Plano Anual de Atividades - LEI ROUANET

534 visualizações

Publicada em

O Plano Anual de Atividades Culturais da Vocação estimula a experiência cultural de mais de 3 mil crianças, adolescentes e jovens em 22 comunidades de São Paulo, buscando contribuir para a construção de seus Projetos de Vida.

Publicada em: Educação
1 comentário
2 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
534
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
17
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
1
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Plano Anual de Atividades - LEI ROUANET

  1. 1. PROJETO DE RENÚNCIA FISCAL 4% do IR a pagar - Isenção 100% Lei Federal de Incentivo à Cultura| LEI ROUANET Valor total R$ 2.512.733,94 Fev 2016 – Dez 2016 Proponente: Ação Comunitária do Brasil - São Paulo
  2. 2. O Plano Anual de Atividades Culturais da Vocação estimula a experiência cultural de mais de 3 mil crianças, adolescentes e jovens em 22 comunidades de São Paulo, buscando contribuir para a construção de seus Projetos de Vida.
  3. 3. A Vocação é a nova Ação Comunitária do Brasil! A Vocação é uma ONG que busca desenvolver as habilidades e potencialidades de crianças, adolescentes, jovens e suas famílias por meio da implantação de projetos em comunidades, da criação de metodologias pedagógicas socioeducativas e da realização de cursos profissionalizantes. Nossos resultados fiscais são auditados pela KPMG. Comunidade Formação Trabalho
  4. 4. A Vocação está alinhada às 17 Metas Globais Para o Desenvolvimento Sustentável estabelecidas pela ONU em setembro de 2015, e colabora especialmente para que o Brasil consiga evoluir nos itens: Vocação pelas Metas Globais http://www.globalgoals.org/pt/
  5. 5. Região de Abrangência Características da região: Em 2014, A Vocação atendeu 4.068 crianças e adolescentes. Desse total, 12% vivem em favelas ou ocupações. 19% dos atendidos não possuem acesso a esgoto. 49% das crianças e adolescentes conviviam com mais de 4 pessoas na casa. 37% não viviam com os pais. Tal situação aponta a vulnerabilidade dos atendidos. A Vocação atua em rede com o envolvimento de mais 22 organizações sociais localizadas na Zona Sul de São Paulo e em dois municípios vizinhos. → Campo Limpo → M’Boi Mirim → Cidade Ademar → Capela do Socorro → São Paulo → Itapecerica da Serra → Embu-Guaçu Cidades: Subprefeituras:
  6. 6. O PROJETO O Plano Anual de Atividades Culturais da Vocação é a nova edição do projeto Som, Ritmo e Movimento. Há mais de 10 anos executamos projetos culturais em uma proposta de integrar educação e arte para colaborar com o futuro de milhares de crianças e adolescentes por meio da ampliação de seu universo cultural. Formação de educadores culturais Experiência e Vivência Intervenção cultural As atividades são desenvolvidas com base no repertório cultural do próprio atendido, estimulando-o a se tornar um agente ativo na produção da arte e impulsionando a democratização da cultura na comunidade. Eixos de Atuação
  7. 7. A criança não é uma tela em branco, ela tem as suas próprias vocações, suas próprias tintas, para colorir a sua vida. Ela só precisa do seu investimento!
  8. 8. → Apenas 1% do orçamento de SP é dedicado à cultura, índice inferior ao recomendado pela UNESCO – Munic, 2006 → A média de satisfação com atividades culturais em São Paulo recebeu a nota 4,5 em uma escala de 0 a 10 – IRBEM 2014 → 19% dos paulistanos não considera a cultura um fator importante para sua qualidade de vida – IRBEM 2014 → As subprefeituras localizadas na periferia de São Paulo são as mais prejudicadas com a falta de acesso a cultura. – Rede Nossa São Paulo 2012 →As ofertas de espaços e centros culturais estão concentradas nas regiões centrais do município de São Paulo. JUSTIFICATIVA
  9. 9. ATIVIDADES Linguagens artísticas trabalhadas: Artes Plásticas Manifestações popularesArtes Cênicas → Ateliês de expressão – vivências em diversas linguagens, como a música, o desenho, a pintura e as artes do corpo; → Jogos teatrais e cultura lúdica – atividades que exercitam as habilidades criativas e o desenvolvimento de saberes culturais; → Formação de educadores; → Visitas a museus e centros culturais; Estratégias: Assim como uma pintura é única, nossas atividades culturais também são. Cada comunidade tem necessidades e expectativas específicas, portanto nosso projeto se adapta a realidade de cada local.
  10. 10. METAS → Crescimento dos níveis de letramento de 100% das crianças e adolescentes, por meio de experimentações artísticas e vivências culturais; → Educadores culturais capazes de criar situações de aprendizagem que possibilitem o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes de 06 a 18 anos; → Crianças e adolescentes com 30% a mais de competências desenvolvidas nas áreas de comunicação oral, leitura, arte e escrita; → 50% de evolução no nível de protagonismo infanto-juvenil; → Evolução de 50 % no nível de participação dos adolescentes em ações de interesse coletivo. As ações realizadas no projeto transformam a realidade dos atendidos e geram impactos positivos comprovados na comunidade.
  11. 11. O SAMIS, Sistema de Avaliação de Mudanças e Impactos Sociais, é um modelo pedagógico de mensuração de resultados desenvolvido pela Vocação e aplicado regularmente a 100% dos atendidos, com o objetivo de acompanhar a evolução individual e monitorar o andamento das atividades. A metodologia de avaliação é baseada nos Quatro Pilares da Educação do relatório para a UNESCO da Comissão Internacional sobre Educação para o Século XXI: Aprender a Ser, Aprender a Conviver, Aprender a Conhecer e Aprender a Fazer. Acompanhamento Sistemático Formação de Educadores 1º MOMENTO Avaliação Diagnóstica Plano de Ação Participativo Análise de Desempenho e Resultados 2º MOMENTO Avaliação Final Prestação de Contas a Parceiros Avaliação Externa mensura todo o processo Avaliação Externa mensura todo o processo MATRÍCULA RESULTADOS
  12. 12. BENEFÍCIOS OURO PRATA BRONZE + R$350.000 + R$150.000 + R$18.000 SEJA UM PARCEIRO! CONFIRA AS CONTRAPARTIDAS: → Apoio e fornecimento de conteúdo para produção de releases e materiais de comunicação → Convite para participação em eventos e seminários → Desconto em cotas do Torneio Beneficente de Golfe da Vocação → Divulgação da marca do parceiro no relatório anual, site, e prédio da Vocação → E-mail marketing divulgando a parceria para o mailing Vocação → Suporte para criação de ações de voluntariado corporativo → Utilização da marca “Vocação” e “Parceiro em Ação” nos materiais do parceiro Cotas a partir de:
  13. 13. BENEFÍCIOS Sua marca presente em cinco Mostras Culturais Regionais da Vocação → Exposição de marca em todos os materiais de comunicação do evento: banners, folhetos e e-mail marketing. → Exposição de marca em vídeo do evento; → Menção em release enviado a imprensa; → Menção de abertura; → Direito à distribuição de materiais promocionais em kit para o público; → Convites para parceiros; → Espaço para stand;
  14. 14. COMO APOIAR A empresa pode destinar até 4% do seu imposto de renda a pagar, podendo abater 100% do valor doado. LEI ROUANET Banco do Brasil 001 Ag: 3063-5 C/C 43618-6 Ação Comunitária do Brasil – SP CNPJ: 61.750.246/0001-75 A doação deve ser feita até dia 30/12 do ano vigente para ser abatida! Para patrocinar, basta efetuar o depósito e encaminhar o comprovante para a Vocação para receber seu recibo em até 5 dias, prazo legal para emissão.
  15. 15. Celso Freitas Superintendente 11 5843 2902 | 9 7605 4477 celso@vocacao.org.br Maurício Guimarães Gerente de Mobilização de Recursos, Relacionamento e Marketing 11 5843 2911 | 9 7605 4309 mauricio@vocacao.org.br Paulo Katahira Coordenador de Mobilização de Recursos 11 5843 2913 | 9 9526 8047 paulo@vocacao.org.br Vocação Rua Amacás, 243 - Campo Limpo São Paulo - 05792-030 (11) 5843-2900 www.vocacao.org.br www.facebook.com/vocacao.oficial

×