Escultura e Pintura gótica

http://divulgacaohistoria.wordpress.com/
A Escultura Gótica

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

2
Principais características da escultura gótica:
Proporcionalidade;
Expressividade;
Humanização;
Naturalismo;
Maior liberda...
Gótico inicial

Gótico pleno

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

4
Gótico inicial
Gótico inicial:
Estátuas em pose rígida e pouco natural;
Os rostos vão-se individualizando;
As esculturas s...
Gótico pleno
Gótico pleno (século XIII/XIV)
Estátuas ( e relevos) mais naturalistas e
realistas;
Pose em “S”, quase em con...
A escultura gótica atingiu o seu auge, em Itália, com Nicola e
Giovanni Pisano
Nicola Pisano, Natividade

HCA, Curso Turis...
Nicola e Giovanni Pisano, Natividade

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

8
Giovanni Pisano, Madona

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

9
Nos finais do século XIV e XV, fruto da Peste Negra e da crise
religiosa surge uma representação onde a dor e o sofrimento...
A escultura decorativa: as fachadas e portais das catedrais

Catedral de Reims

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

11
Catedral de Chartres

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

12
Horror ao vazio;
Estátuas, relevos, pináculos, flechas, rosáceas, vitrais;
Um dos elementos fundamentais é o tímpano dos p...
A Arte de decorar os portais atingiu o seu auge em Amiens

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

14
HCA, Curso Turismo, Módulo 4

15
Em contraste com o exterior
o interior é discreto – limitase aos púlpitos e capitéis

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

16
Estátuas jacentes

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

17
No século XIII tornou-se moda as estátuas jacentes – decorando
os túmulos;
A evolução é semelhante – evoluiu no sentido de...
Pintura Gótica

Final do século XIII é agitado:
Papa em Avinhão, declínio do sistema feudal;
O gótico final revela preocup...
Pintura evolui a partir de 4 técnicas distintas:
Vitral;
Iluminura;
Pintura sobre madeira (Flandres);
Fresco (Itália)

HCA...
A pintura do século XIV, foi chamada de Estilo Internacional ou
Estilo 1400;
Várias influências e gostos:
Bizantinas (dour...
Vitral

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

22
Apogeu entre 1200 e 1600;
Substituiu a pintura mural;
A essência é a luz e provocar o êxtase religioso;
Temática religiosa...
A iluminura

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

24
As iluminuras passaram a ser realizadas por iluminadores
profissionais nas cidades;
Mais realista, mas interessou-se tardi...
Retábulo (Díptico)
Melchior Broederlam

Díptico de Wilton

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

26
O Estilo Internacional também se executou
Pintura mural (embora as igrejas tivessem poucas paredes) e
sobre madeira (retáb...
Retábulos
Díptico, Tríptico, Políptico

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

28
A pintura em Itália

As igrejas italianas tinham poucas janelas;
As cidades italianas tornaram-se cidades-estado, Florença...
Cimabue (c. 1240-13029 Maestá

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

30
Duccio (c. 1255-1318),
Entrada de Cristo em Jerusalém

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

31
Cimabue e Duccio iniciaram a renovação da pintura, sobretudo
pela rutura com a tradição bizantina
Introduzem na pintura um...
O grande génio da pintura gótica italiana é Giotto, aluno de Cimabue
(c. 1267-1337)

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

33
HCA, Curso Turismo, Módulo 4

34
Giotto, capela dos Scroveni

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

35
HCA, Curso Turismo, Módulo 4

36
HCA, Curso Turismo, Módulo 4

37
HCA, Curso Turismo, Módulo 4

38
Giotto, famoso na época;
Foi o primeiro a tentar pintar em perspetiva, procurando
representar a terceira dimensão;
Procura...
HCA, Curso Turismo, Módulo 4

40
Irmãos Lorenzetti, revelam influências de Giotto

Ambrogio Lorenzetti,
O Bom governo da cidade (1338-40)

HCA, Curso Turis...
Obra pintada no Palácio Público de Siena;
Em finais do século XIII, Siena era uma das mais prósperas repúblicas
italianas;...
Na Flandres desenvolve-se um gótico mais tardio (século XV)
Inventaram a técnica do óleo:
Seca lentamente, podia ser retoc...
Mestre Flémalle, A Virgem e o Menino

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

44
Mestre Flémalle, A Virgem e o Menino

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

45
Rogier van der Weyden (c. 1400 – 1464),
Tríptico de Columba

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

46
Pintam as cenas religiosas com um enquadramento de
atualidade;
Grande preocupação com o pormenor;
Retrato com grande reali...
Jan van Eyck
(1390 – 1441),
O casamento dos
Arnolfini

Simbolismos: o cão, os
pés descalços, a cama, os
frutos, etc.

HCA,...
HCA, Curso Turismo, Módulo 4

49
Jan van Eyck, A anunciação

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

50
Jan van Eyck, Políptico, 1432

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

51
HCA, Curso Turismo, Módulo 4

52
HCA, Curso Turismo, Módulo 4

53
Jan van Eyck (c. 1390-1441), foi o grande divulgador da técnica
do óleo;
É considerado o grande génio da pintura flamenga ...
Hugo van der Goes , Tríptico dos Portinari

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

55
Hieronymus Bosch (c. 1450-1516),
Cristo carregando a cruz

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

56
H.Bosch, A Morte do avarento

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

57
H.Bosch,
A Morte do Condenado

HCA, Curso Turismo, Módulo 4

58
Pintor de visões macabras e apocalípticas, sem paralelo no seu
tempo;
Imagens fantásticas e bizarras;
A presença do pecado...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

03 escultura e pintura gótica

8.918 visualizações

Publicada em

gótico, arte gótica, pintura gótica, escultura gótica

Publicada em: Educação
0 comentários
11 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.918
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2.167
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
11
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

03 escultura e pintura gótica

  1. 1. Escultura e Pintura gótica http://divulgacaohistoria.wordpress.com/
  2. 2. A Escultura Gótica HCA, Curso Turismo, Módulo 4 2
  3. 3. Principais características da escultura gótica: Proporcionalidade; Expressividade; Humanização; Naturalismo; Maior liberdade criativa; Mensagem: doçura, beleza, graciosidade, desejo de viver; A escultura era realizada nas oficinas e depois colocada (pousada) nos seus lugares. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 3
  4. 4. Gótico inicial Gótico pleno HCA, Curso Turismo, Módulo 4 4
  5. 5. Gótico inicial Gótico inicial: Estátuas em pose rígida e pouco natural; Os rostos vão-se individualizando; As esculturas são coloridas com cores convencionais e simbólicas: Cabelos louros, vestes policromadas, etc. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 5
  6. 6. Gótico pleno Gótico pleno (século XIII/XIV) Estátuas ( e relevos) mais naturalistas e realistas; Pose em “S”, quase em contraposto Maior correção anatómica; Os rostos (com mais pormenores) refletem sensibilidade, ternura – é a humanização do céu; A expressão procura exprimir a perfeição espiritual. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 6
  7. 7. A escultura gótica atingiu o seu auge, em Itália, com Nicola e Giovanni Pisano Nicola Pisano, Natividade HCA, Curso Turismo, Módulo 4 7
  8. 8. Nicola e Giovanni Pisano, Natividade HCA, Curso Turismo, Módulo 4 8
  9. 9. Giovanni Pisano, Madona HCA, Curso Turismo, Módulo 4 9
  10. 10. Nos finais do século XIV e XV, fruto da Peste Negra e da crise religiosa surge uma representação onde a dor e o sofrimento transparecem, sobretudo na Alemanha; Pietà da Renânia, XV HCA, Curso Turismo, Módulo 4 10
  11. 11. A escultura decorativa: as fachadas e portais das catedrais Catedral de Reims HCA, Curso Turismo, Módulo 4 11
  12. 12. Catedral de Chartres HCA, Curso Turismo, Módulo 4 12
  13. 13. Horror ao vazio; Estátuas, relevos, pináculos, flechas, rosáceas, vitrais; Um dos elementos fundamentais é o tímpano dos portais, agora com gablete; Temas: Cristo em Majestade, Juízo Final, Nascimento de Cristo, episódios da Vida de Santos. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 13
  14. 14. A Arte de decorar os portais atingiu o seu auge em Amiens HCA, Curso Turismo, Módulo 4 14
  15. 15. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 15
  16. 16. Em contraste com o exterior o interior é discreto – limitase aos púlpitos e capitéis HCA, Curso Turismo, Módulo 4 16
  17. 17. Estátuas jacentes HCA, Curso Turismo, Módulo 4 17
  18. 18. No século XIII tornou-se moda as estátuas jacentes – decorando os túmulos; A evolução é semelhante – evoluiu no sentido de um maior naturalismo e expressividade. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 18
  19. 19. Pintura Gótica Final do século XIII é agitado: Papa em Avinhão, declínio do sistema feudal; O gótico final revela preocupações humanistas; Na escultura com Nicola e Giovanni Pisano. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 19
  20. 20. Pintura evolui a partir de 4 técnicas distintas: Vitral; Iluminura; Pintura sobre madeira (Flandres); Fresco (Itália) HCA, Curso Turismo, Módulo 4 20
  21. 21. A pintura do século XIV, foi chamada de Estilo Internacional ou Estilo 1400; Várias influências e gostos: Bizantinas (dourados); Realismo e verismo; Nova conceção espacial (Itália); Refinado tratamento técnico (Flandres) HCA, Curso Turismo, Módulo 4 21
  22. 22. Vitral HCA, Curso Turismo, Módulo 4 22
  23. 23. Apogeu entre 1200 e 1600; Substituiu a pintura mural; A essência é a luz e provocar o êxtase religioso; Temática religiosa; Formas simples e lineares, contornadas por fios de chumbo. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 23
  24. 24. A iluminura HCA, Curso Turismo, Módulo 4 24
  25. 25. As iluminuras passaram a ser realizadas por iluminadores profissionais nas cidades; Mais realista, mas interessou-se tardiamente pela representação do espaço, isto é, tentar representar em perspetiva; Temática essencialmente religiosa; Divulgação dos Livros de Horas; Riqueza cromática. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 25
  26. 26. Retábulo (Díptico) Melchior Broederlam Díptico de Wilton HCA, Curso Turismo, Módulo 4 26
  27. 27. O Estilo Internacional também se executou Pintura mural (embora as igrejas tivessem poucas paredes) e sobre madeira (retábulos). HCA, Curso Turismo, Módulo 4 27
  28. 28. Retábulos Díptico, Tríptico, Políptico HCA, Curso Turismo, Módulo 4 28
  29. 29. A pintura em Itália As igrejas italianas tinham poucas janelas; As cidades italianas tornaram-se cidades-estado, Florença, Veneza, Milão, Pisa, etc.; Prosperidade económica; Grande desenvolvimento artístico; Desenvolvimento do humanismo. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 29
  30. 30. Cimabue (c. 1240-13029 Maestá HCA, Curso Turismo, Módulo 4 30
  31. 31. Duccio (c. 1255-1318), Entrada de Cristo em Jerusalém HCA, Curso Turismo, Módulo 4 31
  32. 32. Cimabue e Duccio iniciaram a renovação da pintura, sobretudo pela rutura com a tradição bizantina Introduzem na pintura uma maior naturalidade HCA, Curso Turismo, Módulo 4 32
  33. 33. O grande génio da pintura gótica italiana é Giotto, aluno de Cimabue (c. 1267-1337) HCA, Curso Turismo, Módulo 4 33
  34. 34. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 34
  35. 35. Giotto, capela dos Scroveni HCA, Curso Turismo, Módulo 4 35
  36. 36. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 36
  37. 37. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 37
  38. 38. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 38
  39. 39. Giotto, famoso na época; Foi o primeiro a tentar pintar em perspetiva, procurando representar a terceira dimensão; Procura pintar os objetos como os vemos; Pintura expressiva; Foi o principal pioneiro daquilo que viria a ser a maior revolução na arte – O Renascimento do século XV. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 39
  40. 40. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 40
  41. 41. Irmãos Lorenzetti, revelam influências de Giotto Ambrogio Lorenzetti, O Bom governo da cidade (1338-40) HCA, Curso Turismo, Módulo 4 41
  42. 42. Obra pintada no Palácio Público de Siena; Em finais do século XIII, Siena era uma das mais prósperas repúblicas italianas; Expulsou os nobres da cidade e era governada pela burguesia mercantil; O tema deste fresco celebra o resultado dessa governação; Mostra-nos a vida quotidiana da cidade, próspera, fruto do bom governo. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 42
  43. 43. Na Flandres desenvolve-se um gótico mais tardio (século XV) Inventaram a técnica do óleo: Seca lentamente, podia ser retocada; Tornava possível as velaturas (transparências); Empastes (grande espessura de tinta); Gradações cromáticas. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 43
  44. 44. Mestre Flémalle, A Virgem e o Menino HCA, Curso Turismo, Módulo 4 44
  45. 45. Mestre Flémalle, A Virgem e o Menino HCA, Curso Turismo, Módulo 4 45
  46. 46. Rogier van der Weyden (c. 1400 – 1464), Tríptico de Columba HCA, Curso Turismo, Módulo 4 46
  47. 47. Pintam as cenas religiosas com um enquadramento de atualidade; Grande preocupação com o pormenor; Retrato com grande realismo; No entanto mantém a simbologia medieval. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 47
  48. 48. Jan van Eyck (1390 – 1441), O casamento dos Arnolfini Simbolismos: o cão, os pés descalços, a cama, os frutos, etc. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 48
  49. 49. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 49
  50. 50. Jan van Eyck, A anunciação HCA, Curso Turismo, Módulo 4 50
  51. 51. Jan van Eyck, Políptico, 1432 HCA, Curso Turismo, Módulo 4 51
  52. 52. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 52
  53. 53. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 53
  54. 54. Jan van Eyck (c. 1390-1441), foi o grande divulgador da técnica do óleo; É considerado o grande génio da pintura flamenga do século XV; O irmão Hubert van Eyck, também foi um pintor de renome. HCA, Curso Turismo, Módulo 4 54
  55. 55. Hugo van der Goes , Tríptico dos Portinari HCA, Curso Turismo, Módulo 4 55
  56. 56. Hieronymus Bosch (c. 1450-1516), Cristo carregando a cruz HCA, Curso Turismo, Módulo 4 56
  57. 57. H.Bosch, A Morte do avarento HCA, Curso Turismo, Módulo 4 57
  58. 58. H.Bosch, A Morte do Condenado HCA, Curso Turismo, Módulo 4 58
  59. 59. Pintor de visões macabras e apocalípticas, sem paralelo no seu tempo; Imagens fantásticas e bizarras; A presença do pecado e a condenação; Sermões visuais. Esta a apresentação foi construída tendo por base o manual, História da Cultura e das Artes,, Ana Lídia Pinto e outros, Porto Editora, 2011 HCA, Curso Turismo, Módulo 4 59

×