Trabalho realizado por: Gonçalo Alves Nº13 6ºA No âmbito da disciplina de : Área de projecto Professores: Virgílio Silva I...
Nos últimos anos, arquitectos, designers e decoradores voltaram a interessar-se pelos materiais naturais, entre os quais o...
São precisos 25 anos até que um tronco de sobreiro comece a produzir cortiça e a ser rentável. Cada tronco tem que atingir...
http://www.apcor.pt/nova_videoteca2.php?PHPSESSID=0c426f0a413ad8092610e36d06521662
A cortiça é a casca do sobreiro ( Quercus Suber   L ), uma árvore nobre com características muito especiais e que cresce n...
A indústria portuguesa de cortiça inaugurou um novo paradigma de gestão industrial, verticalizando-se para atingir o contr...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Area Projecto cortiça

492 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
492
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Area Projecto cortiça

  1. 1. Trabalho realizado por: Gonçalo Alves Nº13 6ºA No âmbito da disciplina de : Área de projecto Professores: Virgílio Silva Isidro
  2. 2. Nos últimos anos, arquitectos, designers e decoradores voltaram a interessar-se pelos materiais naturais, entre os quais os de cortiça, que na multiplicidade dos produtos de decoração existentes com diferentes texturas, tons e cores, permitem a criação de ambientes originais para as mais diversas utilizações As rolhas de cortiça apresentam-se em sete categorias: Rolha Natural Rolha Natural multipeça Rolhas naturais colmatadas Rolha de champanhe Rolha técnica Rolha aglomerada Rolhas capsuladas
  3. 3. São precisos 25 anos até que um tronco de sobreiro comece a produzir cortiça e a ser rentável. Cada tronco tem que atingir um perímetro de cerca de 70 cm quando medido a 1,5 metro do chão. A partir de então, a sua exploração durará em média 150 anos Neste primeiro descortiçamento, a chamada desbóia, obtém-se uma cortiça de estrutura muito irregular e com uma dureza que se torna difícil de trabalhar. É a chamada cortiça virgem que será utilizada em outras aplicações que não as rolhas (pavimentos, isolamentos etc.), pois está longe de apresentar a qualidade necessária para esse fim.
  4. 4. http://www.apcor.pt/nova_videoteca2.php?PHPSESSID=0c426f0a413ad8092610e36d06521662
  5. 5. A cortiça é a casca do sobreiro ( Quercus Suber L ), uma árvore nobre com características muito especiais e que cresce nas regiões mediterrânicas como Espanha, Itália, França, Marrocos, Argélia e, sobretudo, Portugal, onde existem mais de 720 mil hectares de montado de sobro, bem como uma indústria corticeira de grande importância económica Este tecido vegetal que o Homem recolhe tão cuidadosamente - a cortiça - possui qualidades únicas , inigualáveis e que até hoje nenhum engenho humano conseguiu imitar ou ultrapassar: muito leve impermeável a líquidos e a gases elástica e compressível um excelente isolante térmico e acústico combustão lenta muito resistente ao atrito
  6. 6. A indústria portuguesa de cortiça inaugurou um novo paradigma de gestão industrial, verticalizando-se para atingir o controlo de toda a cadeia de valor e, aproximando-se, simultaneamente, dos pólos de produção florestal e dos utilizadores finais

×