pacote trafegar do cliente ao servidor e r...
HTTP PersistenteProblemas do HTTP não persistente:   −   requer 2 RTTs por objeto   −   overhead do SO para cada conexão T...
Mensagem de requisição HTTPDois tipos de mensagens HTTP: requisição, respostaMensagem de requisição HTTP: ASCII (formato d...
Mensagem de requisição HTTP: formato geral             Fundamentos de Redes de Computadores   28/43
Upload da entrada do formulárioMétodo POST:   −       página Web geralmente inclui entrada do formulário   −       entrada...
Tipos de métodoHTTP/1.0                                   HTTP/1.1   −       GET                                          ...
Mensagem de resposta HTTP linha de status    (protocolocódigo de estado      HTTP/1.1 200 OKfrase de estado)      Connecti...
Códigos de estado da resposta HTTPPrimeira linha da mensagem de resposta servidor-  clienteAlguns exemplos de código:   − ...
Testando o HTTP (lado cliente) você mesmo1.Use Telnet para seu servidor Web favorito:                                    t...
Estado usuário-servidor: cookiesMuitos sites importantes               Exemplo: usam cookies                          ●   ...
Estado usuário-servidor: cookies         cliente                                                       servidor       ebay...
Estado usuário-servidor: cookiesO que os cookies podem ter:   −   autorização   −   carrinhos de compras   −   recomendaçõ...
Caches Web (servidor proxy)Objetivo: satisfazer a requisição do cliente sem envolver servidor de origem                   ...
Caches Web (servidor proxy)●    Cache atua como                    ●   Por que caching Web?    cliente e servidor         ...
Exemplo de CachingSuposições●   Tamanho médio do objeto =                                                  servidores    1...
Exemplo de Cachingsolução possível                                                                                  servid...
Exemplo de Cachingpossível solução: instalar cache●   Suponha que índice de acerto é 0,4                                  ...
Get Condicional●    Objetivo: não enviar objeto                                       cache                           serv...
Slides baseados no material do livro Fundamento          de Redes da Pearson Editora.               Fundamentos de Redes d...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aula 5 camada de aplicacao

3.324 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.324
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
103
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 5 camada de aplicacao

  1. 1. Fundamento de Redes de Computadores Aula 5 Camada de Aplicação
  2. 2. Notas da Aula✔ Como foi o laboratório do Wireshark?● Fundamentos de Redes de Computadores 2/43
  3. 3. Relembrando as Camadas Fundamentos de Redes de Computadores 3/43
  4. 4. Princípios de Aplicações de Rede Fundamentos de Redes de Computadores 4/43
  5. 5. Camada de Aplicação● E-mail ● Redes sociais● Web ● Voice over IP● Mensagem instantânea ● Vídeo conferência em● Login remoto tempo real● Compartilhamento de ● E-commerce arquivos P2P● Jogos em rede multiusuários● Clipes de vídeo armazenados em fluxo contínuo Fundamentos de Redes de Computadores 5/43
  6. 6. Criando uma aplicação de redeEscreva programas que executem aplicação transporte − em (diferentes) sistemas finais rede enlace − se comuniquem pela rede física − ex.:, software de servidor Web se comunica com software de navegador WebNão é preciso escrever software para dispositivos do núcleo da rede − dispositivos do núcleo da rede não aplicação executam aplicações do usuário transporte rede − as aplicações nos sistemas finais permitem enlace física rápido desenvolvimento e propagação application transport network data link physical Fundamentos de Redes de Computadores 6/43
  7. 7. Arquiteturas de AplicaçãoCliente-servidor● − Incluindo centros de dados/cloud computingPeer-to-peer (P2P)●Híbrida de cliente-servidor e P2P● Fundamentos de Redes de Computadores 7/43
  8. 8. Arquitetura Cliente-Servidorservidor: − hospedeiro sempre ligado − endereço IP permanente − server farms por expansãoclientes: − comunicam-se com o servidor − podem estar conectados intermitentemente cliente/servidor − podem ter endereços IP dinâmicos − não se comunicam diretamente entre si Fundamentos de Redes de Computadores 8/43
  9. 9. Centro de Dados da Google● Custo estimado do centro de dados: $600M● Google gastou $2,4B em 2007 em novos centros de dados● Cada centro de dados usa de 50 a 100 megawatts de potência Fundamentos de Redes de Computadores 9/43
  10. 10. Arquitetura P2P Pura● Nenhum servidor sempre ligado● Sistemas finais arbitrários se comunicam diretamente● Pares são conectados intermitentemente e mudam endereços IP peer-peer● altamente escalável, mas difícil de administrar Fundamentos de Redes de Computadores 10/43
  11. 11. Híbrido de Cliente-Servidor e P2PSkype − aplicação P2P voice-over-IP P2P − servidor centralizado: achando endereço da parte remota: − conexão cliente-cliente: direta (não através de servidor)Mensagem instantânea − bate-papo entre dois usuários é P2P − serviço centralizado: detecção/localização da presença do cliente ●usuário registra seu endereço IP com servidor central quando entra on-line ●usuário contacta servidor central para descobrir endereços IP dos parceiros Fundamentos de Redes de Computadores 11/43
  12. 12. Processos se comunicando● Processo: programa rodando dentro de um hospedeiro● No mesmo hospedeiro, dois processos se comunicam usando a comunicação entre processos (definida pelo SO).● Processos em hospedeiros diferentes se comunicam trocando mensagens processo cliente: processo que inicia a comunicação processo servidor: processo que espera para ser contactadoNota: aplicações com arquiteturas P2P têm processos clientes & processos servidores Fundamentos de Redes de Computadores 12/43
  13. 13. Sockets hospedeiro hospedeiro● Processo envia/recebe ou servidor ou servidor mensagens de/para seu socket controlado pelo desenvolvedor processo processo● Socket semelhante à porta da aplicação socket socket● Processo enviando empurra TCP com TCP com mensagem pela porta buffers, Internet buffers, variáveis variáveis● Processo enviando conta com infraestrutura de controlado transporte no outro lado da pelo OS porta, que leva a mensagem ao socket no processo receptor Fundamentos de Redes de Computadores 13/43
  14. 14. Endereçando processos● Para receber mensagens, processo ● Identificador inclui endereço IP deve ter identificador e números de porta● Dispositivo hospedeiro tem endereço associados ao processo no IP exclusivo de 32 bits hospedeiro.● Exercício: use ipconfig do comando ● Exemplos de número de porta: prompt para obter seu endereço IP (Windows) − servidor HTTP: 80● P: Basta o endereço IP do hospedeiro − servidor de correio: 25 em que o processo é executado para identificar o processo?● R: Não, muitos processos podem estar rodando no mesmo hospedeiro Fundamentos de Redes de Computadores 14/43
  15. 15. Definições de protocolo da camada de aplicação● Tipos de mensagens trocadas, − ex.: requisição, resposta● Sintaxe da mensagem: − que campos nas mensagens & como os campos são delineados● Semântica da mensagem − significado da informação nos campos● Regras de quando e como processos enviam & respondem a mensagens● Protocolos de domínio público: − definidos em RFCs − provê interoperabilidade − ex.: HTTP, SMTP, BitTorrent● Protocolos proprietários: − ex.: Skype, ppstream Fundamentos de Redes de Computadores 15/43
  16. 16. Que serviço de transporte uma aplicação precisa?Perda de dados − algumas apls. (p. e., áudio) podem tolerar alguma perda − outras apls. (p. e., transferência de arquivos, telnet) exigem transferência de dados 100% confiávelTemporização − algumas apls. (p. e., telefonia na Internet jogos interativos) exigem pouco atraso para serem “eficazes”Vazão − algumas apls. (p. e., multimídia) exigem um mínimo de vazão para serem “eficazes” − outras apls. (“apls. elásticas”) utilizam qualquer vazão que receberemSegurança − criptografia, integridade de dados,… Fundamentos de Redes de Computadores 16/43
  17. 17. Requisitos de serviço de transporte das aplicações comuns Aplicação Perda de dados Vazão Sensível ao tempo transf. arquivos sem perda elástica não e-mail sem perda elástica nãodocumentos Web sem perda elástica não áudio/vídeo tolerante a perda áudio: 5 kbps-1 Mbps sim, centenas de ms tempo real vídeo:10 kbps-5 Mbps áudio/vídeo tolerante a perda o mesmo que antes sim, alguns seg armazenado jogos interativos tolerante a perda poucos kbps ou mais sim, centenas de ms Mensagem sem perda elástica sim e não instantânea Fundamentos de Redes de Computadores 17/43
  18. 18. Serviços de protocolos de transporte da InternetServiço TCP: − orientado a conexão: preparação exigida entre processos cliente e servidor − transporte confiável entre processo emissor e receptor − controle de fluxo: emissor não sobrecarrega receptor − controle de congestionamento: regula emissor quando a rede está sobrecarregada − não oferece: temporização, garantias mínimas de vazão, segurançaServiço UDP: − transferência de dados não confiável entre processo emissor e receptor − não oferece: preparação da conexão, confiabilidade, controle de fluxo, controle de congestionamento, temporização, garantia de vazão ou segurança − Por que se incomodar? Por que existe um UDP? Fundamentos de Redes de Computadores 18/43
  19. 19. Aplicações da Internet: aplicação, protocolos de transporte Protocolo da camada Protocolo de Aplicação de aplicação transporte básico e-mail SMTP [RFC 2821] TCP acesso remoto Telnet [RFC 854] TCP Web HTTP [RFC 2616] TCPtransf. arquivos FTP [RFC 959] TCPmultimídia com HTTP (p. e., Youtube), TCP ou UDP fluxo contínuo RTP [RFC 1889] telefonia da SIP, RTP, proprietário Internet (p. e., Skype) normalmente UDP Fundamentos de Redes de Computadores 19/43
  20. 20. WEB e o HTTP● Página Web consiste em objetos● Objeto pode ser arquivo HTML, imagem JPEG, applet Java, arquivo de áudio,…● Página Web consiste em arquivo HTML básico que inclui vários objetos referenciados● Cada objeto é endereçavel por um URL http://www.fatecindaiatuba.edu.br/servicos_online/secr_academica/index.php Nome do Hospedeiro Nome do Caminho Fundamentos de Redes de Computadores 20/43
  21. 21. Visão geral do HTTPHTTP: HyperText req Transfer Protocol u isiç HT ão PC rodando res TP pos − protocolo da camada Mozilla ta H TTP de aplicação da Web P − modelo cliente/servidor H TT ição P Servidor uis HTT − cliente: navegador que req sta rodando po servidor Web res requisita, recebe, Apache “exibe” objetos Web Mac rodando − servidor: servidor Web Navigator envia objetos em resposta a requisições Fundamentos de Redes de Computadores 21/43
  22. 22. Visão geral do HTTPUsa TCP: HTTP é “sem estado” − cliente inicia conexão TCP − servidor não guarda (cria socket) com informações sobre servidor, porta 80 requisições passadas do cliente − servidor aceita conexão TCP do cliente −mensagens HTTP (do Protocolos que mantêm protocolo da camada de “estado” são complexos! aplicação) trocadas entre −história passada (estado) navegador (cliente HTTP) deve ser mantida e servidor Web (servidor −se servidor/cliente falhar, HTTP) suas visões do “estado” −conexão TCP fechada podem ser incoerentes, devem ser reconciliadas Fundamentos de Redes de Computadores 22/43
  23. 23. Conexões HTTPHTTP não persistente − no máximo um objeto é enviado por uma conexão TCP.HTTP persistente − múltiplos objetos podem ser enviados por uma única conexão TCP entre cliente e servidor. Fundamentos de Redes de Computadores 23/43
  24. 24. HTTP não persistente Suponha que o usuário digite o URL www.someSchool.edu/someDepartment/home.index 1a. Cliente HTTP inicia conexão TCP com servidor HTTP (processo) em 1b. Servidor HTTP no hospedeiro www.someSchool.edu na porta 80. www.someSchool.edu esperando conexão TCP na porta 80. “aceita” conexão, notificando cliente 2. Cliente HTTP envia mensagem de requisição HTTP (contendo URL) pelo socket de conexão TCP. Mensagem 3. Servidor HTTP recebe mensagem de indica que cliente deseja o objeto requisição, forma mensagem de someDepartment/home.index. resposta contendo objeto requisitado eTempo envia mensagem para seu socket 5. Cliente HTTP recebe mensagem de 4. Servidor HTTP fecha conexão TCP. resposta contendo arquivo html, exibe html. Analisando arquivo html, acha 10 objetos JPEG referenciados. 6. Etapas 1-5 repetidas para cada um dos 10 objetos JPEG. Fundamentos de Redes de Computadores 24/43
  25. 25. HTTP não Persistente – Tempo de RespostaDefinição de RTT: tempo para um pequeno pacote trafegar do cliente ao servidor e retornar. iniciatempo de resposta: conexão TCP RTT − um RTT para iniciar a conexão requisita TCP arquivo tempo para − um RTT para a requisição HTTP e RTT transmitir primeiros bytes da resposta HTTP arquivo arquivo retornarem recebido − tempo de transmissão de arquivo tempo tempo − total = 2RTT + tempo de transmissão Fundamentos de Redes de Computadores 25/43
  26. 26. HTTP PersistenteProblemas do HTTP não persistente: − requer 2 RTTs por objeto − overhead do SO para cada conexão TCP − navegadores geralmente abrem conexões TCP paralelas para buscar objetos referenciadosHTTP persistente: − servidor deixa a conexão aberta depois de enviar a resposta − mensagens HTTP seguintes entre cliente/servidor enviadas pela conexão aberta − cliente envia requisições assim que encontra um objeto referenciado − no mínimo um RTT para todos os objetos referenciados Fundamentos de Redes de Computadores 26/43
  27. 27. Mensagem de requisição HTTPDois tipos de mensagens HTTP: requisição, respostaMensagem de requisição HTTP: ASCII (formato de texto legível) linha de requisição (comandos GET, GET /somedir/page.html HTTP/1.1 POST, HEAD) Host: www.someschool.edu User-agent: Mozilla/4.0 linhas de Connection: close cabeçalho Accept-language:fr carriage return, (carriage return, line feed extras) line feed indica final da mensagem Fundamentos de Redes de Computadores 27/43
  28. 28. Mensagem de requisição HTTP: formato geral Fundamentos de Redes de Computadores 28/43
  29. 29. Upload da entrada do formulárioMétodo POST: − página Web geralmente inclui entrada do formulário − entrada é enviada ao servidor no corpo da entidadeMétodo do URL: − usa o método GET − entrada é enviada no campo de URL da linha de requisição: www.umsite.com/buscaanimal?macacos&banana Fundamentos de Redes de Computadores 29/43
  30. 30. Tipos de métodoHTTP/1.0 HTTP/1.1 − GET − GET, POST, HEAD − POST − PUT − HEAD ● envia arquivo no corpo da entidade ● pede ao servidor ao caminho para deixar objeto especificado no requisitado fora da campo de URL resposta − DELETE ● exclui arquivo especificado no campo de URL Fundamentos de Redes de Computadores 30/43
  31. 31. Mensagem de resposta HTTP linha de status (protocolocódigo de estado HTTP/1.1 200 OKfrase de estado) Connection close Date: Thu, 06 Aug 1998 12:00:15 GMT linhas de Server: Apache/1.3.0 (Unix) cabeçalho Last-Modified: Mon, 22 Jun 1998 …... Content-Length: 6821 Content-Type: text/htmldados, p. e., dados dados dados dados dados ...arquivo HTML requisitado Fundamentos de Redes de Computadores 31/43
  32. 32. Códigos de estado da resposta HTTPPrimeira linha da mensagem de resposta servidor- clienteAlguns exemplos de código: − 200 OK ● requisição bem-sucedida, objeto requisitado mais adiante − 301 Moved Permanently ● objeto requisitado movido, novo local especificado mais adiante na mensagem (Location:) − 400 Bad Request ● mensagem de requisição não entendida pelo servidor − 404 Not Found ● documento requisitado não localizado neste servidor − 505 HTTP Version Not Supported Fundamentos de Redes de Computadores 32/43
  33. 33. Testando o HTTP (lado cliente) você mesmo1.Use Telnet para seu servidor Web favorito: telnet cis.poly.edu 80 Abre conexão TCP com porta 80 (porta HTTP default do servidor) em cis.poly.edu. Qualquer coisa digitada é enviada à porta 80 em cis.poly.edu2.Digite uma requisição HTTP GET: GET /~ross/ HTTP/1.1 Host: cis.poly.edu Digitando isto (pressione carriage return duas vezes), você envia esta requisição GET mínima (mas completa) ao servidor HTTP3.Veja a mensagem de resposta enviada pelo servidor HTTP! Fundamentos de Redes de Computadores 33/43
  34. 34. Estado usuário-servidor: cookiesMuitos sites importantes Exemplo: usam cookies ● José sempre acessa aQuatro componentes: Internet pelo PC 1.Linha de cabeçalho de ● Visita um site de comércio cookie da mensagem de eletrônico pela primeira resposta HTTP vez 2.Linha de cabeçalho de ● Quando as primeiras cookie na mensagem de requisições HTTP chegam requisição HTTP ao site, este cria: 3.Arquivo de cookie na máquina do usuário, ● ID exclusivo controlado pelo ● Entrada no banco de dados navegador do usuário de apoio para o ID 4.Banco de dados de apoio no site Web Fundamentos de Redes de Computadores 34/43
  35. 35. Estado usuário-servidor: cookies cliente servidor ebay 8734 requisição http normalservidor Amazon arq. de cookie resposta http normal cria ID 1678 Set-cookie: 1678 para usuário cria ebay 8734 entrada amazon 1678 requisição http normal cookie: 1678 ação acessa específicauma semana depois: resposta http normal do cookie banco de dados de acessa apoio ebay 8734 requisição http normal amazon 1678 cookie: 1678 ação específica resposta http normal do cookie Fundamentos de Redes de Computadores 35/43
  36. 36. Estado usuário-servidor: cookiesO que os cookies podem ter: − autorização − carrinhos de compras − recomendações − estado da sessão do usuário (e-mail da Web)Como manter o “estado”: − extremidades do protocolo: mantêm estado no emissor/receptor por múltiplas transações − cookies: mensagens HTTP transportam estadoCookies e privacidade: − cookies permitem que os sites descubram muito sobre você − você pode fornecer nome e e-mail aos sites Fundamentos de Redes de Computadores 36/43
  37. 37. Caches Web (servidor proxy)Objetivo: satisfazer a requisição do cliente sem envolver servidor de origem servidor de origem● Usuário prepara navegador: acessos à Web via cache servidor sol ic . proxy TP HT HT Navegador envia todas as HT TP ic . TP● cliente TP res sol HT sta requisições HTTP ao cache pon se re spo objeto no cache: cache retorna TP − . HT P objeto s olic HTT o sta sp − ou cache requisita objeto do re servidor de origem, depois cliente retorna objeto ao cliente servidor de origem Fundamentos de Redes de Computadores 37/43
  38. 38. Caches Web (servidor proxy)● Cache atua como ● Por que caching Web? cliente e servidor ● Reduz tempo de resposta à requisição do cliente● Normalmente, cache é ● Reduz tráfego no enlace de instalado por ISP (da acesso de uma instituição universidade, ● Internet densa com caches: empresa, residencial) permite que provedores de conteúdo “fracos” remetam conteúdo efetivamente (mas o mesmo ocorre com compartilhamento de arquivos P2P) Fundamentos de Redes de Computadores 38/43
  39. 39. Exemplo de CachingSuposições● Tamanho médio do objeto = servidores 1.000.000 bits de origem● Taxa de requisição média dos Internet navegadores da instituição aos pública servidores de origem = 15Mb/s● Atraso do roteador institucional a qualquer servidor de origem e de enlace de acesso a 15 Mbps volta ao roteador = 2 s rede institucionalConsequências LAN de 100 Mbps● Utilização na LAN = 15%● Utilização no enlace de acesso = 100% cache institucional● Atraso total = atraso da Internet + atraso do acesso + atraso da LAN = 2 s + x minutos + y milissegundos Fundamentos de Redes de Computadores 39/43
  40. 40. Exemplo de Cachingsolução possível servidores● Aumentar largura de banda do de origem enlace de acesso para, digamos, 100 Mbps Internet públicaconsequência● Utilização na LAN = 15% enlace de● Utilização no enlace de acesso acesso a 100 Mbps = 15% rede institucional LAN de 100 Mbps● Atraso total = atraso da Internet + atraso do acesso + atraso da LAN = 2 s + x ms + y ms cache● Normalmente, uma atualização institucional dispendiosa Fundamentos de Redes de Computadores 40/43
  41. 41. Exemplo de Cachingpossível solução: instalar cache● Suponha que índice de acerto é 0,4 servidoresconsequência de origem● 40% de requisições serão satisfeitas Internet imediatamente pública● 60% de requisições satisfeitas pelo servidor de origem● Utilização do enlace de acesso reduzida para 60%, resultando em atrasos enlace de insignificantes (digamos, 10 ms) acesso a 15 Mbps rede Atraso médio total = atraso da Internet + institucional● LAN de 100 Mbps atraso de acesso + atraso da LAN = 0,6*(2,01) s + 0,4*milissegundos < 1,4 s cache institucional Fundamentos de Redes de Computadores 41/43
  42. 42. Get Condicional● Objetivo: não enviar objeto cache servidor se o cache tiver versão atualizada msg requisição HTTP If-modified-since:● Cache: especifica data da <data> objeto não cópia em cache na modificado resposta HTTP requisição HTTP HTTP/1.0 304 Not Modified If-modified-since: <data>● Servidor: resposta não msg requisição HTTP If-modified-since: contém objeto se a cópia <data> objeto em cache estiver modificado resposta HTTP atualizada: HTTP/1.0 200 OK <dados> HTTP/1.0 304 Not Modified Fundamentos de Redes de Computadores 42/43
  43. 43. Slides baseados no material do livro Fundamento de Redes da Pearson Editora. Fundamentos de Redes de Computadores 43/43

×